You are on page 1of 9

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASQUILHOS

5º Teste sumativo de FQA | 27. abril. 2016 Versão 1


10º Ano | Turma A | Professora: Maria do Anjo Albuquerque
Duração da prova: 90 minutos.
Este teste é constituído por 8 páginas e termina na palavra FIM
Nome: Nº 11
Classificação Professor Encarregado de Educação

1. Um vaso com a massa de 2,0 kg está pendurado no teto a 90 cm de altura de uma


mesa. A mesa tem a altura de 40 cm relativamente ao solo.

Determine a energia potencial gravítica do sistema «vaso + Terra» em relação ao


solo.

2. O gráfico ao lado representa a variação da


velocidade em função do tempo, para dois
corpos A e B, em movimento retilíneo e
horizontal. A massa do corpo A é 10,0 kg e a
massa do corpo B é 22,5 kg.

Determine a energia cinética do corpo A no


instante em que os dois corpos se movem com
a mesma velocidade.

3. Na tabela seguinte estão informações relativas aos valores da velocidade e da


massa dos corpos 1 e 2.

a) Compare os valores das energias


cinéticas dos dois corpos.

1
b) De entre as situações A, B, C e D, selecione a opção que refere a situação em
que um corpo tem maior energia cinética.

A. Quando a velocidade do corpo se mantém e a massa duplica.

B. Quando a massa do corpo se mantém e a velocidade duplica.

C. Quando a massa do corpo é reduzida 4 vezes e a velocidade duplica.

D. Quando a velocidade do corpo é reduzida a metade e a massa do


corpo quadruplica.

4. Relativamente ao conceito de trabalho, selecione a opção correta.

A. O trabalho de uma força assume o valor máximo quando o vetor


força e o vetor deslocamento têm a mesma direção e o mesmo
sentido.

B. Quando o ângulo entre o vetor força e o vetor deslocamento for


superior a 0° e inferior a 90°, o trabalho realizado pela força é
negativo.

C. O trabalho só assume valores nulos, quando o vetor força e o vetor


deslocamento são perpendiculares entre si.

D. O trabalho de uma força é uma energia, logo, só pode ter valores


positivos.

5. Na figura está representado um bloco que se desloca horizontalmente. No bloco


atuam as forças e , de igual intensidade, 10 N.
Calcule o trabalho realizado pela resultante das forças e , quando o bloco se
desloca 4,0 m.

2
6. Selecione a opção que completa corretamente o sentido do texto.

Um atleta levanta verticalmente um peso, mantendo, durante o movimento, a


velocidade constante. O trabalho realizado pela força que o atleta aplica é…

A. … positivo, pois a força que o atleta aplica atua na mesma direção e


no sentido oposto ao deslocamento.

B. … negativo, pois a força que o atleta aplica atua na mesma direção e


no sentido oposto ao deslocamento.

C. … positivo, pois a força que o atleta aplica atua na mesma direção e


no mesmo sentido do deslocamento

D. … negativo, pois a força que o atleta aplica atua no sentido negativo.

7. Um automobilista viaja numa estrada retilínea com uma velocidade constante igual
a , quando vê o semáforo a ficar vermelho. Inicia a travagem, e os
travões aplicam uma força média constante de intensidade .
Admita que a massa do automóvel é 1000 kg.
Determine a distância percorrida pelo automobilista até parar.

8. Na figura ao lado está representada uma


criança, com de massa, a descer um
escorrega. O atrito entre a superfície e a
criança é desprezável.
A criança inicia o movimento na posição A,
que se encontra a uma altura de
relativamente ao solo. Passa pela posição B,
cuja altura é metade da inicial, e atinge o solo
no ponto C.
Selecione a opção correta.

3
A. O valor da energia mecânica do sistema quando a criança está na
posição B é metade do valor da energia mecânica inicial (posição A).

B. O valor da energia cinética da criança quando esta passa na posição


B é igual ao valor da energia potencial gravítica do sistema «criança
+ Terra» nessa posição.

C. O valor da energia cinética da criança é nulo no ponto C.

D. A energia mecânica do sistema mantém-se constante e tem o valor


de 1600 J.

