Sie sind auf Seite 1von 105

Colégio Padre Machado

Índice

Um Recado.........................................................................................................pág. 3

Algumas Constantes............................................................................................pág 5

Mecânica..............................................................................................................pág 7

Eletricidade........................................................................................................pág 37

Magnetismo......................................................................................................pág. 51

Ondas...............................................................................................................pág. 67

Óptica...............................................................................................................pág. 79

Termodinâmica.................................................................................................pág. 89

Física Moderna...............................................................................................pág. 103

Física apostila de revisão - UFMG 1


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 2


Colégio Padre Machado

Oi Pessoas,

Esta é nossa apostila para revisão de fim de ano. Espero sinceramente que seja útil
e prazerosa para vocês.

Antes de começarmos, algumas observações.


Esse ano optei por utilizar apenas questões da UFMG. Os conteúdos a serem revistos
foram classificados segundo algumas das grandes áreas da física, mas essa classificação é
apenas uma aproximação. Não é possível separar a física em áreas totalmente independentes.
Quando falamos de magnetismo, estamos falando de forças, que estudamos em mecânica;
quando falamos de óptica, estamos nos referindo a ondas (oscilações e ondas), formadas por
campos elétricos e magnéticos (eletromagnetismo) em movimento (cinemática). Assim foi
realizada uma separação só para facilitar um pouco a vida, mas saibam que é tudo uma só e a
mesma coisa: a ciência que explica o nosso mundo.

Ao estudar, alguns cuidados:


1o) NÃO ENTREM EM PÂNICO. Se houver algo que vocês não sabem nem
compreendem, que bom! Significa que vocês são pessoas normais.
2o) Não tentem fazer tudo de uma vez! Lembrem-se de intercalar disciplinas e
conteúdos, reservando um tempinho (mas não demais) pra momentos de
lazer.
3o) Sejam metódicos ao resolver problemas. antes de começar a escrever,
identifiquem os conhecimentos que serão necessários, as variáveis presentes e
ausentes, e as fórmulas úteis (quando necessário).

Essa apostila não contém gabarito nem formulários. O Gabarito a gente vai
construindo durante as aulas, e os formulários vocês construirão na cabeça de vocês.
Espero que se divirtam...

Bom estudo

Felippe

Física apostila de revisão - UFMG 3


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 4


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 5


Colégio Padre Machado

Mecânica

TEXTO PARA AS PRÓXIMAS 2 QUESTÕES.

(Ufmg 2005) Tomás está parado sobre a plataforma de um brinquedo, que gira com velocidade angular

constante. Ele segura um barbante, que tem uma pedra presa na outra extremidade. A linha tracejada

representa a trajetória da pedra, vista de cima, como mostrado na figura.

1. Observando essa situação, Júlia e Marina chegaram a estas conclusões:

- Júlia: "O movimento de Tomás é acelerado".

- Marina: "A componente horizontal da força que o piso faz sobre Tomás aponta para o centro da

plataforma".

Considerando-se essas duas conclusões, é CORRETO afirmar que

a) as duas estão erradas.

b) apenas a de Júlia está certa.

c) as duas estão certas.

d) apenas a de Marina está certa.

2. Quando Tomás passa pelo ponto P, indicado na figura, a pedra se solta do barbante. Assinale a

alternativa em que melhor se representa a trajetória descrita pela pedra, logo após se soltar, quando vista

de cima.

Física apostila de revisão - UFMG 6


Colégio Padre Machado

3. (Ufmg 97) Na última Olimpíada, o vencedor da prova dos 100 m rasos foi o canadense Donovan Bailey

e o da maratona (42,2 km) foi o sul-africano Josia Thugwane.

Os valores mais próximos para as velocidades médias desses atletas são, respectivamente,

a) 1,0 m/s e 0,5 m/s.

b) 10 m/s e 0,5 m/s.

c) 10 m/s e 5,0 m/s.

d) 50 m/s e 5,0 m/s.

4. (Ufmg 2000) Júlia está andando de bicicleta, com velocidade constante, quando deixa cair uma moeda.

Tomás está parado na rua e vê a moeda cair.

Considere desprezível a resistência do ar.

Assinale a alternativa em que melhor estão representadas as trajetórias da moeda, como observadas por

Júlia e por Tomás.

5. (Ufmg 94) Uma pessoa parte de um ponto P, vai até um ponto Q e volta ao ponto P, deslocando-se em

linha reta com movimento aproximadamente uniforme.

O gráfico posição x em função do tempo t que melhor representa esse movimento é

Física apostila de revisão - UFMG 7


Colégio Padre Machado
6. (Ufmg 95) Marcelo Negrão, numa partida de vôlei, deu uma cortada na qual a bola partiu com uma

velocidade de 126km/h (35m/s). Sua mão golpeou a bola a 3,0m de altura, sobre a rede, e ela tocou o chão

do adversário a 4,0m da base da rede, como mostra a figura. Nessa situação pode-se considerar, com boa

aproximação, que o movimento da bola é retilíneo e uniforme.

Considerando essa aproximação, pode-se afirmar que o tempo decorrido entre o golpe do jogador e o toque

da bola no chão é de

a) 1,7 s

b) 2/63 s

c) 3/35 s

d) 4/35 se) 5/126 s

7. (Ufmg 2003) Um pequeno bote, que navega a uma velocidade de 2,0 m/s em relação à margem de um

rio, é alcançado por um navio, de 50 m de comprimento, que se move paralelamente a ele, no mesmo

sentido, como mostrado nesta figura:

Esse navio demora 20 segundos para ultrapassar o bote. Ambos movem-se com velocidades constantes.

Nessas condições, a velocidade do navio em relação à margem do rio é de, aproximadamente,

a) 0,50 m/s.

b) 2,0 m/s.

c) 2,5 m/s.

d) 4,5 m/s.

Física apostila de revisão - UFMG 8


Colégio Padre Machado
8. (Ufmg 94) Este diagrama representa a velocidade de uma partícula que se desloca sobre uma reta em

função do tempo.

O deslocamento da partícula, no intervalo de 0 a 10,0 s, foi

a) 20m. b) 10m. c) 0m. d) -10m. e) -20m.

9. (Ufmg 94) A figura a seguir representa uma nave espacial que se desloca numa região do espaço onde

as forças gravitacionais são desprezíveis. A nave desloca-se de X para Y, em linha reta, com velocidade

constante. No ponto Y, um motor lateral da nave é acionado, exercendo sobre ela uma força constante,

perpendicular à sua trajetória inicial. Depois de um certo intervalo de tempo, quando a nave se encontra em

Z, o motor é desligado.

O diagrama que melhor representa a trajetória da nave entre os pontos Y e Z é

10. (Ufmg 95) O gráfico a seguir mostra como varia a posição em função do tempo para um carro que se

desloca em linha reta.

No tempo t=60s, a velocidade do carro é

a) 5,0m/s b) 7,0m/s c) 10m/s d) 12m/s e) 15m/s

Física apostila de revisão - UFMG 9


Colégio Padre Machado
11. (Ufmg 97) Uma bola desliza inicialmente sobre um plano inclinado (trecho 1), depois, sobre um plano

horizontal (trecho 2) e, finalmente, cai livremente (trecho 3) como mostra a figura.

Desconsidere as forças de atrito durante todo o movimento.

Considere os módulos das acelerações da bola nos trechos 1, 2 e 3 como sendo a•, a‚ e aƒ

respectivamente.

Sobre os módulos dessas acelerações nos três trechos do movimento da bola, pode-se afirmar que

a) a• < a‚ < aƒ . b) a• < aƒ e a‚ = 0 .

c) a• = a‚ e aƒ = 0 . d) a• = aƒ e a‚ = 0 .

12. (Ufmg 95) Uma criança arremessa uma bola, verticalmente, para cima. Desprezando-se a resistência do

ar, o gráfico que melhor representa a altura h da bola, em função do tempo t, é:

13. (Ufmg 95) Uma criança arremessa uma bola, verticalmente, para cima. Desprezando-se a resistência do

ar, o gráfico que representa corretamente a velocidade v da bola, em função do tempo t, é:

Física apostila de revisão - UFMG 10


Colégio Padre Machado
14. (Ufmg 99) Uma pessoa lança uma bola verticalmente para cima. Sejam v o módulo da velocidade e a o

módulo da aceleração da bola no ponto mais alto de sua trajetória.

Assim sendo, é correto afirmar que, nesse ponto,

a) v = 0 e a · 0. c) v = 0 e a = 0. b) v · 0 e a · 0. d) v · 0 e a = 0.

15. (Ufmg 2000) A figura mostra dois blocos de mesma massa, inicialmente à mesma altura. Esses blocos

são arremessados para cima, com velocidade de mesmo módulo.

O bloco I é lançado verticalmente e o bloco II é lançado ao longo de um plano inclinado sem atrito. As setas

indicam o sentido do movimento.

A altura máxima atingida pelo bloco I é H• e o tempo gasto para atingir essa altura é t•. O bloco II atinge a

altura máxima H‚ em um tempo t‚.Considere a resistência do ar desprezível.Com base nessas informações,

é CORRETO afirmar que

a) H• = H‚ e t• = t‚. b) H• = H‚ e t• < t‚.

c) H• · H‚ e t• = t‚. d) H• · H‚ e t• < t‚.

16. (Ufmg 2002) Observe esta figura:

Daniel está andando de skate em uma pista horizontal.

No instante t•, ele lança uma bola, que, do seu ponto de vista, sobe verticalmente. A bola sobe alguns

metros e cai, enquanto Daniel continua a se mover em trajetória retilínea, com velocidade constante. No

instante t‚, a bola retorna à mesma altura de que foi lançada.

Despreze os efeitos da resistência do ar.

Assim sendo, no instante t‚, o ponto em que a bola estará, MAIS provavelmente, é

a) K. b) L.

c) M. d) qualquer um, dependendo do módulo da

velocidade de lançamento.

Física apostila de revisão - UFMG 11


Colégio Padre Machado
17. (Ufmg 94) A figura a seguir representa três bolas, A,B e C, que estão presas entre si por cordas de 1,0m

de comprimento cada uma. As bolas giram com movimento circular uniforme, sobre um plano horizontal

sem atrito, mantendo as cordas esticadas. A massa de cada bola é igual a 0,5kg, e a velocidade da bola C é

de 9,0m/s.

A alternativa que indica como se relacionam as velocidades tangenciais vÛ, v½ e vÝ das bolas A, B e C e

seus respectivos períodos TÛ, T½ e TÝ é

a) vÛ < v½ < vÝ ; TÛ = T½ = TÝ . b) vÛ = v½ = vÝ ; TÛ = T½= TÝ .

c) vÛ > v½ > vÝ ; TÛ = T½ = TÝ . d) vÛ = v½ = vÝ ; TÛ > T½ > TÝ .

e) vÛ = v½ = vÝ ; TÛ < T½ < TÝ .

18. (Ufmg 97) A figura mostra três engrenagens, E•, E‚ e Eƒ , fixas pelos seus centros, e de raios, R• ,R‚ e

Rƒ, respectivamente. A relação entre os raios é R•=Rƒ< R‚. A engrenagem da esquerda (E•) gira no sentido

horário com período T•.

Sendo T‚ e Tƒ os períodos de E‚ e Eƒ, respectivamente, pode-se afirmar que as engrenagens vão girar de

tal maneira que

a) T• = T‚ = Tƒ, com Eƒ girando em sentido contrário a E•.

b) T• = Tƒ · T‚, com Eƒ girando em sentido contrário a E•.

c) T• = T‚ = Tƒ, com Eƒ girando no mesmo sentido que E•.

d) T• = Tƒ · T‚, com Eƒ girando no mesmo sentido que E•.

19. (Ufmg 97) Um barco tenta atravessar um rio com 1,0 km de largura. A correnteza do rio é paralela às

margens e tem velocidade de 4,0 km/h. A velocidade do barco, em relação à água, é de 3,0km/h

perpendicularmente às margens.

Nessas condições, pode-se afirmar que o barco

a) atravessará o rio em 12 minutos. b) atravessará o rio em 15 minutos.

c) atravessará o rio em 20 minutos. d) nunca atravessará o rio.

Física apostila de revisão - UFMG 12


Colégio Padre Machado
20. (Ufmg 2001) Um menino flutua em uma bóia que está se movimentando, levada pela correnteza de um

rio. Uma outra bóia, que flutua no mesmo rio a uma certa distância do menino, também está descendo com

a correnteza. A posição das duas bóias e o sentido da correnteza estão indicados nesta figura:

Considere que a velocidade da correnteza é a mesma em todos os pontos do rio.

Nesse caso, para alcançar a segunda bóia, o menino deve nadar na direção indicada pela linha

a) K. b) L. c) M. d) N.

21. (Ufmg 97) Uma bola rola sobre a superfície de uma mesa até cair de sua extremidade com uma certa

velocidade.

Na figura adiante a alternativa que melhor representa a trajetória da bola é

22. (Ufmg 98) Um corpo A é lançado horizontalmente de uma determinada altura. No mesmo instante, um

outro corpo B é solto em queda livre, a partir do repouso, dessa mesma altura, como mostra a figura.

Sejam vÛ e v½ os módulos das velocidades dos corpos A e B, respectivamente, imediatamente antes de

tocarem o chão e tÛ e t½ os tempos despendidos por cada corpo nesse percurso. Despreze os efeitos da

resistência do ar.Nessas condições, pode-se afirmar que

a) vÛ = v½ e tÛ > t½. b) vÛ = v½ e tÛ = t½. c) vÛ > v½ e tÛ > t½. d) vÛ > v½ e tÛ = t½.

Física apostila de revisão - UFMG 13


Colégio Padre Machado
23. (Ufmg 2006) Clarissa chuta, em seqüência, três bolas - P, Q e R -, cujas trajetórias estão representadas

nesta figura:

Sejam t(P), t(Q) e t(R) os tempos gastos, respectivamente, pelas bolas P, Q e R, desde o momento do chute

até o instante em que atingem o solo.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) t(Q) > t(P) = t(R) b) t(R) > t(Q) = t(P) c) t(Q) > t(R) > t(P) d) t(R) > t(Q) > t(P)

24. (Ufmg 98) Este gráfico, velocidade versus tempo, representa o movimento de um automóvel ao longo

de uma estrada reta.

A distância percorrida pelo automóvel nos primeiros 12s é

a) 24 m. b) 2,0 m. c) 288 m. d) 144 m.

25. (Ufmg 2002) Em uma corrida de Fórmula 1, o piloto Miguel Sapateiro passa, com seu carro, pela linha

de chegada e avança em linha reta, mantendo velocidade constante.

Antes do fim da reta, porém, acaba a gasolina do carro, que diminui a velocidade progressivamente, até

parar.

Considere que, no instante inicial, t=0, o carro passa pela linha de chegada, onde x=0.

Assinale a alternativa cujo gráfico da posição x em função do tempo t MELHOR representa o movimento

desse carro.

Física apostila de revisão - UFMG 14


Colégio Padre Machado
26. (Ufmg 2003) Em um laboratório de Física, Agostinho realiza o experimento representado,

esquematicamente, na figura a seguir.

Agostinho segura o bloco K sobre uma mesa sem atrito. Esse bloco está ligado por um fio a um outro bloco,

L, que está sustentado por esse fio.

Em um certo momento, Agostinho solta o bloco K e os blocos começam a se movimentar. O bloco L atinge

o solo antes que o bloco K chegue à extremidade da mesa.

Despreze as forças de atrito.

Assinale a alternativa cujo gráfico MELHOR descreve a velocidade do bloco K em função do tempo, desde o

instante em que é solto até chegar próximo à extremidade da mesa.

27. (Ufmg 2005) Um carro está andando ao longo de uma estrada reta e plana. Sua posição em função do

tempo está representada neste gráfico:

Sejam vÛ, v½ e vÝ os módulos das velocidades do carro, respectivamente, nos pontos A, B e C, indicados

nesse gráfico. Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) v½ < vÛ < vÝ .

b) vÛ < vÝ < v½ .

c) v½ < vÝ < vÛ .

d) vÛ < v½ < vÝ .

Física apostila de revisão - UFMG 15


Colégio Padre Machado
28. (Ufmg 94) Uma nave espacial se movimenta numa região do espaço onde as forças gravitacionais são

desprezíveis. A nave desloca-se de X para Y com velocidade constante e em linha reta. No ponto Y, um

motor lateral da nave é acionado e exerce sobre ela uma força constante, perpendicular à sua trajetória

inicial. Depois de um certo intervalo de tempo, ao ser atingida a posição Z, o motor é desligado.

O diagrama que melhor representa a trajetória da nave, APÓS o motor ser desligado em Z, é

29. (Ufmg 94) Este gráfico aceleração em função do tempo refere-se ao movimento de um corpo, cuja

massa é de 10kg, que parte do repouso e desloca-se em linha reta.

a) Usando o quadriculado ao lado do gráfico, DESENHE o gráfico velocidade em função do tempo para

esse movimento.

b) DETERMINE a distância percorrida pelo corpo, de t=0 até t=15s.

c) DETERMINE o módulo da força resultante que atua no corpo, nos intervalos de 0 a 5s e de 5s a 15s.

30. (Ufmg 94) A figura a seguir representa três bolas, A, B e C, que estão presas entre si por cordas de

1,0m de comprimento cada uma. As bolas giram com movimento circular uniforme, sobre um plano

horizontal sem atrito, mantendo as cordas esticadas. A massa de cada bola é igual a 0,5kg, e a velocidade

da bola C é de 9,0m/s.

A relação entre as tensões nas cordas 1, 2 e 3, representadas por F•, F‚ e Fƒ, respectivamente, é

a) Fƒ > F‚ > F•. b) Fƒ = F‚ = F•. c) Fƒ < F‚ < F•. d) Fƒ = F‚ e Fƒ > F•. e) F‚ = F• e F‚ > Fƒ.

Física apostila de revisão - UFMG 16


Colégio Padre Machado
31. (Ufmg 94) Uma pessoa entra no elevador e aperta o botão para subir. Seja P o módulo do peso da

pessoa, e N o módulo da força que o elevador faz sobre ela.

Pode-se afirmar que, quando o elevador começa a subir,

a) P aumenta, e N não se modifica.

b) P não se modifica, e N aumenta.

c) P e N aumentam.

d) P e N não se modificam.e) P e N diminuem.

32. (Ufmg 94) A velocidade de um satélite artificial, numa órbita circular de raio 1,0x10¨m, é de 6,3x10¤m/s.

