Sie sind auf Seite 1von 46
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3

RELATÓRIO DE

SUSTENTABILIDADE

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3

GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3

RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3
RELATÓRIO DE SUSTENTABILIDADE GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3
Vice-presidente de Comunicação e Sustentabilidade MARCO SIMÕES Gerente de Sustentabilidade LUIZ ANDRÉ SOARES Gerente

Vice-presidente de Comunicação e Sustentabilidade MARCO SIMÕES

Gerente de Sustentabilidade LUIZ ANDRÉ SOARES

Gerente de Comunicação, Saúde e Bem-estar ANGELA SOARES

Gerente de Imprensa e Comunicação Interna RODRIGO MOURÃO

Consultoria de Comunicação e Marketing Corporativo ANDRÉ BURGER KARINA SUTHERLAND

Consultoria Técnica

VITA CONSULTORIA

Consultoria GRI e coordenação geral VÂNIA MARQUES

Apuração e consolidação de indicadores e revisão técnica AMANDA ARMSTRONG BARRETO . INGRID CICCA

Conteúdo APPROACH COMUNICAÇÃO INTEGRADA

Coordenação geral DANIELE MENDES . LEONARDO AGUILAR . MONIQUE CARDOSO

Pesquisa, apuração e redação CLAUDIA COSTA . LYGIA FREITAS . RAFAEL CANELLAS . VINÍCIUS FERREIRA

Edição DANIELE MENDES . LEONARDO AGUILAR

Auxiliar de edição JOÃO PAULO BALBINO

Revisão

MARIFLOR ROCHA

Design APPROACH COMUNICAÇÃO INTEGRADA

Diretor de criação KARLSON MONTENEGRO

Projeto gráfico e design TATI RIVOIRE

Colaboração JOANA GARCIA (Designer) . MARIANA FIGUEIREDO (Estagiária de design)

Finalização e tratamento de imagens ANTÔNIO SOUZA

Fotos BANCO DE IMAGENS COCA-COLA BRASIL . PÁPRICA FOTOGRAFIA . COMITÊ OLÍMPICO DO BRASIL . JAMES BAREHAM

<3.12>SUMÁRIO

OLÍMPICO DO BRASIL . JAMES BAREHAM <3.12> SUMÁRIO 5 6 20 32 54 84 PALAVRA DO

5

6

20

32

54

84

PALAVRA DO PRESIDENTE

PERFIL ORGANIZACIONAL

7

8

11

12

14

16

18

MAPA DE ATUAÇÃO

PRINCIPAIS PRODUTOS

PRÊMIOS E RECONHECIMENTOS

CERTIFICAÇÕES E PRÊMIOS

CAMINHO DA SUSTENTABILIDADE

MISSÃO, VALORES, CÓDIGOS, PRINCÍPIOS, NORMAS E ORIENTAÇÕES

LINHA DO TEMPO

EU

BEM-ESTAR PESSOAL

22

28

BENEFÍCIOS DAS BEBIDAS VIDA SAUDÁVEL

NÓS

BEM-ESTAR SOCIAL

34

46

48

AMBIENTE DE TRABALHO

EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO

COMUNIDADE

O MUNDO

BEM-ESTAR AMBIENTAL

56

66

74

80

EMBALAGENS SUSTENTÁVEIS

ÁGUA ENERGIA & CLIMA

AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

APRESENTAÇÃO DOS PARÂMETROS

86 ÍNDICE REMISSIVO GLOBAL REPORTING INITIATIVE – GRI G3

89

APOIO À CULTURA - PARINTINS

Este é o Relatório de Sustentabilidade do Sistema Coca-Cola Brasil, com dados do biênio 2012/2013.

Este é o Relatório de Sustentabilidade do Sistema Coca-Cola Brasil, com dados do biênio 2012/2013. Aqui, você poderá conhecer nossa verdadeira fórmula secreta – operar o negócio com qualidade, paixão e, sempre, buscando ser mais e mais sustentáveis.

Nossa plataforma de sustentabilidade Viva Positivamente se divide em três eixos complementares:

Bem-Estar Pessoal (EU), Bem-Estar Social (NÓS) e Bem-Estar Ambiental (MUNDO), que agrupam

os seguintes pilares: Água, Agricultura Sustentável, Ambiente de Trabalho, Benefício das Bebidas, Comunidades, Embalagens Sustentáveis, Empoderamento Econômico Feminino, Energia e Clima,

e Vida Saudável.

O documento traz realizações em cada um desses pilares. A Coca-Cola Brasil incentiva o uso racional da água e, por meio da estratégia dos 3 Rs – Reduzir, Reciclar e Repor –, tem o compromisso de ser neutra no uso da água. Em 2013, utilizamos 1,91 litro de água por litro de bebida produzido. A meta é chegar a 1,47 l até 2020.

Alcançamos melhores resultados, promovendo o empoderamento econômico de jovens e mulheres de diferentes localidades. Exemplo disso é a nossa contribuição ao programa global 5by20™, por meio do Coletivo Coca-Cola. No Brasil, mais de 50 mil mulheres já foram beneficiadas. Em todo o mundo, são mais de 550 mil.

Com a missão de refrescar o mundo, em corpo, mente e espírito, inspirando momentos de otimismo, trabalhamos sempre em harmonia com as comunidades em que estamos presentes, como acontece anualmente com o Festival de Parintins, no estado do Amazonas.

Promovemos um estilo de vida saudável ao patrocinar os Jogos Escolares da Juventude

e desenvolver novos produtos, como a linha Del Valle Reserva.

Todos somos responsáveis por um mundo melhor. Espero que sua leitura proporcione um entendimento mais completo sobre o “segredo” que gostamos de compartilhar com todo o planeta.

Obrigado.

Marco Simões

Vice-presidente de Comunicação e Sustentabilidade

PERFIL

ORGANIZACIONAL

<2.1> <2.5> <2.6> Com atuação no país desde 1942, a Coca-Cola Brasil tem uma das quatro

maiores operações da The Coca-Cola Company, que está presente em mais de 200 países e

oferece uma linha de bebidas não alcoólicas com mais de 3.500 produtos, mais de 800 deles com

versões de baixa ou sem calorias. Quatro das cinco marcas de bebidas não alcoólicas mais

consumidas no planeta estão no portfólio da empresa: Coca-Cola, Coca-Cola Light, Fanta e Sprite.

A Coca-Cola Brasil, nome fantasia da Recofarma Indústria do Amazonas Ltda., atua no país como

uma companhia limitada (Ltda.). O modelo global de atuação da Coca-Cola é o sistema de

franquia industrial.

<2.3> <2.2> <2.7> <2.8> O Sistema Coca-Cola Brasil é formado pela Coca-Cola Brasil, 10

fabricantes regionais e a Leão Alimentos e Bebidas. O Sistema possui cerca de 69 mil

colaboradores diretos e gera mais de 600 mil empregos indiretos. Ao todo, são 46 fábricas

localizadas em todas as regiões do país. São 35 fábricas de refrigerantes, três de chás, duas de

sucos, uma de concentrados e cinco de água mineral. Além disso, dispõe de uma processadora de

polpa (Top Brasil em Linhares). O concentrado usado para fazer a Coca-Cola é produzido na

Recofarma, em Manaus (AM).

Abaixo, o desenho organizacional da Coca-Cola Brasil:

COCA-COLA BRASIL (Recofarma Indústria do Amazonas Ltda.) Rio de Janeiro e escritórios regionais em Brasília, Fortaleza, São Paulo e Porto Alegre

FÁBRICA DE CONCENTRADOS (Commercial Product Supply) Manaus (AM)

LABORATÓRIOS DE DESENVOLVIMENTO E PESQUISA, EMBALAGENS E QUALIDADE DE INGREDIENTES Rio de Janeiro

Em 2012, a companhia registrou nove anos de crescimento consecutivos. Entretanto, em 2013,

o volume de vendas registrou pequena queda de aproximadamente 2%, em relação ao ano

anterior. No mesmo período, o Sistema Coca-Cola Brasil investiu R$ 3,2 bilhões, volume superior aos R$ 2,39 bilhões aportados em 2012.

INVESTIMENTOS

NO PERÍODO

2012 -2013

VOLUME

INVESTIMENTO

FATURAMENTO

6 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil

2012: 11,3 bilhões de litros 2013: 11,1 bilhões de litros - 1,76%

2012: R$ 2,39 bilhões 2013: R$ 3,2 bilhões

2012: R$ 21,7 bilhões + 4,3% de 2012 para 2013 2013: R$ 22,5 bilhões

DE ATUAÇÃO <2.4> A sede da empresa fica no Rio de Janeiro, localizada na Praia
DE ATUAÇÃO
<2.4> A sede da empresa fica no Rio de Janeiro,
localizada na Praia de Botafogo. Para dar apoio à
operação nacional, existem ainda escritórios
regionais nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo,
Fortaleza, Brasília, Curitiba e Porto Alegre.
Sede
Fábricas
Fábrica de Concentrados
<2.3> A unidade de negócios da Coca-Cola no
Brasil responde pela quarta maior operação da
empresa no mundo e se reporta ao escritório do
México, que centraliza os mercados da América
Latina. Anualmente, é feita uma reunião
internacional para aprovação do plano de negócios
global da companhia.

<2.5> MAPA

O Sistema garante a distribuição nacional de uma ampla linha de bebidas não alcoólicas que engloba águas, néctares, refrigerantes, chás, lácteos, energéticos e repositores. São mais de 150 produtos disponíveis para os consumidores.

<2.2> A Coca-Cola Brasil aposta em embalagens que combinam com um estilo de vida consciente e sustentável. Com base nisso, a companhia lançou, em 2012, a minitampa para garrafas PET com alturas e bocais menores que as tradicionais, diminuindo o consumo da resina derivada de petróleo. Além disso, de 2012 a 2013, a oferta de PET retornável aumentou 38,3%. Em 2013, a empresa comemorou a volta da Coca-Cola Light e o lançamento de duas novas bebidas da família Del Valle – Reserva Açaí+Banana e Reserva Cranberry+Maçã –, com sabores exóticos e benefícios das superfrutas.

Perfil Organizacional e Governança Corporativa

–, com sabores exóticos e benefícios das superfrutas. Perfil Organizacional e Governança Corporativa 7

7

PRINCIPAIS PRODUTOS COCA-COLA BRASIL

PRINCIPAIS PRODUTOS COCA-COLA BRASIL Refrigerantes Coca-Cola . Coca-Cola Light . Coca-Cola Zero . Fanta . Kuat
PRINCIPAIS PRODUTOS COCA-COLA BRASIL Refrigerantes Coca-Cola . Coca-Cola Light . Coca-Cola Zero . Fanta . Kuat

Refrigerantes

Coca-Cola . Coca-Cola Light . Coca-Cola Zero . Fanta . Kuat . Sprite . Aquarius Fresh . Schweppes

Zero . Fanta . Kuat . Sprite . Aquarius Fresh . Schweppes Energéticos Burn <2.2> 8

Energéticos

Burn

<2.2>

88 RelatórioRelatório dede SustentabilidadeSustentabilidade 2012/20132012/2013 Coca-ColaCoca-Cola BrasilBrasil

2012/2013 • • Coca-Cola Coca-Cola Brasil Brasil Água Crystal Chás Chá Matte Leão . Chá Leão

Água

Crystal

• • Coca-Cola Coca-Cola Brasil Brasil Água Crystal Chás Chá Matte Leão . Chá Leão .
• • Coca-Cola Coca-Cola Brasil Brasil Água Crystal Chás Chá Matte Leão . Chá Leão .

Chás

Chá Matte Leão . Chá Leão . Ice Tea Leão

Repositores

i9 . Powerade
i9 . Powerade
Leão . Chá Leão . Ice Tea Leão Repositores i9 . Powerade Infantis Del Valle Kapo

Infantis

Del Valle Kapo Chocolate

Néctares e Refrescos

Laranja Caseira . Del Valle Frut . Del Valle Reserva . Del Valle Mais

Perfil OrganizacionalPerfil Organizacionale Governançae GovernançaCorporativaCorporativa

e Governança e G o v e r n a n ç a C o r

99

<2.9> Principais mudanças nas estruturas dos grupos

2013

PRÊMIOS E RECONHECIMENTOS

Grupo Solar: Norsa, Renosa e Guararapes se fundem na Solar Refrescos S.A. com sede em Fortaleza (CE). A Solar tem como controladores a Calila (Grupo Jereissati) e a família Mello. A The Coca-Cola Company é sócia minoritária.

Grupo Ipiranga: a Coca-Cola Andina do Brasil comprou a Companhia de Bebidas Ipiranga, fábrica de Ribeirão Preto (SP), por US$ 539 milhões. Além da fábrica na cidade paulista, a Ipiranga possui unidades distribuidoras em Araraquara (SP), Franca (SP), São João da Boa Vista (SP), Mococa (SP) e São Sebastião do Paraíso (MG).

Recebidos pela Coca-Cola Brasil

<2.10> Há mais de 70 anos no Brasil, a Coca-Cola segue uma trilha de reconhecimentos e premiações por suas práticas socioambientais e econômicas.

Grupo Monteiro: a Companhia Sul Fluminense de Refrigerantes, localizada em Porto Real, foi vendida à mexicana Coca-Cola Femsa por US$ 448 milhões. Fundada há 64 anos no estado do Rio de Janeiro, a empresa também está presente em Minas Gerais e São Paulo.

QUALIDADE NO

MARKETING

LIDERANÇA

ATENDIMENTO

RESPEITADO

CONQUISTADA

Grupo Spaipa: a Coca-Cola Femsa adquiriu 100% do controle acionário da Spaipa, pelo montante de US$ 1,85 bilhão. Com sede em Curitiba, a empresa possui fábricas em Curitiba e Maringá, no Paraná, e Marília e Bauru, em São Paulo.

Com foco nas relações com seus clientes e consumidores, a Coca- Cola Brasil, em 2012, foi reconhecida, mais uma vez, como

a empresa que mais respeita o

consumidor, prêmio concedido pela revista Consumidor Moderno. No mesmo ano, a companhia ainda foi condecorada com o Top Consumidor – Excelência nas Relações de Consumo, promovido pelo Instituto Nacional de Educação do Consumidor e do Cidadão (Inec), e com o Quality and Food Safety Award, na categoria Portfólio. Em 2012 e 2013, a revista Exame e o Instituto Brasileiro de Relação com o Cliente concederam à Coca-Cola Brasil o prêmio Melhor em Atendimento ao Cliente. Ainda nesses anos, a empresa foi uma das consagradas com o Prêmio Consumidor Moderno de Excelência em Serviços ao Cliente, da revista Consumidor Moderno e com o Prêmio Época ReclameAqui.

COMUNICAÇÃO

A companhia está entre as

empresas que melhor se comunicam com jornalistas, premiação concedida pela revista Negócios de Comunicação.

