Sie sind auf Seite 1von 13

 1 (Adaptada do Enem 2003).

O quadro abaixo mostra a taxa de crescimento natural


da população brasileira no século XX.

Período Taxa anual média de


crescimento natural
(%)
1920-1940 1,90
1940-1950 2,40
1950-1960 2,99
1960-1970 2,89
1970-1980 2,48
1980-1991 1,93
1991-2000 1,64
Fonte: IBGE, Anuários Estatísticos do Brasil

Com base na tabela, é correto afirmar que a população brasileira:


answer.your_answer_colon a.
Apresentou crescimento percentual menor nas
últimas décadas.
answer.answers_colon a.
Apresentou crescimento percentual menor nas
últimas décadas.
b.
Apresentou crescimento percentual maior nas últimas
décadas.
c.
Decresceu em valores absolutos nas cinco últimas
décadas.
d.
Apresentou apenas uma pequena queda entre 1950 e
1980.
e.
Permaneceu praticamente inalterada desde 1950.

answer.feedback_colon Resposta: A
Comentário:
Alternativa A: CORRETA. Leitura direta da tabela (no
período 1991-2000, a taxa média de crescimento foi de
1,64% – menor taxa observada na tabela).
Alternativa B: INCORRETA. Leitura direta da tabela (no
período 1991-2000, a taxa média de crescimento foi de
1,64% – menor taxa observada na tabela).
Alternativa C: INCORRETA. A tabela não mostra
crescimentos/decrescimentos absolutos (apenas percentuais).
Alternativa D: INCORRETA. A tabela não mostra
crescimentos/decrescimentos absolutos. Mesmo pequenas
variações percentuais sobre valores muito grandes podem
ocasionar grandes variações absolutas.
Alternativa E: INCORRETA. A tabela não mostra
crescimentos/decrescimentos absolutos. Mesmo pequenas
variações percentuais sobre valores muito grandes podem
ocasionar grandes variações absolutas.

 qr.question_num

label.points_received

(Adaptada do Enem 2003). Os dados abaixo referem-se à origem do petróleo


consumido no Brasil em dois diferentes anos.

Analisando os dados, pode-se perceber que o Brasil adotou


determinadas estratégias energéticas, dentre as quais podemos citar:
answer.your_answer_colon d.

O aumento da produção nacional e a redução do


consumo de petróleo vindo dos países do Oriente
Médio.
answer.answers_colon a.
A diminuição das importações dos países
muçulmanos e a redução do consumo interno.
b.

A redução da produção nacional e a diminuição do


consumo do petróleo produzido no Oriente Médio.
c.

A redução da produção nacional e o aumento das


compras de petróleo dos países árabes e africanos.
d.

O aumento da produção nacional e a redução do


consumo de petróleo vindo dos países do Oriente
Médio.
e.

O aumento da dependência externa de petróleo vindo


de países mais próximos do Brasil e a redução do
consumo interno.
answer.feedback_colon .

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2002). O Protocolo de Kyoto, uma convenção das Nações Unidas que é
marco sobre mudanças climáticas, estabelece que os países mais industrializados
devem reduzir até 2012 a emissão dos gases causadores do efeito estufa em pelo
menos 5% em relação aos níveis de 1990. Essa meta estabelece valores superiores
ao exigido para países em desenvolvimento. Até 2001, mais de 120 países, incluindo
nações industrializadas da Europa e da Ásia, já haviam ratificado o protocolo. No
entanto, nos EUA, o presidente George W. Bush anunciou que o país não ratificaria
Kyoto, com os argumentos de que os custos prejudicariam a economia americana e
que o acordo era pouco rigoroso com os países em desenvolvimento (adaptado do
Jornal do Brasil, 11/04/2001). Na tabela encontram-se dados sobre a emissão de
CO2.
Emissões de CO 2 Emissões
Países desde 1950 (bilhões anuais de CO 2
de ton.) per capita
Estados Unidos 186,1 16 a 36
União Europeia 127,8 7 a 16
Rússia 68,4 7 a 16
China 57,6 2,5 a 7
Japão 31,2 7 a 16
Índia 15,5 0,8 a 2,5
Polônia 14,4 7 a 16
África do Sul 8,5 7 a 16
México 7,8 2,5 a 7
Brasil 6,6 0,8 a 2,5

Considerando os dados da tabela, assinale a alternativa que representa um


argumento que se contrapõe à justificativa dos EUA de que o acordo de Kyoto foi
pouco rigoroso com países em desenvolvimento.
answer.your_answer_colon d.

