Sie sind auf Seite 1von 43

WAY Viva a sua casa

Réveillon verde
Organize uma festa
cheia de estilo e que
preserve o ambiente

Cortinas
sustentáveis
De fibras

Paraíso
orgânicas, seda,
linho, juta e
algodão

tropical
Projeto no sul da Bahia privilegia
Jardim em casa
Como manter as
plantas bonitas
espaços amplos e confortáveis e saudáveis em
e o charme dos móveis rústicos lugares fechados
 
Sumário Edição 7

26 10 34 14 40 16 62 66

SEÇÕES Objeto de Desejo DECORAÇÃO pelo mundo


As cores e formas inusitadas nas obras da artista 82
Carta ao Leitor Os segredos do hall Artista global
06 44 66
plástica carioca Beatriz Milhazes. Ela já realizou
Descubra como é bom – e fácil – fazer sua casa mostras na França, nos Estados Unidos, na Transforme o ambiente num cartão de visitas Saiba um pouco mais sobre as obras do egípcio
entrar na onda da sustentabilidade Inglaterra, no Japão e na Itália e continua sendo da sua casa. Mesmo um pequeno espaço pode Karim Rashid, um dos maiores responsáveis pela
uma grande referência para todos ganhar cores e móveis que dão cara nova democratização do design no mundo
Correio Way
08
à entrada do imóvel
Mensagens de leitores com dúvidas, sugestões de INSPIRAÇÃO caderno de obras
Um quarto para dois
48
matérias e outros comentários
Refúgio baiano Construções a todo vapor
20 75
Sugestões de ambientes confortáveis e funcionais
Modernidade
10
Aprecie esta linda casa construída na para serem divididos por irmãos A Gafisa mostra o andamento dos seus
Objetos reciclados, refrigeradores estilosos e peças Praia do Espelho, no sul da Bahia. empreendimentos. São mais de 50 prédios
com design bem retrô para deixar sua cozinha Com pé-direito alto e privilegiado pela luz CASA sendo construídos em vários estados brasileiros
ainda mais bonita e funcional solar, o local é o preferido da família na
A natureza perto de você
40
hora de descansar e curtir a natureza
Casa Verde
12
Se você não tiver quintal no seu imóvel, monte um Capa
Loft de vanguarda
26
Materiais que imitam madeira de demolição, jardim ou um canteiro de temperos Detalhe da fachada
da espaçosa e
resíduos que se transformam em obras de arte, Foram dois anos de planejamento até os agradável casa no
Leveza com muito impacto
52
papéis reciclados para a decoração e luminária proprietários decidirem o que fazer no condomínio Outeiro
das Brisas, perto da
que consome 40% menos energia apartamento de 155 m2. O resultado foi um Tecidos sustentáveis para cortinas que deixam sua Praia do Espelho, no
imóvel com sala de TV e de jantar e cozinha casa mais charmosa e preservam o meio ambiente sul da Bahia.
Fotos de Marcos
Os Eleitos
14
integradas e área íntima bem reservada Antonio e produção
Réveillon tropical
54
Vasos de murano com design e cores bem de Meg Basano
Espaço com a alma do chef
34
variadas. Eles funcionam como verdadeiras obras Comemore o ano-novo com uma ceia prática de
de arte para decorar sua casa com muito estilo Olivier Anquier mostra seu espaçoso ser preparada e que tem a cara do Brasil
apartamento na Praça da República, no centro
Antenados Trabalhar em casa é um prazer
16 62
de São Paulo. Todo reformado e com móveis
Objetos coloridos, modernos e alegres que tornam e objetos reciclados, o ambiente tem um ar Soluções criativas, bonitas e práticas para montar
sua casa mais agradável para receber amigos antigo e, ao mesmo tempo, contemporâneo um escritório funcional na sua casa, sem interferir
descolados e reunir toda a família e ecologicamente correto no espaço dos outros cômodos

 
Editorial

Mundo verde
Hoje, a preocupação com o meio ambiente é o foco de interesse de
empresários e consumidores conscientes. Pensando nisso, nesta última
edição do ano, a equipe WAY resolveu fazer uma edição com toques
verdes e sustentáveis. A idéia é mostrar como algumas soluções podem
FLORENSE e GAFISA firmam parceria. E quem ganha é VOCÊ.
ser charmosas e criativas e, ao mesmo tempo, ajudar na preservação
do planeta. É o caso da matéria “A natureza dentro de casa”, em que
mostramos como manter as plantas bonitas e saudáveis em apartamentos
e como plantar um minicanteiro de temperos na cozinha para facilitar o
preparo de saborosas refeições.
Nesta edição você também vai encontrar sugestões de tecidos sustentáveis
para fazer cortinas sofisticadas. Entre a lista de opções encontram-se fibras
orgânicas, seda artesanal, algodão, bambu e linho. Para entrar nesse clima,
damos ainda dicas para fazer uma festa tropical no réveillon que leva em
conta todos os conceitos ecologicamente corretos.
Agora é a sua vez! Na hora de procurar objetos para a decoração da
sua casa ou um lugar especial para morar, procure unir três conceitos
fundamentais: estética, conforto e respeito ao nosso planeta. O resultado
será um mix de bom gosto e atitude adequada que vai chamar a atenção
Ao adquirir um imóvel Gafisa, você entra para um círculo de pessoas especiais onde os conceitos de vida ganham novas dimensões. E, para lhe oferecer mais
de todos que você receber em sua casa. Aposte nisso! do que um excelente lugar para morar, Florense e Gafisa firmaram uma parceria de alto nível para colocar à sua disposição toda a coleção de móveis Florense –
para todos os ambientes da casa – em condições especiais para os empreendimentos Gafisa.Você também pode contratar os serviços de projetos dos móveis
pelo sistema de Entrega Futura, pagando em várias parcelas, quase sem perceber, durante o período da obra. Assim,ao receber as chaves, seu apartamento
estará totalmente mobiliado, permitindo imediata ocupação. Consulte estas e outras vantagens desta parceria exclusivamente nos endereços abaixo.
Equipe Way
florense e verde

SÃO PAULO Av. República do Líbano, 2153 - Tel 5053.3999 | SANTOS Gov. Pedro de Toledo, 67 - Tel 3288.1204 | florense@tropicosdecor.com.br

