Sie sind auf Seite 1von 3

Actividade 7 - Teoria da Probabilidade

1. Para decidir sobre o prémio a aplicar num determinado seguro, as seguradoras usam o princı́pio
exponencial seguinte: se a v.a. X representar a quantidade que a companhia tem de pagar por uma
determinada queixa, então o prémio cobrado será deteminado por
1 ¡ ¡ ¢¢
Prémio = ln E eaX ,
a
onde a é uma constante positiva. Se a v.a. X seguir uma distribuição exponencial de valor médio
2,000 euros e a = 12 λ, sendo λ o parâmetro da distribuição exponencial, determine o valor do
prémio a pagar.

2. Se um ponto está aleatoriamente localizado no intervalo (a, b), e Y é a v.a. que representa a
posição desse ponto, então a v.a. Y tem uma distribuição uniforme no intervalo (a, b). O inspector
Serafim com o objectivo de observar a produção e hábitos dos trabalhadores na fábrica Mar e Sol,
escolhe aleatoriamente uma posição numa linha de produção com 50 metros. Qual a probabilidade
do Serafim:

(a) estar no máximo a 3 metros do fim da linha de produção?


(b) não estar a mais de 3 metros do inı́cio da linha de produção?
(c) estar mais perto do inı́cio que do fim da linha de produção?

3. Começando à meia noite (00:00), um centro informático terá o seguinte esquema cı́clico de traba-
lho: está ligado 1 hora e depois desligado 2 horas. A Manuela desconhecendo o seu horário de
funcionamento telefonará aleatoriamente para o centro entre as 00:00 e as 5:00.
Qual a probabilidade da Manuela encontrar o centro a funcionar?

4. Se Z é uma variável aletória N (0, 1), determine as seguintes probabilidades e quantis, e represente-
os num gráfico apropriado.

(a) P (0 ≤ Z ≤ 1.2).
(b) P (−0.2 ≤ Z ≤ 0.2).
(c) P (−1.56 ≤ Z ≤ 1).
(d) Determine os valores de z0 tais que a P (Z > z0 ) = 0.5 e P (−z0 < Z < z0 ) = 0.99,
respectivamente.

5. A empresa Laranjita produz garrafas de 125 ml de sumo de laranja, utilizando para tal uma
máquina automática. Contudo é natural que nem sempre esta máquina deposite a mesma quan-
tidade de sumo de laranja nas garrafas. Determinou-se que a quantidade de sumo depositado em
cada garrafa segue uma distribuição normal com valor médio igual a 125 ml e desvio padrão 10
ml. Qual a proporção de garrafas que conterão mais de 135 ml de sumo de laranja?

1
6. O tempo necessário para terminar uma obra no centro histórico de Guimarães é bem representado
por uma v.a. X com distribuição exponencial de valor médio igual a 10 meses. A seguinte fórmula
C = 100+40X +3X 2 representa o custo final da obra em euros como função do tempo que levará
a obra a ser completada. Determine o valor médio e o desvio padrão da v.a. C.

7. Admita que a percentagem de álcool num determinado composto é uma v.a. com f.d.p. f (x)
representada no gráfico seguinte.

(a) Calcule c, e escreva a expressão analı́tica de f (x) .


(b) Calcule P (X > 10) .
(c) Determine a f.d. de X e verifique o resultado determinado em (b).

8. Seja T a v.a. que representa a duração de vida (em horas) de uma bactéria de certo tipo, e admita
que T tem distribuição exponencial com valor médio 2.

(a) Calcule a probabilidade de uma bactérea desse tipo durar entre 1 a 2 horas.
(b) Calcule a mediana da duração de vida deste tipo de bactéria.

9. O salário dos trabalhadores de uma determinada empresa tem distribuição normal com valor espe-
rado de 750 euros e desvio padrão de 100 euros. Determine:

(a) A proporção de trabalhadores com salário inferior a 600 euros.


(b) A probabilidade de um trabalhador escolhido aleatoriamente ter um salário entre 700 a 800
euros.

10. Considere a v.a. X que representa o tempo que um aluno fica na cama após ouvir o seu despertador.
Suponha que a v.a. X tem uma distribuição normal de valor médio 15 minutos e variância igual a
100 minutos2

(a) Represente graficamente a função densidade de probabilidade (f.d.p.) da v.a. X.


(b) Sabendo que se passaram 5 minutos após o despertador ter tocado, determine a probabilidade
de um aluno escolhido aleatoriamente não demorar mais do que 5 minutos adicionais para
sair da cama.

2
11. Admita que 24.2% dos alunos obtêm nota superior a 12.5 num exame, e que a distribuição de notas
dos alunos no exame é normal com valor médio 9.7.

(a) Qual o desvio padrão da distribuição?


(b) Sabendo que um certo aluno tem nota superior a 9.7, qual a probabilidade de ter menos que
12.5?