Sie sind auf Seite 1von 16
10 10 mil mil exemplares Gratuitos N O R O E S T E M
10 10 mil mil exemplares Gratuitos N O R O E S T E M
10 10 mil mil exemplares Gratuitos N O R O E S T E M
10 10 mil mil exemplares Gratuitos N O R O E S T E M
10 10 mil mil exemplares Gratuitos
10 10 mil mil
exemplares
Gratuitos

N O R O E S T E M I N E I R O

A N O I

-

E D I Ç Ã O N º 1 2 -

D E Z E M B R O D E 2 0 1 0

O Noroeste- E D I Ç Ã O N º 1 2 - D E Z E

BR251

MinistrodoTransportes

visitaUnaíeinaugura

trechodarodovia

PÁGINA 4

JustiçaFederal

Processoscomoauxilio-benefícioe

demaisaçõesprevidenciáriasganha-

rãoagilidadecomainstalaçãode

subseçõesemUnaíeParacatu

PÁGINA 6

Cultura e SociedadeParacatu CentroHistóricoé tombadopeloIPHAN PÁGINA 13

Paracatu

CentroHistóricoé

tombadopeloIPHAN

PÁGINA 13

PolicialCentroHistóricoé tombadopeloIPHAN PÁGINA 13 “RiachodasPedras” OperaçãoconjuntaentrePolícia

“RiachodasPedras”

OperaçãoconjuntaentrePolícia

CivileMilitardesarticulatráficode

drogasepiratariaemRiachinho

PÁGINA 15

drogasepiratariaemRiachinho PÁGINA 15 Esporte Atletismo 2ªCorridaRústicadaASCORUNA

EsportedrogasepiratariaemRiachinho PÁGINA 15 Atletismo 2ªCorridaRústicadaASCORUNA

Atletismo

2ªCorridaRústicadaASCORUNA

atraiesportistasdetodasasidades

paraocalçadãodoCanabrava

PÁGINA 16

CLASSIFICADOS

168ofertasnestaedição

PÁGINA 8

O Noroeste

O Noroeste

NATAL Obril h oeencantodoNatal se espal h ampel oNoroestedeMinas EmUnaí (foto) e Paracatu, a principal
NATAL
Obril
h
oeencantodoNatal
se
espal
h
ampel
oNoroestedeMinas
EmUnaí (foto) e Paracatu, a principal atração é a Casa do Papai Noel. Já emArinos e Buritis, as praças alegramo mês natalino
PÁGINA 3
O Noroeste

O Noroeste

EnchentesemUnaí,aindaháriscos?

Com a chegada das fortes chuvas, Corpo de Bombeiro e consórcio responsável pela operação da Usina de Queimados esclarecem procedimentos emergenciais

PÁGINA 5

Paraanunciar:(38)3676-3882/9826-6882/9981-7256

da Usina de Queimados esclarecem procedimentos emergenciais PÁGINA 5 Paraanunciar:(38) 3676-3882/9826-6882/9981-7256

2 . Opinião . Dezembro de 2010

2 . Opinião . Dezembro de 2010

Editorial

Carta de agradecimento

Agradecemos a todos os clientes, amigos, colaboradores

e, em especial os leitores que,

durante um ano, acolheram o

INTERESSANTE e sustentaram

o projeto que deu uma nova

cara para o jornalismo impres- so do Noroeste de Minas. Reforçamos o nosso compro- misso com a ética, verdade e imparcialidade dos fatos para 2011. E ainda, novidades serão implantadas a partir da próxi- ma edição, aguardem!

Um Feliz Natal e um fabuloso 2011 a todos.

Danny Diogo T. Santana

DIRETOR DO INTERESSANTE

Cartas à Redação

Tenho acompanhado todas as edições deste jornal. Parabéns pela diversidades de assuntos e pela imparcialidade. Quero parabenizá- los também por ter neste jornal a poesia e a leveza dos artigos da escritoraAldaAlves Barbosa.

 

Vinicius Lucas – Arinos, bairro Centro

Gostaria de deixar aqui os meus elogios para o INTERESSANTE. Gos-

to

deste jornal porque ele temcompromisso coma região noroeste

e

porque tem um conteúdo organizado, que aborda de maneira

simpática e ao mesmo tempo séria o que é de real relevância para a

sociedade. Parabéns emuitaprosperidade.

 

Jaine Lúcia – Bonfinópolis de Minas, bairro Centro

É

um jornal sério e de qualidade. Cumpre o compromisso de falar

pela comunidade e atende as expectativas nas suas ações. Parabéns pelo aniversário de 1 ano e que fique marcado como o primeiro de muitos queaindavirão.

Moacir Nunes – Unaí, bairo Barroca

Fale com a redação: Rua Celina Lisboa Frederico, nº 64 sala 304, Centro, Unaí, MG. CEP 38610-000 ou pelo e-mail: redacao@portalinteressante.com.br. Inclua nome completo e endereço.

>>Artigo por Alda Alves Barbosa Poeta e escritora INTERESSANTE, um jornalismo responsável Charge Citar uma
>>Artigo
por Alda Alves Barbosa
Poeta e escritora
INTERESSANTE, um jornalismo responsável
Charge
Citar uma frase possivelmente
pronunciada pelo estadista Tancre-
do Neves, foi a forma mais harmô-
nica que encontrei para falar sobre
les que ousam mostrar as inúmeras
facetas que habitam o seu ser; ame-
aças veladas, sorrisos disfarçados
mostrando as dentições perfeitas e
a Imprensa brasileira e obviamente
sobre a imprensa unaiense e co-
memorar um ano de circulação do
“INTERESSANTE”. “Se tivesse de
escolher entre, governo sem impren-
sa ou imprensa sem governo, certa-
mente escolheria a segunda opção”.
as imperfeições do caráter. Conside-
rados por muitos cientistas, semió-
logos e filósofos como um problema
altamente preocupante, que hoje
eles têm dedicado a analisar o papel
da imprensa e a propor mecanismos
destinados a evitar que esta se colo-
resses particulares e financeiros dos
seus responsáveis sobreponham ao
interesse do povo; não pode deixar
de publicar notas que restabeleçam
a verdade com receios de magoar
figuras públicas ou pessoas amigas.
Não, não fugi do verdadeiro motivo
deste artigo, apenas fiz uma expla-
nação da forma como o meu olhar
vê o jornalismo sério, eficiente
E
este é o retrato do INTERESSANTE,
É o espírito de liberdade dando o
seu recado, é a censura relegada ao
enterro nos porões ditatoriais. Preci-
samos da imprensa sim, mas de uma
imprensa que represente o interesse
da comunidade. Que esta imprensa
esteja atrelada aos princípios bási-
cos da veracidade dos fatos. Que
seja democrática e fundamentada
nos direitos de todos. O que é difícil,
pois se lançarmos um olhar crítico a
imprensa no interior de nosso país,
ficaremos indignados, descobrire-
mos que a maioria dos jornais não
cumpre o seu verdadeiro papel. É
uma imprensa tendenciosa, focada
no medo; medo dos coronéis disfar-
çados de “gente”, que continuam in-
sistindo em existir em pleno século
XXI, disseminando o “terror” àque-
que a serviço de grupos contra o in-
teresse da coletividade. Com o olhar
onipresente do povo, mesmo come-
tendo alguns erros, o saldo do traba-
lho jornalístico tem sido positivo na
defesa dos interesses da sociedade e
da consolidação da democracia. Mas
enfatizo que a imprensa no interior
do Brasil é preocupante, a liberdade
de expressão quase sempre é cercea-
da, e estou me referindo à imprensa
no sentido lato, o que inclui a TV, o
rádio e a internet. A imprensa para
ser o espelho da verdade tem que
ser livre, não pode ser parceira dos
poderes constituídos: elogiar e tam-
bém criticar no erro; não pode ser
conivente; não pode fazer acusações
levianas totalmente destituídas de
provas; não pode deixar que os inte-
que ainda criança, no seu primeiro
ano de vida jornalística, já “caiu no
gosto popular” por focar-se nas ne-
cessidades do povo, disposto a ouvir
novas fontes, checar informações,
não omissão dos acontecimentos le-
vando com muita seriedade a ética
jornalística. Devido a sua aceitação
rápida no “mercado informativo”,
por motivos óbvios, o INTERES-
SANTE foi buscar notícias em ou-
tras cidades do noroeste mineiro,
mostrando o verdadeiro rosto do
cerrado noroestino. E, contrarian-
do o habitual, não vou apagar a sua
primeira velinha; depois do habitual
“parabéns prá você” acenderei a vela
torcendo e colaborando para que eu
possa acender a segunda, a terceira,
a quarta
Mais artigos: www.aldaalvesbarbosa.com
>>Artigo por C.LEO Júlio César da Silva Marques Presidente Leo Clube Unaí “Marina Goés” Os
>>Artigo
por C.LEO Júlio César da Silva Marques
Presidente Leo Clube Unaí “Marina Goés”
Os clubes sociais
Um final de semana pode ser
uma boa hora para descansar,
mas se você participa de um clu-
be social, um pouco desse tempo
será para ajudar o próximo.
Participar de um clube de
serviço social é trabalhar com
boa vontade, é chamar um sócio
de companheiro e saber que se
pode considerá-lo quase que um
irmão.
Bom mesmo é poder se sentir
útil e saber que o seu tempo livre
não está sendo mal aproveitado,
pelo contrário, seus sábados e
domingos serão para ajudar al-
guém que precise.
Bom é ter o compromisso de
mundo, ter a chance de poder
criar uma oportunidade para que
as pessoas possam ultrapassar os
limites da imaginação.
Bom é fazer aflorar aquele
desejo de esperança no próxi-
mo, conhecer amigos de verda-
de, acordar para a realidade sem
torna-se frio e desumano, saber
que o mundo não está completa-
mente perdido porque ainda po-
demos fazer algo por ele.
O propósito de um clube so-
cial é conhecer a realidade da
sua cidade e proporcionar na me-
dida do possível a diminuição da
desigualdade social, trabalhando
com campanhas beneficentes
ir
nas reuniões, de poder confiar
que motivam os associados a
e
saber que outras pessoas tam-
bém confiam em você.
Bom é saber conciliar os com-
promissos e administrar o tem-
po, sonhar acordado sem tirar os
pés do chão, conhecer o mundo
darem continuidade nesse traba-
lho.
A Sociedade vê os clubes so-
ciais como uma ajuda da cidade
para a cidade, são pessoas que
querem colaborar para a melho-
e
um mundo de pessoas desse
ria na qualidade de vida daque-
les que não têm condições de so-
breviver ou que estão precisando
de um auxílio momentâneo.
Cada clube social ajuda da
uma forma diferente, mas man-
tendo o foco de servir o próximo
desinteressadamente.
A sociedade pode ajudar os
clubes sociais direta ou indireta-
mente participando dos eventos
beneficentes ou oferecendo tra-
balho de boa vontade.
Durante as reuniões, os clu-
bes sociais discutem idéias de
campanhas, justificativa, meta
de ação, local, e outros relacio-
nados.
Na nossa cidade existem clu-
bes sociais para adultos, jovens e
clubes mistos para todas as ida-
des.
O LEO Clube, por exemplo, é
voltado para associados de 14 a
28 anos, e tem como fundamento
desenvolver a liderança dos inte-
grantes através da filantropia.