Correio Way WAY Viva a sua casa

Respeito à natureza anos de idade, não param um minuto Responsáveis pela revista
Gerente de Marketing Corporativo
Como é linda a residência da apresentadora sequer e o quarto deles estava sempre José Carlos C. Cunha
Lorena Calábria! É muito bom saber que a desorganizado. Aproveitei as dicas, Gerência de Marketing Institucional
construção foi planejada de modo que a chamei os dois e, juntos, fizemos Débora Girardi de P. Rapoport e André Luiz Chagas Pereira
natureza ao redor sofresse o mínimo uma faxina geral. Foi ótimo.
Colaboradores
possível. Espero que a atitude dela sirva Daniela Evangelista Freitas, Rio de Janeiro, RJ
Bianca Alvim, Caroline Veloso, Christiane Mattos Calvo, Erika
como exemplo para muitas pessoas que Fugiwara, Fernanda Szyfman, Natalia Martins Bezerra de
só pensam em construir grandes palacetes A vez dos adesivos Menezes, Renata Kac e Renata Brasileiro Lima.
e se esquecem de que a natureza é parte Estou decorando meu novo apartamento e
importante da nossa sobrevivência. quero dar um ar moderno, mas intimista, GAFISA – www.gafisa.com.br – 0800-7733500
Carla S. Franco, Petrópolis, RJ na decoração. Ouvi dizer que os adesivos
de parede são bem interessantes. Gostaria
Sala renovada de saber um pouco mais sobre esse item
Adorei as matérias “Iluminação perfeita” decorativo. Eles são mesmo legais? Sugiro
e “Festa das almofadas”, da última edição uma matéria sobre esse assunto.
de Way. É incrível como podemos dar Elizabete Aparecida Pinho, São Paulo, SP
um visual novo à casa sem quebra-quebra
e estresse. As sugestões me deixaram O futuro é logo ali
empolgada para mudar a minha sala. Adoro conhecer construções futuristas.
Troquei o lustre e coloquei umas almofadas Por isso, gostei muito da matéria sobre
DIRETORIA
coloridas no sofá. O ambiente pareceu novo! os arquitetos suíços Jacques Herzog e
Diretor-Geral
Joana Lanchsmann, Campinas, SP Pierre de Meuron, da última edição de Frederic Zoghaib Kachar
Way. Espero que vocês façam outros Diretor de Mercado Anunciante
Casa de campo perfis tão interessantes como esse. Gilberto Corazza
Parabéns à equipe pela reportagem que Ademir Santos Pasqual, Porto Alegre, RS
Diretora Editorial Adjunta
mostrou a arquitetura de uma supercasa
Cynthia de Almeida
em Bragança Paulista, na última edição. Espaço multiúso Diretor de Criação
Ano que vem, começo a construir a minha Estamos construindo nossa casa e minha Saulo Ribas
tão sonhada casa de campo e vou usar várias idéia é fazer um ambiente que sirva ao Diretora do Grupo de Produtos Customizados
dicas. Continuem fazendo matérias desse mesmo tempo como sala de TV e área Roberta Ristow
Editor de Arte
tipo. Isso ajuda muito as pessoas que estão de convívio familiar. Tenho três filhos.
Rodolpho Vasconcellos
na mesma situação que a minha. Sugiro uma matéria com ambientes Assistente de Redação
Andréa Belocci Silva, São Paulo, SP multiúso. Preciso de dicas interessantes Denise Maiauskas
para reformar o espaço.
Churrasqueira certa Silvana Aguiar Costa, Salvador, BA Colaboraram nesta edição
Editora Sênior
Seria bom ver nas próximas edições
Vera Ligia Rangel
de Way uma matéria com dicas para Revista caprichada Editora
escolher uma churrasqueira. Moro em Conheci a revista Way por intermédio Heloísa Noronha
um apartamento em São Paulo com uma de uma amiga. Virei fã. As matérias são Chefe de Arte Carolina Pérez Ferrés
pequena área na varanda onde eu gostaria bem escritas e os projetos de arquitetura Arte Catherina Borelli Figueiredo e Cristiane Pino
Revisão Luiz Volpi
de instalar uma churrasqueira, mas não sei apresentados são modernos. Além disso,
Colaboradores André Spínola, Beatriz Marques Dias, Carlos
que modelo escolher. Vocês podem me adoro as dicas de decoração, etiqueta e Piratininga, Débora Caruso, Edu Castello, Eduardo Alonso,
ajudar? Agradeço desde já. para organização da casa. Marcos Antonio, Silvia Goichman, Silvia Regina, Tiago Cappi,
Juliana Alves Souza, São Paulo, SP Maria do Carmo S. Damasceno, São Paulo, SP Vera Kovacs, Viviane Gonçalves e Xico Buny

Quarto de criança A revista Way é uma publicação trimestral distribuída

A matéria “Para sonhar e brincar”, da Para participar desta seção, gratuitamente, produzida e editada pela Editora Globo S/A
sob encomenda da Gafisa.
última edição de Way, caiu como uma mande um e-mail para
luva para mim. Meus filhos, de 5 e 7 gafisaway@gafisa.com.br Impressão Log & Print Gráfica e Logística S.A.

 
modernidade

Cozinha AR RETRÔ
Os minirrefrigeradores
possuem design anos

descolada
50, com pés-palito
cromados e puxador
antigo. Por dentro,
tecnologia de ponta.
Da Brastemp, entre
R$ 1.490 e R$ 1.990.

Objetos reciclados, refrigeradores estilosos e


peças com design de época estão em alta
Por
Vera Ligia Rangel
Produção
Débora Caruso

RELÓGIO DE
TALHERES
PARA DESENHAR CAFEZINHO BOM O modelo de
Superoriginal, A cafeteira parede Spoon
esta geladeira expressa Dream Time vem em aço
vem com canetas produz um café escovado e dá um
e apagador comparado ao toque charmoso
exclusivos para das máquinas ao ambiente. Da
deixar recados e profissionais. Show de Cozinha, PLACAS ESPERTAS
desenhos na porta Com potência R$ 154. O kit com três quadrinhos de metal para pendurar na parede cria um clima
e nas laterais. de 900 W, em nostálgico na cozinha. À venda na Malaika, R$ 67.
Com frost free. Da diversas cores. Da
Consul, R$ 1.499. Ascaso, R$ 3.350.

MONSTROS
À MESA
O conjunto de
pratos Melanina
Monster vem
com quatro TENDÊNCIAS
peças criativas EM DESTAQUE
para alegrar as Com capacidade
refeições. Da de 80 litros,
FRUTEIRA RECICLADA
Andrea Monte, painéis com
Assinada pelas irmãs Sara e Anete, da Rosemberg Design, a
R$ 176. estampas de
peça é feita de alumínio reciclado e reciclável. Da We, R$ 336.
estilistas e
rodinhas, o
Onde Encontrar Alimport: (11) 3392-2202; Andrea Monte: (11) 4451- minirrefrigerador
BONITA E TOSTEX 9109; Ascaso: (11) 3392-2202; Brastemp: www.brastemp.com.br; Consul: Brastemp Plá é um
DA HORA www.consul.com.br; KitchenAid: www.kitchenaid.com.br; Malaika: (11)
EFICIENTE mimo. R$ 1.699.
4777-9487; Show de Cozinha: (11) 6673-2000; We: (19) 3893-3328.
A batedeira A torradeira
Stand Mixer é vermelho metálico
Fotos: Divulgação

considerada um Oster faz tostados


ícone de design personalizados
e performance. ao estilo gourmet.
Da KitchenAid, Charmosa e fácil
R$ 1.990 (o modelo de limpar. Da
cromado). Alimport, R$ 318. Bonitos e funcionais, alguns aparelhos fazem toda a diferença na hora
do preparo dos alimentos e do convívio entre amigos nas refeições
10 11
Casa Verde

