Sie sind auf Seite 1von 114

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

RODRIGO ALVES DIAS

Universidade Federal de Juiz de Fora - UFJF Livro texto: F´ısica 3 - Eletromagnetismo Autores: Sears e Zemansky Edi¸c˜ao: 12 a Editora: Pearson - Addisson and Wesley

6 de abril de 2011

Eletromagnetismo Autores: Sears e Zemansky Edi¸c˜ao: 12 a Editora: Pearson - Addisson and Wesley 6 de
Eletromagnetismo Autores: Sears e Zemansky Edi¸c˜ao: 12 a Editora: Pearson - Addisson and Wesley 6 de
Eletromagnetismo Autores: Sears e Zemansky Edi¸c˜ao: 12 a Editora: Pearson - Addisson and Wesley 6 de

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

este cap´ıtulo vocˆe aprender´a: A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada. Como os corpos se tornam

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas.

se tornam eletricamente carregados. Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas.

A distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico.

para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas. A distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas.

A distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico.

Como calcular a for¸ca el´etrica dado um conjunto de cargas.

distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico. Como calcular a for¸ca el´etrica dado um conjunto de

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas.

A distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico.

Como calcular a for¸ca el´etrica dado um conjunto de cargas.

Como usar o conceito de linhas de campo el´etrico para visualizar e interpretar os campos el´etricos.

de cargas. Como usar o conceito de linhas de campo el´etrico para visualizar e interpretar os

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Objetivos de Aprendizagem

Ao estudar este cap´ıtulo vocˆe aprender´a:

A natureza da carga el´etrica e como sabemos que a carga el´etrica ´e conservada.

Como os corpos se tornam eletricamente carregados.

Como usar a lei de Coulomb para calcular a for¸ca el´etrica existente entre cargas.

A distin¸c˜ao entre for¸ca el´etrica e campo el´etrico.

Como calcular a for¸ca el´etrica dado um conjunto de cargas.

Como usar o conceito de linhas de campo el´etrico para visualizar e interpretar os campos el´etricos.

Como calcular as propriedades dos dipolos el´etricos.

el´etrico para visualizar e interpretar os campos el´etricos. Como calcular as propriedades dos dipolos el´etricos.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais: For¸cas Gravitacionais.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais: For¸cas Gravitacionais. For¸cas Eletromagn´eticas.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

existem 4 tipos de for¸cas fundamentais: For¸cas Gravitacionais. For¸cas Eletromagn´eticas. For¸ca Nuclear Forte.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

For¸ca Nuclear Fraca.

for¸cas fundamentais: For¸cas Gravitacionais. For¸cas Eletromagn´eticas. For¸ca Nuclear Forte. For¸ca Nuclear Fraca.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

For¸ca Nuclear Fraca.

As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica, atributo t˜ao fundamental quanto a massa.

part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica , atributo t˜ao fundamental quanto a massa .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

For¸ca Nuclear Fraca.

As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica, atributo t˜ao fundamental quanto a massa.

Objetos com massa s˜ao acelerados pelas for¸cas gravitacionais, assim como objetos com carga s˜ao acelerados pelas for¸cas el´etromagn´eticas.

pelas for¸cas gravitacionais , assim como objetos com carga s˜ao acelerados pelas for¸cas el´etromagn´eticas .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

For¸ca Nuclear Fraca.

As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica, atributo t˜ao fundamental quanto a massa.

Objetos com massa s˜ao acelerados pelas for¸cas gravitacionais, assim como objetos com carga s˜ao acelerados pelas for¸cas el´etromagn´eticas.

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

. Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

Na natureza existem 4 tipos de for¸cas fundamentais:

For¸cas Gravitacionais.

For¸cas Eletromagn´eticas.

For¸ca Nuclear Forte.

For¸ca Nuclear Fraca.

As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica, atributo t˜ao fundamental quanto a massa.

Objetos com massa s˜ao acelerados pelas for¸cas gravitacionais, assim como objetos com carga s˜ao acelerados pelas for¸cas el´etromagn´eticas.

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

As intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso, em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas.

que est˜ao em repouso , em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem

As intera¸c˜oes eletromagn´eticas envolvem part´ıculas que possuem uma propriedade chamada carga el´etrica, atributo t˜ao fundamental quanto a massa.

Objetos com massa s˜ao acelerados pelas for¸cas gravitacionais, assim como objetos com carga s˜ao acelerados pelas for¸cas el´etromagn´eticas.

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

As intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso, em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas.

Intera¸c˜oes eletrost´aticas:

S˜ao descritas por uma rela¸c˜ao simples chamada de Lei de Coulomb.