Os cuidados com suas ações de marketing da Coca-Cola Brasil também são reconhecidos pelo mercado. Em 2012, a empresa foi

eleita a Empresa mais Admirada por seu Marketing, na 4ª edição do AgencyScope. Em 2013, a revista Isto É Dinheiro, em parceria com a BrandAnalytics e Millward Brown, do grupo WPP, destacou a marca Coca-Cola como a mais forte e mais valiosa do Brasil. O Prêmio Abre foi concedido à Coca-Cola Zero, na categoria Marketing (ouro); ao Schweppes 230 anos, na categoria Embalagem Promocional (ouro); e ao rótulo adesivado Crystal, na categoria Tecnologia de Materiais e Conversão (ouro).

RESPONSABILIDADE

PREMIADA

A Coca-Cola Brasil se orgulha de suas ações e práticas socioambientais, reconhecidas, por exemplo, pelo Centro Mexicano para a Filantropia. Em 2013, a

companhia foi condecorada com o Prêmio Praça da Cidadania – Reconhecimento à Melhor Prática em Responsabilidade Ambiental, na categoria Alianças entre Empresas.

Considerada pela revista Carta Capital a Empresa mais admirada do Brasil, e na categoria Notoriedade, em 2012 e 2013. A companhia também figurou nas Melhores

e Maiores, da revista Exame, no Guia das Melhores Empresas

para se Trabalhar e no Guia de Sustentabilidade – Gestão de Água, ambos da revista Exame,

e

no Prêmio Abril, edições 2012

e

2013, da Editora Abril.

Princípios de Conduta para Fornecedores

<4.8> <4.12> Os Princípios de Conduta para Fornecedores (SGP) indicam preceitos e expectativas da empresa em relação a seus parceiros de negócios, além de enfatizar a importância de práticas responsáveis no local de trabalho, que respeitem os direitos humanos e cumpram as leis ambientais aplicáveis, as leis de trabalho e as convenções internacionais fundamentais. O SGP exige que o fornecedor esteja em conformidade com todas as leis locais e nacionais e conduza os negócios de modo a proteger e preservar o meio ambiente.

PRÊMIO ABERJE

O Relatório GRI da Coca-Cola

Brasil, referente aos anos

2010/2011, foi o vencedor do Prêmio Aberje de 2013, como melhor publicação impressa.

A Aberje é a Associação

Brasileira de Comunicação Empresarial, que tem por objetivo discutir e promover numa perspectiva local e global, a comunicação empresarial e organizacional como função administrativa, política, cultural e simbólica de gestão estratégica das organizações e de fortalecimento da cidadania.

Crescimento com gestão socioambiental

A Coca-Cola Brasil é uma referência em âmbito global na questão do uso responsável da água,

principal insumo para a fabricação de bebidas. Até 2020, a empresa pretende reduzir o índice de uso desse recurso para 1,47 litro de água captada por litro de bebida produzida. Ciente dos impactos gerados pelas embalagens de seus produtos, a Coca-Cola Brasil vem se destacando globalmente na questão do reaproveitamento de materiais de embalagens usadas – mais de 98% do alumínio e 56% do PET em circulação são encaminhados para a reciclagem.

A companhia iniciou a implementação de estratégia voltada para a gestão e futura redução

das emissões de gases de efeito estufa (GEE), tendo realizado, em 2013, seu inventário de GEE. Paralelamente, vem experimentando novas fontes de energia para suas fábricas, como biodiesel. A frota de distribuição também recebe investimentos e faz uso cada vez mais eficiente de seu combustível. Ao mesmo tempo, a Coca-Cola Brasil investe em projetos pioneiros para a criação de refrigeradores que operem à base de CO 2 , com impacto ambiental muito inferior aos equipamentos que utilizam CFCs e HFCs. Além de não emitir gases que

prejudiquem a camada de ozônio, um refrigerador CO 2 apresenta vantagem da redução do consumo de energia em até 30%, percentual ainda mais relevante se considerarmos um universo de mais de 600 mil unidades no Brasil.

10 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil

Perfil Organizacional e Governança Corporativa

0 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil Perfil Organizacional e Governança Corporativa 1 1

11

CERTIFICAÇÕES E PRÊMIOS

Recebidos pelos fabricantes do Sistema

COCA-COLA ANDINA

Certificação nas normas internacionais ISO 9001:2008; ISO 14001:2004; OHSAS 18001:2007 e FSSC 22000

Certificação S&OP

Certificação RED Belt

Certificada no RED Awards

Prêmio Atitude Sustentável (Rock in Rio)

SIIP (Sistema de Indicadores Industriais de Performance)

Verde Ghaia – Sustentabilidade

Food Design

Prêmio da Qualidade

BRASAL

Certificação Fountain; FSSC 22000; Heineken; 14001; OHSAS 18001; Rating SSMA, SGP – Segurança e Fornecedores

REFRESCO BANDEIRANTES

Certificação ISO 9001; ISO 14001; FSSC 22000; OHSAS 18001

SOROCABA REFRESCOS

Recertificação nas normas ISO 9001; 14001; OHSAS 18001, e manutenção na norma FSSC 22000

Certificação RED Awards

Certificação S&OP

Certificação RED Belt 2.0

Certificada no RED Awards

Auditada no Risk Assessment de Segurança e Saúde, Meio Ambiente, IMCR

Auditada nos requisitos da The Coca–Cola Company pelo grupo de auditores do GAO

Prêmio SESI Qualidade no Trabalho na categoria Cultura Organizacional

Ranking das 100 mais inovadoras no uso de TI

2º lugar na Copa Execução e Top5 do Brasil

Finalista no Prêmio da Qualidade Coca-Cola

Prêmio pela Melhor Implantação do SF Coke

Medalha prata no Prêmio Paulista de Qualidade de Gestão (PPQG)

Ranking entre 500 Melhores Empresas do Agronegócio

GRUPO SIMÕES

Certificação ISO 9001; ISO 14001; OHSAS 18001; FSSC 22K:10

FEMSA

Certificação ISO 9001

Prêmio Top of Mind em Minas Gerais

Prêmio Associação Mineira de Supermercados (Amis)

Prêmio Praça da Cidadania

Principais stakeholders

12 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil

Principais stakeholders

<4.14> <4.15> <4.16> Ancorada na mudança de era, do “tudo ao mesmo tempo”, a companhia inova no relacionamento com seus stakeholders e marca sua atuação com diversas iniciativas, como o desenvolvimento do Ciclo de Diálogos Vida Saudável, que tem como objetivo estreitar o relacionamento com alguns públicos, a exemplo do trabalho com blogueiros, pessoas reais, e não personalidades inatingíveis criadas pela mídia tradicional.

A Coca-Cola Brasil acredita que a associação com esses públicos aumenta a identificação das pessoas com a marca Coca-Cola. Seu projeto Viva 2.0 valoriza o conteúdo produzido por 40 blogueiros e reverbera em dezenas de outros meios digitais.

GOVERNO CONSUMIDORES VAREJO IMPRENSA BLOGUEIROS ASSOCIAÇÕES MÉDICAS COMUNIDADES FORNECEDORES FABRICANTES ACIONISTAS PÚBLICO INTERNO ONGS ENTIDADES PATRONAIS MEIO ACADÊMICO

Governança corporativa

<4.3> O modelo de governança corporativa adotado pela Coca-Cola Brasil atribui aos vice-presidentes a condução dos negócios e a tomada de decisões mais estratégicas, que incluem as questões de sustentabilidade. Eles são nomeados conforme as estratégias implementadas e se responsabilizam por zelar pela qualidade e integridade das exigências legais e regulamentares, pela atuação da empresa no país e pela qualidade dos sistemas de controle interno e de administração de riscos.

<4.1> <4.4> A Coca-Cola Brasil conta com o Senior Leadership Team, um grupo de líderes que tem como missão definir as diretrizes estratégicas do negócio. O Senior Leadership Team realiza quatro encontros por ano com os funcionários para compartilhar resultados e estabelecer objetivos. Esses encontros contam com a participação do presidente da companhia Xiemar Zarazúa, que aproveita a oportunidade para estabelecer um contato mais próximo com os colaboradores.

<4.2> Conheça os líderes da Coca-Cola Brasil

XIEMAR ZARAZÚA Presidente

MARCO SIMÕES Vice-presidente de Comunicação e Sustentabilidade

JACK CORREA Vice-presidente de Assuntos Governamentais

JOÃO MARCELO RAMIRES Vice-presidente de Operações

CLAUDIA LORENZO Diretora de Novos Negócios e Diretora Executiva do Instituto Coca-Cola Brasil

RINO ABBONDI Vice-presidente de Técnica & Logística

SANDOR HAGEN Gerente geral de Novas Bebidas

MARCO-ANTONIO ARAÚJO Vice-presidente Administrativo e Financeiro

RAÏSSA LUMACK Vice-presidente de Recursos Humanos

JOHN PINTO Vice-presidente de Planejamento Estratégico

RITA OLIVEIRA Vice-presidente Jurídica

JAVIER MEZA Vice-presidente de Marketing

MICHEL DAVIDOVICH Vice-Presidente e gerente-geral da Copa do Mundo FIFA 2014 TM

FLAVIO CAMELIER Vice-presidente e gerente-geral dos Jogos Olímpicos Rio 2016 TM

Perfil Organizacional e Governança Corporativa

Vice-presidente e gerente-geral dos Jogos Olímpicos Rio 2016 T M Perfil Organizacional e Governança Corporativa 1

13

A definição das diretrizes de sustentabilidade da Coca-Cola Brasil é de responsabilidade da Vice-presidência de
A definição das diretrizes de sustentabilidade da Coca-Cola Brasil é de responsabilidade da Vice-presidência de

A definição das diretrizes de sustentabilidade da Coca-Cola Brasil é de responsabilidade da Vice-presidência de Comunicação e Sustentabilidade, que estabelece e adapta às particularidades locais a plataforma global Viva Positivamente. As estratégias estabelecidas por essa vice-presidência são aprovadas e acompanhadas pela presidência da companhia e pelo Senior Leadership Team.

Nossa política ambiental

O respeito ao meio ambiente é prioridade dentro do Sistema Coca-Cola Brasil. Tudo que se faz deve ter a

premissa do desenvolvimento sustentável. A companhia acredita que o sucesso está diretamente ligado à excelência do desempenho ambiental, com práticas mais transparentes e que ajudem a preservar os recursos para as próximas gerações. Os esforços se concentram em áreas-chave e são definidos pelas seguintes metas de longo prazo: gestão de recursos hídricos nas comunidades em que opera; proteção climática, com a redução da emissão de carbono; e embalagens sustentáveis, por meio da reciclagem e da inovação.

De acordo com a política ambiental da empresa, cada nível organizacional do Sistema deve aderir a objetivos específicos que precisam ser coerentes com os riscos e circunstâncias de cada operação, conforme aprovado pela The Coca-Cola Company.

SISTEMA DE GESTÃO

Implementar a política, os padrões

e os programas de gerenciamento

ambiental; assegurar a provisão de recursos necessários para

alcançar os objetivos ambientais da organização; e alavancar

a melhoria contínua do

desempenho ambiental.

CONFORMIDADE LEGAL

Assegurar a conformidade com

as mais restritas exigências legais

aplicáveis ou com os requisitos da companhia relativos à gestão ambiental.

OBJETIVOS E ACOMPANHAMENTO DO DESEMPENHO

Estabelecer e acompanhar os objetivos e as metas de desempenho ambiental da organização.

COMPROMISSO COM AS PARTES INTERESSADAS

Colaborar, se apropriado, com entidades públicas e privadas, incluindo o governo, ONGs, outras comunidades locais e de negócio, para o avanço de iniciativas de

gestão ambiental, de negócios sustentáveis e de sustentabilidade das comunidades.

GERENCIAMENTO

DE INCIDENTES E RESOLUÇÃO DE CRISES (IMCR)

Tratar os incidentes ambientais de forma a proteger os ativos, funcionários, empregados terceirizados, clientes, o público, bem como a imagem e as marcas registradas da TCCC e o Sistema Coca-Cola, consistentemente com os requisitos aplicáveis da legislação e da The Coca-Cola Company.

14 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil

AVALIAÇÃO E GERENCIAMENTO DE RISCO

Identificar, avaliar e tratar os riscos ambientais e as tendências potenciais. Utilizar avaliações regulares, periódicas e objetivas para assegurar a conformidade com os requisitos da The Coca-Cola Company e com as leis aplicáveis.

EMPREGADOS CAPACITADOS E COMPROMETIDOS

Estabelecer papéis e responsabilidades claramente definidas, treinamento, sistemas de comunicação e oportunidades de participação para promover um engajamento efetivo dos empregados em cada nível.

um engajamento efetivo dos empregados em cada nível. Investimento constante em proteção ambiental

Investimento constante em proteção ambiental

<EN30> Diante de desafios robustos, atrelados à Visão 2020, a Coca-Cola Brasil fomenta os investimentos no aperfeiçoamento da gestão ambiental entre seus fabricantes. Entre os itens mais relevantes, estão a disposição de resíduos, o tratamento de emissões e as ações de mitigação. Além disso, projetos de reciclagem, reutilização e boas práticas na área ambiental, que são incentivados em toda a companhia, contribuem de forma significativa para a redução dos impactos relacionados à geração de resíduos e de emissões. Investimento por ações abaixo:

Gastos realizados com disposição de resíduos, tratamento de emissões e ações de mitigação

Ações

Total gasto, em R$

Tratamento e disposição de resíduos Tratamento de emissões (ex. gastos com filtros, agentes etc.) Depreciação de equipamentos/despesas com manutenção e operação Limpeza, incluindo remediação de derramamentos Compra e uso de certificados de emissão

13.271.796

2.026.353

1.898.574

525.825

345.488

Total

18.068.036

2012

2013

525.825 345.488 Total 18.068.036 2012 2013 Prevenção e gestão ambiental As ações de prevenção

Prevenção e gestão ambiental

As ações de prevenção que integram a política interna de gestão para a sustentabilidade são fundamentais para a redução de impactos negativos. No total, a Coca-Cola Brasil investiu no período de relato R$ 27,1 milhões em prevenção e gestão ambiental, conforme tabela abaixo:

Investimentos realizados pela Coca-Cola Brasil com prevenção e gestão ambiental

Investimentos em prevenção e gestão ambiental

Total gasto, em R$

Instalação de tecnologias mais limpas Pessoal para atividades gerais de gestão ambiental Outros custos de gestão ambiental Serviços externos de sistemas de gestão ambiental Certificação externa de sistemas de gestão Pesquisas e desenvolvimento Pessoal utilizado em educação e treinamento Despesas extras em compras verdes

22.753.159

1.647.627

967.599

707.651

538.380

204.440

159.474

124.717

Total

27.103.047

2012

2013

A maior parte do total investido (R$ 22,8 milhões) vai para a instalação de máquinas e equipamentos, visando à implementação de tecnologias limpas. Em segundo lugar, vem a contratação de pessoal especializado nos sistemas de gestão ambiental, o que é muito valorizado entre os fabricantes, que buscam manter as certificações ativas e melhorar continuamente a gestão.