Cores Ilusão de óptica


Apoiada no conceito de design
sustentável, a linha Ecowood,

e formas
da Portobello Shop, foi
desenvolvida com a mais alta
tecnologia de revestimentos,
o Double Press, que utiliza duas
prensas para proporcionar
efeitos profundos entre o pó, o
Materiais que imitam madeira desenho e a massa. A novidade
é que, além de reproduzir
de demolição, resíduos que se

Xico Buny/ABAmgt
as pranchas de madeira de
transformam em obras de arte demolição, o Deck Ecowood
e papéis reciclados que viram imita as madeiras de decks de
jardins e piscinas. O resultado
belos objetos de decoração são é bonito e natural. Disponível
Da construção
o destaque da temporada Associação sem fins lucrativos, nas cores canela e aroeira e
a Mestres da Obra, de São Paulo, no formato 10 cm x 90 cm.
Por Heloísa Noronha | Produção Débora Caruso tem como missão ensinar os O preço, por metro quadrado,
trabalhadores da construção é R$ 229,90. Tel. 0800-6482002.
Efeito mandala civil a reaproveitar as sobras
Vencedora de prêmios de prestígio, como o Design 21, dos materiais para criar peças
promovido pela Unesco, a designer paulista Carla Tennenbaum decorativas. Confeccionada à
destaca-se pela criatividade no uso da borracha E.V.A., que base de vergalhão (barra de aço), Arte em jornal
mistura etil, vinil e acetato. É o caso da série Espirais Cinéticas, a luminária Trevo da Sorte, de Especialista em reciclagem
geradas a partir do corte, da montagem e da moldagem João Lemos, é um bom exemplo de papel, a Oficina de Artes
de resíduos industriais de E.V.A., cuja soma de cores das do que esses profissionais fazem. Boracéa é uma fonte de renda
partículas gera padrões visuais abstratos. Por causa das variadas Tel. (11) 2574-8879.

Xico Buny/ABAmgt
extra para os moradores de rua
seqüências cromáticas, cada peça se torna única – o efeito é de
atendidos pela Prefeitura de São
uma mandala moderna e inusitada. Para conhecer mais sobre
Paulo. A fruteira colorida feita
o trabalho da artista, visite o site www.caobaum.com.
de jornal custa R$ 70 e causa um
efeito incrível sobre qualquer
Fotos: Divulgação

tipo de mesa. Conheça mais


sobre a ONG no site www.
oficinadeartesboracea.com.br.

Tecido ecológico “Tendo em conta as condições de que dispõe


Desenvolvido da fibra da juta, matéria-prima típica da Amazônia e e na medida do possível, é a natureza que
produzida pela Têxtil Castanhal, o tecido Locomotiva Eco Juta (que
reveste o futon na foto) oferece três benefícios sustentáveis. O primeiro faz sempre as coisas mais belas e melhores.”
é que o plantio não utiliza fertilizantes ou defensivos. O segundo é o Aristóteles (384 a.C.–322 a.C.), filósofo grego
fato de essa cultura ser uma das principais atividades econômicas das
populações ribeirinhas na região amazônica. E, por último, a fibra de juta
tem facilidade de decomposição no descarte. Informações: (11) 3045- Charme extra

Xico Buny/ABAmgt
5522 (Grande São Paulo) ou SAC 0800-7070566. Se você é do tipo que adora customizar a
casa e deixá-la com a sua cara, vai gostar de
Baixo consumo conhecer os mimos diferentes da loja Coisas
Curvas provocantes Projetada pelo designer suíço Yves da Dóris, de São Paulo. Nossa sugestão são
Quem aprecia a arquitetura ímpar e encantadora do Museu Guggenheim, Behar, a luminária Leaf Personal as caixas de som para iPod feitas com papel
em Bilbao (Espanha), assinada por Frank Gehry, certamente vai desejar Light permite que o usuário, reciclado, por R$ 65 o conjunto (o preço
ter em casa a Wiggle Side Chair, uma das pouquíssimas reproduções por meio de um simples toque, inclui a caixa maior, que também serve de
do modelo original de 1972 criado pelo genial arquiteto canadense e ajuste a intensidade e a cor da luz. embalagem). São vários motivos, que vão de
confeccionada e patenteada pela empresa alemã Vitra. À venda na Micasa São várias possibilidades. A peça borboletas e círculos a estampas camufladas,
por R$ 3.640, essa charmosa cadeira é feita, acredite, de papelão. A consome 40% menos energia feitos com adesivos ou carimbos. No site da
resistência do assento deve-se à densidade do material e às laterais de que uma lâmpada fluorescente. loja, www.coisasdadoris.com.br, é possível
fibra natural prensada. Moderna, porém atemporal, combina com qualquer À venda na Atec Original Design encontrar outros objetos de decoração.
estilo de ambiente. Micasa: www.micasa.com.br ou (11) 3088-1238. por R$ 2.597. Tel. (11) 3034-1434.

12 13
OS ELEITOS

FOLHAS
DE OURO AMBIENTE
Da série COLORIDO HASTES
“Ritorto a Da Manufatura EXTERNAS
DESIGN AR RETRÔ Coste”, com Arte Vetri Murano da
ITALIANO com Na cor âmbar, folhas de ouro Muranese década de
Feito com listras o vaso usa e superfície (Avem), tem 50, o vaso tem
a técnica Este vaso de a técnica em forma fundo claro e detalhes em
Troncocono, murano é da Aurato. de costelas. transparente. sua estrutura,
o design é do década de Fabricante: Design de Fabricado na como
italiano Carlo 50 e usa a Formia Vetri Archimede década de 50. microbolhas.
Moretti. Da técnica Cane. di Murano. Seguso. Da Da Passado Do Antiquário
Benedixt. Da Benedixt. Da Cad’Oro. Stile Doc. Composto. IVY.

Vidro
PRETO E BRANCO VASOS PEQUENOS COR VIVA
Com pó de cobre metálico, do designer Criado pelo designer Carlo Moretti, faz parte Em duas cores, este vaso foi
Dino Martens. O charme está no furo da da linha Picoli de miniaturas de vasos de produzido na década de 90 pela

nobre
parte central. Da Passado Composto. museus. Da Benedixt. Cenedese. Da Legado Arte.

OBJETO Com design exclusivo PEÇA RARA


ALONGADO Do designer
Fabricado e cores vibrantes, Seguso, o
na década os vasos de murano vaso dos
de 60 com anos 50 tem
a técnica
deixam os ambientes superfície
Sommerso, mais sofisticados canelada
o vaso é do e boca
designer Por Silvia Regina afunilada.
Seguso. Da Fotos Xico Buny/ABAmgt Da Passado
Legado Arte. Produção Débora Caruso Composto.