. Intera¸c˜oes eletrost´aticas : S˜ao descritas por uma rela¸c˜ao simples chamada de Lei de Coulomb .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

As intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso, em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas.

Intera¸c˜oes eletrost´aticas:

S˜ao descritas por uma rela¸c˜ao simples chamada de Lei de Coulomb.

Podem ser estudadas mais adequadamente pelo conceito de Campo el´etrico.

simples chamada de Lei de Coulomb . Podem ser estudadas mais adequadamente pelo conceito de Campo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

As intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso, em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas.

Intera¸c˜oes eletrost´aticas:

S˜ao descritas por uma rela¸c˜ao simples chamada de Lei de Coulomb.

Podem ser estudadas mais adequadamente pelo conceito de Campo el´etrico.

Cargas el´etricas em movimento levam `a compreens˜ao do magnetismo e da natureza da luz.

de Campo el´etrico . Cargas el´etricas em movimento levam `a compreens˜ao do magnetismo e da natureza

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Introdu¸c˜ao Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e

Mostraremos que a carga el´etrica ´e quantizada e obedece a um princ´ıpio de conserva¸c˜ao.

As intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso, em nosso sistema de referˆencia, s˜ao conhecidas por intera¸c˜oes eletrost´aticas.

Intera¸c˜oes eletrost´aticas:

S˜ao descritas por uma rela¸c˜ao simples chamada de Lei de Coulomb.

Podem ser estudadas mais adequadamente pelo conceito de Campo el´etrico.

Cargas el´etricas em movimento levam `a compreens˜ao do magnetismo e da natureza da luz.

As id´eias b´asicas do Eletromagnetismo s˜ao simples. Suas aplica¸c˜oes para resolu¸c˜ao de

problemas pr´aticos exigir˜ao:

Calculo Integral.

Geometria.

s˜ao simples. Suas aplica¸c˜oes para resolu¸c˜ao de problemas pr´aticos exigir˜ao: Calculo Integral . Geometria .

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

El´etrica No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que: ˆ Atritando o Ambar ele adquire a

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

ele adquire a propriedade de atrair objetos. ˆ Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

ˆ Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado. El´etrico → Vem do

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

. Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica.

Benjamin Franklin sugeriu denominar:

repouso). Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica. Benjamin Franklin sugeriu denominar:

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica.

Benjamin Franklin sugeriu denominar:

Carga positiva.

experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica. Benjamin Franklin sugeriu denominar: Carga positiva.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica.

Benjamin Franklin sugeriu denominar:

Carga positiva.

Carga negativa.

mostram que existem dois tipos de carga el´etrica. Benjamin Franklin sugeriu denominar: Carga positiva. Carga negativa.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica.

Benjamin Franklin sugeriu denominar:

Carga positiva.

Carga negativa.

mostram que existem dois tipos de carga el´etrica. Benjamin Franklin sugeriu denominar: Carga positiva. Carga negativa.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga El´etrica No ano 600 a.C, os

Carga El´etrica

No ano 600 a.C, os gregos descrobriram que:

ˆ

Atritando o Ambar ele adquire a propriedade de atrair objetos.

ˆ

Afirmamos que o Ambar adquire carga el´etrica ou se torna carregado.

El´etrico Vem do grego elektron.

Eletrost´atica descreve as intera¸c˜oes entre cargas el´etricas que est˜ao em repouso(ou quase em repouso).

Essas experiˆencias mostram que existem dois tipos de carga el´etrica.

Benjamin Franklin sugeriu denominar:

Carga positiva.

Carga negativa.

Duas cargas positivas se repelem e duas cargas negativas tamb´em se repelem. Existem uma atra¸c˜ao mutua entre uma carga positiva e uma negativa.

cargas negativas tamb´em se repelem . Existem uma atra¸c˜ao mutua entre uma carga positiva e uma

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Quando atritamos o bast˜ao n˜ao ocorre nenhuma altera¸c˜ao vis´ıvel. O que ocorre de fato ao bast˜ao ao receber carga el´etrica?

o bast˜ao n˜ao ocorre nenhuma altera¸c˜ao vis´ıvel. O que ocorre de fato ao bast˜ao ao receber

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Quando atritamos o bast˜ao n˜ao ocorre nenhuma altera¸c˜ao vis´ıvel. O que ocorre de fato ao bast˜ao ao receber carga el´etrica? Para entender essa quest˜ao temos de analisar a estrutura e as propriedades el´etricas dos ´atomos.

carga el´etrica? Para entender essa quest˜ao temos de analisar a estrutura e as propriedades el´etricas dos

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Carga el´etrica e a estrutura da mat´eria.