As emissões de CO2 nos países em desenvolvimento


citados são muito baixas.
answer.answers_colon a.

A emissão acumulada da União Europeia está


próxima a dos EUA.
b.

Nos países em desenvolvimento as emissões são


equivalentes a dos EUA.
c.

A emissão per capita da Rússia assemelha-se a da


União Europeia.
d.

As emissões de CO2 nos países em desenvolvimento


citados são muito baixas.
e.

A África do Sul apresenta uma emissão anual per


capita relativamente alta.
answer.feedback_colon Resposta: D
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. Embora a emissão
acumulada da União Europeia seja da mesma ordem de
grandeza da dos Estados Unidos, ambas as regiões são
desenvolvidas. Isso não contrapõe a justificativa dos
EUA, que cita o “pouco rigor com os países em
desenvolvimento”.
Alternativa B: INCORRETA. Nos países em
desenvolvimento, como o Brasil e o México, as emissões
são muito menores que as emissões dos EUA.
Alternativa C: INCORRETA. Enquanto a emissão per
capita da Rússia é de 7 a 16, a dos EUA é de 16 a 36.
Alternativa D: CORRETA. As emissões nos países em
desenvolvimento são mais baixas que as dos EUA. Isso
se contrapõe ao argumento americano de que haja “pouco
rigor com os países em desenvolvimento”.
Alternativa E: INCORRETA. A emissão anual per
capita da África do Sul é mais baixa que a dos EUA.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2003). Um dos aspectos utilizados para avaliar a posição ocupada pela
mulher na sociedade é a sua participação no mercado de trabalho. O gráfico mostra
a evolução da presença de homens e mulheres no mercado de trabalho entre os anos
de 1940 e 2000.

Da leitura do gráfico, pode-se afirmar que a participação percentual do


trabalho feminino no Brasil:
answer.your_answer_colon e.
Apresentou-se crescente desde 1950 e, se mantida a
tendência, alcançará, a curto prazo, a participação
masculina.
answer.answers_colon a.
Teve valor máximo em 1950, o que não ocorreu com
a participação masculina.
b.
Apresentou, tanto quanto a masculina, menor
crescimento nas três últimas décadas.
c.
Apresentou o mesmo crescimento que a participação
masculina no período de 1960 a 1980.
d.
Teve valor mínimo em 1940, enquanto a participação
masculina teve o menor valor em 1950.
e.
Apresentou-se crescente desde 1950 e, se mantida a
tendência, alcançará, a curto prazo, a participação
masculina.
answer.feedback_colon Resposta: E
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. A participação percentual
do trabalho feminino no Brasil não teve valor máximo
em 1950 (pelo gráfico, ocorreu em 2000).
Alternativa B: INCORRETA. A participação percentual
do trabalho feminino no Brasil teve o maior crescimento
percentual nas últimas três décadas. O gráfico apresenta a
maior inclinação do período de 1970 a 2000.
Alternativa C: INCORRETA. A participação percentual
do trabalho feminino no Brasil cresceu no período de
1960 a 1980. A participação percentual do trabalho
masculino no Brasil decresceu no período de 1960 a
1980.
Alternativa D: INCORRETA. A participação percentual
do trabalho feminino no Brasil teve valor máximo em
1950 e não em 1940.
Alternativa E: CORRETA. A participação percentual do
trabalho feminino no Brasil foi crescente desde 1950,
enquanto a masculina foi decrescente.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2004). Ao longo do século XX, as características da população brasileira


mudaram muito. Os gráficos mostram as alterações na distribuição da população da
cidade e do campo e na taxa de fecundidade (número de filhos por mulher) no
período entre 1940 e 2000.
(IBGE)

Comparando os dados dos gráficos, pode-se concluir que:


answer.your_answer_colon e.

Com a intensificação do processo de urbanização, o


número de filhos por mulher tende a ser menor.
answer.answers_colon a.

O aumento relativo da população rural é


acompanhado pela redução da taxa de fecundidade.
b.

Quando predominava a população rural, as mulheres


tinham em média três vezes menos filhos do que
hoje.
c.

