Sie sind auf Seite 1von 1

Florianópolis, abril de 2008 Política 

Curiosidades

Minas lidera
Fique atento ao cumprimento das leis eleitorais
A denúncia contra os políticos também pode ser encabeçada pela população
lista de cassados Desde as últimas eleições muni- você desconfia de que algum can- votos ou uso indevido dos meios de do fim das eleições. Após eleito, se
Desde a instituição da Lei 9.840, em 1999, cipais em 2004, a Justiça Eleitoral didato está descumprindo a lei, comunicação social (ver box). Mas o novo prefeito cometer infidelida-
até 2006, 623 pessoas tiveram o mandato já cassou mais de 250 prefeitos dos denuncie ao Ministério Público ou atente para o prazo, já que, após o de partidária, ele pode ser cassado a
caçado por corrupção eleitoral. O estado cam- 5.562 eleitos pelo Brasil, segundo a alguma coligação, partido ou can- final das eleições, não é mais pos- qualquer momento.
peão de processos é Minas Gerais, com 71 dados do Tribunal Superior Elei- didato de oposição. sível investigar nin- Em todos os casos, o processo
cassações. toral (TSE). Só na cidade de Cal- Eles contatarão o O pedido de guém! será julgado pelo Juiz Eleitoral de
Sete dos 27 governadores eleitos em outubro
de 2006 tiveram os mandatos contestados por
das Novas, em Goiás, foram quatro
prefeitos cassados nos últimos três
Juiz Eleitoral de sua
cidade para entrar investigação Se já existirem
provas contra o po-
sua cidade. Se houver recursos, pas-
sa para o Tribunal Regional Eleito-
meio de ações em curso no Tribunal Superior anos. Em Santa Catarina, dos 293 com um pedido de do candidato lítico, basta entrar ral do estado e, posteriormente, ao
Eleitoral. Eles respondem a acusações de
compra de votos, abuso de poder econômico,
prefeitos eleitos, cinco foram cas-
sados e afastados do cargo e outros
investigação.
candidatos podem
Os
deve ser feito com processo no
Cartório Eleitoral
Tribunal Superior Eleitoral. Alguns
casos isolados podem ir parar ainda
uso indevido de meios de comunicação, den- sete enfrentam processos na Justiça. perder o registro po- pelo Ministério da cidade. Para isso, no Supremo Tribunal Federal.
tre outras infrações previstas na Lei 9.504/97
(Lei Eleitoral) e na Lei Complementar 64/90
Se você, ao ler isso, fica decepcio-
nado com a política brasileira, com
lítico ou seu diploma
de mandato, no caso Público, pelo no entanto, também
existe um prazo:
Pois é, a cassação de um prefeito
não é uma tarefa fácil, e os recursos
(Lei das Inelegibilidades). os artifícios e manobras das campa- de já estarem eleitos partido ou três dias após o re- e manobras de que os advogados dis-

Fonte: TRE/SC
nhas que aproveitam as brechas da
legislação eleitoral, e sente vontade
quando julgados,
por vários motivos: coligação de sultado das eleições,
ou 15 dias se acusa-
põem são muitos. Quando o proces-
so estiver na Justiça Eleitoral, o jeito
de ver todos os corruptos fora de arrecadação ilícita oposição ção for de abuso de é sentar e esperar. Mas não perca a
nossas prefeituras, preste atenção a de dinheiro para a poder econômico e esperança, afinal, se 250 prefeitos já
Irregularidades partir de agora e aprenda a cassar campanha e gastos irregulares du- político, corrupção ou fraude eleito- foram cassados Brasil afora, dois re-
seu prefeito. rante a campanha, abuso de poder ral. Para garantir, o melhor é que o presentantes só lá de Caldas Novas...
Se, durante o período eleitoral, econômico e político, compra de processo já esteja no cartório antes por que não o seu? (G. S.)
Atos proibidos No alvo
ao candidato Caçada aos prefeitos
Arrecadação ilícita de dinheiro para a
campanha Os cinco prefeitos catarinenses perderam em Criciúma e Itapema, com Décio Góes e Caso o político tenha alcançando um per- 50%, uma nova eleição é marcada. Pode ser di-
Só é permitida a arrecadação de fundos para seus títulos por determinação do TRE/SC e Clóvis José da Rocha. centual maior que reta, quando a cassação ocorre nos dois primei-
campanha através da iniciativa privada, não tiveram a cassação confirmada pelo TSE. ros anos do mandato, ou indireta, nos últimos
há financiamento público. Pessoa física pode Sempre que há destituição de cargos algu- dois. A diferença são que em uma o prefeito é
doar até 10% do valor declarado no último mas normas devem ser cumpridas. eleito pelo povo e na outra, pelos vereadores.
imposto de renda, e jurídica, 2% do fatura- Se o prefeito cassado não alcançar metade Nas cidades de Mafra e Rio Negrinho o povo foi
mento bruto da empresa no último período dos votos válidos - 50% -, o segundo às urnas novamente, enquanto na cidade
declarado no IR. Sindicatos, entidades que colocado nas eleições assume de Abelardo Luz a escolha foi feita pe-
recebem subvenção pública, concessioná- o cargo. Foi o que aconteceu los vereadores.
rias de serviço público e empresas com con-
trato com o poder público não podem doar
dinheiro. Existem ainda restrições quanto à
doações por parte de governos e entidades
estrangeiras.

Abuso de poder econômico e político


(ou de autoridade)
Caracterizado pelo uso da máquina pública
para coagir o eleitor com a potencialidade de
interferir no resultado das eleições. Ocorre
principalmente com candidatos à reeleição.
PR

Compra de votos
EF

É a captação ilícita do sufrágio, pois mexe


EI

com a consciência do eleitor, com a liber-


TO

dade de voto. Basta a compra de um único


voto.

Uso indevido dos meios de comunica-


ção social
Nos três meses que antecedem o pleito, é
proibida a publicidade institucional dos atos,
programas, obras, serviços e campanhas
dos órgãos públicos, com exceção da pro-
paganda de produtos e serviços que tenham
concorrência no mercado. Também é proibi-
do o pronunciamento em cadeia de rádio e
televisão fora do horário eleitoral gratuito, ao
menos que se trate de matéria urgente. Almir Kalbusch (PMDB) Clóvis da Rocha (DEM) João Herbst (PMDB) Décio Góes (PT) Nerci Santin (PMDB)
Rio Negrinho Itapema Mafra Criciúma Abelardo Luz
Infidelidade partidária durante o Cassado por abuso de poder e O uso impróprio dos meios de Foi cassado no ano de 2004 por Cassado por abuso do poder po- O TRE cassou o mandato de
mandato propaganda institucional durante comunicação social do municí- veicular propaganda institucio- lítico, econômico e de autorida- prefeito por abuso de poder
Troca de partido por parte de um político período proibido por lei. Em mar- pio para a sua reeleição o tiram nal durante a campanha. Após de. Hoje ele é Deputado Estadu- econômico. As eleições indiretas
eleito durante seu mandato. ço de 2007 novas eleições colo- o cargo. Sabino Bussanello (PT) novas eleições realizadas em al. Anderlei Antonelli (PMDB), 2º realizadas em março de 2008
caram Alcides Grohskopf (PMDB) 2° lugar nas eleições, foi no- 2005, João Herbst (PMDB) é o colocado nas eleições, assumiu elegeram Lécio Panisson (PRB)
Fonte: Procuradoria Regional Eleitoral/SC em seu lugar. meado prefeito. prefeito atual. o cargo. como novo prefeito da cidade.