Quando atritamos o bast˜ao n˜ao ocorre nenhuma altera¸c˜ao vis´ıvel. O que ocorre de fato ao bast˜ao ao receber carga el´etrica? Para entender essa quest˜ao temos de analisar a estrutura e as propriedades el´etricas dos ´atomos.

A estrutura do ´atomo pode ser entendida com base em trˆes part´ıculas elementares:

O el´etron Carga negativa. m e = 9, 109 × 10 31 kg .

O pr´oton Carga positiva. m p = 1, 672 × 10 27 kg .

O nˆeutron Carga nula. m n = 1, 674 × 10 27 kg .

= 1 , 672 × 10 − 2 7 kg . O nˆeutron → Carga nula

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica A estrutura do ´atomo pode ser

Carga El´etrica

A estrutura do ´atomo pode ser entendida com base em trˆes part´ıculas elementares:

O el´etron Carga negativa. m e = 9, 109 × 10 31 kg .

O pr´oton Carga positiva. m p = 1, 672 × 10 27 kg .

O nˆeutron Carga nula. m n = 1, 674 × 10 27 kg .

Os pr´otons e os nˆeutrons s˜ao constitu´ıdos por quarks . Os quarks u possuem carga el´etrica + 3 2 e os quarks d possuem carga el´etrica

O pr´oton 2Quark u +1Quark d 2 × 2

3 O nˆeutron 1Quark u +2Quark d 3 2 2 ×

1

3 = +1.

1

3 = 0.

1 :

3

× 2 3 − O nˆeutron → 1 Quark u +2 Quark d → 3 2

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica O ´atomo: Os pr´otons e os nˆeutrons

O ´atomo:

Os pr´otons e os nˆeutrons est˜ao no interior do ´atomo formando um caro¸co central denso chamado n´ucleo. Cujo o diˆametro ´e da ordem de D N 10 15 m.

Os el´etrons est˜ao em camadas ao redor do n´ucleo, a uma distˆancia de aproximadamente D e 10 10 m .

est˜ao em camadas ao redor do n´ucleo, a uma distˆancia de aproximadamente D e ∼ 10

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica O ´atomo: Os pr´otons e os nˆeutrons

O ´atomo:

Os pr´otons e os nˆeutrons est˜ao no interior do ´atomo formando um caro¸co central denso chamado n´ucleo. Cujo o diˆametro ´e da ordem de D N 10 15 m.

Os el´etrons est˜ao em camadas ao redor do n´ucleo, a uma distˆancia de aproximadamente D e 10 10 m .

Os el´etrons s˜ao mantidos no interior do ´atomo pela for¸ca el´etrica de atra¸c˜ao entre os n´ucleos positivos e os el´etrons.

Os pr´otons e os nˆeutrons s˜ao mantidos no interior do n´ucleo pela for¸ca nuclear forte que supera a repuls˜ao el´etrica entre os pr´otons.

O modulo da carga el´etrica negativa do el´etron ´e exatamente igual `a carga el´etrica positiva do pr´otons.

O modulo da carga el´etrica negativa do el´etron ´e exatamente igual `a carga el´etrica positiva do
O modulo da carga el´etrica negativa do el´etron ´e exatamente igual `a carga el´etrica positiva do

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica O ´atomo neutro: O n´umero de pr´otons

O ´atomo neutro:

O n´umero de pr´otons ´e exatamente igual ao n´umero de el´etrons.

A carga el´etrica total(soma alg´ebrica) ´e exatamente igual a zero.

N´umero atˆomico(Z) ´e o numero de el´etrons ou pr´otons em um ´atomo neutro.

´

Ion positivo ´e um ´atomo com falta de um el´etrons.

´

Ion negativo ´e um ´atomo com excesso de um el´etrons.

Denomina-se ioniza¸c˜ao o processo de perda ou ganho de um el´etron por um

´atomo.

excesso de um el´etrons. Denomina-se ioniza¸c˜ao o processo de perda ou ganho de um el´etron por

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica A carga el´etrica ´e conservada Na discuss˜ao

A carga el´etrica ´e conservada

Na discuss˜ao feita at´e esse momento existe dois princ´ıpios fundamentais:

Princ´ıpio da conserva¸c˜ao da carga el´etrica:

A soma alg´ebrica de todas as cargas el´etricas existentes em um sistema isolado permanece constante.

carga el´etrica: A soma alg´ebrica de todas as cargas el´etricas existentes em um sistema isolado permanece

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Carga El´etrica A carga el´etrica ´e conservada Na discuss˜ao

A carga el´etrica ´e conservada

Na discuss˜ao feita at´e esse momento existe dois princ´ıpios fundamentais:

Princ´ıpio da conserva¸c˜ao da carga el´etrica:

A soma alg´ebrica de todas as cargas el´etricas existentes em um sistema isolado permanece constante.

