Sie sind auf Seite 1von 84

2

ABBÉ QUINÉT
Inspetor do Ensino Religioso da diocese de Paris

MEU CATECISMO

PRIMEIRA INICIAÇÃO CRISTÃ


PELO MÉTODO EVANGÉLICO

3
4
APRESENTAÇÃO

O fim deste livro não é o de substituir o Catecismo diocesano,


senão o de preparar aos pequeninos para compreendê-lo ao seu tempo
com maior facilidade.
Está dirigido principalmente ás crianças de 6 a 8 anos, a
quem, em forma amena e sem lhes exigir grandes esforços de
memória, explica o essencial da doutrina.
Trata-se de uma primeira iniciação cristã. Este mínimo de
conhecimentos religiosos permitirá admitir aos pequeninos à
Comunhão, sendo esta a razão de ser do presente Catecismo infantil.
C. Q.
***
O catequista poderá:
1º: Servir-se para suas explicações do livro do Professor
Lições Catequéticas. Vinte lições de catecismo evangélico
segundo o método ativo.
2º: Dar às crianças: Meu caderno de instrução religiosa
(método Quinet). Três elegantes cadernos que asseguram a
colaboração ativa, espontânea e alegre de parte da criança.

5
6
I. DESEJO CONHECER A DEUS

Explicação
1. No Catecismo você aprenderá a conhecer a Deus. Quando
o conhecer, você o amará e demonstrará que o ama fazendo o que
Ele manda.
2. Mas como é Deus?
Se você se olhar no espelho, verá seu corpo. Mas conseguirá
enxergar a sua alma? Isto é impossível, porque a alma é um
espírito. Deus é um espírito como sua alma. Não podemos vê-lo
com os olhos nem tocar com as mãos. Você tem um corpo; mas
Deus carece de corpo.

7
Para dar uma ideia dele, costuma-se representa-lo como a
figura de um ancião; mas lembre-se de que não é assim na
realidade.

Quando você está sozinho na sua casa, e pensa nalguma coisa, Deus
sabe o que você está pensando.
3. Você é pequeno. Há seis anos era tão pequenininho que
precisava que o carregassem. Mas pouco a pouco foi crescendo e
ainda crescerá até se tornar maior como seu pai e sua mãe. Deus,
em troca, não teve começo nem envelhecerá, senão que
permanece sempre o mesmo e jamais terá fim, porque é eterno.
4. Sua mãe é boa e seu pai pode fazer muitas coisas; mas
Deus tem todas as boas qualidades, sendo tão bondoso, que é
melhor que todas as mães da terra; e tão sábio, que jamais nós
poderemos compreender tudo o que ele sabe. Além do mais, pode

8
fazer tudo o que Ele quer, e por isto dizemos que é infinitamente
perfeito.
5. Olhe a luz do sol. Encontra-se quase em todas as partes;
nos prados, no bosque, na casa e no monte; mas não penetra na
cova obscura. Em troca, Deus se acha em todas as partes: no teu
coração, na estrada, na casa, no bosque, no céu, onde for... Ele vê
tudo e sabe tudo.
Lição
Quem é Deus?
Deus é um espírito infinitamente perfeito e eterno.
Onde está Deus
Deus está no céu, na terra e em todo lugar.
Deus vê tudo?
Sim, Deus vê tudo e conhece até os nossos pensamentos.
O que pode fazer Deus?
Deus pode fazer tudo o que quer.

9
Prática

A Igreja é a casa de Deus.


Quando você passar diante da Igreja faça o sinal da Cruz.
Na casa de Deus guarde-se de correr e de falar e tenha o
pensamento ocupado nele.
Oração
Creio em Deus.

10
II. COMO É DEUS.
O MISTÉRIO DA SANTÍSSIMA TRINDADE

Explicação
1. Você já sabe que Deus não tem corpo e que é um espírito
infinitamente perfeito e eterno; mas desejará conhece-lo mais um
pouco. Escute bem.
Ele mesmo nos ensinou como Ele é. Ensinou-nos que nele,
que é um só Deus, há três Pessoas. Você já sabe como se chamam.

.
Leve sua mão direita à fronte, e diga: Em nome do Pai; leve-a logo
ao peito, dizendo: e do Filho; leve-a finalmente ao ombro esquerdo
e depois ao direito, acrescentando: e do Espírito Santo.

11
2. Isto é difícil de compreender? Sim, meu pequeno; por
isto se diz que é um grande mistério, o da Santíssima Trindade.

3. Depois que Nosso Senhor foi batizado, ouviu-se a voz do


Pai que dizia: Este é meu Filho muito amado. Ele disse isto se
referindo a Jesus, seu filho e então se viu ao espírito Santo pousar
sobre Jesus em forma de uma pomba.
O Pai, o Filho e o Espírito Santo acabavam de manifestar-se aos
homens.
Lição
Quantos deuses há?
Não há mais que um só Deus.
Quantas pessoas há em Deus?
Em Deus há três Pessoas: Pai, filho e Espírito Santo.
12
Como se chama o mistério de um só Deus em três pessoas?
O mistério de um só Deus em três pessoas chama-se o
mistério da Santíssima Trindade.
Prática

Ao princípio e ao fim das suas Ao entrar na Igreja tome água benta


orações faça o sinal da Cruz. e faça pausadamente o sinal da
Cruz.
Oração
Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.

13
III. AS OBRAS DE DEUS.
DEUS CRIADOR

Explicação
1. Feche seus olhos e não enxergará nada.
No princípio tudo era assim. Não tinha nada; não existia a luz,
nem a terra, nem o mar, nem o sol, nem as estrelas; unicamente
existia Deus, ou seja, o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
Mas eu já te disse que Deus pode fazer tudo quanto quer. Pode
criar, isto é, tirar uma coisa do nada.

14
Ele criou a luz, a terra, os mares, as plantas, as árvores, o sol, a
lua, as estrelas, as aves, os peixes, os animais e finalmente, ao
primeiro homem, a quem chamou de Adão.
Depois lhe deu por esposa a Eva
2. Antes de criar o homem, Deus tinha criado os Anjos, que
são espíritos como sua alma.

Representa-se aos Anjos com corpo, porque para fazer-se ver


pelos homens se viram obrigados a se mostrar deste modo; mas na
realidade eles não têm corpo.
Os Anjos iriam viver em companhia de Deus, amando-o,
servindo-o e obedecendo-o. Mas muitos deles se negaram a lhe
obedecer e ao instante tornaram-se feíssimos demônios.

15
Agora existem duas classes de Anjos: os Anjos bons e os Anjos
maus ou demônios. Cada um de nós tem por guardião a um anjo
bom
Lição
Quem criou o céu e a terra?
Deus é quem criou o céu e a terra.
Como se chamavam o primeiro homem e a primeira mulher criados
por Deus?
O primeiro homem se chamava Adão.
A primeira mulher se chamava Eva.
Quem é o Anjo da Guarda?
O Anjo da guarda é o anjo bom que cada um de nós tem
designado para sua custódia.
Quem são os demônios?
Os demônios são os anjos que se negaram a obedecer a Deus e
se fizeram maus.