A diminuição relativa da população rural coincide


com o aumento do número de filhos por mulher.
d.

Quanto mais aumenta o número de pessoas morando


em cidades, maior passa a ser a taxa de fecundidade.
e.

Com a intensificação do processo de urbanização, o


número de filhos por mulher tende a ser menor.
answer.feedback_colon Resposta: E
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. A população rural sofre
diminuição relativa e não aumento.

Alternativa B: INCORRETA. A taxa de fecundidade


atual (2000) é de aproximadamente 2. No período em que
predominava a população rural (de 1940 a 1960), a taxa
de fecundidade era de aproximadamente 6. Ou seja, a
taxa de fecundidade de 1940 a 1960 era o triplo da atual!
Alternativa C: INCORRETA. A taxa de fecundidade
diminuiu de 1960 a 2000 (ou seja, não vem ocorrendo
aumento de filhos por mulher).
Alternativa D: INCORRETA. Com o aumento da
população urbana, a taxa de fecundidade diminuiu.
Alternativa E: CORRETA. Com o aumento da
população urbana, a taxa de fecundidade diminuiu.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2004). O número de atletas nas Olimpíadas vem aumentando nos últimos
anos, como mostra o gráfico. Mais de 10.000 atletas participaram dos Jogos
Olímpicos de Sydney, em 2000.

Nas últimas cinco Olimpíadas, esse aumento ocorreu devido ao


crescimento da participação de:
answer.your_answer_colon e.
Mulheres, pois a de homens praticamente não se
alterou.
answer.answers_colon a.
Homens e mulheres, na mesma proporção.
b.
Homens, pois a de mulheres vem diminuindo a cada
Olimpíada.
c.
Homens, pois a de mulheres praticamente não se
alterou.
d.
Mulheres, pois a de homens vem diminuindo a cada
Olimpíada.
e.
Mulheres, pois a de homens praticamente não se
alterou.
answer.feedback_colon Resposta: E
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. A participação percentual
das mulheres cresceu mais que a dos homens.
Alternativa B: INCORRETA. A participação percentual
das mulheres cresceu mais que a dos homens.
Alternativa C: INCORRETA. A participação percentual
das mulheres cresceu mais que a dos homens.
Alternativa D: INCORRETA. A participação percentual
dos homens não vem diminuindo a cada Olimpíada.
Alternativa E: CORRETA. A participação percentual
das mulheres cresceu mais que a dos homens e a de
homens quase não houve alteração.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2007)

É título adequado para a matéria jornalística em que o gráfico acima seja


apresentado:
answer.your_answer_colon e.
Sabor de mel: A China é o gigante na produção de
mel no mundo, e o Brasil está em 15o lugar no
ranking.
answer.answers_colon a.
Apicultura: Brasil ocupa a 33a posição no ranking
mundial de produção de mel — as abelhas estão
desaparecendo no país.
b.
O milagre do mel: a apicultura se expande e coloca o
país entre os seis primeiros no ranking mundial de
produção.
c.
Pescadores do mel: Brasil explora regiões de mangue
para produção do mel e ultrapassa a Argentina no
ranking mundial.
d.
Sabor bem brasileiro: Brasil inunda o mercado
mundial com a produção de 15 mil toneladas de mel
em 2005.
e.
Sabor de mel: A China é o gigante na produção de
mel no mundo, e o Brasil está em 15o lugar no
ranking.
answer.feedback_colon Resposta: E
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. O Brasil ocupa a 15a
posição no ranking mundial de produção de mel.
Alternativa B: INCORRETA. O Brasil não está entre os
seis primeiros no ranking mundial de produção de mel
(ocupa a 15a posição).
Alternativa C: INCORRETA. O Brasil ocupa a 15a
posição no ranking mundial de produção de mel, e a
Argentina ocupa a 3a posição.
Alternativa D: INCORRETA. O Brasil produziu 33 mil
toneladas de mel em 2005.
Alternativa E: CORRETA. A China ocupa a 1a posição
no ranking mundial de produção de mel (com 276 mil
toneladas de mel em 2005). O Brasil ocupa a 15a posição
no ranking mundial de produção de mel (com 33 mil
toneladas de mel em 2005).

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2007). A tabela abaixo representa, nas diversas regiões do Brasil, a


porcentagem de mães que, em 2005, amamentavam seus filhos nos primeiros meses
de vida.