Princ´ıpio da quantiza¸c˜ao da carga el´etrica:

O modulo da carga el´etrica do el´etron ou do pr´oton ´e uma unidade de carga natural

q = ±ne, onde n ´e o numero de cargas e e ´e o modulo da carga fundamental.

e = 1, 6021 × 10 19 C.

± ne , onde n ´e o numero de cargas e e ´e o modulo da

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Condutores, isolantes e cargas induzidas Alguns materiais

Condutores, isolantes e cargas induzidas

Alguns materiais possibilitam a migra¸c˜ao da carga el´etrica de uma regi˜ao para outra, enquanto outros impedem o movimento das cargas el´etricas.

Condutores:

Um condutor permite o movimento de cargas el´etricas.

Em condutores existe uma grande quantidades de el´etrons em camadas muito externas ao n´ucleo(camada de condu¸c˜ao), assim, esses el´etrons est˜ao fracamente ligados ao n´ucleo e podem se movimentar pelo mat´erial.

de condu¸c˜ao) , assim, esses el´etrons est˜ao fracamente ligados ao n´ucleo e podem se movimentar pelo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Condutores, isolantes e cargas induzidas Alguns materiais

Condutores, isolantes e cargas induzidas

Alguns materiais possibilitam a migra¸c˜ao da carga el´etrica de uma regi˜ao para outra, enquanto outros impedem o movimento das cargas el´etricas.

Condutores:

Um condutor permite o movimento de cargas el´etricas.

Em condutores existe uma grande quantidades de el´etrons em camadas muito externas ao n´ucleo(camada de condu¸c˜ao), assim, esses el´etrons est˜ao fracamente ligados ao n´ucleo e podem se movimentar pelo mat´erial.

Isolantes:

Um isolante n˜ao permite o movimento de cargas el´etricas.

Em isolante o n´umero de el´etrons nas camadas de condu¸c˜ao ´e nulo ou aproximadamente zero, assim, os el´etrons est˜ao fortemente ligados ao n´ucleo e n˜ao podem se movimentar pelo mat´erial.

zero, assim, os el´etrons est˜ao fortemente ligados ao n´ucleo e n˜ao podem se movimentar pelo mat´erial.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Semi-condutores: Conduzem sob algumas condi¸c˜oes.

Semi-condutores:

Conduzem sob algumas condi¸c˜oes.

e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Semi-condutores: Conduzem sob algumas condi¸c˜oes.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Semi-condutores: Conduzem sob algumas condi¸c˜oes.

Semi-condutores:

Conduzem sob algumas condi¸c˜oes.

Super-condutores:

Conduzem sem nenhuma resistˆencia el´etrica abaixo de uma dada temperatura.

sob algumas condi¸c˜oes. Super-condutores: Conduzem sem nenhuma resistˆencia el´etrica abaixo de uma dada temperatura.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao
Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas Cargas por indu¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados
el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados
el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados
el´etrica e campo el´etrica Condutores, isolantes e cargas induzidas For¸cas el´etricas sobre objeto descarregados

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb Lei de Coulomb Charles Augustin de

Lei de Coulomb

Charles Augustin de Coulomb(1736-1806) estudou a for¸ca de intera¸c˜ao entre part´ıculas carregadas utilizando uma balan¸ca de tor¸c˜ao, em 1784 e observou que a for¸ca el´etrica ´e:

proporcional a 1/r 2 onde r ´e a distˆancia entre centros dos corpos.

e observou que a for¸ca el´etrica ´e: proporcional a 1 / r 2 onde r ´e
e observou que a for¸ca el´etrica ´e: proporcional a 1 / r 2 onde r ´e

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb Lei de Coulomb Charles Augustin de

Lei de Coulomb

Charles Augustin de Coulomb(1736-1806) estudou a for¸ca de intera¸c˜ao entre part´ıculas carregadas utilizando uma balan¸ca de tor¸c˜ao, em 1784 e observou que a for¸ca el´etrica ´e:

proporcional a 1/r 2 onde r ´e a distˆancia entre centros dos corpos.

depende da carga existente em cada corpo.

proporcional a 1 / r 2 onde r ´e a distˆancia entre centros dos corpos. depende
proporcional a 1 / r 2 onde r ´e a distˆancia entre centros dos corpos. depende

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb Lei de Coulomb Charles Augustin de

Lei de Coulomb

Charles Augustin de Coulomb(1736-1806) estudou a for¸ca de intera¸c˜ao entre part´ıculas carregadas utilizando uma balan¸ca de tor¸c˜ao, em 1784 e observou que a for¸ca el´etrica ´e:

proporcional a 1/r 2 onde r ´e a distˆancia entre centros dos corpos.

depende da carga existente em cada corpo.