16
Prática

Quando você estudar a lição de Geografia, pense: Deus é quem fez o céu, a
terra, os mares; logo nos pertencem.
Oração
Creio em Deus Pai, Todo-poderoso, Criador do céu e da
terra.
Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o Vosso nome.
Venha a nós o Vosso Reino. Seja feita a Vossa vontade, assim na
Terra como no Céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje.

17
IV. O PECADO DE ADÃO E EVA.
O BATISMO

Explicação
1. Adão e Eva eram felizes no paraíso terrenal, rodeados de
belas árvores e de lindas flores.
Ali tinham tudo quanto desejavam, nunca experimentavam
fadiga, nem padeciam dores, estavam isentos da morte.
Os animais não eram maus, senão dóceis e obedientes.

Deus tinha criado tudo para Adão e Eva.

18
E eles sabiam muito bem disso, porque não eram como os
animais, que veem, mas não entendem, senão que eram inteligentes
e tinham uma alma na qual descansava o próprio Deus (Pai, Filho e
Espírito Santo), do mesmo modo que o raio do sol repousa sobre
uma flor.

Deus considerava Adão e Eva como filhos. Tinha-lhes dado a


graça, que é como dizer que tinha dado seu amor e amizade.
Passado algum tempo os levou ao céu com os anjos bons.

2. Deus os criou para que o conhecessem, amassem e servissem


e deste modo alcançassem o céu.
Mas Deus lhes proibira comer o fruto da arvore da ciência do
bem e do mal. Mas o demônio penetrou no jardim em forma de
serpente, e aconselhou a Eva que desobedecesse a Deus e comesse o
fruto proibido.
19
Já sabia que desobedecer a Deus é cometer um pecado.
Eva deu ouvidos ao demônio; comeu do fruto fazendo com que
Adão também comesse, e este foi o primeiro pecado dos homens.
3. Naquele mesmo instante foram desgraçados. Cheios de
medo quiseram se esconder dos olhos de Deus, que vê tudo.

Era impossível: Deus saiu ao encontro deles e os expulsou do


Paraíso terrenal.
4. Assim perderam a amizade de Deus ao cometer um pecado
tão grave, ficando sujeitos aos sofrimentos e à morte, eles e seus
filhos, que nasceriam com o pecado original, ou seja, sem a graça e
amizade de Deus.
Afortunadamente, Deus teve compaixão dos homens e
prometeu a Adão um Salvador, o qual viria para a terra para apagar

20
tal pecado e todos os demais. Este Salvador é Jesus, O Filho de Deus,
cuja história lhe contarei em breve.
Graças a Ele você é filho de Deus, porque tem recebido o
Batismo.
O Batismo

Escute bem, porque vou lhe dizer como você se tornou filho de
Deus.
Quando você veio ao mundo, estava privado da amizade de
Deus, por ter a alma manchada com o pecado original. Mas seus pais
levaram você à igreja. O sacerdote jogou sobre a sua cabeça a água do
batismo, dizendo: “Eu te batizo em nome do Pai, do Filho e do Espírito
Santo”.

21
Naquele momento desapareceu o pecado original, e veio sobre
sua alma o Pai, o Filho e o Espírito Santo, e assim ficou convertido
em Filho de Deus e da Igreja.
Lição
Como Deus considerava Adão e Eva?
Deus Considerava Adão e Eva como filhos seus e os amava
como tais.
Adão e Eva obedeceram a Deus?
Adão e Eva não obedeceram a Deus, deram ouvidos ao
demônio e comeram o fruto proibido.
O Que fez Deus?
Expulsou-os do Paraíso terrenal.
O que Deus lhes prometeu?
Prometeu-lhes um Salvador.
Você é filho de Deus?
Sim, eu sou filho de Deus pelo Batismo.

22
Prática

Quando entrares na Igreja olhe:


1° Na pia Batismal: 2° No confessionário:
Aí é onde você recebeu o batismo Aí é onde o sacerdote apaga em
que apagou o pecado original de sua nome do Salvador Jesus os pecados
alma, fazendo vir sobre ela a cometidos depois do batismo.
Santíssima Trindade.
Oração
Peça a Deus para nunca dar ouvidos ao demônio.
Pai Nosso, que estais nos céus, santificado seja vosso nome,
venha a nós o vosso reino, seja feita a sua vontade, assim na terra
como no céu. O pão nosso de cada dia nos dai hoje, perdoai-nos as
nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem
ofendido e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
Amém.

23
V. DEUS SALVA OS HOMENS.
O MISTÉRIO DA ENCARNAÇÃO

Explicação
1. Durante milhares de anos, os homens esperaram o Salvador,
o Messias prometido. A maioria deles foi se esquecendo pouco a
pouco do Verdadeiro Deus, até obrigar-lhe a escolher para si um
povo: o povo Hebreu, de onde havia de sair o Salvador do mundo.
Uns homens que prediziam o futuro lembraram com frequência a
aquele povo que o Messias chegaria algum dia.
Com efeito, veio ao mundo, há mais de dois mil anos.

24
Naquele tempo, havia uma Virgem chamada Maria que
morava em Nazaré, da Palestina, país dos Judeus.
Um dia, estando só, apareceu-lhe o arcanjo São Gabriel, e lhe
disse: “Ave Maria; cheia de graça; o Senhor é convosco.” E
Continuando anunciou que ela seria a mãe do Filho de Deus.

Maria consentiu, e o Espírito Santo desceu sobre Ela.


2. Pouco depois, Maria desposou-se com José, que era
carpinteiro.
3. Uns meses mais tarde viram-se obrigados a se alistarem em
Belém, aonde chegaram de noite.

25
4. Não tendo encontrado lugar na pousada, nem nas casas
particulares, refugiaram-se em uma gruta, que servia de estábulo.

Nesta gruta à meia noite veio ao mundo o Filho de Deus.


5. O Filho de Deus, a segunda pessoa da Santíssima Trindade,
se fez homem. Este fato se chama “O Mistério da Encarnação”.
Todos os anos, em 25 de dezembro, festa de Natal, nós
comemoramos o Nascimento de Jesus Salvador.
Lição
Quem anunciou a Maria que ela seria a mãe do Salvador?
O arcanjo São Gabriel.
Jesus é filho de quem?
Jesus é Filho de Deus e de Maria.

26
Quem era São José?
São José era o Esposo da Santíssima Virgem.
Como se chama o mistério do Filho de Deus feito homem?
O Mistério do Filho de Deus feito do homem se chama “O
Mistério da Encarnação”.
Prática

Quando você for à Igreja, repare Quando você vir a imagem do


nas imagens da Santíssima Virgem Menino Jesus, pense: Ele é meu
e de São José, e pense: A Deus, apesar de ser uma criança
Santíssima Virgem é a Mãe de como eu.
Deus; São José o Pai adotivo de
Jesus.

