Sie sind auf Seite 1von 6

Cálculo II – 1ª lista de exercícios –

Funções de n variáveis

1) Determine o domínio das funções abaixo e represente-o graficamente:


1
a)f(x, y) =
x 2 + y 2 −9
1
b)f(x, y) = 2
y −x
c)f(x, y) = log(36 − 4x 2 − 9y 2 )
d)f(x, y, z) = x 2 + y 2 +z 2 −4
e)f(x, y) = 25 − x 2 − y 2

2) Represente as curvas de nível das funções abaixo para c=-1, c=0, c=1
a)f(x, y) = 3x − y
b)f(x, y) = x 2 − y
c)f(x, y) = x 2 − y 2
d)f(x, y) =1 − x 2 − y 2

3)Uma chapa plana de metal está situada em um plano xy, de modo que a temperatura T
(em °C) no ponto (x,y) é inversamente proporcional à distância da origem.
a)descreva as isotérmicas
b)se a temperatura no ponto P(4,3) é de 40°C, ache a equação da isotérmica para a
temperatura de 20°C.

4)De acordo com a lei dos gases ideais, a pressão P, o volume V e a temperatura T de um
gás confinado estão relacionados pela fórmula PV=KT, para uma constante K. Expresse P
como função de V e T e descreva as curvas de nível associadas a esta função. Qual o
significado físico dessas curvas de nível?

5)A força P gerada por um rotor eólico é proporcional ao produto da área A varrida pelas
pás do rotor pela 3ª potência da velocidade v do vento.
a)Expresse P como função de A e de v.
b)Descreva as curvas de nível de P e explique seu significado físico.
c)Quando o diâmetro da área circular varrida pelas pás é de 2 metros e a velocidade do
vento é 30km/h, então P=3000watts. Ache a equação da curva de nível de P=4000 (observe
que a velocidade deve ser convertida em m/s)

∂f ∂f
6) Calcule e para as funções:
∂x ∂y
x 
a)f(x, y) = cos 
y
 
b)f(x, y) = x2 + y2
c)f(x, y) = 6x 5 + 7x 2 y + 3xy 5

d)f(x, y) = sen 3 (x 2 y)
e)f(x, y, z) = z.sen(xy)
f)f(x, y, z) = xy.cos(z)
g)x 2
+ 3xy + 4z 2 x = 0 sendo z = f(x, y)
h)4xyz − 7z x = 12
sendo z = f(x, y)
i)f(x, y) = xy .e 2 xy

7) Dada a função f(x, y) = 4x 2 y − 3xy 2 + 5y 3 , calcule:


∂2 f ∂2 f ∂3 f  ∂f 
a) b) c) d) 
 ∂y 

∂x 2 ∂y∂x ∂x 2 ∂y  (1,2 )

8) Dada a função f(x, y) = x 2 y 3 z 4 + 2x − 5xy calcule:


∂f ∂f ∂f
a) b) c)
∂x ∂y ∂z

2 1
9) Dada a função w = y .e + x 2 y 3 , verifique que w xy = w yx
2 x

∂2 f ∂2 f
10) Uma função f(x,y) é harmônica se + = 0 em todo o domínio de f. Prove que
∂x 2 ∂y 2
a função f(x, y) = ln x 2 +y 2 é harmônica.

11) A lei dos gases ideais


pode ser enunciada como PV=nRT, onde n é o número de moléculas do gás, V é o volume,
∂V ∂T ∂P
T é a temperatura, P é a pressão e R é uma constante. Mostre que . . = −1 .
∂T ∂P ∂V

100
12) Suponhamos que o potencial elétrico V no ponto (x,y,z) seja dado por V = x 2 + y 2 + z 2
, onde V é dado em Volts e x,y,z em centímetros. Ache a taxa instantânea de variação de V,
no ponto (2,-1,1), na direção:
a) do eixo x b) do eixo y c) do eixo z.

13) Ache a derivada direcional de f(x, y) = x 3 y 2 no ponto P(-1,2) na direção do vetor


v =4i −3 j . Discuta o significado dessa derivada se f(x,y) é a temperatura em (x,y).

1 2
14) Ache a direção segundo a qual f(x, y) = 2 + x 2 + y cresce mais rapidamente no
4
ponto P(1,2) e determine a taxa máxima de crescimento de f em P.
15) Suponhamos que um sistema coordenado xyz esteja localizado no espaço, de modo que
100
a temperatura T no ponto (x,y,z) seja dada pela fórmula T = x 2 + y 2 + z 2
a) ache a taxa de variação de T em relação ao ponto P(1,3,-2), na direção do vetor
v = i − j +k .
b) Em que direção a partir de P, T aumenta mais rapidamente? Qual a taxa de variação de
T em P?

16) Considere a função f(x, y, z) = x 3 + yz 2 . Calcule:


a) o gradiente de f no ponto (1,2,-1).
b) A derivada direcional de f no ponto (1,1,2), na direção do vetor v=(2,1,-2).
c) a diferencial de f no ponto (1,1,2).
d) A taxa máxima de crescimento de f no ponto (1,-1,1) e a direção onde ocorre.

17) Dada a função f(x, y) = x 2 + y 2 −8 pede-se:


a) as direções nas quais, a partir do ponto (1,1), a taxa de variação da função é zero.
b) A razão de variação da função a partir do ponto (1,1) na direção do vetor v=(3,-4).
c) Em que direção e sentido, a partir do ponto (1,1) ocorre maior crescimento de f? E
maior decrescimento?
d) Em que direções a taxa de variação da função, a partir do ponto (1,1) é igual a 2?