´e proporcional ao produto da carga q 1 q 1 existente em cada corpo.

depende da carga existente em cada corpo. ´e proporcional ao produto da carga q 1 q
depende da carga existente em cada corpo. ´e proporcional ao produto da carga q 1 q

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb Lei de Coulomb: O m´odulo da

Lei de Coulomb:

O m´odulo da for¸ca el´etrica entre duas cargas puntiformes ´e diretamente

proporcional ao produto das cargas e inversamente proporcional ao quadrado da

distˆancia entre elas.

Matematicamente podemos escrever isso como:

F

= k q 1 q 2 ˆr

r 2

ˆr = r /r o vetor unit´ario(versor) do vetor r que liga o corpo 1 ao corpo 2.

Onde, k = 8,

e

987 × 10 9 Nm 2 /C 2 = (10 7 Ns 2 /C 2 )c 2 = 1/(4π 0 ) ´e a constante el´etrica

0 = 8, 854 × 10 12 C /Nm 2 .

/ C 2 ) c 2 = 1 / (4 π 0 ) ´e a constante

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb

21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Lei de Coulomb Princ´ıpio da Superposi¸c˜ao de For¸cas O

Princ´ıpio da Superposi¸c˜ao de For¸cas

O efeito sobre o movimento de um corpo produzido de um n´umero

(N) de for¸cas ´e o mesmo efeito produzido por uma unica´ igual a soma vetorial de todas as (N) for¸cas.

for¸ca

F R =

N

i=1

F i = F 1 + F 2 +

+

F

N

igual a soma vetorial de todas as ( N ) for¸cas. for¸ca F R = N

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de uma carga para outra? .

uma da outra? O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito
seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito
seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito
seja comunicada de uma carga para outra? . Para responder essas perguntas vamos definir o conceito

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de

uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico . A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado

A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros corpos carregados.

. A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas No v´acuo: Como

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

No v´acuo:

Como ´e poss´ıvel duas part´ıcula carregada sentir a for¸ca uma da outra?

O que existe no espa¸co entre as cargas para que a intera¸c˜ao seja comunicada de

uma carga para outra? .

Para responder essas perguntas vamos definir o conceito de Campo El´etrico.

A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros corpos carregados.

E =

F 0

q 0

sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros corpos carregados. E =

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas A for¸ca el´etrica

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros corpos carregados.

E =

F 0

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

uma carga de teste , q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas A for¸ca el´etrica

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

A for¸ca el´etrica sobre um corpo carregado ´e exercida pelo campo el´etrico produzido por outros corpos carregados.

E

=

F

0

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

 

Quando conhecemos o campo el´etrico

E

gerado por um conjunto de cargas em um

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

F 0 = q 0 E

cargas em um dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas F 0 E

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

F 0

E =

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

Quando conhecemos o campo el´etrico

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

E gerado por um conjunto de cargas em um

F 0 = q 0 E

sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por: E gerado por um conjunto de
sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por: E gerado por um conjunto de

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas F 0 E

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

F 0

E =

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

Quando conhecemos o campo el´etrico

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

E gerado por um conjunto de cargas em um

F 0 = q 0 E

sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por: E gerado por um conjunto de
sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por: E gerado por um conjunto de

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas E = F

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

E =

F 0

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

Quando conhecemos o campo el´etrico

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

E gerado por um conjunto de cargas em um

F 0 = q 0 E

PERGUNTA: A carga de teste n˜ao afeta o campo da el´etrico gerado pelas outras cargas?

em um F 0 = q 0 E PERGUNTA: A carga de teste n˜ao afeta o

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas F 0 E

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

F 0

E =

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

Quando conhecemos o campo el´etrico

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

E gerado por um conjunto de cargas em um

F 0 = q 0 E

PERGUNTA: A carga de teste n˜ao afeta o campo da el´etrico gerado pelas outras cargas?

Sim! Principalmente se o campo for gerado por um condutor(alta mobilidade eletrˆonica) carregado!

pelas outras cargas? Sim! Principalmente se o campo for gerado por um condutor(alta mobilidade eletrˆonica) carregado!

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico e for¸cas el´etricas F 0 E

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

F 0

E =

q 0

No S.I. a unidade de campo el´etrico ´e o N/C . Ou seja, ´e a for¸ca el´etrica por unidade de carga. Para verificar se existe um campo el´etrico em um dado ponto do espa¸co, colocamos uma carga de teste, q 0 , naquele ponto. Se q 0 sofrer uma for¸ca ´e por existe um campo el´etrico.