Perfil Organizacional e Governança Corporativa

manter as certificações ativas e melhorar continuamente a gestão. Perfil Organizacional e Governança Corporativa 1 5

15

MISSÃO, VALORES, CÓDIGOS, PRINCÍPIOS, NORMAS E ORIENTAÇÕES

A The Coca-Cola Company, ao longo de 127 anos de história no mundo e de sete décadas no Brasil, construiu um jeito próprio de atuar no dia a dia, resumido nos seguintes princípios e valores:

PAIXÃO

Comprometidos de corpo e alma, é preciso criar oportunidades, ter sede de fazer sempre mais e realizar.

oportunidades, ter sede de fazer sempre mais e realizar. LIDERANÇA Como líderes, é preciso ter a

LIDERANÇA

Como líderes, é preciso ter

a coragem de construir um

futuro melhor, meta que será

alcançada fazendo a diferença como empresa global, com decisões e inspiração certas

e influenciando aqueles com quem se relaciona.

INTEGRIDADE

Ser íntegro significa ser verdadeiro:

dizer o que pensa, fazer o que diz e agir corretamente.

COLABORAÇÃO

Crença na força da participação e, por isso, promover o talento coletivo.

QUALIDADE

Não há limites para atingir a excelência nas atividades.

DIVERSIDADE

Ter uma força de trabalho tão diversa quanto os mercados que são atendidos, e criar oportunidades para alcançar esse objetivo.

INOVAÇÃO

Buscar, imaginar, criar, divertir: esse é o caminho para a inovação.

RESPONSABILIDADE

Ter vocação para agir e honrar os compromissos.

NOSSA

MISSÃO

Três itens norteiam a missão da Coca-Cola Brasil: refrescar o mundo, em corpo, mente e espírito; inspirar momentos de otimismo, por meio de suas marcas e ações; e criar valor e fazer a diferença, onde a empresa estiver e em tudo que fizer.

16 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil

Estratégias e boas práticas contra a corrupção

<SO4> A corrupção pode criar riscos significativos à reputação da empresa e aos seus negócios. Cada vez mais o mercado espera que as empresas demonstrem adesão a boas práticas em relação ao tema. A Coca-Cola Brasil, assim como todo o sistema da The Coca-Cola Company, se preocupa em evitar possíveis casos de corrupção. Por isso, conta com o Código de Conduta Comercial para Fornecedores, além da Política Antissuborno. O Código de Conduta inclui um tópico sobre suborno que determina que todos os fornecedores da The Coca-Cola Company devem obedecer ao US Foreign Corrupt Practices Act (lei americana de práticas de anticorrupção no exterior), bem como à legislação local relativa ao suborno dos funcionários públicos.

A Política de Antissuborno (Global), junto com o Código de Conduta e

a legislação, estabelecem limites às interações da companhia entre

funcionários de vários governos em todo o mundo. A política tem um

objetivo de proporcionar um nível de consciência mais elevado sobre

a Lei de Práticas Corruptas dos EUA (FCPA), a Lei Antissuborno do

Reino Unido (UKBA) e outras leis da espécie, para evitar violações involuntárias e reconhecer possíveis problemas a tempo, sendo tratados de forma adequada. A violação das leis antissuborno pode levar a companhia a severas penalidades civis e criminais.

Nos anos de 2012 e 2013, não foram registrados no Sistema Coca-Cola Brasil quaisquer casos de corrupção pelos fabricantes da Coca-Cola Brasil.

Respeito ao trabalho digno, ética e transparência

O Sistema Coca-Cola é signatário do Pacto Nacional pela

Erradicação do Trabalho Escravo, articulação conjunta entre o Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e a ONG Repórter Brasil; do Pacto Empresarial pela Integridade e Contra a Corrupção, iniciativa do Instituto Ethos, do UniEthos – Formação e Desenvolvimento da Gestão Socialmente Responsável e da Patri Relações Governamentais & Políticas Públicas; e também do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), do Escritório das Nações Unidas Contra Drogas e Crime (UNODC) e do Comitê Brasileiro do Pacto Global.

Drogas e Crime (UNODC) e do Comitê Brasileiro do Pacto Global. Perfil Organizacional e Governança Corporativa

Perfil Organizacional e Governança Corporativa

Drogas e Crime (UNODC) e do Comitê Brasileiro do Pacto Global. Perfil Organizacional e Governança Corporativa

17

COCA-COLA BRASIL

1940 2001 Slogan “Gostoso é viver” é lançado, disseminando os bons momentos da vida. A
1940
2001
Slogan “Gostoso é viver” é lançado, disseminando os bons momentos da vida. A campanha
embalou no mesmo ano o relançamento das garrafinhas de vidro “contour” de 237 ml, trazendo de
volta a mais conhecida e charmosa embalagem.
2002
1950
2003
O
slogan “Isto faz um
bem” – que destaca o sabor
A primeira produção de
Latas de 473 ml de Coca-Cola com a imagem do Pelé foram
lançadas em comemoração à Copa do Mundo.
A companhia também iniciou um processo nacional de
diversificação, lançando bebidas não carbonatadas, como
água (Bonaqua), chá gelado (Nestea), néctares à base de
frutas (Kapo) e energético (Burn).
refrescante do refrigerante e
Coca-Cola no Rio de Janeiro
ocorreu em 1945, com 150
garrafas por minuto. Antes,
as
transformações políticas
e
culturais do país – surgiu
o produto saía da Fábrica de
Água Mineral Santa Clara, em
Recife (PE).
nessa década e permaneceu
por 14 anos. Onze fábricas de
Coca-Cola já funcionavam
no Rio de Janeiro, São Paulo,
Minas Gerais, Bahia e
Rio Grande do Sul.
Firmado com o Comitê Olímpico
Brasileiro (COB) o patrocínio às
equipes olímpicas de ginástica
artística, judô e natação, que
visavam o apoio à preparação
para as Olimpíadas de 2004.
2004
2005
Desenvolvido plano de
reaproveitamento da água da
chuva como fonte alternativa
em processos industriais. O
intuito foi minimizar o uso de
água proveniente de
bacias hidrográficas.
1960
A Coca-Cola Brasil ficou em primeiro lugar
entre todas as unidades da The Coca-Cola
Company, segundo critérios de desempenho
de mercado alinhados às práticas de
sustentabilidade. No mesmo ano, foi lançada
a Coca-Cola em minilata de 250 ml e a
garrafa de vidro de 200 ml.
A garrafa média de 290 ml foi
2006
desenvolvida nesse período, graças
às inovações tecnológicas. Em 1962, o
concentrado do produto passou a ser
fabricado no Rio de Janeiro.
Lançamento de novas linhas de produtos como Aquarius Active, repositor de
baixa caloria; Kapo Chocolate; Schweppes Light nos sabores Citrus e Tônica;
Kuat Zero; Nestea; Mate Light; e Fanta Discovery, além da chegada ao Brasil da
marca de sucos mundial Minute Maid, que juntou-se à brasileira Mais.
2007
1970
2008
O Instituto Coca-Cola Brasil lança o Água das Florestas Tropicais
Brasileiras, para recuperar bacias hidrográficas com o reflorestamento
de 3 mil hectares de matas ciliares. A recém-lançada Coca-Cola Zero
foi líder entre os refrigerantes de baixa caloria, e Laranja Caseira o mais
vendido em embalagem de 1 l.
As máquinas post-mix passam
a oferecer ao consumidor a
Coca-Cola feita na hora, servida
em copos. Criadas no exterior,
as campanhas publicitárias
assumiram um toque brasileiro,
como a “Isso é que é, Coca-Cola!”.
Coca-Cola lançou a plataforma
Viva Positivamente, que traduz a
estratégia de sustentabilidade
da empresa.
2009
A companhia investe em fábricas projetadas no conceito sustentável,
com mecanismos para coleta de água de chuva e redução do consumo
energético da refrigeração com o melhor aproveitamento da circulação
do ar, entre outras inovações.
2010
A companhia lançou o “Reinvente-se:
Planejamento de Vida”, para colaborar com
1980
o planejamento de vida profissional e
pessoal dos colaboradores.
2011
Lançamentos importantes
marcaram essa década: o
refrigerante em lata, em 1981, e o
Sprite sabor limão, em 1984, bem
como as embalagens one way
(descartáveis) e a tampa
de rosca, em 1988.
Nasce a Bottle to Bottle, embalagem feita em parte com PET
reciclado pós-consumo. A companhia alcançou a marca de 23% na
redução do uso de água no processo produtivo. Em respeito à
diversidade sexual, a companhia estendeu a assistência médica a
companheiros do mesmo sexo.
2012
A Coca-Cola comemora 70 anos no Brasil. Chega ao mercado brasileiro o Del Valle Laranja Caseira
Light, primeiro néctar de caixinha com o adoçante natural estévia. A empresa é a fornecedora oficial
da Rio+20, servindo mais de 200 mil litros de bebida durante a conferência.
2013
1990
A Coca-Cola lançou a Big Coke (2l), a embalagem de 1,25 l e a
lata de alumínio 100% reciclável para toda a linha de produtos,
além da Superfamília – garrafa plástica retornável de 1,5 l.
O período marca a atuação expressiva em projetos sociais,
culturais, esportivos e ambientais.
A Coca-Cola Brasil lança, pela primeira vez, uma campanha que reúne as
principais ações que vem realizando no país. Também lança novo site totalmente
reestruturado, com novas funções e formas de pesquisas e navegação mais
amigáveis. Ao comemorar seus 127 anos, a The Coca-Cola Company anuncia
compromissos globais para ajudar a combater a obesidade, como forma de
contribuir para que a população seja mais saudável.
18 Relatório de Sustentabilidade 2012/2013 • Coca-Cola Brasil
Perfil Organizacional e Governança Corporativa
19
22 I BENEFÍCIO DAS BEBIDAS 28 I VIDA SAUDÁVEL EU BEM-ESTAR PESSOAL

22

I BENEFÍCIO DAS BEBIDAS

28

I VIDA SAUDÁVEL

22 I BENEFÍCIO DAS BEBIDAS 28 I VIDA SAUDÁVEL EU BEM-ESTAR PESSOAL

EUBEM-ESTAR

PESSOAL

BENEFÍCIOS DAS BEBIDAS

Foco e respeito ao consumidor

Inovar e ampliar o leque de opções de bebidas fazem parte da estratégia de mercado da Coca-Cola Brasil. Nesse sentido, a companhia procura interagir com os diferentes públicos de interesse, que estão cada vez mais exigentes e atentos.

Inspirar e transformar com portfólio de qualidade Retorno à mesa brasileira Por meio de suas
Inspirar e transformar
com portfólio
de qualidade
Retorno
à mesa brasileira
Por meio de suas marcas e ações, a Coca-Cola
inspira momentos de otimismo, cria valor e faz a
diferença atuando em sete segmentos de bebidas
gaseificadas e não gaseificadas. O portfólio da
companhia é composto por uma linha de mais de 150
produtos, entre refrigerantes, isotônicos, energéticos,
águas, chás, néctares e refrescos. No grupo das
bebidas gaseificadas, o destaque de 2012/2013 fica
por conta do retorno da Coca-Cola Light.
Com fórmula e sabor originais, o relançamento da
Coca-Cola Light reforça o compromisso de oferecer
opções de bebidas de baixa ou sem calorias que,
atualmente, correspondem a 58% do portfólio da Coca-
Cola Brasil. Pesquisas de monitoramento interno da marca
apontaram que 99% dos brasileiros lembram de Coca-
Cola Light, e 33% manifestaram a vontade de beber o
refrigerante. Com o tema “Eu amo Coca-Cola Light”, as
ações de relançamento focaram no amor à marca.
Novos sabores
com benefícios
nutricionais
A Coca-Cola Brasil lançou, no período, duas novas bebidas. O Del Valle
Reserva Açaí+Banana traz os benefícios nutricionais do açaí, fonte de
zinco e magnésio, que ajudam na obtenção de energia, e da polpa de
banana, que adoça naturalmente a bebida, reduzindo a adição de
açúcar. Já o Del Valle Reserva Cranberry+Maçã traz os benefícios do
cranberry, um antioxidante natural, que contribui para a proteção das
células contra os radicais livres, além de ser fonte de vitamina C.
Ambas foram concebidas no laboratório de Pesquisa e
Desenvolvimento da Coca-Cola no Rio de Janeiro, considerado um dos
cinco centros mais avançados da empresa em todo o mundo.
Com um toque de inovação, o lançamento veio acompanhado da
criação do projeto Coletivo Floresta, com foco no bem-estar social e
cultural e na conservação da biodiversidade da floresta amazônica.
22 Bem-estar pessoal I EU
Benefícios da bebida

23

Pesquisas de satisfação:

um compromisso da Coca-Cola

<PR5> A Coca-Cola Brasil realiza mensalmente pesquisas de satisfação, consideradas instrumentos fundamentais para o alcance dos objetivos que envolvem satisfazer os consumidores, além de agregar qualidade ao seu relacionamento com esses stakeholders. As pesquisas são realizadas com duas abordagens: qualidade do relacionamento e processo utilizado. Para avaliar os fabricantes, são utilizadas estratégias e metodologias próprias, que permitem analisar cada grupo fabricante em relação às suas operações e ao seu portfólio de produtos.

Anualmente, o Centro de Relacionamento com Consumidor (CRC) do Sistema Coca-Cola Brasil realiza pesquisa para avaliar a satisfação do consumidor. O objetivo é demonstrar o nível de satisfação dos clientes em relação ao atendimento prestado pela área. A metodologia usada é a Customers Operations Performance Center (COPC), baseada em três pilares:

satisfação dos consumidores, qualidade do serviço e custo. O CRC é uma área estratégica fundamental para a companhia e disponibiliza aos seus consumidores diversos canais de comunicação.

Metodologia de pesquisa

diversos canais de comunicação. Metodologia de pesquisa TELEFONE 0800 021 21 21 A indústria de alimentos

TELEFONE 0800 021 21 21 A indústria de alimentos e bebidas foi pioneira ao disponibilizar número gratuito com recebimento da ligação de celular.

“FALE CONOSCO” No site www.cocacolabrasil. com.br existe um link integrado ao sistema de Customer Relationship Management (CRM). Nesse canal também está disponível, desde 2013, o autoatendimento, onde o público em geral pode fazer perguntas e tirar dúvidas sem precisar preencher o formulário padrão desse canal.

REDES SOCIAIS Também são uma ferramenta relevante de relacionamento. Nesse ambiente, a Coca-Cola tem 12 fanpages, quatro perfis no Twitter e três no Instagram.

Para medir a satisfação do consumidor nas pesquisas, a Coca-Cola Brasil utiliza uma metodologia conhecida como Net Promoter Score (NPS) que mensura a fidelização do consumidor com o atendimento prestado. Baseia-se na Percepção de valor e satisfação de clientes, usando a seguinte pontuação:

NPS 60 – Excelência

.

60 > NPS 30 Bom

.

NPS < 30 Ruim

O resultado das pesquisas (média

dos últimos dois anos) foi:

Relacionamento nos canais tradicionais - NPS 36% Resolução da reclamação do consumidor pelo fabricante NPS 61% Relacionamento nas redes sociais – NPS 79%

24 Bem-estar pessoal I EU

Já os fabricantes adotam requisitos do Sistema de Gestão da Qualidade.

