Sie sind auf Seite 1von 1

A histria das Coisas

Nesse trabalho vi professor que revela as conexes entre diversos problemas ambientais e sociais, e um alerta pela urgncia em criarmos um mundo mais sustentvel e justo. um aviso rapido, que muitos j ouviram, leram e relataram sobre. contece que por ser a realidade preocupante, torna!se . "a extra#$o e produ#$o at a venda, consumo e descarte, todos os produtos em nossa vida afetam comunidades em diversos pa%ses, em diversas realidades, a maior parte delas longe de nossos olhos. &a#o parte desta sociedade e assim, a destruo tambm 'omos bombardeados de informa#es todos os dias de nossas vidas, de an(ncios, de produtos novos, que nos deixam mais feli)es por receber no fim do ms e poder obte!los. 'ociedade possessiva, extremamente consumista e autodestruidora. *laro, existem as exce#es, mas me refiro aos meus imaginveis ++, da popula#$o mundial. lis, me refiro a quem tem condi#es de comprar, pois, os que n$o tem, se tivessem penso que agiriam das mesma forma. gora, a frase mais clich ainda- .cada um deve fa)er a sua parte./ a mais pura verdade, mas a mais dif%cil. t$o imposs%vel para alguns colocar o papel de chiclete no lixo, ou guarda!lo no bolso at encontrar uma lixeira. "e pouco vai para muito. "o simples papel de chiclete, pode resultar contribuidores para enchentes. 0ntupimentos nos bueiros das ruas, chuva cida, efeito estufa, ou seja, nossa sociedade atualmente. partir do v%deo, notei que n$o basta apenas reciclarmos, o que me impressionou, afinal pensei que fa)endo isso contribuir%amos muito para o mundo. Na situa#$o em que estamos nem isso. 1 pr2prio lixo reciclado causa problemas ambientais. N$o o dinheiro que paga pelos nossos bens, mas sim o esfor#o das pessoas, a perda de nossos ecossistemas, o aumento das doen#as e mortes devido as demais, o futuro de crian#as que deixam de estudar para trabalhar... lgo no qual n$o temos que conviver como o ar, como os sentimentos etc. lgo que quando o homem nasceu n$o existia, n2s o fi)emos existir. *omo tudo que sai de um jeito, entrou do mesmo, temos de reverter esta situa#$o. 0 isso, parte de cada um querer. 3uem sabe substituir o consumo excessivo pela preserva#$o do ambiente, da vida, ou seja, pela preserva#$o de si mesmos?

Crislaene Maria da Rocha Serie:2 ano b2 vespertino Prof: robson