O
murano é um vidro moldado por
meio do sopro e de movimentos
manuais. O resultado são peças
exclusivas com cores vibrantes e
que podem ser colocadas no living, na sala de
jantar, no hall e até nos dormitórios. A técnica
– que leva o nome da cidade italiana onde foi
criada – tem uma trajetória marcada por altos e
baixos. Sucesso absoluto no século 16, caiu em
declínio total 200 anos depois e sua produção
foi até paralisada. Aos poucos, as peças foram MIL SIMPLES E
retornando à decoração e, a partir de 1920, o VISUAL ARTE TÉCNICAS CHIQUE
murano ganhou novo status. Artistas italianos INCREMENTADO FLORIDA Da Murano
e franceses dominaram a fabricação desse Produzido com Assinado por Manufatura fabricado na
vidro e passaram a inventar outras técnicas. a técnica Aurato, Giampaolo Avem, é feito década de
Daí surgiram cores, grafismos e novas formas. este murano é da Seguso, com vários 50, leva pó
Considerada uma obra de arte, a peça tem até década de 70 e tem flores recursos de de ouro na
hoje preços altos, que só são divulgados na leva pó de ouro aplicadas nas decoração confecção.
hora da compra. É um objeto que você terá por na composição. superfícies. do vidro. Do Antiquário
anos e que nunca ficará com cara de museu. Da Legado Arte. Da Stile Doc. Da Stile Doc. IVY.

14 Onde Encontrar Antiquário IVY: (11) 3063-2092; Benedixt: (11) 3081-5606; Cad’Oro: (11) 3085-9138; Legado Arte: (11) 3061-5441; Passado Composto: (11) 3088-9128; Stile Doc: (11) 3064-9614. 15
antenados

Diversão
no seu lar
Invista em peças alegres para decorar
os ambientes. Além de trazer charme
à casa, deixam a vida mais colorida
e levantam o astral dos moradores
Por Silvia Regina | Fotos Edu Castello e
Xico Buny/ABAmgt | Produção Débora Caruso

LENDA JAPONESA
O Gosho Doll é um
bonequinho cheio de
graça, um verdadeiro
símbolo das terras
japonesas. Sua forma é Fotos: Edu Castello
a de um bebê-homem
roliço, de pele branca e
cabeça grande. Às vezes,
aparece carregando um
peixe. Ele representa
quanto o artista se
empenhou para fazer suas
peças de arte. É como se SALA MAIS AMPLA
Xico Buny/ABAmgt

ele mostrasse sua alma na Neste ambiente, o arquiteto José Ricardo Basiches derrubou paredes e integrou living e sala de TV. O espaço amplo
LIXO AMBIENTAL
hora da confecção. Design é ideal para reunir a família e os amigos. No fundo, a porta com trilho percorre toda a parede. Para deixar a sala
Este charmoso biombo foi montado com chapas de vidro,
de São Francisco Plastic moderna, foi aplicado grafite colorido. Sofá e poltronas brancas iluminam o ambiente. Painel, mesa de centro e rack
fornecidas pela empresa UBV, que iriam para o lixo. Feito pela
Good. Na Plastik. Marcenaria Medeiros, na parede e na porta, grafite Flip, iluminação Simone Previtalli e poltrona Mythos Design.
artista Debora Muszkat em parceria com o vidreiro Roberto Bonino,
conta ainda com a colaboração do Colors Kcos. O grupo nasceu
dentro da oficina de vidro do Projeto Aprendiz, de São Paulo, e
tem como proposta explorar a linguagem do grafite na arte vidreira.
COISA DE CRIANÇA
O abajur Menino
RODA CHIQUE Pipi é uma peça
O revisteiro é feito com roda de automóvel abandonada e que vai despertar a
que passou por um processo de restauração. A peça é ótima curiosidade das visitas

Xico Buny/ABAmgt
para enfeitar aquele canto vazio na sala. De quebra, ainda que você receber em
ajuda a organizar as revistas que estão espalhadas pela casa. sua casa. Isso porque
Criação dos arquitetos Sandra Pavani e José Roberto Tieppo o interruptor fica no
para a mostra de decoração CAD. pipi desse garotinho
e a cúpula cobre
os olhos dele de
um jeito engraçado.
Onde Encontrar Casa da Dóris: (11) 3083-1962; Debora Muszkat: A peça pode ser MINICOKE
debora@deboramuszkat.com.br; Flip: (11) 8139-5739; José Ricardo colocada num living Aproveite que a onda retrô está no ar e decore sua casa com essa
Xico Buny/ABAmgt
Basiches Arquitetura: (11) 3129-5811; Marcão Coleção Coca-Cola: (11) ou num quarto infantil, raridade superfofa. O miniengradado vem com 18 garrafinhas de
9389-5096; Marcenaria Medeiros: (11) 4616-2452; Mythos Design: deixando os espaços Coca-Cola e foi garimpado num país bem pertinho do nosso: o
(11) 7364-5179; Plastik: (11) 3081-2056; Sandra Pavani e José Roberto
descontraídos. Na Uruguai. A peça, charmosa, é do Marcão Coleção Coca-Coca e está
Tieppo: (11) 4191-6731; Simone Previtalli: (11) 3875-2447.
Casa da Dóris. à venda na feira da Praça Benedito Calixto, em São Paulo.

16 17
antenados
O CONCEITO DE MORADIA DE MAIOR SUCESSO DO BRASIL ACABA DE ENCONTRAR O RIO DE JANEIRO.

alphaville ba rra da tijuca


o grande encontro
Lazer e Meio Ambiente AlphaVille Autogestão AlphaVille
Mais de 120 mil m2 de lazer ao ar livre: Ruas exclusivas e com poucas casas e praças Preservação da qualidade urbanística e valorização do patrimônio,
com estacionamento, áreas verdes ajardinadas e clube exclusivo para os proprietários, através da gestão efetiva dos proprietários no empreendimento, garantindo
junto a um parque ecológico* com trilhas de caminhada, pergolados e área esportiva. transparência e o cumprimento das normas-padrão AlphaVille.

Memorial de loteamento registrado em 13/08/2008 sob o ato R-17 da matrícula 142.379 do 9º Registro de Imóveis da Capital do Estado do Rio de Janeiro. Perspectiva meramente ilustrativa,
sujeita a alteração quanto à quantidade, qualidade e localização. Material sujeito a alteração sem consulta prévia, devendo ser consultada a empresa de vendas para maiores informações.
AlphaVille
Líder absoluto em
Qualidade Construtiva
desenvolvimento
AlphaVille
urbano, sucesso
Tecnologia avançada em
em mais de 15
todas as etapas da obra
estados brasileiros.
e know-how de mais de
35 anos que garante alta
qualidade ao longo do o tempo.
Localização ede
Fiação subterrânea, rede
Em área nobre ação
de gás canalizado, estação
da Barra da Tijuca, oto
de tratamento de esgoto
de frente para a enciais,
própria e vários diferenciais,
lagoa de Jacarepaguá incluindo a duplicaçãoo
e perto de todas as da Via 4, em frente

*Em área pública, sujeita a aprovação da Fundação Parques e Jardins do município do Rio de Janeiro.
facilidades do bairro, ao empreendimento.
como o Rio Design
Barra, BarraShopping
e Bosque da Barra.

