You are on page 1of 3

PROVIMENTO N.

169/2015

Dispõe sobre as relações societárias entre sócios


patrimoniais e de serviços, e o advogado
associado, como previsto no art. 39 do
Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia e
da Ordem dos Advogados do Brasil.

O CONSELHO FEDERAL DA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL, no


uso das atribuições, que lhe são conferidas pelo artigo 54, V, da Lei n. 8.906, de 04 de julho
de 1994 - Estatuto da Advocacia e da OAB, e considerando o decidido nos autos da
Proposição n. 49.0000.2015.004722-6/COP, RESOLVE:

Art. I o Os advogados regularmente inscritos na Ordem dos Advogados do Brasil poderão


reunir-se para colaboração profissional recíproca, a fim de somar conhecimentos técnicos, em
sociedade de prestação de serviços de advocacia, sendo esta uma espécie societária sui
generis no contexto da sociedade civil.
Art. 2o A sociedade de advogados será constituída por sócios patrimoniais ou por sócios
patrimoniais e sócios de serviço, os quais não poderão pertencer a mais de uma sociedade na
mesma base territorial de cada Conselho Seccional, independentemente da quantidade de
quotas que possua cada sócio no contrato social.
§ I o A integralização das quotas patrimoniais será realizada em moeda corrente e/ou bens.
§ 2o A sociedade de advogados poderá estabelecer quotas de serviço.
§ 3o O sócio de capital não poderá possuir quotas de serviço concomitantemente.

Art. 3o Os sócios patrimoniais e de serviço terão os mesmos direitos e obrigações, exceto no


que toca à contribuição pecuniária para a constituição do capital social, que é exclusiva dos
sócios patrimoniais, bem como sua contrapartida, que é o direito a receber os respectivos
haveres no momento do desligamento da sociedade, e naquilo que de outra forma esteja
expresso no contrato social e/ou no instrumento próprio.
Parágrafo único. É assegurado a todos os sócios o direito de voto.

Art. 4° Os sócios patrimoniais e de serviço farão jus ã participação nos lucros da sociedade,
na forma prevista nos respectivos contratos sociais ou em instrumentos específicos que a
disciplinem.

Art. 5o O advogado associado, na forma do art. 39 do Regulamento Geral do Estatuto da


Advocacia e da OAB, poderá participar de uma ou mais sociedades de advogados, mantendo
sua autonomia profissional, sem subordinação ou controle de jornada e sem qualquer outro
vínculo, inclusive empregatício, firmando para tanto contrato de associação que deverá ser
averbado no Registro de Sociedades de Advogados perante o respectivo Conselho Seccional.
§ I o Havendo associação do advogado a mais de uma sociedade de advogados, o associado
deverá comunicar prévia e formalmente às sociedades contratantes os demais vínculos.
§ 2o Surgindo conflito de interesses entre o advogado associado e as sociedades de advogados
com as quais mantenha contrato associativo, o associado deverá observar os dispositivos que
rezam sobre conflito de interesses no Código de Ética e Disciplina da OAB.
i
Art. 6° Por meio do contrato de associação, de natureza civil, o advogado associado e a
sociedade de advogados coordenarão entre si o desempenho das funções profissionais e
estipularão livremente os critérios para a partilha dos resultados da atividade advocatícia
contratada.

Art. 7° O advogado associado não integrará como sócio a sociedade de advogados, não
participará dos lucros nem dos prejuízos da sociedade, mas participará dos honorários
contratados por esta corri os clientes, e/ou resultantes de sucumbência, referentes às causas e
interesses que lhe forem confiados, conjunta ou isoladamente, na forma prevista no contrato
de associação.
Parágrafo único. O contrato de associação estabelecerá livremente a forma de pagamento, que
poderá basear-se em critério de proporcionalidade ou consistir em adiantamentos parciais, ou,
ainda, honorários fixados por estimativa, para acerto final, ou por outra forma que as partes
ajustarem.

