Sie sind auf Seite 1von 10
P R O F E S S O R matemática • física • química Rua
P
R
O
F
E
S
S
O R
matemática • física • química
Rua Industrial José Camilo da Silveira, 553 - Fátima - 3232-6589 / 9974-3389

Q U Í M I C A

Aluno(a): (FUVEST) Um químico precisa identificar 3 blocos produzidos com plásticos de 3 3 3
Aluno(a):
(FUVEST) Um químico precisa identificar 3 blocos produzidos com plásticos de
3
3
3
3
3
3
3
(FUVEST)
01 10
01
10
01
01

diferentes densidades (polipropileno: 0,80 g/cm , poliestireno: 1,04 g/cm e policarbonato:

1,09 g/cm ) empregando, para tanto, água (densidade: 1,00 g/cm ) e uma solução de NaCl:

1,20 g/cm (solução A). Isso não pode ser feito, usando-se somente a água e a solução A, pois é possível identificar o bloco de polipropileno (único que flutua em água), mas não se pode distinguir o bloco de poliestireno do de policarbonato (ambos afundam na água e flutuam na solução A). Para resolver o problema, o químico preparou duas outras soluções de NaCl menos densas: solução B (densidade: 1,10 g/cm ) e solução C (densidade: 1,05 g/cm ). A identificação dos 3 blocos pôde, então, ser efetuada, empregando-se:

a) água e solução B.

b) água e solução C.

c) soluções A e B.

d) soluções A e C.

e) soluções B e C.

02
02
A e B. d) soluções A e C. e) soluções B e C. 02 Supondo que

Supondo que o fogão forneça uma chama, com fluxo de calor constante, e tendo em conta o diálogo da tirinha apresentada, o gráfico que representa a temperatura da água, em função do tempo, durante o processo de aquecimento, desde o início do mesmo até a sua completa evaporação, é:

a) b) c) d) e) 03 (FUVEST) Em um mesmo local, a pressão de vapor
a)
b)
c)
d)
e)
03
(FUVEST)
Em um mesmo local, a pressão de vapor de todas as substâncias puras
líquidas:
a) tem o mesmo valor à mesma temperatura.
b) tem o mesmo valor nos respectivos pontos de ebulição.
c) tem o mesmo valor nos respectivos pontos de congelação.
d) aumenta com o aumento do volume de líquido presente, à temperatura constante.
e) diminui com o aumento do volume de líquido presente, à temperatura constante.
04
(FESP-96) O quociente entre as massas mB/mA de dois elementos que reagem
exatamente entre si é igual a 1,5. Juntando-se 240,0g de A e 240,0g de B, após o término da
reação, pode-se concluir que:
a) Os elementos A e B, reagem completamente originando 480,0 g do produto formado.
b) A massa do produto formado é 400,0 g e há excesso de 80,0 g do elemento B.
c) A massa do produto formado é 400,0 g e há excesso de 80,0 g do elemento A.
d) Há excesso de 8,0 g do elemento B e 72,0 g do elemento A.
e) A massa do produto formado é de 320,0g e há excesso de 160,0g de A.
05
(UPE 2012) Os principais personagens do filme “Quarteto Fantástico” (20th Century
Fox,
2005) sofreram mutações que lhes conferiram superpoderes. O corpo de Victor Von
Doom, o Dr. Destino, passou a ser constituído de uma liga metálica orgânica; mais dura que o
diamante e formada por um metal mais forte que o titânio ou o aço carbono. No confronto
final
do filme, o Tocha Humana e a Mulher Invisível criaram um campo de chamas em torno
desse vilão. Ele ardeu dentro do fogo, mas resistiu, ficando totalmente incandescente. Nesse
exato momento, quando ainda estava ao rubro, como o ferro em brasa, Ben, O Coisa, dirigiu-
lhe um intenso jato d’água. Uma cortina de vapord’água foi produzida, deixando-o encoberto.
02
10
Após o vapor ser lentamente dissipado, reapareceu a imagem do vilão: sem vida, em pé,
Após o vapor ser lentamente dissipado, reapareceu a imagem do vilão: sem vida, em pé,
como se fosse uma estátua de metal. Baseando-se nos conceitos científicos, atualmente
aceitos, a morte do Dr. Destino no filme“Quarteto Fantástico” teria sido causada pela:
a)
fusão entre os diferentes componentes do seu corpo que o transformaram em um
diamante.
b)
liberação do metal da sua liga mutante que se localiza no segundo período da tabela
periódica.
c)
modificação da sua estrutura interna que ficou bem mais rígida após o choque térmico
sofrido.
d)
sublimação das moléculas de água que lhe causaram uma solidificação destrutiva muito
rápida.
e)
transformação do seu corpo em um sólido iônico que enrijeceu após o contato com o jato
d’água.
06
(FUVEST) Um sólido de cor branca foi submetido à análise química e foram obtidos os
seguintes resultados:
I. O sólido dissolveu-se totalmente em água, a 25ºC.
II.
A
solução resultante da dissolução do sólido em água apresentou alta condutibilidade
elétrica.
III. A
solução obtida apresenta caráter básico.
IV. O sólido fundiu a uma temperatura bem definida.
A conclusão de que esse sólido pode ser uma substância pura está baseada apenas em:
a) I e II.
b) II e III.
c) III.
d) IV.
e) I, II e IV.
07
(UFC) Dentre as opções abaixo, marque a que apresenta fortes indícios de que a
amostra nela descrita é um elemento:
a) Um sólido azul que é separado em dois por método físico.
b) Um líquido preto que apresenta faixa de temperatura durante a ebulição.
c) Um líquido incolor que se transforma em sólido incolor por resfriamento.
d) Um sólido branco que, por aquecimento, se torna amarelo e, depois, novamente branco,
ao resfriar.
e)
Um sólido preto que queima completamente em oxigênio, produzindo um único gás
incolor.
08
Um grama de hidrogênio reagiu completamente com 8 g de oxigênio e produziu água.
Numa outra experiência, 1,0 g de hidrogênio reagiu com 20 g de cálcio e produziu 21 g de
hidreto de cálcio. Provavelmente, a massa de cálcio que irá reagir com 320 g de oxigênio e a
massa de cal a ser produzida serão respectivamente:
a) 200 g e 520 g
b) 320 g e 640 g
c) 500 g e 1000 g
d) 800 g e 1120 g
e) 500 g e 900 g
03
10
09 Uma amostra de um elemento A é formada de três isótopos A , A
09
Uma amostra de um elemento A é formada de três isótopos A , A e A . A porcentagem
1
2
3