A aceleração da gravidade, em qualquer ponto dessa órbita, é igual a

a) zero. b) 0,16 m/s£. c) 0,25 m/s£. d) 4,0 m/s£. e) 6,3 m/s£.

33. (Ufmg 97) Um paraquedista, alguns minutos após saltar do avião, abre seu paraquedas. As forças que

atuam sobre o conjunto paraquedista / equipamentos são, então, o seu peso e a força de resistência do ar.

Essa força é proporcional à velocidade.

Desprezando-se qualquer interferência de ventos, pode-se afirmar que,

a) a partir de um certo momento, o paraquedista descerá com velocidade constante.

b) antes de chegar ao chão, o paraquedista poderá atingir velocidade nula.

c) durante toda a queda, a força resultante sobre o conjunto será vertical para baixo.

d) durante toda a queda, o peso do conjunto é menor do que a força de resistência do ar.

34. (Ufmg 97) Uma pessoa entra num elevador carregando uma caixa pendura por um barbante frágil,

como mostra a figura. O elevador sai do 6° andar e só pára no térreo.

É correto afirmar que o barbante poderá arrebentar

a) no momento em que o elevador entra em movimento, no 6° andar.

b) no momento em que o elevador parar no térreo.

c) quando o elevador estiver em movimento, entre o 5° e o 2° andares.

d) somente numa situação em que o elevador estiver subindo.

Física apostila de revisão - UFMG 17


Colégio Padre Machado
35. (Ufmg 2002) Dois ímãs, presos nas extremidades de dois fios finos, estão em equilíbrio, alinhados

verticalmente, como mostrado nesta figura:

Nessas condições, o módulo da tensão no fio que está preso no ímã de cima é

a) igual ao módulo da tensão no fio de baixo.

b) igual ao módulo do peso desse ímã.

c) maior que o módulo do peso desse ímã.

d) menor que o módulo da tensão no fio de baixo.

36. (Ufmg 94) Dois blocos M e N, colocados um sobre o outro, estão se movendo para a direita com

velocidade constante, sobre uma superfície horizontal sem atrito.

Desprezando-se a resistência do ar, o diagrama que melhor representa as forças que atuam sobre o corpo

37. (Ufmg 95) A figura 1 a seguir mostra um bloco que está sendo pressionado contra uma parede vertical

com força horizontal ù e que desliza para baixo com velocidade constante. O diagrama que melhor

representa as forças que atuam nesse bloco é:

Física apostila de revisão - UFMG 18


Colégio Padre Machado
38. (Ufmg 95) Quando um carro se desloca numa estrada horizontal, seu peso P (vetorial) é anulado pela

reação normal N (vetorial) exercida pela estrada. Quando esse carro passa no alto de uma lombada, sem

perder o contato com a pista, como mostra a figura, seu peso será representado por P' (vetorial) e a reação

normal da pista sobre ele por N' (vetorial).

Com relação aos módulos destas forças, pode-se afirmar que

a) P' < P e N' = N. b) P' < P e N' > N. c) P' = P e N' < N. d) P' = P e N' > N. e) P' > P e N' < N.

39. (Ufmg 95) A Terra atrai um pacote de arroz com uma força de 49N.

Pode-se, então, afirmar que o pacote de arroz

a) atrai a Terra com uma força de 49N. b) atrai a Terra com uma força menor do que 49N.

c) não exerce força nenhuma sobre a Terra. d) repele a Terra com uma força de 49N.

e) repele a Terra com uma força menor do que 49N.

40. (Ufmg 2006) José aperta uma tachinha entre os dedos, como mostrado nesta figura:

A cabeça da tachinha está apoiada no polegar e a ponta, no indicador. Sejam F(i) o módulo da força e p(i) a

pressão que a tachinha faz sobre o dedo indicador de José. Sobre o polegar, essas grandezas são,

respectivamente, F(p) e p(p). Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) F(i) > F(p) e p(i) = p(p). b) F(i) = F(p) e p(i) = p(p).

c) F(i) > F(p) e p(i) > p(p). d) F(i) = F(p) e p(i) > p(p).

41. (Ufmg 95) Um homem empurra um caixote para a direita, com velocidade constante, sobre uma

superfície horizontal, como mostra a figura a seguir.

Desprezando-se a resistência do ar, o diagrama que melhor representa as forças que atuam no caixote é:

Física apostila de revisão - UFMG 19


Colégio Padre Machado
42. (Ufmg 98) Dois blocos iguais estão conectados por um fio de massa

desprezível, como mostra a figura.

A força máxima que o fio suporta sem se arrebentar é de 70N.

Em relação à situação apresentada, assinale a alternativa correta.

a) O maior valor para o peso de cada bloco que o fio pode suportar é 35N.

b) O fio não arrebenta porque as forças se anulam.

c) O maior valor para o peso de cada bloco que o fio suporta é de 140 N.

d) O maior valor para o peso de cada bloco que o fio pode suportar é 70 N.

43. (Ufmg 99) Na figura, dois ímãs iguais, em forma de anel, são atravessados por um bastão que está

preso em uma base. O bastão e a base são de madeira. Considere que os ímãs se encontram em equilíbrio

e que o atrito entre eles e o bastão é desprezível.

Nessas condições, o módulo da força que a base exerce sobre o ímã de baixo é

a) igual ao peso desse ímã. b) nulo.

c) igual a duas vezes o peso desse ímã. d) maior que o peso desse ímã e menor que o dobro

do seu peso.

44. (Ufmg 99) As figuras mostram uma pessoa erguendo um bloco até uma altura h em três situações

distintas.

Na situação I, o bloco é erguido verticalmente; na II, é arrastado sobre um plano inclinado; e, na III, é

elevado utilizando-se uma roldana fixa. Considere que o bloco se move com velocidade constante e que

são desprezíveis a massa da corda e qualquer tipo de atrito. Considerando-se as três situações descritas, a

força que a pessoa faz é

a) igual ao peso do bloco em II e maior que o peso do bloco em I e III.

b) igual ao peso do bloco em I , II e III.

c) igual ao peso do bloco em I e menor que o peso do bloco em II e III.

d) igual ao peso do bloco em I e III e menor que o peso do bloco em II.

Física apostila de revisão - UFMG 20


Colégio Padre Machado
45. (Ufmg 97) A figura mostra uma bola descendo uma rampa. Ao longo da rampa, estão dispostos cinca

cronômetros, C•, C‚, ....C…, igualmente espaçados.

Todos os cronômetros são acionados,

simultaneamente (t= 0), quando a bola começa a

descer a rampa partindo do topo. Cada um dos

cronômetros pára quando a bola passa em frente a

ele. Desse modo, obtêm-se os tempos que a bola

gastou para chegar em frente de cada cronômetro.

A alternativa que melhor representa as marcações

dos cronômetros em um eixo de tempo é

46. (Ufmg 2006) Marcos e Valério puxam, cada um, uma mala de

mesma massa até uma altura h, com velocidade constante, como

representado nestas figuras:

Marcos puxa sua mala verticalmente, enquanto Valério arrasta a sua

sobre uma rampa. Ambos gastam o mesmo tempo nessa operação.

Despreze as massas das cordas e qualquer tipo de atrito.

Sejam P(M) e P(V) as potências e T(M) e T(V) os trabalhos realizados por, respectivamente, Marcos e

Valério.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) T(M) = T(V) e P(M) = P(V). b) T(M) > T(V) e P(M) > P(V).

c) T(M) = T(V) e P(M) > P(V). d) T(M) > T(V) e P(M) = P(V).

47. (Ufmg 94) Um bloco é lançado no ponto A, sobre uma superfície horizontal com atrito, e desloca-se

para C.

O diagrama que melhor representa as forças que atuam sobre o bloco, quando esse bloco está passando

pelo ponto B, é

Física apostila de revisão - UFMG 21


Colégio Padre Machado
48. (Ufmg 94) Nessa figura, está representado um bloco de 2,0kg sendo

pressionado contra a parede por uma força ù. O coeficiente de atrito estático

entre esses corpos vale 0,5, e o cinético vale 0,3. Considere g=10m/s£.

Se F = 50N, então a reação normal e a força de atrito que atuam sobre o

bloco valem, respectivamente,

a) 20N e 6,0N. b) 20N e 10N. c) 50N e 20N. d) 50N e 25N. e) 70N e 35N.

49. (Ufmg 94) Nessa figura, está representado um bloco de 2,0kg sendo

pressionado contra a parede por uma força ù. O coeficiente de atrito estático

entre esses corpos vale 0,5, e o cinético vale 0,3. Considere g=10m/s£.

A força mínima F que pode ser aplicada ao bloco para que ele não deslize na

parede é

a) 10N. b) 20N. c) 30N. d) 40N. e) 50N.

50. (Ufmg 94) Observe o desenho.

Esse desenho representa um trecho de uma montanha russa. Um carrinho

passa pelo ponto P e não cai.

Pode-se afirmar que, no ponto P,

a) a força centrífuga que atua no carrinho o empurra sempre para a frente.

b) a força centrípeta que atua no carrinho equilibra o seu peso.

c) a força centrípeta que atua no carrinho mantém sua trajetória circular.

d) a soma das forças que o trilho faz sobre o carrinho equilibra seu peso.e) o peso do carrinho é nulo nesse

ponto.

51. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra um carro fazendo uma curva

horizontal plana, de raio R=50m, em uma estrada asfaltada. O módulo da

velocidade do carro é constante e suficientemente baixo para que se

possa desprezar a resistência do ar sobre ele.

1- Cite as forças que atuam sobre o carro e desenhe, na figura, vetores

indicando a direção e o sentido de cada uma dessas forças.

2- Supondo valores numéricos razoáveis para as grandezas envolvidas, determine a velocidade que o carro

pode ter nessa curva.

3- O carro poderia ter uma velocidade maior nessa curva se ela fosse inclinada. Indique, nesse caso, se

parte externa da curva, ponto A, deve ser mais alta ou mais baixa que a parte interna, ponto B. Justifique

sua resposta.

Física apostila de revisão - UFMG 22


Colégio Padre Machado
52. (Ufmg 2000) Um circuito, onde são disputadas corridas de automóveis, é composto de dois trechos

retilíneos e dois trechos em forma de semicírculos, como mostrado na figura.

Um automóvel está percorrendo o circuito no sentido anti-horário, com velocidade de módulo constante.

Quando o automóvel passa pelo ponto P, a força resultante que atua nele está no sentido de P para

a) K. b) L. c) M. d) N.

53. (Ufmg 2001) Durante uma apresentação da Esquadrilha da Fumaça, um dos aviões descreve a

trajetória circular representada nesta figura:

Ao passar pelo ponto MAIS baixo da trajetória, a força que o assento do avião exerce sobre o piloto é

a) igual ao peso do piloto. b) maior que o peso do piloto.

c) menor que o peso do piloto. d) nula.

54. (Ufmg 2004) Daniel está brincando com um carrinho, que corre por uma pista composta de dois trechos

retilíneos - P e R - e dois trechos em forma de semicírculos - Q e S -, como representado nesta figura:

O carrinho passa pelos trechos P e Q mantendo o módulo de sua velocidade constante. Em seguida, ele

passa pelos trechos R e S aumentando sua velocidade.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que a resultante das forças sobre o carrinho

a) é nula no trecho Q e não é nula no trecho R.

b) é nula no trecho P e não é nula no trecho Q.

c) é nula nos trechos P e Q.

d) não é nula em nenhum dos trechos marcados.

Física apostila de revisão - UFMG 23


Colégio Padre Machado
55. (Ufmg 2001) Uma jogadora de basquete arremessa uma bola tentando atingir a cesta. Parte da

trajetória seguida pela bola está representada na figura.

Considerando a resistência do ar, assinale a alternativa cujo diagrama MELHOR representa as forças que

atuam sobre a bola no ponto P dessa trajetória.

56. (Ufmg 2002) Durante uma brincadeira, Bárbara arremessa uma bola de vôlei verticalmente para cima,

como mostrado na figura.

Assinale a alternativa cujo diagrama MELHOR representa a(s) força(s) que atua(m) na bola no ponto MAIS

alto de sua trajetória.

57. (Ufmg 2003) Para chegar ao segundo andar de sua escola, André pode subir por uma escada ou por

uma rampa. Se subir pela escada, com velocidade constante, ele demora 10s; no entanto, se for pela

rampa, com a mesma velocidade, leva 15s.

Sejam W(E) o trabalho realizado e P(E) a potência média desenvolvida por André para ir ao segundo andar

pela escada. Indo pela rampa, esses valores são, respectivamente, W(R) e P(R).

Despreze perdas de energia por atrito.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) W(E) · W(R) e P(E) < P(R).

b) W(E) · W(R) e P(E) > P(R).

c) W(E) = W(R) e P(E) < P(R).

d) W(E) = W(R) e P(E) > P(R).

Física apostila de revisão - UFMG 24


Colégio Padre Machado
58. (Ufmg 95) Um esquiador de massa m=70kg parte do repouso no ponto P e desce pela rampa mostrada

na figura. Suponha que as perdas de energia por atrito são desprezíveis e considere g=10m/s£.

A energia cinética e a velocidade do esquiador quando ele passa pelo ponto Q, que está 5,0m abaixo do

ponto P, são respectivamente,

a) 50 J e 15m/s. b) 350 J e 5,0m/s. c) 700 J e 10m/s.

d) 3,5×10¤ J e 10m/s. e) 3,5×10¤ J e 20m/s.

59. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra um bloco, encostado em uma mola comprimida, no momento em que

é abandonado a partir do repouso. Quando passa pelo ponto P, o bloco se desprende da mola e sobe a

rampa, considerada sem atrito, atingindo o repouso no ponto R. Considere a energia potencial nula na linha

tracejada mostrada na figura. No ponto R, a energia mecânica do bloco vale 30J.

Os valores da energia potencial gravitacional e da energia cinética do bloco, no ponto P, são

respectivamente,

a) 10 J e 10 J b) 10 J e 20 J

c) 15 J e 15 J d) 20 J e 10 J

e) 20 J e 20 J

60. (Ufmg 97) Atira-se uma bola, verticalmente, para cima. A bola sobe e desce, caindo no mesmo ponto de

onde foi lançada.Desprezando-se o atrito com o ar, pode-se dizer que

a) a energia cinética da bola é 1/4 da energia cinética inicial quando ela, na subida, atinge a metade da

altura máxima.

b) a energia cinética da bola é a mesma, tanto na subida quanto na descida, quando ela estiver na metade

da altura máxima.

c) a energia cinética da bola é máxima quando ela atinge o ponto mais alto de sua trajetória.

d) a energia potencial da bola é máxima no ponto de partida.

Física apostila de revisão - UFMG 25


Colégio Padre Machado
61. (Ufmg 97) A figura representa um escorregador, onde uma criança escorrega sem impulso inicial. Se ela

sair da posição P•, ultrapassa a posição X; se sair de P‚, pára em X e, se sair de Pƒ, não chega a X.

Com relação a esta situação, pode-se afirmar que a energia potencial da criança,

a) em P‚, é igual à sua energia potencial em X .

b) em Pƒ, é igual à sua energia potencial em X .

c) em Pƒ, é maior do que em X .

d) em P•, é igual à soma de suas energias potencial e cinética em X .

62. (Ufmg 98) Uma atleta de massa m está saltando em uma cama elástica. Ao abandonar a cama com

velocidade v³, ela atingirá uma altura h.Considere que a energia potencial gravitacional é nula no nível da

cama e despreze a resistência do ar.A figura mostra o momento em que a atleta passa, subindo, pela

metade da altura h.

Nessa posição, a energia mecânica da atleta é

a) (mgh)/2 + (mv³£)/2 b) (mgh)/2 c) (mv³£)/2 d) mgh + (mv³£)/2

63. (Ufmg 99) As figuras mostram uma pessoa erguendo um bloco até uma altura h em três situações

distintas.

Na situação I, o bloco é erguido verticalmente; na II, é arrastado sobre um plano inclinado; e, na III, é

elevado utilizando-se uma roldana fixa.Considere que o bloco se move com velocidade constante e que são

desprezíveis a massa da corda e qualquer tipo de atrito.Comparando-se as três situações descritas, é

correto afirmar que o trabalho realizado pela pessoa é

a) maior em II. b) o mesmo em I , II e III. c) maior em I. d) menor em II.

Física apostila de revisão - UFMG 26


Colégio Padre Machado
64. (Ufmg 2001) Na figura, está representado o perfil de uma montanha coberta de neve.

Um trenó, solto no ponto K com velocidade nula, passa

pelos pontos L e M e chega, com velocidade nula, ao ponto

N. A altura da montanha no ponto M é menor que a altura

em K. Os pontos L e N estão em uma mesma altura.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) a energia mecânica em K é igual à energia mecânica em M.

b) a energia cinética em L é igual à energia potencial gravitacional em K.

c) a energia potencial gravitacional em L é maior que a energia potencial gravitacional em N.

d) a energia mecânica em M é menor que a energia mecânica em L.

65. (Ufmg 2003) Em um laboratório de Física, Agostinho realiza o experimento representado,

esquematicamente, na figura adiante.

Agostinho segura o bloco K sobre uma mesa sem atrito. Esse

bloco está ligado por um fio a um outro bloco, L, que está

sustentado por esse fio.

Em um certo momento, Agostinho solta o bloco K e os blocos começam a se movimentar. O bloco L atinge

o solo antes que o bloco K chegue à extremidade da mesa. Despreze as forças de atrito. Os blocos K e L

são idênticos e cada um tem massa m. A altura da mesa é H e o bloco L, inicialmente, está a uma altura h

do solo. A aceleração da gravidade é g. Nessas condições, imediatamente ANTES de o bloco L atingir o

solo, a energia cinética do conjunto dos dois blocos é

a) mg (H-h). b) mgh. c) mgH. d) mg (H+h).

66. (Ufmg 2004) Rita está esquiando numa montanha dos Andes. A energia cinética dela em função do

tempo, durante parte do trajeto, está representada neste gráfico:

Os pontos Q e R, indicados nesse gráfico, correspondem a dois

instantes diferentes do movimento de Rita. Despreze todas as

formas de atrito. Com base nessas informações, é CORRETO

afirmar que Rita atinge

a) velocidade máxima em Q e altura mínima em R.

b) velocidade máxima em R e altura máxima em Q.

c) velocidade máxima em Q e altura máxima em R.

d) velocidade máxima em R e altura mínima em Q.

