You are on page 1of 2

IGREJA BATISTA DA GRAÇA

Fundada em 03 de janeiro de 2016 – CONGREGAÇÃO EM RECIFE


Av. Tapajós, 601
Areias – Recife – Pernambuco

SERVIÇO SOLENE – 10h00 às 12h00 EBD – 14H00 às 15h30

Oração de confissão de pecados Oração Ir. Natanael


Chamada à Adoração – Salmo 84 Recitativo Ensaio dos Salmos Congregação
Oração Ir. Natanael Pregação da Palavra de Deus Pastor Edson
Cântico do Salmo – 24 Congregação Oração Final
Leitura Pública das Escrituras Êx 20: 1-20.
Oração Dirigente Anotações:
Cântico do Salmo – 36 Congregação _____________________________________________
_____________________________________________
Cântico do Salmo – 54 Congregação
_____________________________________________
Ofertório Congregação
_____________________________________________
Exortação Mútua – CFB de 1689 Cap. 26 § 2 _____________________________________________
Oração de Gratidão Dirigente _____________________________________________
Cântico do Salmo 119.9-16 Congregação _____________________________________________
Exposição da Palavra de Deus Pastor Edson _____________________________________________
Santa Ceia _____________________________________________
Oração Final _____________________________________________
_____________________________________________
_____________________________________________
CONFESSANDO A FÉ – CFB 1689 _____________________________________________
_____________________________________________
Capítulo 26 § 2 (Sobre a Igreja) _____________________________________________

§ 2 Todas as pessoas, em todo o mundo, que professam a fé INFORMATIVOS


do Evangelho e obediência a Deus por meio de Cristo, de
acordo com isso, não arruinando a sua própria profissão por CATECISMO PURITANO
quaisquer erros de subversão do fundamento, ou impureza
de conversação, são, e podem ser chamadas de santos Pergunta 56: O que é proibido no Sexto Mandamento?
visíveis; e dos tais, todas as congregações particulares Resposta: O Sexto Mandamento proíbe o tirar a nossa
devem ser constituídas. própria vida, ou a vida do nosso próximo injustamente, ou
algo que possa tender a isso.
(1 Coríntios 1.2/Atos 11.26/Romanos 1.7/Efésios 1.20-22)
(Atos 16.28 / Gênesis 9.6 / Provérbios 24.11-12)
ESBOÇO DA PREGAÇÃO
Blog – Acesse o blog da nossa igreja e ouça as pregações
Tema: “Obedecendo sem Incerteza de Coração” online ou, então, baixe:
Anotações: http://reformadoscaruaru.blogspot.com.br/

______________________________________________ Aplicativo – Símbolos de Fé Batista (Disponível para


______________________________________________ versão Android) B89
______________________________________________ Reuniões IBG/Areias – Domingos 10h00 (Culto Solene) e
______________________________________________ 14h00 (EBD); Quintas 19h30 (Estudos e Oração).
______________________________________________
______________________________________________ E-mail: ibgrecife@gmail.com
______________________________________________ Congregação Batista da Graça em Recife
DIA DO SENHOR, 17 DE DEZEMBRO DE 2017. ANO I - Nº 99
SALMO 24 (8) Saciados todos hão de estar com_a fartura da t’ua casa
E Tu a todos dás torrente em delícias a beber
(1) Do SENHOR_é_a terra e_a sua plenitude
O mundo e todos os habitantes seus (9) Pois da vida a fonte está em Ti; Em t’ua luz nós vemos
(2) Pois sobre os mares Ele_a fundamentou luz
E sobre as correntes, estabeleceu. (10) T’ua graça e t’ua justiça sempre estarão sobre os fiéis

(3) Quem pois subirá para_o monte do SENHOR (11) Não me calque o pé do orgulho e nem me repila a
Ou quem estará no seu santo lugar? mão dos ímpios
(4) Aquele que_e limpo de mãos e coração, (12) To mbaram os obreiros da iniquidade e já não são
Não ama vaidade,_enganoso não é.
SALMO 54
(5) Tal homem recebe a bênção do SENHOR
Justiça do Deus da sua salvação, (1) Ó Deus me salva por teu nome
(6) Tal é a linhagem daqueles que o buscam Faz-me justiça com poder
Que buscam a face do Deus de Jacó. (2) Ó Deus escuta minha prece
Minhas palavras vem ouvir
(7) Erguei já ó portas as vossas cabeças (3) Contra mim, pois, se levantam
Portais eternais levantai-vos ao Rei Insolentes, homens vis!
Afim de que entre ali o Rei da Glória Dar cabo querem da minha vida
Portais eternais levantai-vos ao Rei Perante si, pois, não têm Deus!

(8) Quem_é_o Rei da Glória, este Rei tão glorioso (4) Eis que Deus é meu socorro
SENHOR das batalhas que_é forte em poder Minha vida Deus sustém.
(9) Erguei já ó portas as vossas cabeças (5) Retribui meus opressores
Portais eternais levantai-vos ao Rei. Dá cabo deles, Deus Fiel.
(6) Com voluntários sacrifícios
A fim de que entre ali o Rei da Glória Louvar-te-ei, porque é bom!
Portais eternais levantai-vos ao Rei (7) Pois livrou-me das angústias
Quem é_o Rei da Glória, este Rei tão glorioso E derrotados vejo_os maus
Ele_é_o Rei da Glória, das hostes Senhor!
SALMO 119.9-16
SALMO 36
De que maneira o jovem poderá
(1) Há no coração do pecador o clamor da transgressão Guardar em santidade o seu andar?
Diante dos seus olhos não há nenhum temor de Deus Observando todo o caminhar
Conforme a tua santa lei mandar
(2) Aos seus olhos sua transgressão lhe elogia e lhe
convence De todo o coração eu te busquei,
Que não virão às claras nem detestadas hão de ser Não me permitas desprezar a lei
No coração t'ua lei guardada está
(3) As palavras de sua boca são só malícia e engano E contra Ti não venha eu pecar
Renunciou o discernir e a prática do bem
Bendito és Tu, me ensina, ó SENHOR
(4) No seu leito trama perverter, seu caminho não é bom Os teus preceitos, tuas santas leis
Não aborrece o mal nem dele pretende se afastar Quero narrar com os lábios tua lei,
Tudo que tua boca nos falou
(5) A benignidade do Senhor chega até aos altos céus
E até às nuvens tua fidelidade, ó Senhor Mais regozijo tenho em caminhar
Nos testemunhos que provém de Ti
(6) Como os altos montes do Senhor assim é t’ua justiça Me alegrarei na tua lei bem mais
Tal qual profundo abismo são os juízos do meu Deus Do que em ricas possessões, sem fim

Tu preservas homens e animais (7) Quão preciosa é a tua Nos teus preceitos eu meditarei
graça Respeito aos teus caminhos manterei
Por isso os homens buscam nas tuas asas se abrigar Nos teus decretos me contentarei
Tua Palavra não esquecerei
DIA DO SENHOR, 17 DE DEZEMBRO DE 2017. ANO I - Nº 99