You are on page 1of 16

PARCEIROS

MESTRADO
EM DIREITO
2017-2018

1
MESTRADO EM DIREITO
2017-2018
11ª edição

SAÍDAS PROFISSIONAIS
Advocacia de negócios e de empresa (em escritório
e “in-house”)
Gabinetes jurídicos e de regulação de autoridades
O programa de mestrado Direito e reguladoras
Gestão resulta do esforço de inovação Assessoria à administração de empresas
e da experiência acumulada por duas Consultadoria
Gestão de empresas
escolas que lideram nas respetivas
áreas: a CATÓLICA-LISBON School of
Business and Economics e a Faculdade
DESTINATÁRIOS
de Direito - Escola de Lisboa da
Jovens juristas que pretendam exercer
Universidade Católica Portuguesa. a sua atividade em Direito de empresa.
É um programa “pre-experience”, pelo que
Os programas de Mestrado destas Escolas con- os candidatos devem ser recém-licenciados
cretizam as ideias de inovação, modernidade, ou com uma reduzida experiência profissional.
exigência, ligação ao mercado profissional. Em É um programa “full-time”, que exige dedi-
suma, excelência. cação e acompanhamento diário das ma-
térias lecionadas, embora a experiência
O Mestrado em Direito e Gestão alia sóli- de alguns alunos demonstre que é possível
dos conhecimentos em Direito ao domínio manter alguma atividade profissional, ainda
de instrumentos fundamentais para a ges- que limitada.
tão de empresas e para a análise da atividade Uma vez que alguns docentes são estrangei-
empresarial. Forma especialistas em direito ros e que grande parte da bibliografia estará
da empresa, preparando os juristas para as em inglês, os candidatos deverão ter, no
respostas adequadas à realidade da gestão da mínimo, um nível intermédio de domínio
empresa e para uma interação eficaz com os deste idioma.
gestores.

2
Os programas de LL.M. da Católica Global School of Law
estão entre os melhores e mais inovadores do mundo:
Financial Times, Innovative Law Schools Report.
A CATÓLICA-LISBON é a Melhor Escola Portuguesa nos
rankings do Financial Times das Top European Business
Schools e da Formação de Executivos. Acreditada pelas
três instituições de referência mundial na avaliação das
Escolas de Gestão.

COORDENADOR COORDENADORES
GESTÃO DIREITO

JOÃO CONFRARIA FERNANDO A. FERREIRA PINTO

Doutor em Economia pela Universidade Católica Portu- Doutor em Direito (Ciências Jurídicas), Faculdade de Direito
guesa. Professor auxiliar da Universidade Católica Portu- da Universidade Católica Portuguesa. Professor da Escola
guesa onde leciona nas áreas de regulação económica de Lisboa da Faculdade de Direito da Universidade Católica
e políticas públicas. Administrador da ANACOM - Auto- Portuguesa, exercendo a sua atividade nas áreas do Direito
ridade Nacional de Comunicações desde maio de 2012. Civil e Comercial. Foi Diretor da Escola de Lisboa da FD da
Vice-Presidente do Conselho Diretivo do Instituto Nacio- UCP; atualmente é Pró-Reitor da Universidade Católica
nal de Aviação Civil (1998-2011). Vogal do Conselho de Portuguesa. É sócio da Ferreira Pinto & Associados.
Administração do Instituto de Comunicações de Portugal
/ Autoridade Nacional de Comunicações (1996 - 2002).
Diretor do Centro de Estudos Aplicados da Universidade
Católica Portuguesa (2005-2007). Membro da Direção do
Programa de MBA da Universidade Católica (1991-1993).
Autor de trabalhos sobre política industrial e regulação
económica e concorrência nos mercados de comunica- JOSÉ LOBO MOUTINHO
ções e de transportes, de água e resíduos e financeiros.
Doutor em Direito (Ciências Jurídicas), Faculdade de Di-
reito da Universidade Católica Portuguesa. Professor
associado na Faculdade de Direito da Universidade Ca-
tólica Portuguesa, exercendo a sua atividade nas áreas
do Direito e Processo Penal, Direito Penal da Empresa e
do Direito das Contra-ordenações e do Direito da Regu-
lação (vertente sancionatória). Tem elaborado estudos e
pareceres jurídicos e participado em comissões oficiais
de revisão de legislação. É sócio principal da Sérvulo &
Associados.