AlphaVille Barra da Tijuca Clube - Clube exclusivo para os proprietários. Segurança AlphaVille
Entregue decorado e equipado por Laura e Cristina Bezamat. Club House com Plano diretor de segurança desenvolvido por Haganá e Sigmacon, empresas
salão de festas avarandado, tness center, área de repouso com saunas seca e úmida, de renome deste segmento. O plano diretor de segurança estabelece regras de
jogos juvenis em espaço aberto, piscinas infantil e adulto com raia semi-olímpica e convivência e cultura voltadas à prevenção, além de denir portarias, controles
deck molhado, playground, quadras de tênis e poliesportiva e estacionamento. de acesso, muros, gradis e equipamentos de segurança, que serão
entregues com sua completa implantação.

0800 77 33 500 GAFISA E ALPHAVILLE URBANISMO. UM GRANDE


WWW.ALPHAVILLE.COM.BR/BARRADATIJUCA

ENCONTRO PARA UM GRANDE LANÇAMENTO:


ALPHAVILLE BARRA DA TIJUCA.
VISITE STAND DE VENDAS - RUA RAQUEL DE QUEIROZ, S/Nº
(PRIMEIRA À DIREITA DEPOIS DO BOSQUE DA BARRA).

17
Arquitetura e Design

Refúgio baiano
A perfeita união entre sofisticação e simplicidade, aliada ao charme
do estilo rústico, é o destaque desta espaçosa e agradável casa
situada no condomínio Outeiro das Brisas, entre Trancoso e Caraíva
Por Heloísa
Noronha
Fotos Marcos
Antonio
Produção
Meg Basano

O terraço
externo

S
principal, com
estruturas de ituado em um ponto estratégico entre Trancoso e Caraíva, no sul
madeira e teto de da Bahia, mais especificamente perto da famosa Praia do Espelho,
piaçava, convida o Outeiro das Brisas é um condomínio fechado com 5 milhões de
a desfrutar bons metros quadrados e cerca de 3 quilômetros de área de frente para o
momentos em mar. Idealizado há quase 20 anos pelo arquiteto Gilberto Nascimento, já faleci-
meio à paisagem. do, o Outeiro é um convite ao ócio, ao bem-estar, à arte de relaxar e aproveitar a

20
Arquitetura e Design

Natural chique
O mix de madeira e
granito, na cozinha,
reflete a simplicidade
elegante da decoração.
As janelas grandes,
com moldura de
madeira, têm vista para
o jardim e permitem
um aproveitamento
excelente da luz natural.

2
vida. São cerca de 200 edificações, entre casas e bangalôs particulares
de alto padrão, com ampla infra-estrutura: pista de pouso, campo de
pólo, clube de praia, pousadas, restaurantes, vendinhas e lojas, além
de benefícios como segurança 24 horas por dia e serviços de camarei-
ras para as casas, traslados e passeios. A casa escolhida para ilustrar
nossa sessão de fotos também leva a assinatura de Gilberto Nascimen-
to e destaca-se entre tantas outras do Outeiro das Brisas pela perfeita
– e complexa – combinação entre rusticidade e sofisticação. Não uma
sofisticação afetada e ostensiva, mas aquela que se impõe justamente
pela pureza de detalhes.
Propriedade particular de um casal com filhos pequenos, a casa tem vista
para o mar e ocupa um terreno de aproximadamente 10 mil metros quadra-
dos. Ela se divide basicamente em dois blocos: um somente de quartos, com
cinco suítes, e outro de convivência, com uma grande sala em formato de
oca. O projeto arquitetônico privilegia a amplitude dos espaços, em especial
o dos terraços externos e cobertos. Durante o dia, é possível se proteger do

1. Arte em contraste 2. Formas puras


Na sala principal, o desenho O projeto é composto
de Glaucus Noia compõe basicamente de móveis
um visual interessante com rústicos, como os da cozinha,
o armário rústico e a parede feitos sob encomenda por
de tom vibrante. uma marcenaria local.

23
Arquitetura e Design

2 1
1. Solução verde 2. Simplicidade em alta
Diversos tipos de plantas Nos quartos, a pintura mescla 2 1. Amplitude
– bromélias e alpinas, entre branco e tons de bege. Os total
outras – enfeitam o banheiro pisos de lajotas de cimento Grandes estruturas
do quarto principal, que, queimado e os móveis de madeira
assim como outros aposentos, simples de madeira compõem percorrem o longo
1 é privilegiado pela luz do sol. a atmosfera rústica. corredor (cerca
de 20 metros de
comprimento), em
O projeto arquitetônico investe à linguagem prosaica, porém chique, da residência. A iluminação recorrente formato de U, que
em dois pontos básicos: valoriza o pé-direito da obra e os pentes de piaçava do teto, confeccionados dá acesso ao bloco
de modo artesanal. Poucos móveis podem ser vistos pela casa – a impressão dos quartos e o liga
espaços amplos, com pé- é de que ficar à vontade é, de fato, o lema do local. à sala principal. Ao
direito de 6 metros de altura, Na sala de estar e na de jantar, há armários, mesas e cadeiras de estilo rús- centro, o belo jardim
de helicônias.
e mobília capaz de facilitar a tico das marcas Armando Cerello e Depósito Santa Fé. A ilustração de traços
femininos de Glaucus Noia forma um contraponto interessante com o vigor
circulação, o movimento, o da parede de tom vermelho-alaranjado. Nos quartos, predominam os tons 2. Hora
descanso... de bege e branco e móveis simples de marcenaria local. O banheiro do quarto do relax
principal, que conta com uma enorme banheira, é ornamentado por diversos Construída em frente
tipos de plantas, como bromélias, alpinas e helicônias – essas últimas, aliás, ao terraço principal,
sol forte da Bahia sem abrir mão do delicioso contato com a natureza. À percorrem todo o corredor que dá acesso aos quartos. a piscina tem 15 m
noite, os momentos entre a família e os amigos se transformam em reuniões Vale citar ainda como ponto alto do projeto a fonte preferida x 17 m e uma parte
extremamente agradáveis, graças à ventilação e ao aconchego dos terraços. de lazer e brincadeiras das crianças: uma piscina de 15 m x 17 m, rasa em forma de
A decoração foi produzida à base de piaçava e usa bastante madeira e em frente ao terraço principal, com uma parte rasa em forma de triângulo, com 10
metros quadrados.
vidros, com pé-direito de 6 metros de altura. Praticamente todo o piso da triângulo com 10 metros quadrados. Ao redor, o mar e a mata des-
Dali é possível
casa leva lajotas de cimento queimado, material muito utilizado na região lumbrantes da Bahia servem de testemunha para os dias de férias,
vislumbrar a praia.
por ser resistente à água, fácil de limpar, barato e, sobretudo, por se integrar repouso e, principalmente, de sonho, sob o sol.

