You are on page 1of 9

Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 1 of 9

Teoria da Conspiração
O Que Eles não gostariam que você soubesse…

 rss

 Início
 Marcelo Del Debbio
 Enciclopédia de Mitologia
 Cursos
 Mapas Astrológicos e Sigilos Pessoais
 Bibliografia

Três Amores: Agape, Philos e Eros


deldebbio | 7 de outubro de 2008

O ser humano não precisa de amor, mas de amores. Precisa sim de três: Agape, Eros e Philos, para
que seja um ser (quase) completo. Completo como um ente único manifestando três aspectos do
amor humano e divino que se complementam e são transferidos para os objetos desses amores,
interagindo com outros entes também únicos.

Sem as influências estéreis da maioria dos filósofos acadêmicos, vamos abordar algo sobre esses três
amores do ser humano, de maneira inteligível, sintética e prática para que possamos assimilá-los em
nossa existência.

Agape, Philos e Eros são fundamentais na vida de qualquer indivíduo e devem ser desenvolvidos por
todo aquele que tem consciência desse fato. São também aspectos considerados muito importantes e
trabalhados na Via Draconiana. Nessa Via, pouco explorada pela grande maioria, os três amores
podem ser tipificados pelos arquétipos de Lucifer (Agape), Sophiae (Philos) e Venus (Eros), entre
outras associações e correlações. O leitor verá, pelo que segue, o porquê dessas associações.
Contudo, por hora, não abordaremos as extensas implicações desse Caminho. O interessado pode se
aprofundar nessa matéria, sem medos infundados, estudando as obras A Cabala Draconiana e A
Revolução Luciferiana.

Mas, vamos aos amores da humanidade, amores “doados” por Lúcifer e Vênus para que façamos
bom proveito, com discernimento.

As três formas de amor - Agape, Philos e Eros - manifestam-se em três níveis que interagem entre si:
Agape é o amor em nível espiritual e universal (coração de Lúcifer); Philos, em nível psicomental
(cabeça de Lúcifer); e Eros, em nível etérico-material e sexual (genitália de Lúcifer). É um sistema
ternário que funciona no ser humano, sendo cada forma de amor em maior ou menor grau. No
humano superior, mais evoluído, em seu estado lux-venusiano, iluminado pela consciência e pela
sabedoria, os três amores estão em equilíbrio.

“Agape” em grego significa “amor”. Esse é o amor fraternal e espiritual entre camaradas, irmãos e
irmãs, entre a família, entre casais e seus filhos (quando de fato existe o sentimento fraterno, e não
uma mera convenção social de fachada). Agape é o amor afetivo isento de conotações sexuais, isento
de segundas intenções, isento de malícia e de interesses pessoais. Sendo Agape o amor de afeição, é
também amor de satisfação, pois uma fraternidade, quer seja entre irmãos de sangue ou não, quer
seja entre esposo e esposa, quer seja entre um núcleo familiar, etc., esse amor satisfaz porque é
compartilhado e tem resposta entre todos aqueles que se reúnem para formar uma fraternidade de

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 2 of 9

homens, mulheres e crianças.

A satisfação de Agape também se refere ao prazer por boas comidas e bebidas, por banquetes
geralmente alegres e harmoniosos partilhados entre pessoas fraternas e espiritualizadas que se
respeitam. Em antigos textos clássicos gregos como o poema épico A Odisséia, de Homero, Agape
expressa essa satisfação, esse prazer de compartilhar refeições entre determinada fraternidade,
determinado grupo, seja de homens, mulheres, crianças, etc. Ao longo da obra de Homero, Agape
pode ser evidentemente percebido nas ações de seus personagens, especialmente entre Odisseus e
seus companheiros, bem como entre Odisseus e sua esposa Penélope, entre Odisseus e seu filho
Thelêmaco, entre Odisseus e seus empregados, o que é manifestado com notável respeito e
admiração. Podemos ver também a satisfação entre esses atos fraternos associados às refeições em
diversas circunstâncias descritas ao longo da obra homérica.