3
PROGRAMA (1)

MESTRADO PERÍODO PRELIMINAR


EM DIREITO OBRIGATÓRIO

2017-2018 Curso Intensivo de Matemática


Curso Intensivo de Excel
11ª edição Strategic Decision Making

1º SEMESTRE
ESTRUTURA
DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

PARTE LETIVA Estratégia [3 ECTS] Raffaele Conti


Marketing [3 ECTS] Pedro Celeste
1º E 2º SEMESTRES [60 ECTS]
Contabilidade e Análise Financeira [6 ECTS]
Início Setembro de 2017 Ricardo Reis e Sílvia Cortês
Fim Julho de 2018 Finanças Empresariais [8 ECTS]
Guilherme Almeida e Brito e Mário Meira
Teoria Económica do Contrato [4 ECTS]
Fátima Barros e Fernando Ferreira Pinto
ELABORAÇÃO E DISCUSSÃO
Gestão dos Recursos Humanos e
DO TRABALHO FINAL Direito do Trabalho [6 ECTS]
3º SEMESTRE [35 ECTS] David Patient e Rita Canas da Silva

Entrega do trabalho final 31 de março de 2019
Discussão em Provas Públicas A definir 2º SEMESTRE

DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

Fiscalidade [6 ECTS] Sérgio Vasques e Luís Janeiro


Fusões e Aquisições [3 ECTS]
António Borges de Assunção e Rita Amaral Cabral
Mercado de Capitais [6 ECTS]
Jorge Brito Pereira e Hugo Costa
Ciclo de Conferências sobre Ética nos Negócios

4
2º SEMESTRE Direito e Gestão. Uma combinação improvável? Longe
disso. É uma combinação lógica nos tempos que correm.
Mais de uma década volvida depois da sua criação,
DISCIPLINAS OPTATIVAS (2)
o Mestrado em Direito e Gestão tornou-se num dos
mais procurados pelos alunos e por sociedades de
Negociação (3) [3 ECTS]
advogados e empresas, que contratam quem obtém
Regulação e Concorrência [6 ECTS]
João Confraria e José Lobo Moutinho esse grau académico. Não se trata de uma continuação
Corporate Governance [3 ECTS] da licenciatura. Trata-se de uma nova fase de estudo e
Miguel Athayde Marques e Paulo Câmara investigação, que abre horizontes para a gestão, sem
Mercado Bancário [3 ECTS] menosprezar a vertente jurídica. Para isso, fornece
Francisco Mendes Correia e Joaquim Cadete conhecimentos que complementam a licenciatura e
Capitalização e Financiamento de Sociedades revelam os meandros da vida empresarial.
[3 ECTS] Fátima Gomes e José Carlos Tudela Martins O mestrado oferece um programa multidisciplinar,
Gestão Internacional [3 ECTS] nomeadamente nas áreas de contabilidade, finanças
Nuno Moreira da Cruz empresariais e mercado de capitais, cruciais para
Inovação Financeira [3 ECTS] compreender o Direito comercial, societário e de valores
José Carlos Tudela Martins e Luís Branco mobiliários. O Direito não é estanque, pois assenta
Digital Platforms [3 ECTS] João Confraria numa realidade mais ampla. Em suma, o mestrado está
idealizado para juristas curiosos em conhecer o mundo da
DISCIPLINA OPTATIVA GERAL gestão e juristas ansiosos para trabalhar com empresas.

Estratégia e Retórica Forense [3 ECTS] Francisco Marcos

Licenciatura em Direito pela Escola


de Lisboa da Faculdade de Direito da
Universidade Católica Portuguesa
3º SEMESTRE
Elaboração, apresentação e discussão em provas
públicas do trabalho final de Mestrado

(1) O programa apresentado poderá sofrer alterações que serão


oportunamente indicadas em: www.fd.lisboa.ucp.pt/posgrad.