24 25
Morar Bem

Loft de vanguarda
A receita de morar bem Por
Vera Kovacs
começa com um sonho. Neste Fotos
apartamento de 155 m2, os Marcos Antonio
proprietários esperaram dois Produção
Sem paredes
Tiago Cappi
anos até concretizar a reforma, O terceiro
quarto e
minuciosamente planejada o antigo
pelo designer Francisco Cálio corredor se
transformaram
no home
theater
integrado ao
estar. A base,
cinza, branca
e preta, é
pontuada por
móveis de
tonalidades
fortes. Sofá
e móvel da
TV da Dpot.
Morar Bem

1 3

O
casal de executivos leva uma vida agitada. Ele tem uma
empresa em Santa Catarina e vive na ponte aérea com São
Paulo, onde está o imóvel. Ela, advogada, fica fora o dia
inteiro. O apartamento, para eles, é o ponto de encontro e 1. O uso moderno da cor
também o local onde recebem os amigos, se divertem e curtem o filho, O designer lançou mão de vários recursos para uma
de 4 anos. Por isso, esperaram dois anos desde a compra para amadurecer composição harmônica. As bases branca, preta e cinza
são frias, mas o piso de madeira aquece o ambiente.
a idéia de como queriam a distribuição da planta e a decoração. E preva-
O ponto de encontro desses conceitos está no uso
leceu a vontade inicial de ter um espaço do tipo loft com sala de TV e de
de cores em pontos focais na decoração.
jantar e cozinha integradas, pois o proprietário, amante da gastronomia e
da fotografia, prepara verdadeiras iguarias para os amigos. Outro ponto 2. Ponto de união
importante era fazer a área íntima a mais reservada possível, para garan- Jantar e cozinha formam um único ambiente quando
tir a privacidade da família. Com esse briefing em mãos, o designer de a porta de correr, feita de madeira ripada e laqueada
interiores Francisco Cálio colocou a imaginação para funcionar. “A cons- de branco, está aberta. Execução da Madefran.
trução do prédio é dos anos 80 e por isso a planta do apartamento tinha
características fiéis à época: teto de gesso rebaixado, living em dois níveis, 3. Iluminação planejada
ambientes compartimentados e ainda terraços compridos e estreitos, que O arquiteto eliminou o antigo rebaixo do teto e só
não se pareciam em nada com a proposta da família”, conta. deixou um recorte para a instalação do ar-condicionado
A reforma foi radical e, durante três meses, o casal e o filho mudaram-se e da iluminação, feita com dois tipos de lâmpadas
para um flat. Com isso, Cálio começou a quebrar paredes e a rearranjar os alternadas: PAR 20, mais amarelada, e AR 45, mais
cômodos. Como são apenas três pessoas em casa, dois quartos bastaram. vermelha. O resultado é uma iluminação geral uniforme
O terceiro veio abaixo e serviu para ampliar a sala de TV. “Ao longo dos e aconchegante. Poltronas Charles Eames, banquetas e
anos, o home theater ocupou diferentes espaços na casa. Nos anos 80, era estante da Vermeil. Chaise, em tom beterraba, da Micasa.
“pecado” ter TV na sala e ela ficava numa salinha, na parte íntima da casa,
ou cada quarto tinha um aparelho. Nos anos 90, os imóveis ganharam

28
Morar Bem
1 2

1.Quadro vivo
O herbário de acrílico da Zona D tem nichos
onde são colocados os temperos plantados
em vasinhos.

2. Luxo puro
Preto, prata e cinza predominam na cozinha.
As portas de correr são de vidro serigrafado
com molduras de alumínio e guardam a
louça e a despensa de alimentos. Projeto
de Cálio e execução da Florense.

salas maiores, que ficavam num anexo ao living. Agora não. Com esses
aparelhos mais compactos, de plasma ou LCD, que parecem um quadro,
a TV volta à área social, com espaço para a família curtir boas horas uni-
das, com conforto”, ensina Cálio. Boa parte do corredor íntimo também
sumiu e cedeu lugar para o amplo sofá de suede cinza. A passagem para os
quartos, então, ficou bem discreta, lá no cantinho do fundo.
Mas o que deu mesmo ares de loft na parte social do apartamento foi
o piso de demolição. As peças de madeira perobinha foram lavadas com
peróxido e cortadas de 2 em 2 metros e larguras de 10 cm, 20 cm e 30
cm. “A paginação feita dessa forma fica menos suscetível às variações do
material. Além disso, prendi cada tábua com pinos de metal em vários
pontos”, conta o designer. E completa: “Os buracos das antigas marcações
continuam aí. Quanto mais aparente o efeito de antigo, mais bonito fica”.
Cálio eliminou também as portas para o terraço – estreito e comprido
– e o incorporou à sala. Construiu junto à janela, e por toda a sua extensão,
um imenso balcão de concreto que serve de apoio ao bar e ainda como
canto de refeição em dias de festa. Ele fica próximo à mesa de refeições,
feita de laca preta brilhante, que por sua vez se une à bancada de corian da
cozinha. O formato de ilha da área de cocção permitiu a melhor circulação
e a ligação com a mesa de jantar. Elas não são uma única peça. Entre uma
e outra há o espaço da porta de correr, feita sob medida pela marcenaria
Madefran. Totalmente retrátil, ela se esconde nos vãos da parede e ainda
forma ângulo. “Quando descobri que dava para eliminar a parede entre a
sala e a cozinha, quis preservar os recortes originais da planta. A porta é
importante para manter a privacidade dos moradores no dia-a-dia, pois os
empregados podem trabalhar na cozinha sem incomodá-los”, explica.

30 31
Morar Bem

Banheiro de charme Apenas o essencial


As pastilhas de vidro O quarto abriga o canto de
1 cm x 1 cm Colormix, trabalho no antigo terraço
encontradas na Euroville, incorporado ao ambiente. Com
formam um jogo de tons a eliminação das venezianas, foi
de cinza na parede do instalada uma persiana blackout
boxe e ganham um único e cortina de voil da Arthur
tom no piso. O contraste Decorações. Cama, criados-mudos
perfeito com a marcenaria e prateleiras da Casa Pronta.
branca da Madefran.

Nesse ambiente, o designer previu tudo que um bom gourmet não


dispensa na hora de cozinhar. Os eletrodomésticos são todos embuti-
dos para garantir a melhor distribuição e tudo é muito organizado,
com nichos e poucos armários. “Há poucas portas, mas os móveis são
grandes e feitos sob medida para abrigar os utensílios da casa e mais
uma cave para os vinhos, espaço para livros e as bebidas usadas duran-
te o cozimento.” Da cozinha, vamos para a área íntima, representada
nas fotos pela suíte do casal. Aqui, Cálio eliminou o terraço, mais
uma vez, estreito e comprido, e aproveitou o local para uma bancada
de madeira laqueada de branco, onde o proprietário trabalha quando
está em São Paulo. O seu armário fica no quarto, com poucos e bons
móveis. A dona da casa, no entanto, ganhou um amplo closet localiza-
do em parte do que sobrou do terceiro quarto e com a passagem pelo
corredor íntimo. De um lado ficam as roupas; do outro, os sapatos. Já
o banheiro é totalmente claro. As pastilhas de vidro em tons de cinza
fazem contraponto com as paredes, mobiliário e louças brancas.