Ainda na mitologia grega, Prometheus (uma forma de Lúcifer) é um dos principais exemplos da
manifestação de Agape, vindo dos céus, do divino, com sua vontade e amor titânicos, para a
humanidade na Terra. A propósito, as palavras gregas Thelema (vontade) e Agape (amor) têm ambas
valor numérico 93 (9+3=12; 1+2=3, os três amores fundamentais, Agape, Philos e Eros).

Assim, devido ao seu significado e importância, Agape também existe no interior de ordens
maçônicas, ordens ocultistas, ordens esotéricas, ordens draconianas, etc.

Philos (ou phileo, philia), em certo sentido, é também o amor fraternal, manifestado por lealdade,
igualdade e mútuo benefício, um amor de dedicação ao objeto amado. Contudo, Philos vai além
dessas definições, e a “dedicação” desse amor pode chegar a ser mental, que é um nível abaixo do
espiritual e acima do emocional. É o caso do amor pela sabedoria (o objeto amado), ou seja, a
filosofia. Esta pode ser um meio de engrandecimento mental, intelectual e cultural, de busca pela
verdade das coisas, bem como todo um modo de vida que se adota e que se ama profunda e
conscientemente. Philos como amor, dedicação e apreciação, manifesta-se como inquietudes
interiores que impulsionam o ser humano à busca da sabedoria que irá torná-lo maior, mais nobre,
mais digno de ser amado e mais capaz de amar conscientemente. Manifesta-se também como prazer
mental, intelectual e cultural, como prazer e sede por conhecimento e cultura útil, estimulante e
construtiva. O benefício mútuo que existe em Philos é o benefício que se tem quando se vai
adquirindo sabedoria ao longo da vida, pois quando se ama a sabedoria (Sophia, a Deusa Mãe
provedora de virtudes), ela própria nos devolve mais sabedoria em troca de dedicação e adoração.

Nosso terceiro amor, Eros, expressa o amor sexual, sensual, carnal, de atração física com a
consumação do prazer, e manifesta o instinto de união e reprodução. Sendo filho de Afrodite (ou
Vênus, a deusa da beleza, do amor, do sexo e dos prazeres, um aspecto de Sophia), Eros (Cupido)
manifesta o amor em seu nível físico-etérico, no mundo material, com o estímulo dos cinco sentidos
físicos e sua gratificação. Eros é o amor que evoca a beleza, o prazer pela beleza e a perigosa
obsessão pelo objeto amado e pelo prazer que ele traz. Mas é também o amor essencial da Natureza,
a força primitiva da procriação de tudo o que vive, o amor theriônico, bestial, de instinto sexual e de
preservação da espécie. Eros deve unir-se com Agape para gerar a beleza do amor romântico e
sensual, a princípio, que evolui para o amor de reciprocidade e de desejo mútuo um pelo outro,
fluindo em trocas de energias polarizadas entre o homem e a mulher. Tal troca de energias ocorre por
meio do sexo, em determinado nível, e por meio das afinidades mentais e espirituais quando
desenvolvido em amor completo (Agape-Philos-Eros). Entretanto, Eros representa o amor mais
perigoso dos três, pois traz prazer, e (muita) dor se não for devidamente administrado, assimilado e
combinado com Agape e também com Philos.

Mas devemos sim buscar o prazer, com o discernimento de epicuristas espiritualizados, pois é um
direito da raça humana, um bem de todos aqueles que o merecem. Devemos buscar os prazeres
sadios que nos enriquecem, que nos confortam, e que não degradam o espírito, a mente e o corpo, de
maneira que nosso esforço para obtê-los não seja maior do que o seu desfrute. A obsessão e o vício

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 3 of 9

doentios não são um prazer, mas dor que leva à própria destruição do ser como um todo, o que não
contribui em nada para a evolução. Lúcifer não é debilidade, não é submissão aos vícios, não é
escravidão, não é decadência, não é degradação. Quando combinado com Agape e Philos, o prazer
erótico luciferiano é essencial para a saúde do corpo e para a saúde do amor romântico (sem
vulgarização), entre o homem (Lúcifer) e a mulher (Vênus).

Nesse caso, para nascer uma união ideal ou (quase) perfeita, é preciso de:
-Eros (atração física e desejo);
-Philos (afinidade mental e cultural);
-Agape (afinidade de ideais espirituais e de grau evolutivo).