do isótopo A é igual a três vezes a porcentagem do isótopo A . Considerando que a massa
atômica desse elemento seja 1,25 u, determine a porcentagem do isótopo A , sabendo que as
massas atômicas dos isótopos A , A e A são, respectivamente, 1,0 u, 2,0 u e 3,0 u.
2
3
1
1
2
3
a) 10%
b) 25%
c) 50%
d) 75%
e) 80%
10
Dois elementos X (16u) e Y (14u) reagem formando os compostos A, B e C. A razão
entre massas diferentes de Y que reagiram com uma massa fixa e X nos compostos A, B e C é
1:3:5. Sabendo-se que 32 partes em massa de X combinam-se com 84 partes em massa de Y
na formação de B então em C, quantas partes em massa de Y devem reagir com 16 partes de
X?
a) 14
b) 42
c) 70
d) 84
e) 95
11
(UPE 2005) A água é essencial à vida em nosso planeta. Analise as afirmativas
referentes a esse líquido precioso e marque a alternativa que indica o número de afirmações
corretas:
I.
A
água própria para o consumo humano é chamada de água potável, que é insípida,
incolor, isenta de quaisquer vestígios de gases atmosféricos ou sais minerais dissolvidos.
II.
Em laboratório de química, quando um químico se refere a uma amostra de água,
chamando-a de “dura”, está se referindo ao gelo.
III.
A adição, nos rios, de grandes quantidades de água quente, provenientes de indústrias,
torna o ambiente impróprio para a vida de espécies aquáticas, pois haverá a diminuição da
quantidade de oxigênio dissolvido nas águas dos rios.
IV. As águas subterrâneas são totalmente puras, contendo exclusivamente moléculas de água,
pois
ainda não foram expostas aos agentes contaminantes presentes no solo superficial e no
ar atmosférico.
V.
A
“água pesada” apresenta as mesmas propriedades físicas da água comum, diferindo,
apenas, na densidade, que é duas vezes maior que a da água comum.
a) uma
b) duas
c) três
d) quatro
e) cinco
12
8,80 gramas de um composto de fórmula XY Z foram preparados pela combinação de
2
4
23
10 gramas de X, 3 x 10
átomos de Y e 0,04 mol de Z. Os pesos atômicos de X e de Z são,
respectivamente, 80 e 100. Diante das informações acima, calcule o peso atômico de Y.
a) 200
b) 160
04
10
c) 140 d) 120 e) 100 13 (Vunesp) Os elementos I, II e III têm
c) 140
d) 120
e) 100
13
(Vunesp) Os elementos I, II e III têm as seguintes configurações eletrônicas em suas
camadas de valência:
2
3
I. 3s
3p .
2
5
II. 4s 4p .
III. 3s .
2
Com base nessas informações, assinale a afirmação errada:
a) O
elemento I é um não metal.
b) O
elemento II é um halogênio.
c) O elemento III é um metal alcalino terroso.
d) Os elementos I e III pertencem ao terceiro período da tabela periódica.
e) Os três elementos pertencem ao mesmo grupo da tabela periódica.
14
7x + 10
Os átomos
A e
B são isótopos. O átomo A tem 66 nêutrons. Assinale, entre as
3x + 4
opções a seguir, a posição no quinto período da classificação periódica do elemento que
apresenta como isótopos os átomos A e B:
a) grupo IB
b) grupo IIB
c) grupo IIIA
d) grupo IIIB
e) grupo IVA
15
No diagnóstico da septicemia, utilizamos um exame chamado de hemocultura, cujo
resultado é dado em 48h. Hoje, com a utilização de computadores e a introdução de um
ativador químico, o resultado pode ser dado em aproximadamente 8h, ajudando, dessa
maneira, a salvar muitas vidas. O ativador químico usado nos meios de hemoculturas são
ativados através do CO , produzidos pelas bactérias que faz com que um elétron de uma
camada interna salte para camadas mais externa, ficando o elétron numa posição instável. A
energia emitida pelos elétrons ao retornar à sua camada primitiva, é na forma de ondas:
2
a)
eletromagnéticas, que pode ser luz visível ou não, dependendo do salto eletrônico
b)
eletromagnéticas, de luz verde, de comprimento de onda maior que a luz vermelha
c)
eletromagnéticas, de luz vermelha, de comprimento de onda menor que a luz violeta
d)
não eletromagnéticas.
d)
eletromagnéticas, que não pode ser luz visível.
16
(UECE) Dalton, na sua teoria atômica, propôs, entre outras hipóteses, que: "Os átomos
de um determinado elemento são idênticos em massa". À luz dos conhecimentos atuais
podemos afirmar que:
a) a hipótese é verdadeira, pois foi confirmada pela descoberta dos isótopos
b) a hipótese é verdadeira, pois foi confirmada pela descoberta dos isótonos