27
Oração
Ave Maria, Cheia de graça, o Senhor é Convosco, Bendita sois
vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre Jesus.
Santa Maria Mãe de Deus rogai por nós pecadores, agora e na
hora de nossa morte. Amém.
São José, rogai por nós.
Creio em Deus Pai Todo-poderoso, Criador do céu e da terra.
E em Jesus Cristo seu único filho nosso Senhor, que foi concebido
pelo poder do Espírito santo, nasceu da Virgem Maria.

28
VI. A VIDA DO MENINO JESUS

Explicação

1. Na noite de Natal, uns pastores que guardavam seus


rebanhos nas proximidades de Belém foram avisados pelos anjos do
nascimento do Filho de Deus e foram adorá-lo.
Naquele tempo, uns Magos, guiados por uma estrela
prodigiosa, foram oferecer a Jesus ouro, incenso e mirra.
2. O perverso rei Herodes, que soube pelos Magos do
Nascimento de Jesus, resolveu tirar-lhe a vida; e um dia ordenou a
seus soldados que matassem todas as crianças de Belém.

29
Mas, pela noite, um Anjo tinha ordenado a José que fugisse
com o Menino e sua Mãe. José, Maria e o Menino Jesus, já estavam
longe quando chegaram a Belém os soldados de Herodes.
3. Após a morte de Herodes, a Sagrada Família abandonou
Egito e voltou para Nazaré.
Neste humilde povoado, José tinha sua Oficina de Carpinteiro,
e aí é onde Jesus foi crescendo em sabedoria e em graça diante de
Deus seu Pai e diante dos homens, aqueles que veio salvar.

30
Lição
Quais foram os primeiros adoradores de Jesus?
Os primeiros adoradores de Jesus foram os pastores, que
seguiram os Magos.
Porque a Sagrada Família fugiu para o Egito?
A Sagrada Família fugiu para o Egito porque o rei Herodes
queria matar Jesus.
Para onde voltaram após a Morte de Herodes?
Após a morte de Herodes voltaram para Nazaré.
O que fazia o Menino Jesus em Nazaré?
O Menino Jesus rezava, obedecia e trabalhava.

31
Prática
1. Os pastores e os Magos adoraram a Jesus.
Demonstre que você adora o Filho de Deus, aprendendo a fazer
bem a genuflexão diante de Jesus presente no sacrário.
2. Os Magos ofereceram presentes a Jesus. Ofereça seus
sacrifícios.
Oração
Recapitulação: Pai Nosso.
Ave Maria
Creio em Deus Pai Todo Poderoso criador do céu e da Terra.
Creio em Jesus Cristo, seu único Filho, Nosso Senhor, que foi
concebido pelo poder do Espírito Santo, nasceu da Virgem Maria
Padeceu sob Pôncio Pilatos, foi crucificado morto e sepultado,
desceu a mansão dos mortos ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos
céus onde está sentado a direita de Deus Pai Todo Poderoso, donde
há de vir a julgar os vivos e os mortos.
32
VII. OS MANDAMENTOS DA LEI DE DEUS.
O QUE FAZIA O MENINO JESUS

Explicação
1. Nós somos filhos de Deus e, portanto, devemos obedecer-lhe
como os filhos obedecem a seus pais.
O que Deus nos manda?
Você saberá se tiver como modelo a Jesus, o Filho de Deus.
Jesus adorava, amava e orava a Deus seu Pai.

33
Você sabe muito bem que rezar é falar com Deus, que está
presente em todas as partes ainda que não o veja.
O Menino Jesus dirigia todas as manhãs uma oração ao seu Pai
como esta: “Todas as coisas vos pertencem, porque criou tudo: a
Terra, o céu, os animais e os homens. Sois o Melhor dos Pais, e por
isto vos amo e desejo que todos os homens vos amem.” Rezando
deste modo Jesus adorava a Deus.
Durante o dia também rezava, enquanto se ocupava em ajudar a
Santíssima Virgem ou a São José a aprender as histórias sagradas, em
brincar, em comer; e pela noite prolongava sua oração, dormindo
logo, com o pensamento ocupado em seu Pai celestial, debaixo do
amoroso olhar de Maria e José.

2. Também ia rezar na casa de Deus.


34
Naquele tempo a casa de Deus não era a Igreja, senão um lugar
chamado Sinagoga que se encontrava em todos os povoados.

Em Jerusalém havia um lindo Templo onde os sacerdotes ofereciam


sacrifícios.
Uma vez por semana Jesus ia à Sinagoga rezar com seus Pais.
3. Quando cumpriu doze anos, foi ao Templo em Jerusalém
com Maria e José. E é aí que ao sair de Jerusalém voltando para
Nazaré, Jesus se separou de seus pais, permanecendo na cidade,
enquanto eles já estavam no caminho.
Depois de procurá-lo durante três dias, Maria e José o
encontraram no Templo, sentado no meio dos doutores, a quem
perguntava e dava respostas.

35
A Santíssima Virgem lhe perguntou por que tinha ficado ali, e
Jesus respondeu: Não sabíeis que devo me ocupar das coisas do meu
Pai?
Depois o Menino Jesus saiu do Templo com Maria e José, e os
três voltaram a Nazaré.
Lição
O que é rezar?
Rezar é falar com Deus.
O que devemos dizer a Deus?
Devemos dizer que é nosso Pai e que o amamos.
Podemos pedir alguma coisa a Deus?
Podemos pedir suas graças e o perdão de nossos pecados.
Como temos que rezar?
Temos que rezar pela manhã e pela noite, e de modo especial
todos os domingos e dias de festa.
Onde se deve rezar os domingos e dias de festa?
Na Igreja, assistindo a Santa Missa.

36
Prática
Aprenda nestes desenhos os seus deveres para com Deus:

Pela Manhã depois de se vestir, e Ao despertar e antes de dormir faça


pela noite antes de deitar reze suas o sinal da Cruz.
orações ao pé da cama.

Antes e depois de comer, Se quiser amar mais a Deus,


faça o sinal da Cruz. aprenda o catecismo, assim ele
lhe fará ver quão bom é o Senhor.

37
Assista as Missas todos aos Na casa de Deus procure adotar
domingos e festas de guarda. uma posição digna: de pé,
sentado ou de joelhos.
Oração:
(Tendo presentes os mandamentos da Lei de Deus)
Meu Deus, eu Vos adoro e Vos amo com todo meu coração.
Pronunciarei sempre com respeito o Vosso santo Nome.
Todos os domingos e festas de guarda eu irei rezar na Igreja,
assistindo à Santa Missa.
Creio no Espírito Santo,
na Santa Igreja Católica,
na comunhão dos Santos,
na remissão dos pecados,
na ressurreição da carne
e na vida eterna. Amém.