Expediente

Expediente

G8 COMUNICAÇÃO LTDA CNPJ: 09.467.920/0001-73 Rua Celina Lisboa Frederico, 64 - Sl. 304 - T
G8 COMUNICAÇÃO LTDA CNPJ: 09.467.920/0001-73 Rua Celina Lisboa Frederico, 64 - Sl. 304 - T

G8 COMUNICAÇÃO LTDA

CNPJ: 09.467.920/0001-73 Rua Celina Lisboa Frederico, 64 - Sl. 304 - TELEFAX: (38) 3676-3882 B. Centro - CEP 38610-000 - Unaí - Minas Gerais

DIRETOR GERAL

COLABORAÇÃO

TIRAGEM

 

Danny Diogo T. Santana

(38) 3676-3882 / 9981-7256 comercial@portalinteressante.com.br

Kaio César

Karina Ribeiro

10.000 exemplares

Artigos publicidados são de responsabilidade dos autores.

WWW.PORTALINTERESSANTE.COM.BR

Dezembro de 2010 . O Noroeste . 3

Dezembro de 2010 . O Noroeste . 3

O Noroeste

O natal no Noroeste

M ilhares de

luzes re-

luzem o

brilho de

mais um fim de ano. Presépios, guirlandas, anjos estão espalhados aos quatro cantos das cidades. É momento de agradecer, festejar e viver um clima de soli- dariedade e confrater- nização que o período natalino nos premia to- dos os anos. Com olhar atento de criança, a ma- gia pode brotar em pe- quenos detalhes e tirar um sorriso maroto até dos já calejados de pri- maveras. É assim. Basta entrar na casa do Papai Noel, organizada pelo Rocta- ry Club, nas cidades de Unaí e Paracatu, para fi- car encantado. Crianças e adultos podem apre- ciar detalhes da copa, cozinha, quarto e jardim da casa do bom velhi- nho, que foi capricho-

samente decorada. Mas tem um cantinho mais do que especial. No es- critório da casa do Papai Noel estão guardadas todas as cartas de pedi- dos de presentes. Então, depois de tudo olhar, porque não entregar um pedido formal para ele? E o adulto que qui- ser ajudar na tarefa de presentear a criançada, pode adotar uma carta e dar uma forcinha para o velho. Isso pode ajudar aqueles que deixaram para fazer o pedido de última hora. “Ainda não escrevi uma cartinha, mas vou escrever e te- nho certeza que vou ga- nhar”, afirma Kelly Cris- tina, de 11 anos. Para quem já tiver feito o pedido, pode aproveitar o momento para curtir as decora- ções natalinas enquan- to vai às compras. Uma boa dica é dar uma pas-

sada em frente a alguns prédios comerciais e prefeituras municipais

de Buritis, Arinos, Unaí

e Paracatu. Na primei-

ra cidade o morador ou

visitante também pode conferir um presépio em tamanho natural na sede do órgão público.

“Eu estou achando

o período perfeito, a

cidade está decorada, espero que continue as- sim todos os anos e que mais coisas ainda sejam feitas”, diz a auxiliar

contábil, Valquíria de Oliveira. É com esse espírito que muitos apreciaram eventos que precederam

o Natal em Unaí. Um alto

de Natal foi realizado no

Museu Municipal de Unaí e arrancou aplau- sos do público. O coral Canarinhos de Nossa Se- nhora do Carmo e os alu- nos do Conservatório de Música Sérgio Batarelli também fizeram bonito.

de Música Sérgio Batarelli também fizeram bonito. Em Unaí, formou-se fila para visitar a Casa do

Em Unaí, formou-se fila para visitar a Casa do Papai Noel

Depoimentos

 
 
 
 
 

“A casa está muito organizada, meu filho achou lindo”,

“Resgata o verdadei- ro espírito natalino”,

“Resgata o verdadei- ro espírito natalino”, Geraldo Helington

Geraldo Helington

“Resgata o verdadei- ro espírito natalino”, Geraldo Helington

“A casa do Papai Noel me lembrou o filme “Esqueceram de

Fabiana Rodarte

Fabiana Rodarte

   
Mim”, Marlon Breno

Mim”, Marlon Breno

Fabiana Rodarte     Mim”, Marlon Breno
Fabiana Rodarte     Mim”, Marlon Breno
“A casa do Papai Noel me lembrou o filme “Esqueceram de Fabiana Rodarte     Mim”,
“A casa do Papai Noel me lembrou o filme “Esqueceram de Fabiana Rodarte     Mim”,

4 . O Noroeste . Dezembro de 2010

4 . O Noroeste . Dezembro de 2010

Instalações de varas judicais deve acelerar justiça na região Noroeste

D uas varas judiciá- rias federal, uma localizada em Pa-

racatu e outra em Unaí,

foram instaladas na re- gião Noroeste do Estado.

O estabelecimento dessas

subseções devem dar mais

celeridades aos processos

de competência federal na

região, além de diminuir custos administrativos. Cidades circunvizinhas, também serão beneficia- das com as instalações. Dados da comarca da justiça estadual em Para- catu, apontam que cerca de seis mil processos de competência federal do município sejam absor- vidos pela nova vara. Em Unaí, calcula-se que cerca de quatro mil estejam na mesma situação. De acordo com advo- gados muitos processos de aposentadoria ou mes- mo a conquista de alguma espécie de benefício jun- to ao Instituto Nacional

alguma espécie de benefício jun- to ao Instituto Nacional Com as instalações das varas judiciárias federais
alguma espécie de benefício jun- to ao Instituto Nacional Com as instalações das varas judiciárias federais

Com as instalações das varas judiciárias federais em Paracatu (D) e Unaí (E), processos como de auxílio benefício e ações previdenciárias ganharão agilidade

do Seguro Social (INSS), estavam sendo prejudica- dos com a morosidade da justiça estadual. “De certa forma os jurisdicionados ficam prejudicados com os processos sendo julgados em uma justiça que não é especializada”, diz Lindo- mar Coelho, presidente da 27º subseção regional da Ordem dos Advogados do

Brasil (OAB). Ele argumenta que a tramitação mais rápida dos processos pode gerar lucro até para o comércio local. Ele explica que as decisões refletem no número de salários que podem vir a circular na região. “Se em um ano resolver mil pro- cessos, são mais mil salá- rios distribuídos em Unaí

e região”, afirma. Além de Unaí, a vara instalada está sob a jurisdição dos mu- nicípios de Arinos, Bonfi- nópolis de Minas, Buritis, Cabeceira Grande, Chapa- da Gaúcha, Dom Bosco, Formoso, Natalândia, Ria- chinho, Uruana de Minas e Urucuia. Anteriormente, todas as cidades estava sob a jurisdição da Subse-

ção Judiciária de Patos de Minas. Segundo a advogada, Claudete Campos, situ- ação semelhante deve ocorrer em Paracatu. Ela afirma que anteriormente dificultava para os ingres- santes em razão da loco- moção e demora. “Além de outros incômodos”, fri- sa. Além de atender Para-

catu, a subseção judiciária está sob a jurisdição dos municípios de Guarda- mor, João Pinheiro, Lagoa Grande, São Gonçalo do Abaeté, Varjão de Minas e Vazante. Em Paracatu, a subseção judiciária deve funcionar provisoriamen- te na Av. Olegário Maciel, enquanto a sede definitiva seja construída.

