Sie sind auf Seite 1von 1

Objeto de Amar

Adlia Prado

De tal ordem e to precioso o que devo dizer-lhes que no posso


guard-lo sem que me oprima a sensao de um roubo: cu lindo!
Fazei o que puderdes com esta ddiva. Quanto a mim dou graas pelo
que agora sei e, mais que perdo, eu amo.