Física apostila de revisão - UFMG 27


Colégio Padre Machado
67. (Ufmg 2005) Daniel e André, seu irmão, estão parados em um tobogã, nas posições mostradas nesta

figura:

Daniel tem o dobro do peso de André e a altura em que

ele está, em relação ao solo, corresponde à metade da

altura em que está seu irmão. Em um certo instante, os

dois começam a escorregar pelo tobogã. Despreze as

forças de atrito.

É CORRETO afirmar que, nessa situação, ao atingirem o nível do solo, André e Daniel terão

a) energias cinéticas diferentes e módulos de velocidade diferentes.

b) energias cinéticas iguais e módulos de velocidade iguais.

c) energias cinéticas diferentes e módulos de velocidade iguais.

d) energias cinéticas iguais e módulos de velocidade diferentes.

68. (Ufmg 95) Um bloco de massa 0,20kg desce deslizando sobre a superfície mostrada na figura a seguir.

No ponto A, a 60cm acima do plano horizontal EBC, o bloco tem uma velocidade de 2,0m/s e, ao passar

pelo ponto B, sua velocidade é de 3,0m/s. Considere g=10m/s£.

1- Mostre, usando idéias relacionadas ao conceito de energia, que, entre os pontos A e B, existe atrito entre

o bloco e a superfície.

2- Determine o trabalho realizado pela força de atrito que atua no bloco entre os pontos A e B.

3- Determine o valor do coeficiente de atrito entre a superfície horizontal e o bloco, sabendo-se que ele

chega ao repouso no ponto C, distante 90cm de B.

69. (Ufmg 2004) Da janela de seu apartamento, Marina lança uma bola verticalmente para cima, como

mostra a figura adiante. Despreze a resistência do ar. Assinale a alternativa cujo gráfico melhor representa a

velocidade da bola em função do tempo, a partir do instante em que ela foi lançada.

Física apostila de revisão - UFMG 28


Colégio Padre Machado
70. (Ufmg 2000) As figuras mostram um mesmo tijolo, de dimensões 5cm×10cm×20cm, apoiado sobre uma

mesa de três maneiras diferentes. Em cada situação, a face do tijolo que está em contato com a mesa é

diferente.

As pressões exercidas pelo tijolo sobre a mesa nas situações I, II e III são, respectivamente, p•, p‚ e pƒ.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) p• = p‚ = pƒ. b) p• < p‚ < pƒ. c) p• < p‚ > pƒ. d) p• > p‚ > pƒ.

71. (Ufmg 95) Um certo volume de água é colocado num tubo em U, aberto nas extremidades. Num dos

ramos do tubo, adiciona-se um líquido de densidade menor do que a da água o qual não se mistura com

ela.

Após o equilíbrio, a posição dos dois líquidos no tubo está corretamente representada pela figura:

72. (Ufmg 97) Um sistema hidráulico tem três êmbolos móveis, L, M e N com áreas A, 2A e 3A, como

mostra a figura.

Quantidade diferentes de blocos são colocadas sobre cada êmbolo. Todos os blocos têm o mesmo peso.

Para que, em equilíbrio, os êmbolos continuem na mesma altura, o número de blocos colocados sobre os

êmbolos L, M e N podem ser, respectivamente,

a) 1, 2 e 3. b) 1, 4 e 9. c) 3, 2 e 1. d) 9, 4 e 1.

Física apostila de revisão - UFMG 29


Colégio Padre Machado
73. (Ufmg 97) A figura mostra três vasos V•, V‚ e Vƒ cujas bases têm a mesma área. Os vasos estão cheios

de líquidos Ø•, Ø‚ e ؃ até uma mesma altura. As pressões no fundo dos vasos são P•, P‚ e Pƒ,

respectivamente.

Com relação a essa situação, é correto afirmar que

a) P• = P‚ = Pƒ somente se os líquidos Ø•, Ø‚ e ؃ forem idênticos.

b) P• = P‚ = Pƒ quaisquer que sejam os líquidos Ø•, Ø‚ e ؃ .

c) P• > P‚ > Pƒ somente se os líquidos Ø•, Ø‚ e ؃ forem idênticos.

d) P• > P‚ > Pƒ quaisquer que sejam os líquidos Ø•, Ø‚ e ؃.

74. (Ufmg 99) A figura mostra um tubo em U, aberto nas duas extremidades. Esse tubo contém dois

líquidos que não se misturam e que têm densidades diferentes.

Sejam pÛ e p½ as pressões e dÛ e d½ as densidades dos líquidos nos pontos A e B, respectivamente. Esses

pontos estão no mesmo nível, como indicado pela linha tracejada.

Nessas condições, é correto afirmar que

a) pÛ = p½ e dÛ > d½. b) pÛ · p½ e dÛ > d½. c) pÛ = p½ e dÛ < d½. d) pÛ · p½ e dÛ < d½.

75. (Ufmg 99) Um mergulhador, em um lago, solta uma bolha de ar de volume V a 5,0m de profundidade. A

bolha sobe até a superfície, onde a pressão é a pressão atmosférica.Considere que a temperatura da bolha

permanece constante e que a pressão aumenta cerca de 1,0atm a cada 10m de profundidade.Nesse caso,

o valor do volume da bolha na superfície é, APROXIMADAMENTE,

a) 0,67 V b) 2,0 V c) 0,50 V d) 1,5 V

76. (Ufmg 94) VERIFIQUE a exatidão ou falsidade da afirmativa em maiúsculo e APRESENTE de forma

resumida, mas clara e completa, seus argumentos e cálculos. Considere g=10m/s£.

Um bloco de ferro (densidade igual a 7,5g/cm¤), cujo volume é de 12cm¤, está totalmente mergulhado em

água, suspenso por um dinamômetro (balança de mola). NESSA SITUAÇÃO, O DINAMÔMETRO DEVE

INDICAR 0,78N.

Física apostila de revisão - UFMG 30


Colégio Padre Machado
77. (Ufmg 94) VERIFIQUE a exatidão ou falsidade da afirmativa em maiúsculo e APRESENTE de forma

resumida, mas clara e completa, seus argumentos e cálculos. Considere g=10m/s£.

Em uma estrada reta e horizontal, o limite de velocidade é de 80km/h. A marca no asfalto, feita pelos pneus

de um carro sob a ação dos freios, tem um comprimento de 90m. O coeficiente de atrito entre os pneus e o

asfalto vale 0,5. NESSA SITUAÇÃO, O MOTORISTA DEVE SER MULTADO POR EXCESSO DE

VELOCIDADE.

78. (Ufmg 94) Observe a figura.

O líquido contido no recipiente nessa figura tem um volume V' =

4,0 litros, e sua massa é m'=6,0kg. Uma esfera maciça, de

massa m, volume V e densidade d, é abandonada no interior do

líquido, na posição indicada na figura.

Indique a alternativa que fornece valores para d, m ou V, em

que a esfera afundará, ao ser abandonada.

a) d = 0,50 gramas/cm¤ e m = 400 gramas. b) m = 150 gramas e V = 200 cm¤.

c) d = 1,0 gramas/cm¤ e V = 1000 cm¤. d) d = 2,5 gramas/cm¤ e V = 1,5 cm¤.

e) m = 1500 gramas e V = 1000 cm¤.

79. (Ufmg 95) Puxar uma âncora de navio é relativamente fácil enquanto ela está dentro da água, mas isso

se torna mais difícil quando ela sai da água. Em relação a esse fato, a afirmativa CORRETA é

a) A força necessária para içar a âncora dentro da água é igual à diferença entre seu peso e o empuxo que

atua sobre ela.

b) o empuxo da água sobre a âncora anula o seu peso.

c) o empuxo da água sobre a âncora é maior do que seu peso.

d) o material da âncora torna-se menos denso ao ser colocado dentro das água.

e) o peso da âncora é menor quando ela se encontra dentro da água.

80. (Ufmg 98) A figura mostra um copo com água no qual foram colocadas uma rolha de cortiça e uma

moeda.

Sejam Pr e Pm os módulos dos pesos e Er e Em os módulos dos empuxos que atuam na rolha e na moeda,

respectivamente.Nessas condições, pode-se afirmar que

a) Er = Pr e Em = Pm. b) Er = Pr e Em < Pm. c) Er > Pr e Em = Pm. d) Er > Pr e Em < Pm.

Física apostila de revisão - UFMG 31


Colégio Padre Machado
81. (Ufmg 2000) A figura I mostra uma vasilha, cheia de água até a borda, sobre uma balança. Nessa

situação, a balança registra um peso P•.Um objeto de peso P‚ é colocado nessa vasilha e flutua, ficando

parcialmente submerso, como mostra a figura II. Um volume de água igual ao volume da parte submersa do

objeto cai para fora da vasilha.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que, na figura II, a leitura da balança é

a) igual a P• . b) igual a P• + P‚.

c) maior que P• e menor que P• + P‚. d) menor que P•.

82. (Ufmg 2001) Na figura, estão representadas duas esferas, I e II, de mesmo raio, feitas de materiais

diferentes e imersas em um recipiente contendo água. As esferas são mantidas nas posições indicadas por

meio de fios que estão tensionados.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que o empuxo

a) é igual à tensão no fio para as duas esferas.

b) é maior na esfera de maior massa.

c) é maior que o peso na esfera I.

d) é maior que o peso na esfera II.

83. (Ufmg 2004) Ana lança três caixas - I, II e III -, de mesma massa, dentro de um poço com água. Elas

ficam em equilíbrio nas posições indicadas nesta figura:

Sejam E(I), E(II) e E(III) os módulos dos empuxos sobre, respectivamente, as caixas I, II e III.Com base

nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) E(I) > E(II) > E(III). b) E(I) < E(II) = E(III). c) E(I) = E(II) = E(III). d) E(I) > E(II) = E(III).

Física apostila de revisão - UFMG 32


Colégio Padre Machado
84. (Ufmg 2005) De uma plataforma com um

guindaste, faz-se descer, lentamente e com

velocidade constante, um bloco cilíndrico de

concreto para dentro da água. Na Figura I, está

representado o bloco, ainda fora da água, em um

instante t• e, na Figura II, o mesmo bloco, em um

instante t‚ posterior, quando já está dentro da

água.

Assinale a alternativa cujo gráfico melhor

representa a tensão no cabo do guindaste em

função do tempo.

85. (Ufmg 97) A figura mostra duas cargas positivas, Q e QÖ, de massas desprezíveis, colocadas sobre os

braços de mesmo comprimento de uma balança nas distâncias indicadas. A balança está em uma região

onde existe um campo elétrico uniforme û na direção mostrada.

Para que a balança fique em equilíbrio na horizontal, pode-se afirmar que o valor de QÖ será igual a

a) Q/3. b) Q. c) 3Q. d) 9Q.

86. (Ufmg 97) A figura mostra um brinquedo, comum em parques de diversão, que consiste de uma barra

que pode balançar em torno de seu centro. Uma criança de peso P• senta-se na extremidade da barra a

uma distância X do centro de apoio. Uma segunda criança de peso P‚ senta-se do lado oposto a uma

distância X/2 do centro.

para que a barra fique em equilíbrio na horizontal, a relação entre os pesos das crianças deve ser

a) P‚ = P•/2 . b) P‚ = P• . c) P‚ = 2P• . d) P‚ = 4P• .

Física apostila de revisão - UFMG 33


Colégio Padre Machado
87. (Ufmg 2003) Para carregar quatro baldes idênticos, Nivaldo pendura-os em uma barra, como mostrado

na figura adiante. Essa barra é homogênea e possui suportes para os baldes, igualmente espaçados entre

si, representados, na figura pelos pontos escuros. Para manter uma barra em equilíbrio, na horizontal,

Nivaldo a apóia, pelo ponto médio, no ombro. Nivaldo, então, removeu um dos baldes e rearranja os demais

de forma a manter a barra em equilíbrio, na horizontal, ainda apoiada pelo seu ponto médio.

Assinale a alternativa que apresenta um arranjo POSSÍVEL para manter os baldes em equilíbrio nessa nova

situação.

88. (Ufmg 2005) Gabriel está na ponta de um trampolim, que está fixo em duas estacas - 1 e 2 -, como

representado nesta figura:

Sejam ù• e ù‚ as forças que as estacas 1 e 2 fazem, respectivamente, no trampolim.Com base nessas

informações, é CORRETO afirmar que essas forças estão na direção vertical e

a) têm sentido contrário, ù• para cima e ù‚ para baixo.

b) ambas têm o sentido para baixo.

c) têm sentido contrário, ù• para baixo e ù‚ para cima.

d) ambas têm o sentido para cima.

89. (Ufmg 94) Suponha que a massa da lua seja reduzida à metade do seu valor real, sem variar o seu

volume. Suponha, ainda, que ela continue na mesma órbita em torno da terra.Nessas condições o período

de revolução da lua, T(lua), em torno da terra, e a aceleração da gravidade na lua, g(lua), ficariam

a) T(lua) aumentado e g(lua) aumentada. b) T(lua) diminuído e g(lua) diminuída.

c) T(lua) inalterado e g(lua) aumentada. d) T(lua) inalterado e g(lua) diminuída.

e) T(lua) inalterado e g(lua) inalterada.

Física apostila de revisão - UFMG 34


Colégio Padre Machado
90. (Ufmg 95) A figura mostra dois satélites artificiais, A e B, que estão em órbitas circulares de mesmo raio,

em torno da Terra.

A massa do satélite A é maior do que a do satélite B. Com relação ao módulo das velocidades, vÛ e v½, e

aos períodos de rotação, TÛ e T½, pode-se afirmar que

a) vÛ < v½ e TÛ = T½ b) vÛ < v½ e TÛ > T½

c) vÛ = v½ e TÛ = T½ d) vÛ = v½ e TÛ > T½

e) vÛ > v½ e TÛ > T½

91. (Ufmg 95) A figura a seguir representa a órbita elíptica de um cometa em trono do sol.

Com relação aos módulos das velocidades desse cometa nos pontos I e J, v‹ e vŒ, e aos módulos das

acelerações nesses mesmos pontos, a‹ e aŒ, pode-se afirmar que

a) v‹ < vŒ e a‹ < aŒ b) v‹ < vŒe a‹ > aŒ

c) v‹ = vŒ e a‹ = aŒ d) v‹ > vŒ e a‹ < ao

e) v‹ > vŒ e a‹ > aŒ

92. (Ufmg 95) O quadro a seguir mostra dados astronômicos de Ganimedes e Io, dois satélites de Júpiter.

1- Com base nos dados fornecidos, calcule o período de translação T• de Io em torno de Júpiter.

2- Io tem aproximadamente o mesmo diâmetro da Lua. Com base nessa informação, é possível afirmar que

a aceleração da gravidade na superfície da Lua e na superfície de Io têm, aproximadamente, o mesmo

valor? Explique sua resposta.

Física apostila de revisão - UFMG 35


Colégio Padre Machado
93. (Ufmg 97) Após receber um impulso inicial, um foguete se afasta da superfície da Terra com seus

motores desligados. Desconsidere a resistência do ar.

O gráfico, dentre os apresentados na figura adiante, que melhor representa o módulo da aceleração do

foguete em função da distância à Terra, após o desligamento dos motores, é

94. (Ufmg 2002) O Pequeno Príncipe, do livro de mesmo nome, de Antoine de Saint-Exupéry, vive em um

asteróide pouco maior que esse personagem, que tem a altura de uma criança terrestre.Em certo ponto

desse asteróide, existe uma rosa, como ilustrado nesta figura:

Após observar essa figura, Júlia formula as seguintes hipóteses:

I) O Pequeno Príncipe não pode ficar de pé ao lado da rosa, porque o módulo da força gravitacional

é menor que o módulo do peso do personagem.

II) Se a massa desse asteróide for igual à da Terra, uma pedra solta pelo Pequeno Príncipe chegará

ao solo antes de uma que é solta na Terra, da mesma altura.

Analisando-se essas hipóteses, pode-se concluir que

a) apenas a I está correta. b) apenas a II está correta.

c) as duas estão corretas. d) nenhuma das duas está correta.

95. (Ufmg 2006) O movimento de translação da Terra deve-se, principalmente, à interação gravitacional

entre esse planeta e o Sol.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que o módulo da aceleração da Terra em sua órbita

em torno do Sol é proporcional

a) à distância entre a Terra e o Sol. b) à massa da Terra.

c) ao produto da massa da Terra pela massa do Sol. d) à massa do Sol.

Física apostila de revisão - UFMG 36


Colégio Padre Machado

Eletricidade

96. (Ufmg 2005) Em uma aula, o Prof. Antônio apresenta uma montagem com dois anéis dependurados,

como representado na figura.

Um dos anéis é de plástico - material isolante - e o outro é de cobre - material condutor.

Inicialmente, o Prof. Antônio aproxima um bastão eletricamente carregado, primeiro, do anel de plástico e,

depois, do anel de cobre.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) os dois anéis se aproximam do bastão.

b) o anel de plástico não se movimenta e o de cobre se afasta do bastão.

c) os dois anéis se afastam do bastão.

d) o anel de plástico não se movimenta e o de cobre se aproxima do bastão.

97. (Ufmg 97) Atrita-se um bastão com lã de modo que ele adquire carga positiva. Aproxima-se então o

bastão de uma esfera metálica com o objetivo de induzir nela uma separação de cargas. Essa situação é

mostrada na figura.

Pode-se então afirmar que o campo elétrico no interior da esfera é

a) diferente de zero, horizontal, com sentido da direita para a esquerda.

b) diferente de zero, horizontal, com sentido da esquerda para a direita.

c) nulo apenas no centro.

d) nulo em todos os lugares.

Física apostila de revisão - UFMG 37


Colégio Padre Machado
98. (Ufmg 2001) Duas esferas metálicas idênticas - uma carregada com carga elétrica negativa e a outra

eletricamente descarregada - estão montadas sobre suportes isolantes.Na situação inicial, mostrada na

figura I, as esferas estão separadas uma da outra. Em seguida, as esferas são colocadas em contato, como

se vê na figura II. As esferas são, então, afastadas uma da outra, como mostrado na figura III.

Considerando-se as situações representadas nas figuras I e III, é CORRETO afirmar que,

a) em I, as esferas se repelem e, em III, elas se atraem.

b) em I, as esferas se atraem e em III, elas se repelem.

c) em III, não há força entre as esferas.

d) em I, não há força entre as esferas.