O foco é o grau de satisfação dos

clientes quanto ao atendimento realizado e ao serviço prestado.

quanto ao atendimento realizado e ao serviço prestado. Expansão nas redes sociais <PR5> Com foco na

Expansão nas redes sociais

<PR5>

Com foco na excelência, a Coca-Cola Brasil

acompanha a velocidade das transformações do mundo empresarial ampliando o leque de canais de comunicação para solucionar dúvidas, receber reclamações, sugestões e elogios. A ideia é atender com agilidade, atenção e eficiência, palavras de ordem quando o assunto é o relacionamento com o cliente final.

O número de contatos por meio das redes sociais vem crescendo. Em 2012, foram 5% e, em 2013, 9%. A Coca-Cola Brasil, a partir de 2013, deu início ao processo de avaliação do consumidor nessas mídias, analisando críticas e identificando oportunidades. O número de fanpages no Facebook também cresceu. No ranking Brasil de 2013, em relação ao número de fãs, a Coca-Cola Brasil passou a ocupar o pódio brasileiro.

Consumidor na linha

Com um portfólio variado de bebidas e um número crescente de consumidores, que estão cada vez mais exigentes, a Coca-Cola Brasil registra alto índice de contatos para tirar dúvidas por meio de seus canais de comunicação. Em 2012, foram 650 mil contatos e, em 2013, 550 mil. A maior parte dos contatos parte de consumidores.

Canais da Coca-Cola Brasil nas redes sociais

consumidores. Canais da Coca-Cola Brasil nas redes sociais COCA-COLA www.facebook.com/cocacola COCA-COLA ZERO

COCA-COLA www.facebook.com/cocacola COCA-COLA ZERO www.facebook.com/cocacolazero COCA-COLA LIGHT www.facebook.com/cocacolalight FANTA www.facebook.com/fanta POWERADE www.facebook.com/powerade KUAT www.facebook.com/guaranakuat DEL VALLE www.facebook.com/delvalletm BURN www.facebook.com/BurnEnergy i9 www.facebook.com/i9byPowerade SCHWEPPES BRASIL www.facebook.com/SchweppesBrasil SPRITE www.facebook.com/sprite LEÃO www.facebook.com/leaofuze

www.facebook.com/sprite LEÃO www.facebook.com/leaofuze COCA-COLA BRASIL twitter.com/CocaCola_Br COCA-COLA ZERO

COCA-COLA BRASIL twitter.com/CocaCola_Br COCA-COLA ZERO twitter.com/cocacolazero_br BURN twitter.com/burn POWERADE twitter.com/powerade

BURN twitter.com/burn POWERADE twitter.com/powerade COCA-COLA instagram.com/cocacola_br COCA-COLA ZERO

COCA-COLA instagram.com/cocacola_br COCA-COLA ZERO instagram.com/cocacolazero_br COCA-COLA LIGHT instagram.com/cocacolalight_br

COCA-COLA LIGHT instagram.com/cocacolalight_br www.orkut.com/Main#Community?cmm

www.orkut.com/Main#Community?cmm

www.orkut.com/Main#Community?cmm plus.google.com/+CocaColaBr/posts Benefícios da bebida 2 5

plus.google.com/+CocaColaBr/posts

Benefícios da bebida

www.orkut.com/Main#Community?cmm plus.google.com/+CocaColaBr/posts Benefícios da bebida 2 5

25

Compromisso com o marketing responsável <PR6> Todas as ações de comunicação da companhia atendem à
Compromisso
com o marketing
responsável
<PR6> Todas as ações de comunicação da
companhia atendem à legislação brasileira
vigente, bem como ao Código Brasileiro de
Autorregulamentação Publicitária, elaborado pelo
Conselho de Autorregulamentação Publicitária
(Conar). Além disso, a Coca-Cola Brasil tem sua
própria política de marketing responsável. São
aspectos relevantes dessa política:
Não anunciar produtos em canais
que tenham audiência maior que
35% desse público ou que sejam
direcionados para crianças.
Não oferecer brindes que sejam
apelativos ao público infantil.
Não mostrar crianças consumindo
produtos sem a presença de adultos.
Considerar que escolas são
ambientes não comerciais onde a
comunicação somente poderá ser
realizada com base em mensagens
de teor educativo, incentivando a
prática de esportes e hábitos de
vida saudáveis.
Em 2008, esse compromisso com a publicidade
responsável foi formalizado junto à Organização
Mundial de Saúde (OMS) pela Coca-Cola Brasil e
mais 21 empresas filiadas à Associação Brasileira
da Indústria de Alimentação (Abia) e à
Associação Brasileira de Anunciantes (ABA).

26 Bem-estar pessoal I EU

Antes do lançamento, toda campanha é avaliada com a finalidade de garantir conformidade com a legislação em vigor. Não constam no portfólio da Coca-Cola Brasil produtos proibidos no mercado. A preocupação sobre a segurança do consumo de seus produtos está sempre no radar da empresa. Em 2013, foi realizada uma consulta pública pela Autoridade Europeia para a Segurança Alimentar sobre o consumo do aspartame. O resultado demonstrou que os níveis do adoçante contido nos produtos da empresa são seguros para o consumo.

Empresa premiada:

respeito ao consumidor

Em 2012, a Coca-Cola Brasil foi condecorada com o prêmio “Empresas que mais respeitam o consumidor”, na categoria Bebidas, conferido pela revista Consumidor Moderno, em parceria com a Shopper Experience. O objetivo era mensurar efetivamente o grau de respeito que as empresas de diversos setores têm pelos seus consumidores, baseado não somente na percepção das marcas, mas na experiência real do consumidor. Os principais atributos valorizados na pesquisa foram qualidade do produto, qualidade no atendimento e transparência na relação com o consumidor.

Em 2013, o destaque ficou por conta do “Prêmio IBRC - Excelência em relacionamento com o consumidor”, da revista Exame, em parceria com o Instituto Ibero-Brasileiro de Relacionamento com o Cliente (IBRC). O prêmio IBRC é considerado o maior e mais completo estudo sobre o relacionamento com o cliente no Brasil. Ao lado, os principais prêmios:

Preservando a privacidade

<PR8> A Coca-Cola Brasil trabalha para que a privacidade do cliente seja integralmente preservada. O fornecimento de informações a terceiros só ocorre em função das necessidades das operações e processos e envolve procedimentos específicos para garantir a necessária confidencialidade, conforme definido na política interna e no sistema de gestão da empresa. Em 2012 e 2013, o Sistema Coca-Cola Brasil não registrou nenhuma reclamação referente à violação de

privacidade e perda de dados de clientes.

2012

EMPRESAS QUE MAIS RESPEITAM O CONSUMIDOR I Revista Consumidor Moderno

14º PRÊMIO CONSUMIDOR

MODERNO EXCELÊNCIA

EM SERVIÇOS AOS CLIENTES I

Revista Consumidor Moderno

PRÊMIO IBRC - RELACIONAMENTO COM O CONSUMIDOR I Revista Exame

PRÊMIO INTERNACIONAL DE QUALIDADE DE SEGURANÇA DE ALIMENTOS I The Coca-Cola Company

PRÊMIO EXCELÊNCIA NAS RELAÇÕES DE CONSUMO - TOP CONSUMIDOR I Instituto Nacional de Educação do Consumidor e do Cidadão (Inec) - INEC

MELHOR EMPRESA PARA O CONSUMIDOR CATEGORIA BEBIDAS I Site reclameAqui

2013

PRÊMIO IBRC – EXCELÊNCIA EM RELACIONAMENTO COM O CONSUMIDOR I Revista Exame

RECLAME AQUI - A MELHOR EMPRESA PARA O CONSUMIDOR – CATEGORIA BEBIDAS I Revista Época

XV PRÊMIO CONSUMIDOR

MODERNO – EXCELÊNCIA EM SERVIÇOS AOS CLIENTES I Revista Consumidor Moderno

Benefícios da bebida

MODERNO – EXCELÊNCIA EM SERVIÇOS AOS CLIENTES I Revista Consumidor Moderno Benefícios da bebida 2 7

27

VIDA

SAUDÁVEL

VIDA SAUDÁVEL NOVA RECEITA KAPO Mais natural e nutritivo A Coca-Cola Brasil colocou nas gôndolas dos

NOVA RECEITA KAPO Mais natural e nutritivo

A Coca-Cola Brasil colocou nas gôndolas dos mercados de todo o país,

em março de 2012, o Del Valle Kapo, com receita reformulada para atender ainda mais às necessidades nutricionais do público infantil. A bebida, desenvolvida no Laboratório de Pesquisa da companhia, no Rio de Janeiro, é fruto de pesquisa, que envolveu mães, crianças e médicos, com o objetivo de criar uma bebida ainda mais nutritiva e natural, sem alterar o seu tradicional sabor.

O resultado foi um refresco de caixinha com 78 Kcal, quantidade

menor do que uma maçã Fuji. Antes, a quantidade de calorias variava entre 88 Kcal e 108 Kcal. À receita, foram acrescidas vitaminas como A, B3, B6, B12, C, D e E, fortes aliadas no desenvolvimento infantil. Os corantes artificiais foram substituídos por naturais, provenientes de legumes e verduras como beterraba e cenoura. Em todos os sabores (abacaxi, laranja, maracujá, morango e uva), a quantidade de fruta utilizada foi equilibrada.

A nova fórmula atendeu a três pré-requisitos estabelecidos pela

Coca-Cola Brasil. O primeiro era o de transformar a marca Kapo para Del Valle Kapo. O segundo foi buscar uma combinação que atendesse às necessidades nutricionais exigidas por pais e pela comunidade médica, sem alteração do sabor da bebida. O terceiro foi o de manter

o produto dentro do seu centro de custo, em acordo com os

princípios de uma boa governança corporativa e respeito ao consumidor. Posteriormente, pesquisas realizadas pela Coca-Cola Brasil apontaram que 99% dos consumidores aprovaram o novo sabor.

28 Bem-estar pessoal I EU

A busca por esse

equilíbrio tornou-se um direcionamento global da companhia, sempre reforçado em suas embalagens e campanhas. Em todas as suas iniciativas, a companhia procura ajudar as pessoas a conseguirem o melhor

equilíbrio entre a saúde e

o bem-estar

Equilíbrio é a palavra de ordem

Atenta ao bem-estar das pessoas, a Coca-Cola Brasil desenvolve, por meio da plataforma Viva Positivamente, uma série de atividades que estimulam o equilíbrio entre uma vida saudável e momentos de prazer. Nesse contexto, a companhia se dedica ao desenvolvimento de iniciativas que incentivam a prática de esportes, bem como o aperfeiçoamento constante de seus produtos e o fomento de pesquisas e programas de combate à obesidade, contribuindo para uma vida saudável e equilibrada.

Jogos Escolares da Juventude 2013

Em mais uma ação de incentivo ao esporte, a Coca-Cola Brasil fechou, em 2013, com o Comitê Olímpico Brasileiro (COB), o apoio aos Jogos Escolares da Juventude, mais importante competição estudantil do país. A última edição, realizada em setembro e novembro de 2013 reuniu milhares de adolescentes entre 12 e 17 anos na disputa de 14 modalidades esportivas. A Coca-Cola Brasil patrocinou também o Prêmio Brasil Olímpico que, além de premiar os atletas olímpicos do Brasil, contou com os melhores atletas dos Jogos Escolares da Juventude.

Os jovens atletas que participaram dos Jogos Escolares da Juventude também concorreram ao troféu Powerade nas categorias Foco, Superação e Fair Play. Trata-se de um diferencial na competição, promovido exclusivamente pela Coca-Cola. Um exemplo de espírito esportivo premiado na edição 2013 dos Jogos Escolares da Juventude foi a carioca Paula Houffmann. Aluna do Centro Educacional da Lagoa (CEL) RJ, ela levou o Powerade Fair Play, além de ter conquistado, em Belém, o bicampeonato no vôlei de praia, ao lado da parceira Luisa Domingues. Promessa no esporte, a jovem também é medalhista de ouro dos Jogos Sul-americanos da Juventude Lima 2013.

Estímulo ao esporte e às atividades físicas

Outra linha de atuação da Coca-Cola Brasil para contribuir com a saúde da população é o apoio a diversas ações de incentivo a uma vida saudável e ativa. O Fórum de Nutrição, feito em parceria com o Ministério da Saúde, com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e com a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia), discute temas como obesidade e difunde bons hábitos alimentares.

temas como obesidade e difunde bons hábitos alimentares. companhia também patrocina o A programa Prazer de

companhia também patrocina o

A

programa Prazer de Estar Bem, da Federação das Indústrias de

São Paulo (Fiesp), que conta com

o

contribuir para a diminuição do índice de obesidade infantil no país e para a sensibilização de jovens e adultos à prática de atividades físicas e à adoção de hábitos alimentares saudáveis.

apoio da Abia. Essa ação busca

Além disso, a Coca-Cola é uma das marcas mais tradicionais na história da Copa do Mundo de Futebol e dos Jogos Olímpicos.

Vida saudável

é uma das marcas mais tradicionais na história da Copa do Mundo de Futebol e dos

29

PRÊMIO PEMBERTON um celeiro de inovação PESQUISA BÁSICA Em sua 3ª edição no Brasil, o

PRÊMIO

PEMBERTON

um celeiro de inovação

PESQUISA

BÁSICA

Em sua 3ª edição no Brasil, o Prêmio Pemberton tem o objetivo de promover pesquisas com foco no bem-estar das pessoas. Em 2013, as seis pesquisas mais bem colocadas receberam um total de R$ 110 mil. O prêmio é dividido em duas categorias: Pesquisa Básica e Pesquisa Aplicada. Ao primeiro colocado de cada uma delas é pago um valor de R$ 40 mil (divididos entre o autor principal da pesquisa e a instituição que ele representa para compra de equipamentos). O primeiro colocado em cada uma das categorias é convidado a visitar a sede da The Coca-Cola Company, em Atlanta.

PESQUISA

APLICADA

1 O LUGAR

MARIA ANDRÉIA DELBIN

Instituição: Universidade Estadual Paulista

Trabalho: Redução do estresse oxidativo pelo treinamento físico aeróbio melhora as respostas relaxantes em artéria femoral e corpo cavernoso de ratos alimentados com dieta hiperlipídica.

2 O LUGAR

STEPHANIE DYNCZUKI NAVARRO

Instituição: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Trabalho: Benefícios do uso da farinha de banana verde (amido resistente) em modelo experimental com camundongos Swiss.

3 O LUGAR

MÁRIO ROBERTO MARÓSTICA JÚNIOR

Instituição: Universidade Estadual de Campinas

Trabalho: Potencial bioativo de frutas exóticas brasileiras.

1 O LUGAR

CARLOS HENRIQUE GROSSI SPONTON

Instituição: Universidade Estadual Paulista

Trabalho: O polimorfismo da posição intron 4b/a do gene NOS3 atenua a resposta da pressão arterial frente ao exercício físico aeróbio independente da presença de síndrome metabólica: um estudo crossover e duplo cego.

2 O LUGAR

NILDO DA SILVA DIAS

Instituição: Universidade Federal Rural do Semiárido

Trabalho: Produção sustentável de alimentos utilizando rejeito da dessalinização da água salobra como suporte hídrico.

