You are on page 1of 12

REGULAMENTO DAS

ATIVIDADES COMPLEMENTARES
Curso de LETRAS
2008

Orientadoras:profas. Luciane Nigro Charlariello, Simone Goh , Ingrid


REGULAMENTO GERAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES
DO CURSO DE LETRAS
2008

I – Da Exigência das Atividades Complementares

As Atividades Complementares do Curso de graduação em Letras são uma


obrigatoriedade ditada pelas Diretrizes Curriculares Nacionais, contempladas em três
categorias: acadêmico-científico, pesquisa e extensão.
As Atividades Complementares constituem ações que devem ser desenvolvidas ao
longo do curso, criando mecanismos de aproveitamento de conhecimentos adquiridos pelo
acadêmico, por meio de estudos e práticas independentes, presenciais e/ou à distância,
integralizando o currículo.

II – Das Características Gerais

Artigo 1º - As Atividades Complementares do Curso de Letras devem possibilitar o


reconhecimento, por avaliação, de habilidades, conhecimentos e competências do
acadêmico, inclusive adquiridas fora do ambiente escolar, incluindo a prática de estudos e
atividades independentes, transversais, opcionais, de interdisciplinaridade, especialmente
nas relações com o mundo do trabalho e com as ações de extensão junto à comunidade.

Artigo 2º - As Atividades Complementares do Curso de Letras caracterizam-se em três


grupos:
a) Grupo I: Atividades Complementares em Pesquisa
b) Grupo II: Atividades Complementares em Cultura
c) Grupo III: Atividades Complementares em Extensão e Aprimoramento Profissional

2
III – Dos Objetivos Gerais

Artigo 3º - As Atividades Complementares visam garantir a interação teoria-prática,


contemplando as especificidades do curso.

Artigo 4º - As Atividades Complementares visam contribuir para o desenvolvimento das


habilidades e das competências inerentes ao exercício das atividades profissionais do
graduando.

Artigo 5º - As Atividades Complementares visam à continuidade da respectiva formação


acadêmica e estimulando os estudos de Pós-Graduação.

IV – Do Aspecto Legal

Artigo 6º - As Atividades Complementares estão em consonância com os Pareceres do


Conselho Nacional de Educação – Câmara de Educação Superior, que tratam das diretrizes
específicas dos cursos de graduação, com o Regimento Geral da UNIESP e as previstas no
projeto pedagógico do curso.

V – Da Integralização da Carga Horária Total

Artigo 7º - As Atividades Complementares do curso de Letras constam de estudos e de


atividades independentes, transversais, de interdisciplinaridade, especialmente nas relações
com o mundo do trabalho, com a pesquisa na área e com as ações de extensão junto à
comunidade, devendo obedecer à carga horária de 200 horas, distribuídas entre as
atividades complementares dos três grupos indicados no Artigo 2º:
Grupo I: mínimo obrigatório de 60 horas/atividade;
Grupo II: mínimo obrigatório de 60 horas/atividade;
Grupo III: mínimo obrigatório de 60 horas/atividade;
E mais 20 horas/atividade livres.

Artigo 8º – As Atividades Complementares do Curso de Letras são obrigatórias conforme


ditam as Diretrizes Curriculares do Curso, sendo condição para a conclusão do mesmo.

3
Artigo 9º - O orientador indicará, na grade curricular, a carga horária a ser cumprida durante
os semestres letivos, bem como o valor em horas, para as atividades, em documentação
específica.

Parágrafo Primeiro - O não cumprimento total da carga horária, indicada em cada semestre,
não comprometerá a continuidade dos estudos do acadêmico, podendo completá-la no
transcorrer do curso ou até 2 (dois) anos após a conclusão de todas as disciplinas
curriculares.

Parágrafo Segundo – O não cumprimento desse prazo tornará incomputáveis as horas


atividades cumpridas até a data da expiração.

VI – Do Colegiado das Atividades Complementares

Artigo 10 – As Atividades Complementares deverão ser dirigidas pelo orientador das


Atividades Complementares e pelo Coordenador do curso, que integrarão o Colegiado das
Atividades Complementares.
Artigo 11 - O Colegiado das Atividades Complementares da UNIESP poderá ser convocado
pelo Diretor Geral ou por representante responsável hierarquicamente superior da
comunidade acadêmica.

Artigo 12 – É de exclusiva competência do Colegiado:


I - planejar e executar o programa de Atividades Complementares;
II – apreciar e aprovar o programa de Atividades Complementares dos cursos da respectiva
área;
III – divulgar as Atividades Complementares específicas de cada curso de graduação.

