You are on page 1of 2

MUSICOTERAPIA, UMA NOVA TENDÊNCIA NAS ORGANIZAÇÕES

Empresas reconhecidas apresentam como traço comum a utilização de uma nova


tendência. O pressuposto para as organizações sobreviverem, crescerem e se
desenvolverem num ambiente de mudança que veio para ficar, é contar com líderes de
competência mais social e humano do que técnico; que levem as pessoas individualmente e
em grupo a tornarem-se auto- motivados, conscientes e identificadas com os objetivos das
organizações as quais pertencem.
Diante desse paradigma torna-se necessário a utilização de novas ferramentas e
novos conceitos que integrem as individualidades humanas e organização como entidades
coletivas e vivas.
Nesse contexto é essencial o conceito de saúde integral, que valoriza o potencial
máximo individual e ecológico, buscando maior produtividade. Assim sendo, a
Musicoterapia nas organizações é uma ferramenta calcada numa visão integrada do Ser
Humano, suas potencialidades e interrelações.
Um dos grandes males de nosso século é o stress que tem impossibilitado um
grande número de pessoas de atingir seus objetivos, ou até mesmo de traçá-los e alcançar
uma boa qualidade de vida. A área de recursos humanos vem sistematicamente solicitando
profissionais especializados na diminuição do stress , fortalecendo as relações interpessoais,
a resolução de conflitos decorrentes das escalas hierárquicas. Assim sendo, o profissional
de musicoterapia proporciona através de práticas sonoras-musicais, efetuar ajustes
necessários a saúde e ao desenvolvimento humano biopsicosocial.
A musicoterapia utiliza a potencial aplicação da música para apoiar e desenvolver
processos de mudança e de relações no ambiente de trabalho em grupos de profissionais,
envolvendo avaliações, diagnóstico e/ou intervenções. Sua função é utilizar a música
enquanto arte, ciência e processo interpessoal. Enquanto Arte favorece a individualidade,
subjetividade e a criatividade. Sendo uma Ciência busca a objetividade, a universalidade,
reprodução e verdade. Nos processos interpessoais visa a empatia e a comunicação,
estabelecendo os papéis nas relações.
A musicoterapia nas organizações é utilizada de 2 formas: Receptivas e/ou Ativas,
ambas favorecendo o Bem-Estar e a Qualidade de Vida no Trabalho. A Musicoterapia
Receptiva se dá a partir de escuta musical direcionada para determinado objetivo, tais
como:
• Descomprimir as tensões diárias.
• Favorecer o relaxamento e a ampliação da respiração
• Aumentar a produtividade, a eficiência, a vigilância e a segurança nos locais de
trabalho.
• Melhorar a vitalidade e o bem-estar.
• Modular o humor das pessoas.
• Estimular o diálogo e as relações no ambiente de trabalho, criando um clima mais
harmônico e satisfatório.
A Musicoterapia Ativa se dá a partir de uma produção sonora , visando uma descarga
física e emocional, equilibrando as tensões internas e externas. Com a utilização de
instrumentos musicais, da voz e do corpo para grupos de pessoas com objetivos específicos
e com as seguintes finalidades:
• Estimular processos de tranformação e auto-desenvolvimento
• Desenvolver potenciais e lideranças.
• Favorecer a auto –estima .
• Estimular competência externa e capacidades internas para apoiar processos de
mudanças organizacionais.
• Melhorar as relações interpessoais no ambiente de trabalho.
• Reduzir o stress no trabalho e aumentar a qualidade de vida.
• Organizar o ritmo interno com o externo, favorecendo a otimização do tempo presente.

O programa de musicoterapia ativa e/ou receptiva nas organizações enfatiza o


desenvolvimento humano . O programa é composto de palestras, reflexões individuais,
trabalhos em grupo, vivências sonoras e musicais e auto-avaliação, através de práticas
semanais, seminários e workshops, conforme o estudo e a avaliação das partes.
o
MIRIAN STEINBERG, é Musicoterapeuta e Terapeuta Corporal,especializando em
Arte-Terapia. Atua na área clínica e em educação especial . É professora da Faculdade
Paulista de Artes.Desenvolve sua carreira em metodologia que facilita a conscientização
e sensibilização de qualidades humanas. Coordena o Projeto CALHMA- Corpo e
Alma em Harmonia com Massagem – Música e Movimento Anti-Stress nas
Empresas.
Maiores Informações – Fone: 9787-7445 / 3742-6757
e-mail: miriansteinberg@aol.com.br
mimistein@ig.com.br