Fotos: www.maisunai.com.br

3ª Feira Solidária

A 3ª Feira Regional da Economia Popular Solidária, ocorreu

entre os dias 17 e 19 de de-

zembro, no ginásio do colé-

gio Nossa Senhora do Carmo

e na rua Alba Gonzaga, em Unaí. Cerca de 70 exposito- res de diferentes cidades da região participaram do en- contro. O número de visitantes não foi o esperado, porém não desanimou os comer- ciantes. As bancas estavam

repletas de produtos como alimentos, roupas, bijuterias, e várias peças artesanais. Diácono Gê, secretário interino de Desenvolvimen- to Social e Cidadania de Unaí, justifica que não hou- ve prazo suficiente para a di- vulgação da feira, e que, por isso, teve pouca visitação. “O povo de Unaí quando é con- vidado sempre comparece”, afirma. A feira tem o objetivo de comercializar produtos e

serviços buscando o desen- volvimento regional justo, e depois de Unaí, será reali- zada em
serviços buscando o desen-
volvimento regional justo,
e depois de Unaí, será reali-
zada em Paracatu, ainda sem
data marcada.
Os visitantes da feira puderam conferir a variedade de
produtos que estavam sendo comercializados
sem data marcada. Os visitantes da feira puderam conferir a variedade de produtos que estavam sendo
Dezembro de 2010 . O Noroeste . 5

Dezembro de 2010 . O Noroeste . 5

Chuvas: preocupação para os unaienses

O Noroeste . 5 Chuvas: preocupação para os unaienses Com as chuvas, moradores ribeirinhos acompanham de

Com as chuvas, moradores ribeirinhos acompanham de perto as enchentes no Rio Preto

E m meio ao período

chuvoso, que pode

estender até meados

de março, muitos unaienses, principalmente moradores ribeirinhos do Rio Preto, ficam preocupados com a possibilidade de ocorrer enchentes. Alguns morado- res alegam que a abertura das comportas da Usina de Queimados, interfere no ní- vel da água do leito do rio, resultando em alagamentos e enchentes.

Segundo o gerente de planejamento energético do consórcio Cemig/Ceb, res- ponsável pelo gerenciamen- to operacional da Usina de Queimados, André Cavalla- ri, existem várias ferramen- tas para o monitoramento do nível do rio e das chuvas que ocorrem acima das bar- ragens. “Essa previsibilida- de ditará então as decisões operativas”, respondeu por e-mail. Ele explica que o mo-

mento mais crítico das chuvas é o final do período chuvoso, quando o reserva- tório já deve ter acumulado um volume maior de água. “Se ocorrer uma chuva mui- to diferente da média do histórico, essa chuva pode provocar alguma enchente”, diz.

É o que já ocorreu algu- mas vezes com uma ex-mo- radora das margens do Rio Preto, Gertrudes Sampaio. Ela explica que, nessa época

do ano, ficava sempre com o rádio ligado esperando re- comendações para desocu- par a casa. “O que eu ima- gino que era por causa das comportas que o pessoal da usina abre. Era um sufoco”, diz. Ela conta que já viu muitas vizinhas perderem mobília, casa, além de mor- te de animais e pessoas que sumiram nas enchentes. Segundo o sargento Car- mílio, do Corpo de Bombei- ros de Unaí, em casos como

esses, todas as corporações da Defesa Civil são aciona- das: Corpo de Bombeiros, Polícia Militar, Secretaria de Saúde e Secretaria do Meio Ambiente. “Todos os bombeiros que estão de folga são acionados, além disso vários voluntários são solicitados para ajudar o Corpo de Bombeiros”, diz. Ele explica que primeiro são retiradas as pessoas que estão nas áreas de risco para que sejam evitados afoga-

mentos e contaminação de doenças. Escolas públicas são organizadas para aco- lher os desabrigados e os bens da população são reti- rados das casas. De acordo com o sargen- to a população pode ajudar evitando jogar lixo nas mar- gens dos rios, nos bueiros e não construir próximo ao Rio Preto. “E avisar imedia- tamente ao Corpo de Bom- beiros a subida da água do rio”, alerta.

construir próximo ao Rio Preto. “E avisar imedia- tamente ao Corpo de Bom- beiros a subida
construir próximo ao Rio Preto. “E avisar imedia- tamente ao Corpo de Bom- beiros a subida

6 . O Noroeste . Dezembro de 2010

6 . O Noroeste . Dezembro de 2010

Ministro inaugura trecho da BR 251 e anuncia obras para o próximo ano

A reabilitação do tre-

cho da BR 251,

correspondente aos

pontos de cangalha-bo-

queirão, foi inaugurada no dia 14 de dezembro, pelo ministro do transporte, Paulo Sérgio Oliveira Pas- sos. A obra, com extensão

de 92,6 quilômetros, foi or-

çada em R$ 26,9 milhões. Além do ministro, estive- ram presentes na solenida- de autoridades municipais da região, deputados fe- derais e representantes do

Departamento Nacional de Infra-estrutura e Transpor-

te

(DNIT). Durante a inauguração,

o

ministro do transporte,

Paulo Sérgio Oliveira Pas- sos, admitiu que a inau- guração da pavimentação é de suma importância para o desenvolvimento

da região, já que, boa parte

do trecho é utilizado para realizar o escoamento da safra agrícola. Ele explica que um estudo foi aprova- do para estender a BR 251 até o município de Mon- tes Claros, região Norte de

251 até o município de Mon- tes Claros, região Norte de Rodovia BR 251 é um

Rodovia BR 251 é um importante corredor para o escoamento da produção do

Noroeste de Minas

Minas Gerais. “O segundo passo é fazermos a pavi-

pontualmente, ele afirmou que na malha viária do

ção da BR 251 que liga o município de Unaí à capi-

mentação que falta até a altura da divisa do Estado

Noroeste de Minas Gerais, existem pontos relevantes

tal

federal”, explica. Paulo Sérgio diz que

de Minas Gerais até o BR

que chamam a atenção do

o

governo está voltado à

116”, diz. O ministro salientou

Governo Federal e que será investido aqui, até seis ve-

atenção para um ponto im- portante e requisitado pelos

que se não fossem os inves-

zes mais do que foi inves-

unaienses: o trecho referente

timentos, seria impossível

tido no passado. “Indepen-

a

travessia urbana da cida-

a instalação de três usinas sucroalcooleiras na região. Apesar de não especificar

dente disso, está previsto ainda a liberação de R$ 30 milhões para a manuten-

de, que visitou pessoalmen- te. Segundo ele a obra será concluída no próximo ano.

Alunos de sete escolas de Unaí formam no Proerd

Alunos de sete escolas de Unaí formam no Proerd O Programa ganha força a cada formatura

O Programa ganha força a cada formatura

C erca de 1,2 mil alu-

 

Para Antônio José,

nos, oriundos de

gerente administrativo,

escolas municipais e es- taduais, formaram , no

iniciativa é valorosa, já que leva informação

a

último dia 15, no Pro-

as

crianças que estão em

grama Educacional de Resistência às Drogas

fase de formação. Ele, que é pai de uma for-

e

à Violência (Proerd).

manda, diz que a filha

O

evento contou com a

vibra com o programa.

cabo Daniela, instrutora

presença de diversas au- toridades municipais. Segundo o prefeito Antério Mânica, as in- formações repassadas

no curso devem ajudar

“Ela fica interessada em fazer as atividades ine- rentes ao Proerd”, diz. De acordo com a

do Proerd, o programa visa também adquirir

não somente os jovens como também familia-

a

confiança dos alunos

res e a própria cidade.

e

marcar a presença do

“Gostaria de parabenizar

policial como amigo da

o excelente trabalho da

Polícia Militar”, diz. Ele

destaca que essa é uma forma eficiente de resol- ver o problema das dro- gas, preventivamente.

escola. “Com a conscien- tização deles e com nos- sa participação acredi-

tamos que esses alunos

estão livres das drogas”,

afirma

tização deles e com nos- sa participação acredi- tamos que esses alunos estão livres das drogas”,
tização deles e com nos- sa participação acredi- tamos que esses alunos estão livres das drogas”,
tização deles e com nos- sa participação acredi- tamos que esses alunos estão livres das drogas”,
O MAIOR PACOTE DE OBRAS QUE VOCÊ JÁ VIU. 70 OBRAS EM 2 ANOS. É
O MAIOR PACOTE DE OBRAS
QUE VOCÊ JÁ VIU.
70 OBRAS
EM 2 ANOS.
É com alegria que a Prefeitura anuncia o maior pacote de obras da história
de Paracatu. Até 2012, serão realizadas várias melhorias nas áreas da saúde, educação,
esporte, lazer, infraestrutura e qualidade de vida. Em cada obra, um presente
da Prefeitura para você. Bom Natal e um Ano Novo de realizações.
• Construção de 346 unidades
habitacionais
• Construção do Ginásio
• Construção e reforma de escolas
• Construção e cobertura
de quadras poliesportivas
• Asfaltamento e recapeamento
em mais de 10 bairros
• Construção do viaduto
• Reforma de estradas rurais
• Construção, reforma e ampliação
de hospitais
• Internet gratuita
• Iluminação da BR-040
• Inauguração e reforma de pontes
• Projeto Olho Vivo
• Reforma do Museu do Ouro, Museu
de Arte Sacra e Museu Histórico
E muito mais.
• Criação do Parque Municipal
• Construção de praças
• Inauguração da Rodoviária
109
109

