You are on page 1of 2

Amanda Calefi Nogueira – Semio Neural

 Síndromes corticais
Lesões corticais predominam no rosto ou na perna ou no braço. O déficit motor é desproporcional e incompleto
porque uma área é muito distante da outra.

→ Síndrome frontal
Hemiparesia ou hemiplegia contralateral
Desvio ocular: na lesão – ipsilateral; na irritação – contralateral.
Crises parciais simples motoras c/s generalização
Afasia motora (de Broca)
Automatismo de preensão bucal e manual
Ataxia das pernas
Persistência motora
Ecolalia – repetição sem sentido de uma palavra/frase recém-dita por outra pessoa
Ecopraxia – repetição por imitação dos movimentos da outra pessoa
Distúrbio do comportamento
Principalmente em lesões bilaterais
Perda geral de estímulos
Apatia franca – insensibilidade emocional
Humor alegre, euforia, moria (piadas idiotas e infantis, trocadilhos, para esconder déficits, pensamento e memória),
indiscrições sexuais, exibicionismo.
Demência

→ Síndrome parietal
Síndrome sensitiva contralateral
Quadrantanopsia homônima inferior e contralateral
Crises parciais simples sensitivas c/s generalização
Afasia semântica – lesões parieto-occipital-temporal: paciente fala e lê mas não sabe o significado
Dislexia
Astereognosia
Apraxia construtiva
Heminegligência
Síndrome de Gertsmann
Confusão entre lados D-E; agnosia digital (confusão entre os dedos); autotopognosia (ignora lado acometido);
agrafia, acalculia, lesão no giro angular do HCE.

→ Síndrome temporal
Crises parciais complexas c/s generalização (“ausência”)
Aura – sensação que precede um ataque epilético.
Distúrbios de memória verbal e não verbal
Crises de dejà-vu, jamais-vu
Crises uncinadas: alucinações olfatórias, movimentos involuntários de saborear ou cheirar, estado onírico (devaneio)
Prosopagnosia (não reconhece rostos), amusia (incapacidade de reconhecer sons musicais)
Afasia de Wernicke, sensorial ou receptiva
Quadrantanopsia homônima superior e contralateral
Surdez cortical/ agnosia acústica – ouve, mas não reconhece o som
Distúrbios de comportamento – agressividade, passividade
Alucinações auditivas
Amanda Calefi Nogueira – Semio Neural

→ Síndrome occipital
Alucinações visuais: luzes, raios, círculos
Desvio ocular: na lesão – ipsilateral; na crise – contralateral
Hemianopsia total homônima
Alteração da orientação visuo-espacial
Agnosia a cores
Agnosia óptica: não reconhece objetos vistos
Alexia – dificuldade para escrever

 Síndromes dos núcleos da base (extrapiramidais)

→ Síndromes hipocinéticas-hipertônicas
Parkinson
Tremores, lentidão, rigidez
Movimentos realizados com muita dificuldade
Exame do equilíbrio: tendência à flexão do tronco e da cabeça
Tardiamente apresenta instabilidade postural

→ Síndromes hipercinéticas-hipotônicas
Coreia
Movimentos involuntários: podem prejudicar a manutenção do equilíbrio estático ou tornar a marcha insegura
Hipotonia muscular

 Síndromes cerebelares

Durante a postura ereta, os tendões de Aquiles e do tibial anterior ressaltam-se irregularmente: dança dos tendões.
Oscilações do equilíbrio estático obrigam o paciente manter os pés afastados entre si para ampliar a base de
sustentação.
Oclusão palpebral: não afeta o equilíbrio – não ocorre sinal de Romberg nas ataxias cerebelares.
Marcha: pés afastados, passos irregulares impedindo a marcha em linha reta – marcha ebriosa.

→ Lesão axial (vermis)


Fala pastosa, ataxia da marcha, perda do equilíbrio
Teste de coordenação entre tronco e membros é mais afetado
Ao inclinar o corpo para frente ou para trás pode haver queda

→ Lesão nos hemisférios


Manifesta-se nos membros do lado lesado
Dismetria: alteração na prova index-nariz
Tônus comprometido, porém sem déficit motor
Alteração na prova de movimentos alternados (disdiadococinesia)
Erros de medida
Falta de contração coordenada de músculos agonistas, sinergistas, fixadores das articulações e de antagonistas.