99. (Ufmg 2003) Aproximando-se um pente de um pedacinho de papel, observa-se que não há força entre

eles. No entanto, ao se passar o pente no cabelo, e em seguida, aproximá-lo do pedacinho de papel, este

será atraído pelo pente.Sejam F(pente) e F(papel) os módulos das forças eletrostáticas que atuam,

respectivamente, sobre o pente e sobre o papel.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) o pente e o papel têm cargas de sinais opostos e F(pente)=F(papel).

b) o pente e o papel têm cargas de sinais opostos e F(pente)>F(papel).

c) o pente está eletricamente carregado, o papel está eletricamente neutro e F(pente)=F(papel).

d) o pente está eletricamente carregado, o papel está eletricamente neutro e F(pente)>F(papel).

100. (Ufmg 94) Observe a figura que representa uma triângulo eqüilátero.

Nesse triângulo, três cargas elétricas puntuais de mesmo valor absoluto estão nos seus vértices.

O vetor que melhor representa a força elétrica resultante sobre a carga do vértice 1 é

Física apostila de revisão - UFMG 38


Colégio Padre Machado
101. (Ufmg 98) Um professor mostra uma situação em que duas esferas metálicas idênticas estão

suspensas por fios isolantes. As esferas se aproximam uma da outra, como indicado na figura.

Três estudantes fizeram os seguintes comentários sobre essa situação.

Cecília - uma esfera tem carga positiva, e a outra está neutra;

Heloísa - uma esfera tem carga negativa, e a outra tem carga positiva;

Rodrigo - uma esfera tem carga negativa, e a outra está neutra.

Assinale a alternativa correta.

a) Apenas Heloísa fez um comentário pertinente.

b) Apenas Cecília e Rodrigo fizeram comentários pertinentes.

c) Todos os estudantes fizeram comentários pertinentes.

d) Apenas Heloísa e Rodrigo fizeram comentários pertinentes.

102. (Ufmg 2001) Duas cargas elétricas idênticas estão fixas, separadas por uma distância L. Em um

certo instante, uma das cargas é solta e fica livre para se mover. Considerando essas informações, assinale

a alternativa cujo gráfico MELHOR representa o módulo da força elétrica F, que atua sobre a carga que se

move, em função da distância d entre as cargas, a partir do instante em que a carga é solta.

103. (Ufmg 2006) Duas pequenas esferas isolantes - I e II -, eletricamente carregadas com cargas de

sinais contrários, estão fixas nas posições representadas nesta figura:

A carga da esfera I é positiva e seu módulo é maior que o da esfera II.

Guilherme posiciona uma carga pontual positiva, de peso desprezível, ao longo da linha que une essas

duas esferas, de forma que ela fique em equilíbrio.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que o ponto que melhor representa a posição de

equilíbrio da carga pontual, na situação descrita, é o

a) R. b) P. c) S. d) Q.

Física apostila de revisão - UFMG 39


Colégio Padre Machado
104. (Ufmg 95) Um ponto P está situado à mesma distância de duas cargas, uma positiva e outra

negativa, de mesmo módulo.

A opção que representa corretamente a direção e o sentido do campo elétrico criado por essas cargas, no

ponto P, é:

105. (Ufmg 97) Um professor apresenta a figura adiante aos seus alunos e pede que eles digam o que

ela representa.

Andréa diz que a figura pode representar as linhas de campo elétrico de duas cargas elétricas

idênticas;Beatriz diz que a figura pode representar as linhas de campo elétrico de duas cargas elétricas de

sinais contrários;Carlos diz que figura pode representar as linhas de indução magnética de dois pólos

magnéticos idênticos;Daniel diz que a figura pode representar as linhas de indução magnética de dois pólos

magnéticos contrários.Os alunos que responderam corretamente são

a) Andréa e Carlos. b) Andréa e Daniel. c) Beatriz e Carlos. d) Beatriz e Daniel.

106. (Ufmg 2000) A figura mostra duas esferas carregadas com cargas de mesmo módulo e de sinais

contrários, mantidas fixas em pontos eqüidistantes do ponto O.

Considerando essa situação, é CORRETO afirmar que o campo elétrico produzido pelas duas cargas

a) não pode ser nulo em nenhum dos pontos marcados.

b) pode ser nulo em todos os pontos da linha XY.

c) pode ser nulo nos pontos P e Q.

d) pode ser nulo somente no ponto O.

Física apostila de revisão - UFMG 40


Colégio Padre Machado
107. (Ufmg 94) Observe a figura.

Nessa figura, duas placas paralelas estão carregadas com cargas de mesmo valor absoluto e de sinais

contrários. Um elétron penetra entre essas placas com velocidade « paralela às placas. Considerando que

APENAS o campo elétrico atua sobre o elétron, a sua trajetória entre as placas será

a) um arco de circunferência.

c) uma reta inclinada em relação às placas.

d) uma reta paralela às placas

b) um arco de parábola.

e) uma reta perpendicular às placas.

108. (Ufmg 97) A figura mostra, esquematicamente, as partes principais de uma impressora a jato de

tinta. Durante o processo de impressão, um campo elétrico é aplicado nas placas defletoras de modo a

desviar as gotas eletrizadas. Dessa maneira as gotas incidem exatamente no lugar programado da folha de

papel onde se formará, por exemplo, parte de uma letra.

Considere que as gotas são eletrizadas negativamente. Para que elas atinjam o ponto P da figura, o vetor

campo elétrico entre as placas defletoras é melhor representado por

Física apostila de revisão - UFMG 41


Colégio Padre Machado
109. (Ufmg 99) Na figura, um elétron desloca-se na direção x, com velocidade inicial ¬³. Entre os pontos

x• e x‚, existe um campo elétrico uniforme, cujas linhas de força também estão representadas na figura.

Despreze o peso do elétron nessa situação.

Considerando a situação descrita, assinale a alternativa cujo gráfico melhor descreve o módulo da

velocidade do elétron em função de sua posição x.

110. (Ufmg 2004) Em um experimento, o Professor Ladeira observa o movimento de uma gota de óleo,

eletricamente carregada, entre duas placas metálicas paralelas, posicionadas horizontalmente. A placa

superior tem carga positiva e a inferior, negativa, como representado nesta figura:

Considere que o campo elétrico entre as placas é uniforme e que a gota está apenas sob a ação desse

campo e da gravidade.Para um certo valor do campo elétrico, o Professor Ladeira observa que a gota cai

com velocidade constante.Com base nessa situação, é CORRETO afirmar que a carga da gota é

a) negativa e a resultante das forças sobre a gota não é nula.

b) positiva e a resultante das forças sobre a gota é nula.

c) negativa e a resultante das forças sobre a gota é nula.

d) positiva e a resultante das forças sobre a gota não é nula.

Física apostila de revisão - UFMG 42


Colégio Padre Machado
111. (Ufmg 94) Duas placas metálicas paralelas Q e P, isoladas, são eletrizadas com uma carga de

1,0x10-¨C, uma negativamente, e a outra, positivamente. A diferença de potencial entre elas vale 100V.

A) DETERMINE a energia elétrica armazenada nas placas.

B) Considere que um resistor de 50² é usado para ligar uma placa à outra. À medida que as placas se

descarregam, a intensidade da corrente elétrica no resistor aumenta, diminui, ou não se altera?

JUSTIFIQUE sua resposta.

C) DETERMINE a quantidade total de calor liberado no resistor durante o processo de descarga das placas.

112. (Ufmg 95) Estes circuitos representam uma pilha ligada a duas lâmpadas e uma chave interruptora.

A alternativa que apresenta o(s) circuito(s) em que a ação da chave apaga ou acende as duas lâmpadas,

simultaneamente, é

a) I. b) II. c) III. d) I e II. e) I e III.

113. (Ufmg 2000) As figuras mostram uma mesma lâmpada em duas situações diferentes: em I, a

lâmpada é ligada a uma única pilha de 1,5 V; em II, ela é ligada a duas pilhas de 1,5 V cada, associadas em

série.

Na situação I, a corrente elétrica na lâmpada é i• e a diferença de potencial é V•. Na situação II, esses

valores são, respectivamente, i‚ e V‚.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) i• = i‚ e V• = V‚. b) i• = i‚ e V• < V‚. c) i• · i‚ e V• = V‚. d) i• · i‚ e V• < V‚.

Física apostila de revisão - UFMG 43


Colégio Padre Machado
114. (Ufmg 95) O gráfico a seguir mostra como varia a tensão elétrica em um resistor mantido a uma

temperatura constante em função da corrente elétrica que passa por esse resistor.

Com base nas informações contidas no gráfico, é correto afirmar que

a) a corrente elétrica no resistor é diretamente proporcional à tensão elétrica.

b) a resistência elétrica do resistor aumenta quando a corrente elétrica aumenta.

c) a resistência do resistor tem o mesmo valor qualquer que seja a tensão elétrica.

d) dobrando-se a corrente elétrica através do resistor, a potência elétrica consumida quadruplica.

e) o resistor é feito de um material que obedece a Lei de Ohm.

115. (Ufmg 97) Uma lâmpada fluorescente contém em seu interior um gás que se ioniza após a aplicação

de alta tensão entre seus terminais. Após a ionização, uma

corrente elétrica é estabelecida e os íons negativos deslocam-se

com uma taxa de 1,0x10¢© íons/segundo para o pólo A. Os íons

positivos se deslocam, com a mesma taxa, para o pólo B.

Sabendo-se que a carga de cada íon positivo é de 1,6x10-¢ªC,

pode-se dizer que a corrente elétrica na lâmpada será

a) 0,16 A . b) 0,32 A . c) 1,0 x 10¢© A . d) nula .

116. (Ufmg 99) A figura mostra um cabo telefônico. Formado por dois fios, esse cabo tem comprimento

de 5,00km.

Constatou-se que, em algum ponto ao longo do comprimento desse cabo, os fios fizeram contato elétrico

entre si, ocasionando um curto-circuito. Para descobrir o ponto que causa o curto-circuito, um técnico mede

as resistências entre as extremidades P e Q, encontrando 20,0², e entre as extremidades R e S,

encontrando 80,0².Com base nesses dados, é CORRETO afirmar que a distância das extremidades PQ

até o ponto que causa o curto-circuito é de

a) 1,25 km. b) 4,00 km. c) 1,00 km. d) 3,75 km.

Física apostila de revisão - UFMG 44


Colégio Padre Machado
117. (Ufmg 2000) Existem várias propriedades físicas que variam com a temperatura.Assinale a

alternativa que apresenta uma propriedade física que NÃO varia com a temperatura.

a) A massa de mercúrio dentro de um termômetro

b) A pressão dentro de um botijão de gás

c) A resistência elétrica de um material condutor

d) O comprimento de uma barra metálica

118. (Ufmg 95) Neste circuito existem duas lâmpadas iguais, indicadas por L, ligadas a uma pilha ”, a um

amperímetro A, a um voltímetro V e a uma chave C inicialmente aberta. Considere os medidores ideais e

despreze a resistência interna da pilha.

Fechando-se a chave C, as leituras dos medidores irão apresentar, em relação a seus valores iniciais,

a) aumento em A e diminuição em V.

b) aumento em A e o mesmo valor em V.

c) diminuição em A e aumento em V.

d) o mesmo valor em A e aumento em V.

e) os mesmos valores nos dois medidores.

119. (Ufmg 95) Um determinado circuito elétrico contém três resistores, com valores de 0,90², 3,0² e

7,0²; uma bateria com força eletromotriz igual a 30V e resistência interna desprezível; um amperímetro e

um voltímetro ideais. Os resistores de 3,0² e 7,0² estão ligados em paralelo entre si e, em série, com o

resistor de 0,90² e a bateria. O voltímetro e o amperímetro estão conectados no circuito de forma a indicar,

respectivamente, a queda de potencial e a corrente elétrica no resistor de 0,90².

1- Desenhe um diagrama esquemático desse circuito elétrico, indicando a posição correta de todos os

componentes.

2- Calcule a diferença de potencial indicada no voltímetro.

3- Calcule a quantidade de calor dissipada no resistor de 3,0², durante o tempo de 1 minuto.

Física apostila de revisão - UFMG 45


Colégio Padre Machado
120. (Ufmg 97) A figura mostra uma parte de um circuito elétrico de um automóvel contendo três

lâmpadas sendo alimentado pela bateria. As resistências das lâmpadas L•, L‚, Lƒ são, respectivamente,

R•=2², R‚=3² e Rƒ=5².

Chamando de i•, i‚ e iƒ as correntes elétricas nas lâmpadas L•, L‚ e Lƒ, respectivamente, é correto afirmar

que

a) i• = i‚ = iƒ. b) i• = i‚ · iƒ. c) i• > i‚ > iƒ. d) iƒ > i• > i‚.

121. (Ufmg 98) A figura ilustra a forma como três lâmpadas estão ligadas a uma tomada. A corrente

elétrica no ponto A do fio é iÛ e no ponto B é i½.

Em um determinado instante, a lâmpada L‚ se queima. Pode-se afirmar que

a) a corrente iÛ se altera e i½ não se altera. b) a corrente iÛ não se altera e i½ se altera.

c) as duas correntes se alteram. d) as duas correntes não se alteram.

122. (Ufmg 2002) Na sala da casa de Marcos, havia duas lâmpadas que eram ligadas/desligadas por

meio de um único interruptor.

Visando a economizar energia elétrica, Marcos decidiu instalar um interruptor individual para cada lâmpada.

Assinale a alternativa em que está representada uma maneira CORRETA de se ligarem os interruptores e

lâmpadas, de modo que cada interruptor acenda e apague uma única lâmpada.

Física apostila de revisão - UFMG 46


Colégio Padre Machado
123. (Ufmg 2003) Duas lâmpadas - L†³ e L•³³ - são ligadas a uma tomada, como representado nesta

figura:

A lâmpada L†³ é de 60W e a L•³³ é de 100W.Sejam V†³ a diferença de potencial e i†³ a corrente elétrica na

lâmpada L†³. Na lâmpada L•³³, esses valores são, respectivamente, V•³³ e i•³³.

Considerando-se essa situação, é CORRETO afirmar que

a) V†³ < V•³³ e i†³ < i•³³. b) V†³ < V•³³ e i†³ = i•³³. c) V†³ = V•³³ e i†³ < i•³³. d) V†³ = V•³³ e i†³ > i•³³.

124. (Ufmg 2004) Gabriel possui um chuveiro, cujo elemento de aquecimento consiste em dois

resistores, de 10 ² cada um, ligados da forma representada nesta figura:

Quando morava em Brasília, onde a diferença de potencial da rede elétrica é de 220 V, Gabriel ligava o

chuveiro pelos terminais K e M, indicados na figura. Ao mudar-se para Belo Horizonte, onde a diferença de

potencial é de 110 V, passou a ligar o mesmo chuveiro pelos terminais K e L.É CORRETO afirmar que,

comparando-se com Brasília, em Belo Horizonte, nesse chuveiro,

a) a corrente elétrica é a mesma e menos calor por unidade de tempo é fornecido à água.

b) a corrente elétrica é maior e a mesma quantidade de calor por unidade de tempo é fornecida à água.

c) a corrente elétrica é a mesma e a mesma quantidade de calor por unidade de tempo é fornecida à água.

d) a corrente elétrica é menor e menos calor por unidade de tempo é fornecido à água.

125. (Ufmg 2005) O circuito da rede elétrica de uma cozinha está representado, esquematicamente,

nesta figura:

Nessa cozinha, há duas lâmpadas L, uma geladeira G e um forno elétrico F. Considere que a diferença de

potencial na rede elétrica é constante. Inicialmente, apenas as lâmpadas e o forno estão em funcionamento.

Nessa situação, as correntes elétricas nos pontos A e B, indicados na figura, são, respectivamente, iÛ e i½.

Em um certo instante, a geladeira entra em funcionamento.Considerando-se essa nova situação, é

CORRETO afirmar que

a) iÛ e i½ se alteram. b) apenas iÛ se altera. c) iÛ e i½ não se alteram. d) apenas i½ se altera.

Física apostila de revisão - UFMG 47


Colégio Padre Machado
126. (Ufmg 2006) Aninha ligou três lâmpadas idênticas à rede elétrica de sua casa, como mostrado nesta

figura:

Seja V(P) a diferença de potencial e i(P) a corrente na lâmpada P. Na lâmpada Q, essas grandezas são,

respectivamente, V(Q) e i(Q).

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) V(P) < V(Q) e i(P) > i(Q). b) V(P) > V(Q) e i(P) > i(Q).

c) V(P) < V(Q) e i(P) = i(Q). d) V(P) > V(Q) e i(P) = i(Q).

127. (Ufmg 94) A conta de luz apresentada pela companhia de energia elétrica a uma residência de cinco

pessoas, referente a um período de 30 dias, indicou um consumo de 300kWh.A potência média utilizada por

pessoa, nesse período, foi de

a) 6W. b) 13W. c) 60W. d) 83W. e) 100W.

128. (Ufmg 98) A conta de luz de uma residência indica o consumo em unidades de kWh (quilowatt-

hora).kWh é uma unidade de

a) energia. b) corrente elétrica. c) potência d) força.

129. (Ufmg 94) A resistência de uma lâmpada acesa, de 120W para 120V, em funcionamento normal,

vale

a) 120 ². b) 240 ². c) 360 ². d) 1,44x10¤ ². e) 60 ².

130. (Ufmg 94) Três lâmpadas, A, B e C, estão ligadas a uma bateria de resistência interna desprezível.

Ao se "queimar"a lâmpada A, as lâmpadas B e C permanecem acesas com o mesmo brilho de antes.

A alternativa que indica o circuito em que isso poderia acontecer é

Física apostila de revisão - UFMG 48


Colégio Padre Machado
131. (Ufmg 94) Observe a figura.

Uma resistência elétrica que dissipa a potência de 60W é mergulhada em 0,50kg de um certo óleo colocado

num recipiente de isopor. Quando a resistência permanece ligada durante 150 segundos, a temperatura do

óleo passa de 20°C para 26°C.Considerando-se que todo o calor gerado na resistência é transferido para o

óleo, pode-se afirmar que o calor específico do óleo é

a) 10 J/kg.°C. b) 20 J/kg.°C.

c) 6,9 x10£ J/kg.°C. d) 9,0 x10£ J/kg.°C.

e) 3,0 x10¤ J/kg.°C.

132. (Ufmg 94) Numa resistência elétrica R, tem-se uma corrente I quando ela é ligada a uma diferença

de potencial V.A energia elétrica dissipada na resistência, num intervalo de tempo t, será

a) It. b) IV. c) IRt.

e) VIt. d) V£/R.