c) a hipótese é falsa, pois com a descoberta dos isótopos, verificou-se que átomos do mesmo
elemento químico podem ter massas diferentes
d)
A
hipótese é falsa, pois com a descoberta dos isóbaros, verificou-se que átomos do mesmo
elemento químico podem ter massas diferentes
05
10
17 (UFMG – 1995) Em 1909, Geiger e Marsden realizaram, no laboratório do professor Ernest
17
(UFMG – 1995) Em 1909, Geiger e Marsden realizaram, no laboratório do professor
Ernest Rutherford, uma série de experiências que envolveram a interação de partículas alfa
com
a matéria. Esse trabalho, às vezes é referido como "Experiência de Rutherford". O
desenho a seguir esquematiza as experiências realizadas por Geiger e Marsden.
Placa de chumbo
com orifício central
Papel fotográfico
Lâmina
finíssima
Polônio
de ouro
Bloco de
chumbo
Impressões
ou manchas
fotográficas
Feixe de
partículas α
Uma amostra de polônio radioativo emite partículas alfa que incidem sobre uma lâmina
muito fina de ouro. Um anteparo de sulfeto de zinco indica a trajetória das partículas alfa após
terem atingido a lâmina de ouro, uma vez que, quando elas incidem na superfície de ZnS,
ocorre uma cintilação. O sulfeto de zinco-ZnS tem a propriedade denominada de
fluorescência, capaz de emitir um brilho amarelo-esverdeado. Analise as afirmativas a seguir,
todas relativas ao ZnS, e marque a opção correta:
a) elétrons que absorvem fótons aproximam-se do núcleo.
b) salto de núcleo provoca fluorescência.
c) salto de nêutrons provoca fluorescência.
d) salto de elétrons provoca fluorescência.
e) ao apagar a luz, os elétrons adquirem maior conteúdo energético.
18
Um átomo de hidrogênio com o elétron inicialmente no estado fundamental é excitado
para um estado com número quântico principal (n) igual a 3. Em correlação a este fato qual
das opções a seguir é a CORRETA?
a)
Este estado excitado é o primeiro estado excitado permitido para o átomo de hidrogênio.
b)
A
distância média do elétron ao núcleo será menor no estado excitado do que no estado
fundamental.
c)
Será necessário fornecer mais energia para ionizar o átomo a partir deste estado excitado
do que para ionizá-lo a partir do estado fundamental.
d)
A energia necessária para excitar um elétron do estado com n=3 para um estado com n=5
é a mesma para excitá-lo do estado com n=1 para um estado com n=3.
e)
O
comprimento de onda da radiação emitida quando este elétron retornar para o estado
fundamental será igual ao comprimento de onda da radiação absorvida para ele ir do estado
fundamental para o mesmo estado excitado.
19
Um átomo de hidrogênio tem níveis de energia discretos dados pela equação
En=
-13,6 eV onde n é o número quântico principal
( n = 1, 2, 3, 4
).
2
n
Um elétron da camada K (n = 1) foi excitado quando seu átomo absorveu um fóton de 13,05
eV. Com essa energia, esse elétron transitará para a camada:
a) L (n = 2)
b) M
(n = 3)
06
10
c) N (n = 3) d) O (n = 5) e) P (n = 6)
c) N (n = 3)
d) O
(n = 5)
e)
P (n = 6)
20
Quando um elétron passa do nível de energia M para o nível L de um certo átomo,
emite um fóton energético de comprimento de onda
λ 1 = 600 nm. Quando o elétron transita
do nível de energia L para o nível K, emite outro fóton energético de comprimento de onda λ
2
=
300nm. Se, nesse mesmo átomo, um elétron transitasse diretamente do nível de energia
M
ao nível K, emitiria um fóton energético de comprimento de onda :
λ
a)
900 nm
b)
450 nm
c)
200 nm
d)
180 nm
e)
120 nm
21
Os diagramas, a seguir, representam distribuições eletrônicas para o átomo de
nitrogênio:
I
II
III
IV
2p
2s
1s
Considerando-se essas distribuições eletrônicas, marque a alternativa errada:
a) I e II seguem a regra de Hund.
b) III
e IV obedecem ao princípio de Pauli.
c) I representa a distribuição do estado fundamental.
d) em I, dois elétrons possuem o mesmo conjunto de números.
e) em IV a regra de Hund foi respeitada.
22
Considere o diagrama abaixo, onde os valores dos níveis de energia apresentam
algumas aproximações.
0
n "∞
-0,4
6
-0,6
5
-0,9
4
-1,5
3
-3,4
2
-13,6
1
07
10
ENERGIA (eV)
Átomos de hidrogênio, inicialmente no estado fundamental, começam a ser incididos continuamente por radiações
Átomos de hidrogênio, inicialmente no estado fundamental, começam a ser incididos