CLASSIFICADOS

109 CLASSIFICADOS 1. VEÍCULOS 2. IMÓVEIS ÍNDICE SERVIÇOS 4. DIVERSOS 3. 5. TRABALHO

1. VEÍCULOS

2. IMÓVEIS

ÍNDICE

SERVIÇOS

4. DIVERSOS

3. 5. TRABALHO

CHEVROLET VECTRA Chalenge 01/01 - Cin- za - Completo + Couro - R$ 07/07 -
CHEVROLET
VECTRA Chalenge 01/01 - Cin-
za - Completo + Couro - R$
07/07 -
Prata -
Completa - R$
0 KM CROSSFOX 10/11 - Preto
AC/RL - R$ 14.500,00
FORD
28.900,00
SPACEFOX 08/08 - Prata - Com-
pleto - R$ 36.900,00
CAMINHÕES
- Completo + Airbag e ABS - R$
ASTRA 99/00 Gl Hacth - Verde -
Completo - R$ 15.900,00
23.500,00
50.800,00
STRADA ADVENTURE 1.8
06/07 - Prata - Completa / Só
rodou no asfalto - R$ 28.900,00
FIESTA STRETT 00/00 - Verde -
Básico - R$ 13.900,00
GOL 1.0 8V 98/98 - Vermelho -
Básica - R$ 9.800,00
8-120 01/01- Branco - Baú - R$
0
KM SAVEIRO CE Trend
SPACEFOX 07/08 - Prata - Com-
pleto - R$ 36.500,00
72.000,00
BLAZER 4.3 V6 03/04 - Prata -
Completa - R$ 29.900,00
VERANEIO Diesel 77/77 - Preta -
Direção Hidráulica - R$ 24.000,00
10/11 - Branco - DH/VE/TE - R$
STRADA ADVENTURE 1.8
05/05 - Preta - Completa - R$
F-1000 HSD 97/97 - Branca -
Completa - R$ 29.900,00
GOL 1.6 97/97 - Azul - VE/TE/
AL - R$ 10.300,00
36.800,00
SANTANA 2.0 03/03 - Preto -
Completo - R$ 21.000,00
MB 1313 86/86 - Azul - Truck
Graneleiro - R$ 68.000,00
FIAT
S10 08/09 Adv. - Flex - Prata -
Completa - R$ 50.900,00
GOL 1.0 8V 96/97 - Verde - RL/
0 KM SAVEIRO CS 10/11 - Bran-
25.900,00
AL/TE/VE - R$ 11.800,00
S10 04/05 4X4 - Diesel - Preta -
Completa - R$ 50.000,00
PALIO WEEKEND Adventure
10/10 - Prata - Dualogic - R$
PAMPA 94/94 - Branca - Básica
- R$ 7.500,00
ca - Ar Condicionado - Trio Elétri-
co - R$ 34.800,00
TOYOTA
MB 1313 79/79 - Azul - Caçamba
- R$ 65.000,00
GOL 1.8 95/95 - Preto - VE
-
48.900,00
STRADA TREKKING 1.8 05/06 -
Cinza - Completa - R$ 24.900,00
PAMPA 89/89 - Azul - Básica -
R$ 7.300,00
HILUX 3.0 SRV
07/08
4x4
R$ 8.900,00
S10 04/04 - Executiva - Azul -
Completa + Couro - R$ 51.500,00
PALIO WEEKEND 1.4 08/09 -
Cinza - Completa - R$ 35.900,00
UNO MILLE 06/06 2P - Azul - Ar
Condicionado - R$ 16.500,00
0 KM Saveiro CS Trend 10/11-
Vermelho - DH/VE/TE - R$
-
Preta - Manual - Completa - R$
MB 2213 76/76 - Verde - Caçam-
ba - R$ 68.000,00
GOLF
2.0
Confortline
06/07
88.900,00
33.700,00
-
Branco
-
Completo
-
R$
VOLKS
S10 02/02 - Diesel - Prata - Com-
pleta - R$ 43.000,00
VW 608 78/78 - Branco - Baú -
R$ 30.000,00
STRADA ADVENTURE 1.8
09/09 - Prata - Completa - R$
UNO MILLE 04/04 4P - Azul - Bá-
sico - R$ 14.500,00
35.500,00
HONDA
GOL G3 04/05 - Preto - AC - R$
0 KM AMAROK TRENDLINE
10/11- Prata - Completa - R$
17.900,00
FOTOSDOSVEÍCULOS:
S10 00/00 4x4 - Azul - Completa
- R$ 40.000,00
35.900,00
STRADA
UNO 93/94 4P - Vermelho - Bási-
co - R$ 8.900,00
GOLF 1.6 Generetion 04/04 -
Cinza - Completo - R$ 28.900,00
CIVIC 06/06 - Prata - Completo -
R$ 31.900,00
WWW.NOROESTEMOTORS.COM.BR
99.800,00
GOL 1.0 8V 00/00 - Vermelho -
ADVENTURE
1.8
 
    Compra • Venda • Troca •
 

Compra • Venda • Troca •

3676-9090

Consignação • Financiamento • Locação de Veículos •

FORD

 

-

Completo - R$ 27.000,00 -

-Trv -Al - R$ 9.800,00 - BKR-

Siena 1.0 - 04/04 - Prata

 
 

GQS-3743

6789

 

Dh - Vd - Trv - Al - R$ 19.000,00

 

FordFocus Gl 1. 1 - 04/05 - Pra- ta - Completo - R$23.500,00 -

 

Gol G4 - 1.0 - 07/08 - Prata

Completo - R$23.900,00 -

 

Palio Fire Economy - 09/10

R$

Prata

-

SienaFire 1.0 - 09/10 - Prata

JGI - 6394

 

-

-

-

-

   

LTZ-0816

 

JHD-5969

Completo

27.500,00 - HJL-0609

-

Completo - R$ 28.900,00 -

 

Versalles - 96/96 - Vinho - Completo - R$ 8.500,00 - JEH-

 

Gol Gts - 1.8 - 93/93 - Cinza Ar,Dh,Vd,Trv,Al,Rdd - R$ 8.500,00 - JDR-1454 Golf Automático - 02/02 - Prata - Completo - R$ 28.500,00 -

 

Palio Fire Economy - 09/10

R$

Cinza

HJL-0338

Siena

fire

 

05/06

Prata

9477

 

-

27.500,00 - HJL-0716

-

Completo

-

 

-

-

 
 

CHEVROLET

 

-

Completo - R$ 23.000,00 -

 

Palio Adventure 1.8 - 09/10

JGT-1552

 

Gm -Celta 4pts - 09/10 - Pra- ta - Completo - R$ 27.500,00

-

HJL-0806

     

-

Prata

-

Completa

-

R$

MOTOS

 

GYR-8470

44.900,00 - GQS-4076

 

Suzuki Burgman - 08/08 - Ama-

 
 

Saveiro - 1.6 Flex - 09/09 -

 

Palio Adventure - 1.8 - 09/10

rela - Completa - R$ 3.800,00

Gm - Celta 2pts - 10/10 - Prata

 

Prata - Ar - Dh - Vd - Trv - R$

Prata

Completa - R$

 

-

JVY-8793

 
 

-

-

-

Básico - R$ 22.900,00 - HMT-

     

6073

 

26.900,00 - GQS-3729

44.900,00 - GQS-4075

 

Yamaha YBR 125 - OKM - 10/11 - Vermelha - Básica - R$

 
 

FIAT

Palio Adventure - 1.8 - 09/10

Gm

-

Corsa Classic - 03/04

 

Cinza

-

Completa - R$

6.000,00 - OKM

 
 

Dourado -

Ar

 

Dh

 

R$

 

-

-

-

-

 

19.500,00

   

Fiat Línea Absolute - 09/09 - Prata - Dualogic completo - R$ 52.000,00 - HJL-0147

45.900,00 - HJL-0615 Palio ED 4pts - 97/97 - Prata - Básico - R$ 11.500,00 Strada Fire - 1 .4 - 09/10 - Pra-

ta - Completa - R$31.500,00 -

Honda Biz C 100 - 00/01 - Azul - Básica - R$ 2.800,00 - AJQ-

9622

 
 

VOLKS

 

Gol 16V - 01/01 - Prata - Com- pleto - R$ 14.500,00 - DEV-

5186

 

Fiat Uno Fire - 07/08 - Prata - Al - Trv - R$ 18.900,00 - HDO-

1140

Honda Biz C 100 - 04/04 - Azul

- Partida Eletrica - R$ 3.500,00

Gol G4 - 1.0 - 09/09 - Prata

Fiat Uno - 94/95 - Preto - Vê

GQS-4031

 

- NFE-2402

 
 

www.polloveiculosunai.com.br

 
 

Aqui você encontra ofertas imperdíveis para comprar seu semi novo

 
1 VEÍCULOS RENAULT
1
VEÍCULOS
RENAULT

Clio 03/03 Expression 1.6 16V vermelho, completo + air bags, som original c/ controle no volante, R$ 14 mil ou ágio R$ 5 mil + 39 de R$ 255 (exijo transferência). Particular (38)

9981-7256.