38
VIII. OS MANDAMENTOS DA LEI DE DEUS.
O QUE FAZIA O MENINO JESUS

II

Explicação
1. O bom Jesus era uma criança como você, mas uma criança
que amava de todo o coração Maria e José, e que lhes manifestava
seu amor rogando por eles todos os dias e cumprindo sua vontade.
Assim que seus pais lhe pediam algo, Ele logo obedecia, sem
murmurar. E lhes prestava os serviços mais humildes, como ir buscar
água na fonte ou recolher as serragens na oficina de José.

39
Além do mais, respondia sempre Maia e José com palavras
cheias de sinceridade, sem ocultar nunca a verdade e com todo
respeito, considerando-os como representantes de Deus, seu Pai.
O Menino Jesus no meio de seus companheiros
2. Não faltavam ao seu lado meninos mentirosos, invejosos,
interesseiros, gulosos, e até pequenos ladrões. Quando o Menino
Jesus via um destes meninos, ficava triste e lhes dizia: Não faça isto,
porque não é bom!
O Menino Jesus diz o mesmo em nossos dias, fala baixinho aos
corações das crianças que se propõem a fazer algo mau.
Quando você ouvir sua voz, escute-a, criança amada. E a
exemplo de Jesus, ame todos os seus companheiros, sem exceção.
3. Naquele tempo não tinha aulas tão esplêndidas como hoje,
nem lindos livros e elegantes cadernos como os que você tem, mas
também se aprendia a ler e escrever e a fazer contas. O Menino Jesus,
que sabia tudo, quis, no entanto fazer como as demais crianças, e
gostava de escutar as explicações que dava algum dos mestres na
Sinagoga, que vinha a ser a escola daquela época. Jesus era o aluno
mais assíduo, mais estudioso e o mais obediente de todos.
Lição
O que nos manda nosso Senhor a respeito de nossos pais?
Nosso Senhor nos manda respeitá-los, amá-los e obedecê-los e
ajudá-los.
O que uma criança pode fazer por seus pais?
Pode rezar por eles e prestar-lhes humildes favores.
40
O que Jesus pede às crianças?
Ele pede que o imitem.
Quais são as crianças que afligem Jesus?
São as que mentem, que brigam, que dizem palavras grosseiras,
os gulosos e preguiçosos.
Prática
Escolha: Qual destas crianças você quer imitar? Diga por que.

41
Oração
Se você não se comportou bem, durante a noite peça perdão a
Deus rezando o
Ato de contrição
Meu Senhor Jesus Cristo, Verdadeiro Deus e verdadeiro
Homem, criador, Pai e Redentor meu, por ser quem Sois,
Bondade Infinita, e por que Vos amo sobre todas as coisas, pesa-me
de todo coração por ter-Vos ofendido, pesa-me também por ter
perdido o céu e merecido o inferno.
Ajudado por vossa divina graça, proponho firmemente a
nunca mais pecar, confessar-me e cumprir a penitencia que for
imposta. Amém.
Meu Deus, quero amar meus pais e prometo obedecê-los.
Serei bom, não me cansarei, amarei meus companheiros, não
brigarei com eles, não farei coisas más, não serei invejoso, nem
mentiroso, nem guloso, nem preguiçoso, nem amigo das coisas
alheias.

42
IX. VIDA PÚBLICA.
O QUE NOS ENSINOU NOSSO SENHOR

Explicação

1. Quando Jesus completou trinta anos, abandonou Nazaré e


foi receber o Batismo das mãos de São João Batista. Naquele dia o
Espírito Santo desceu sobre Jesus, ao mesmo tempo em que se ouviu
a voz do Pai que dizia: “Este é meu Filho muito amado”.
2. Depois Jesus se retirou para o deserto, onde passou quarenta
dias e quarenta noites sem comer nem beber. O demônio quis tentá-
lo, mas seus esforços foram em vão.

43
Logo que Jesus abandonou o deserto, alguns começaram a
segui-lo.

Entre os que lhes seguiam escolheu seus doze apóstolos: Eis


aqui o nome de três deles: Pedro, Tiago e João.
3. Com a companhia deles recorreu toda a Palestina,
ensinando que Deus é verdadeiro Pai que cuida de seus filhos. Ele
dizia:
O Pai Celestial é quem cuida de nós, quem esmalta os campos
com lindas flores de vistosas cores. Tenham confiança n’Ele, pois ele
ama vocês mais que os pássaros e as flores. Além do mais, sabe o que
precisam e lhes concederá se lhe pedem, falando-lhe como as crianças
a seu pai.

44
PALESTINA

Naquele tempo, Jesus ensinou a seus apóstolos a oração que


todos rezamos: Pai Nosso que estais nos céus, santificado seja vossos
nome, venha a nós o vosso reino...
Depois de ter ensinado aos homens que todos eram filhos de Deus,
mandou-lhes que se amassem uns aos outros, sem excetuar os que,
longe de amar, lhes causavam dano.
Lição
O que fez Nosso Senhor depois de seu batismo e de seu jejum no
deserto?
Ele escolheu os doze apóstolos.
O que ensinava Nosso Senhor?
45
Nosso Senhor ensinava que Deus é um verdadeiro Pai para nós.
O que Nosso Senhor manda aos homens?
Nosso senhor manda que todos os homens se amem como
irmãos.
Prática
Nosso Senhor fez penitência no deserto.

Pense: 1° Nos sacrifícios que você pode fazer estando em casa, na escola, na
companhia de seus amigos; 2° No que fará para ser um pequeno apóstolo
em casa, na escola, e na companhia dos seus amigos.
Oração
Meu Deus, Vós sois o melhor dos pais e cuidais de tudo
quanto criastes: dos pássaros, dos homens...
Deposito em Vós minha confiança e Vos amo.

46
X. JESUS É VERDADEIRO FILHO DE DEUS.
OS MILAGRES

Explicação
1. Quando Jesus vivia em Nazaré, Maria e José sabiam muito
bem que Jesus era o Filho de Deus, mas os demais o ignoravam. Jesus
não demorou em demonstrá-lo, fazendo algumas coisas que nenhum
homem é capaz de fazer: milagres.
Escute com atenção, e logo você dirá: Meu Jesus, Tu és
verdadeiramente o filho de Deus!

Em certa ocasião Jesus com sua Mãe e seus apóstolos estavam em um


banquete de bodas, na pequena cidade de Caná.