Art. 8o A atuação profissional do advogado associado não estará restrita a clientes da


sociedade com a qual mantenha vínculo associativo, podendo ele ter sua própria clientela,
desde que não haja conflito de interesses com os clientes das sociedades de advogados com as
quais mantenha contrato de associação.

Art. 9o Não será admitida a averbação do contrato de associação que contenha, em conjunto,
os elementos caracterizadores de relação de emprego.

Art. 10. Além da responsabilidade decorrente de suas relações com os clientes, prevista no art.
40 do Regulamento Geral do Estatuto da Advocacia e da OAB, os sócios patrimoniais e de
serviço, bem como os associados, responderão pelos danos causados à sociedade e aos seus
sócios.

Art. 11. Nos contratos, que deverão ser averbados, admitir-se-á cláusula de mediação,
conciliação ou arbitragem, para dirimir eventuais conflitos de interesses entre os advogados
associados e a sociedade de advogados, facultada a indicação do órgão competente do
Conselho Seccional da OAB.

Art. 12. Este Provimento entra em vigor na data da sua publicação, revogado o inciso XIV do
art. 2o do Provimento n. 112/2006-CFOAB, bem como as demais disposições em contrário,
devendo as sociedades de advogados adequar-se às suas disposições no prazo de seis meses, a
contar da sua publicação.

Brasília, 2 de ^
148 /SSN 1677-7042 Diário Oficial da União - Seção 1 N° 238, scgunda-fcira, 14 dc dezembro de 2015