(2) Para além destas disciplinas optativas, os alunos podem realizar
créditos em disciplinas de outros programas do Mestrado em
Direito ou em disciplinas optativas gerais, desde que, em qualquer
dos casos, essas disciplinas sejam consideradas equivalentes às do
programa Direito & Gestão.

(3) A disciplina Negociação decorre durante uma semana numa uni-


versidade estrangeira.

5
MÓDULOS DE
PRINCIPAIS DESENVOLVIMENTO DE
CARACTERÍSTICAS COMPETÊNCIAS E CARREIRA
1. Pioneiro em Portugal e ímpar como projeto Strategic Decision Making
pedagógico interdisciplinar.
A disciplina Strategic Decision Making proporciona
2. Inovador, tanto no programa como no modo como é competências práticas na análise de decisões, assim
lecionado. O Mestrado é marcado por uma abordagem como uma base teórica na área da tomada de decisão.
multifacetada e pluridisciplinar, designadamente As aulas combinam a transmissão de conhecimentos
através da aposta em disciplinas mistas, construídas e com o método do caso, com o objetivo de melhorar
lecionadas por dois professores (um da área de Direito a capacidade de decisão estratégica dos alunos,
e um da área de Gestão), proporcionando aos alunos num contexto legal.
a compreensão global dos temas onde as diversas
perspetivas interagem de uma forma complementar e
coerente. Momentos Carreira
3. Concebido e promovido por duas grandes escolas O Mestrado promove, com o apoio do Dr. Nuno Moreira
de referência no Direito e na Gestão, garantindo da Cruz, os Momentos Carreira, que pretendem ser
qualidade e rigor académico. Ambas as escolas estão um espaço de reflexão sobre as diversas saídas
profundamente envolvidas neste projeto, no qual profissionais que se abrem aos estudantes do
colabora um conjunto de docentes e investigadores Mestrado. Num ambiente coloquial, serão convidadas
com vasta experiência. personalidades com percursos profissionais diversos
(gestor com formação inicial em Direito, advogado
4. Com uma componente internacional. O Mestrado
in-house, advogado em escritório vocacionado para o
desenvolve um projeto de parcerias com reputadas
Direito da empresa, consultor, diplomata, head hunter,
escolas estrangeiras. Beneficia também de fortes
etc.), a fim de partilharem a riqueza da sua experiência
ligações a escritórios de advogados com projeção
de vida dando, simultaneamente, conta do seu efetivo
internacional.
quotidiano profissional.
5. Com uma forte empregabilidade. A nossa Pretende-se possibilitar aos estudantes uma postura
experiência mostra que a formação proporcionada por de abertura de horizontes e recetividade a novos
este Mestrado é muitíssimo apreciada pelo mercado. desafios, auxiliando-os nas opções que se abrem à sua
frente.

DIMENSÃO INTERNACIONAL
Estudos no Estrangeiro
Os alunos do Mestrado em Direito e Gestão podem
candidatar-se a frequentar um semestre adicional
numa das universidades estrangeiras com as quais a
Escola de Lisboa da Faculdade de Direito / Católica
Global School of Law têm protocolos (pág. 15).
Os respetivos programas de estudos pós-graduados
permitem um complemento enriquecedor do
mestrado, quer na perspetiva da frequência de
disciplinas, quer na da preparação do trabalho final.