47
Aconteceu que, estando todos na refeição, os serventes
advertiram que faltava vinho. O que fazer? A santíssima Virgem disse
a seu Filho: Não tem Vinho. Então Jesus chamou os serventes e lhes
disse: Enchei as talhas de água. Os serventes obedeceram, e quando
tiraram a água das talhas advertiram que a água tinha se
transformado em vinho.
2. Em outra ocasião, estando Jesus sentado em uma barca com
seus apóstolos no lago de Genezaré, sobreveio uma tempestade
muito forte, que a barca parecia que por alguns momentos ia
afundar. Jesus estava dormindo, e os apóstolos o acordaram dizendo:
Salvai-nos, que estamos perecendo.

Jesus se levantou e mandou o mar se acalmar; e em seguida se


acalmaram as ondas e começaram a se deslizar suavemente pelas
águas.

48
Poderia um simples homem fazer-se obedecer pelo mar? Não!
Somente Deus é capaz disto.
3. Continue escutando.
Já viu uma mãe chorar, porque seu filho está doente?
A mulher da cidade de Naim, que Jesus viu chorar um dia,
era uma mãe preocupadíssima, porque a morte tinha arrebatado seu
filho único. Ia enterrá-lo, quando eis que Jesus fez parar o féretro,
depois de dizer à mãe: Não chore. E dirigindo-se ao jovem defunto,
disse: Levante-se. E ao conjuro destas palavras o jovem que estava
morto se levantou cheio de vida.

Quem pode devolver a vida senão Deus?


Jesus fez muitos outros milagres, mas os que acabo de referir-
lhe bastam para que repita: Jesus é verdadeiramente o filho de Deus.
Lição
49
Como Jesus demonstrou que era verdadeiro Deus?
Jesus demonstrou que era verdadeiro Deus fazendo milagres.
Conhece alguns dos Milagres de Jesus?
Sim, Jesus converteu água em vinho, acalmou a tempestade e
ressuscitou um jovem.

Prática
1°Quando você olhar para um Crucifixo, uma imagem ou uma
estátua de Nosso Senhor, diga baixinho: Meu Jesus, Vós sois o Filho de Deus.
2°Quando pedir algo a Santíssima Virgem diga-lhe: Maria, Minha
Mãe, Vós podeis alcançar tudo de Jesus, vosso Filho.
Oração
Ato de Fé
Meu Deus, creio firmemente em todas as verdades que
revelastes e que nos ensinais através de vossa Igreja, porque não
podeis enganar-Vos nem enganar-nos.
50
XI. CÉU, INFERNO E PURGATÓRIO

Explicação
1. Olhe bem este desenho, onde se representa um homem
muito velho, mas muito velho...

Este homem foi uma criança como você. Foi crescendo até ser
como seu pai, e sendo agora de idade muito avançada, não tardará
em ser visitado pela morte, produzindo a separação entre sua alma e
seu corpo.
Aonde vai a alma quando se separa do corpo?
Escute: O próprio Jesus refere a seguinte história:
Havia um homem muito rico que não amava a Deus e se
comportava muito mal com os demais homens, preocupando-se
unicamente de si mesmo.
51
Ao mesmo tempo vivia também um pobre, chamado Lázaro,
que amava a Deus e a todos seus semelhantes, os homens. Lázaro não
tinha o que comer, e o rico mau se negava a dar-lhe sequer um
centavo.
Morreram os dois em uma mesma noite e ambos
compareceram diante de Deus.
A alma do rico estava toda manchada de feios pecados,
enquanto que a do pobre estava limpa de toda mancha.
Não esqueça: Aquele que morre com um só pecado mortal, isto
é, com um pecado grave, não pode ir ao Céu, senão que vai ao
inferno, onde vive em companhia dos demônios, afastado para
sempre de Deus e atormentado por um fogo que nunca se apagará.
Aí foi sepultada a alma do rico.
Pelo contrário, o pobre, como não tinha nenhum pecado,
entrou no Céu acompanhado de anjos.
52
No Céu estão Deus Pai, Deus Filho, Deus Espírito Santo, a
Santíssima Virgem e todos os Santos e Santas. Os que estão no Céu
gozam de uma felicidade que durará para sempre.
Agora você compreenderá querida criança, porque se deve
evitar o pecado, que conduz ao inferno.
Esses vão ao purgatório, ou seja, a um lugar onde padecem
enquanto aguardam o momento de serem admitidos no Céu.
Devemos rezar pelos que estão no Purgatório.
Talvez você me pergunte: O que acontecerá com nosso corpo?
Deus o ressuscitará no fim do mundo unindo-o com a alma
novamente, para sempre.
Lição
Quem vai ao Céu?
Ao Céu vão os que morrem sem pecado e em amizade com
Nosso Senhor.
53
Quem vai ao inferno?
Vão para o inferno os que morrem em pecado mortal
O que pode fazer uma criança pelas almas do Purgatório?
Pode rezar e oferecer pequenos sacrifícios.
Prática

1° Pense todas as noites no que 2° Na Missa o sacerdote e os fiéis


tem feito pelo Céu. rezam palas almas do purgatório.
3° Reze todos os dias pelos defuntos de sua família.
Oração
Ato de Esperança
Meu Deus, espero de vossa bondade, por vossas promessas e
pelos méritos de Jesus Cristo nosso Salvador, a vida eterna e as
graças necessárias para merecê-la com as boas obras, que devo e
quero fazer. Senhor, que eu não fique confundido eternamente.

54
XII. A PENITÊNCIA

Explicação
1. Quando você der algum desgosto à sua mãe, diga: Mãe, eu
fui mau, lhe peço perdão e proponho me comportar bem.
Sua mãe lhe perdoa.
Nosso Senhor nos perdoa? Sim.
Escute esta história contada pelo próprio Jesus:
Havia um homem rico que tinha dois filhos.
O mais novo, abandonou seu pai para não lhe obedecer mais.

2. Depois de gastar todo seu dinheiro, viu-se obrigado a cuidar


dos porcos para poder comer. Então pensando, se deu conta de que

55
havia feito mal em abandonar seu pai, se arrependeu de sua falta e
resolveu voltar e pedir perdão.
3. Pôs-se a caminho e eis que antes de chegar à sua casa viu de
longe seu pai que saía pra recebê-lo. Lançou-se aos seus pés, se acusou
das suas culpas, pediu-lhe perdão e prometeu fazer penitência. O pai
o abraçou, lhe ajudou a se levantar, ordenou que o vestissem com
um belíssimo vestido e lhe pusessem um anel de ouro no dedo e logo
mandou celebrar um banquete, porque estava gozoso de ter
recobrado seu filho.

Esta história nos ensina o que se deve fazer para obter o perdão
dos nossos pecados.
Aquele que comete um pecado se afasta de Deus; mas se se
arrepende, pode ir a pedir-lhe perdão, basta somente que se
arrependa de ter desgostado a Deus, que se acuse de suas culpas, que
peça perdão e se disponha a fazer uma penitência.

56
Mas, o que é preciso fazer para encontrar a Nosso Senhor?
4. Sempre o encontrará na pessoa do sacerdote, que fala em
nome de Deus. Ele te perdoara em nome de Nosso Senhor.

