Sie sind auf Seite 1von 6

AlfaCon Concursos Públicos

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
ÍNDICE
Atualidades - Tópicos Relevantes e Atuais: Política e Sociedade�������������������������������������������������������������������2
Operação Lava Jato������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������2
Dono da JBS Gravou Temer dando Aval para Comprar Silêncio de Cunha����������������������������������������������������������2
Resultados da Operação Lava Jato������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������3
PF Prende Geddel Vieira Lima após Apreensão de R$ 51 mi����������������������������������������������������������������������������������3
Olimpíadas 2016 – Procuradora da República diz que Nuzman é “Elemento Central” em Compra de Votos�����4
Afastamento de William Waack��������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������������5
Nota de Afastamento de William Waack�������������������������������������������������������������������������������������������������������������������5
Racismo e Injúria Racial – Entenda a Diferença������������������������������������������������������������������������������������������������������������5

Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
1
AlfaCon Concursos Públicos

Atualidades - Tópicos Relevantes e Atuais: Política e Sociedade


Operação Lava Jato
Dono da JBS Gravou Temer dando Aval para Comprar Silêncio de Cunha
Os donos do frigorífico JBS, Joesley e Wesley Batista, disseram em delação à Procuradoria-Geral
da República (PGR) que gravaram o presidente Michel Temer dando aval para comprar o silêncio do
deputado cassado e ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), depois que ele
foi preso na operação Lava Jato. A informação é do colunista do jornal “O Globo” Lauro Jardim.

Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
2
AlfaCon Concursos Públicos

Resultados da Operação Lava Jato

Dados do MPF, de 17 de setembro de 2017.

PF Prende Geddel Vieira Lima após Apreensão de R$ 51 mi


A Polícia Federal prendeu o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) por decisão da 10ª Vara
de Brasília, na manhã desta sexta-feira, 8 de setembro. A medida é mais uma fase da Operação
Cui Bono, um desdobramento da Lava Jato conduzido pelo Ministério Público Federal no Distrito
Federal. Geddel será levado a Brasília, onde deverá ficar preso.
A PF chegou ao prédio de Geddel, em Salvador, no bairro Jardim Apipema, por volta de 5h40, em
dois carros, com um pedido de prisão preventiva feito pelo Ministério Público Federal. O ex-minis-
tro deixou o prédio, por volta das 7 horas da manhã. Ele foi levado por agentes da Polícia Federal e
seguiu no banco detrás da viatura.
Também foram feitas buscas e apreensão na casa dele e da mãe. Outro suspeito de envolvimento
no esquema do esconderijo dos R$ 51 milhões em malas e caixotes, na terça-feira, 5, Gustavo Ferraz
superintendente da Defesa Civil (Codesal) da capital baiana, foi detido.
Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
3
AlfaCon Concursos Públicos

A Polícia Federal apontou quatro indícios da ligação Geddel com o dinheiro: as impressões
digitais do ex-ministro foram encontradas no próprio dinheiro, outra testemunha confirmou que o
espaço tinha sido cedido a ele, e uma segunda pessoa é suspeita de ajudar Geddel na destinação das
caixas e das malas de dinheiro. Além disso, a PF identificou risco de fuga, depois da divulgação da
apreensão do dinheiro.

Olimpíadas 2016 – Procuradora da República diz que Nuzman é


“Elemento Central” em Compra de Votos
A Polícia Federal apresentou detalhes da operação chamada de Unfair Play (Jogo Sujo), que investiga
um possível esquema de corrupção de compra de votos da eleição da cidade sede da Olimpíada de 2016.

Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
4
AlfaCon Concursos Públicos