VII – Do Orientador de Atividades Complementares

Artigo 13 - As Atividades Complementares do Curso de Letras terão um Orientador ( cada


um deles) que esteja em pleno gozo de sua função docente, vinculado à área ou ao curso.

4
Artigo 14 – É de competência do Orientador de Atividades Complementares:
I – zelar pela confecção, manutenção e arquivo da documentação pertinente às Atividades
Complementares;
II - providenciar toda a documentação necessária à realização das Atividades
Complementares;
III – propiciar ao acadêmico acesso às informações necessárias para o desenvolvimento do
programa de Atividades Complementares;
IV – orientar, avaliar e validar as Atividades Complementares realizadas pelos acadêmicos;
V – contribuir para o aprimoramento do programa de Atividades Complementares,
apresentando propostas de melhoria.

VIII – Do Acadêmico

Artigo 15 - O acadêmico do Curso, devidamente matriculado, deverá:


I – cumprir a carga total do programa de Atividades Complementares;
II – buscar as orientações, junto ao Coordenador de Curso e Orientador de Atividades
Complementares, para a concretização do programa das Atividades Complementares;
III – apresentar os relatórios, as declarações e/ou comprovações das Atividades
Complementares realizadas ao Orientador de Atividades Complementares;
IV – em todas as situações, manter a postura ético-profissional.

IX – Do Campo das Atividades Complementares

Artigo 16 - As Atividades Complementares do Curso de Letras devem ser realizadas de


acordo com os grupos indicados no Artigo 2º:

I - As atividades complementares em Pesquisa, Grupo I, compõem-se de:


• Programas/projetos/atividades de iniciação científica;
• Trabalhos apresentados em congressos, simpósios ou similares, na forma de pôster ou
exposição verbal;
• Grupos de estudos vinculados à pesquisa;

5
• Defesas assistidas nos cursos de Pós-Graduação e Graduação, relativas à área de seu
curso ou afins;

II - As Atividades complementares em Cultura, Grupo II, compõem-se de:


• Cursos ou atividades relativas ao aprimoramento cultural do aluno no âmbito das artes
plásticas, cênicas ou musicais;
• Cursos ou atividades relativas ao aprimoramento cultural do aluno no âmbito da literatura
nacional ou internacional;

III - As atividades complementares de Extensão e Aprimoramento Profissional, Grupo III,


compõem-se de:
• Participação de atividades em Organizações Não Governamentais (de acordo com
projeto apresentado à orientadora)
• Participação em atividades de campo;
• Participação em visitas técnicas assistidas;
• Participação em seminários, ciclo de palestras, congressos, conferências, encontros
científicos, semanas culturais, workshop e similares relativos à área de sua formação;
• Participação em cursos de extensão, relativos à área de sua formação;
• Participação em atividades de monitoria com supervisão responsável;
• Documentários na área de sua formação;

X – Da Documentação Básica

Artigo 17 - A atribuição das horas das atividades complementares no semestre, só será


lançada mediante a entrega dos documentos, encadernados semestralmente, dentro do
prazo máximo fixado pelo Orientador de Atividades Complementares, contendo:
• Relatório técnico devidamente preenchido1 (de próprio punho)
• Comprovantes
• Folha de fechamento parcial2 (em 2 vias)
1
Se for uma atividade solicitada por algum professor do curso, deverá preencher o anexo 1; se a atividade for realizada por
decisão do próprio acadêmico, deverá preencher o anexo 2.
2
Anexo 3.

6
Parágrafo Primeiro – Os comprovantes podem ser cópias simples de certificados e/ou
declarações das Atividades Complementares realizadas, conforme orientação do Orientador
de Atividades Complementares.
Parágrafo Segundo – O aluno quando escolher sua própria atividade a ser realizada, deverá
produzir um relatório técnico (anexo 2), de próprio punho, em folha pautada, contendo:
• Introdução com no máximo 05 linhas;
• Palavras chaves: escolher seis palavras-chaves;
• Discussão com 15 linhas localizando a problemática e discutindo a relevância.

Parágrafo Terceiro - Para comprovação das atividades, o aluno deverá juntar o máximo de
comprovantes, tendo em vista garantir sua autenticidade.

XI – Da Avaliação

Artigo 18 – A realização das Atividades Complementares será avaliada e validada pelo


Orientador de Atividades Complementares, por meio da documentação específica solicitada.
Ao final das 200 horas, o orientador lavrará protocolo comprovante.

Parágrafo Único – Os alunos amparados por leis específicas, bem como as gestantes e os
portadores de afecções indicadas na legislação especial, têm a obrigatoriedade da realização
das Atividades Complementares disciplinadas nos termos legais.