6
Após a conclusão da licenciatura em Direito, a escolha pelo Após licenciatura em Direito e tendo em conta a conjuntura
Mestrado em Direito e Gestão não foi difícil, já que permitia atual, em que o mestrado é parte essencial da formação
conciliar a continuação do meu percurso em Direito académica, e as dúvidas que tinha no que se refere ao
com a descoberta de uma nova área que me despertava caminho profissional a seguir, o Mestrado em Direito e
curiosidade. O Mestrado em Direito e Gestão tem a Gestão pareceu-me a opção indicada pelas seguintes
vantagem de proporcionar a aquisição de conhecimentos razões: é um mestrado bastante completo que abre
que nos ajudam a compreender a realidade das empresas várias hipóteses de saídas profissionais; dispõe de um
e do mercado e que, sem dúvida, aumentam as nossas ensino altamente qualificado; oferece disciplinas mistas,
competências enquanto juristas. Este é um mestrado lecionadas por professores com um elevado grau de
desafiante, que nos tira constantemente da nossa zona de profissionalismo e exigência, que permitem aos alunos ter
conforto. Pela sua exigência e completude, considero que é um conhecimento aprofundado de ambas as vertentes.
uma ótima preparação para o mercado de trabalho. A acrescer a todas as razões já apontadas, oferece ainda
Por outro lado, destaco o facto de a Faculdade estabelecer uma vertente prática fundamental para uma aproximação
constantemente uma ligação entre os alunos e o mercado ao mundo do trabalho. Considero que a minha opção
de trabalho. O Mestrado em Direito e Gestão da Católica por este mestrado foi a mais acertada pois, para além
aumenta o leque de saídas profissionais. de me ter aumentado o leque de opções profissionais,
Aconselho este mestrado a todos os que queiram prosseguir tal como pretendia, enriqueceu-me enquanto pessoa o
caminhos diferentes das profissões jurídicas típicas. que seguramente irá ter um forte impacto no meu futuro
profissional.
Inês Freire de Andrade
Diogo Pinto Basto
Licenciatura em Direito pela
Faculdade de Direito da Universidade Licenciatura em Direito pela Faculdade
Nova de Lisboa de Direito da Universidade de Lisboa
Recrutado para EY, início em setembro
de 2017

7
ANTÓNIO BORGES DE ASSUNÇÃO

MESTRADO Doutorado em Finanças (Wharton School, Univ. of


Pennsylvania, EUA). Professor Auxiliar Convidado da
EM DIREITO CATÓLICA-LISBON School of Business & Economics.

2017-2018 Administrador do BPI.

CARLA CARDOSO
11ª edição Doutoranda em Didática da Matemática (IEUL). Licencia-
da em Engenharia Física (FCUL). Assistente com regência
da CATÓLICA-LISBON School of Business & Economics
e da Faculdade de Ciências Humanas da Universidade
Católica.

CARLOS RONDÃO
Licenciado em Engenharia Eletrónica (IST). Assistente
com Regência da CATÓLICA-LISBON School of Business
& Economics.

DAVID PATIENT
Doutorado em Comportamento Organizacional (Univ.
British Columbia, Canadá). Professor Auxiliar da CATÓ-
LICA-LISBON School of Business & Economics. Coorde-
nador do programa Os 3 Pilares do Sucesso Profissional
e Pessoal.

FÁTIMA BARROS
Doutorada em Economia (Univ. Catholique de Louvain,
Bélgica). Professora Associada da CATÓLICA-LISBON
School of Business & Economics. Presidente da ANACOM.

GUILHERME ALMEIDA E BRITO


Doutorado em Finanças (New York University, EUA). Diretor
Adjunto da CATÓLICA-LISBON School of Business & Eco-
nomics e Diretor Académico dos MSc. Professor Auxiliar.
CORPO HUGO COSTA
DOCENTE MBA Finanças (UCP). Assistente com Regência da CATÓ-
LICA-LISBON School of Business & Economics. CFO/CIO
da Partac SGPS.

8
ISABEL UCHA DA SILVA PEDRO CELESTE
Mestre em Economia (UNL). Masters in Finance (London Doutorado em Ciências Económicas e Empresariais (U.
Business School). Membro do Conselho de Administra- Complutense de Madrid). Professor Auxiliar Convidado
ção na Euronext. da CATÓLICA-LISBON School of Business & Economics e
coordenador do Programa Avançado de Marketing para
JOÃO CONFRARIA Executivos e do Programa Avançado de Gestão para a
Banca.
COORDENADOR
RAFFAELE CONTI
JOAQUIM PEREIRA CADETE
Doutorado em Gestão (Universidade de Bocconi). Pro-
Mestre em Economia (ISEG). Assistente com Regência
fessor Auxiliar da CATÓLICA-LISBON School of Business
da CATÓLICA-LISBON School of Business & Economics.
& Economics.
Managing Partner da Rockbridge Advisors.
RICARDO REIS
JOSÉ CARLOS TUDELA MARTINS
Doutorado em Business Science and Applied Economics
MBA Finanças (UCP). Assistente com Regência da CATÓ-
(Wharton School, University of Pennsylvania, EUA). Di-
LICA-LISBON School of Business & Economics. Adminis-
retor para as Relações Internacionais da CATÓLICA-LIS-
trador da INVESFIN - Assessores Financeiros.
BON School of Business & Economics. Professor Auxiliar.
LUÍS JANEIRO
SÍLVIA CORTÊS
Mestre em Gestão (UCP). Adjunto da Direção da CATÓ-
MBA (UNL). Professora Auxiliar Convidada e coordena-
LICA-LISBON School of Business & Economics. Coor-
dora do Programa de Contabilidade e Finanças para Não
denador do Programa Avançado de Fiscalidade: Uma
Financeiros da CATÓLICA-LISBON School of Business &
Abordagem Jurídico-Financeira.
Economics.
MÁRIO MEIRA
Doutorando em Economia (UNL). Mestre em Economia
(UCP).