Onde Encontrar Arthur Decorações: (11) 3087-8222; Casa Pronta: (11)


3065-2436, Clami: (11) 3043-9380; Dpot: (11) 3082-9513; Euroville: (11)
3168-8082; Florense: 0800 970 0053; Francisco Cálio: (11) 3031-4139;
Madefran: (11) 5873-6579; Micasa: (11) 3088-1238; Vermeil: (11) 3061-
5525; Zona D: (11) 3895-5626.

32 33
Estilo de vida

cozinha
Neste ambiente
estão os únicos
Espaço com a alma do chef
Olivier Anquier mudou há pouco
móveis novos do
tempo para um apartamento na
apartamento. Ao Praça da República, no centro
fundo, miniforno
comprado em
da cidade. Na reforma, ele fez
Porto Alegre e questão de reaproveitar materiais
espelho garimpado inusitados que seriam descartados
em Salvador.
Por Silvia Regina
Fotos Marcos Antonio
Produção Débora Caruso

F
oi num passeio pelo centro de São Paulo que o chef e apresentador
francês Olivier Anquier visualizou aquele que seria seu futuro lar.
No alto do Edifício Esther, em plena Praça da República, estava
uma cobertura de 362 m2 ocupada por uma escola técnica. Sem
perder tempo, ele procurou o proprietário e fez uma proposta financeira.
Negócio fechado, deu-se início a uma série de obras que transformaram
totalmente o local. De um amontoado de salas de aula e escritórios surgiu
um apartamento que preserva as linhas clássicas modernistas e que tem
tudo a ver com Olivier. “Eu gosto de garimpar objetos de decoração em
lojas de antiguidades, comprar móveis em brechós e admiro a arquitetura
antiga. Então, este prédio tem a minha cara”, diz o apresentador.
Mas comprar um apartamento no centro de São Paulo não foi uma
idéia que surgiu de uma hora para outra. Esse é um sonho que vem
desde o início da década de 80, quando Oliver Anquier conheceu São
Paulo. “Eu sou um homem urbano”, diz. Por isso, o projeto de morar
num condomínio fechado era totalmente descartado para ele.

Prédio modernista
Apesar do estado precário em que se encontra atualmente – em alguns
andares a fachada foi modificada pelos moradores e há até reboco cain-
do –, o Edifício Esther já teve seus dias de glória. Projetado por Vital
Brazil e Adhemar Marinho e inaugurado em 1938, foi o primeiro
prédio de inspiração modernista do Brasil. Os apartamentos serviram
de moradia para importantes artistas da época. Só para ter uma idéia,
o pintor Di Cavalcanti morou no mesmo apartamento ocupado agora
por Olivier. E o escritor Mário de Andrade, num artigo publicado em
1943, apresenta o edifício como um dos grandes exemplos da nova
arquitetura em desenvolvimento no País. O chef, então, sabia que não
poderia – nem queria – mudar o estilo original do espaço. Para isso,
passou a fazer uma busca por sebos da cidade para encontrar livros
que servissem de referência para as reformas. Nessa procura, ele achou
a obra Memórias Modernas, A Trajetória do Edifício Esther, de Fernando
Atique. O livro relata não só a história do prédio mas também detalha
a arquitetura e as plantas dos apartamentos.

34 35
Estilo de vida

Madeira natural
A mesa de centro da sala de TV
foi confeccionada a partir de um
eucalipto derrubado do sítio do
apresentador. Na parede, desenho
feito por cartunistas franceses
na década de 70.

1
1. COLUNAS antigas 2. sofás e mesa 2
As colunas originais da construção O pé palito dos sofás e mesa de
do prédio, da década de 30, foram centro reforça a preocupação de
preservadas na reforma. A mesa está Olivier em seguir a linha modernista
com o apresentador há 15 anos e foi do edifício. Para dar mais vida ao
comprada já usada num brechó. living, o tecido do sofá foi trocado.

Reaproveitamento de materiais
No total, foram oito meses de reforma que o chef acompanhou de perto
ao lado do arquiteto Enrico Benedetti, que ficou responsável pelas
especificações técnicas da obra. A ordem era aproveitar ao máximo
tudo que fosse possível. “Se eu já tenho um material, para que jo-
gar fora e comprar um novo? Temos que reaproveitar. Essa é uma
preocupação que eu tenho”, diz. Os tacos de todo o apartamento são
o maior exemplo dessa preocupação sustentável do apresentador. Al-
guns foram recolhidos no próprio prédio e passaram a fazer parte do
piso do apartamento. Os demais ele encontrou numa caçamba na rua
Amaral Gurgel. Claro que ele não pensou duas vezes para recolher
um só espaço
o material em seu próprio carro e levar para o imóvel. O resultado é
Cozinha e living ficam integrados.
impressionante. A diferença na tonalidade dos tacos criou um mosaico
As prateleiras de mármore deixam
que combina perfeitamente com as linhas do apartamento. tudo à mão. Na sala, as almofadas
Na suíte, outro exemplo dessa preocupação. O mármore usado na ban- alegram o ambiente. Iluminação, Reka.
cada e no acabamento da banheira também é reaproveitado. Estava guar- Mesa e cadeiras, Depósito Santa Fé.

36 37
Estilo de vida

banheiro reciclado piso tradicional


O mármore usado na bancada Os tacos do apartamento foram
foi reaproveitado. Nas laterais, garimpados no próprio prédio
cimento queimado. Para e outra parte recolhida numa
facilitar o dia-a-dia, o armário caçamba de lixo, formando um
fechado foi dispensado e as bonito mosaico no piso.
toalhas ficam sempre à mão.