" A C O R D A M os C onselheiros do C R E F IT O - 3, por u n an i­ no Registro de Sociedades dc A dvogados perante 0 respectivo C o n ­ 2 /S C A . n. 49.00 0 0.20 1 5.006985-9/SCA. n. 49.0000.2015.006986-
m idade. pela suspensão do leito cm razão do parcelamento dos dc- selho S eccional. §1® Havendo associação do advogado a m ais de um a 7 /S C A . n. 49.0000.2015.006987-5/SCA, n. 49.0000.2015.006988-
biios rcaiizado pela representada, c posterior extinção caso haja q u i­ sociedade dc advogados. 0 associado deverá co m un icar previa e for­ 3 /S C A , n. 4 9 .0 0 0 0 .2 0 15.006989* 1/S C A . n. 49.0000.2015.006990-
tação. que deverá ser info rm ada peia profissional interessada m e­ m alm en te às sociedades contratantes os dem ais vínculos. §2 ° S ur­ 7 /S C A c n. 49.0000.2015.006991 -5/SCA ). Recies: C .C .C .C .L td a ..
diante petição instruída com cc n id ã o da quiiação . N a eventualidade g indo conflito de interesses entre 0 advogado associado e as so­ C .M .L td a .. L .I.Q .L ld a ., M .N .B .C .l.L td a . c S .M .N .S .(N .A .). (A dvs:
dc n ão p agam ento de qualquer pareela. voltará a ter andam ento o ciedades de advogados com as quais m antenha contrato associativo. 0 F ábio Carraro O A B / G O 11818 c O A B /D F 21444 c O utros). R ccdo:
presente leito. Fiea designado para elaboração do acórdão o C o n ­ associado deverá observar os dispositivos que rezam sobre co n ílito de A .P .M . (A d v : A lexandre Prudente M arques O A B / G O 11705). In ­
selheiro Relator, Dr. Edson S téía n i’’. interesses no C ó d ig o dc É tica c D isc ip lin a da O A B . Art. 6 o Por meio teressados: C onselho Seccional d a O A B /G o iá s . W .N .L .R ., A .B .C .F ..
A sessão de julg am ento leve a presença dos C onselheiros Dr. do contrato de associação, de natureza c iv il, 0 adv o g ado associado e E .O .C .. F .S.N ., R .R .V .. W .M .C .. R.A .F .F .. O .M .G .. G.P.T., R .S .B .,
R cg in ald o A n io lin B onalti. Dra. O sm ari V irg in ia de M endo n ça A n ­ a sociedade dc advogados coordenarão entre si 0 desem penho das R .M .C .L .. H .D .A .F .. A .A .C .. I.Y .L .F .. F.D.B.P. e A .M .L . (A dvs: R a­
drade. Dra. A n g e la G onçalves M arx. Dr. Jo ão Paulo Fernandes F ilho. funções profissionais c estipularão livremente os critérios para a par­ m on C arm o dos Santos O A B / G O 34008. W ancssa Neves Lcssa Ro-
Dra. R egina A . Rosselto C u z z o . Dr. W ander de O liv e ira V illalb a. Dr. tilha dos resultados da atividade advo catícia contratada. Art. 7Ü O m an h ol O A B / G O 21660, A lexandre Brasilicnsc dc C arv alh o Ferreira
M ario Ccsar G uim arães B auisti. Dr. Edson Stéíani e Dra. M aria de advogado associado não integrará co m o sócio a sociedade de ad­ O A B /G O 13418, E lisa O liv e ira d c C arv alh o O A B /G O 33856. F ábio
Lourdcs Piunti. vogados. não participará dos lucros nem dos prejuízos da sociedade, Santana N ascim ento O A B /G O 26358 e O A B /S P 366254. R odrigo
mas p an ieip a rá dos honorários contratados por esta com os clientes, Resende do Vale O A B /G O 39338, W eslcy M iran d a do C anto
IID S O N S T ÉF a NI e/ou resultantes dc sucum bcncia, referentes às causas e interesses que O A B / G O 27781. R c g in a ld o A réd io Ferreira F ilh o O A B /G O 11295.
lhe forem confiados, co njunta ou isoladam ente, na fornia prevista no O tan ic! M oreira G a lv ão O A B / G O 21536, Leonardo R ibeiro Issy