Jesus disse, com efeito, aos seus Apóstolos e sacerdotes:


Perdoareis os pecados aos que venham se acusar deles e pedir perdão.
Ele instituiu o sacramento da Penitência para perdoar os pecados.
Lição
Quem pode perdoar os pecados?
Nosso Senhor pode perdoar os pecados.
A quem deu Jesus, Filho de Deus, o poder de perdoar os pecados?
Aos Apóstolos e aos sacerdotes, que são os seus sucessores neste
ministério.
Como se chama o sacramento que apaga os pecados?

57
O sacramento que apaga os pecados se chama Penitência.
Prática
Vou lhe explicar o modo como se deve confessar:
1. Pensará: O Sacerdote ocupa o lugar de Jesus.
Logo dirá: Meu Jesus, faz com que eu conheça meus pecados.
Depois perguntará a você mesmo:
Tenho rezado as orações da manhã e da noite?
Tenho brincado ou me portado mal na Igreja?
Tenho perdido tempo na escola?
Tenho respondido mal a meus pais ou professores?
Tenho desobedecido?
Tenho me encolerizado?
Tenho causado algum dano a meus companheiros?
Tenho brigado com algum deles?
Tenho cometido ações feias?
Tenho roubado algo?
Tenho falado mentiras? Tive inveja de meus companheiros,
meus irmãos ou de minhas irmãs?
Tenho sido guloso?
Tenho sido preguiçoso? Tenho feito os deveres do colégio?
Tenho estudado as lições?
Na medida do possível contará as vezes que tem cometido cada
um destes pecados.
58
Finalmente fixará os olhos no Bom Jesus cravado na cruz e dirá:
“Meus pecados te fizeram padecer e morrer”
Doer-se-á pelos pecados e exclamará: “Perdão meu Jesus. Amo-te e
proponho não pecar mais. ’’
2. Ajoelhado aos pés do confessor, rezará o “Eu, pecador; ’’ e dita
a jaculatória “Ave Maria Puríssima; sem pecado concebida”, dirá: Padre,
faz um mês (uma semana, um ano) que não tenho confessado; cumpri a
penitência (ou tenho me esquecido dela); tenho examinado minha
consciência e me acuso...’’
E dirá todos teus pecados.
Terminada a acusação acrescentarás “Também me acuso dos
pecados que agora não me lembro e dos da minha vida passada, em especial
dos cometidos contra tal mandamento.
De todos peço perdão a Deus, e a Vós padre, penitência, se me julgais
digno dela”.
O Sacerdote lhe dirigirá uma exortação e lhe imporá a
penitência (de ordinário alguma oração vocal) que cumprirá o
quanto antes.
Em continuação rezará devotamente o “ato de contrição’’, ao
tempo que o confessor levantará a mão e lhe perdoará os pecados em
nome do Pai do Filho e do Espírito Santo.
Depois de sair do confessionário, limpo de pecado, rezará a
penitência, prometendo a Deus que não voltará a pecar. E daí em
diante imitará ao menino Jesus, se comportando bem, sendo
obediente, dócil, aplicado e amando muito a Nosso Senhor.

59
Explique o que faz este menino.

Antes da Confissão. Ao ajoelhar-se aos pés do confessor.


<

Depois de ter confessado os O que terá prometido a Nosso


pecados. Senhor?

60
Oração
Eu pecador me confesso a Deus todo poderoso e a bem
aventurada sempre Virgem Maria, a todos os Santos e a Vós Padre,
que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras, atos e omissões,
por minha culpa, minha tão grande culpa. E peço a sempre bem
aventurada Virgem Maria, a todos os Santos e a vós, Padre, que
rogueis por mim a Deus Nosso Senhor. Amém.
Ato de contrição (pag. 42).

61
XIII. JESUS ESTÁ PRESENTE NA EUCARISTIA.
A COMUNHÃO

Explicação

1. Jesus veio à terra para sofrer e morrer por causa dos nossos
pecados.

Mas, como Jesus nos amava de todo coração, antes de morrer


encontrou o meio de ficar para sempre conosco.

Você sabe que Jesus, Filho de Deus, pode fazer tudo quanto ele
quer.

Um dia fez o milagre de alimentar a cinco mil pessoas com


cinco pães, e imediatamente disse: Eu lhes darei o verdadeiro pão
descido do céu: meu Corpo e meu Sangue.

Os Apóstolos não podiam compreender o que faria Jesus para


poder dar seu Corpo como alimento.

Não tardariam muito em sabê-lo.

2. Na véspera de sua morte, ou seja, na Quinta-feira Santa,


depois de ter ceado Jesus com seus Apóstolos, tomou pão, orou ao
seu Pai celestial e tendo o pão nas mãos disse: Tomai e comei; isto é
meu Corpo.

Os olhos dos Apóstolos continuavam vendo pão, mas na


realidade não era pão, senão o Corpo de Jesus.
62
E Jesus deu seu Corpo pela vez primeira.

Depois tomou o cálice com vinho e disse: Tomai e bebei; isto é


meu Sangue, que será derramado por vós.

Os apóstolos beberam aquele líquido que parecia vinho, mas


que na realidade era o Sangue de Jesus.

Esta foi a primeira Comunhão que se celebrou no mundo.

Quão felizes se sentiram os apóstolos vendo Jesus e sabendo


que ao mesmo tempo o tinham dentro de seu peito em Corpo,
Sangue, Alma e Divindade!

Nada disseram; limitaram-se a orar com o Filho de Deus.

Agora compreendiam o significado das palavras de Jesus ao


dizer: Eu lhes darei meu Corpo como alimento.

63
3. Mas Jesus veio aos homens de todos os tempos e lugares e
queria dar-se a todos.

Por isso, tendo presentes todos os homens que viriam ao


mundo, deu aos Apóstolos e aos sacerdotes que lhes sucederiam o
poder de converter o pão em seu Corpo e o Vinho em seu Sangue,
acrescentando: Fazei isto em memória de Mim. Quer dizer: Fazei
sempre isto que acabo de fazer.

Durante a Missa, no momento da consagração é quando o


sacerdote converte o pão em verdadeiro Corpo de Jesus e o vinho em
seu verdadeiro Sangue. A Missa é, pois, uma reprodução daquilo que
Jesus fez na Quinta-feira Santa.

A Comunhão

Graças a esse poder conferido por Jesus aos sacerdotes, você


poderá em breve comungar ou receber seu Corpo com as aparências
de pão, ou seja, oculto em uma coisa que parece pão.

64
Então se dirá que você recebeu Nosso Senhor no sacramento
da Eucaristia.

A Comunhão é o alimento da sua alma, pois ela necessita de


alimento, assim como seu corpo.

Procure comungar com a maior frequência possível.

Jesus, que amava muito as crianças da palestina, chama hoje a


todas as crianças de todos os países do mundo e as espera cada dia
na igreja.

