Sie sind auf Seite 1von 4

GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA MECATRÔNICA

DISCIPLINA: ENGENHARIA DE SUSTENTABILIDADE


PROFESSOR(A): JOSICLEA PEREIRA ROGÉRIO

GESTÃO DE EFLUENTES E RESÍDUOS INDUSTRIAIS

DIEGO GOMES DA SILVA

Maceió-AL
Setembro de 2017.
INTRODUÇÃO

O controle dos resíduos fabricados pelas indústrias tem se tornado um problema


constante devido a direção que o mundo corporativo/industrial está tomando a uma
melhor gestão ambiental. Faz necessário o uso de estratégias e planejamentos que
solucionem problemas como o transporte, a coleta, o reaproveitamento desses resíduos.
A estratégia de gestão ambiental tem o tratamento de efluentes como uma das principais
etapas, o mesmo vem evoluindo muito com o avanço da tecnologia.

Apesar do gasto inicial com a implantação dessa estratégia, uma vez adotada a
prática de gestão de resíduos e efluentes, a empresa terá benefícios econômicos, como
por exemplo a venda de materiais reciclados em mercados específicos gerando uma fonte
de receita que possa ser de grande valor para uma empresa. Além dos benefícios
econômicos a empresa poderá gerar benefícios sociais trabalhando junto a ONGs sobre a
reeducação ambiental, e gerando empregos diretos ou indiretos na área de reciclagem.

OBJETIVOS

A revisão bibliográfica é indispensável para a delimitação do problema em


um projeto de pesquisa e para obter uma ideia precisa sobre o estado atual dos
conhecimentos sobre um tema, sobre suas lacunas e sobre a contribuição da investigação
para o desenvolvimento do conhecimento. Sendo assim o objetivo desta revisão é analisar
os resultados de um projeto na área de gestão de efluentes e de resíduos industriais.

METODOLOGIA

O método é a ordem que se deve impor a diferentes processos necessários para


que se possa atingir determinado resultado. Este trabalho faz uso da pesquisa bibliográfica
no intuito de proporcionar respostas a problemas que são propostos, como no debate de
um projeto de gestão de efluentes e resíduos industriais, sendo uma revisão bibliográfica,
os procedimentos técnicos são tirados de material já elaborado como livros e artigos
científicos.
RESULTADOS

A gestão ambiental concede a possibilidade de que a empresa identifique os


impactos ambientais das suas ações em relação ao meio ambiente, as prioridades e metas
para o continuo aperfeiçoamento de sua performance ambiental, para que a organização
assuma responsabilidade pela implementação do treinamento.

Ainda, a Gestão Ambiental tem como objetivo estudar as melhores técnicas de


alocação correta dos recursos humanos e financeiros, a fim de conciliar o crescimento
econômico e o desenvolvimento sustentável.

Mas uma base é necessária para o advento desta estratégia, não só uma educação
ambiental presente dentro das escolas, como também fora delas em diversos setores da
sociedade, conscientizando assim o homem que só pensando na evolução industrial não
tinha o pensamento de preservação do meio. Percebe-se, então, que a interação
homem/solo/água pode ocasionar em degradações do meio ambiente, e as mesmas podem
ser minimizadas com a utilização de uma gestão ambiental que procure buscar um
desenvolvimento sustentável.

CONCLUSÃO

Entende-se então a importância da preservação do meio ambiente através de


métodos e estratégias, assegurando assim um futuro promissor para a sociedade. Mesmo
com a tecnologia avançando cada vez mais alguns recursos naturais não são renováveis,
pelo menos a curto prazo, aumentando assim a importância da sua preservação. Nota-se
que em vários trabalhos sobre o tema, a educação ambiental não é tão abordada quanto
os meios de correção, isso talvez seja um problema, pois com a educação ambiental em
vários setores sociais, as correções futuras não teriam que ser tão drásticas.
REFERÊNCIAS

CERVO, Amado L., BERVIAN, Pedro A., Silva, Roberto da. Metodologia científica. 6.
Ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2007.

MUSIELLO NETO, F. E. O impacto da cultura organizacional nas práticas de gestão


ambiental: um estudo no Pólo Costa das Piscinas, litoral sul-paraibano.
ENCONTRO NACIONAL DE PROGRAMAS DE PÓS-GRADUAÇÃO EM
ADMINISTRAÇÃO, 28, 2004, Curitiba. Anais... Curitiba: EnANPAD, 2004.

BELTRAME Thiago F. LHAMBY Andressa R. e BELTRAME Alex. Efluentes,


resíduos sólidos e educação ambiental: Uma discussão sobre o tema. Universidade
Federal de Santa Maria, Santa Maria, Rio Grande do Sul.

Como fazer uma Revisão Bibliográfica. Retirado de http://posgraduando.com/como-


fazer-uma-revisao-bibliografica/. Acesso em: 17/11/2017