Ao ingerir leite materno, a criança adquire anticorpos importantes que a


defendem de doenças típicas da primeira infância. Nesse sentido, a
tabela mostra que, em 2005, percentualmente, as crianças brasileiras que
estavam mais protegidas dessas doenças eram as da região:
answer.your_answer_colon a.

Norte.
answer.answers_colon a.

Norte.
b.

Nordeste.
c.

Sudeste.
d.

Sul.
e.

Centro-Oeste.
answer.feedback_colon Resposta: A
Comentário: Da leitura da tabela, vemos que é na região
Norte que observamos maiores percentuais de
aleitamento, tanto até o 4º mês como de 9 meses a 1 ano.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2007)

Fonte: Associação Brasileira de Defesa do Consumidor (com adaptações).

As figuras acima apresentam dados referentes aos consumos de energia


elétrica e de água relativos a cinco máquinas industriais de lavar roupa
comercializadas no Brasil. A máquina ideal, quanto a rendimento
econômico e ambiental, é aquela que gasta, simultaneamente, menos
energia e água. Com base nessas informações, conclui-se que, no
conjunto pesquisado:
answer.your_answer_colon d.
A máquina que menos consome energia elétrica não é
a que consome menos água.
answer.answers_colon a.
Quanto mais uma máquina de lavar roupa economiza
água, mais ela consome energia elétrica.
b.
A quantidade de energia elétrica consumida por uma
máquina de lavar roupa é inversamente proporcional
à quantidade de água consumida por ela.
c.
A máquina I é ideal, de acordo com a definição
apresentada.
d.
A máquina que menos consome energia elétrica não é
a que consome menos água.
e.
A máquina que mais consome energia elétrica não é a
que consome mais água.
answer.feedback_colon Resposta: D
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. Da máquina III para a
máquina V, há aumento no consumo de água e aumento
no consumo de energia elétrica.
Alternativa B: INCORRETA. Da máquina III para a
máquina V, há aumento no consumo de água e aumento
no consumo de energia elétrica. Ou seja, da máquina III
para a máquina V, o consumo de água e o consumo de
energia elétrica são diretamente proporcionais.
Alternativa C: INCORRETA. A máquina ideal é a que
consome simultaneamente menos energia e menos água.
A máquina I á a que consome menos água, porém
apresenta “elevado” consumo de energia.
Alternativa D: CORRETA. A máquina III é a que
consome menos energia, mas não é a que consome menos
água.
Alternativa E: INCORRETA. A máquina V é a que mais
consome energia e também a que mais consome água.

 qr.question_num

label.points_received

(Enem 2008) No gráfico a seguir, estão especificados a produção brasileira de café,


em toneladas; a área plantada, em hectares (ha), e o rendimento médio do plantio,
em kg/ha, no período de 2001 a 2008.

A análise dos dados mostrados no gráfico revela que:


answer.your_answer_colon d.
Os aumentos na produção correspondem a aumentos
no rendimento médio do plantio.
answer.answers_colon a.
A produção, em 2003, foi superior a 2.100.000
toneladas de grãos.
b.
A produção brasileira foi crescente ao longo de todo
o período observado.
c.
A área plantada decresceu a cada ano no período de
2001 a 2008.
d.
Os aumentos na produção correspondem a aumentos
no rendimento médio do plantio.
e.
A área plantada em 2007 foi maior que a de 2001.
answer.feedback_colon Resposta: D
Comentário:
Alternativa A: INCORRETA. A produção em 2003 foi
igual a 2.000.000 toneladas de grãos (leitura do gráfico).

Alternativa B: INCORRETA. Por exemplo, de 2002 a


2003, a produção foi decrescente (leitura do gráfico).
Alternativa C: INCORRETA. Por exemplo, de 2001 a
2002, a área plantada manteve-se constante, e de 2002 a
2003, a área plantada foi crescente (leitura do gráfico).
Alternativa D: CORRETA. Houve aumento na produção
de 2001 a 2002, de 2003 a 2004, de 2005 a 2006 e de
2007 a 2008. Também houve aumento no rendimento
médio do plantio de 2001 a 2002, de 2003 a 2004, de
2005 a 2006 e de 2007 a 2008 (leitura do gráfico).
Alternativa E: INCORRETA. A área plantada em 2007
foi menor que a de 2001 (leitura do gráfico).