3 O LUGAR

GERSON LUIS DE MORAES FERRARI

Instituição: Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul

Trabalho: Aptidão cardiorrespiratória e estado nutricional de escolares: evolução em 30 anos.

Combate à obesidade como compromisso global

Ao comemorar seus 127 anos, em 2013, a The Coca-Cola Company anunciou quatro compromissos globais com o objetivo de contribuir para que a população seja mais saudável, feliz e ativa. Essas diretrizes, que já são adotadas nos cerca de 200 países onde atua - incluindo o Brasil, são:

1. Oferecer opções em bebidas com baixa caloria e sem calorias em todos os mercados;

2. Fornecer informação nutricional transparente e clara em seus produtos, incluindo seu conteúdo calórico na frente de todas as suas embalagens;

3. Ajudar as pessoas a ter uma vida ativa através do apoio a programas de saúde física em todos os países onde está presente;

4. Fazer marketing responsável, incluindo não dirigir publicidade a crianças menores de 12 anos em nenhum lugar do mundo.

A empresa adotou uma série de medidas importantes por meio de inovações em produtos e embalagens, incluindo as de tamanhos menores, como as minilatas, além de apoiar diversos programas que promovem um estilo de vida ativo e saudável em mais de 115 países, dentre os quais o Brasil. Além disso, a companhia se comprometeu a medir, de forma pública e ativa, o alcance desses esforços no site www.comingtogether.com.

30 Bem-estar pessoal I EU

www.comingtogether.com. 3 0 Bem-estar pessoal I EU Copa Coca-Cola 2013 Saúde e cidadania Promovida pela

Copa Coca-Cola 2013

Saúde e cidadania

Promovida pela Coca-Cola mundial em mais de 60 países,

a Copa Coca-Cola é o maior campeonato de futebol da

iniciativa privada para adolescentes no Brasil. No país,

a edição 2013 reuniu mais de oito mil jovens - a grande

maioria de comunidades carentes -, em 30 cidades, em competições masculinas e femininas. O evento é um verdadeiro convite a uma vida ativa, esbanjando momentos de diversão e felicidade, compartilhados entre competidores, amigos e familiares.

A Copa Coca-Cola é uma experiência inclusiva e memorial.

A atleta profissional Marta, escolhida por cinco vezes

como a melhor futebolista do mundo, é a madrinha oficial do campeonato.

Os primeiros colocados (equipes masculinas e femininas) tiveram seus rostos estampados no álbum de figurinhas Panini do Campeonato Brasileiro 2014, com tiragem de cinco mil cópias. Além disso, eles também participaram da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014™ como gandulas, assim como os campeões e vicecampeões das etapas locais das 12 cidades- sede. O campeonato acontece no Brasil desde 2010, já tendo reunido cerca de 30 mil jovens de comunidades de baixa renda desde então. Apenas adolescentes regularmente matriculados na escola podem participar.

Copa Coca-Cola

2011 2012 2013 Participantes 9.179 9.453 8.129 Cidades 27 29 30 Masculino Cidades 27 29
2011
2012
2013
Participantes
9.179
9.453
8.129
Cidades
27
29
30
Masculino
Cidades
27
29
30
Equipes
512
528
440
participantes
Equipes que se
classificam para
etapa regional
512
528
440
Equipes que se
classificam para
final nacional
36
36
24

Feminino

Cidades

Equipes

participantes

Equipes que se classificam para etapa regional

Equipes que se classificam para final nacional

11 13 12 60 56 56 60 56 56 12 12 8
11
13
12
60
56
56
60
56
56
12
12
8

Vida saudável

regional Equipes que se classificam para final nacional 11 13 12 60 56 56 60 56

31

NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I
NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I
NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I
NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I
NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I
NÓS BEM-ESTAR SOCIAL 34 I AMBIENTE DE TRABALHO 46 I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO 48 I

NÓS BEM-ESTAR

SOCIAL

34

I AMBIENTE DE TRABALHO

46

I EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO

48

I COMUNIDADE

AMBIENTE DE TRABALHO

Juntos somos muito mais

O Sistema Coca-Cola Brasil, formado por 10 fabricantes e a Leão Alimentos e Bebidas, tem sua força de trabalho

distribuída em todas as regiões do país. Embora independentes entre si, há um esforço cada vez maior de aproximar os processos de gestão utilizados em cada uma. Um passo importante dado nesse sentido foram os trabalhos desenvolvidos pelo Coca-Cola LINK, braço da Associação dos Fabricantes Brasileiros de Coca-Cola.

O Coca-Cola LINK tem como missão:

Integrar e desenvolver o Sistema como um todo, disseminando conhecimento, promovendo a troca de práticas de excelência acelerando o desenvolvimento de talentos dentro do Sistema Coca-Cola Brasil.

Estabelecer diretrizes e métricas concretas, acessíveis, capazes de orientar e inspirar, mobilizando milhares de pessoas em torno de objetivos comuns.

Comitê de Recursos Humanos do LINK

O Comitê contribui para a realização de projetos de capacitação, Nos encontros são tratados temas como saúde e

segurança do trabalho, relações sindicais, indicadores de recursos humanos e demais assuntos pertinentes à área.

Comitê de Execução Comercial do LINK

O Comitê tem como representante as principais lideranças em capacitação para a área comercial do Sistema

Coca-Cola Brasil. Seus principais projetos:

Projeto de formação de multiplicadores criado em 2013 e voltado para a formação de educadores do Sistema em novas técnicas de aprendizagem.

Vídeos em formato multimídia abordando temas como Portfólio/Execução de Mercado e Consumo Imediato.

Feira de Inovação: palco para compartilhamento de novas ferramentas e técnicas de treinamento.

34 Bem-estar social I NÓS

Incentivo máximo ao talento interno

A Coca-Cola Brasil investe constantemente no desenvolvimento de seus associados, além de promover um ambiente de trabalho seguro e propício à inovação.

Como pilares de trabalho, destacam-se:

GESTÃO DO CONHECIMENTO

Construção das estratégias de

desenvolvimento através da

formação requerida pela Visão

2020. Aperfeiçoamento de soluções

educacionais por meio da pesquisa

de mídias mais adequadas.

COMUNICAÇÃO E

PRÁTICAS DE GESTÃO

Alavancar o conhecimento,

compartilhando as

melhores práticas e lições

aprendidas por meio de

comunicação sistêmica.

PESSOAS

Incentivar a movimentação de

profissionais dentro do

Sistema por meio de Short

Term Assignement, contratos

temporários de trabalho

dentro do Sistema.

Portal LINK O portal LINK é uma ferramenta de comunicação, criada em 2012, para integrar

Portal LINK

O portal LINK é uma ferramenta de comunicação, criada em 2012, para integrar o Sistema Coca-Cola Brasil. Lá são oferecidas capacitações e disponibilizadas várias fontes de informação. Em 2013, foram realizadas 31.257 horas de capacitações.

Ambiente de trabalho

várias fontes de informação. Em 2013, foram realizadas 31.257 horas de capacitações. Ambiente de trabalho 3

35

FEIRA I Feira de Inovação em Treinamento e Desenvolvimento Sistema Coca-Cola

Realizada em 2013, a feira apoiou o fomento à criatividade e capacidade de criação de novas metodologias de treinamento e capacitação para o Sistema Coca-Cola. No Salão de Inovação realizado durante o evento foram compartilhadas melhores práticas com foco em soluções inovadoras de ensino.

<LA1> <LA7> Em 2013, o Sistema Coca-Cola Brasil contou com 70.135 trabalhadores próprios e terceirizados. Em 2012, esse número era de 69.297. Se comparados com os dados de 2010 e 2011, percebe-se um aumento de aproximadamente 11% na força de trabalho, em 2013.

Na Unidade de Negócios, no Rio de Janeiro, o número de funcionários era de 316 em 2012 e 344 em 2013. Já nas unidades fabris da Coca-Cola Brasil todos os trabalhadores assalariados e temporários somam 69.791 em 2013, enquanto, em 2012, eram de 68.981, com se vê na tabela abaixo:

em 2012, eram de 68.981, com se vê na tabela abaixo: Classificação dos trabalhadores próprios do

Classificação dos trabalhadores próprios do Sistema Coca-Cola Brasil

Atividade interna*

32.159

28.850

Atividade externa*

23.796

29.406

Total trabalhadores próprios

56.271

58.600

Classificação dos trabalhadores terceirizados ocasionais do Sistema Coca-Cola Brasil

Atividade interna*

6.227

5.458

Atividade externa*

6.799

6.077

Total trabalhadores terceiros

13.026

11.535

2012

2013

*Atividades internas são as desenvolvidas nos escritórios e centros de distribuição e atividades externas são aquelas desenvolvidas especificamente no ambiente fabril das engarrafadoras. Aqui são considerados todos os trabalhadores assalariados e temporários.

O número de aprendizes e estagiários do Sistema Coca-Cola Brasil é estimado

em mais de 1.200 aprendizes e mais de 300 estagiários, respectivamente, distribuídos por todas as suas unidades.

Por meio de estimativas baseadas em dados parciais fornecidos pelos fabricantes, pode-se afirmar que 95% dos trabalhadores próprios do Sistema Coca-Cola Brasil foram contratados por período integral. Além disso, nos dois anos apresentados, o percentual de empregados contratados por prazo determinado foi inferior a 10%.

A contratação de novos funcionários para as fábricas é realizada seguindo

normas e diretrizes de recrutamento e seleção específicas para cada fabricante e os candidatos passam por análises de perfil, entrevistas individuais e testes de conhecimento quando aplicável.

36 Bem-estar social I NÓS

quando aplicável. 3 6 Bem-estar social I NÓS Mais segurança para o futuro do associado <EC3>

Mais segurança para o futuro do associado

<EC3> A companhia oferece planos de pensão opcionais para todos os seus associados, em todas as suas unidades. A responsável pela administração desses planos é a Previcoke, entidade de previdência complementar fechada. Existem duas modalidades de planos: benefício definido (BD), que está fechado para novas adesões, e contribuição definida (CD), aberto a qualquer associado. Cerca de 90% dos empregados do Rio de Janeiro e região metropolitana são vinculados ao Plano CD.

Os saldos do Plano CD da Previcoke eram de R$ 113 milhões e R$ 130 milhões,

em 2012 e 2013, respectivamente. A gestão do fundo é mista, envolvendo tanto

a estrutura da Previcoke quanto gestores externos, sempre observando a regulação específica do setor.

Remuneração

<EC5> Cada empresa do Sistema Coca-Cola Brasil segue critérios próprios para a remuneração de seus empregados. A tabela, a seguir, compara a média entre os menores salários de todas as unidades fabris com o salário mínimo nacional.

A empresa observa a legislação do salário mínimo nacional, porém não se baseia no

salário mínimo para ajuste salarial e sim no piso normativo da categoria.

Variação entre o menor salário pago pelos fabricantes do Sistema Coca-Cola e o salário mínimo nacional – 2010 a 2013

Média do menor salário das unidades fabris

R$

Salário mínimo

nacional

R$

Variação

menor salário X salário mínimo

%

2010 655,85

510,00

28,6

2011 720,10

2012 811,14*

545,00

622,00

32,1

30,4

2013 884,89

678,00

30,53

*Para o ano de 2012, o menor salário de um dos fabricantes foi estimado com base na inflação de 6%, devido à indisponibilidade dos dados.

Ambiente de trabalho

fabricantes foi estimado com base na inflação de 6%, devido à indisponibilidade dos dados. Ambiente de

37

Estímulo ao aproveitamento local de mão de obra

<EC7> A maioria dos fabricantes do Sistema Coca-Cola Brasil prioriza e incentiva a contratação local. Além da comunicação das vagas entre os colaboradores, o Sistema Coca-Cola Brasil também contempla divulgação em ônibus, comércio, escolas, centros comunitários, universidades e escolas técnicas do Sistema “S”, como Senai e Senac, entre outros.

O percentual de membros da alta gerência pertencente à comunidade local é variável de acordo com cada grupo, sendo que o mínimo informado foi de 43. Em média, essa proporção gira em torno de 60%. Considera-se alta gerência o pessoal que compõe os cargos de diretor, superintendente ou gerente executivo e que tem responsabilidades estratégicas e de gestão do plano de negócios da empresa.

Número de Desligamentos de Empregados <LA2> Número de desligamentos 18,000 16,335 16,000 A cada ano,
Número de Desligamentos de Empregados
<LA2> Número de desligamentos
18,000
16,335
16,000
A cada ano, o Sistema Coca-Cola Brasil aumenta seu número
14,058
14,000
11,666
12,000
10,000
11,054
8,000
de trabalhadores, e isso não é reflexo somente do aumento
nas contratações, já que um importante fator foi a queda no
número de desligamentos verificados a partir de 2010, como
mostra o gráfico ao lado.
2010
2011
2012
2013

Taxa de desligamentos de funcionários próprios total

N O de desligamentos N O de funcionários Taxa de desligamento (%)

14.058

11.054

11.666

52.754

56.271

58.256

26,65

19,64

19,91

 

2011

2012

2013

A tabela ao lado mostra que a taxa anual de desligamentos total

da empresa, no período de relato, decresceu em relação a 2011.

Desligamentos por gênero N O de desligamentos

Taxa de desligamentos, %

Homens

9.601

10.119

22,17

Mulheres

1.453

1.547

24,17

 

2011

2012

2013

Desligamentos por faixa etária N O de desligamentos

Taxa de desligamentos, %

menos que 30 anos

6.385

7.114

29,39

30 a 50 anos

4.361

4.274

18,49

acima de 50 anos

284

262

5,63

38 Bem-estar social I NÓS

As tabelas à esquerda apresentam o número e as taxas de desligamento desdobradas por gênero e faixa etária, para os anos de 2012 e 2013, em relação ao número de trabalhadores próprios de cada categoria (gênero e faixa etária). Os cálculos foram realizados por estimativa, baseada em dados enviados pelos fabricantes e abrangem o ano de 2013, para o qual havia disponibilidade de dados.

Nota: Não inclui dados da Recofarma Manaus .É possível observar que a menor taxa

de desligamento por faixa etária ocorre com os trabalhadores mais experientes, enquanto a mais alta se verifica entre os mais jovens.

Treinamento e formação
Treinamento e formação

O Sistema Coca-Cola Brasil oferece cursos internos desenvolvidos a partir do levantamento de necessidades dos fabricantes ou da Coca-Cola Brasil. A validação do conteúdo e metodologia dessas capacitações são feitas pelas áreas especializadas. A princípio, é possível organizar as plataformas de capacitação do SCCB em dois grandes caminhos:

Portal LINK (apresentado na página 34) e Universidade Coca-Cola.

Universidade Coca-Cola

Importante ferramenta de treinamento e qualificação, a Universidade Coca-Cola é o braço de desenvolvimento gerencial e capacitação profissional dos funcionários da Coca-Cola Brasil.

Os conteúdos oferecidos são elaborados a partir da Visão 2020, das prioridades do negócio, da Estratégia de Desenvolvimento de Pessoas da Companhia e dos Planos de Desenvolvimento e Carreira dos associados. Os planos propostos pelos associados são discutidos em fóruns internos, que passam a abordar os assuntos com foco nos objetivos da organização. Além disso, regularmente é feito um planejamento por área, onde são levantadas as necessidades de cada setor. Em 2012 e 2013 foram realizados 11 cursos, nos quais participaram, respectivamente, 180 e 240 pessoas.