9. A figura seguinte representa dois planos inclinados sem atrito, com a possibilidade
de se alterar os ângulos.

Uma esfera de metal com 100 g de massa é abandonada na posição A, desce o


plano inclinado com inclinação de 40°, e sobe o plano com inclinação de 20° até
atingir a altura máxima no ponto B.

Refira, justificando, qual é a relação entre as alturas dos pontos A eB( ).

4
10. Com o objetivo de investigar a dissipação de energia em colisões de bolas com o
solo, um grupo de alunos realizou uma atividade laboratorial, na qual deixou cair
bolas de diferentes elasticidades.
Os alunos consideraram o solo como nível de referência da energia potencial
gravítica.
Na tabela seguinte, estão registadas as alturas máximas atingidas, para uma das
bolas, bola X, após o primeiro ressalto, para diferentes valores de altura da queda.

a) Refira as transformações de energia que ocorrem no movimento vertical de queda


e ressalto da bola.

b) Deduza a expressão do módulo da velocidade de chegada da bola ao solo em


função da respetiva altura de queda. Mencione o princípio que utilizou.

c) Consulte a tabela e calcule a diminuição do valor da energia mecânica na colisão,


para uma altura de queda de 1,40 m. Exprima o valor em percentagem.

5
d) Determine, a partir da equação da reta de regressão, a altura do primeiro ressalto
para uma altura de queda de 2,0 m.

11. Enquanto o interruptor estiver aberto, o voltímetro V,


ligado aos terminais da pilha da figura ao lado, marca
1,52 V. Quando se fecha o interruptor, a leitura do
voltímetro passa para 1,37 V e o amperímetro A lê 1,5 A.
Determine as características da pilha.

12. Uma lâmpada incandescente (100 W, 120 V) tem um filamento de tungsténio de


comprimento igual a 31,4 cm e diâmetro mm. A resistividade do
tungsténio à temperatura ambiente é de .

a) Determine a resistência do filamento quando este se encontra à temperatura


ambiente?

6
b) Determine a resistência do tungsténio com a lâmpada acesa?

c) Apresente uma justificação para a diferença de resultados obtidos nas questões


das alíneas a) e b).

13. O gráfico ao lado representa o comportamento da


corrente elétrica que atravessa uma resistência, em
função da diferença de potencial a ela aplicada.

Classifique as seguintes afirmações como verdadeiras


(V) ou falsas (F).

A. Esta resistência não obedece à Lei de Ohm.


B. Quando a corrente for de 0,4 A, a tensão
aplicada à resistência será de 25 V.

C. Quando a corrente elétrica for de 0,2 A então a potência será de 2 watt.


D. A quantidade de energia dissipada na resistência, para qualquer intervalo
de tempo, será constante e igual a 200 J/s.
E. Quando a corrente elétrica for de 0,2 A, a resistência elétrica do condutor
será de 50 Ω.

14. O quilowatt-hora, kW h, é uma unidade usual de medida do consumo de energia


elétrica, um múltiplo do joule, que é a unidade do Sistema Internacional. O fator
que relaciona estas unidades é:

A. . C.
2 D.
. B. .
2 2

7
15. O gráfico seguinte traduz a variação da energia dissipada em função do tempo,
para um condutor óhmico, percorrido por uma intensidade de corrente elétrica de
4,0 A.

a) Refira o significado físico do declive da reta.

b) Calcule o valor da diferença de potencial aplicada nos terminais do condutor.

8
16. Observe os esquemas de circuitos A e B representados na figura seguinte.
Considere que as resistencias R1 e R2 tem respetivamente 10  e 50  em cada
um dos circuitos representados.

R1 =
R1 =

R2 =
R2 =

a) Determine, para o circuito representado em A, a potência total dissipada na


resistência R1.

b) Determine, para o circuito representado em B, os valores marcados nos


aparelhos de medida.

Fim

Questões 1 2 3a) 3b) 4 5 6 7 8 9 10a) 10b) 10c) 10d) 11 12a)


Cotação 5 5 10 8 8 10 8 10 8 8 8 10 10 8 10 10

Questões 12b) 12c) 13 14 15a) 15b) 16a) 16b) Total


Cotação 10 5 10 8 5 10 6 10 200