Sie sind auf Seite 1von 2

Consciência mítica

Filosofando

1. Mito
a. Dogmatismo: crença e fé
b. Grécia Antiga: relacionar ao sobrenatural, tudo que não se explicava racionalmente;
c. Afugentar diversos medos, inclusive da morte, tranquilizando-os diante do
desconhecido;
d. Transmitido através de poetas
i. Ooo
ii. Epopéias: feitos de deuses e homens
iii. Contado nas praças
iv. Homero:
1. Ilíada e Odisséia
v. Hesíodo:
1. “Teogonia”
2. Formação dos deuses: Emergem das forças das naturezas, tomando
forma e posteriormente criam os seres humanos
a. Prometeu e Pandora
b. Deméter e Afrodite
c. Gaia: Terra
d. Urano: Céu
i. Cronos: Tempo
ii. Zeus:
3. Cosmovisão dos homens
vi. Augusto Comte: francês, sec. XIX. Positivismo:
e. Mito:
i. “Mito” vem do Grego MYTHÓS, que tinha um grande número de
significados dentro de uma ideia básica: “discurso, mensagem palavra,
assunto, invenção, lenda, relato imaginário”.
ii. Naturalmente, mitologia deriva daí.
“Mistério” vem do Grego MÝEIN, “fechar”, especialmente os olhos.
Quando uma pessoa era iniciada em algum ritual que exigisse segredo,
ela devia se comportar como se estivesse com os olhos fechados
quando lhe foram apresentadas aquelas informações. Seu significado
atual gira em torno de “desconhecido, intrigante, não esclarecido”.
iii. De MÝEIN se fez a palavra MÝSTES, “iniciado nos mistérios”, de onde
derivou MYSTÉRION, “doutrina secreta, arcano, culto secreto”.
“Místico” deriva daí e tem o sentido de “obscuro, secreto, possuidor de
propriedades mágicas, ligado a ritos esotéricos”.
iv. Há um outro “mistério”, porém, que tem um significado
completamente diferente e outra origem: vem do Latim MINISTERIUM,
“serviço, trabalho, função”.
v. Na Europa medieval, principalmente na Inglaterra, eram feitas
representações populares sobre temas sacros, que gradualmente
começaram a ficar a cargo das guildas de trabalhadores e, a partir do
MINISTERIUM que eles exerciam, se formou o MYSTERY,
“representação de obra sacra”, palavra essa que acabou sendo
absorvida pela igreja como parte do seu ritual.
vi. Esse MINISTERIUM gerou o nosso conhecido “mister”, com acento na
última sílaba.
f. Lenda:
i. Adjetivo
1. legenda (feminino)
2. legível

ii. Verbo
1. legenda (gerundivo, feminino)
2. que será lida
3. que deve ser lida