Assim, se forma a unidade ternária do amor criativo e criador, a inspiração e o estímulo para a Senda
da evolução.

Para concluir, fazendo uma outra analogia, no ser humano temos a cabeça (Philos), o coração
(Agape) e os genitais (Eros) unidos em um sistema cérebro-cardio-genital que deve funcionar em
harmonia. O ser humano deveria se esforçar para unir em si esses três amores para que haja
satisfação sadia em suas inter-relações, cada qual no lugar certo e na medida certa, evitando a
degeneração em seus vícios opostos (paixonite grosseira, obsessão egoísta e depravação sexual). Tal
corrupção dos três amores pode causar uma “perda da alma” e seu conseqüente sofrimento, como
podemos facilmente observar ao redor do mundo com sua lastimável “civilização”.

Amar nessas três formas não é sofrer mas sim atingir a paz ataráxica, quer dizer, a paz interior
impertubável do espírito auto-consciente, do espírito sábio, desfrutando o prazer sadio e natural da
alma, da mente e do corpo, traqüilamente.

Por Fr.’. Adriano Camargo Monteiro


http://br.geocities.com/viadraconiana/tres_amores_luciferianos_agape_philos_eros.htm

Tweet This! Plurk This! Delicious This! Digg This! Ping This!

Categorias
Left Hand Path
Tags
Luciferianismo
Comentários RSS
Trackback
Editar

« Palestra 11/10: Medicina Tradicional Chinesa Arcano Zero - o Louco - Aleph »

6 repostas

Quanto mais eu leio estes textos, mais eu me curvo

Bolivar | 8 de outubro de 2008

Quanto mais eu leio estes textos, mais eu me curvo a sabedoria.

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 4 of 9

Os três amores... o orador do meu Capítulo, Irmão Tarcizo,

yumejin | 11 de outubro de 2008

Os três amores… o orador do meu Capítulo, Irmão Tarcizo, que também assina como -TCZ-, já
havia falado deles em umas duas ocasiões.

Acredito que esse seja o motivo pelo qual meu namoro me satisfaz tanto. Temos muitos interesses
intelectuais em comum, a mesma vontade de conhecer o mundo e como ele funciona, a mesma
curiosidade, estamos em níveis aproximados de desenvolvimento espiritual [acho] e nos desejamos.
Penso que o maior sinal disso seja o fato de que me sinta pleno ao lado dela.

[...] Intrínseco - Calvin Cético - agora em Português!!! -

The Corporation | Sedentário & Hiperativo | 26 de novembro de 2008

[...] Intrínseco - Calvin Cético - agora em Português!!! - Matrix: Bem vindo ao Deserto do Real -
Três Amores: Ágape, Philos e Eros - O Significado Espiritual do Yom Kipur - Dharma, a base da
vida humana - Os Quatro Grandes Pilares [...]

[...] Continue lendo Três amores: Agape, Philos e Eros. [...]

Três Amores: Agape, Philos e Eros « Teoria da Conspiração | 8 de janeiro de 2009

[...] Continue lendo Três amores: Agape, Philos e Eros. [...]

Será esse o "cordão de três dobras" (haKhut haMeshulash)? Estudando

philosp | 18 de julho de 2009

Será esse o “cordão de três dobras” (haKhut haMeshulash)? Estudando Kabbalah encontrei essa
expressão ligada a certos aspectos de amor e admiração, entre humanos e entre o humano e Deus…

Ola dizer sobre o três tipos do sentimentos do amor,

Cristão | 3 de agosto de 2009

Ola dizer sobre o três tipos do sentimentos do amor, e dizer que foi o Lucifer que criou, isso é um
blasfêmia a Deus, Lucifer não tem a chave da casa dele, ele esta preso, e espera anciosamente Jesus
voltar para ver se saí um pouco de sua casa, poís, ele já não aguenta mais ficar usando alguns tipos
de pessoas, para praticar o mal, ele mesmo quer fazer.

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 5 of 9

Deus Pai, Deus Filho e Deus Espiríto Santo essa trindade é infalível.
Sem eles tudo o que existe são obras de suas mãos.