MIGUEL ATHAYDE MARQUES


Doutorado em Gestão de Empresas (Universidade de
Glasgow). Professor Auxiliar da CATÓLICA-LISBON School
of Business & Economics. Vice-Reitor da Universidade
Católica Portuguesa.

NUNO MOREIRA DA CRUZ


Licenciado em Direito (UCP). Pós-Graduação em Altos
Estudos Europeus no Colégio da Europa (Bruges, Bélgi-
ca). MBA pelo Instituto de Empresa (Madrid, Espanha).
Administrador da Galp Gás Natural.

9
FÁTIMA GOMES PAULO CÂMARA
Doutora em Direito (UCP). Professora Auxiliar da Facul- Mestre em Direito (U. Lisboa). Docente convidado da
dade de Direito da UCP. Coordenadora Adjunta do pro- Faculdade de Direito da UCP, do IDEFF e do Instituto de
grama de Mestrado Direito Empresarial. Valores Mobiliários. Vice-Presidente do Public Company
Practice and Regulation Subcommittee da International
FERNANDO A. FERREIRA PINTO Bar Association. Managing Partner da Sérvulo & Asso-
ciados.
COORDENADOR
RITA AMARAL CABRAL
FRANCISCO MENDES CORREIA
Sócia da Amaral Cabral e Associados. Advogada, espe-
Doutorado em Direito (U. de Lisboa). Professor Auxiliar
cializada em Contratos e M&A.
da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.
Advogado da Sérvulo & Associados.
RITA CANAS DA SILVA
JORGE BRITO PEREIRA Doutorada em Direito (U. Nova de Lisboa). Advogada da
Sérvulo & Associados.
Mestre em Direito (U. Lisboa). Sócio da Uría Menéndez -
Proença de Carvalho.
SÉRGIO VASQUES
JOSÉ LOBO MOUTINHO Doutor em Direito (U. Lisboa). Professor Auxiliar da Fa-
culdade de Direito da UCP. Coordenador do programa
COORDENADOR
de Mestrado Direito Fiscal.
LUÍS BRANCO
Mestre em Direito (UCP). Sócio e coordenador da área
de bancário e financeiro da Morais Leitão, Galvão Teles,
Soares da Silva & Associados.

MIHAEL JEKLIC
Graduado em Direito (Harvard Law School) e em Psicologia
(University College of London). Professor de negociação
e métodos analíticos e quantitativos do King’s College
London e na Católica Global School of Law.