Plataformas e-learning Harvard Manage Mentor, Books 24x7 e Skills Soft

Além das atividades presenciais, a Universidade Coca-Cola tem investido em novas ferramentas de aprendizagem para ampliar as oportunidades de desenvolvimento profissional de seus associados. Para isso, as plataformas de ensino a distância (e-learning) ganham cada vez mais destaque e hoje a Universidade Coca-Cola conta com importantes ferramentas como o Harvard Manage Mentor, o Books 24x7, e Skills Soft. Todos os associados da Coca-Cola Brasil têm acesso a essas plataformas gratuitamente. No Harvard Manage Mentor estão disponibilizados 32 cursos nas mais diversas áreas, enquanto o Books 24x7 disponibiliza mais de 2.000 livros e artigos que contribuem para o desenvolvimento dos associados. Outra fonte é a biblioteca digital da Universidade Coca-Cola (Skills Soft), que hoje conta com centenas de cursos on-line.

Ambiente de trabalho

da Universidade Coca-Cola (Skills Soft), que hoje conta com centenas de cursos on-line . Ambiente de

39

<LA3> <LA11> Mais benefícios ao funcionário Cada empresa do Sistema Coca-Cola Brasil é independente,

<LA3> <LA11> Mais benefícios ao funcionário

Cada empresa do Sistema Coca-Cola Brasil é independente, cabendo a ela estabelecer as políticas de recursos humanos mais adequadas à sua realidade. Em geral, oferecem os seguintes benefícios aos seus funcionários:

Já os associados da Coca-Cola Brasil são contemplados com alguns benefícios diferenciados em relação aos dos engarrafadores:

diferenciados em relação aos dos engarrafadores: Plano de saúde Plano de previdência Assistência

Plano de saúde

Plano de previdência

Assistência odontológica

Seguro de vida

Vale-refeição ou refeitórios nas fábricas

Vale-transporte

Licença maternidade estendida

Auxílio funeral

Atendimento psicoterápico

Campanhas de vacinação dentro da empresa

Programa de Assistência a Crianças Especiais (PACE)

Convênios com farmácias

Atendimentos específicos para o público feminino

Check-up anual para os executivos

Sistema de reembolso de tratamentos terapêuticos

Auxílio escolar para os filhos de empregados, como kit material escolar

Kits de enxoval, aniversário e Natal

Apoio financeiro para capacitação ou formação externa

Indenização por demissão, levando em conta idade e tempo de serviço (oferecido por 30% das empresas do grupo)

Participação nos Lucros e Resultados (PLR)

Chec-kup feminino

Plano de saúde livre escolha

Plano de stocks options (opções de compra de ações da empresa)

Reembolso de medicamentos, de creche e de óculos de grau

Academia de ginástica no prédio

Reembolso de academia fora do Rio de Janeiro

Cafeteria/almoço subsidiado no prédio

Veículo da empresa para os níveis gerenciais e acima, com as despesas pagas

Smartphones para níveis gerenciais e acima

Subsídio de 50% para cursos de pós-graduação

Políticas flexíveis – horário flexível, home office e day off

Consumo livre de produtos Coca-Cola em todos os escritórios

Dois pontos que representam uma inovação em relação ao relatório anterior são a ampliação da licença maternidade para seis meses e a nova política de sediamento, que prevê ao funcionário transferido apoio moradia por quatro anos, passagem aérea por familiar ao final do ano e prêmio anual de dois salários (limitados a R$ 13.000,00). O associado pode ainda optar por utilizar parte do valor de seu auxílio aluguel para a compra de passagens aéreas, permitindo assim que ele mantenha os laços com seus parentes e familiares.

40 Bem-estar social I NÓS

Valorização da organização sindical

<LA4> Antes de iniciarem suas atividades, todos os funcionários do Sistema passam por um processo de integração que aborda a Política de Direitos Humanos no Local de Trabalho. Essa política fala sobre a liberdade sindical e a negociação coletiva, contribuindo para conscientizar os funcionários para seus direitos. A companhia tem um código de ética que legitima seus princípios e valores. Visando garantir que ele seja praticado nas unidades, são formados nas fábricas comitês de ética e conduta, comitês de negociação entre a empresa e o sindicato da classe, além de comissões internas de colaboradores. Essa estratégia assegura um relacionamento direto, transparente e frequente entre empresa e associados, tendo o apoio da diretoria responsável pelo tema para direcionar as ações. O resultado é a boa interação com os sindicatos.

<HR5>Em 2012/2013, 100% dos colaboradores foram abrangidos pelos acordos coletivos de trabalho e negociações coletivas, atitude que traz benefícios para o empregado e garantia de conformidade para o empregador. Os canais existentes para a comunicação aberta entre colaboradores e empresa vêm garantir o cumprimento do direito à liberdade de associação e negociação coletiva.

à liberdade de associação e negociação coletiva. Cuidados com a segurança e a saúde dos colaboradores

Cuidados com a segurança e a saúde dos colaboradores

As principais diretrizes da política de segurança da The Coca-Cola Company preveem que o desempenho relacionado à segurança e saúde do trabalho deve ser acompanhado e aprimorado permanentemente. Também estabelece que todos os processos e instalações devem visar um ambiente de trabalho seguro e saudável.

<LA9> Todos os colaboradores das áreas operacionais recebem equipamentos de proteção individual (EPIs) e treinamentos com foco em segurança e saúde no trabalho, conforme definido pela legislação.

<LA6> Todas as unidades do Sistema Coca-Cola Brasil contam com comitês formais de segurança e saúde. Esses grupos ajudam a dar acompanhamento e aconselhamento em programas de segurança ocupacional em nível de unidade operacional e, em geral, abrangem até 25% dos funcionários.

Ambiente de trabalho

ocupacional em nível de unidade operacional e, em geral, abrangem até 25% dos funcionários. Ambiente de

41

O número total de funcionários que fazem parte dos comitês nos anos de 2012 e

O número total de funcionários que fazem parte dos comitês nos anos de 2012 e 2013 é apresentado na tabela a seguir:

Funcionários das unidades operacionais em comitês*

Nº de funcionários efetivos

suplentes

Nº de funcionários efetivos

Suplentes

Eleitos pelo

359

288

empregador

Indicados pelo

422

288

empregador

Total

781

576

2012

360

298

405

281

765

579

2013

Cada unidade possui metas independentes de redução de taxas de acidente e implementação de programas de melhorias na área de saúde e segurança ocupacional.

42 Bem-estar social I NÓS

<LA7> O gerenciamento dos dados de segurança é realizado mensalmente pelos fabricantes, através da compilação das informações em uma planilha matriz, cujos dados são lançados trimestralmente no sistema Stewardship Data Warehouse (SDW). Essa ferramenta possibilita uma série de análises e, com isso, identificar potenciais riscos à saúde dos colaboradores. Durante todo o ano, um monitoramento dos resultados é realizado e são estabelecidas metas desafiantes aos fabricantes. Já as metas de segurança são de responsabilidade do Sistema de Gestão Integrado (SGI). Os índices a seguir referem-se apenas aos funcionários próprios e terceiros dos fabricantes, uma vez que esse parâmetro não é acompanhado pela Coca-Cola Brasil.

A Coca-Cola Brasil tinha uma meta de taxa de absenteísmo acumulada para 2013 de 300,2, estando assim acima da meta estipulada pela empresa.

Taxa de absenteísmo Taxa de dias perdidos (TDP) Número de óbitos N O de lesões de trabalho Taxas de lesões (TL) N O de doenças ocupacionais Taxa de doenças ocupacionais (TDO)

461,21

530,76

20,40

17,38

3

5

1.337

1.221

1,68

1,5

33,00

46,00

0,04

0,07

2012

2013

Em 2012, foram gastos R$ 2.254.957,00 de custo de oportunidade. O custo de oportunidade inclui despesas totais decorrentes de acidentes com afastamento (incluindo fatalidades), tratamento de doenças ocupacionais ou de qualquer restrição temporária (desde que o funcionário não seja transferido para outra atividade) pagas pela companhia. Em 2013, esse valor foi reduzido para R$ 1.692.793,00.

Perfil dos associados no Sistema Coca-Cola Brasil

<LA13> Como se pode ver nas tabelas

ao lado, 75,3% de todos os funcionários (65,6% são funcionários próprios) atuam nas operações de produção

e distribuição do Sistema Coca-Cola Brasil, onde também se percebe a predominância do sexo masculino.

Composição do quadro de empregados por categoria funcional – 2013

Categoria

% do

de emprego

quadro funcional

Diretoria

0,3%

Gerência

1,5%

Chefia/supervisão

5,7%

Administrativo

13,5%

Operacional

75,3%

Outros

3,6%

Total

100%

Percentual do quadro de empregados por gênero, dentro das categorias funcionais – 2013

Categoria

Categoria Total

Total

de emprego

Diretoria

11,1

88,9

100,0

Gerência

24,0

76,0

100,0

Chefia/Supervisão

20,9

79,1

100,0

Administrativo

37,1

62,9

100,0

Operacional

5,9

94,1

100,0

Outros

27,8

72,2

100,0

Total

12,1

87,9

100,0

Percentual de empregados por faixa etária, em relação ao total de funcionários dentro das categorias funcionais – 2013

A Coca-Cola tem feito esforços para

que o Sistema dê cada vez mais atenção para ações voltadas ao fortalecimento do papel das mulheres, dentro e fora da companhia, como apresentado no capítulo Empoderamento Feminino (página

46). Os programas globais 5by20 TM (alcançar cinco milhões de empreendedoras até 2020) e 50/50 (campanha interna de crescimento das posições ocupadas por mulheres no quadro de liderança) são exemplos dessas estratégias.

Em relação à faixa etária, é possível perceber uma distribuição maior entre

os grupos, já que, entre os funcionários próprios, 46,5% têm até 30 anos, enquanto 44,4% estão entre 30 e 50 anos. Os 8,95% restantes estão acima dos 50 anos de idade. A maioria dos fabricantes da Coca-Cola Brasil não faz

o controle de quantidade de

trabalhadores pertencentes a grupos de minorias. Somente alguns fabricantes mantêm monitoramento de dados com relação à cor/raça.

 

Categoria

< 30 anos

entre 30 e 50

> 50 anos

Total

de

emprego

 

Diretoria

8,3

68,9

24,2

100,0

Gerência

25,0

83,4

11,7

100,0

Chefia/supervisão

36,8

76,2

10,3

100,0

Administrativo

57,2

40,2

10,5

100,0

Operacional

47,2

45,6

10,2

100,0

 

Outros

96,1

63,3

3,1

100,0

 

Ambiente de trabalho

 
  Ambiente de trabalho   4 3
  Ambiente de trabalho   4 3

43

Em busca da valorização e do respeito ao colaborador

<HR4> O Código de Ética e Conduta do Sistema Coca-Cola contempla

questões ligadas à discriminação e à violação dos direitos humanos em geral. Este assunto é amplamente discutido não somente com os colaboradores diretos, mas também com outras partes interessadas, como clientes e fornecedores, que se comprometem com essas políticas. Quando é admitido,

o

encaminhamento a casos de violação dos direitos humanos. Dos 11 fabricantes incluídos nos dados deste relatório, oito apresentaram informações importantes capazes de refletir a relevância do tema para o SCCB.

funcionário é informado sobre os canais existentes para receber e dar

Compromisso contra o trabalho escravo e infantil <HR6> <HR7> No que diz respeito ao trabalho

Compromisso contra

o trabalho escravo e infantil

<HR6> <HR7> No que diz respeito ao trabalho infantil e escravo, o monitoramento dessas questões é uma prática adotada pela Coca-Cola Brasil. O assunto é tratado nas auditorias de responsabilidade social que são feitas regularmente em todo o Sistema Coca-Cola Brasil, desde 2006.

Visando reforçar seu compromisso com a ética e os direitos humanos, a Coca-Cola Brasil passou a acompanhar de perto os funcionários terceirizados do Sistema. Entre os requisitos observados nessas auditorias estão as práticas, compromissos e aspectos de gestão ligados aos seguintes temas: trabalho infantil, forçado ou análogo ao escravo, atendimento à legislação trabalhista brasileira, saúde e segurança do trabalho e temas relacionados ao meio ambiente. Desde novembro de 2004 até dezembro de 2013 já foram realizadas 187 auditorias. As fábricas do Sistema Coca-Cola Brasil também passam por auditorias baseadas nas especificações da norma OHSAS 18001 (Occupation Health Safety Assessment Series), que são os procedimentos de segurança globais responsáveis por padronizar a gestão da segurança. Atualmente, em torno de 75,5% das fábricas já possuem essa certificação e a meta para 2014 é que 100% estejam certificadas.

Além das auditorias externas, a companhia mantém um programa interno para verificar o cumprimento de suas políticas e procedimentos. Nos últimos dois anos, não foram identificadas ocorrências de trabalho infantil ou trabalho forçado/análogo ao escravo. Como signatária do Pacto Global desde março de 2006, a Coca-Cola Brasil busca constantemente reforçar seu compromisso com práticas de negócios orientadas aos Dez Princípios do Pacto Global, nas áreas de Direitos Humanos, Relações de Trabalho, Meio Ambiente e Combate à Corrupção.

A importância

das mulheres para

o futuro da Coca-Cola Brasil

Uma das mais importantes estratégias da Coca-Cola Brasil voltadas para gestão de pessoas é o apoio ao crescimento das mulheres dentro da companhia. Em 2012, a Coca-Cola Brasil criou o grupo Lideranças para o Futuro (LPF), formado por 10 profissionais de diferentes áreas de negócios. Essa equipe é responsável por propor políticas e programas voltados para o crescimento e desenvolvimento das associadas, em especial aquelas com posições de liderança.

Desde sua criação, o LPF trabalhou em linha com o cenário estratégico definido pelo Conselho Internacional de Mulheres da The Coca-Cola Company, que assessora o CEO da companhia, Muhtar Kent, e o Senior Leadership Council. Esse cenário possui quatro pilares:

44 Bem-estar social I NÓS

possui quatro pilares: 4 4 Bem-estar social I NÓS Diagnóstico, compartilhar e inputs , estratégias e

Diagnóstico, compartilhar e inputs, estratégias e planos, viabilidade

De 2012 a 2013, o LPF se dedicou ao diagnóstico da situação da Divisão Brasil, em relação à participação das mulheres na força de trabalho, realizando pesquisas qualitativas e quantitativas, além de estudos de benchmarking e entrevistas com especialistas. Os resultados do diagnóstico foram compartilhados com o Senior Leadership Council e também com os associados. A etapa seguinte foi de preparação das ações que reduzissem as barreiras ao desenvolvimento e crescimento das mulheres dentro da companhia e, ao mesmo tempo, buscassem condições para aumentar o engajamento de líderes e reter talentos. Nesse conjunto de ações, pode-se destacar a nova prática para processos seletivos, em que toda seleção tenha sempre 50% de mulheres, tanto de candidatos como de entrevistadores. Outra importante ação foi a companhia incluir treinamentos com conteúdos sobre diversidade.