133. (Ufmg 95) Três lâmpadas, a primeira de 40W e 120V, a segunda de 60W e 120V e a terceira de

100W e 120V, são ligadas em série a uma rede elétrica de 120V.Em relação a essa situação, a afirmativa

INCORRETA é

a) a corrente elétrica nas três lâmpadas é a mesma.

b) a diferença de potencial nos pólos da lâmpada de 60W é maior do que na de 100W.

c) a lâmpada que apresenta maior resistência elétrica é a de 40W.

d) a lâmpada que apresenta maior brilho é a de 100W.

e) os filamentos das lâmpadas terão comprimentos diferentes se forem do mesmo material e da mesma

espessura.

134. (Ufmg 99) Duas lâmpadas foram fabricadas para funcionar sob uma diferença de potencial de 127V.

Uma delas tem potência de 40W, resistência R• e corrente i• . Para a outra lâmpada, esses valores são,

respectivamente, 100W, R‚ e i‚.Assim sendo, é CORRETO afirmar que

a) R• < R‚ e i• > i‚. b) R• > R‚ e i• > i‚.

c) R• < R‚ e i• < i‚. d) R• > R‚ e i• < i‚.

Física apostila de revisão - UFMG 49


Colégio Padre Machado
135. (Ufmg 2002) Devido ao racionamento de energia elétrica, Laila resolveu verificar o consumo dos

aparelhos elétricos de sua casa. Observou, então, que a televisão consome energia elétrica mesmo quando

não está sendo utilizada. Segundo o manual de utilização do aparelho, para mantê-lo em estado de

prontidão (stand-by), ou seja, para poder ligá-lo usando o controle remoto, é necessária uma potência de 18

W.Assim sendo, o consumo MENSAL de energia elétrica dessa televisão, em estado de prontidão, equivale,

APROXIMADAMENTE, ao de uma lâmpada incandescente de 60 W acesa durante

a) 0,3 dia.

b) b) 1 dia.

c) c) 3 dias.

d) d) 9 dias.

Física apostila de revisão - UFMG 50


Colégio Padre Machado

Magnetismo

136. (Ufmg 2005) Em uma aula, o Prof. Antônio apresenta uma montagem com dois anéis

dependurados, como representado na figura.

Um dos anéis é de plástico - material isolante - e o outro é de cobre - material condutor.

Em seguida, o Prof. Antônio mostra que o anel de plástico e o de cobre não são atraídos nem repelidos por

um ímã que está parado em relação a eles. Ele, então, aproxima rapidamente o ímã, primeiro, do anel de

plástico e, depois, do anel de cobre.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) os dois anéis se aproximam do ímã.

b) o anel de plástico não se movimenta e o de cobre se afasta do ímã.

c) nenhum dos anéis se movimenta.

d) o anel de plástico não se movimenta e o de cobre se aproxima do ímã.

137. (Ufmg 94) Um elétron (módulo da carga = q,

massa = m) que se move na direção horizontal penetra

entre duas placas paralelas carregadas, como mostra a

figura. Entre as placas existe um campo elétrico

uniforme, de módulo E.

A) INDIQUE a expressão algébrica para o cálculo do módulo da força elétrica que atua sobre o elétron em

termos de q e de E.

B) O campo elétrico é tal que a ação da gravidade sobre o elétron é desprezível. As placas têm um

comprimento l e o elétron emerge delas a uma altura h acima da horizontal. DEMONSTRE que o módulo
da velocidade do elétron, quando penetrou entre as placas, é dado por

qE
v=l
2mh
C) Com a aplicação de um campo magnético de módulo B, perpendicular a «, o elétron passa entre as

placas sem sofrer nenhum desvio. INDIQUE, na figura, a direção e o sentido do vetor B e CALCULE seu

módulo em termos de q, de m, de E, de l e de h.

Física apostila de revisão - UFMG 51


Colégio Padre Machado
138. (Ufmg 94) Este diagrama mostra um pêndulo com uma placa de cobre presa em sua extremidade.

Esse pêndulo pode oscilar livremente, mas, quando a placa de cobre é colocada entre os pólos de um imã

forte, ele pára de oscilar rapidamente.Isso ocorre porque

a) a placa de cobre fica ionizada.

b) a placa de cobre fica eletricamente carregada.

c) correntes elétricas são induzidas na placa de cobre.

d) os átomos de cobre ficam eletricamente polarizados.

e) os elétrons livres da placa de cobre são atraídos eletrostaticamente pelos pólos do ímã

139. (Ufmg 98) As afirmativas estão relacionadas com forças e campos observados na natureza.

Assinale a afirmativa INCORRETA.

a) O campo magnético da Terra possibilita a utilização de bússolas como instrumentos de orientação.

b) A atração de pedacinhos de papel por um pente atritado no cabelo se deve a uma força de natureza

elétrica.

c) O movimento dos planetas em torno do Sol é uma manifestação de uma força gravitacional.

d) O fenômeno das marés é devido à atração de grandes massas de água pelo campo magnético da Lua.

140. (Ufmg 2003) Fazendo uma experiência com dois ímãs em forma de barra, Júlia colocou-os sob uma

folha de papel e espalhou limalhas de ferro sobre essa folha. Ela colocou os ímãs em duas diferentes

orientações e obteve os resultados mostrados nas figuras I e II:

Nessas figuras, os ímãs estão representados pelos retângulos.Com base nessas informações, é CORRETO

afirmar que as extremidades dos ímãs voltadas para a região entre eles correspondem aos pólos

a) norte e norte na figura I e sul e norte na figura II. b) norte e norte na figura I e sul e sul na figura II.

c) norte e sul na figura I e sul e norte na figura II. d) norte e sul na figura I e sul e sul na figura II.

Física apostila de revisão - UFMG 52


Colégio Padre Machado
141. (Ufmg 94) Na figura a seguir, três partículas carregadas M, N e P penetram numa região onde existe

um campo magnético uniforme B (vetor), movendo-se em uma direção perpendicular a esse campo. As

setas indicam o sentido do movimento de cada partícula.

A respeito das cargas das partículas, pode-se afirmar que

a) M, N e P são positivas. b) N e P são positivas. c) somente M é positiva.

d) somente N é positiva. e) somente P é positiva.

142. (Ufmg 94) Na figura a seguir, três partículas carregadas M, N e P penetram numa região onde existe

um campo magnético uniforme B (vetor), movendo-se em uma direção perpendicular a esse campo. As

setas indicam o sentido do movimento de cada partícula.As partículas possuem a mesma massa e cargas

iguais, em valor absoluto.

Com relação às suas velocidades, pode-se afirmar que

a) Vm > Vn > Vp. b) Vm > Vp > Vn. c) Vn > Vm > Vp. d) Vn > Vp > Vm. e) Vp > Vn > Vm.

143. (Ufmg 94) A figura a seguir mostra um fio perpendicular à folha de papel. Nesse fio há uma corrente

que está "saindo" da folha. Num certo instante, uma carga positiva q está passando por P com uma

velocidade « no plano da folha.

A alternativa que melhor representa a direção e o sentido do campo magnético B(vetor), no ponto P, e a

direção e o sentido da força magnética ù, que atua na carga, nesse mesmo ponto, é

Física apostila de revisão - UFMG 53


Colégio Padre Machado
144. (Ufmg 95) Um feixe de elétrons passa inicialmente entre os pólos de um ímã e, a seguir, entre duas

placas paralelas, carregadas com cargas de sinais contrários, dispostos conforme a figura a seguir. Na

ausência do ímã e das placas, o feixe de elétrons atinge o ponto O do anteparo.

Em virtude das opções dos campos magnético e elétrico, pode-se concluir que o feixe

a) passará a atingir a região I do anteparo.

b) passará a atingir a região II do anteparo.

c) passará a atingir a região III do anteparo.

d) passará a atingir a região IV do anteparo.

e) continuará a atingir o ponto O do anteparo.

145. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra uma bateria que gera uma corrente elétrica "i" no circuito.

Considere uniforme o campo magnético entre os pólos do ímã.

O vetor que representa, corretamente, a força magnética que esse campo exerce sobre o trecho horizontal

PQ do fio situado entre os pólos do imã é

Física apostila de revisão - UFMG 54


Colégio Padre Machado
146. (Ufmg 97) Um elétron entra com uma velocidade ¬ em uma região onde existem um campo elétrico

û e um campo magnético B vetorial uniformes e perpendiculares entre si, como mostra a figura. A

velocidade ¬ é perpendicular aos dois campos.

O elétron não sofre nenhum desvio ao cruzar a região dos campos.

As forças elétrica, ùe vetorial, e magnética, ùm vetorial, que atuam sobre o elétron, nessa situação, são

melhor representadas por

147. (Ufmg 2000) A figura mostra parte da trajetória descrita por um feixe de elétrons na presença de um

campo magnético. As setas indicam o sentido do movimento dos elétrons.

Assinale a alternativa em que estão representados corretamente a direção e o sentido do campo magnético

û que atua nesse feixe de elétrons.

Física apostila de revisão - UFMG 55


Colégio Padre Machado
148. (Ufmg 2001) Na figura, estão representadas duas placas metálicas paralelas, carregadas com

cargas de mesmo valor absoluto e de sinais contrários. Entre essas placas, existe um campo magnético

uniforme de módulo B, perpendicular ao plano da página e dirigido para dentro desta.

Uma partícula com carga elétrica POSITIVA é colocada no ponto P, situado entre as placas.

Considerando essas informações, assinale a alternativa em que MELHOR está representada a trajetória da

partícula após ser solta no ponto P.

149. (Ufmg 2002) Uma bateria, ligada a uma placa metálica, cria, nesta, um campo elétrico E, como

mostrado na figura I. Esse campo causa movimento de elétrons na placa.

Se essa placa for colocada em uma região onde existe um determinado campo magnético B, observa-se

que elétrons se concentram em um dos lados dela, como mostrado na figura II.

Com base nessas informações, assinale a alternativa em que MELHOR estão representados a direção e o

sentido do campo magnético existente nessa região.

150. (Ufmg 2004) Um feixe de elétrons entra em uma região onde existe um campo magnético, cuja

direção coincide com a direção da velocidade dos elétrons.Com base nessas informações, é CORRETO

afirmar que, ao entrar no campo magnético, os elétrons desse feixe

a) são desviados e sua energia cinética não se altera.

b) não são desviados e sua energia cinética aumenta.

c) são desviados e sua energia cinética aumenta.

d) não são desviados e sua energia cinética não se altera.

Física apostila de revisão - UFMG 56


Colégio Padre Machado
151. (Ufmg 2005) O tubo de imagem de um televisor está representado, esquematicamente, na Figura I.

Elétrons são acelerados da parte de trás desse tubo em direção ao centro da tela. Quatro bobinas - K, L, M

e N - produzem campos magnéticos variáveis, que modificam a direção dos elétrons, fazendo com que

estes atinjam a tela em diferentes posições, formando uma imagem, como ilustrado na Figura II. As bobinas

K e L produzem um campo magnético na direção vertical e as bobinas M e N, na horizontal.

Em um certo instante, um defeito no televisor interrompe a corrente elétrica nas bobinas K e L e apenas as

bobinas M e N continuam funcionando.

Assinale a alternativa em que melhor se representa a imagem que esse televisor passa a produzir nessa

situação.

152. (Ufmg 2006) Em algumas moléculas, há uma assimetria na distribuição de cargas positivas e

negativas, como representado, esquematicamente, na figura a seguir.

Considere que uma molécula desse tipo é colocada em uma região onde existem um campo elétrico û e

um campo magnético B, uniformes, constantes e mutuamente perpendiculares.

Nas alternativas a seguir, estão indicados as direções e os sentidos desses campos.

Assinale a alternativa em que está representada CORRETAMENTE a orientação de equilíbrio dessa

molécula na presença dos dois campos.

Física apostila de revisão - UFMG 57


Colégio Padre Machado
153. (Ufmg 95) A figura a seguir, mostra dois fios M e N, paralelos, percorridos por correntes de mesma

intensidade, ambas saindo da folha de papel. O ponto P está à mesma distância dos dois fios. A opção que

melhor representa a direção e o sentido corretos para o campo magnético, que as correntes criam em P, é:

154. (Ufmg 95) A figura a seguir, mostra dois fios M e N, paralelos, percorridos por correntes de mesma

intensidade, ambas saindo da folha de papel. O ponto P está à mesma distância dos dois fios. A alternativa

que melhor representa a direção e o sentido da força magnética que atua no fio M, em virtude da ação do

campo magnético criado pela corrente no fio N, é:

155. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra uma pequena chapa metálica imantada que flutua sobre a água

de um recipiente. Um fio elétrico está colocado sobre esse recipiente. O fio passa, então, a conduzir uma

intensa corrente elétrica contínua, no sentido da esquerda para a direita.

A alternativa que melhor representa a posição da chapa metálica imantada, após um certo tempo, é

Física apostila de revisão - UFMG 58


Colégio Padre Machado
156. (Ufmg 97) A figura representa um longo fio conduzindo corrente elétrica i. Em um dado instante,

duas cargas, uma positiva e outra negativa, estão com velocidade ¬ uma de cada lado do fio.

A configuração que melhor representa as forças do fio sobre cada uma das cargas é

157. (Ufmg 99) Dois fios paralelos, percorridos por correntes elétricas de intensidades diferentes, estão

se repelindo.Com relação às correntes nos fios e às forças magnéticas com que um fio repele o outro, é

CORRETO afirmar que

a) as correntes têm o mesmo sentido e as forças têm módulos iguais.

b) as correntes têm sentidos contrários e as forças têm módulos iguais.

c) as correntes têm o mesmo sentido e as forças têm módulos diferentes.

d) as correntes têm sentidos contrários e as forças têm módulos diferentes.

158. (Ufmg 2003) Nesta figura, estão representados dois fios, percorridos por correntes elétricas de

mesma intensidade e de sentidos contrários, e dois pontos, K e L:

Os fios e os pontos estão no mesmo plano. O ponto L é eqüidistante dos dois fios e o ponto K está à

esquerda deles.Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que o campo magnético,

a) em K é nulo e, em L, está entrando no papel.

b) em K, está entrando no papel e, em L está saindo dele.

c) em K, está saindo do papel e, em L, é nulo.

d) em K, está saindo do papel e, em L, está entrando nele.

Física apostila de revisão - UFMG 59


Colégio Padre Machado
159. (Ufmg 2006) Em um experimento, André monta um circuito em que dois fios retilíneos - K e L -,

paralelos, são percorridos por correntes elétricas constantes e de sentidos opostos.

Inicialmente, as correntes nos fios são iguais, como mostrado na Figura I.

Em seguida, André dobra o valor da corrente no fio L, como representado na Figura II.

Sejam F(K) e F(L), respectivamente, os módulos das forças magnéticas nos fios K e L.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que:

a) na Figura I , F(K) = F(L) = 0 e, b) na Figura I , F(K) = F(L) · 0 e,

na Figura II, F(K) · F(L). na Figura II, F(K) · F(L).

c) na Figura I , F(K) = F(L) = 0 e, d) na Figura I , F(K) = F(L) · 0 e,

na Figura II, F(K) = F(L) · 0 . na Figura II, F(K) = F(L) · 0 .

160. (Ufmg 97) Um aro metálico com uma certa resistência elétrica desce um plano inclinado. Em

determinado trecho, ele passa por uma região onde existe um campo magnético, como mostra a figura.

Com relação a essa situação, é correto afirmar que

a) nada se pode dizer sobre a influência do campo magnético no tempo de queda, sem conhecer a

resistência elétrica de aro.

b) o campo magnético não influenciará no tempo de descida do aro.

c) o tempo gasto pelo aro, para atingir a base do plano, é maior do que o tempo que ele gastaria se o

campo magnético não existisse.

d) o tempo gasto pelo aro, para atingir a base do plano, é menor do que o tempo que ele gastaria se o

campo magnético não existisse.

Física apostila de revisão - UFMG 60


Colégio Padre Machado
161. (Ufmg 2001) Na figura, estão representados uma bobina (fio enrolado em torno de um tubo de

plástico) ligada em série com um resistor de resistência R e uma bateria. Próximo à bobina, está colocado

um ímã, com os pólos norte (N) e sul (S) na posição indicada. O ímã e a bobina estão fixos nas posições

mostradas na figura.

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) a bobina não exerce força sobre o ímã.

b) a força exercida pela bobina sobre o ímã diminui quando se aumenta a resistência R.

c) a força exercida pela bobina sobre o ímã é diferente da força exercida pelo ímã sobre a bobina.

d) o ímã é repelido pela bobina.

162. (Ufmg 2006) Rafael utiliza duas bobinas, uma pilha, um interruptor e um amperímetro para fazer a

montagem mostrada na figura a seguir.

Ele liga uma das bobinas em série com a pilha e com o interruptor, inicialmente, desligado. A outra bobina,

ele a conecta ao amperímetro e a coloca próximo à primeira.

Em seguida, Rafael liga o interruptor no instante t• e desliga-o no instante t‚.

Assinale a alternativa cujo gráfico MELHOR representa a corrente no amperímetro em função do tempo, na

situação descrita.

Física apostila de revisão - UFMG 61


Colégio Padre Machado
163. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra um ímã colocado próximo a uma bobina.

Todas as alternativas apresentam situações em que aparecerá uma corrente induzida na bobina, EXCETO

a) a bobina e o ímã se movimentam com a mesma velocidade para a direita.

b) a bobina está em repouso e o ímã se movimenta para a direita.

c) a bobina está em repouso e o ímã se movimenta para a esquerda.

d) o ímã está em repouso e a bobina se movimenta para a direita.

e) o ímã está em repouso e a bobina se movimenta para a esquerda.

164. (Ufmg 95) Uma espira condutora quadrada é colocada no mesmo plano e ao lado de um circuito

constituído de uma pilha, de uma lâmpada e de um interruptor, como mostra a figura a seguir.

Todas as alternativas apresentam ações que geram uma corrente elétrica induzida na espira, EXCETO

a) desligar o interruptor.

b) ligar o interruptor.

c) manter o interruptor.

d) manter o interruptor ligado e afastar a espira do circuito.

e) manter o interruptor ligado e aproximar a espira do circuito.

Física apostila de revisão - UFMG 62


Colégio Padre Machado
165. (Ufmg 95) Esta figura mostra uma espira retangular, de lados a=0,20m e b=0,50m, sendo

empurrada, com velocidade constante v=0,50m/s, para uma região onde existe um campo magnético

uniforme B=0,10T, entrando no papel.