Quando conhecemos o campo el´etrico

dado ponto do espa¸co, a for¸ca sobre uma carga de teste q 0 ser´a dada por:

E gerado por um conjunto de cargas em um

F 0 = q 0 E

Para eliminar o efeito da carga de teste q 0 podemos pensar em uma carga de teste cada vez menor de tal forma que no limite que q 0 0 o campo el´etrico n˜ao ser´a afetado pela carga de teste. Assim redefiniremos o campo el´etrico por:

E =

lim

q 0 0

F 0

q 0

n˜ao ser´a afetado pela carga de teste. Assim redefiniremos o campo el´etrico por: E = lim

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de uma carga puntiforme Quando a

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

Quando a distribui¸c˜ao de cargas da fonte ´e somente uma carga puntiforme q ´e f´acil encontrar o campo el´etrico.

O ponto onde a carga q se encontre ´e chamado ponto da fonte.

O ponto P onde desejamos saber o campo el´etrico ´e chamado ponto da campo.

encontre ´e chamado ponto da fonte . O ponto P onde desejamos saber o campo el´etrico

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de uma carga puntiforme Quando a

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

Quando a distribui¸c˜ao de cargas da fonte ´e somente uma carga puntiforme q ´e f´acil

encontrar o campo el´etrico.

O ponto onde a carga q se encontre ´e chamado ponto da fonte.

O ponto P onde desejamos saber o campo el´etrico ´e chamado ponto da campo.

A for¸ca el´etrica sobre uma carga de teste q 0 gerado por uma carga q ´e dado por:

F 0 =

1

4π 0

q 0 q

r 2

ˆr

sobre uma carga de teste q 0 gerado por uma carga q ´e dado por: F
sobre uma carga de teste q 0 gerado por uma carga q ´e dado por: F

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de uma carga puntiforme A for¸ca

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

A for¸ca el´etrica sobre uma carga de teste q 0 gerado por uma carga q ´e dado por:

de teste q 0 gerado por uma carga q ´e dado por: F 0 = 1

F 0 =

1

4π 0

q 0 q

r 2

ˆr

Usando a defini¸c˜ao do campo el´etrico temos que:

F

E =

1

lim

q 0 0

0

q

r

2 ˆr

q

0

4π 0

=

lim q 0 → 0 0 q r 2 ˆ r q 0 4 π 0

Por defini¸c˜ao, o campo el´etrico de uma carga

puntiforme sempre aponta:

para fora de uma carga positiva. (Mesma dire¸c˜ao e sentido de ˆr ).

para dentro de uma carga negativa. (Mesma dire¸c˜ao e sentido oposta de ˆr ).

dire¸c˜ao e sentido de ˆ r ) . para dentro de uma carga negativa. (Mesma dire¸c˜ao

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de uma carga puntiforme O campo

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

O campo el´etrico

chamamos de campo vetorial.

E pode variar de um ponto a outro do espa¸co, definindo o que

O campo el´etrico chamamos de campo vetorial . E pode variar de um ponto a outro

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de uma carga puntiforme O campo

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

O campo el´etrico

chamamos de campo vetorial.

E pode variar de um ponto a outro do espa¸co, definindo o que

Para um sistema de coordenadas retangulares(x, y , z) cada componente de das coordenadas (x, y , z).

E ´e fun¸c˜ao

de coordenadas retangulares( x , y , z ) cada componente de das coordenadas ( x

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

O campo el´etrico

chamamos de campo vetorial.

E pode variar de um ponto a outro do espa¸co, definindo o que

Para um sistema de coordenadas retangulares(x, y , z) cada componente de das coordenadas (x, y , z).

E ´e fun¸c˜ao

E (xyz) =

1

q

2 ˆr =

1

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

=

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

r

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 )

(x 2 + y 2 + z 2 )

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 ) 3/2

4π 0

E (xyz) =

  4π 0

E y = E y (xyz) =

E z = E z (xyz) =

q 4π 0 q 4π 0

(x

E x = E x (xyz) =

q

x

(x 2 +y 2 +z 2 ) 3/2

y

(x

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

z

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

(1)

x 2 + y 2 + z 2 ) 3 / 2 y ( x 2

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

O campo el´etrico

chamamos de campo vetorial.

E pode variar de um ponto a outro do espa¸co, definindo o que

Para um sistema de coordenadas retangulares(x, y , z) cada componente de das coordenadas (x, y , z).

E ´e fun¸c˜ao

E (xyz) =

1

q

2 ˆr =

1

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

=

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

r

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 )

(x 2 + y 2 + z 2 )

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 ) 3/2

4π 0

E (xyz) =

  4π 0

E y = E y (xyz) =

E z = E z (xyz) =

q 4π 0 q 4π 0

(x

E x = E x (xyz) =

q

x

(x 2 +y 2 +z 2 ) 3/2

y

(x

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

z

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

(1)

x 2 + y 2 + z 2 ) 3 / 2 y ( x 2
x 2 + y 2 + z 2 ) 3 / 2 y ( x 2

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Campo el´etrico e for¸cas el´etricas Campo el´etrico de

Campo el´etrico e for¸cas el´etricas

Campo el´etrico de uma carga puntiforme

O campo el´etrico

chamamos de campo vetorial.