CHEVROLET

S-10

2002/2002 - COR BRAN-

- ANO

2.4

S

CA - CEL. (38) 9924-7306

- CAB. SIM-

-

PLES

OP: DH

FIAT

FIAT 147 OTIMO ESTADO ANO 1986/1986 - COR BEGE - CAMBIO 5 MA- CHA - RODA LIGA LEVE ARO 13 - (38)9834-

8107/9149-4040/36763882

- R$ 3.200.00

MOTO

2 IMÓVEIS
2 IMÓVEIS

ALUGA-SE APARTAMENTO COM ÓTIMA LOCALIZAÇÃO, no centro de Unaí, 2 quartos, 1 suíte, elevador, garagem, área de serviço e área social. Tratar: 38 8805-9010 ou 9990-5284

3 SERVIÇOS
3 SERVIÇOS

ESTÁ PRECISANDO CONSTRUIR OU RE- FORMAR? Valdomiro Pedreiro (38) 8808- 0184 (vivo). Qualidade

e pontualidade. 4 DIVERSOS
e pontualidade.
4 DIVERSOS

PLAYTATION 2 - DESB

- 2 CONTROLES - 1 ME-

MORIA CARD - + DE 20 JOGOS ZERO. R$ 320,00

- (38) 9834-8107 / 9149- 4040 / 3676-3882

JULHO SOM - RUA RON-

CADOR N 38 - (38) 9830-

4 DIVERSOS
4 DIVERSOS

MARCA PANTERA BOTA ALBA TAM P $ 100.00 TUDO NOVO

(38)9834-8107/9149-

4040/36763882

5 TRABALHO VAGAS DE EMPREGO SINE UNAÍ
5 TRABALHO
VAGAS DE EMPREGO
SINE UNAÍ

Rua Eduardo Rodrigues Bar- bosa, 180 - Prédio da FACTU Fone: (38) 3677-2086 Horário de funcionamento:

07h30min às 17h30min

15 Vagas para ajudante de viagem do sexo ma- sulino Exige: 1º Grau Completo, sexo masculino e 6 meses

de experiência

06 Vagas para carpinteiro

Exige: 1º Grau Completo,

sexo masculino e 6 meses de experiência.

03 Vagas para doméstica

Exige: Sexo feminino e 6

02 Vagas para mecânico

Exige: Sexo masculino e 6

YBR 125 - OTIMO ESTA- DO - COR PRETA - ANO 2005/2005 - (38)3676- 8835/8836-6662 - R$

3.000.00 FEM ROSA TAM P

6685 meses de experiência.

ROUPA DE CHUVA

5 TRABALHO meses de experiência.
5
TRABALHO
meses de experiência.

08 Vagas para motorista

Exige: 1º Grau completo,

sexo masculino, 6 meses de experiência e CNH D.

10 Vagas para padeiro

Exige: 1º Grau completo, sexo masculino e 6 meses de experiência.

03 Vagas para repositor

de mercadorias Exige: 1º Grau completo, sexo masculino e 6 meses de experiência.

01 Vaga para Segurança

Exige: 1º Grau completo, sexo masculino e 6 meses de experiência.

20 Vagas para servente de obras

Exige: 1º Grau completo, sexo masculino e 6 meses de experiência.

03 Vagas para serviços

gerais Exige: Ser portador de defi- ciência e 1º grau completo.

02 Vagas para vaqueiro,

para ordenha mecânica Exige: 1º Grau completo,

vaqueiro, para ordenha mecânica Exige: 1º Grau completo, 5 TRABALHO 5 TRABALHO sexo masculino e 6
5 TRABALHO
5
TRABALHO
5 TRABALHO
5
TRABALHO

sexo masculino e 6 meses

de experiência.

VAGAS DE EMPREGO SINE PARACATU

Praça Adelmar Silva Neiva,

147 - Bairrro Centro Telefone: (38)3672-1180

3672-1407

Ramais: 105/126

VAGA PARA

VENDEDOR PRACISTA

EXIGE: ENSINO MEDIO,

CNH

03 VAGAS

BALCONISTA

FARMACIA EXIGE: ENSINO MEDIO, E

DE

PARA

01

CATEGORIA “A”.

EXPERIENCIA.

01 VAGA PARA AUXILIAR DE LOGISTICA (PNE) EXIGE: ENSINO MEDIO COMPLETO, SOMENTE PARA PESSOA COM

DEFICIENCIA.

01 VAGA

PARA

03 VAGAS

PARA

DE

VENDEDOR

PERFUMARIA

EXIGE: ENSINO MEDIO,

E EXPERIENCIA EM

VENDAS.

01 VAGA

MECANICO DE AUTOS EXIGE: CONHECIMENTO NA FUNÇÃO

02 VAGAS PARA

SERRALHEIRO EXIGE: EXPERIENCIA NA

FUNÇÃO

01 VAGA

MOTORISTA OPERADOR

DE CAMINHÃO MUNK

EXIGE:

FUNDAMENTAL, CNH CATEGORIA “D” E EXPERIENCIA.

ENSINO

PARA

PARA

CUIDADOR DE IDOSO EXIGE: TRABALHAR EM BELO HORIZONTE

08 VAGAS

MOTOBOY EXIGE: CNH CATEGORIA “A”.

PARA

INSTRUTOR

INFORMATICA

EXIGE: FORMAÇÃO TECNICA OU SUPERIOR NA AREA

DE

VAGAS

PARA

EXIGE: FORMAÇÃO TECNICA OU SUPERIOR NA AREA DE VAGAS PARA www. portal interessante .com.br A qualidade
EXIGE: FORMAÇÃO TECNICA OU SUPERIOR NA AREA DE VAGAS PARA www. portal interessante .com.br A qualidade
EXIGE: FORMAÇÃO TECNICA OU SUPERIOR NA AREA DE VAGAS PARA www. portal interessante .com.br A qualidade
EXIGE: FORMAÇÃO TECNICA OU SUPERIOR NA AREA DE VAGAS PARA www. portal interessante .com.br A qualidade

www.

portal

interessante

.com.br

A qualidade do jornalismo do INTERESSANTE em breve na internet. W W W. P O
A qualidade do jornalismo do
INTERESSANTE em breve na internet.
W W W. P O R TA L I N T E R E S S A N T E . C O M . B R
S UA
M E L H O R
F O N T E
D E
N OT Í C I A S
COMUNICAÇÃO
W W W. P O R TA L I N T E R E S S

10 . Agricultura . Dezembro de 2010

10 . Agricultura . Dezembro de 2 010

Agricultura

Produtores leiteiros participam do primeiro Dia de Campo do Projeto Balde Cheio

U m total de 75 pro- dutores leiteiros e trabalhadores rurais

participaram, no dia 16 de dezembro, na Fazenda Saco Grande, do primeiro Dia de Campo do Projeto Balde Cheio, promovido pela Capul, em parceria com a Faemg e com a Itam- bé. O objetivo do encontro é promover o desenvolvi- mento sustentável da pe- cuária leiteira e repassar conhecimentos e tecnolo- gia, principalmente, para pequenos produtores lei- teiros.

Uma das dinâmicas do projeto é envolver par- cerias de diferentes elos como profissionais autôno- mos, poderes públicos, em- presas, entre outros, para que assim haja intensa tro- ca de informações. De acor- do com o coordenador do

projeto na cooperativa, Ju- liano Carneiro, várias dicas foram repassados para os produtores rurais com o in- tuito de que eles consigam aumentar a renda familiar. “Por isso, um dos temas foi

a alimentação do rebanho,

que tem cerca de 70% de

importância no processo de produtividade”, afirma. Apesar de necessitar de investimento, Juliano ga- rante que o retorno ocorre rapidamente. É o que atesta o produ- tor, José Evandro. Ele expli- ca que não se arrependeu de ter entrado no projeto e afirma que o resultado veio em menos de um ano. “Antes eu não trabalhava com o manejo intensivo de pastagens, depois que inseri eu reduzi os custos

com ração e tive aumento na produção de leite”, diz.

com ração e tive aumento na produção de leite”, diz. Palestras indicaram as novas tecnologias para

Palestras indicaram as novas tecnologias para o aumento da produtividade

as novas tecnologias para o aumento da produtividade Participantes ficaram atentos às recomendações Capul
as novas tecnologias para o aumento da produtividade Participantes ficaram atentos às recomendações Capul

Participantes ficaram atentos às recomendações

Capul promove 1º Encontro da Mulher Cooperativista

C erca de 300 mulhe- res participaram, no dia 27 de no-

vembro, do 1º Encontro de Mulheres Cooperati- vista da Cooperativa Agro- pecuária de Unaí (Capul). O evento foi realizado no Hotel Fazenda Curva do Rio e contou com a parce- ria da Itambé, do Serviço Nacional de Aprendiza- gem do Cooperativismo (Sescoop -MG), além da Organização e Sindicato Cooperativas de Minas Gerais (Ocemg). O encontro foi reali- zado pela primeira vez no município e teve como ob- jetivo capacitar e integrar as mulheres ao sistema Capul, visando prepará- las para se tornarem futu- ras cooperantes. “Temos o intuito de mostrar que as mulheres têm condições e que são capazes de fazer mais, de estarem atuantes

na cooperativa”, afirma a facilitadora, Denise Ranie- ri.