contrato de associação. Parágrafo ún ico. O contrato dc associação O A B /G O 20695 e O utro . R a o n i Sales de Barros O A B / G O 29478,
Jo sé C arlos R ibeiro Issy O A B / G O 18799 c O A B /D F 38505. H enrique
ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASÍL estabelecerá livremente a form a de pagam ento, que poderá basear-se
Dup.r’e Alves Fortes O A B / G O 3 4 *0 ], AH«s^n A m rint' Chngas
em critério dc p roporcionalidade ou consistir em adiantam entos pai-
CONSELHO FEDERAL ciais. o u. ainda, honorários fixados po r estimativa, para ac eno final, O A B / G O 34253, Iv o Y am ad a Lopes Ferreira O A B / G O 33*105. F ilipe
CONSELHO PLENO ou por outra form a que as partes ajustarem. Art. Xo A atuação pro­ D enki B cicm Pacheco O A B /G O 34021 e A n dréa M acedo Lobo
O A B / G O 8013). Relator: Conselheiro Federal A n dré Luis Guim arães
fissional do advogado associado n ão estará restrita a clientes da so­
P A U T A S D E ,IL 'L< ; a M E N T O S ciedade com a qual m antenha v ín culo associativo, podendo cie ter sua G o d ín h o (B A ). 0 4- P E D JD O D E R E V IS Ã O N . 49.0000.2015.011275-
CONVOCAÇÃO 5 /S C A . Rcqte: A .D . (A dv : José A n to n io C arv alh o O A B /S P 53981).
p róp ria clientela, desde que não h aja co n flito dc interesses com os
R cqda: Segunda T urm a d a S eg unda C âm a ra do C F O A B . Interes­
clientes das sociedades de advogados com cts quais m antenha contrato
O C O N S EL H O PLEN O D O C O N S E L H O F ED E R A L DA sados: C onselho Seccional da O A B /S ã o Paulo e A .L .A . (A d v : A ris ­
dc associação. A n . 9o N ão será a dm itida a averbação do contraio de
O R D E M D O S A D V O G A D O S D O B R A S IL rcunir-sc-á em Sessão tóteles M a n in s O A B /S P 40831). Relator: C onselheiro Federal A le ­
associação que contenha, cm conjunto, os elementos caracterizadorcs
O rdin ária a ser realizada no d ia trinta e um de ja n e iro dc dois m i! e xandre C csar D antas Soccorro (R R ). 0 5 - P E D JD O D E R E V IS Ã O N .
de relação dc em prego. Art. 10. A lé m da responsabilidade decorrente
dezesseis, a partir das dezenove horas, no auditório do edificio-scdc 4 9.0000.2015.012002-6/SCA . Reqtc: E .M .S . (A dv : R icardo Costa
de suas relações com os clientes, prevista no art. 40 do R egulam ento
do Conselho Federal da O rdem dos A dvog ad os do Brasil, localizado M aguetas O A B /P R 28275). Rcqda: S egunda T urm a d a S egunda C â ­
G eral do Estatuto d a A dv ocacia c da O A B . os sócios p atrim oniais c
no Setor dc A utarquias Sul (S A U S ). Q ua dra 05. Lote 01, B loco M - m ara d o C F O A B . Interessados: C onselho Seccionai d a O A B /P ara ná,
dc serviço, bem co m o os associados, responderão pelos danos cau­
2" andar. B rasília/D F. C E P 70070-939. para, nos termos do art. 67, C .G .S .. M .P .B .Z .S ., G .G .S . e N .M .P .S . (A dv s: Juran d ir X av ier Gon-
sados à sociedade e aos seus sócios. Art. I I . N os contratos, que
IV e V. da Lei n. 8.906. de 1994. c/c art. 137-A do Regulam ento z a a a O A B /P R 7723 c O utro s). Relator: C onselheiro Federal Pclópidas
deverão ser averbados, admitir-sc-á cláusula dc m ediação, co nciliação
Geral do G A O A B . eleger a sua Diretoria para 0 Tricnio 2016/2019. Soares Neto (P E ). 0 6 - P E D ID O DE R E A B IL IT A Ç Ã O N.
o u arbitragem , para d irim ir eventuais co nflitos de interesses entre os
49.0000.2015.012110-3/SC A . Reqtc: J.A .C . (A d v : José A n to n io C ar­