Unicamente pede que você o ame e se esforce para ser cada dia
melhor.

O dia que tiver que comungar procure se confessar antes e pela


manhã ir à igreja sem ter comido nem bebido (exceto água) uma hora
antes de comungar.

65
XIV. A REDENÇÃO. A MISSA

Explicação
1. Depois de ter dado seu corpo aos Apóstolos na noite da
Quinta feira Santa, Jesus se deixou prender no Horto das Oliveiras.
Ele sabia muito bem que tinha sido traído por um de seus discípulos,
o perverso Judas.
Quando se encontrava só no horto, começou a entristecer-se
pensando nos pecados pelos quais ia morrer. E foi tão grande sua
dor que suou sangue por todo o corpo. Um anjo desceu do céu para
confortá-lo.

Ao pouco tempo chegou Judas com os soldados. Os apóstolos


que estavam com Jesus, em vez de defender seu Mestre, fugiram
cheios de medo.
66
2. Jesus se deixou prender. Foi conduzido à presença dos
príncipes dos sacerdotes e declarou que era Filho de Deus. Eles o
julgaram réu de morte; mas como não podiam fazer com que Jesus
morresse sem licença do governador, na manhã de Sexta-feira o
apresentaram a Pôncio Pilatos. Este se convenceu de que Jesus era
inocente, mas para não contrariar os judeus, mandou que o
açoitassem, convertendo o corpo de Jesus numa horrível chaga.
Depois o condenou a morte.

Para zombar dele os soldados puseram-lhe um velho manto de


púrpura, colocando sobre sua cabeça uma coroa de espinhos e uma
cana nas mãos.

67
Jesus Sofreu tudo se sem queixar.
3. Colocaram logo sobre seus ombros uma cruz muito pesada e
o conduziram ao Calvário, que era um monte onde costumavam
serem justiçados os grandes criminosos.
4. Pelo caminho Jesus caiu três vezes porque estava desfalecido.
Quando chegou ao cume, os verdugos lhe arrancaram suas vestes e o
68
cravaram na cruz com grossos cravos que lhe transpassaram as mãos
e os pés. Juntamente com Jesus foram crucificados dois ladrões, um
de cada lado.

Por espaço de três horas esteve Jesus oferecendo seus


padecimentos a Deus, seu Pai, para resgatar o mundo e expiar os
pecados dos homens. Nisto consistiu o chamado mistério da
Redenção.
Antes de morrer, Jesus prometeu o Céu a um dos ladrões, que
se mostrou arrependido e deu sua Mãe a São João que estava com
Ela aos pés da cruz.
Ás três da tarde proferiu um grito e entregou sua alma a Deus,
seu Pai.
Estando já morto, um soldado lhe atravessou o coração com
uma lança.

69
Ao anoitecer daquele dia foi decido da cruz e posto em um
sepulcro.

A Missa
Você acaba de conhecer que o Bom Jesus padeceu por você no
calvário e comovido, desejaria consolá-lo.
Vou lhe indicar um meio de poder estar perto de Jesus quando
se oferece a Deus, seu Pai, por amor aos homens.
Como você já sabe muito bem, Jesus se oferece ainda todos os
dias tal como se ofereceu na cruz. Quando na missa se encontra sobre
o Altar, depois da Consagração, diz ao seu Pai: recebe meu Corpo,
recebe meu Sangue pelos pecados dos homens. Perdoa-lhes, pois sou
eu, seu Filho morto na cruz, quem lhe pede.

70
Compreende agora o que é a Missa? É a reprodução do que
Jesus fez sobre a Cruz.
Lição
Como morreu Nosso Senhor?
Nosso Senhor morreu cravado na Cruz de pés e mãos.
Em que dia Morreu?
No dia de Sexta-feira Santa.
Como se chama o mistério de Nosso Senhor padecendo e morrendo
para resgatar-nos?
Chama-se Mistério da Redenção.
Onde se oferece atualmente Nosso Senhor a Deus Pai?
Oferece-se a ele todos os dias na Santa Missa, sobre o altar.

71
Prática

Todos os dias reze em seu quarto Quando pelo caminho encontrar


uma oração diante do Crucifixo. uma Cruz, lembre que Jesus
padeceu por você.

Peça a sua mãe, para lhe explicar os quadros da Via Sacra.


72
Quando entrar numa Igreja, olhe para o altar, e pense: Ali Jesus se
oferece ao seu Pai todos os dias.
Oração:
Ato de Caridade
Meu Deus, amo-vos com todo meu coração, sobre todas as
coisas, a vós, bondade infinita e nossa eterna felicidade, e por amor
vosso, amo ao meu próximo como a mim mesmo, e perdoo as
ofensas recebidas. Senhor, fazei que eu vos ame cada dia mais.

73
XV. O TRIUNFO DE JESUS. A IGREJA.
A CONFIRMAÇÃO

Explicação:
Enquanto o Corpo de Jesus estava no sepulcro, sua Alma foi
visitar no Limbo as almas dos justos, que esperavam a Redenção.
Aquelas almas regozijaram-se muito ao saber que Jesus tinha
resgatado o mundo.

Ao amanhecer do terceiro dia se juntaram de novo o Corpo e


a Alma de Jesus que haviam permanecido unidos à Divindade, e o
Redentor levantou-se vivo do sepulcro. Os soldados que guardavam
o sepulcro ficaram aterrorizados.

74
Quando chegaram as santas mulheres, encontraram o sepulcro
vazio. Um anjo lhes anunciou que Jesus havia ressuscitado e não
tardariam em vê-lo.
De fato, Jesus apareceu a Maria Madalena e aos seus apóstolos.

2. – Em umas das aparições junto ao lago de Genezaré, Jesus


fez com que seus discípulos realizassem uma pesca milagrosa e depois
designou a São Pedro como chefe dos apóstolos e de todos os
cristãos.
Disse, além disso, aos apóstolos: Ide e instruí a todos os povos,
batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-
os a observar tudo o que os tenho ensinado, e estais certos de que eu
estarei convosco até o fim do mundo.

75
Quarenta dias depois de sua ressurreição, reuniu os apóstolos
e discípulos no monte das Oliveiras e na presença deles elevou-se aos
céus.
O dia em que se comemora a subida de Jesus aos céus se chama
o Dia da Ascenção.
Você sabe onde está Jesus, pois repete toda vez em que reza o
Credo: ‘’Está sentado à direita de Deus Pai, todo poderoso; donde
há de vir a julgar os vivos e os mortos.’’
Dez dias depois, na festa de Pentecostes, Jesus enviou a seus
apóstolos o Espírito Santo. A partir desse dia, começaram a anunciar
que Jesus era Deus. Estava, pois, fundada a Igreja, ou seja, a sociedade
dos cristãos, cujos chefes eram São Pedro e os apóstolos.
O Papa que atualmente governa a Igreja é o sucessor de São
Pedro, ao passo que os Bispos são os sucessores dos apóstolos. Os
párocos e demais sacerdotes são auxiliares dos Bispos.
76
Temos que obedecê-los como representantes de Nosso Senhor.
A confirmação:
Receberás o Espírito Santo.