10
Durante o meu último ano de licenciatura, deparei-me Se tivesse de descrever o mestrado em Direito e Gestão em
com duas dúvidas: qual o mestrado indicado para os poucas palavras seriam: pertinente, inovador e exigente!
meus objetivos, e qual a universidade que me daria mais Durante a licenciatura tomei consciência da ligação do
ferramentas para ser bem-sucedido no futuro. Direito com a Gestão e a Economia. Percebi que existia
O que encontrei no mestrado em Direito e Gestão da a necessidade de entender melhor o sector empresarial
Católica foi de encontro às expetativas criadas. e encarei este mestrado como um instrumento para isso
Trata-se de um mestrado desafiador, apto a tirar aos mesmo. Aqui, encontrei exatamente o que procurava: um
juristas o medo pelos números, fornecendo uma visão ensino prático, muito útil, reconhecido pelas entidades
integrada de como resolver problemas e desenvolvendo empregadoras e que me acrescentaria mais e melhores
competências necessárias para vingar em qualquer competências para ser uma candidata completa para
área de atividade. Na Católica encontrei colaboradores o mercado de trabalho. Destaco a importância dada
sempre prontos a ajudar, um leque de professores que se aos trabalhos de grupo, facto vantajoso para qualquer
destaca não apenas pela qualidade, mas também pela aluno que, como eu, se imagine a integrar uma equipa
proximidade, e um gabinete de carreiras proativo na num escritório de advogados. Aqui, a exigência faz-se
integração dos alunos no mercado de trabalho. acompanhar pelo apoio dos professores, pela relação
A vantagem competitiva da Católica é saber fazer próxima entre estes e os alunos e pelo bom ambiente e
a ponte entre o ensino e o mercado, reconhecendo que companheirismo que se vive entre colegas. Recomendo
o primeiro deve moldar-se ao segundo e responder vivamente este mestrado a todos aqueles que se imaginam
às suas necessidades. um dia vir a ser os gestores ou advogados de grandes
empresas e escritórios, e aos que ainda não se decidiram
Bruno Palhão pelo Direito ou pela Gestão.

Licenciatura em Direito pela Faculdade


de Direito da Universidade de Lisboa
Raquel Vaz
Advogado estagiário na Uría
Licenciatura em Direito pela Faculdade
Menéndez - Proença de Carvalho,
de Direito da Universidade de Lisboa
início em setembro de 2017
Advogada estagiária na VdA

11
RUI PENA
Senior Partner da CMS Rui Pena & Arnaut

O Direito está cada vez mais ligado à atividade económica


e à gestão empresarial, tal como estas atividades
dependem cada vez mais do Direito. Juristas e gestores,
mantendo embora formações distintas de base, não
MESTRADO podem deixar de se aliar e entender no exercício das suas
funções. Tal só é possível se se estabelecer uma ligação
EM DIREITO mais estreita entre os profissionais e as atividades das duas
2017-2018 áreas que permita um melhor conhecimento recíproco.
É este o objetivo do Mestrado em Direito e Gestão:
11ª edição apresentar e ensinar um novo “idioma” que facilite
e potencie a indispensável interação entre juristas e
gestores no seio da empresa. Trata-se de uma ferramenta
indispensável para uns e para outros e, seguramente,
uma mais-valia nos respetivos curricula que garante
uma carreira profissional de sucesso no domínio da
consultadoria, seja nas principais sociedades de advogados
e consultoras, seja no âmbito da consultadoria das
próprias empresas. Para os advogados é cada vez mais
importante compreender e penetrar no chamado “mundo
dos negócios” e responder ao desafio que lhes é lançado
de criar novas fórmulas jurídicas, seguras e justas, que
permitam o seu desenvolvimento no mundo global em que
as empresas têm necessidade de se inserir.
Para os gestores é relevante conhecerem o enquadramento
jurídico da empresa e do seu próprio empreendedorismo,
para evitarem riscos e incertezas. É por estas razões que
o Mestrado que a Universidade Católica promove com
sucesso desde há alguns anos tem vindo a ganhar cada vez
mais prestígio e relevância, a nível nacional e internacional,
e é por tudo isto que é um grande motivo de orgulho para
a CMS Rui Pena & Arnaut ser um dos seus patrocinadores
e apoiantes.