Diversas palestras vol-

tadas principalmente para

o público feminino, como

saúde da mulher, relações interpessoais e educação ambiental foram ministra- das. Zuza Machado, diretor presidente da Capul, diz que as mulheres estão di- retamente envolvidas no bom andamento dos negó- cios agropecuários. “Hoje elas são responsáveis por grande parte da adminis- tração rural, isso quando elas não tocam sozinhas”, afirma e reitera, “precisa- mos valorizar essas mu- lheres, elas que tomam conta da casa no dia-a-dia, que dão suporte para os maridos”. Em uma segunda mo- mento do encontro, as par- ticipantes se reuniram e

mo- mento do encontro, as par- ticipantes se reuniram e A adesão de cerca de 300

A adesão de cerca de 300 mulheres conceituou o encontro

apontaram sugestões que poderiam ser colocadas em prática com o intuito de efetivar ainda mais as

mulheres ao sistema Ca- pul, todas as dicas foram repassadas para a direto- ria. “Sou cooperativista e

adorei o evento. Minha re- lação com a Capul é mui- to boa”, diz a cooperada, Guiomar Calazans.

A idéia é dobrar, ain- da no próximo ano, o nú- mero de participantes no evento.

diz a cooperada, Guiomar Calazans. A idéia é dobrar, ain- da no próximo ano, o nú-

12 . Saúde e Bem Estar . Dezembro de 2010

12 . Saúde e Bem Estar . Dezembro de 2 010

Saúde e Bem Estar

Antibiótico,

agora só com receita

2 010 Saúde e Bem Estar Antibiótico, agora só com receita As novas regras podem aumentar

As novas regras podem aumentar a procura por atendimento no serviço público

“M inha tia ficou muito ruim no hospital

pulação a necessidade de procurar um profissional capacitado para que anti-

após tomar medicação sem receita médica. Agora to- dos terão que consultar e o hábito da automedicação

bióticos sejam vendidos de forma adequada. De acordo com as in- formações do presidente

sairá dos costumes”, afir- ma a dona de casa, Maria Abadia. A preocupação da dona de casa reflete o pensamento de muitos brasileiros. Acostumados

da Associação das Farmá- cias e Drogarias de Unaí (AFDU), Floriano Colatto, uma das grandes dificulda- des de adequação das far- mácias às novas regras foi a falta de receita médica de

a

escolher os próprios

duas vias nos consultórios

remédios, em gôndolas expostas nas farmácias, muitos já possuem o hábi-

médicos. “Aconteceu uma reunião em Brasília e ficou acordado entre farmacêu-

to de adquirir medicamen- tos sem receitas médicas. Novas regras da Agência

ticos e Anvisa, que poderá ser aceita a receita de uma via, desde que as farmácias

Nacional de Vigilância Sa- nitária (Anvisa) publicada recentemente no Diário Oficial da União, torna-se obrigatória, após dia 28 de novembro, a apresentação

preencham todos os dados exigidos pela lei, como nome do médico, regis- tro profissional, e outros”, conclui. Aprígio Silva, diretor

da

receita para a aquisição

da Gerência Regional de

de

antibióticos. A medida

Saúde, acredita que mes-

pretende mudar os hábitos brasileiros e incutir na po-

mo com as entraves de adaptação, as novas regras

beneficiarão os brasileiros. “Eu acho que essa foi uma decisão muito sábia, o que se verificava era a venda de antibióticos sem controle,

e com o novo sistema será

possível coibir a automedi- cação e automaticamente fazer com que a população busque orientação médi- ca com mais freqüência”, afirma. Uma das pedras no sa- pato da nova regra é a pos- sibilidade de comprometer ainda mais o quadro de saúde dos pronto-atendi- mentos existentes em vá-

rias regiões do país, devido

a necessidade de possuir

uma receita médica para se adquirir os antibióticos,

como prevê Maria Abadia,

“o que me preocupa é que

o sistema de pronto aten-

dimento do país é lento e em alguns lugares ineficaz, isso pode complicar a situ- ação de pessoas que neces- sitem da receita médica com urgência”.

Seminário DST/Aids é realizado em Unaí

com urgência”. Seminário DST/Aids é realizado em Unaí Diversas palestras foram ministradas durante os cinco dias

Diversas palestras foram ministradas durante os cinco dias de evento

O 4º Seminário Re- gional de DST/ Aids realizado

juntamente 1º Semana Municipal de Prevenção

e o 1º Fórum de Diver- sidade Sexual ofereceu uma gama de palestras de diferentes enfoques. Com temas que en- volviam os interesses de portadores, parentes, comunidade em geral, além de pregar a preven- ção à doenças, principal- mente, entre o jovens, os seminários e peças de teatro foram divididos entre os dias 6 e 10 de

dezembro, no salão so- cial da sede da Socieda- de São Vicente de Paulo (SSVP). De acordo com a co-

ordenadora do Serviço de Atendimento Médico Especializado (Same), Eliane Maia, as expec- tativas quanto ao conte- údo foram atingidas. “O público ficou muito sa-

tisfeito com as palestras. Discutimos temas abran- gentes”, ressalta. Ela explica que a im- portância do compareci- mento do público refle- te na conscientização e sensibilidade de profis- sionais da área de saú- de, educação e da ação social para que possam receber pacientes sem preconceito. “Quanto a pouca representativida- de, entendo a dificulda- de de mobilização das pessoas dos outros mu- nicípios”, afirma. No primeiro dia do evento, o vice-presi- dente do Grupo Estru- turação, Michel Platini, ministrou uma palestra voltada para o grupo Lésbicas, Gays, Bissexu- ais e Travestis (LGBT). Foi a primeira vez que o segmento pôde confe- rir uma palestra voltada para os seus interesses. No mesmo dia, houve

um fórum em apoio aos portadores do vírus HIV. Na terça-feira, se- gundo dia do encontro,

a ênfase foi a conscien- tização da comunida-

de. Durante o terceiro e quarto dias, os jovens fo- ram o público-alvo. O grupo teatral Fênix, apresentou o espetácu- lo adaptado “Sonho de Uma Noite de Verão”, de William Shakespeare. De acordo com a fi- sioterapeuta participan- te, Simone Fernandes Mazzoni, todas as temá- ticas apresentadas são fundamentais para que

o assunto seja desmisti-

ficado. Ela acredita que

o trabalho de conscienti-

zação ajuda as pessoas a procurarem o tratamento mais rápido. “Isso é im- portante para que as pes- soas entendam que to- dos estão sujeitos a uma DST”, avalia.

mais rápido. “Isso é im- portante para que as pes- soas entendam que to- dos estão
Dezembro de 2010 . Cultura e Sociedade . 13

Dezembro de 2010 . Cultura e Sociedade . 13

Cultura e Sociedade

Tombado Centro Histórico de Paracatu

O conselho consultivo do Instituto do Pa- trimônio Histórico e

Artístico Nacional (Iphan), decidiu por unanimidade,

no último dia 10, no Rio de Janeiro, tombar o núcleo

histórico de Paracatu. Du- rante a defesa, foram apre- sentados ao conselho a im- portância do município no contexto histórico-nacional em relação ao desbrava- mento do interior do País.

O município passa a fazer

parte de um seleto grupo

de 10 cidades mineiras re- conhecidas nacionalmente. A secretária da cultu- ra do município, Marina Cunha, enfatizou a impor- tância da comunidade nes-

sa decisão. Segundo ela, vá-

rios moradores trabalham para manter a conservação das edificações e casarões históricos de Paracatu. Marina diz ainda que o próximo passo é trabalhar no setor turístico do muni- cípio, já que há a possibi- lidade de aumentar o nú- mero de turistas. “Temos que estar mais preparados no que se refere às pousa- das, hotéis e restaurantes, por exemplo”, afirma. A idéia é que um historiador

por exemplo”, afirma. A idéia é que um historiador Com o tombamento, Paracatu passa a ser

Com o tombamento, Paracatu passa a ser uma das 10 cidades mineiras reconhecidas nacionalmente

acompanhe todos os grupos de turismo que visitarem a

cidade. O discurso durante a decisão do tombamento do diretor do Departamento de Patrimônio Material e Fis- calização do Iphan, Dalmo Vieira Filho, deixa claro que a cidade é repleta de detalhes da contextualiza- ção histórica do Brasil. Ele explica que o ar- raial começou a se formar a partir da instalação de pequenas fazendas de gado na região, através do ciclo do couro, ainda no século

XVII. Entretanto, realmente tomou forma e desenvolvi- mento no próximo século, com o ciclo do ouro. Dalmo afirma que en- tre os dois ciclos, Paracatu foi se tornando um elo de referência entre Estados li- torâneos como Pernambuco e Rio de Janeiro e o desbra- vamento para o povoamen- to de Estados como Goiás e Tocantins. O resultado des- sa mistura, é um caldeirão cultural que ainda hoje é preservado pelos paraca- tuenses, como a culinária, as manifestações religiosas

e artísticas. O diretor da Diretoria de Contratos de Tecnolo- gia do Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi), Breno Bello de Al- meida, que esteve presente no dia da votação, salien- tou que o tombamento de Paracatu não seria feito de forma descompromissada, já que existe no município uma legislação de prote- ção das edificações e um engajamento próprio da sociedade civil quanto à preservação e defesa do pa- trimônio.