advogados associados e a sociedade de advogados, facultada a in ­
O C O N SELH O PLENO D O C O N SE LH O F ED E R AL DA valho O A B /S P 53981). Rcqda: S egunda C âm a ra d o C F O A B . Relator:
dicação do órgão competente do Conselho Seccional da O A B . Art.
O R D E M D O S A D V O G A D O S D O B R A S IL reunir-se-á cm Sessão C onselheiro Federal E vcraldo Bezerra Patriota (A L ). O B S : O s pro ­
12. Este Provim ento entra cm v ig or na data da sua p u blica ção , re­
O rd in ária a ser realizad a no d ia prim eiro de fevereiro de dois m il e cessos q u e n ão forem ju lg ad o s perm anecerão n a pau ta dc ju lg am ento s
v ogado 0 inciso X IV do art. 2o do Provim ento n. 112/ 2 OO6- C F O A B ,
dezesseis, a partir das nove horas, com prosseguim ento no período das sessões seguintes, sem n ov a publica ção .
bem co m o as dem ais disposições em contrário, devendo as sociedades
vespertino, em seu p lenário, no edilTcio-sedc do C onselho Federal da dc advogados adequar-se às suas dis posições no prazo de seis meses,
O rdem dos A dvog ad os do Brasil, lo calizado no Setor dc Autarquias Brasília, 1 • de dezem bro de 2015.
a contar da sua publicação. C L Á U D IO S T Á B IL E R IB E IR O
S ul (S A U S ), Q uadra 05, L o lc 01. B loco M - .V andar. B rasília/DF.
Presidente d o Conselho
C E P 70070-939. q uando , nos termos do.s arts. 65. parágrafo ún ico , e M A R C U S Y Í N iC iU S F U R T A D O C O É L H O
67, IV. da Lei n. S.906, de 1994 c/c art. 137-B do R egu lam en to Geral Piesidenic do C o n c h o DESPACHO D O RELA T OR
do E A O A B . tom arão posse os m em bros da Diretoria e os C o n ­
E m 10 de dczo rn bm de 2015
selheiros Federais da Entidade, eleitos para 0 T riénio 2016/2019. e
JO j>[\ D A N IL O C U R R F -IA M O TA
serão ju lg ad o s os processos incluídos em pauta e os remanescentes
R E C U R S O N. 49.0000.2015.006944-5/SC A . (apensados os Recursos
das pautas d c ju lg am e nto s anteriores, ficando as panes e interessados
n. 4 9.00 0 0.20 15.006945-1 /S C A . n. 49.0000.2015.006946-0/SC A , n.
notificados. O B S : O s processos que não forem ju lg ad o s perm ane­
cerão na pam a de julgam entos das sessões seguintes, sem nov a p u ­
1J CAM ARA 4 9.00 0 0.20 15.006947-8/SCA, n. 49.0000.2015.006948-6/SC A . n.
49.000 0.20 1 5.00 6 98 1-8/SC A . n. 49.000 0.20 I5 .0 06 9 82 -6 /SC A , n.
blicação.
C O N V O C A Ç Ã O /P A U T A d e j u l g a m e n t o s 4 9 .0 0 0 0 .2 0 15.006983-4/SCA, n. 49.0000.2015.006984-2/SC A . n.
4 9.00 0 0.20 J 5.006985-9/SCA . n. 49.0000.20) 5.006986-7/SCA . n.
Brasil;:;.. 4 de dezem bro de 2015
A P R IM E IR A C Â M A R A D O C O N S E L H O F E D E R A L D A 4 9 .0 0 0 0 .2 0 15.006987-5/SCA, n. 49.0000.2015.006988-3/SC A . n.
M A R C U S V IN ÍC IU S F U R T A D O C O È L H O
O R D E M D O S A D V O G A D O S D O B R A S IL reunir-sc-á em Sessão 49.0000.2015.006989-1/S C A , n. 49.0000.2015.006990-7/SC A c n.
O rdin ária a scr realizada no dia dois dc fevereiro dc dois m il e 49.0000.2015.006991-5/SCA). Rectcs: C .C .C .C .L td a .. C .M .L td a .,
dezesseis, a partir das nove horas, em seu plenário, no edificio-sede L .I.Q .L ld a .. M .N .B .C .l.L td a . c S .M .N .S .(N .A .). (A dvs: F ábio Carraro
P R O V I M E N T O N- 169. D E 2 D E D E Z E M B R O D E 2 D I5
do C onselho Federal da O rdem dos A dv og ad os do Brasil, localizado O A B / G O I1HIH c O A B /D F 21444 e O utros). R ccd o: A .P .M . (A dv :