PARCEIROS

12
SIKANDER SATTAR
DIOGO LEÓNIDAS ROCHA Senior Partner e
Sócio, Garrigues Presidente do Conselho de Administração, KPMG

Sem nunca perder de vista a essência predominantemente Num contexto de transformação e disrupção como aquele
jurídica da formação, o Mestrado em Direito e Gestão que as organizações atravessam, em que as questões
oferece ao jurista conhecimentos de gestão que lhe legais, regulatórias, económicas e financeiras andam
permitem entender melhor as empresas e as suas lado a lado e são indissociáveis, torna-se essencial criar
necessidades, possibilitando a prestação de um serviço pontes entre as diferentes áreas do conhecimento.
jurídico mais customizado e com maior valor acrescentado. Nesse sentido, o apoio da KPMG a este Mestrado da
Nessa medida, a universidade aproxima-se do mundo Universidade Católica surge como um contributo natural
empresarial e oferece aos seus mestrandos conhecimentos para a formação de um novo perfil de especialistas em
práticos que lhes permitem um acesso mais rápido e eficaz Direito. Estes desenvolvimentos do contexto empresarial
a tal realidade. A elevada taxa de empregabilidade dos impactam também os perfis de talento que procuramos
alunos do programa de Direito e Gestão tem evidenciado para acrescentar valor à nossa organização, sendo cada
uma resposta positiva das empresas a esta aproximação, vez mais valorizada a conjugação de uma sólida formação
o que demonstra o sucesso desta iniciativa à qual a de base, com um âmbito alargado de perspectivas e
Garrigues decidiu associar-se. competências. Por outro lado, é fundamental para um
gestor encontrar interlocutores no campo jurídico que se
posicionem na intersecção entre Direito e Gestão,
de forma a poderem contribuir de forma mais efectiva
para o processo de decisão. Numa era em que a
transformação digital é imparável e atravessamos o
que muitos consideram a 4ª revolução industrial, o
alargamento das competências, visão e abrangência
assumem um factor diferenciador na abordagem de novos
DUARTE GARIN desafios. Acreditamos que esta inovadora oferta formativa
Sócio Diretor permitirá o surgimento de um leque de profissionais
Uría Menéndez - Proença de Carvalho
de excelência, dotados de conhecimentos transversais,
essenciais para o acompanhamento da realidade
Consideramos que o programa em Direito e Gestão é um empresarial. É com satisfação que a KPMG se associa a
complemento essencial da formação jurídica dos que este Mestrado, contribuindo para a capacitação de uma
pretendem exercer a sua profissão próximo das empresas, nova geração de líderes.
integrando os seus quadros ou como prestadores de
serviços. Outras universidades sentiram já a necessidade
de aprofundar a relação entre estas duas áreas do
conhecimento, criando até licenciaturas mistas que
associam o direito com a gestão de empresas duma forma
muito estreita. Este programa de mestrado está em linha
com essa forma de compreender a interligação dessas
duas realidades. Uría Menéndez – Proença de Carvalho
considera este um valioso complemento de formação, o
que é demonstrado pelo facto de que, mais uma vez este
ano, a maioria dos licenciados admitidos a fazer estágio
na sociedade estarem a frequentar este mestrado.

13
CONSELHO CONSULTIVO
Para manter uma forte ligação com os MEMBROS
especialistas na área do Direito e da Dr. Daniel Proença de Carvalho | PRESIDENTE
Sócio Presidente da Uría Menéndez - Proença de
Gestão, o Mestrado conta com a Carvalho
participação ativa do seu Conselho Dr. Alexandre Relvas | Administrador e Vice-
Consultivo, constituído por “Partners” Presidente da Logoplaste
Dr. Diogo Leónidas Rocha | Sócio da Garrigues
de grandes escritórios de advocacia Portugal
nesta área de especialização e por Dr. Nuno Moreira da Cruz | Administrador da Galp
executivos de grandes empresas. Gás Natural
Dr. Rui Pena | “Senior Partner” da CMS Rui Pena &
Arnaut
O Conselho participa na análise da Dr. Sikander Sattar | “Senior Partner” e Presidente
estrutura curricular e na definição da do Conselho de Administração, KPMG
estratégia global do programa, pelo que
tem um papel fundamental na adequação
deste às necessidades de formação
sentidas pelo mercado, permitindo um
ajustamento perfeito dos conteúdos
programáticos e das várias atividades
complementares às exigências da prática
da advocacia e da realidade empresarial.

14
MESTRADOS
EM DIREITO
2017-2018
PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS
Critérios de admissão rigorosos;
Métodos de ensino inovadores em que se valoriza
fortemente a participação dos alunos no processo de
aprendizagem;
Elevada exigência imposta ao longo de todo o
percurso académico;
Corpo docente constituído por professores com
elevada experiência académica e prática.