Movimento cultural atrai pessoas para a praça JK

trimônio. Movimento cultural atrai pessoas para a praça JK Além da exposição de poemas o movimento

Além da exposição de poemas o movimento contou também com artesanatos

C om o objetivo de apresentar os traba- lhos de diferentes

artistas municipais e tam- bém chamar atenção para a ausência de incentivo do poder público para os movi- mentos culturais, um grupo de artistas realizou, no dia 17 de dezembro, na Praça da Prefeitura, o Prote(x)to Poético. O evento reuniu traba- lhos de artistas, como poe- mas, artesanatos e objetos de colecionadores para incentivar a cultura local. De acordo com um dos or-

ganizadores, Auro Sérgio de Oliveira, o grupo rece- beu apoio da área privada

e visa desmistificar a ne-

cessidade burocrática para

a realização dessas espé-

cies de evento. “Precisamos simplesmente do apoio das pessoas”, afirma. Segundo uma visitante, Mariana Soares, essa sim- plicidade foi fundamental para que o movimento fos- se um sucesso. “O mundo poético está aí para ser ex- plorado. Não encontro isso, nem no trabalho, nem no dinheiro”, diz.

sucesso. “O mundo poético está aí para ser ex- plorado. Não encontro isso, nem no trabalho,
sucesso. “O mundo poético está aí para ser ex- plorado. Não encontro isso, nem no trabalho,

14 . Cultura e Sociedade .

Dezembro de 2010

14 . Cultura e Sociedade . Dezembro de 2010

Receita

O Melhor Pernil de Natal

O Melhor Pernil de Natal Ingredientes:  1Pernil frescocompele  3cebolas  2cenouras  1 cabeça

Ingredientes:

1Pernil frescocompele

3cebolas

2cenouras

1 cabeça de alho

1Kg de toucinho fresco

1 garrafa de vinho branco

Sal

Pimenta do reino

Modo de Preparo

Primeiro Passo: Marinar a carne

Esfregue a carne com a pimenta do reino. Bata uma cebola no liquidificador com metade do vi- nho branco. Coloque o pernil na última gaveta da geladeira e despeje a mistura de vinho branco no pernil, sem molhar a pele. Deixe de um dia para ooutro.

Segundo Passo: Preparar para assar

Retire a carne da geladeira e esfregue somente

a pele comsal. Isso desidrata a pele, deixando-a

mais seca. Tire a pele do toucinho e corte o em ti-

ras finas. Insira as tiras de toucinho na carne. Com

o cozimento, a gordura do toucinho vai derreter e enriquecer acarne. Insiratambémlâminasdealho. Pré-aqueça o forno na temperatura mais alta possível. Fatie as cebolas restantes e corte as cenouras em cubos grandes. Salgue o pernil. Espalhe os legumes numa assadeira e coloque o pernil por cima.

Terceiro Passo: Assar

Coloque a assadeira no forno e asse a carne em fogo forte por uns 15 a 20 minutos. Depois, redu- za para a temperatura mais baixa possível. Se seu

forno for muito forte, além de abaixar a tempera- tura, cubracompapel alumínio. Assepor 8horas

e o resultado final será uma peça de carne para

fatiar. Se assar por 10 horas, o resultado final será uma peça de carne para desfiar, fica á critério. Depois disso, remova a carne da assadeira e colo- quenumatravessaparaservir. Mantenhaquente no forno desligado.

Quarto Passo: O molho

Você vai notar que a assadeira ficou cheia de pedaços de carne, cebolas e cenouras doura- das. Remova o excesso de gordura da assadeira

e leve-a ao fogo, na chama do fogão mesmo.

Derrame o restante do vinho branco e mexa com uma colher de pau para sol- tar todos os sólidos grudados na assadeira. Transfira o líquido para uma panela pequena e reduza a metade. Coe o molho e tempere com sal e pimenta do reino. Se quiser engrossá-lo, misture duas partes de manteiga amolecida com uma de farinha e em seguida adicione no molho. Mantenha-oaquecido.

Quinto Passo: A pururuca

Utilize um maçarico. Dirija a chama diretamen- te na pele, tomando cuidado para não queimar. Outro método é derramar óleo fervendo sobre a pele. Sirva o pernil com o molho ao lado e espere os elogios!

Humor

Mania feia

O trânsito estava congestionado e o

inevitável buzinador não deixava a bu- zina em paz. Então, uma moça no carro ao lado, debruçou-se na janela, perguntando em tom amável:

- E o que mais o senhor ganhou no natal?

Latinha de cerveja Um português entrou numa pa- daria e pediu uma cerveja em lata. O balconista entregou-lhe a cerveja e qual não foi sua surpresa quando viu o portuga sacar um abridor de latas do bolso e começar a abrir a cerveja. - Tá maluco, ô cara! - resmungou in- conformado. - Você não sabe para que serve essa argolinha em cima da lata? - Orapois, masclaroquesei! Éparaaque- les que esquecem de trazer o abridor!

Profissão

- O que seu pai faz, Juquinha?

- Meu pai está desempregado.

- Mas o que ele faz quando tem tra-

balho?

- Caça elefantes na Amazônia.

- Ora! No Brasil não existem elefan-

tes!

- Por isso ele está desempregado.

Cantada

rapaz

para a moça e diz:

Aquele

paquerador

chega

-

Puxa como você é bonita!

E

ela responde:

-

Pena que eu não possa dizer o mes-

mo!

E

ele sem perder o rebolado:

-

Faça como eu, minta!

Jogue a corda

O Manuel estava pescando em com-

panhia de um amigo. Em um dado mo-

mento, o amigo escorrega, cai na água e começa a se afogar.

- Socorro! Me ajude! - grita o ho- mem.

O Manuel, coitado, ficou apavora-

do, sem saber o que fazer, já que tam- bém não sabia nadar.

- Socorro! Socorro! – gritava o náu-

frago que, num impulso de desespero, avistou um rolo de corda ao lado do Manuel.

- A corda! A corda! Joga a corda!

- Ta maluco? Jogo não, ora essa! -

exclamou. - Onde já se viu? Já está se afogando e ainda pensa em se enforcar!!

Trabalho ou Prazer? O diretor de informática de uma grande empresa de mídia sentado em

sua enorme sala sem absolutamente

nada para fazer, começa a pensar sobre

o que é trabalho e o que é lazer no seu

dia-a-dia. Após uma enorme lista de diversões ele chegou ao item da transa com sua esposa, com a qual já está casado há 15 anos. Sem conseguir concluir ao certo se transar com sua esposa é trabalho ou prazer ele chama o vice-diretor em sua sala. Um pouco menos desocupado,o vice pára de ler as reportagens sobre a empresa que haviam sido publicadas

no jornal e vai até a sala do presidente que lhe pergunta:

- Transar com minha esposa é traba-

lho ou prazer? O vice pensa alguns segundos e in-

certo da resposta pede duas horas para responder. Volta para sua sala, chama o dire-

tor gerente da empresa e faz a mesma

pergunta:

- Quando o presidente dorme com a

mulher dele é trabalho ou prazer? - dan- do ao diretor geral o prazo de uma hora para responder. Imediatamente o diretor geral, mes-

mo sem nada pra fazer, delega a função

para ao diretor de informática que pas-

sa a pergunta para o gerente de setor e

assim vai até chegar ao líder de equipe,

que fica na dúvida e vai até a mesa do

seu estagiário - Você tem cinco minutos pra desco-

brir se quando o presidente transa com

a

mulher dele é trabalho ou prazer!!!

O

estagiário então, sem parar de traba-

lhar olha para o seu líder e responde:

- É prazer.

Espantado com a rapidez e confian-

ça da resposta do estagiário o líder per-

gunta:

- Mas como você tem tanta seguran-

ça em sua resposta.

Ainda sem parar de trabalhar o esta- giário responde:

- Porque se fosse trabalho, seria eu

quem ia fazer.

resposta. Ainda sem parar de trabalhar o esta- giário responde: - Porque se fosse trabalho, seria
Dezembro de 2010 . Policial . 15

Dezembro de 2010 . Policial . 15

Policial

Polícia Militar e Civil cumpre 17 mandados em Riachinho

As polícias Civil e Mi-

litar realizaram, no dia 17

de dezembro, no municí-

pio de Riachinho, a Ope-

ração Riacho das Pedras. Com o objetivo de comba-

ter o tráfico de entorpecen-

tes, policiais cumpriram 17 mandados de busca e apreensão. Sete pessoas foram presas, acusadas de posse ilegal de arma

de fogo, posse e tráfico de

drogas e violação de direi-

tos autorais. Os crimino-

sos foram investigados por policiais de Bonfinópolis

de Minas.

A operação começou

às 2h30 com o planeja- mento da ação e, depois, houve deslocamento de 11

viaturas para o município.