Planejamento de vida das associadas:

a carreira fazendo parte dos sonhos

O planejamento de carreira sempre foi um ponto de destaque na estratégia de Recursos Humanos da Coca-Cola, tendo como importante ferramenta os fóruns internos da empresa, além de espaços de debate e orientação profissional, realizados tanto pelo Senior Leadership Council, como pelos gestores de cada uma das áreas. O Lideranças para o Futuro também resultou em um foco cada vez maior nesses espaços para discussões sobre os talentos femininos e a criação de um programa de coaching de carreira especialmente desenvolvido para as mulheres. A companhia também adotou o sediamento flexível, que permite às associadas e aos associados trabalharem em uma localidade diferente da qual reside sua família, oferecendo transporte periódico, e a revisão dos valores de reembolso de creche.

Outra importante iniciativa é o AYBS, ou Achievement Your Best Self. Esse programa, criado em parceria com a Universidade Coca-Cola, consiste na realização de um importante workshop para retenção de talentos, ao lado de profissionais renomados, onde as associadas são estimuladas a pensar e planejar sua vida pessoal e profissional a partir das seguintes premissas:

O

que é mais importante no nível pessoal.

O

aumento da conscientização em torno de pressupostos que precisam ser

desafiados, e definição de sucesso.

Clareza e confiança em torno de seus valores pessoais, propósito, visão e objetivos.

Capacidade de alavancar aprendizados de vida para aumentar a capacidade de liderança pessoal.

Estratégias de sucesso pessoal para avançar de forma autêntica.

Até o final de 2013, o programa já havia alcançado 75% de todas as associadas, e a meta é alcançar 100% até 2014.

Ambiente de trabalho

programa já havia alcançado 75% de todas as associadas, e a meta é alcançar 100% até

45

EMPODERAMENTO ECONÔMICO FEMININO

Coca-Cola promove o empoderamento de mulheres através da Cadeia de Valor

A desigualdade entre os gêneros ainda é uma realidade na maior parte do mundo. Para

a The Coca-Cola Company, no entanto, empoderar mulheres é mais que construir um

futuro mais igualitário: é promover o desenvolvimento social e econômico. Cerca de 90% do que elas recebem voltam para suas famílias e comunidades, de acordo com pesquisa da Organização das Nações Unidas. Ou seja: investir no crescimento econômico dessas mulheres é investir nas próprias comunidades.

Por isso, em 2010 a The Coca-Cola Company lançou o 5by20™, que é o compromisso global de gerar empoderamento econômico de 5 milhões de mulheres por meio da Cadeia de Valor da empresa até 2020. A inciativa já beneficiou mais de 550 mil mulheres em 44 países.

No Brasil, a atuação se dá através da plataforma Coletivo Coca-Cola, que promove empoderamento, através da valorização da autoestima aliada à conexão com

oportunidades de geração de renda. O Coletivo possui mais de 500 unidades em todo

o

país e já impactou mais de 50 mil mulheres.

O

Instituto Coca-Cola Brasil, responsável pela operação social dos Coletivos, iniciou

uma parceria com a ONU Mulheres em 2013, que será concretizada ao longo de três anos com a inclusão da perspectiva de igualdade de gênero de forma transversal nas capacitações dos Coletivos, ampliando e aprofundando o desenvolvimento de competências comportamentais. Este é um desdobramento do acordo global entre The Coca-Cola Company e ONU Mulheres com o objetivo de acelerar o empoderamento econômico feminino por meio de ações estratégicas desenvolvidas pelas duas organizações focando na valorização da autoestima e na geração de renda.

46 Bem-estar social I NÓS

Iniciativas

de valor

Para ampliar o empoderamento das mulheres, em sua cadeia de valor, a The Coca-Cola Company desenvolve iniciativas como o 5by20 TM .

A ONU Mulheres - braço da Organização das Nações Unidas voltado para a promoção dos direitos das mulheres - defende a participação equitativa das mulheres em todos os aspectos da vida e enfoca cinco áreas prioritárias:

Aumentar a liderança e a participação das mulheres.

Eliminar a violência contra as mulheres.

Engajar as mulheres em todos os aspectos dos processos de paz e segurança.

Aprimorar o empoderamento econômico das mulheres.

Colocar a igualdade de gênero no centro do planejamento e dos orçamentos de desenvolvimento nacional.

Empoderamento econômico feminino

de gênero no centro do planejamento e dos orçamentos de desenvolvimento nacional. Empoderamento econômico feminino 4

47

COMUNIDADE

Geração de impacto social em larga escala

Seja na hora de comemorar os bons momentos da vida, de recarregar as energias após um dia cansativo ou simplesmente quando se quer passar um tempo com os amigos, a Coca-Cola está lá com diversas opções de bebidas. Essa presença ampla e a conexão com os brasileiros indicam mais que um cenário de negócios: representam o potencial da empresa de gerar impacto social em larga escala.

Em sua estratégia de valor compartilhado, a companhia busca formas de gerar oportunidades de negócios, aumentando sua competitividade, ao mesmo tempo em que promove benefícios para as comunidades onde opera, levando inclusão social, geração de renda e valorização da autoestima. Para isso foi criada em 2009 a plataforma de valor compartilhado Coletivo Coca-Cola, que promove empoderamento comunitário através da valorização da autoestima e da geração de renda, utilizando para isso a cadeia de valor da empresa. O Coletivo é a contribuição do Brasil para o 5by20 TM , nosso compromisso global de gerar empoderamento econômico de 5 milhões de mulheres por meio da cadeia de valor da empresa até 2020.

Até o final de 2013, a iniciativa já havia se desdobrado em sete modalidades diferentes, com mais de 500 unidades em 150 cidades do país. O Coletivo já impactou mais de 70 mil pessoas, entre jovens e mulheres de comunidades de baixa renda, cooperativas de catadores, extratores de açaí e grupos de artesanato. Por meio da parceria do Instituto Coca-Cola Brasil com instituições locais, todos os programas oferecem oportunidades econômicas a partir de treinamento técnico, empoderamento comunitário e acesso ao mercado.

48

Bem-estar social I NÓS

e acesso ao mercado. 4 8 Bem-estar social I NÓS Valor compartilhado: como a Coca-Cola Brasil

Valor compartilhado:

como a Coca-Cola Brasil promove transformação social

A Coca-Cola está presente em praticamente todos os lares brasileiros fazendo parte do dia a dia de milhões de pessoas.

Fornecedores de

matéria-prima

Desenvolvimento de

Comercial &

Atendimento

serviço ou produto

Distribuição

Marketing

ao consumidor

Reciclagem

Distribuição Marketing ao consumidor Reciclagem COLETIVO COLETIVO COLETIVO COLETIVO COLETIVO
Distribuição Marketing ao consumidor Reciclagem COLETIVO COLETIVO COLETIVO COLETIVO COLETIVO

COLETIVO

COLETIVO

COLETIVO

COLETIVO

COLETIVO

FLORESTA

LOGÍSTICA &

EMPREENDORISMO

VAREJO

EXCELÊNCA

PRODUÇÃO

EM EVENTOS

COLETIVO

RECICLAGEM

COLETIVO

ARTES

Comunidade

EMPREENDORISMO VAREJO EXCELÊNCA PRODUÇÃO EM EVENTOS COLETIVO RECICLAGEM COLETIVO ARTES Comunidade 4 9

49

Jovens e mulheres empoderados para mudar a realidade das comunidades Até 2013, mais de 60

Jovens e mulheres empoderados para mudar a realidade das comunidades

Até 2013, mais de 60 mil jovens participaram do Coletivo Varejo se preparando para os primeiros passos de sua carreira. “O varejo é uma boa porta de entrada, mas não é a única. O importante é que o aluno descubra seu

potencial e desenvolva um propósito de vida”, explica Claudia Lorenzo, diretora de Negócios Sociais da Coca-Cola Brasil. Os Coletivos Logística e Produção e Excelência em Eventos também são opções para quem quer se qualificar para

o mercado de trabalho. Ao final do curso, são direcionados para processos

seletivos em empresas parceiras.

Já o Coletivo Empreendedorismo, focado no empoderamento feminino, aborda

de uma maneira prática e simples como vender mais em negócios residenciais.

A formação inclui microfinanças, vendas, merchandising e o desenvolvimento

de competências comportamentais.

e o desenvolvimento de competências comportamentais. 5 0 Bem-estar social I NÓS Reúso e reciclagem geram

50

Bem-estar social I NÓS

Reúso e reciclagem geram mais dignidade e mais renda

Mais de 10 mil catadores de 400 cooperativas de todo o país participam do Coletivo Reciclagem, que promove inclusão social dos catadores a partir do empoderamento e da melhoria de suas condições de trabalho. Eles recebem apoio de gestão, investimento em infraestrutura e capacitação. O programa une as expertises desenvolvidas pelo Instituto Coca-Cola Brasil na operação social da plataforma de valor compartilhado à experiência da ONG Doe Seu Lixo, que desde 1996 atuam juntos para que o país seja um dos mais eficientes na reciclagem de materiais.

seja um dos mais eficientes na reciclagem de materiais. Desenvolvimento econômico sustentável em áreas de

Desenvolvimento econômico sustentável em áreas de floresta

Aliar geração de renda e empoderamento comunitário à conservação da biodiversidade da floresta amazônica é
Aliar geração de renda e
empoderamento comunitário à
conservação da biodiversidade
da floresta amazônica é o
objetivo do Coletivo Floresta,
que promove oportunidades
econômicas para comunidades
ribeirinhas e já impactou mais
de 6 mil pessoas.
O programa é desenvolvido nos
municípios de Manacapuru e
Carauari, no Amazonas, onde se
localizam agroindústrias
credenciadas pela Coca-Cola
Brasil, dentro dos critérios
internacionais de qualidade da
empresa. Os extratores de açaí
se integram à cadeia de valor da
Coca-Cola como fornecedores
para o suco Del Valle Reserva
Açaí+Banana.

Comunidade

integram à cadeia de valor da Coca-Cola como fornecedores para o suco Del Valle Reserva Açaí+Banana.

51

ICCB Instituto Coca-Cola Brasil: parceiro na operação social da estratégia de valor compartilhado O ICCB

ICCB

Instituto Coca-Cola Brasil:

parceiro na operação social da estratégia de valor compartilhado

O ICCB foi criado em 1999 e completa 15 anos em 1º de abril de 2014. Atualmente, o ICCB é responsável pela operação social da plataforma Coletivo Coca-Cola em comunidades de baixa renda e parcerias com ONGs, cooperativas de reciclagem, grupos produtivos, agricultores rurais etc.

Tecnologia social é a metodologia para atingir impacto social em larga escala. Ela se apoia em quatro pilares:

RECONHECIMENTO

Parcerias internacionais para ampliar e aprofundar impactos sociais

Para continuar melhorando a qualidade e o alto impacto na atuação em comunidades, a Coca-Cola Brasil e o ICCB contam com parceiros relevantes no cenário mundial: foram iniciadas as parcerias com a ONU Mulheres e com o Fundo Multilateral de Investimentos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (Fumin/BID) para revisão de conteúdos, renovação da tecnologia social e aumento da escala.

No Brasil, a parceria do ICCB com a ONU Mulheres, iniciada em 2013, será concretizada ao longo de três anos com a inclusão da perspectiva de igualdade de gênero de forma transversal nos treinamentos dos Coletivos, ampliando e aprofundando o escopo de desenvolvimento de competências comportamentais.

E a partir de 2014, o ICCB e o Fumin/BID, trabalharão em conjunto

para aumentar a escala e impacto da plataforma Coletivo, fomentando

a formação profissional de jovens, ajudando mulheres a expandirem

seus negócios e fortalecendo cooperativas de reciclagem. O novo modelo será implementado em diferentes cidades do Brasil. Esse projeto-piloto será expandido para três países latino-americanos.

será expandido para três países latino-americanos. EXPERTISE EM COMUNIDADES E MEIO AMBIENTE Para iniciar uma

EXPERTISE EM COMUNIDADES E MEIO AMBIENTE Para iniciar uma nova unidade de cada

programa, são mapeadas

e analisadas as

comunidades do país, com

o objetivo de identificar

suas demandas sociais e entender qual modelo de Coletivo faz sentido para cada uma delas.

METODOLOGIA EDUCACIONAL A metodologia de ensino-aprendizagem é baseada em dois valores:

horizontalidade das relações e valorização da autoestima. Esta metodologia tem três aspectos que se complementam: teórico, lúdico e prático, que permitem trabalhar e desenvolver competências técnicas e

comportamentais. Foi desenvolvida em parceria

com instituições especialistas, entre elas a Fundação Roberto Marinho e o C.E.S.A.R.

OPERAÇÃO SOCIAL AMBIENTAL Concentra o conhecimento para implementação dos diferentes modelos de Coletivo, desenvolvimento de processos e

ferramentas para garantir

a qualidade em todas as

unidades, bem como todo

o monitoramento e

avaliação dos impactos.

PARCERIAS DE VALOR MÚTUO Soluções sociais efetivas demandam a união de iniciativa privada, governo e organizações da sociedade civil. Buscamos ampliar e aprofundar nossos impactos sociais criando uma rede de organizações com expertises complementares e objetivos comuns.

Atualmente são mais de 500 parceiros atuando

lado a lado conosco em diversas frentes.

Presença física nas comunidades Parcerias horizontais com instituições locais Co criação com comunidades

RESULTADOS

550 Comunidades 150 Cidades 80.000 Pessoas impactadas JOVENS MULHERES 60K 50K
550 Comunidades
150 Cidades
80.000
Pessoas
impactadas
JOVENS
MULHERES
60K
50K

Coletivo está em todo o país e até o final de 2013 impactou mais de 70.000 pessoas

EXTRATORES

7K

AFRODESCENDENTES

50K

52

Bem-estar social I NÓS

Comunidade

de 2013 impactou mais de 70.000 pessoas EXTRATORES 7K AFRODESCENDENTES 50K 5 2 Bem-estar social I

53

56 I EMBALAGENS SUSTENTÁVEIS 66 I ÁGUA 74 I ENERGIA E CLIMA 80 I AGRICULTURA
56 I EMBALAGENS SUSTENTÁVEIS 66 I ÁGUA 74 I ENERGIA E CLIMA 80 I AGRICULTURA

56

I EMBALAGENS SUSTENTÁVEIS

66

I ÁGUA

74

I ENERGIA E CLIMA

80

I AGRICULTURA SUSTENTÁVEL

66 I ÁGUA 74 I ENERGIA E CLIMA 80 I AGRICULTURA SUSTENTÁVEL O MUNDO BEM-ESTAR AMBIENTAL

O

66 I ÁGUA 74 I ENERGIA E CLIMA 80 I AGRICULTURA SUSTENTÁVEL O MUNDO BEM-ESTAR AMBIENTAL

MUNDOBEM-ESTAR

AMBIENTAL

EMBALAGENS

SUSTENTÁVEIS

Embalagens mais leves e sustentáveis

<EN1> No período de abrangência deste relatório, algumas reduções de peso nas

embalagens dos produtos da Coca-Cola Brasil foram significativas. Por meio da

execução de projetos de light weight, que buscam soluções para diminuir a

quantidade de material usado nas embalagens sem prejudicar sua performance,

garrafas de dois litros, que antes pesavam 46,65 g, agora pesam 42,65 g.