Se você ainda não está confirmado, um dia o Bispo fará


imposição da sua mão sobre sua cabeça e fará descer à sua alma o
Espírito Santo.
É vontade de Jesus que o Bispo lhe confira o Sacramento da
Confirmação.
Quando tiver recebido o Espírito Santo, estará transformado
em soldado de Jesus Cristo.
O Bispo com o óleo do Santo Crisma traçará uma cruz em sua
fronte. Essa cruz será daí para frente, seu estandarte. Você pertencerá

77
de verdade a Jesus Cristo e deverá combater por Ele, à imitação dos
apóstolos.
Prática
Aqui estão as pessoas eclesiais a quem você deve amar e
obedecer e pelas quais deve orar:

O papa. O bispo. O pároco.

Todos representam o Bom Jesus.


Lição:
Em que dia ressuscitou Jesus?
Jesus ressuscitou no dia da Páscoa.
Em que dia Jesus subiu aos Céus?
Jesus subiu aos céus no dia da Ascenção.
Em que dia Jesus enviou o Espírito Santo?
Jesus enviou o Espírito Santo no dia de Pentecostes.
Quem é, atualmente, o chefe da Igreja?
78
Atualmente, o chefe da Igreja é o Papa, por ser sucessor de
Pedro.
Quem são os sucessores dos apóstolos?
Os sucessores dos apóstolos são os Bispos.
Oração
Oh, Jesus, concede a tua igreja um grande número de Bispos,
sacerdotes e missionários, para que se difunda mais e mais o
conhecimento e o amor de Deus por toda a Terra.

79
MINHAS ORAÇÕES

(†) Pelo sinal da Santa Cruz, (†) livrai-nos Deus, nosso Senhor,
(†) dos nossos inimigos! (†) Em nome do Pai, do Filho e do Espírito
Santo. Amém!
Pai Nosso
Pai Nosso, que estais no Céu, santificado seja o Vosso Nome;
Venha a nós o Vosso Reino; Seja feita a Vossa Vontade, assim na
Terra como no Céu. O Pão-Nosso de cada dia nos dai hoje; Perdoai-
nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem
ofendido, e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal.
Amém.
Ave Maria
Ave-Maria, cheia de graça! O Senhor é convosco. Bendita sois
vós entre as mulheres e bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus.
Santa Maria Mãe de Deus, rogai por nós os pecadores, agora e na
hora de nossa morte. Amém
Credo
Creio em Deus-Pai, todo poderoso, criador do céu e da terra e
em Jesus Cristo seu único filho, Nosso Senhor que foi concebido
pelo poder do Espírito Santo nasceu da Virgem Maria, padeceu sob
Pôncio Pilatos; foi crucificado, morto e sepultado, desceu a mansão
dos mortos, ressuscitou ao terceiro dia, subiu aos céus está sentado à
direita de Deus Pai, todo poderoso, de onde há de vir a julgar os vivos
e os mortos. Creio no Espírito Santo, na Santa Igreja Católica, na
80
comunhão dos Santos, na remissão dos pecados, na ressurreição da
carne e na vida eterna. Amem.
Eu pecador
Eu pecador me confesso a Deus todo poderoso a bem
aventurada sempre Virgem Maria, a todos os Santos e a Vós Padre,
que pequei muitas vezes por pensamentos e palavras atos e omissões,
por minha culpa minha tão grande culpa. E peço a sempre bem
aventurada Virgem Maria, a todos os Santos e a vós, Padre que
rogueis por mim a Deus Nosso Senhor. Amém.
Ato de fé
Deus meu, creio firmemente em todas as verdades que tens
revelado e nos ensina por meio de sua Igreja, porque não podes
enganar-se nem enganar-nos.
Ato de Esperança
Deus meu, espero de vossa bondade, por vossas promessas e
pelos méritos de Jesus Cristo, nosso Salvador, a vida eterna e as graças
necessárias para merecê-la com as boas obras, que devo e quero fazer.
Senhor, não quero ser confundido eternamente.
Ato de Caridade
Deus meu, o amo com todo meu coração, sobre todas as coisas,
a Vós, bem infinito e nossa eterna felicidade; e por Vosso amor amo
a meu próximo como a mim mesmo e perdoo as ofensas recebidas.
Senhor, faça com que eu os ame cada dia mais.

81
Ato de contrição
Senhor meu, Jesus Cristo, Deus e homem verdadeiro, Criador,
Pai e Redentor meu, por ser Vós quem sois, Bondade infinita e
porque o amo sobre todas as coisas, me pesa de todo o coração de
vossa haver ofendido. Também me pesa porque podeis castigar-me
com as penas do inferno.
Ajudado por vossa divina graça, proponho firmemente nunca
mais pecar, confessar-me e cumprir a penitência que me for imposta.
Amém.
Os mandamentos
Deus meu, te adoro e amo com todo meu coração.
Pronunciarei sempre com todo respeito teu santo nome.
Todos os domingos e demais dias festivos irei a Igreja para rezar
e ir a Missa.
Deus meu, quero amar os meus pais, e prometo obedecer-lhes.
Me comportarei bem, não ficarei com raiva, amarei aos meus
companheiros, não vou brigar com eles, não cometerei ações
impuras, não serei invejoso, nem mentiroso, nem ganancioso, nem
preguiçoso nem amigo das coisas alheias.

***
São José, rogai por nós!

82
SUMÁRIO

Apresentação ........................................................................................... 5

I. Desejo conhecer a Deus ....................................................................... 7

II. Como é Deus. O Mistério da Santíssima Trindade ........................... 11

III. As obras de Deus. Deus Criador ...................................................... 14

IV. O pecado de Adão e Eva. O Batismo ............................................... 18

V. Deus salva os homens. O mistério da Encarnação ............................ 24

VI. A vida do Menino Jesus ................................................................... 29

VII. Os mandamentos da lei de Deus. O que fazia O Menino Jesus ...... 33

VIII. Os mandamentos da lei de Deus. O que fazia o Menino Jesus ..... 39

IX. Vida Pública. O que nos ensinou Nosso Senhor ............................. 43

X. Jesus é verdadeiro Filho de Deus. Os milagres ............................... 47

XI. Céu, Inferno e Purgatório ................................................................ 51

XII. A Penitência ................................................................................... 55

XIII. Jesus está presente na Eucaristia. A Comunhão ............................ 62

XIV. A Redenção. A Missa .................................................................... 66

XV. O triunfo de Jesus. A Igreja. A Confirmação .................................. 74

Minhas Orações ..................................................................................... 80

83
84