You are on page 1of 5

Obra: Sala comercial

Proprietários: Elto Brunhera e Eloi Brunhera


Endereço: Av. 19 de Maio esquina com Rua Antônio Carlos Gomes.
Cidade: Ciríaco – RS
Área: 270 m²

MEMORIAL DESCRITIVO

Este memorial tem por finalidade descrever os materiais e


técnicas que serão utilizados na construção da referida
obra.

1. Generalidades

O terreno possui área de 270 m², medindo 18,00 m de frente para a


Avenida 19 de maio e 19,00 m de frente para a Rua Antonio Carlos Gomes. Tem
forma regular, e topografia plana, com declividade de fundos para frente.
O conjunto será composto por dois prédios, sendo uma torre de
apartamentos e uma torre de garagem.
A obra será uma edificação comercial e deverá ser iniciada após todas
as aprovações nos órgãos necessários e competentes.

2. Movimentos em Terra

O terreno será limpo, com a decapagem da camada de material orgânico


e após isso será feita a terraplenagem.

3. Infraestrutura

As fundações serão do tipo sapata, com estrutura de concreto armado.


Serão executadas nas dimensões especificadas em projeto, com resistências
compatíveis com as cargas a serem aplicadas.
Sobre as sapatas serão executadas as vigas de fundação, ou baldrames,
que serão de concreto armado, e receberão as cargas da edificação.
4. Supra-estrutura

A estrutura da edificação será do tipo concreto armado convencional e


alvenaria de vedação e deverá seguir o projeto estrutural.

5. Paredes

As paredes de vedação internas e externas serão de blocos cerâmicos 6


furos 9x14x24 cm e serão assentadas com argamassa mista de cimento, cal e
areia média, no traço 1:2:8 e deverão estar em prumo e nível.

6. Pisos

O piso que estará em contato direto com o solo, terá contrapiso de


concreto magro tratado com aditivo impermeabilizante. Esse será nivelado e
pronto para receber o revestimento. O revestimento será do tipo cerâmico
assentado com argamassa-colante.

7. Forros

A instalação do forro só será iniciada após a execução do projeto elétrico


e montagem da estrutura do sistema de climatização.
Será utilizado forro mineral modular, que garante isolamento térmico,
acústico e resiste ao fogo e à umidade.

8. Revestimentos

Internamente as paredes de alvenaria deverão receber chapisco, reboco


grosso e reboco fino, para perfeito acabamento.
As paredes dos banheiros deverão receber chapisco e reboco grosso e
serão revestidas com revestimento cerâmico. O revestimento deverá ser
aplicadas com prumo e esquadro, além de cola tipo argamassa colante e os
rejuntes deverão seguir especificações do fabricante.

2
As paredes externas serão salpicadas com argamassa de cimento e areia,
e após serão rebocadas com argamassa industrializada em espessura não
inferior a 2 cm e pintura com tinta acrílica semibrilho.

9. Esquadrias

As portas principais e janelas serão de alumínio e terão dois caixilhos de


correr com vidros translúcidos cristal.
As portas secundárias e dos banheiros serão semi-ocas, com
acabamento padrão madeira, com encabeçamento em madeira maciça. Os
marcos serão de madeira revestido com lâmina própria para pintura ou verniz.
As portas de garagem serão de alumínio.

10. Acabamentos

Todos os rodapés, soleiras e acabamentos das paredes serão de


revestimento cerâmico, seguindo a cor, marca e modelo utilizados naquela área.
Os peitoris/soleiras das aberturas externas serão de basalto e receberão rasgos
de vinco duplo de maneira a cumprir a função de pingadeira.

11. Cobertura

A estrutura da cobertura será de tesouras de madeira para telha estrutural


de fibrocimento, devidamente ancorada na laje de cobertura, assim como os
demais elementos estruturais da cobertura serão de madeira.
O fechamento do telhado será realizado por com telhas onduladas de
fibrocimento, cuja espessura é de 6 mm, sendo as telhas fixadas à estrutura com
parafusos de aço autobrocantes.

12. Instalações Elétricas

As instalações elétricas serão executadas de acordo com as normas da


RGE, seguindo as recomendações do RIC.

3
A entrada de energia será feita em baixa tensão, descendo pelo poste até
a caixa do passeio em frente à obra e, por eletrodutos subterrâneos, irá até o
centro de medição e distribuição.
Dos medidores, será feita a ligação, sempre por meio de fio antichama,
nas bitolas especificadas em projeto, embutidas em eletrodutos de PVC.
Nos centros de distribuição estarão fixados os disjuntores de proteção
termomagnéticos. Daí até os diversos pontos, a energia será conduzida por
cabos de cobre com revestimento antichama, embutidos em mangueiras de PVC
previamente colocadas internamente nas lajes e paredes.

13. Instalações Hidrossanitárias

As instalações hidráulicas serão executadas em tubulações de PVC.


A edificação terá um sistema de distribuição direto de água, na qual a
distribuição será feita de forma ascendente. As peças de utilização de água
serão abastecidas diretamente da rede pública da concessionária local e
deverão seguir o projeto hidráulico.
A rede de coleta de esgoto sanitário será feita por meio de tubulação de
PVC sanitário. Os esgotos servidos serão recolhidos dos diversos pontos de
utilização por meio de redes e colunas de tubos de PVC, nas dimensões
indicadas em projeto. Os efluente será destinado para um sistema de fossa
séptica e sumidouro, como indicado no projeto.
As águas pluviais serão conduzidas por um condutor horizontal do tipo
calha, que será do tipo retangular de chapa galvanizada, com dimensões de 30
x 15 cm e apresentará inclinação de 1%.
O condutor vertical será em PVC e deverá ter diâmetro de 200 mm.

14. Pintura

Após a cura do reboco, as paredes internas serão seladas e revestidas


com emassamento de parede interna com massa corrida à base de PVA com
duas demãos, para pintura látex. Após, receberão duas demãos de tinta semi
brilho.

4
As paredes externas receberão como acabamento pintura em tinta látex
acrílica com duas demãos. Como revestimento, será aplicada, após tratamento
com selador, massa texturizada de base acrílica, com acabamento espatulado
ou pongado, e pintura com tinta acrílica semi brilho.

15. Impermeabilizações

As fundações serão impermeabilizadas na parte superior e lateral das


vigas de baldrame com duas demãos de tinta betuminosa.
Como já citado anteriormente, os pisos de parte do pavimento térreo, que
terão contato direto com o solo, terão contrapiso de concreto magro tratado com
aditivo impermeabilizante.

16. Limpeza e Acabamentos

Depois de executados todos os serviços descritos, a obra será limpa e


serão testadas as instalações.

Ciríaco, Janeiro de 2019.