»! no Setor dc A utarquias S ul (S A U S ). Q ua dra 05. Lote 01. B loco M -


4° andar. B rasília/D F. C E P 70.070-939, para ju lg am e n to dos pro­
A lexandre Prudenic M arques O A B / G O 11705). Interessados: C o n ­
selho Seccional da O A B /G o iá s . W .N .L .R ., A .B .C .F ., E .O .C .. F .S.N.,
cessos rem anescentes das pautas de ju lg am ento s anteriores, ficando as R .R .V ., W .M .C ., R .A .F.F., O .M .G .. G.P.T., R .S .B .. R .M .C .L ..
p an es e os interessados notificados. O B S : O s processos que não H .D .A .F ., A .A .C .. I.Y .L.F ., F.D.B.P. c A .M .L . (A dv s: R am o n C arm o
forem julgados perm anecerão na pauta de ju lg am ento s das sessões dos Santos O A B /G O 34008. W ancssa Neves Lessa R om an h o i
seguintes, sem nova publicação. O A B /G O 21660. A lexandre B rasilicnsc dc C arv alh o Ferreira
Ml.
O A B /G O 13418, E lisa O liv e ira d c C arv alh o O A B /G O 33856. F ábio
Santana N ascim ento O A B /G O 26358 c O A B /S P 366254, R odrigo
O CO N SELH O FEDERAL DA O R D E M DOS A D V O G A ­ Resende do Vale O A B / G O 39338. W esley M iran d a do C anto
D O S D O B R A S ÍL . no uso das atribuições, q u e lhe são conícridas C L Á U D IO P E R E IR a I d E S O U Z A N E T O
O A B /G O 2 77 8 J, ReginaJdo A réd io Ferreira F iíh o O A B / G O 11295,
pelo artigo 54, V. da Lei n ° 8.906. dc 04 de ju lh o de 1994 - Estatuto O tan ic! M oreira G a lv ão O A B /G O 21536, Leonardo R ibeiro Issy
da A dv ocacia c da O A B , e considerando o decidido nos autos da O A B /G O 20695 e O utro , R a o n i Sales de Barros O A B /G O 29478.
Proposição n. 49.0000.2015.004722-6/CO P. resolve: 2a CAM ARA José C arlos R ibeiro Issy O A B /G O 18799 c O A B /D F 38505. H enrique
Art. I o O s advogados regularm ente inscritos na O rde m dos D u a n c A lv es F ones O A B /G O 34501. A lisson A raripc Chagas
A dvogados do Brasii poderão reunir-se para colaboração profissional pauta d e ju l g a m e n t o
O A B / G O 34253. Ivo Y am ada Lopes Ferreira O A B / G O 3 3 )0 5 , F ilipe
recíproca, a fim de som ar conhecim entos técnicos, cm sociedade de CONVOCAÇÃO D enki B clcm Pacheco O A B / G O 34021 c A n dréa M acedo L obo
prestação dc serviços de advocacia, sendo esta um a espécie societária O A B /G O 8013). Relator: C onselheiro Federal A n dré L uis G uim arães
sui gcncris no contexto d a sociedade c iv il. Art. 2C A sociedade de A SEGU N DA C Â M A R A DO C O N SELH O FEDERAL DA G o d in h o (B A ). D E S P A C H O : ”F1. U I . Requerem as rccorremcs a
advogados será constituída por sócios patrim oniais ou por sócios O R D E M D O S A D V O G A D O S D O B R A S IL rcunir-sc-á cm Sessão un ificação dos processos nus 49.0000.2015.006944-5,
patrim oniais e sócios dc serviço, os quais n ão poderão pertencer a O rd in á ria a ser realizada no d ia dois de fevereiro de dois m il e 49.0000.2015.006945-1, 49.000.2015.006946-0,
m ais de u m a sociedade n a m esm a base territorial dc cada Conselho dezesseis, a partir das quatorze horas, em seu p lenário, no cdificio- 49.0000.2015.006947-8, 49.0000.2015.006948-6.
Seccional, independentem ente da quantidade de quotas que possua sede do Conselho Federal da O rdem dos A dvog ad os do Brasil, lo­ 49.0000.2015.006981 -8. 4 9.00 0 0.20 15.006982-6.
cada sócio no contrato social. 5 1 ° A integralização das quotas pa­ calizado n o Setor de A utarquias Sul (S A U S ), Q uadra 05. Lote 01, 49.0000.2015.006983-4. 49.0000.2015.006984-2.
trim oniais será realizada em m oeda corrente e/ou bens. §2 ° A so­ B lo co M - 4" andar. B rasííia/D F. C E P 70.070-939, q uando serão 4 9.00 0 0.20 15.006985-9. 49.0000.2015.006986-7.
ciedade dc advogados poderá estabelecer quotas dc serv iço. >;3C O ju lg a d o s os processos incluídos cm pauta e os remanescemos das 49.0000.2015.006987-5, 49.0000.20J5.006988-3,