A especialização é cada vez mais exigida


para o exercício de uma profissão jurídi- BENEFÍCIOS
ca. A Escola de Lisboa da Faculdade de 1. O Gabinete de Carreiras realiza anualmente
Direito da Católica disponibiliza cinco o Jobshop onde todos os alunos têm contacto
privilegiado com futuros recrutadores, a iniciativas
programas de Mestrado diferenciados, específicas e diferenciadas, e a atendimento
orientados para o exercício profissional. personalizado para que o processo de candidatura a
estágios ou emprego decorra com sucesso;
Cada programa oferece um vasto con- 2. Aprofundamento de competências fundamentais
junto de cadeiras opcionais, permitindo que não são habitualmente trabalhadas nas
que os alunos componham o leque de Universidades, destacando-se as disciplinas de
práticas processuais e de retórica forense e o
disciplinas da parte letiva de acordo Program in Lawyering Skills composto por seminários
com as suas preferências. lecionados integralmente em inglês por docentes
estrangeiros com larga experiência;
3. Realização de um semestre letivo numa
EMPREGABILIDADE Universidade estrangeira através do Programa de
Mobilidade Internacional:
Segundo a Direção Geral de Estatísticas da Educação Catholic University of Leuven – Faculty of Law, Bélgica
e Ciência, 98% dos alunos que obtiveram o grau de
Center for Transnational Legal Studies, London, UK
mestre na Escola de Lisboa da FD da UCP, entre os anos
de 2014 e 2016, estão empregados. China University of Political Science and Law, Beijing, China
EBS Law School, Wiesbaden, Alemanha
Em 2016, 77% dos advogados estagiários recrutados ESADE Law School - Universitat Ramon Llull, Barcelona, Espanha
detêm um mestrado, LL.M. ou pós-graduação.*
Escola de Direito do Rio de Janeiro da Fundação Getúlio Vargas, Brasil
52% destes recrutados obtiveram a formação Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, Brasil
pós-graduada na Escola de Lisboa da FD da UCP.* IDC Herzliya - Radzyner School of Law, Herzliya, Israel
IE Law School, Madrid, Espanha
ADVOGADOS ADMITIDOS EM 2016* Tilburg University, Tilburg, Holanda
UNIVERSIDADES ONDE COMPLETARAM OS ESTUDOS PÓS-GRADUADOS Universidad de los Andes, Bogotá, Colombia
University of Antwerp, Bélgica
52% - UCP Lisboa
13% - U Lisboa University of Fribourg, Suíça
12% - U estrangeiras University of Maastricht, Holanda
19% - U Nova University of Oslo, Norway
16% - UCP Porto
Universidade Pontificia de Comillas, Madrid, Espanha
16% - U Coimbra
11% - U Porto University of Utrecht, Holanda
11% - outra University of Houston, Houston TX, USA
University of Iowa, Iowa City, IA, USA

* Estudo realizado com as Entidades participantes do JobShop em Washington University in St. Louis , MO, USA
novembro de 2016

15
05.17
INFORMAÇÃO GERAL
CANDIDATURA
Licenciatura em Direito.
A aceitação da candidatura está dependente do
perfil académico do candidato.

Os candidatos deverão apresentar os seguintes


documentos:
Boletim de candidatura
Carta pessoal de motivação
Certificado de habilitações discriminado
Curriculum vitae
2 fotografias

HORÁRIO
As aulas decorrerão, habitualmente, de 2ª a 6ª feira
de manhã.

PROPINAS*
Propina global dos 3 semestres: e 8.365,00

BOLSA DE MÉRITO
O aluno mais bem classificado na parte curricular
do mestrado beneficiará de uma bolsa de mérito
cobrindo a propina da dissertação.

* Valores sujeitos a atualização nos anos letivos seguintes.

CONTACTOS
MESTRADO
mestradosdireito@fd.lisboa.ucp.pt
Telefone 217 214 174
EM DIREITO
2017-2018
Faculdade de Direito - Escola de Lisboa
Universidade Católica Portuguesa
Palma de Cima,1649-023 LISBOA
www.fd.lisboa.ucp.pt/posgrad

Os programas de LL.M. da Católica Global School of Law estão


entre os melhores e mais inovadores do mundo: Financial Ti-
mes, Innovative Law Schools Report.

16