XII – Das Disposições Gerais e Transitórias

Artigo 19 - Situações e casos não mencionados neste Regulamento deverão ser tratados,
obedecendo à hierarquia administrativo-didático-pedagógica da Instituição, pela
Coordenação do respectivo curso, com a antecedência necessária para que não haja
prejuízo na formação acadêmica.

7
Quadro resumo quanto à distribuição de carga horária
Grupo Atividade Carga Horária Carga Horária
Por Máxima
Atividade
Programas/projetos/ iniciação científica 30/semestre
Cuja atuação não seja diariamente(ex.
Centro é uma sala de aula)*
Projetos de atuação diária – ex. 10/mensal 100
Pesquisa Universidade na alfabetização *
Trabalhos apresentados (congressos, 10
simpósios, etc)
Grupos de estudos vinculados à pesquisa 5
Defesas assistidas (Graduação/Pós- 5
Graduação)
Leitura e fichamento / resenha de obras 5 50
Cultura Pesquisas de campo 5
Cursos, seminários, palestras ou atividades 2 50
no âmbito das artes, literatura, ou outros
Visitas a museus, pinacotecas, exposições, 2 40
eventos culturais
Filmes/ peças teatrais orientados pelos 2 40
professores ou indicados nos planos de
ensino
Extensão e Participação em atividades de ONG´s 5
Aprimoramento Visitas técnicas 2 10
Profissional Ciclo de palestras, congressos, De acordo
conferências, encontros científicos, com
semanas culturais, workshop e similares certificado
relativos à área de sua formação
Participação em Cursos de Extensão 10/semestre 80
relativos à área de sua formação
Projetos de Ensino: alfabetização, escola 10/semestre 100
da família, oficinas, tutorias
Atividades de monitoria com supervisão 10/semestre 100
responsável

• *Os alunos que participarem dos projetos poderão cumprir as horas de atividades
complementares limitadas a :
• Universidade na Alfabetização – horas lavradas para atividades máximo 100
• Centro é uma sala de aula – horas lavradas para atividades máximo 100
• Caso o aluno participe nos dois projetos as horas serão cumulativas.
• O aluno poderá participar dos projetos durante todo o curso, o limite de horas
apenas está restrito às Atividades Complementares.
• As atividades em que não foi indicada carga horária máxima deverão ser acordadas
com as profas. supervisoras de estágio;

RELATÓRIO TÉCNICO SUGERIDO POR PROFESSOR


ATIVIDADE COMPLEMENTAR PERTENCENTE AO GRUPO:
( ) PESQUISA ( )CULTURA ( ) EXTENSÃO
Aluno ____________________________________________________________________
R.A.:_________________________________ Turma:______________________________
Atividade Complementar: ____________________________________________________
Local da Atividade: _________________________________________________________
Data: ____/___/____

CARGA HORÁRIA DA ATIVIDADE CONFORME TABELA: _____________

Resumo da Atividade (relate o evento e qual a contribuição do mesmo p/o curso)


__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

9
___________________________________
assinatura do professor responsável

RELATÓRIO TÉCNICO DESENVOLVIDO PELO ALUNO

Aluno ____________________________________________________________________
R.A.:_________________________________ Turma:______________________________
Atividade Complementar: ____________________________________________________
Local da Atividade: _________________________________________________________
Data: ____/___/____
CARGA HORÁRIA DA ATIVIDADE CONFORME TABELA: _____________

I- INTRODUÇÃO
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

II – Palavras-chaves:
1) ___________________________________ 2)__________________________________
3) ___________________________________ 4)__________________________________
5) ___________________________________ 6)__________________________________
III – RELEVÂNCIA DA ATIVIDADE REALIZADA PARA COMPLEMENTAÇÃO DE SUA
FORMAÇÃO PROFISSIONAL
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________

10
FECHAMENTO PARCIAL DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

Aluno ____________________________________________________________________
R.A.:_________________________________ Turma:______________________________

PERÍODO DE REALIZAÇÃO: de _______/_____/______ a ______/_____/_____

SEMESTRE EM CURSO : _____________________

HORAS GRUPO 1 – PESQUISA : _________________ = LAVRADAS ___________

HORAS GRUPO 2 – CULTURA : _________________ = LAVRADAS ___________

HORAS GRUPO 3 – EXTENSÃO: ________________ = LAVRADAS ____________

TOTAL DE HORAS LAVRADAS E DIGITALIZADAS NO SISTEMA : _________

OBSERVAÇÕES DO ORIENTADOR:

__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

_______________________________
ASSINATURA E CARIMBO SP ____/______/______

11
12