18) Determine e classifique os pontos críticos de:


a)f(x, y) = x 2 − 4xy + y 3 + 4y
1 3 4 3
b)f(x, y) = x + y − x 2 − 3x − 4y − 3
3 3
c)f(x, y) = 3 − x + 2x − y 2 − 4y
2

1 3
d)f(x, y) = x 2 − 2xy + y − 3y
3
e)f(x, y) = x 2 y + 3xy − 3x 2 − 4x + 2y
f)f(x, y) = x 2 − 2y 2 − 6x + 8y + 3

19) Determine 3 números positivos cuja soma é 48 e cujo produto é o maior possível.

20) Um pacote no formato de um paralelepípedo retângulo de dimensões x,y,z pode ser


enviado pelo correio somente se a soma2x+2z+z não exceder 84cm. Calcule as dimensões
de modo que o volume seja máximo.

21) Deve-se construir um depósito retangular sem tampa com volume de 12 metros
cúbicos. O custo por metro quadrado do material a ser usado é de $400 para o fundo, $300
para dois dos lados opostos e $200 para os lados opostos restantes. Determine as dimensões
do depósito que minimizam o custo.
22) Ache os pontos do gráfico de xy 3 z 2 = 16 mais próximos da origem.
(sugestão:minimize o quadrado da distância d 2 = x 2 + y 2 + z 2 ).

23) Ache a menor distância do ponto P(2,1,-1) ao plano 4x-3y+z=5.

24) Se w = 3x 2 − xy , calcule dw e aplique-o para aproximar a variação de w se (x,y) varia


de (1,2) para (1,01 ; 1,98). Compare com a variação exata de w.

25) o Raio e a altura de um cilindro reto são 8 cm e 20 cm, respectivamente, com erro
possível de medida de ± 0,01 cm. Use diferenciais para aproximar o erro máximo no
cálculo do volume dom cilindro.

26) Um balão meteorológico é liberado ao nível do mar, a uma distância R do olho de um


furacão, e sua altitude h aumenta à medida que ele se move em direção ao olho. A altitude h
R4
que o balão atingirá no olho pode ser aproximada por h = π 2 g 2 em que g é uma
C
constante gravitacional e C é uma medida metereológica chamada circulação da velocidade
do vento. (A circulação está estreitamente relacionada com a intensidade e a direção dos
ventos no interior do furacão). Se os erros percentuais máximos nas mensurações de R e H
são ± 2% e ± 5% respectivamente, estime o erro percentual máximo no cálculo de C.

Respostas:
1)a) D = {(x, y) ∈ R 2 /x 2 + y 2 ≠ 9}
b) D = {(x, y) ∈ R 2 /y 2 ≠ x}
 2 x
2
y2 
c) D = (x, y) ∈ R / + < 1
 9 4 
d) D = {(x, y, z) ∈ R 3 /x 2 + y 2 + z 2 ≥ 4}
e) D = {(x, y) ∈ R 2 /x 2 + y 2 ≤ 25}

3) a) círculos com centro na origem b) x2+y2=100

4) Retas passando pela origem. Cada reta destas é uma isobárica (pressão constante). Para
uma isobárica qualquer temos várias possibilidades de valores de T e V com o mesmo valor
de P.

5) a) P=k A v3 (k>0)
b)Uma curva de nível típica mostra as combinações de áreas e velocidades de vento que
resultam em uma potência fixa P=C
c) A v3 = 250 . 103 π

∂f 1 x ∂f x x
6) a) = − sen = − 2 sen
∂x y y ∂y y y
∂f x ∂f y
b) ∂x = ∂y
=
x + y2
2
x + y2
2
∂f ∂f
c) = 30x 5 + 14xy + 3y 5 = 7x 2 + 15xy 4
∂x ∂y
∂f ∂f
d) = 6xy.sen 2 (x 2 y).cos(x 2 y). = 3x 2 .sen 2 (x 2 y).cos(x 2
y)
∂x ∂y
∂f ∂f
e) = yz.cos(xy) = xz.cos(xy)
∂x ∂y
∂f ∂f
f) = y.cos(z) = x.cos(z)
∂x ∂x
∂f 1 ∂f 3
g) =− =−
∂x 4 - x −3y ∂y 4 - x - 3y

∂f 4yz − 7z 2 ∂f 2z
h) =− =
∂x 4xy −14zx ∂y 2y − 7z
∂f ∂f
i) = y 2 e xy (xy +1) = xy e xy (xy + 2)
∂x ∂y

7) a) 8y b) 8x-6y c) 8 d) 52

8) a)2xy 3 z 4 + 2 b)3x 2 y 2 z 4 − 5z c)4x 2 y 3 z 3 − 5y

12) Em Volts/cm (a) –(100/9) b) 50/9 c) –50/9

13) 12 Se o ponto se move na direção de v, a temperatura em P aumenta à razão de 12°


por unidade de variação da distância.
 
14) 5 na direção 2. i + j

200 50   
15) a ) b) 14 na direção do vetor −i +3 j +2k
49 3 49
→ → →
c)3dx + 4dy 4dz d ) 14 na direção 3 i + j−2 k
16)

17)
   2
a )v = a.i − a. j b) −
5
   
c) maior cresciment o 2i + 2 j ; maior decrescime nto 2i + 2 j

d) nas direções dos eixos x e y.

18) a) (4,2) mínimo local (44/3,2/3) sela


b) (3,1) mínimo (3,-1) sela (-1,1) sela (-1,-1) máximo local

21) base 3m por 2m e altura 2m


 2 4 2 2    1
22)  − 4 , 12 ,±  − 2 ,−4 12 ,± 2 2  23)
12  4 12   4 12 4 12  26
 
24) dw=0,06 ∆ w-dw=0,0005

25) 12,06 cm3


26) ± 6,5%