1- Considerando-se o instante mostrado na figura,

A) Indique o sentido da corrente induzida na espira. Justifique sua resposta.

B) Determine o valor da força eletromotriz induzida na espira.

2- Sabendo-se que a espira atravessa completamente a região onde existe o campo magnético, determine

o tempo durante o qual será percorrida por corrente induzida a partir do instante em que começa a entrar no

campo magnético.

166. (Ufmg 97) A figura mostra um ímã e um aro circular. O eixo do ímã (eixo x) é perpendicular ao plano

do aro, (plano yz) e passa pelo seu centro.

NÃO aparecerá corrente na espira se ela

a) deslocar-se ao longo do eixo x.

b) deslocar-se ao longo do eixo y.

c) girar em torno do eixo x.

d) girar em torno do eixo y.

Física apostila de revisão - UFMG 63


Colégio Padre Machado
167. (Ufmg 2002) Um fio de cobre, enrolado na forma de uma

espira, está fixado em uma região, onde existe um campo magnético

B, como mostrado na figura.Esse campo tem o mesmo módulo em

toda a região em que se encontra a espira, é perpendicular ao plano

da página e dirigido para dentro desta, como representado, na

figura, pelo símbolo ×.O módulo desse campo magnético varia com

o tempo, como representado no gráfico:

Considerando-se essas condições, é CORRETO afirmar que há uma

corrente elétrica induzida na espira

a) apenas na região II do gráfico. b) apenas na região III do gráfico.

c) apenas nas regiões I e III do gráfico. d) nas três regiões do gráfico.

168. (Ufmg 2004) Um anel metálico rola sobre uma mesa, passando, sucessivamente, pelas posições P,

Q, R e S, como representado nesta figura:

Na região indicada pela parte sombreada na figura, existe um campo magnético uniforme, perpendicular ao

plano do anel, representado pelo símbolo B.

a) é nula apenas em R e tem sentidos opostos em Q e em S.

b) tem o mesmo sentido em Q, em R e em S.

c) é nula apenas em R e tem o mesmo sentido em Q e em S.

d) tem o mesmo sentido em Q e em S e sentido oposto em R.

169. (Ufmg 94) Na figura a seguir, representa-se um ímã prismático, com seu pólo

norte voltado para baixo. Esse ímã foi abandonado e cai passando pelo centro de

uma espira circular situada em um plano horizontal.

Sejam ùie e ùei as forças do ímã sobre a espira e da espira sobre o ímã,

respectivamente.

Enquanto o ímã se aproxima do plano da espira, pode-se afirmar que

a) ùie é vertical para cima, e ùei é vertical para baixo. b) ùie é vertical para cima, e ùei também é vertical

para cima.

c) ùie é nula, e ùei também é nula. d) ùie é vertical para baixo, e ùei é vertical para cima.

e) ùie e ùei têm direções e sentidos indeterminados.

Física apostila de revisão - UFMG 64


Colégio Padre Machado
170. (Ufmg 94) Nessa figura, representa-se um ímã prismático, com seu pólo norte voltado para baixo.

Esse ímã foi abandonado e cai passando pelo centro de uma espira circular situada em um plano

horizontal.Sejam i• e i‚, respectivamente, as correntes na espira quando o ímã se aproxima e quando se

afasta dela.

Sobre as correntes na espira, pode-se afirmar que

a) i• está no sentido MNP, e i‚, no sentido MPN.

b) i• está no sentido MPN, e i‚, no sentido MNP.

c) i• está no sentido MNP, e i‚ é nula.

d) i• e i‚ estão ambas no sentido MNP.

e) i• e i‚ estão ambas no sentido MPN.

Física apostila de revisão - UFMG 65


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 66


Colégio Padre Machado

Física Ondulatória

171. (Ufmg 2000) A figura I mostra, em um determinado instante de tempo, uma mola na qual se propaga

uma onda longitudinal. Uma régua de 1,5 m está colocada a seu lado. A figura II mostra como o

deslocamento de um ponto P da mola, em relação a sua posição de equilíbrio, varia com o tempo.

As MELHORES estimativas para o comprimento de onda l e para o período T dessa onda são

a) l = 0,20 m e T = 0,50 s. b) l = 0,20 m e T = 0,20 s.

c) l = 0,50 m e T = 0,50 s. d) l = 0,50 m e T = 0,20 s.

172. (Ufmg 94) Para se estudar as propriedades das ondas num tanque de água, faz-se uma régua de

madeira vibrar regularmente, tocando a superfície da água e produzindo uma série de cristais e vales que

se propagam da esquerda para a direita.

A régua toca a superfície da água 10 vezes em 5,0 segundos, e duas cristas consecutivas da onda ficam

separadas de 2,0 centímetros.A velocidade de propagação da onda é

a) 0,5 cm/s. b) 1,0 cm/s.

c) 2,0 cm/s. d) 4,0 cm/s.

e) 8,0 cm/s.

Física apostila de revisão - UFMG 67


Colégio Padre Machado
173. (Ufmg 94) Para se estudar as propriedades das ondas num tanque de água, faz-se uma régua de

madeira vibrar regularmente, tocando a superfície da água e produzindo uma série de cristais e vales que

se propagam da esquerda para a direita.

Se a régua passar a tocar a água 20 vezes em cada 5,0 segundos, então essa mudança provocará uma

alteração

a) na freqüência da onda e em seu comprimento de onda.

b) na velocidade e na freqüência da onda.

c) na velocidade da onda e em seu comprimento de onda.

d) no comprimento de onda, na velocidade e na freqüência da onda.

e) somente na freqüência da onda.

174. (Ufmg 94) Para se estudar as propriedades das ondas num tanque de água, faz-se uma régua de

madeira vibrar regularmente, tocando a superfície da água e produzindo uma série de cristas e vales que se

deslocam da esquerda para a direita.Retirando-se uma certa quantidade de água do tanque, a velocidade

das ondas torna-se menor.

Nessas condições, pode-se afirmar que

a) a freqüência da onda aumenta, e o seu comprimento de onda também aumenta.

b) a freqüência da onda diminui, e o comprimento de onda também diminui.

c) a freqüência da onda não se altera, e o seu comprimento de onda aumenta.

d) a freqüência da onda não se altera, e o seu comprimento de onda diminui.

e) a freqüência da onda não se altera, e o seu comprimento de onda também não se altera.

Física apostila de revisão - UFMG 68


Colégio Padre Machado
175. (Ufmg 97) Um menino, balançando em uma corda dependurada em uma árvore, faz 20 oscilações

em um minuto. Pode-se afirmar que seu movimento tem

a) um período de 3,0 segundos.

b) um período de 60 segundos.

c) uma frequência de 3,0 Hz.

d) uma frequência de 20 Hz.

176. (Ufmg 97) As ondas eletromagnéticas, ao contrário das ondas mecânicas, não precisam de um meio

material para se propagar. Considere as seguintes ondas: som, ultra-som, ondas de rádio, microondas e

luz.Sobre essas ondas é correto afirmar que

a) luz e microondas são ondas eletromagnéticas e as outras são ondas mecânicas.

b) luz é onda eletromagnética e as outras são ondas mecânicas.

c) som é onda mecânica e as outras são ondas eletromagnéticas.

d) som e ultra-som são ondas mecânicas e as outras são ondas eletromagnéticas.

177. (Ufmg 97) O diagrama apresenta o espectro eletromagnético com as identificações de diferentes

regiões em função dos respectivos intervalos de comprimento de onda no vácuo.

É correto afirmar que, no vácuo,

a) os raios – se propagam com maiores velocidades que as ondas de rádio.

b) os raios X têm menor freqüencia que as ondas longas.

c) todas as radiações têm a mesma freqüencia.

d) todas as radiações têm a mesma velocidade de propagação.

178. (Ufmg 98) O som é um exemplo de uma onda longitudinal. Uma onda produzida numa corda

esticada é um exemplo de um onda transversal.O que difere ondas mecânicas longitudinais de ondas

mecânicas transversais é

a) a direção de vibração do meio de propagação.

b) a direção de propagação.

c) o comprimento de onda.

d) a freqüência.

Física apostila de revisão - UFMG 69


Colégio Padre Machado
179. (Ufmg 99) Raios X e ondas de rádio estão se propagando no vácuo. Os raios X têm comprimento de

onda igual a 7,2×10-¢¢m e as ondas de rádio, comprimento de onda igual a 3,0m.Sejam E(x) a energia dos

fótons de raios X, E(r) a energia dos fótons da onda de rádio e v(x) e v(r), respectivamente, as suas

velocidades de propagação.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) E(x) > E(r) e v(x) = v(r). b) E(x) = E(r) e v(x) = v(r).

c) E(x) > E(r) e v(x) > v(r). d) E(x) = E(r) e v(x) > v(r).

180. (Ufmg 2000) Ao tocar um violão, um músico produz ondas nas cordas desse instrumento. Em

conseqüência, são produzidas ondas sonoras que se propagam no ar.Comparando-se uma onda produzida

em uma das cordas do violão com a onda sonora correspondente, é CORRETO afirmar que as duas têm

a) a mesma amplitude. b) a mesma freqüência.

c) a mesma velocidade de propagação. d) o mesmo comprimento de onda.

181. (Ufmg 2003) Daniel brinca produzindo ondas ao bater com uma varinha na superfície de um lago. A

varinha toca a água a cada 5 segundos.Se Daniel passar a bater a varinha na água a cada 3 segundos, as

ondas produzidas terão MAIOR

a) comprimento de onda. b) freqüência.

c) período. d) velocidade.

182. (Ufmg 2006) Enquanto brinca, Gabriela produz uma onda transversal em uma corda esticada. Em

certo instante, parte dessa corda tem a forma mostrada na figura a seguir.

A direção de propagação da onda na corda também está indicada na figura.

Assinale a alternativa em que estão representados CORRETAMENTE a direção e o sentido do

deslocamento do ponto P da corda, no instante mostrado.

Física apostila de revisão - UFMG 70


Colégio Padre Machado
183. (Ufmg 2004) Ao assobiar, Rafael produz uma onda sonora de uma determinada freqüência. Essa

onda gera regiões de alta e baixa pressão ao longo de sua direção de propagação.

A variação de pressão Ðp em função da posição x, ao longo dessa direção de propagação, em um certo

instante, está representada na figura a seguir.

Em outro momento, Rafael assobia produzindo uma onda sonora de freqüência duas vezes maior que a

anterior .

Com base nessas informações, assinale a alternativa cujo gráfico melhor representa o gráfico de Ðp em

função de x para esta segunda onda sonora.

184. (Ufmg 95) As ondas de rádio têm freqüência muito menor do que a luz azul. Considere ondas de

rádio e luz azul que se propagam no vácuo. As ondas de rádio têm velocidade Vor e comprimento de onda

—or enquanto a luz azul tem velocidade Vazul e comprimento de onda —azul.

Com relação a essas grandezas pode-se afirmar que

a) Vor < Vazul ; —or = —azul. b) Vor < Vazul ; —or > —azul.

c) Vor = Vazul ; —or < —azul. d) Vor = Vazul ; —or> —azul.

e) Vor > Vazul ; —or < —azul.

185. (Ufmg 95) Um conta gotas situado a uma certa altura acima da superfície de um lago deixa cair

sobre ele uma gota d'água a cada três segundos.Se as gotas passarem a cair na razão de uma gota a cada

dois segundos, as ondas produzidas na água terão menor

a) amplitude. b) comprimento de onda.

c) freqüência. d) timbre.

e) velocidade.

Física apostila de revisão - UFMG 71


Colégio Padre Machado
186. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra parte de duas ondas, I e II, que se propagam na superfície da

água de dois reservatórios idênticos.

Com base nessa figura, pode-se afirmar que

a) a freqüência da onda I é menor do que a da onda II, e o comprimento de onda de I é maior que o de II.

b) as duas ondas têm a mesma amplitude, mas a freqüência de I é menor do que a de II.

c) as duas ondas têm a mesma freqüência, e o comprimento de onda é maior na onda I do que na onda II.

d) os valores da amplitude e do comprimento de onda são maiores na onda I do que na onda II.

e) os valores da freqüência e do comprimento de onda são maiores na onda I do que na onda II.

187. (Ufmg 97) Um menino caminha pela praia arrastando uma vareta. Uma das pontas encosta na areia

e oscila, no sentido transversal à direção do movimento do menino, traçando no chão uma curva na forma

de uma onda, como mostra a figura.

Uma pessoa observa o menino e percebe que a freqüencia de oscilação da ponta da vareta encostada na

areia é de 1,2Hz e que a distância entre dois máximos consecutivos da onda formada na areia é de 0,80 m.

A pessoa conclui então que a velocidade do menino é

a) 0,67 m/s .

b) 0,96 m/s .

c) 1,5 m/s .

d) 0,80 m/s .

Física apostila de revisão - UFMG 72


Colégio Padre Machado
188. (Ufmg 98) Uma onda sofre refração ao passar de um meio I para um meio II. Quatro estudantes,

Bernardo, Clarice, Júlia e Rafael, traçaram os diagramas mostrados na figura para representar esse

fenômeno. Nesses diagramas, as retas paralelas representam as cristas das ondas e as setas, a direção de

propagação da onda.

Os estudantes que traçaram um diagrama coerente com as leis da refração foram

a) Bernado e Rafael b) Bernado e Clarice

c) Júlia e Rafael d) Clarice e Júlia

189. (Ufmg 2006) Rafael e Joana observam que, após atravessar um aquário cheio de água, um feixe de

luz do Sol se decompõe em várias cores, que são vistas num anteparo que intercepta o feixe.

Tentando explicar esse fenômeno, cada um deles faz uma afirmativa:

- Rafael: "Isso acontece porque, ao atravessar o aquário, a freqüência da luz é alterada."

- Joana: "Isso acontece porque, na água, a velocidade da luz depende da freqüência."

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) ambas as afirmativas estão certas.

b) apenas a afirmativa de Rafael está certa.

c) ambas as afirmativas estão erradas.

d) apenas a afirmativa de Joana está certa.

190. (Ufmg 95) As seis cordas de um violão têm espessuras diferentes e emitem sons que são

percebidos pelo ouvido de forma diferente.No entanto, com boa aproximação, pode-se afirmar que todas

elas emitem ondas sonoras que, no ar, têm

a) a mesma altura. b) a mesma freqüência.

c) a mesma intensidade. d) a mesma velocidade.

e) o mesmo comprimento de onda.

Física apostila de revisão - UFMG 73


Colégio Padre Machado
191. (Ufmg 97) Uma onda sonora de uma determinada freqüencia está se propagando dentro de um tubo

com gás. A figura representa, em um dado instante, a densidade de moléculas do gás dentro do tubo:

região mais escura corresponde a maior densidade.

Se a fonte sonora que emitiu esse som aumentar sua intensidade,

a) a densidade do gás na região M aumenta e a densidade em N diminui.

b) a densidade do gás na região M diminui e a densidade em N aumenta.

c) a distância entre as regiões M e N aumenta.

d) a distância entre as regiões M e N diminui.

192. (Ufmg 95) Este diagrama representa cristas consecutivas de uma onda sonora emitida por uma

fonte que se move em uma trajetória retilínea MN.

1- Indique o sentido do movimento da fonte sonora, se de M para N ou de N para M. Justifique sua resposta.

2- Considere duas pessoas, uma situada em M e a outra em N. Indique se a pessoa em M vai ouvir o som

com frequência maior, menor ou igual à freqüência ouvida pela pessoa em N. Justifique sua resposta.

193. (Ufmg 95) Esta figura representa, de forma

esquemática, um feixe de luz de raios paralelos.

Esse feixe incide sobre um anteparo no qual existe

uma fenda cuja largura é comparável ao

comprimento de onda da luz. As linhas verticais, na

figura, representam as cristas da onda luminosa e as

setas indicam o sentido de propagação da luz.


1- Desenhe de forma esquemática, nessa figura, as cristas e os raios da onda luminosa após passar pela

fenda.

2- Explique como as cristas da onda luminosa que passou pela fenda se modificariam, caso o comprimento

de onda da luz incidente fosse reduzido a um quarto do comprimento de onda mostrado na figura.

Física apostila de revisão - UFMG 74


Colégio Padre Machado
194. (Ufmg 99) A figura mostra pulsos produzidos por dois garotos, Breno e Tomás, nas extremidades de

uma corda. Cada pulso vai de encontro ao outro. O pulso produzido por Breno tem maior amplitude que o

pulso produzido por Tomás. As setas indicam os sentidos de movimento dos pulsos.

Assinale a alternativa que contém a melhor representação dos pulsos, logo depois de se encontrarem.

195. (Ufmg 2000) Uma onda de rádio é emitida por uma estação transmissora e recebida por um

aparelho receptor situado a alguns quilômetros de distância.Para que ocorra a propagação da onda de

rádio, entre a estação transmissora e o aparelho receptor,

a) deve existir um meio material qualquer.

b) deve existir um meio material que contenha elétrons livres.

c) deve existir um meio material que contenha fótons.

d) não é necessária a presença de um meio material.

196. (Ufmg 2001) Na figura, está representada uma onda que, ao se propagar, se aproxima de uma

barreira. A posição das cristas dessa onda, em um certo momento, está representada pelas linhas verticais.

A seta indica a direção de propagação da onda. Na barreira, existe uma abertura retangular de largura

ligeiramente maior que o comprimento de onda da onda.

Considerando essas informações, assinale a alternativa em que MELHOR estão representadas as cristas

dessa onda após ela ter passado pela barreira.

Física apostila de revisão - UFMG 75


Colégio Padre Machado
197. (Ufmg 97) Duas pessoas esticam um corda, puxando por suas extremidades, e cada uma envia um

pulso na direção da outra. Os pulsos têm o mesmo formato, mas estão invertidos como mostra a figura.

Pode-se afirmar que os pulsos

a) passarão um pelo outro, cada qual chegando à outra extremidade.

b) se destruirão, de modo que nenhum deles chegará às extremidades.

c) serão refletidos, ao se encontrarem, cada um mantendo-se no mesmo lado em que estava com relação à

horizontal.

d) serão refletidos, ao se encontrarem, porém invertendo seus lados com relação à horizontal.

198. (Ufmg 94) Para se estudar as propriedades das ondas num tanque de água, faz-se uma régua de

madeira vibrar regularmente, tocando a superfície da água e produzindo uma série de cristas e vales que se

deslocam da esquerda para a direita.Na figura a seguir estão esquematizadas duas barreiras verticais

separadas por uma distância aproximadamente igual ao comprimento de onda das ondas.