Já nas embalagens de 250ml, a redução foi de 20,65 g para 15g. Com esta redução,

elas se tornaram as mais leves do mundo na categoria, mantendo sempre a

qualidade de preservação do produto. Em 2013, também foram implantadas novas

garrafas de Powerade, cujos pesos foram de 31,5 g para 27 g.

Dever compartilhado

Para que a empresa alcançasse todas essas novidades, em nada foi alterado o

protocolo de homologação de suas embalagens. O consumidor não precisa ter

dúvida, pois não houve comprometimento da performance das embalagens. O que

muda é a tecnologia para se obter a garrafa, e outros aspectos, que são

relacionados ao manuseio. Em relação às garrafas de vidro, quase metade das

embalagens de 290 ml de Coca-Cola têm um novo formato chamado Ultra. Essa

embalagem teve seu peso reduzido em 100g (de 380g para 280g). Essa mudança

reflete em inúmeras vantagens, como redução do frete, menos água para lavar as

garrafas, menos vapor para aquecer na limpeza delas e o espaço de estocagem,

que também é reduzido.

No caso das garrafas de vidro de um litro, a redução foi de 880 g para 720 g. Nesse

nicho, a Coca-Cola Brasil é best in class e, por enquanto, não há novas metas de redução, pois uma diminuição maior no peso poderia comprometer a segurança.

56 Bem-estar ambiental I O MUNDO

Em linha com a Política Nacional de Resíduos Sólidos, vivemos um mundo de responsabilidades compartilhadas. Quando a Coca-Cola entrega

uma garrafa mais leve e com

a mesma performance, o

consumidor também precisa

fazer seu papel e se adaptar. Para viver num mundo mais sustentável, a Coca-Cola tem o papel de aprender

e desenvolver novas

tecnologias, enquanto o

consumidor tem de aprender

a conviver com elas.

Um jeito mais leve de servir

Para a Coca-Cola Brasil o compromisso com o meio ambiente e com seus clientes é a grande prioridade. Estar na vanguarda do desenvolvimento de embalagens cada vez mais eficientes e sustentáveis é um desafio para a companhia.

Grande parte da história da Coca-Cola Brasil poderia ser contada por meio de suas embalagens. A companhia se esforça de maneira contínua, com foco em soluções inovadoras, para estar adequada às características das diferentes épocas, mantendo a qualidade de seus produtos e causando cada vez menos impacto ao meio ambiente.

Embalagens sustentáveis

mantendo a qualidade de seus produtos e causando cada vez menos impacto ao meio ambiente. Embalagens

57

Matérias-primas (material de uso direto) Foram incluídos neste relatório dados de três dos principais insumos

Matérias-primas (material de uso direto)

Foram incluídos neste relatório dados de três dos principais insumos dos refrigerantes

produzidos pelo Sistema Coca-Cola Brasil. Dois deles, o açúcar e o CO 2 , foram reportados

no último período (2010/2011), permitindo a comparação entre os valores utilizados nos

últimos quatro anos. O suco utilizado nos refrigerantes foi incluído por considerarmos que

também é um constituinte de uso direto relevante em nossos produtos.

Matérias-primas utilizadas

Tipo de material

Suco (refrigerante)

*

*

23.000

23.000

Açúcar

950.000

950.000

1.000.000

1.000.000

CO 2

87.000

87.000

80.000

76.000

 

2010 2011

2012

2013

Materiais para embalagens primárias

As informações abaixo apresentam os dados das

embalagens primárias, ou seja, aquelas que têm

contato direto com o produto e cuja função é a sua

proteção, conservação ou contenção. Em 2011, a

Coca-Cola Brasil iniciou a produção de garrafas PET,

utilizando 80% de resina PET virgem e 20% reciclada

em algumas embalagens.

de resina PET virgem e 20% reciclada em algumas embalagens. Embalagens primárias produzidas, em toneladas por

Embalagens primárias produzidas, em toneladas por ano

Toneladas/ano

Tipo de material

%

%

PET

185.000

190.000

218.000

55

212.000

55

Vidro

58.000

55.000

48.000

12

43.000

11

Lata

53.000

56.000

52.000

13

48.000

13

Tetrapack

10.000

12.000

16.000

12

17.000

13

Tampa plástica

15.000

16.000

15.000

4

16.000

4

Plantbotlle**

237*

729*

1.283

2

1.165

2

Ref PET

*

*

2.000

1

5.000

1

Rolha Metálica

*

*

5.000

1

4.000

1

Copo

*

*

1.000

0

1.000

0

Outros

11.000

10.000

-

-

Total

332.237

339.729

358.283

347.165

2010 2011

58 Bem-estar ambiental I O MUNDO

2012

2013

*No período 2010-2011, os

materiais não foram contabilizados

separadamente, portanto,

estão

somados na classificação “outros”.

**Somente este produto é

produzido utilizando parcialmente materiais renováveis (30% de sua composição).

Materiais para embalagens secundárias e terciárias

Na tabela abaixo, são apresentados os materiais utilizados com a função de

reforçar a proteção ao produto ou facilitar o seu manejo e transporte.

Embalagens secundárias e terciárias em toneladas por ano

Tipo de material

Rótulo Engradado (caixa plástica)

3.000

3.000

3.000

3.000

-

-

8.000

10.000

Película plástica termorretrátil (PEBD)

24.000

23.000

23.000

21.000

Caixa de papelão ondulado

13.000

13.000

15.000

14.000

Película estirável (PEBD)

4.000

5.000

5.000

5.000

Papel cartão

0,1

0,2

0,2

0,2

Total

44.000,1

44.000.2

54.000,2

53.000,2

2010

2011

2012

2013

O volume de embalagens secundárias e terciárias apresentou uma

pequena redução devida principalmente à queda da produção em 2013

e aos novos projetos light weight, implantados no período de relato.

No total, foram utilizados 1.103.000 t de materiais de uso direto em

2012

e 1.099.000 t em 2013. Materiais não renováveis utilizados em

2012

somaram 357 t e, em 2013, 346t.

Embalagens retornáveis

Desde os anos 2000, a Coca-Cola Brasil incentiva o uso das garrafas PET retornáveis. Conhecida como Ref PET (refillable PET) trata-se de uma garrafa bastante reforçada para resistir a diversas viagens

e lavagem quente e com soda. Uma garrafa de Coca-Cola dois

litros normal, por exemplo, tem 42 gramas. Uma de Ref PET tinha, inicialmente, 120 g, mas agora pesa 98 g.

No início, apenas dois engarrafadores faziam o envasamento de Ref PET: a Brasal Refrigerantes e a Companhia de Bebidas Ipiranga. Em 2008, a Coca-Cola Femsa e a Spaipa entraram com uma linha de envase cada uma e, em 2010, a Femsa entrou com a segunda linha, marcando um substancial aumento no uso deste tipo de embalagem. Em 2012, a Coca-Cola Brasil apontou o Ref PET como caminho estratégico, fazendo com que novos passos fossem dados nesse sentido. A oferta de PET retornável cresceu 38,3% nos anos de 2012 e 2013, e o objetivo é que cresça ainda mais em 2014 e 2015, já que esta é uma das três maiores prioridades da companhia quando o assunto é embalagem. Para ter uma ideia, a compra de garrafas Ref PET subiu de 16 milhões em 2010 para 44 milhões de unidades em 2013.

Embalagens sustentáveis

de garrafas Ref PET subiu de 16 milhões em 2010 para 44 milhões de unidades em
de garrafas Ref PET subiu de 16 milhões em 2010 para 44 milhões de unidades em

59

Preocupação com a sustentabilidade desde a tampa

Desde 2011, a empresa compra da Tetrapak tampas diferenciadas, que ao invés de usarem matéria-prima fóssil, oriunda do petróleo, usa polietileno verde, retirado da cana-de-açúcar em sua composição. Em 2012, a Coca-Cola Brasil lançou a minitampa, para garrafas PET. São tampas com alturas e bocais menores, diminuindo o consumo da resina derivada de petróleo. A Coca-Cola Brasil estima que, com a diminuição em quatro milímetros na altura das garrafas, a redução anual no consumo de PET tenha correspondido, em 2012, ao equivalente, ao material necessário para produzir 147 milhões de embalagens de 2 litros.

Já em 2013, foram lançadas as chamadas tampas de uma peça, que não têm o liner, pequena parte plástica que descola da tampa depois que o produto é aberto. A Coca-Cola Brasil trabalha com afinco, e em 2015 terá 100% de conversão para esse novo sistema de tampa.

As vantagens são muitas:

Redução de peso de 2,8 para 2,4 gramas Uma mesma linha consegue produzir mais tampas,
Redução de peso de 2,8 para 2,4 gramas
Uma mesma linha consegue produzir mais tampas, o que reduz o consumo de
energia.
A tampa oferece melhor retenção de CO 2 , com isso, é possível entregar um produto
ainda melhor.
Mais fácil de abrir e de reciclar.
É
feita de polietileno, mesmo material usado para fazer as garrafeiras da Coca-Cola,
o
que possibilita um projeto para reciclar tampas plásticas em garrafeiras.
Já está em metade das embalagens de refrigerantes do Brasil, além de integrar a
linha de chás da Leão.

Cada vez mais renovável

A Coca-Cola Brasil lançou em março de 2014, uma nova

embalagem cartonada, que substitui as camadas de polietileno

convencional pelo polietileno verde, à base de cana-de-açúcar.

O polietileno verde foi introduzido em 50% do material usado

em duas das sete camadas da embalagem. A intenção é que esse percentual seja aumentado gradativamente, até que todo o polietileno da embalagem seja verde. O objetivo inicial é que a linha Del Valle utilize até 78% de materiais provenientes de fontes renováveis em suas embalagens. A utilização desses materiais contribui ainda para a redução em até 22% das emissões de gases de efeito estufa, por meio da absorção de CO 2 da atmosfera durante o processo de crescimento das plantas.

da atmosfera durante o processo de crescimento das plantas. 6 0 Bem-estar ambiental I O MUNDO

60 Bem-estar ambiental I O MUNDO

das plantas. 6 0 Bem-estar ambiental I O MUNDO Bottle-to-Bottle, o desafio da reciclagem Em 2011,

Bottle-to-Bottle, o desafio da reciclagem

Em 2011, a Coca-Cola Brasil tornou-se pioneira no uso de materiais reciclados em suas embalagens com o lançamento da Bottle-to-Bottle, uma embalagem PET produzida parcialmente de garrafas recicladas. Para aumentar gradativamente o percentual de 20% deste material usado nas embalagens,

a companhia hoje enfrenta um desafio: a necessidade de aumento na oferta de PET reciclado.

Nesse momento, apenas duas fábricas deste material são homologadas pela Coca-Cola para uso no Brasil, com capacidade de produção somada em 11,5

mil toneladas por ano, o que ainda é muito pouco. A empresa está em busca de fornecedores para aumentar essa capacidade. Seria necessário chegar

a 40 mil toneladas/ano para atingir o objetivo inicial de ter 20% de PET reciclado em todas as garrafas comercializadas no Brasil.

reciclado em todas as garrafas comercializadas no Brasil. PlantBottle T M , um grande desafio A

PlantBottle TM , um grande desafio

A Coca-Cola Brasil foi pioneira no lançamento da PlantBottle TM na América

Latina. Trata-se de uma embalagem revolucionária, feita de PET, na qual o etanol da cana-de-açúcar substitui parte do petróleo utilizado como insumo. Por ter origem parcialmente vegetal – até 30% à base da planta –, a novidade reduz

a dependência da empresa em relação aos recursos não-renováveis, além de diminuir em até 25% as emissões de CO 2 .

Uma grande dificuldade precisa ser superada para que 100% das embalagens de PET sejam PlantBottle TM : a resina continua sendo importada da Ásia, e chega ao Brasil a um custo maior do que o da resina de petróleo. Por conta disso, a utilização dela é limitada às garrafas PET 600 de Coca-Cola nas principais capitais do Brasil, além das garrafas de água mineral Crystal 500 ml sem gás, produzidas no estado de São Paulo. Estão em andamento negociações com parceiros para um possível projeto de investimento para que uma fábrica seja construída no Brasil.

Embalagens sustentáveis

para um possível projeto de investimento para que uma fábrica seja construída no Brasil. Embalagens sustentáveis

61

PROGRESSO DA RECICLAGEM

RECICLAR

Nossa meta é RECICLAR

100%

das nossas embalagens até

2020

REDUZIR

Reduzir o consumo de matéria-prima na produção de nossas embalagens por meio de tecnologias inovadoras.

REUTILIZAR

Ampliar a oferta de embalagens retornáveis, estimulando uma cultura de reciclagem e fazendo com que nossas embalagens se transformem em outras embalagens.

HOJE, SÃO RECICLADOS EM TODO O BRASIL

PET

58,9%

ALUMÍNIO

98,3%

VIDRO

47%

EMBALAGENS

29,2%

62 Bem-estar ambiental I O MUNDO

<EN27> Produtos e embalagens recuperados x total de produtos vendidos, por categoria de produto

Pioneiro em projetos de reciclagem no Brasil, o Instituto Coca-Cola Brasil trabalha com o tema desde 1996. Através do programa Coletivo Reciclagem, apoia o desenvolvimento sustentável de aproximadamente 400 cooperativas de catadores em todo o território nacional. O Instituto Coca-Cola Brasil desenvolveu uma tecnologia social que permite identificar as demandas operacionais, sociais e de gestão de cada unidade. Um time de campo de aproximadamente 50 analistas acompanha a evolução de cada cooperativa parceira do projeto, desenvolvendo um diagnóstico completo, cocriando com a cooperativa um plano de ação e mensurando semestralmente os avanços de cada uma delas, através de um programa de metas e recompensas.

A tabela a seguir mostra os dados de reciclagem do Instituto nos anos de 2012 e 2013. Obtidos através do sistema de gestão do projeto, incluem os dados dos fabricantes que compõem o Sistema. A reutilização também é praticada pela Coca-Cola Brasil, porém, os dados pertinentes não foram monitorados no período de 2012 a 2013.

Volume total reciclado* nos anos de 2012 e 2013

2012

TOTAL RECICLADO (T) = 20.483

2.572 7.714 10.197
2.572
7.714
10.197

38%

PET38%

50%

Vidro50%

12%

Alumínio12%

2013

TOTAL RECICLADO (T) = 26.6251

3.042 13.347 9.861
3.042
13.347
9.861

51%

PET51%

37%

Vidro37%

12%

Alumínio12%

Refere-se a todo o material coletado pela Coca-Cola para reciclagem, seja ele originário de sua própria produção ou de outras empresas

Total reciclado por número de embalagens, em mil unidades.

Total reciclado (mil unidades)

Tipo de material

%

PET

154.272

46

Vidro

25.494

8

Alumínio

154.317

46

Total

334.083

100

2012

Total reciclado (mil unidades)

%

241.081

54

23.753

5

181.616

41

446.450

100

2013