A operação culminou às

15 horas, após a apreensão

A operação culminou às 15 horas, após a apreensão A operação cuminou na prisão de sete

A operação cuminou na prisão de sete pessoas

e prisões em flagrante.

Com as pessoas pre- sas foram apreendidos diversas pedras de crack, dinheiro em espécie, ele- troeletrônicos, além de co-

piadoras de CD´s e DVD´s. De acordo com o delegado

regional, Marcos Tadeu, a operação conseguiu atin- gir o fornecedor. “Isso é importante. Não pegamos o varejista e sim o fornece- dor”, afirma. Segundo o tenente Braga, do 28º Batalhão da

Polícia Militar, havia ne- cessidade de realizar uma operação de grande porte no município. “Havia um clamor público naquela cidade e nós estamos re- alizando nosso trabalho”, diz.

PM prende quatro assaltantes dos Correios em Chapada Gaúcha

A Polícia Militar (PM)

conseguiu desarticular parcialmente uma quadri- lha que praticava crimes

na região. Quatro dos sete

criminosos que assaltaram,

no dia 03 de dezembro, o

Posto Bancário dos Cor- reios de Chapada Gaúcha, localizada a 250 quilôme- tros de Unaí, foram presos. Um deles, conhecido como

Negão, reagiu a prisão e foi morto. Foram levados R$ 3,5 mil. De acordo com infor- mações da PM, Luis Alber-

to Barbosa de Sena e Éder

França de Lima, ambos moradores de Luziânia,

foram encontrados um dia após o assalto. Com eles, foram apreendidos, uma metralhadora, uma pistola, munições, dinheiro, entre outros. Ainda de acordo com a PM, o trabalho de inteligên- cia do 28º Batalhão conse- guiu informações de que a quadrilha atuava também no Estado de Goiás. Uma viatura que trabalhava em um bloqueio próximo à ci- dade de Chapada Gaúcha, conseguiu, no dia 11 de de- zembro, prender outro in-

tegrante da quadrilha: Ar- tunes Diniz Barreto Lima. No mesmo dia, após

quadrilha: Ar- tunes Diniz Barreto Lima. No mesmo dia, após Armamento pesado foi apreendido em posse

Armamento pesado foi apreendido em posse dos autores

uma denúncia anônima, Cássio de Sousa Carneiro, foi preso próximo ao Vila- rejo da Igrejinha, a cerca de

90 quilômetros de Chapada Gaúcha. A PM trabalha na captura dos dois últimos integrantes da quadrilha.

Curtas

PM abre inscrições para Guarda-Mirim em Paracatu

O 45º Batalhão da Polícia Militar de Paracatu, está com

as inscrições abertas para Guarda- Mirim. São exigidos que a faixa etária dos adolescentes corresponda entre 13

e 16 anos de idade, além de ser necessário que estejam

matriculados ou freqüentando alguma escola pública do município. Durante o ato de inscrições os pais ou res- ponsáveis devem estar munidos com a Certidão de Nasci-

mento ou Registro Geral (RG) do adolescente e de algum comprovante de endereço. As inscrições deve ser feitas na sede da Guarda-Mirim, entre os dias 18 e 25 de fevereiro. Os horários são divididos em dois turnos, das 8h30 às 11h

e das 14h30 às 17h30. Informações sobre a prova serão repassadas no ato de inscrição.

PM prende homem acusado de homicídio

A Polícia Militar (PM), de Paracatu, prendeu em flagrante,

por volta das 18h, no dia 19 de dezembro, Enoque Ferreira dos Santos, de 28 anos. O rapaz estava próximo a uma la- goa na Chácara Novo Horizonte, sentido Unaí. Ele é acu- sado de assassinar em um bar do município, por volta das 3h30 do mesmo dia, um rapaz, que tem várias passagens por furto de veículos, conhecido apenas como Jhonatan. De acordo com informações da PM, Enoque atirou quatro vezes contra Jhonatan. Dois disparos atingiram as costas

e outro atingiu a nuca. Ainda segundo a Polícia, a vítima

foi socorrida e encaminhada para o Hospital Municipal de Paracatu. Após ser preso, Enoque confessou o assassinato

e indicou o local que estava a arma do crime.

Municipal de Paracatu. Após ser preso, Enoque confessou o assassinato e indicou o local que estava
Municipal de Paracatu. Após ser preso, Enoque confessou o assassinato e indicou o local que estava
Municipal de Paracatu. Após ser preso, Enoque confessou o assassinato e indicou o local que estava

16 . Esporte .

16 . Esporte . Dezembro de 2010

Dezembro de 2010

Esporte

Sol forte mantém ritmo dosado na 2ª Corrida Rústica

O s participantes da

2ª Corrida Rústica

da Associação dos

Corredores de Rua de Unaí

(Ascoruna), tiveram que en- frentar duas batalhas. O sol e calor fortes, além dos adver- sários. Os 54 atletas, dividi- dos em diversas categorias, tiveram que cumprir um per- curso de sete quilômetros. A corrida começou às 18 horas, no dia 18 de dezembro, no calçadão do Córrego Cana- brava. O evento contou com

a parceria da Secretaria de

Juventude, Esporte e Lazer (SEJEL). Todos os participan- tes foram premiados Apesar de muitos corre- dores terem poupado ener- gia para uma corrida que ocorreu em Paracatu no dia seguinte, o ritmo emprega- do na competição foi forte.

Atletas experientes, tanto da categoria feminina quanto a masculina, levaram o primei-

ro lugar na colocação geral. Segundo o vencedor na colocação geral masculina, o atleta de Brasília, Francisco

geral masculina, o atleta de Brasília, Francisco Depois da largada, o ritmo dos atletas diminuiu devido

Depois da largada, o ritmo dos atletas diminuiu devido ao calor intenso

de Assis Freira, a corrida foi

acirrada e o calor forte exigiu que os corredores soubessem dosar o ritmo da prova para não perder colocações. “Ti- nha um pessoal com ritmo muito forte”, afirma. Expe- riente e com muita bagagem nas costas, Francisco diz que

é a terceira vez que corre

no município, apesar de já ter participado de algumas

maratonas. “A última foi em Buenos Aires”, recorda.

Em segundo lugar na colocação masculina ficou

o unaiense, João de Faria.

Além de integrante da Asco-

runa e um dos organizado- res do evento, João corre há mais de 20 anos. Ele afirma que o segundo lugar foi uma boa colocação, já que preci- sava guardar energias para a corrida no dia seguinte, em Paracatu. “Foi uma prova pu- xada, muito rápida. Só perdi

para um atleta profissional com um currículo repleto de maratonas”, ressalta. Evanderlina Maria Men- des foi a vencedora na cate- goria feminina. Representan- te unaiense pratica o esporte

há seis anos e afirma que faz de tudo para corresponder o

público da cidade. Apesar de reclamar do sol forte e calor, chegou bem a frente da se- gunda colocada, a brasilien- se, Maria Patrícia. “Faço de tudo para representar bem nosso município. Já venci oito maratonas, a última, em Vazante”, diz. A classificação geral masculina terminou assim:

em terceiro lugar, Rogério Paulo, em quarto, Júnior Fer- nandes e em quinto, Carlos Alexandre. No feminino: ter- ceiro lugar ficou com a Cléia, quarto, Luciana Aparecida e em quinto, Vanda Maria.

Curtas

Atletas unaienses participarão da Corrida de São Silvestre

Corredores unaienses vão participar, pela primeira vez, da Corrida de São Silvestre. Em tradicional, a corrida está na sua 86º edição e ocorre anualmente, no dia 31 de dezem- bro, em São Paulo. Todos fazem parte da Associação dos Corredores de Rua de Unaí (Ascoruna) e possuem mais de 10 anos de atletismo. Os corredores, Mandin, Adilson Flutuoso, José Milton, Antônio Reis e Luciano José Ferreira tem treinado com afinco para participar do evento. “Temos treinado o ano todo para essa corrida”, afirma Mandin. Os corredores vão por meio de uma excursão que sairá de Brasília com destino à São Paulo. Eles irão participar juntamente com outros 25 mil atletas que já se inscreve- ram na competição.

Corrida Rústica tem recorde batido

A 13º edição da tradicional Corrida Rústica da Lagoa de

Paracatu, a Meia Maratona Country, ocorreu no último dia 19 e contou com 20 atletas de Paracatu e região. O

percurso de 21 quilômetros, teve início e fim no campo da Ponte Santa Rita, rodovia MG – 288. Os quatro primeiros colocados foram recompensados com troféus e premia- ção em dinheiro.

A largada foi às 9 horas e o percurso exigiu força e habili- dade dos atletas. Foram 14 quilômetros no asfalto e sete quilômetros na terra.

O primeiro lugar ficou com Adelson Santos, de 30 anos. O

corredor quebrou o recorde da competição com 1h 6min e 32 segundos. Em segundo lugar ficou Henrique Maciel, em terceiro Cleyson da Conceição e em quarto de Francis- co Freire.

32 segundos. Em segundo lugar ficou Henrique Maciel, em terceiro Cleyson da Conceição e em quarto
32 segundos. Em segundo lugar ficou Henrique Maciel, em terceiro Cleyson da Conceição e em quarto