Sie sind auf Seite 1von 3

MINISTÉRIO DA DEFESA

EXÉRCITO BRASILEIRO
D E C Ex - D E P A
COLÉGIO MILITAR DE FORTALEZA
(Es M do Ceará/1889)
CASA DE EUDORO CORRÊA

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CMF 2018/2019


RESPOSTA AO PEDIDO DE REVISÃO DE CORREÇÃO DE PROVA

PROVA: MATEMÁTICA

ANULAÇÃO DE QUESTÕES

Após a avaliação de alguns recursos apresentados a banca elaboradora da Prova de


Matemática chega-se a seguinte análise descritas a seguir.
1 Referente a questão 5 da prova de matemática do Concurso de Admissão 2018/2019 ao 6º
ano do Ensino Fundamental do Colégio Militar de Fortaleza que consta do seguinte teor:
“Um agricultor colheu 63 kg de flores, que serão vendidas por R$ 1,60 o kg. Se este agricultor
vende-las desidratadas, o valor passa a ser de R$ 2,00 o kg. Com a desidratação, o peso das
flores é reduzido em 8/9 do seu peso original. O agricultor venderá todas essas flores de uma
única forma, isto é, ou venderá todas as flores naturais ou venderá todas elas desidratadas.
Prevendo o valor antecipadamente das vendas, qual a diferença entre o maior valor da venda e
o menor valor da venda?”.

O peso das flores desidratadas foi reduzido em 8/9 do seu peso original, ou seja, entende-se
que “reduzido em” significa que foi diminuído em 8/9. Desta forma passou a ser 9/9 – 8/9 =
1/9 do seu peso original.
Com essa interpretação, os cálculos do preço da venda das flores desidratadas fica assim
Flores naturais → 63 . 1,60 = 100,8, ou seja, o preço de venda das flores naturais é de R$
100,80.
Flores desidratadas → 63 . 2,00 . 1/9 = 14,00, ou seja, o preço de venda das flores
desidratadas é de R$ 14,00.
Assim, calculando a diferença, temos: 100,8 – 14,00 = 86,80.
Dessa forma, a diferença entre o maior valor da venda e o menor valor da venda é de R$
86,80.
O valor R$ 86,80 não há como alternativa dentre as cinco opções de respostas a serem
assinaladas no cartão resposta para a questão 5 o que conduz a anulação da questão.
Diante do exposto, a Comissão de Elaboração e Organização da Prova de Matemática resolve
anular a questão.
2 Concernente a questão 20 da prova de matemática do Concurso de Admissão 2018/2019 ao
6º ano do Ensino Fundamental do Colégio Militar de Fortaleza redigida com o seguinte teor:
O resultado da soma do menor múltiplo de 9 que não possui algarismos ímpares com o maior
múltiplo de 6 menor que 1000 é o número B. A soma dos algarismos B é.
No gabarito oficial apresentado, a comissão de elaboração e organização do concurso
interpretou e resolveu da seguinte forma:
Como a questão pede a soma de dois números, iremos encontrar esses números. No primeiro
momento, vamos encontrar a primeira parcela da soma. Observe:
O primeiro número refere-se ao menor múltiplo de 9 que não possui algarismos ímpares.
Entre as dezenas, de 18 a 99, todos os múltiplos de 9 têm um algarismo ímpar.
Entre as centenas, temos que desprezar as que iniciam com o algarismo “1”, pois todos os
algarismos devem ser pares.
Entre as centenas iniciadas pelo algarismo “2”, temos:
A soma dos três algarismos da centena deverão ter, como total, um número par, pois, caso
contrário, terá que ter um algarismo ímpar entre os três. Esse número par, no caso de uma
centena, será então 18.
18 – 2 (algarismos das centenas) = 16
16 decomposto em dois números pares, com um algarismo apenas, é 8 + 8.
Portanto, 288 é o menor múltiplo de 9 com todos os algarismos pares, ou seja, que não possui
algarismos ímpares.
Agora, vamos encontrar a segunda parcela da soma. Veja:
O segundo número refere-se ao maior múltiplo de 6 menor que 1000.
A forma mais simples para encontrar esse valor é dividir o número 1000 pelo 6 e multiplicar o
6 pela parte inteira:
Daí, 1000 ÷ 6 = 166,666 ....
Devemos ignorar o que está após a vírgula, ficando apenas com o 166.
Em seguida, multiplicaremos 166 por 6 obtendo 996, que é o múltiplo procurado.
Daí, somaremos os números encontrados:
228 + 996 = 1284.
Esse número encontrado é o número B. Como queremos a soma dos algarismos de B, então 1
+ 2 + 8 + 4 = 15. Dessa forma, a resposta da questão é letra C.
Sabemos que a definição de múltiplo de um número natural é o produto desse número por um
número natural qualquer. O zero só tem um múltiplo: o próprio zero. O zero, porém, é
múltiplo de todos os números. Sabemos, também, que o zero é considerado um número par.
Levando em consideração esses conceitos, o candidato poderia interpretar que o menor
múltiplo de 9 que não possui algarismos ímpares é o zero. Com isso, o número B seria 996 e
ele encontraria a seguinte soma:
0 + 996 = 996
Somando os algarismos do número B temos 9 + 9 + 6 = 24.
O número 24 encontrado não tem como alternativa nos cinco itens previstos para marcar na
questão 20.
O candidato teria a possibilidade de interpretar desta forma, encontrando assim o número 24,
e como este número não teria opção para marcar sua resposta, a questão é considerada
anulada, como prevê o edital do concurso.
Diante do exposto, a Comissão de Elaboração e Organização da Prova de Matemática resolve
anular a questão.

Atenciosamente,

Fortaleza, 23 de outubro de 2018

________________________________ ____________________________________
Cap Nelson Claudiano da Silva Júnior Maj José Laécio de Oliveira Pinheiro Júnior
Membro da Banca Elaboradora Membro da Banca Elaboradora

________________________________
Ten Cel Nilton de Araújo Pereira
Presidente da Banca

Despacho:
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

____________________________________
EDSON ALLEMANY DOS SANTOS – Cel
Comandante e Diretor de Ensino do CMF