Após passas pela abertura, a onda apresenta modificação

a) em sua forma e em seu comprimento de onda. b) em sua forma e em sua velocidade.

c) em sua velocidade e em seu comprimento de onda. d) somente em sua forma.

e) somente em sua velocidade.

199. (Ufmg 2004) O muro de uma casa separa Laila de sua gatinha. Laila ouve o miado da gata, embora

não consiga enxergá-la.Nessa situação, Laila pode ouvir, mas não pode ver sua gata, PORQUE

a) a onda sonora é uma onda longitudinal e a luz é uma onda transversal.

b) a velocidade da onda sonora é menor que a velocidade da luz.

c) a freqüência da onda sonora é maior que a freqüência da luz visível.

d) o comprimento de onda do som é maior que o comprimento de onda da luz visível.

Física apostila de revisão - UFMG 76


Colégio Padre Machado
200. (Ufmg 2002) Mariana pode ouvir sons na faixa de 20Hz a 20kHz.Suponha que, próximo a ela, um

morcego emite um som de 40kHz.Assim sendo, Mariana não ouve o som emitido pelo morcego, porque

esse som tem

a) um comprimento de onda maior que o daquele que ela consegue ouvir.

b) um comprimento de onda menor que o daquele que ela consegue ouvir.

c) uma velocidade de propagação maior que a daquele que ela consegue ouvir.

d) uma velocidade de propagação menor que a daquele que ela consegue ouvir.

Física apostila de revisão - UFMG 77


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 78


Colégio Padre Machado

Óptica

201. (Ufmg 2002) Nas figuras I, II e III, estão representados fenômenos físicos que podem ocorrer

quando um feixe de luz incide na superfície de separação entre dois meios de índices de refração

diferentes. Em cada uma delas, estão mostradas as trajetórias desse feixe.

Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que ocorre mudança no módulo da velocidade

do feixe de luz apenas no(s) fenômeno(s) físico(s) representado(s) em

a) I.

b) II.

c) I e II.

d) I e III.

202. (Ufmg 2005) Marília e Dirceu estão em uma praça iluminada por uma única lâmpada.

Assinale a alternativa em que estão CORRETAMENTE representados os feixes de luz que permitem a

Dirceu ver Marília.

Física apostila de revisão - UFMG 79


Colégio Padre Machado
203. (Ufmg 2005) Rafael, fotógrafo lambe-lambe, possui uma câmara fotográfica que consiste em uma

caixa com um orifício, onde é colocada uma lente. Dentro da caixa, há um filme fotográfico, posicionado a

uma distância ajustável em relação à lente.

Essa câmara está representada, esquematicamente, na Figura 1.

Para produzir a imagem nítida de um objeto muito distante, o filme deve ser colocado na posição indicada,

pela linha tracejada. No entanto, Rafael deseja fotografar uma vela que está próxima a essa câmara. Para

obter uma imagem nítida, ele, então, move o filme em relação à posição acima descrita.

Assinale a alternativa cujo diagrama melhor representa a posição do filme e a imagem da vela que é

projetada nele.

204. (Ufmg 94) Observe a figura.

Nessa figura, dois espelhos planos estão dispostos de modo a formar um ângulo de 30° entre eles. Um raio

luminoso incide sobre um dos espelhos, formando um ângulo de 70° com a sua superfície.Esse raio, depois

de se refletir nos dois espelhos, cruza o raio incidente formando um ângulo ‘ de

a) 90° b) 100° c) 110° d) 120° e) 140°

Física apostila de revisão - UFMG 80


Colégio Padre Machado
205. (Ufmg 2003) Oscar está na frente de um espelho plano, observando um lápis, como representado

na figura:

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que Oscar verá a imagem desse lápis na posição

indicada pela letra.

a) K. b) L. c) M. d) N.

206. (Ufmg 2006) Uma vela está sobre uma mesa, na frente de um espelho plano, inclinado, como

representado na figura a seguir.

Assinale a alternativa cujo diagrama representa CORRETAMENTE a formação da imagem do objeto, nessa

situação.

207. (Ufmg 94) Um estudante colocou uma caneta a uma distância relativamente grande de uma colher

bem polida e observou o tipo de imagem que aparecia na parte interna da colher.A imagem que ele viu,

comparada com a caneta, era

a) maior, direta e virtual. b) maior, invertida e real.

c) menor, invertida e virtual. d) menor, direta e real.

e) menor, invertida e real.

Física apostila de revisão - UFMG 81


Colégio Padre Machado
208. (Ufmg 95) O farol de um automóvel é constituído de um espelho côncavo e de uma lâmpada com

dois filamentos I e II. Nas figuras 1 e 2, V, F e C são, respectivamente, o vértice, o foco e o centro de

curvatura do espelho.

Quando o farol está em "luz baixa", apenas o filamento I está ligado, e a luz é refletida no espelho

paralelamente ao seu eixo óptico, como na figura 1. Quando o farol está em luz alta, apenas o filamento II

está ligado, e o feixe de luz refletido é um pouco divergente, como na figura 2.Para que o farol funcione de

acordo com essas descrições, a posição dos filamentos deve ser

a) o filamento I em C e o filamento II à direita de C.

b) o filamento I em C e o filamento II entre C e F.

c) o filamento I em F e o filamento II entre F e C.

d) o filamento I em F e o filamento II entre F e V.

e) o filamento I em V e o filamento II entre V e F.

209. (Ufmg 2002) Uma pequena lâmpada está na frente de um espelho esférico, convexo, como

mostrado na figura.O centro de curvatura do espelho está no ponto O.

Nesse caso, o ponto em que, MAIS provavelmente, a imagem da lâmpada será formada é o

a) K.

b) L.

c) M.

d) N.

Física apostila de revisão - UFMG 82


Colégio Padre Machado
210. (Ufmg 95) A figura 1 a seguir mostra um feixe de luz incidindo sobre uma parede de vidro a qual

está separado o ar da água. Os índices de refração são 1,00 para o ar, 1,50 para vidro e 1,33 para a água.

A alternativa que melhor representa a trajetória do feixe de luz passando do ar para a água é:

211. (Ufmg 97) O princípio básico de funcionamento de uma fibra óptica consiste em colocar um material

X, com índice de refração nÖ, no interior de outro material Y, com índice de refração nÙ. Um feixe de luz que

incide em uma extremidade de X atravessa para a outra extremidade, sem penetrar no material Y, devido a

múltiplas reflexões totais. Essa situação está ilustrada na figura.

Para que isto aconteça, é necessário que

a) nÖ < nÙ .

b) nÖ = 0 .

c) nÖ = nÙ .

d) nÖ > nÙ .

Física apostila de revisão - UFMG 83


Colégio Padre Machado
212. (Ufmg 99) A figura mostra a trajetória de um feixe de luz que vem de um meio I, atravessa um meio

II, é totalmente refletido na interface dos meios II e III e retorna ao meio I.

Sabe-se que o índice de refração do ar é menor que o da água e que o da água é menor que o do

vidro.Nesse caso, é CORRETO afirmar que os meios I, II e III podem ser, respectivamente,

a) ar, água e vidro.

b) vidro, água e ar.

c) água, ar e vidro.

d) ar, vidro e água.

213. (Ufmg 2005) Um feixe de luz, vindo do ar, incide sobre um aquário de vidro com água. Sabe-se que

a velocidade da luz é menor na água e no vidro que no ar.

Com base nessas informações, assinale a alternativa em que melhor se representa a trajetória do feixe de

luz entrando e saindo do aquário.

Física apostila de revisão - UFMG 84


Colégio Padre Machado
214. (Ufmg 95) O empregado de um clube está varrendo o fundo da piscina com uma vassoura que tem

um longo cabo de alumínio. Ele percebe que o cabo de alumínio parece entortar-se ao entrar na água,

como mostra a figura a seguir.

Isso ocorre porque

a) a luz do sol, refletida na superfície da água, interfere com a luz do sol refletida pela parte da vassoura

imersa na água.

b) a luz do sol, refletida pela parte da vassoura imersa na água, sofre reflexão parcial na superfície de

separação água-ar.

c) a luz do sol, refletida pela parte da vassoura imersa na água, sofre reflexão total na superfície de

separação água-ar.

d) a luz do sol, refletida pela parte da vassoura imersa na água, sofre refração ao passar pela superfície de

separação água-ar.

e) o cabo de alumínio sofre uma dilatação na água, devido à diferença de temperatura entre a água e o ar.

215. (Ufmg 95) Um estreito feixe de luz monocromático passa de um meio I para um meio II cujos índices

de refração são diferentes. O feixe atravessa o meio II, penetra em um meio idêntico a I e é refletido em um

espelho plano. Estas figuras mostram opções de trajetórias para esse feixe de luz.

As figuras que representam trajetórias possíveis são

a) 1 e 2. b) 1 e 3. c) 2 e 5. d) 3 e 4. e) 4 e 6.

Física apostila de revisão - UFMG 85


Colégio Padre Machado
216. (Ufmg 97) Três peixes, M, N e O, estão em aquário com tampa não transparente com um pequeno

furo como mostra a figura.

Uma pessoa com o olho na posição mostrada na figura provavelmente verá

a) apenas o peixe M. b) apenas o peixe N. c) apenas o peixe O. d) os peixes N e O.

217. (Ufmg 2003) Um professor pediu a seus alunos que explicassem por que um lápis, dentro de um

copo com água, parece estar quebrado, como mostrado nesta figura:

Bruno respondeu: "Isso ocorre, porque a velocidade da luz na água é menor que a velocidade da

luz no ar".

Tomás explicou: "Esse fenômeno está relacionado com a alteração da freqüência da luz quando

esta muda de meio".

Considerando-se essas duas respostas, é CORRETO afirmar que

a) apenas a de Bruno está certa. b) apenas a de Tomás está certa.

c) as duas estão certas. d) nenhuma das duas está certa.

218. (Ufmg 97) Um feixe de luz do Sol é decomposto ao passar por um prisma de vidro. O feixe de luz

visível resultante é composto de ondas com

a) apenas sete freqüências que correspondem ás cores vermelha, alaranjada, amarela, verde, azul, anil e

violeta.

b) apenas três freqüências que correspondem às cores vermelha, amarela e azul.

c) apenas três freqüências que correspondem às cores vermelha, verde e azul.

d) uma infinidade de freqüências que correspondem a cores desde a vermelha até a violeta.

Física apostila de revisão - UFMG 86


Colégio Padre Machado
219. (Ufmg 94) Observe o diagrama.

Nesse diagrama, estão representados um objeto AB e uma lente convergente L. F• e F‚ são focos dessa

lente.A imagem A'B' do objeto AB será

a) direta, real e menor do que o objeto. b) direta, virtual e maior do que o objeto.

c) direta, virtual e menor do que o objeto. d) invertida, real e maior do que o objeto.

e) invertida, virtual e maior do que o objeto.

220. (Ufmg 98) As figuras representam, de forma esquemática, espelhos e lentes.

Para se projetar a imagem de uma vela acesa sobre uma parede, pode-se usar

a) o espelho E• ou a lente L‚. b) o espelho E• ou a lente L•.

c) o espelho E‚ ou a lente L‚. d) o espelho E‚ ou a lente L•.

221. (Ufmg 2001) Nesta figura, está representado o perfil de três lentes de vidro:

Rafael quer usar essas lentes para queimar uma folha de papel com a luz do Sol.Para isso, ele pode usar

apenas

a) a lente I. b) a lente II. c) as lentes I e III. d) as lentes II e III.

Física apostila de revisão - UFMG 87


Colégio Padre Machado
222. (Ufmg 2000) A figura mostra a bandeira do Brasil de forma esquemática.

Sob luz branca, uma pessoa vê a bandeira do Brasil com a parte I branca, a parte II azul, a parte III amarela

e a parte IV verde.Se a bandeira for iluminada por luz monocromática amarela, a mesma pessoa verá,

provavelmente,

a) a parte I amarela e a II preta.

b) a parte I amarela e a II verde.

c) a parte I branca e a II azul.

d) a parte I branca e a II verde.

223. (Ufmg 2004) Após examinar os olhos de Sílvia e de Paula, o oftalmologista apresenta suas

conclusões a respeito da formação de imagens nos olhos de cada uma delas, na forma de diagramas

esquemáticos, como mostrado nestas figuras:

Com base nas informações contidas nessas figuras, é CORRETO afirmar que

a) apenas Sílvia precisa corrigir a visão e, para isso, deve usar lentes divergentes.

b) ambas precisam corrigir a visão e, para isso, Sílvia deve usar lentes convergentes e Paula, lentes

divergentes.

c) apenas Paula precisa corrigir a visão e, para isso, deve usar lentes convergentes.

d) ambas precisam corrigir a visão e, para isso, Sílvia deve usar lentes divergentes e Paula, lentes

convergentes.

Física apostila de revisão - UFMG 88


Colégio Padre Machado

Física Térmica

224. (Ufmg 2004) Um cilindro é fechado por um êmbolo que pode se mover livremente. Um gás, contido

nesse cilindro, está sendo aquecido, como representado nesta figura:

Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que, nesse processo,

a) a pressão do gás aumenta e o aumento da sua energia interna é menor que o calor fornecido.

b) a pressão do gás permanece constante e o aumento da sua energia interna é igual ao calor fornecido.

c) a pressão do gás aumenta e o aumento da sua energia interna é igual ao calor fornecido.

d) a pressão do gás permanece constante e o aumento da sua energia interna é menor que o calor

fornecido.

225. (Ufmg 94) A Primeira Lei da Termodinâmica estabelece que o aumento ÐU da energia interna de

um sistema é dado por ÐU=ÐQ-ÐW, onde ÐQ é o calor recebido pelo sistema, e ÐW é o trabalho que

esse sistema realiza.Se um gás real sofre uma compressão adiabática, então,

a) ÐQ = ÐU.

b) ÐQ = ÐW.

c) ÐW = 0.

d) ÐQ = 0.

e) ÐU = 0.

226. (Ufmg 94) Como conseqüência da compressão adiabática sofrida por um gás, pode-se afirmar que

a) a densidade do gás aumenta, e sua temperatura diminui.

b) a densidade do gás e sua temperatura diminuem.

c) a densidade do gás aumenta, e sua temperatura permanece constante.

d) a densidade do gás e sua temperatura aumentam.

e) a densidade do gás e sua temperatura permanecem constantes.

Física apostila de revisão - UFMG 89


Colégio Padre Machado
227. (Ufmg 2005) Atualmente, a energia solar está sendo muito utilizada em sistemas de aquecimento de

água. Nesses sistemas, a água circula entre um reservatório e um coletor de energia solar. Para o perfeito

funcionamento desses sistemas, o reservatório deve estar em um nível superior ao do coletor, como

mostrado na Figura 1. No coletor, a água circula através de dois canos horizontais ligados por vários canos

verticais. A água fria sai do reservatório, entra no coletor, onde é aquecida, e retorna ao reservatório por

convecção. Nas quatro alternativas, estão representadas algumas formas de se conectar o reservatório ao

coletor. As setas indicam o sentido de circulação da água.

Assinale a alternativa em que estão CORRETAMENTE representados o sentido da circulação da água e a

forma mais eficiente para se aquecer toda a água do reservatório.

228. (Ufmg 94) Um mol de um gás ideal monoatômico percorre um ciclo da seguinte maneira:

1o) Parte de um estado inicial com pressão p³ e volume V³, sofrendo uma transformação

isovolumétrica, que duplica sua temperatura absoluta.

2o) A seguir, é submetido a uma expansão isobárica, que duplica seu volume.

3o) Retorna ao estado inicial por meio de uma transformação isovolumétrica, seguida de uma

compressão isobárica.

A) DESENHE o ciclo percorrido pelo gás no diagrama pV a seguir e INDIQUE os cálculos realizados.

B) Em termos de p³, de V³ e de R (a constante universal dos gases), DETERMINE o valor do trabalho

realizado pelo gás nesse ciclo e a eficiência ou rendimento desse ciclo.

Física apostila de revisão - UFMG 90


Colégio Padre Machado
229. (Ufmg 94) O gráfico da pressão p em função do volume V de um gás ideal representa uma

transformação cíclica ocorrida em três fases. Inicia-se o ciclo por uma transformação isobárica, seguida de

uma transformação isovolumétrica e finalmente, de uma transformação isotérmica.

Com base nesses dados pode-se afirmar que

a) o trabalho realizado na transformação isotérmica é calculado pela expressão pƒ(V•-Vƒ).

b) o trabalho realizado pelo gás é nulo durante a transformação isotérmica.

c) o trabalho realizado pelo gás na transformação isotérmica é igual ao calor que esse gás absorve.

d) o trabalho realizado sobre o gás durante a transformação isovolumétrica é o mesmo que na

transformação isobárica.

e) o trabalho realizado sobre o gás, na transformação isovolumétrica, é maior do que o trabalho realizado

pelo gás na transformação isotérmica.

230. (Ufmg 95) A figura a seguir mostra um cilindro fechado em uma de suas extremidades e provido de

um pistão de massa m, que pode se movimentar livremente. Esse cilindro contém um gás ideal.

Aquecendo-se o conjunto, o diagrama p × V que melhor descreve a transformação que está ocorrendo com

o gás é

Física apostila de revisão - UFMG 91


Colégio Padre Machado
231. (Ufmg 95) Um gás ideal é levado do estado inicial M para um estado N. Em seguida é levado para o

estado S e, então, retorna ao estado M, como está mostrado no diagrama a seguir p x V.

Considere T como sendo o trabalho realizado pelo ou sobre o gás; Q a quantidade de calor recebida ou

doada pelo gás e ÐU a variação da energia interna do gás.

1- Complete a tabela mostrada na figura anterior, atribuindo para os processos indicados os sinais positivo

(+) ou negativo (-) ou o valor zero às grandezas T, Q e ÐU.

2- Justifique suas respostas para o processo MN.

232. (Ufmg 2001) Um gás ideal, em um estado inicial i, pode ser levado a um estado final f por meio dos

processos I, II e III, representados neste diagrama de pressão versus volume:

Sejam WI , WII e WIII os módulos dos trabalhos realizados pelo gás nos processos I, II e III,

respectivamente.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que

a) WI < WII < WIII . b) WI = WII = WIII .

c) WI = WIII > WII . d) WI > WII > WIII .