E pode variar de um ponto a outro do espa¸co, definindo o que

Para um sistema de coordenadas retangulares(x, y , z) cada componente de das coordenadas (x, y , z).

E ´e fun¸c˜ao

E (xyz) =

1

q

4π 0

r 2 ˆr =

1

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

q

ˆ

(x ˆ i + y j + z k)

ˆ

=

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 )

(x 2 + y 2 + z 2 )

4π 0 (x 2 + y 2 + z 2 ) 3/2

E (xyz) =

  4π 0

E y = E y (xyz) =

E z = E z (xyz) =

q 4π 0 q 4π 0

(x

E x = E x (xyz) =

q

x

(x 2 +y 2 +z 2 ) 3/2

y

(x

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

z

2 +y 2 +z 2 ) 3/2

(1)

Em alguns casos o m´odulo e a dire¸c˜ao do el´etrico s˜ao constantes em todos os pontos de uma dada regi˜ao. Nestes casos dizemos que o campo el´etrico ´e uniforme em todos

os pontos desta regi˜ao.

pontos de uma dada regi˜ao. Nestes casos dizemos que o campo el´etrico ´e uniforme em todos

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Determina¸c˜ao do campo el´etrico Superposi¸c˜ao dos campos

Determina¸c˜ao do campo el´etrico

Superposi¸c˜ao dos campos el´etricos

A equa¸c˜ao

puntiforme. Geralmente observamos que existe uma distribui¸c˜ao de cargas no espa¸co.

E (xyz) =

1

4π 0

q

2 ˆr , descreve o campo gerado por uma unica´

r

carga

de cargas no espa¸co. E ( xyz ) = 1 4 π 0 q 2 ˆ

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Determina¸c˜ao do campo el´etrico Superposi¸c˜ao dos campos

Determina¸c˜ao do campo el´etrico

Superposi¸c˜ao dos campos el´etricos

A equa¸c˜ao

puntiforme. Geralmente observamos que existe uma distribui¸c˜ao de cargas no espa¸co.

Princ´ıpio da superposi¸c˜ao de campos:

E (xyz) =

1

4π 0

q

2 ˆr , descreve o campo gerado por uma unica´

r

carga

Para uma distribui¸c˜ao de cargas temos que o campo el´etrico em um dado ponto P ´e dado pela soma vetorial de todos os campos el´etricos gerados por cada

carga. ( E =

F

q

0

0

= E 1 + E 2 + E 3 +

)

vetorial de todos os campos el´etricos gerados por cada carga. ( E = F q 0

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Determina¸c˜ao do campo el´etrico Superposi¸c˜ao dos campos

Determina¸c˜ao do campo el´etrico

Superposi¸c˜ao dos campos el´etricos

A equa¸c˜ao

puntiforme. Geralmente observamos que existe uma distribui¸c˜ao de cargas no espa¸co.

Princ´ıpio da superposi¸c˜ao de campos:

E (xyz) =

1

4π 0

q

2 ˆr , descreve o campo gerado por uma unica´

r

carga

Para uma distribui¸c˜ao de cargas temos que o campo el´etrico em um dado ponto

P ´e dado pela soma vetorial de todos os campos el´etricos gerados por cada

carga. ( E =

F

0

q

0

= E 1 + E 2 + E 3 +

)

Para provar isso considere o princ´ıpio de superposi¸c˜ao de for¸cas dado por:

F 0 = F 1 + F 2 + F 3 +

= q 0 E 1 + q 0 E 2 + q 0 E 3 +

E

=

F

0

q 0

= E 1 + E 2 + E 3 +

+ = q 0 E 1 + q 0 E 2 + q 0 E 3

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Determina¸c˜ao do campo el´etrico Superposi¸c˜ao dos campos

Determina¸c˜ao do campo el´etrico

Superposi¸c˜ao dos campos el´etricos

A equa¸c˜ao

puntiforme. Geralmente observamos que existe uma distribui¸c˜ao de cargas no espa¸co.