sócio de capital n ão poderá possuir quotas de serviços concomi- pautas de julszamcntos anteriores, ficando as partes 0 os interessados 49.0000.2015.006989-1. 49.0000.2015.006990-7 c
lanicm cm c. A n . 3° O s sócios p atrim oniais e dc serviço terão os a seauir notificados. O R D E M DO D IA : O l- R E C U R S O N. 49.0000.2015.006991-5. autuados neste C on se lh o F e d e ral apensados
m esm os direitos c obrigações, exceto no que toca à contribuição 4 9.00 0 0.20 1 5.00 3 26 1-3/SC A. Rectc: A .M .H . (A dv : A ic ife M oh am ad os respectivos processos disciplinares, atendendo-se aos prin cíp ios da
pecuniária para a constituição do capital social, que é exclusiva dos H ajj O A B / M S 2447). Rccdos: D espacho dc lis. 205 do Presidente da eco n om ia processual e dev ido processo legal, po r conterem o m esm o
sócios p atrim oniais, bem co m o sua contrapartida, que c 0 direito a Segunda C âm ara. C onselho Seccional da O A B /M a io Grosso do S ul e objeto c derivarem , rigorosam ente, dos m esm os fatos. C o m razão.
receber os respectivos haveres no m om en to d o desligam ento da so­ J.C .S .R . (A dv : Jú lio César Souza R odrigues O A B /M S 4869). Relator: Todos os processos disciplinares, detalhadam ente relatados ãs fis.
cie dade. e n aq uilo que de outra form a esteja expresso no contrato C onselheiro Federal R odrigo Borges Fom an (A L ). R edistribuído: 88/95. pelo Conselheiro Federal José N orbcrio Lopes C am p eio, tem
social e/ou instrumento próprio. Parágrafo ún ico. É assegurado a C onselheira Federal Valéria Lauandc C arv alh o Costa (M A ). 02-RE- por objeto a suspeição do Conselheiro Estadual A lexandre Prudente
todos os sócios 0 direito dc voto. A n . 4 ° O s sócios p atrim oniais e de C U R S O N . 49.0000.2015.005 339-0/SC A . Rectc: A .O .R . (A dv : A n nic M arques. R elator das representações form alizadas em face dos ad ­
serviço larão ju s à participação nos lucros da sociedade, na fornia O z g a R icardo O A B /P R 3 I79 X ). Recdo: L.F.T.S. {Adv. Assist: A d ria­ vogados ora recorridos, representações essas que, po r sua vez, se
prevista nos respectivos contratos sociais ou em instrumentos es­ no Q uo st O A B /P R 59612). Interessado: Conselho Seccional da originaram dos m esm os fatos. A ssim , determ ino o apcnsam cnio dos
pecíficos que a disciplinem . Art. 5a O advogado associado, na lo n n a O A B /P ara ná. Relator: Conselheiro Federal A lexandre M antovani processos a c im a declinados aos presentes autos, passando a tram iiar
do art. 39 do R egulam ento Geral do Estatuto d a A dv ocacia c da (M S ). 0 3 - R E C U R S O N. 49.0000.2015.006944-5/SC A . (apensados os com esta num eração: Recurso n. 49.0000.2015.006944-5/SC A , a par­
O A B , poderá p articipar dc unia ou m ais sociedades de advogados, Recursos n. 4 9.0000.2015.0 06 9 45 - i/S C A . n. 49.0000.2015.006946- tir dc então. N otiliquc-sc os interessados c. após, retornem-me os
m antendo sua au to n om ia profissional, sem subordinação ou controle 0 /S C A . n. 49.0000.2015.006947-8/SCA. n. 49.0000.2015.006948- autos."
de jo rn ad a e sem qualq uer outro vín culo, inclusive cm prcgaticio. 6 /S C A . n. 49.0000.2015.00698] -8/SC A , n. 49.0000.2015.006982-
firm ando para tanto contrato de associação que deverá scr averbado 6 /S C A . n. 4 9.0000.2015.006983-4/SC A . n. 49.0000.2015.006984- A N D R É L U IS G U IM A R Ã E S G O D IN H O

Este docum ento pode ser verificado n I endereço eletrônico h up://www.in.gov.br/auiemicidade.hiJvil. D ocum ento assinado dig italm cn tc conform e M P n- 2.200-2 de 24/08/2001, que in stitui a
pelo código 000 1 20 1 5 121400 i 48 Infraestrutura dc Chaves Públicas B rasileira - ICP-Brasíl.