Física apostila de revisão - UFMG 92


Colégio Padre Machado
233. (Ufmg 94) O gráfico da pressão p em função do volume V de um gás ideal representa uma

transformação cíclica ocorrida em três fases. Inicia-se o ciclo por uma transformação isobárica, seguida de

uma transformação isovolumétrica e, finalmente, de uma transformação isotérmica.Sejam T•, T‚ e Tƒ as

temperaturas do gás nos pontos 1, 2 e 3, respectivamente.

Em relação a essas temperaturas, pode-se afirmar que

a) T• = T‚ = Tƒ. b) T• = T‚ e T• > Tƒ.

c) T• = Tƒ e T• > T‚. d) T• = Tƒ e T• < T‚.

e) T• = T‚ e T• < Tƒ.

234. (Ufmg 95) Um gás encerrado num recipiente, cujo volume pode variar, tem sua temperatura

aumentada de 20°C para 100°C em uma transformação isobárica.Nesse processo, a densidade do gás

a) aumenta, mas não chega a ser duplicada. b) diminui, mas não chega a reduzir-se à metade.

c) não sofre variação alguma. d) torna-se 5 vezes maior.

e) torna-se 5 vezes menor.

235. (Ufmg 97) A figura mostra dois botijões A e B, de volumes V½ = 2VÛ, isolados termicamente. Os dois

recipientes contêm um mesmo gás ideal e estão em comunicação através de um tubo onde existe uma

válvula.

Na situação inicial, a válvula está fechada e as temperaturas, as pressões e os números de moléculas, nos

dois recipientes, estão assim relacionados: TÛ = T'½; PÛ = 2P½; nÛ = n½ .

Num certo momento, a válvula é aberta. Depois de atingida a nova situação de equilíbrio, tem-se

a) T'Û = T'½ ; P'Û = P'½ ; n'Û = n'½ . b) T'Û = T'½ ; P'Û = P'½ ; n'Û = n'½ / 2 .

c) T'Û = T'½ ; P'Û = 2P'½ ; n'Û = n'½ . d) T'Û = T'½ / 2 ; P'Û = P'½ ; n'Û = n'½ .

Física apostila de revisão - UFMG 93


Colégio Padre Machado
236. (Ufmg 98) A figura mostra um cilindro que contém um gás ideal, com um êmbolo livre para se

mover. O cilindro está sendo aquecido.

Pode-se afirmar que a relação que melhor descreve a transformação sofrida pelo gás é

a) p/T = constante b) pV = constante c) V/T = constante d) p/V = constante

237. (Ufmg 2005) Gabriela segura um balão com gás hélio durante uma viagem do Rio de Janeiro até o

pico das Agulhas Negras. No Rio de Janeiro, o volume do balão era V³, e o gás estava à pressão p³ e

temperatura T³, medida em Kelvin. Ao chegar ao pico, porém, Gabriela observa que o volume do balão

passa ser 6/5V³ e a temperatura do gás, 9/10T³.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que,

no pico das Agulhas Negras, a pressão do gás, no interior do balão, é

a) p³. b) 3/4 p³. c) 9/10 p³. d) 5/6 p³.

238. (Ufmg 2002) Um cilindro tem como tampa um êmbolo, que pode se mover livremente.

Um gás, contido nesse cilindro, está sendo aquecido, como representado na figura.

Assinale a alternativa cujo diagrama MELHOR representa a pressão em função da temperatura nessa

situação.

Física apostila de revisão - UFMG 94


Colégio Padre Machado
239. (Ufmg 2003) Uma seringa, com a extremidade fechada, contém uma certa quantidade de ar em seu

interior. Sampaio puxa, rapidamente, o êmbolo dessa seringa, como mostrado nesta figura:

Considere o ar como um gás ideal. Sabe-se que, para um gás ideal, a energia interna é proporcional à sua

temperatura.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que, no interior da seringa,

a) a pressão do ar aumenta e sua temperatura diminui.

b) a pressão do ar diminui e sua temperatura aumenta.

c) a pressão e a temperatura do ar aumentam.

d) a pressão e a temperatura do ar diminuem.

240. (Ufmg 2006) Regina estaciona seu carro, movido a gás natural, ao Sol.

Considere que o gás no reservatório do carro se comporta como um gás ideal.

Assinale a alternativa cujo gráfico MELHOR representa a pressão em função da temperatura do gás na

situação descrita.

Física apostila de revisão - UFMG 95


Colégio Padre Machado
241. (Ufmg 95) Duas lâminas de metais diferentes, M e N, são unidas rigidamente. Ao se aquecer o

conjunto até uma certa temperatura, esse se deforma, conforme mostra a figura a seguir.

Com base na deformação observada, pode-se concluir que

a) a capacidade térmica do metal M é maior do que a capacidade térmica do metal N.

b) a condutividade térmica do metal M é maior do que a condutividade térmica do metal N.

c) a quantidade de calor absorvida pelo metal M é maior do que a quantidade de calor absorvida pelo

metal N.

d) o calor específico do metal M é maior do que o calor específico do metal N.

e) o coeficiente de dilatação linear do metal M é maior do que o coeficiente de dilatação linear do metal N.

242. (Ufmg 99) O comprimento L de uma barra, em função de sua temperatura t , é descrito pela

expressão

L = L³ + L³ ‘ (t - t³),

sendo L³ o seu comprimento à temperatura t³ e a o coeficiente de dilatação do material da barra.Considere

duas barras, X e Y, feitas de um mesmo material. A uma certa temperatura, a barra X tem o dobro do

comprimento da barra Y. Essas barras são, então, aquecidas até outra temperatura, o que provoca uma

dilatação ÐX na barra X e ÐY na barra Y. A relação CORRETA entre as dilatações das duas barras é

a) ÐX = ÐY.

b) ÐX = 4 ÐY.

c) ÐX = (ÐY)/2.

d) ÐX = 2 ÐY.

Física apostila de revisão - UFMG 96


Colégio Padre Machado
243. (Ufmg 2003) Uma lâmina bimetálica é constituída de duas placas de materiais diferentes, M• e M‚,

presas uma à outra. Essa lâmina pode ser utilizada como interruptor térmico para ligar ou desligar um

circuito elétrico, como representado, esquematicamente na figura I:

Quando a temperatura das placas aumenta, elas dilatam-se e a lâmina curva-se fechando o circuito elétrico,

como mostrado na figura II.Esta tabela mostra o coeficiente de dilatação linear ‘ de diferentes

materiais:Considere que o material M• é cobre e o outro, M‚, deve ser escolhido entre os listados nessa

tabela.Para que o circuito seja ligado com o MENOR aumento de temperatura, o material da lâmina M‚ deve

ser o

a) aço. b) alumínio. c) bronze. d) níquel.

244. (Ufmg 95) Esta figura mostra um disco metálico de raio R com um orifício também circular,

concêntrico, de raio r.

À temperatura t•=20°C, a relação entre esses raios é R=2r.À temperatura t‚=40°C, a relação entre os raios

do disco R' e do orifício r' será

a) R' = r' b) R' = 2r'

c) R' = 3r' d) R' = 4r'

e) indefinida, porque depende do coeficiente de dilatação do material.

Física apostila de revisão - UFMG 97


Colégio Padre Machado
245. (Ufmg 97) O coeficiente de dilatação térmica do alumínio (AØ) é, aproximadamente, duas vezes o

coeficiente de dilatação térmica do ferro (Fe). A figura mostra duas peças onde um anel feito de um desses

metais envolve um disco feito do outro. Á temperatura ambiente, os discos estão presos aos anéis.

Se as duas peças forem aquecidas uniformemente, é correto afirmar que

a) apenas o disco de AØ se soltará do anel de Fe. b) apenas o disco de Fe se soltará do anel de AØ.

c) os dois discos se soltarão dos respectivos anéis. d) os discos não se soltarão dos anéis.

246. (Ufmg 2006) João, chefe de uma oficina mecânica, precisa encaixar um eixo de aço em um anel de

latão, como mostrado nesta figura:

À temperatura ambiente, o diâmetro do eixo é maior que o do orifício do anel.

Sabe-se que o coeficiente de dilatação térmica do latão é maior que o do aço.

Diante disso, são sugeridos a João alguns procedimentos, descritos nas alternativas a seguir, para encaixar

o eixo no anel.

Assinale a alternativa que apresenta um procedimento que NÃO permite esse encaixe.

a) Resfriar apenas o eixo. b) Aquecer apenas o anel.

c) Resfriar o eixo e o anel. d) Aquecer o eixo e o anel.

247. (Ufmg 95) O gráfico a seguir mostra como variam as temperaturas de dois corpos, A e B, cada um

de massa igual a 100g, em função da quantidade de calor absorvida por eles.

Os calores específicos dos corpos A(cÛ) e B(c½) são respectivamente,

a) cÛ = 0,10cal/g°C e c½ = 0,30cal/g°C b) cÛ = 0,067cal/g°C e c½ = 0,20cal/g°C

c) cÛ = 0,20cal/g°C e c½ = 0,60cal/g°C d) cÛ = 10cal/g°C e c½ = 30cal/g°C

e) cÛ = 5,0cal/g°C e c½ = 1,7cal/g°C

Física apostila de revisão - UFMG 98


Colégio Padre Machado
248. (Ufmg 97) Uma batata recém-cozida, ao ser retirada da água quente, demora para se esfriar.Uma

justificativa possível para esse fato pode ser dada afirmando-se que a batata tem

a) alta condutividade térmica. b) alto calor específico.

c) baixa capacidade térmica. d) baixa quantidade de energia interna.

249. (Ufmg 98) Coloca-se uma batata para cozinhar em uma panela com água, inicialmente à

temperatura ambiente.

O gráfico que melhor representa a temperatura da água e a temperatura do interior da batata, em função do

tempo, é

250. (Ufmg 2000) Um bloco de cobre, inicialmente sólido, é aquecido continuamente. Após um certo

tempo, esse bloco se liqüefaz totalmente e o cobre líquido continua a ser aquecido.

Durante todo o processo, o cobre recebe a mesma quantidade de calor por unidade de tempo.

Assinale a alternativa cujo gráfico MELHOR descreve a variação da temperatura do bloco com o tempo.

251. (Ufmg 2001) Um cano de cobre e um de alumínio, ambos de mesma massa, recebem a mesma

quantidade de calor. Observa-se que o aumento de temperatura do cano de alumínio é menor que o do

cano de cobre.Isso acontece porque o alumínio tem

a) calor específico maior que o do cobre. b) calor específico menor que o do cobre.

c) condutividade térmica maior que a do cobre. d) condutividade térmica menor que a do cobre.

Física apostila de revisão - UFMG 99


Colégio Padre Machado
252. (Ufmg 97) Um bloco de gelo, dentro de um recipiente de isopor, está à temperatura de -10°C.

Coloca-se um caneco com chope a uma temperatura de 30°C sobre o bloco. Após atingir o equilíbrio

térmico, a temperatura do chope é de 5°C .

O gráfico que melhor representa a temperatura do gelo e posteriormente da água e a temperatura do chope,

em função do tempo, é

253. (Ufmg 2002) Uma certa quantidade de gelo, inicialmente a -20°C, é aquecida até ser totalmente

convertida em vapor, a 120°C. A variação da temperatura em função do calor absorvido durante esse

processo está representada neste gráfico:

Por conveniência, nesse gráfico, o eixo correspondente ao calor absorvido NÃO está em escala.Sejam Lf e

Lv os calores latentes de, respectivamente, fusão e vaporização da água e cg e cv os calores específicos,

respectivamente, do gelo e do vapor.Com base nas informações contidas nesse gráfico, é CORRETO

afirmar que

a) Lf > Lv e cg > cv.

b) Lf > Lv e cg < cv.

c) Lf < Lv e cg > cv.

d) Lf < Lv e cg < cv.

Física apostila de revisão - UFMG 100


Colégio Padre Machado
254. (Ufmg 2004) Júlia coloca uma esfera de cobre e uma de alumínio, ambas de mesma massa e à

mesma temperatura, sobre um bloco de gelo. Após um certo tempo, ela observa que essas esferas

permanecem em equilíbrio nas posições indicadas nesta figura:

Todas as dimensões estão representadas em escala na figura.Sejam d(Cu) e d(Al) as densidades e c(Cu) e

c(Al) os calores específicos, respectivamente, do cobre e do alumínio.Com base nessas informações, é

CORRETO afirmar que

a) d(Cu) < d(Al) e c(Cu) > c(Al). b) d(Cu) > d(Al) e c(Cu) < c(Al).

c) d(Cu) < d(Al) e c(Cu) < c(Al). d) d(Cu) > d(Al) e c(Cu) > c(Al).

255. (Ufmg 97) Um mergulhador, na superfície de um lago onde a pressão é de 1,0atm, enche um balão

com ar e então desce a 10m de profundidade. Ao chegar nessa profundidade, ele mede o volume do balão

e vê que este foi reduzido a menos da metade. Considere que, dentro d'água, uma variação de 10m na

profundidade produz uma variação de 1atm de pressão.Se T• é a temperatura na superfície e T‚ a

temperatura a 10m de profundidade, pode-se afirmar que

a) T• < T ‚ . b) T• = T‚ . c) T• > T‚ . d) não é possível fazer comparação entre as duas temperaturas

com os dados fornecidos.

256. (Ufmg 97) Um cozinheiro quer comprar uma panela que esquente rápida e uniformemente.Ele deve

procurar uma panela feita de um material que tenha

a) alto calor específico e alta condutividade térmica.

b) alto calor específico e baixa condutividade térmica.

c) baixo calor específico e alta condutividade térmica.

d) baixo calor específico e baixa condutividade térmica.

257. (Ufmg 2003) No verão, Tia Maria dorme coberta somente com um lençol de algodão, enquanto, no

inverno, ela se cobre com um cobertor de lã.No inverno, a escolha do cobertor de lã justifica-se,

PRINCIPALMENTE, porque este

a) é mais quente que o lençol de algodão.

b) é pior transmissor de calor que o lençol de algodão.

c) se aquece mais rápido que o lençol de algodão.

d) tem mais calor acumulado que o lençol de algodão.

Física apostila de revisão - UFMG 101


Colégio Padre Machado

Física apostila de revisão - UFMG 102


Colégio Padre Machado

Física Moderna

258. (Ufmg 2004) Utilizando um controlador, André aumenta a intensidade da luz emitida por uma

lâmpada de cor vermelha, sem que esta cor se altere.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar

que a intensidade da luz aumenta porque

a) a freqüência da luz emitida pela lâmpada aumenta.

b) o comprimento de onda da luz emitida pela lâmpada aumenta.

c) a energia de cada fóton emitido pela lâmpada aumenta.

d) o número de fótons emitidos pela lâmpada, a cada segundo, aumenta.

259. (Ufmg 2004) Observe esta figura:

Paulo Sérgio, viajando em sua nave, aproxima-se de uma plataforma espacial, com velocidade de 0,7 c , em

que c é a velocidade da luz.

Para se comunicar com Paulo Sérgio, Priscila, que está na plataforma, envia um pulso luminoso em direção

à nave.Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que a velocidade do pulso medida por Paulo

Sérgio é de

a) 0,7 c. b) 1,0 c.

c) 0,3 c. d) 1,7 c.

260. (Ufmg 99) No modelo de Bohr para o átomo de hidrogênio, a energia do átomo

a) pode ter qualquer valor.

b) tem um único valor fixo.

c) independe da órbita do elétron.

d) tem alguns valores possíveis.

Física apostila de revisão - UFMG 103


Colégio Padre Machado
261. (Ufmg 2000) A presença de um elemento atômico em um gás pode ser determinada verificando-se

as energias dos fótons que são emitidos pelo gás, quando este é aquecido.

No modelo de Bohr para o átomo de hidrogênio, as energias dos dois níveis de menor energia são:

E• = - 13,6 eV

E‚ = - 3,40 eV.

Considerando-se essas informações, um valor POSSÍVEL para a energia dos fótons emitidos pelo

hidrogênio aquecido é

a) -17,0 eV.

b) -3,40 eV.

c) 8,50 eV.

d) 10,2 eV.

3. (Ufmg 2001) Dois feixes de raios X, I e II, incidem sobre uma placa de chumbo e são totalmente

absorvidos por ela. O comprimento de onda do feixe II é três vezes maior que o comprimento de onda do

feixe I.

Ao serem absorvidos, um fóton do feixe I transfere à placa de chumbo uma energia E• e um fóton do feixe II,

uma energia E‚.Considerando-se essas informações, é CORRETO afirmar que

a) E‚ = E•/3

b) E‚ = E•

c) E‚ = 3 E•

d) E‚ = 9 E•

262. (Ufmg 2002) Para se produzirem fogos de artifício de diferentes cores, misturam-se diferentes

compostos químicos à pólvora. Os compostos à base de sódio produzem luz amarela e os à base de bário,

luz verde.

Sabe-se que a freqüência da luz amarela é menor que a da verde.

Sejam E(Na) e E(Ba) as diferenças de energia entre os níveis de energia envolvidos na emissão de luz

pelos átomos de sódio e de bário, respectivamente, e v(Na) e v(Ba) as velocidades dos fótons emitidos,

também respectivamente.

Assim sendo, é CORRETO afirmar que

a) E(Na) < E(Ba) e v(Na) = v(Ba).

b) E(Na) < E(Ba) e v(Na) · v(Ba).

c) E(Na) > E(Ba) e v(Na) = v(Ba).

d) E(Na) > E(Ba) e v(Na) · v(Ba).

Física apostila de revisão - UFMG 104


Colégio Padre Machado
263. (Ufmg 94) Observe o diagrama.

Esse diagrama ilustra uma seqüência de decaimentos radioativos do núcleo atômico de um certo elemento.

O núcleo M decai para um núcleo N e, em estágios sucessivos, até o núcleo R, cujo número de prótons é

igual a 90, e o número de massa é igual a 230.

A) DETERMINE o número de nêutrons contidos no núcleo M.

B) CITE o nome da radiação emitida pelo núcleo no decaimento de N para P e de Q para R.

C) INDIQUE os núcleos do diagrama cujos átomos são isótopos.

264. (Ufmg 95) A natureza da luz é uma questão que preocupa os físicos há muito tempo. No decorrer da

história da Física, houve predomínio ora da teoria corpuscular - a luz seria constituída de partículas - ora da

teoria ondulatória - a luz seria uma onda.

1- Descreva, a concepção atual sobre a natureza da luz.

2- Descreva, resumidamente, uma observação experimental que sirva de evidência para a concepção

descrita no item anterior.

Física apostila de revisão - UFMG 105