Afastamento de William Waack


Um vídeo que circulou nas redes socais nesta quarta-feira em que o apresentador William Waack,
do Jornal da Globo, aparece fazendo comentários racistas terminou com o afastamento do jornalista
da programação da emissora. Em nota, a TV Globo diz que o âncora do Jornal usou “ao que tudo
indica” termos racistas. O grupo afirma ser “visceralmente contra o racismo em todas as suas formas
e manifestações” e, por isso, toma a decisão do afastamento “até que a situação esteja esclarecida”.
As imagens do vídeo são da campanha eleitoral dos Estados Unidos em 2016. Minutos antes de
entrar ao vivo ao lado do entrevistado Paulo Sotero, do Wilson Center, Waack xinga um carro que
estava buzinando na rua, vira-se para o convidado do programa e afirma duas vezes em tom baixo
que o barulho na rua é coisa de “preto”. Depois de reclamar das buzinadas, o apresentador diz: “Você
é um, não vou nem falar, eu sei quem é...”. E depois, virando-se para o convidado diz: “É preto”.
Nota de Afastamento de William Waack
A Globo é visceralmente contra o racismo em todas as suas formas e manifestações. Nenhuma
circunstância pode servir de atenuante. Diante disso, a Globo está afastando o apresentador William
Waack de suas funções em decorrência do vídeo que passou hoje a circular na internet, até que a
situação esteja esclarecida.
Nele, minutos antes de ir ao ar num vivo durante a cobertura das eleições americanas do ano
passado, alguém na rua dispara a buzina e, Waack, contrariado, faz comentários, ao que tudo indica,
de cunho racista. Waack afirma não se lembrar do que disse, já que o áudio não tem clareza, mas
pede sinceras desculpas àqueles que se sentiram ultrajados pela situação.
William Waack é um dos mais respeitados profissionais brasileiros, com um extenso currículo
de serviços ao jornalismo. A Globo, a partir de amanhã, iniciará conversas com ele para decidir
como se desenrolarão os próximos passos.
Racismo e Injúria Racial – Entenda a Diferença
Embora impliquem possibilidade de incidência da responsabilidade penal, os conceitos jurídi-
cos de injúria racial e racismo são diferentes. O primeiro está contido no Código Penal brasileiro e
o segundo, previsto na Lei n. 7.716/1989. Enquanto a injúria racial consiste em ofender a honra de
alguém, valendo-se de elementos referentes à raça, cor, etnia, religião ou origem, o crime de racismo
atinge uma coletividade indeterminada de indivíduos, discriminando toda a integralidade de uma
raça. Ao contrário da injúria racial, o crime de racismo é inafiançável e imprescritível.
A injúria racial está prevista no artigo 140, parágrafo 3º, do Código Penal, que estabelece a pena
de reclusão de um a três anos e multa, além da pena correspondente à violência, para quem cometê-
-la. De acordo com o dispositivo, injuriar seria ofender a dignidade ou o decoro utilizando elementos
de raça, cor, etnia, religião, origem ou condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência.
Em geral, o crime de injúria está associado ao uso de palavras depreciativas referentes à raça ou
cor com a intenção de ofender a honra da vítima.
A injúria é, pois, a exteriorização de um juízo que se faz de alguém, isto é, ela exprime sempre
uma opinião do ofensor, que traduz desprezo ou menos valia em relação ao ofendido ou injuriado,
ou seja, pode-se injuriar alguém por palavras, escritos ou gestos. Portanto, não há que se confun-
dir como frequentemente ocorre, o crime de racismo (previsto na Constituição Federal e na Lei nº
7.716/89, Lei Antirracismo), com o crime de injúria por preconceito ou discriminação racial, pois o
primeiro resulta de discriminação, de preconceito racial, implicando segregação, impedimento de
acesso, recusa de atendimento, entre outros, em relação a alguém. O segundo é crime contra a honra,
agindo o sujeito ativo com animus injuriandi, elegendo-se como forma de execução do crime justa-
mente a utilização de elementos referentes à raça, cor, etnia, religião ou origem da vítima.
O crime de racismo, previsto na Lei n. 7.716/1989, implica conduta discriminatória dirigida a determi-
nado grupo ou coletividade e, geralmente, refere-se a crimes mais amplos. Nesses casos, cabe ao Minis-
tério Público a legitimidade para processar o ofensor. A lei enquadra uma série de situações como crime
de racismo, por exemplo, recusar ou impedir acesso a estabelecimento comercial, impedir o acesso às
entradas sociais em edifícios públicos ou residenciais e elevadores ou às escadas de acesso, negar ou obstar
emprego em empresa privada, entre outros. De acordo com o promotor de Justiça do Tribunal de Justiça
do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT) Thiago André Pierobom de Ávila, são mais comuns no país
os casos enquadrados no artigo 20 da legislação, que consiste em “praticar, induzir ou incitar a discrimi-
nação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional”.
Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
5
AlfaCon Concursos Públicos

Exercícios
01. Observe a figura e responda à questão.

A respeito da relação entre a sociedade brasileira e sua representação no Parlamento Federal,


com base no gráfico, assinale (V) para a afirmativa verdadeira e (F) para a falsa.
( ) Os segmentos indicados a partir de suas atividades econômicas mostram uma representa-
ção política inversamente proporcional à sua expressão numérica na sociedade brasileira.
( ) Há grandes disparidades entre segmentos da população brasileira e seus representantes no
Congresso, embora as questões étnicas sejam as que apresentam menor divergência.
( ) Os segmentos majoritários da sociedade brasileira possuem representação proporcional no Par-
lamento, indicando um processo de amadurecimento das instituições democráticas no país.
As afirmativas são, de cima para baixo:
a) F – V – F.
b) F – V – V.
c) V – F – F.
d) V – V – F.
e) F – F – V.
02. O Brasil é um país no qual o Poder Executivo Federal é exercido mediante um sistema pre-
sidencialista. Nosso atual presidente, Michel Miguel Elias Temer Lulia, tomou posse após o
impeachment da titular, Dilma Vana Rousseff. Quem ocupa o atual cargo de vice-presidente?
a) Aécio Neves.
b) Rodrigo Maia.
c) Cármen Lúcia.
d) Eunício Oliveira.
e) Ninguém ocupa esse cargo atualmente.
Gabarito
01 - C
02 - E

Lei do Direito Autoral nº 9.610, de 19 de Fevereiro de 1998: Proíbe a reprodução total ou parcial desse material ou divulgação com
fins comerciais ou não, em qualquer meio de comunicação, inclusive na Internet, sem autorização do AlfaCon Concursos Públicos.
6