Jesus está voltando

Fiquem na Paz do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Deixar um comentário

Logado como deldebbio. Sair »

Você pode usar essas TAGS : <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite>
<code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Enviar Comentários

Busca

Please translate this!

Tradutor
Seleccionar idioma

Gadgets powered by Google

Axis Mundi

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 6 of 9

Comentários Recentes


Vimerson on O Real Sentido da Meditação
Minha mente é racional dema.s!... »


Sophie on Prece de Cáritas
De alguns anos pra cá comecei ... »


Marisa Lima on Mapas Astrológicos e Sigilos Pessoais
Oi Marcelo!Descobri seu site o... »


Julio on O Real Sentido da Meditação
Legal esse post, e realmente é... »


André on O Real Sentido da Meditação
Meditar não é manter a mente v... »


Renato on Entrevista com o Frater Goya no Caxola
Marcelo,acho esse Goya meio pi... »


Paulo on Signo de Libra
Raoul Husson é louco tb, né? -... »


rodrigo on Exercício Prático: Templo Astral
pq vc não bota feitiços mais c... »


kK on O Real Sentido da Meditação
"Mas isto é difícil no começo,... »


rodrigo on Consagrando Objetos Mágicos
qualquer incenso pode ser asse... »

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 7 of 9


Fabio Romariz on O Real Sentido da Meditação
Ótimo texto!Esclarece algumas ... »


lf on PM de Alagoas invade terreiros de candomblé
Pois é, provavelmente as pesso... »


Rodrigo on O Real Sentido da Meditação
Venho tentando praticar medita... »


Yuki on O Real Sentido da Meditação
As vezes quando medito eu tenh... »


Hounston Santos on A Cruz Cabalística
Quando eu faço esse ritual eu ... »
 Older »

Categorias
 Alquimia (9)
 Astrologia (29)
 Biografias (19)
 Blogosfera (25)
 Ceticismo (11)
 Concursos (3)
 Conspirações (3)
 Cursos (19)
 Espiritismo (1)
 hermetismo (60)
 Hospitalaria (7)
 Humor (1)
 Kabbalah (1)
 Left Hand Path (3)
 Maçonaria (19)
 Magia Prática (27)
 Martinismo (4)
 Mitologia (7)
 Outros Sites (24)
 Palestras (5)
 Paranormalidade (5)
 Pessoal (27)
 Pirâmides (1)
 Poemas (4)
 Poesias (2)
 Política (1)
 Religiões (39)
 Rosacruz (8)
 Sedentario e Hiperativo (43)
 Sefirat ha Omer (7)

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 8 of 9

 Sem categoria (2)


 Tarot (19)
 Templários (6)
 Thelema (8)
 Umbanda/Candomblé (6)
 Videos (17)

Faltam 1180 Dias e...

19:05:14
Para 2012

.'.
Céu do momento
29/09/2009
03:26 UTC
ver mapa
06° 08
08° 03
21° 38 R
10° 30
20° 41
17° 30 R
26° 24
24° 10 R
24° 03 R
00° 44
26° 36 R
29° 47
21° 45 R
©2009 Sadhana
Use em seu site!
11909936

Lua Hoje:
CURRENT MOON

moon phases

Lista de Links
 Ato ou Efeito Blogs
 Comunidade no Orkut
 Daemon Editora

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009
Três Amores: Agape, Philos e Eros | Teoria da Conspiração Page 9 of 9

 Divagações
 Intensidade
 Olhômetro
 RPG Wiki
 RPGQuest
 Skeptical Calvin

 Posts Mais Visitados


 O Grande Computador Celeste - parte I
 O Bode na Maçonaria
 Pai Nosso em Aramaico e Chakras
 Os Illuminati
 A Cruz Cabalística
 Analisando um Mapa Astral
 Faça sua própria moeda da Sorte
 O Escotismo e a Maçonaria
 Luas Desfavoráveis - Ago/Dez 2009
 O Círculo Mágico

Tweet This! links powered by Tweet This v1.3.9, a WordPress plugin for Twitter.

http://www.deldebbio.com.br/index.php/2008/10/07/tres-amores-agape-philos-eros/ 29/09/2009