continuamente por radiações eletromagnéticas de diferentes energias Ei: E =2,3 e V, E =1,9 e
V e E =10,2 e V. Quais destas radiações serão absorvidas pelos átomos de H, sem causar
ionização?
1
2
3
a) Apenas E .
1
b) Apenas E .
2
c) Apenas E e E .
3
2
d) Apenas E e E .
2
3
e) E , E
e E .
1
2
3
23
Com relação aos orbitais, aos subníveis e aos números quânticos, assinale a alternativa
errada:
a)
O
número máximo de elétrons no orbital d é igual a 10.
b) No nível quântico principal quatro há dois orbitais.
c) No subnível 5f há 7 orbitais.
d) Os elétrons de um mesmo átomo podem ter no máximo três números quânticos iguais.
e)
4,
0, 0 e -1/2 são quatro números quânticos do elétron de maior energia de um átomo do
elemento que pertence ao grupo 1A da Tabela Periódica.
24
Para um gás ou vapor inflamar-se, é necessário a existência de uma fonte de ignição e
de uma mistura chamada ideal entre ar atmosférico (oxigênio) e o combustível. A quantidade
de oxigênio no ar e praticamente constante, em torno de 21% em volume. Já a quantidade de
combustível necessário para a combustão varia para cada produto e esta dimensionada
através de duas constantes: o limite inferior de inflamabilidade e o limite superior de
inflamabilidade .
Nos
gases ou vapores combustíveis, portanto, ocorre a inflamabilidade somente quando sua
porcentagem em volume estiver
a) acima do limite inferior.
b) acima do limite superior.
c) abaixo do limite inferior.
d) abaixo do limite superior.
e) entre o limite inferior e superior.
25
Muitas pessoas, quando querem verificar se a temperatura do óleo está adequada para
frituras, de um peixe por exemplo, colocam um palito de fósforo novo dentro da frigideira que
está
está
no fogo. Depois de algum tempo o fósforo se acende. Então, sabe-se que a temperatura
adequada para frituras. O fósforo se acende porque:
a) há fogo embaixo da frigideira que “sobe” até o palito que então se acende.
b) há fogo no óleo, que acende o palito, só que a gente não vê.
c) foi
atingida a temperatura de fulgor do óleo.
d) o óleo, por ser combustível, acende o palito.
e) foi atingida a temperatura de ignição do palito de fósforo.
26
O chamado gás de cozinha tem no ar uma faixa de inflamabilidade de 1,8% a 9,5%. Em
apenas uma das concentrações abaixo haverá perigo de explosão. Essa concentração é
a)
1 parte do gás de cozinha e 99 partes de ar.
08
10
b) 10 partes do gás de cozinha e 90 partes de ar. c) 5 partes
b) 10 partes do gás de cozinha e 90 partes de ar.
c) 5 partes de gás de cozinha e 95 partes de ar.
d) 20 partes do gás de cozinha e 80 partes de ar.
e) 30 partes do gás de cozinha e 70 partes de ar.
27
Ao
aproximar-se uma chama a uma dada porção de combustível, este não pegou fogo.
Esse
fato indica que o combustível estava em temperatura
a) inferior á de fulgor e superior á de ignição.
b) superior á de fulgor e inferior á de ignição.
c) igual á de ignição e superior á de fulgor.
d) superior a de ignição e á de fulgor.
e) inferior á de fulgor e á de ignição.
28
Imagine um químico que trabalhe com entre dois gases X e Y. Esses gases possuem,
respectivamente, uma faixa de inflamabilidade de 1,8% a 9,5% e 2,0% a 82%. Qual desses
gases representa o MENOR risco para sua segurança
a) o gás Y, pois tem o limite superior de inflamabilidade muito alto.
b) o gás X, pois tem uma faixa de inflamabilidade menos extensa.
c) o gás Y, pois tem uma faixa de inflamabilidade muito extensa.
d) o gás X, pois tem o limite inferior de inflamabilidade muito baixo.
e) o gás X, ou o gás Y, pois é indiferente o uso de um ou do outro gás.
29
Os diagramas abaixo representam uma pequena parte de um sólido. Cada círculo
representa um átomo e uma seta representa um elétron.
(a)
(b)
(c)
Com relação à figura e ao tema abordado, marque a alternativa correta:
a)
O
sólido (c) é ferromagnético.
b)
O
sólido (a) é paramagnético formado por átomos diamagnéticos.
c)
Nenhum dos sólidos é diamagnético.
d)
O
sólido (c) é paramagnético.
e)
Os sólidos (a) e (b) são ferromagnéticos.
30
O
gráfico que melhor descreve a variação da energia do elétron no átomo de
hidrogênio, em função do número de ordem do nível de energia, é:
E
a)
n
09
10
E b) n E c) n E d) E n e) n 10 10
E
b)
n
E
c)
n
E
d)
E
n
e)
n
10
10