Princ´ıpio da superposi¸c˜ao de campos:

E (xyz) =

1

4π 0

q

2 ˆr , descreve o campo gerado por uma unica´

r

carga

Para uma distribui¸c˜ao de cargas temos que o campo el´etrico em um dado ponto P ´e dado pela soma vetorial de todos os campos el´etricos gerados por cada

carga. ( E =

F

q

0

0

= E 1 + E 2 + E 3 +

)

Quando uma dada quantidade de carga Q estiver distribu´ıda sobre:

Linha: Densidade linear de carga λ = Q . Unidade: C /m

L

Superf´ıcie: Densidade superficial de carga σ =

Q

A

. Unidade: C /m 2

Volume: Densidade volum´etrica de carga → ρ = Q . Unidade: C /m 3 V
Volume: Densidade volum´etrica de carga → ρ = Q
. Unidade: C /m 3
V

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Determina¸c˜ao do campo el´etrico Superposi¸c˜ao dos campos

Determina¸c˜ao do campo el´etrico

Superposi¸c˜ao dos campos el´etricos

A equa¸c˜ao

puntiforme. Geralmente observamos que existe uma distribui¸c˜ao de cargas no espa¸co.

Princ´ıpio da superposi¸c˜ao de campos:

E (xyz) =

1

4π 0

q

2 ˆr , descreve o campo gerado por uma unica´

r

carga

Para uma distribui¸c˜ao de cargas temos que o campo el´etrico em um dado ponto P ´e dado pela soma vetorial de todos os campos el´etricos gerados por cada

carga. ( E =

F

q

0

0

= E 1 + E 2 + E 3 +

)

Fazer:

Campo de um dipolo.

Anel carregado.

Linha reta carregada fio infinito.

Disco uniformemente carregado plano infinito.

um dipolo. Anel carregado. Linha reta carregada → fio infinito. Disco uniformemente carregado → plano infinito.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

O conceito de campo el´etrico pode parecer um pouco abstrato/il´us´orio porque n˜ao se pode vˆe-lo diretamente.

O conceito de campo el´etrico pode parecer um pouco abstrato/il´us´orio porque n˜ao se pode vˆe-lo diretamente.

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

Linhas de campo el´etrico

´

E uma linha imagin´aria reta ou curva que passa por uma regi˜ao do espa¸co de tal

modo que sua tangente em qualquer ponto fornece a dire¸c˜ao e o sentido do

campo el´etrico( E ) no ponto considerado. O espa¸camento entre as linhas fornece uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

el´etrico nunca se cruzam.

uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

Linhas de campo el´etrico

´

E uma linha imagin´aria reta ou curva que passa por uma regi˜ao do espa¸co de tal

modo que sua tangente em qualquer ponto fornece a dire¸c˜ao e o sentido do

campo el´etrico( E ) no ponto considerado. O espa¸camento entre as linhas fornece uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

el´etrico nunca se cruzam.

uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

Linhas de campo el´etrico

´

E uma linha imagin´aria reta ou curva que passa por uma regi˜ao do espa¸co de tal

modo que sua tangente em qualquer ponto fornece a dire¸c˜ao e o sentido do

campo el´etrico( E ) no ponto considerado. O espa¸camento entre as linhas fornece uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

el´etrico nunca se cruzam.

uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

Linhas de campo el´etrico

´

E uma linha imagin´aria reta ou curva que passa por uma regi˜ao do espa¸co de tal

modo que sua tangente em qualquer ponto fornece a dire¸c˜ao e o sentido do

campo el´etrico( E ) no ponto considerado. O espa¸camento entre as linhas fornece uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

el´etrico nunca se cruzam.

uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

e campo el´etrica Linhas de for¸ca de um campo el´etrico Linhas de for¸ca de um campo

Linhas de for¸ca de um campo el´etrico

Linhas de campo el´etrico

´

E uma linha imagin´aria reta ou curva que passa por uma regi˜ao do espa¸co de tal

modo que sua tangente em qualquer ponto fornece a dire¸c˜ao e o sentido do

campo el´etrico( E ) no ponto considerado. O espa¸camento entre as linhas fornece uma id´eia do m´odulo do campo el´etrico( E ) em cada ponto. As linhas de campo

el´etrico nunca se cruzam.

Em um campo el´etrico uniforme as linhas de campo s˜ao retas, paralelas, e as distˆancias entre as linhas s˜ao constantes.

campo el´etrico uniforme as linhas de campo s˜ao retas, paralelas, e as distˆancias entre as linhas

Cap´ıtulo 21 - Carga el´etrica e campo el´etrica Dipolos el´etricos

- Carga el´etrica e campo el´etrica Dipolos el´etricos Dipolos el´etricos O momento de dipolo el´etrico p

Dipolos el´etricos

O momento de dipolo el´etrico p( r ), ´e uma medida da separa¸c˜ao entre cargas el´etricas positivas e negativas em uma dada distribui¸c˜ao de cargas em um ponto r do espa¸co.

p( r) =

N

i=1

q i ( r i r) = q 1 ( r 1