Sie sind auf Seite 1von 2

Questões -Trabalho

1. Na tabela a seguir, são fornecidos os valores de pH de

soluções aquosas 0,1 mol/L de dois ácidos monopróticos.

a) Explique os diferentes valores de pH medidos para as duas

soluções. Valor do pH tem relação com [H+], assim a diferença se deve a diferença no grau de ionização dos ácidos.

b) A neutralização estequiométrica das soluções de HCl e de HCN com uma solução de NaOH resultará em

soluções que terão o mesmo pH? Justifique. Não, pois serão formados sais de caráter distinto: NaCl-sal neutro e NaCN-sal básico.

2. Considere os equilíbrios abaixo e o efeito

térmico da reação da esquerda para a direita, bem como a espécie predominante nos equilíbrios A e B, à temperatura de 175ºC.

O equilíbrio A foi estabelecido misturando-se,

inicialmente, quantidades estequiométricas de

N 2 (g) e H 2 (g) . Os equilíbrios B e C foram estabelecidos a partir de, respectivamente, N 2 O 4 e MgCO 3 puros.

A tabela abaixo traz os valores numéricos das constantes desses três equilíbrios, em função da temperatura,

não necessariamente na mesma ordem em que os equilíbrios foram apresentados. As constantes referem-se

a pressões parciais em atm.

As constantes referem-se a pressões parciais em atm. Logo, as constantes K 1 , K 2
As constantes referem-se a pressões parciais em atm. Logo, as constantes K 1 , K 2
As constantes referem-se a pressões parciais em atm. Logo, as constantes K 1 , K 2

Logo, as constantes K 1 , K 2 e K 3 devem corresponder, respectivamente, a:

K 1 B K 2 C e K 3 A 3. Cobalto pode ser obtido a partir de seu óxido, por redução com hidrogênio ou com monóxido de carbono. São dadas as equações representativas dos equilíbrios e suas respectivas constantes a 550ºC.

I. CoO (s) + H 2(g) Co (s) + H 2 O (g) K 1 = 67 II. CoO (s) + CO (g) Co (s) + CO 2(g) K 2 = 490

Justifique.

a)

Determine a constante (K 3 ) do equilíbrio representado por CO (g) + H 2 O (g) CO 2(g) + H 2(g) a 550ºC. 7,31

b)

Um dos processos industriais de obtenção de hidrogênio está representado no item (a). A 550ºC, a reação,

no

sentido da formação de hidrogênio, é exotérmica. Para este processo, discuta a influência de cada um dos

seguintes fatores:

aumento de temperatura: desloca p/ esquerda diminuindo [H2].

uso de catalisador: diminui tempo para o equilíbrio ser atingido, não afeta quantidades formadas.

variação da pressão: não altera o equilíbrio. 4. Considere os dois sistemas, 1 e 2, observados por iguais períodos de tempo, em que as partes aquosas estão em equilíbrio com

os dois sistemas, 1 e 2, observados por iguais períodos de tempo, em que as partes

o ar e com o CO 2 , respectivamente, à temperatura ambiente. São dados os equilíbrios:

CaCO 3 (s) Ca 2+ (aq) + CO 3 2 (aq)

CO 2(g) CO 2 (aq) + calor

CaCO 3(s) + CO 2(g) +H 2 O (l) Ca 2+ (aq) + 2HCO 3 (aq)

a) Explique o motivo pelo qual a solubilização do carbonato de cálcio no sistema 1 é consideravelmente

menor do que no sistema 2. CO2(g) favorece a solubilização (3ª reação)

b)

Explique por que, se o sistema 2 fosse resfriado, a quantidade de CaCO 3 dissolvida seria maior do que se

o

sistema fosse mantido à temperatura ambiente.

Porque a dissolução de CO2(g) é exotérmica. Diminuindo a T, aumenta a dissolução de CO2 e desloca o

equilíbrio da 3ª reação.

5. Na construção de barragens, usa-se o concreto. Nos primeiros dias de confecção, o concreto tem pH

alcalino, o que protege a ferragem da oxidação. Com o tempo, o pH diminui pela carbonatação do concreto que se dá pela reação com o H 2 CO 3 . Em um teste de carbonatação feito em laboratório, foi usada uma

solução de H 2 CO 3 de concentração 0,02 mol/L, a qual apresenta um grau de dissociação de 0,45%, a 25°C. Determine o valor da primeira constante de ionização do H 2 CO 3 nessa temperatura. 4,05x10 -7

6. Uma solução de um monoácido fraco, cuja constante de ionização K a =2×10 -5 , deve ser misturada a uma

solução de um sal deste monoácido para preparar uma solução tampão de pH=6. Determine a razão entre as concentrações do ácido e do sal que deverá ser utilizada. 1/20 ou 0,05