dado até que Olivier achou a hora certa de usá-lo. A mesa de centro que não tem nada a ver com a arquitetura modernista”, diz Olivier. Portanto,
decora a sala de TV foi reciclada. “Era um eucalipto que eu precisei cortar mais uma vez ele saiu à busca de lojas de demolição para encontrar as
do meu sítio porque estava apodrecendo. Então pedi para fatiar o tronco e esquadrias de metal características dos anos 30 e 40. Olhando o livro que
fiz essa mesa”, conta. Uma das bancadas que compõem sua moderna cozi- conta a história do edifício, ele descobriu também que o terraço que vai
nha era parte do cenário da peça de teatro Olivier, Fusca e Fogão, estrelada de ponta a ponta da cobertura era, na verdade, um jardim. E agora estava
por ele. Os móveis não foram comprados agora. Além de serem adquiri- totalmente coberto por lajotas de ardósia. Retirada a pedra, foram instala-
dos já usados, em andanças por todo o Brasil, estão com o apresentador das floreiras junto ao gradil, remetendo um pouco ao desenho original.
há, pelo menos, 15 anos. “Há móveis e esculturas que eu comprei e não
tinha onde colocar. Agora, aos poucos, estou achando o espaço para cada Tesouro escondido
um deles”, diz. Vale lembrar que o chef e sua esposa, a atriz Adriana Alves, Nesse quebra-quebra que se tornou a obra, Olivier descobriu um tesouro.
estão morando no Edifício Esther há apenas três meses. Em frente à porta de entrada principal, o que se avistava era apenas uma
parede de tijolos. Ele observou com atenção o lado de fora desse muro,
Formato original através de um vão interno do edifício, e teve uma surpresa: um painel
Uma das primeiras transformações que o chef pediu foi que as três pa- de vidro estava escondido. “Eu mandei derrubar os tijolos com cuidado e
redes que dividiam os ambientes fossem derrubadas, integrando hall de conseguimos recuperar essa verdadeira obra de arte”, conta Olivier. Além
entrada, living, sala de TV e cozinha. “A parte social ficou toda livre.” de se tornar um objeto de decoração dos mais estilosos, o painel permitiu
Ali somente foram mantidas as colunas originais da construção. Aliás, as que a iluminação natural fosse aproveitada no hall de entrada.
colunas estão presentes em todo o apartamento. Até mesmo no banheiro Morar no centro da cidade, num prédio em deterioração e comandar uma
elas aparecem. E todas foram preservadas. obra desse porte, não é tarefa fácil, confessa Olivier. “No início, a Adriana
Outra mudança foi a troca das esquadrias que contornam o apartamen- também se assustou, mas agora adora”, diz o chef. Apesar dos percalços, ele
to. “Os antigos moradores colocaram janelas e portas de alumínio e isso está muito feliz. “Neste apartamento está a minha alma”, conclui.

38 39
Boas idéias

A natureza perto
de você
O contato com o verde não é
privilégio de quem tem um quintal
à disposição. Com planejamento
e escolha certa das plantas é
possível ter um refúgio particular e
bem especial entre quatro paredes
Por Vera Kovacs Fotos Edu Castello
Produção Viviane Gonçalves

P
ara ter graça e ser funcional, um jardim dentro de casa precisa ser
feito sob medida para o espaço – geralmente pequeno – reservado
a ele. Um exemplo é o aproveitamento de uma área bem difícil:
debaixo da escada. O paisagista Odilon Claro, da Anni Verdi,
teve sorte quando foi chamado para fazer o paisagismo nesta cobertura
dúplex. “Toda a arquitetura, inclusive a cor na parede, já existia e, a partir
dela, criei um jardim contemporâneo com toques orientais”, conta. Até
mesmo na hora de lidar com a iluminação e a ventilação, Odilon teve uma
boa surpresa, pois a janela grande e basculante proporciona um ambiente
adequado às espécies de plantas, facilitando também a manutenção. O de-
safio, então, foi tirar proveito dos materiais para dar um clima mais acon-

Corbis
chegante à frieza do estilo moderno do apartamento. Daí veio a idéia dos
elementos orientais, como as lanternas de velas entre os vasos e a cobertura Bonitas e bem-cuidadas
com seixos de arenito. Fáceis de limpar por causa do tamanho grande, essas Planta boa de se ter dentro de casa é aquela que não precisa
pedras permitem o uso de vassouras e até aspirador para eliminar o pó. O de sol direto, mas que tem sempre ventilação e iluminação.
paisagista também tirou partido da transparência dos degraus de vidro, Por isso, deixe-as de preferência ao lado de janelas que
permitindo a visualização do jardim de todos os ângulos. “A vista do andar abrem, evitando os panos de vidro, que esquentam muito
de cima ficou bem interessante”, diz. o ambiente. A paisagista Maria Eugênia, da F.Akasaka, sugere
Alguns cuidados, já no projeto, o paisagista sempre toma. Os vasos – de algumas espécies, como a rhapis, a árvore da felicidade, a
aço galvanizado com pintura eletrostática marrom – são projetados de chamaedorea, a espada-de-são-jorge, pacová e areca, que,
acordo com as necessidades. “Desenhei gavetas coletoras na parte inferior se bem-cuidadas, podem durar por muito tempo:
de cada peça, cuja função é impedir o transbordamento de água e evitar • Regue conforme a necessidade da planta, ou seja, nem
infiltrações pelo chão para o outro apartamento”, explica. As plantas esco- muito nem pouco. O ideal é colocar o dedo na terra e ver
lhidas são de crescimento lento para diminuir a necessidade de podas e ter se ela está úmida.
um jardim sempre lindo, com o mínimo esforço. • Sempre que puder, pulverize as folhas com água (para
hidratar e tirar a sujeira da poluição).
• Adube os vasos no mínimo três vezes ao ano. As lojas de
Vasos em escadinha: para ver todas as plantas jardinagem vendem produtos específicos e fáceis de usar.
Na página ao lado., à esq., miniespada (Sansevieria trifasciata) e • Fique atento às pragas. Se surgirem, use pesticidas,
a alta pata de elefante (Beaucarnea recurvata); à dir., flor de pérola encontrados em grandes cadeias de supermercados,
(Haworthia margaritifera), ripsális (Rhipsalis baccifera) e portulacaria e siga as instruções.
(Portulacaria afra jacq). Vasos, lanternas de velas e plantas da Anni Verdi.

40 41
Boas idéias
Ares tropicais
No jardim de inverno criado por Carla Manfrini e Maria
Eugênia, as folhagens duram muitos anos: a partir
da esq., pacová (Philodendron martianum); iuca (Yucca);
Temperos à mão palmeira licuala (Licuala), camadórea (Chamaedorea).
Na jardineira ao lado, Vasos vietnamitas da L’Oeil. Piso de demolição da Aroeira.
projeto de Antonio
Ferreira Junior e Mario
Celso Bernardes, os
temperos não estão
plantados diretamente,
e sim colocados
separadamente em
seus vasinhos. A partir
da esquerda, salsinha
crespa, hortelã,
manjerona, tomilho,
manjericão e alecrim.
À medida que são
consumidos, podem
ser trocados por
novos vasos.

Recipientes
duradouros
Para quem gosta também
de cuidar das plantas, o
paisagista Odilon Claro
sugere usar um recipiente
mais adequado. “A
madeira sem tratamento
pode estragar, por
isso, costumo revestir
internamente as peças
com fibra de vidro e
ainda faço um sistema de
drenagem com gaveta
coletora do excedente
de água”, explica.

Use sempre
“Se deixar os temperos Cantinho do gourmet
sem colher, fica Quem gosta de cozinhar não dispensa ervas fresquinhas, colhidas na hora. o piso na área próxima à janela. “Impermeabilizei o piso para evitar
parecendo mato e perde E foi por isso que o cliente da dupla Antonio Ferreira Junior e Mario Celso infiltrações e cobri com seixos. As pedrinhas escondem os pratos dos
a graça. Lembre-se de Bernardes foi categórico na exigência de criar um cantinho para seus tem- vasos e deixam à mostra apenas as peças vietnamitas”, explica Carla.
deixá-los junto à janela, peros na cozinha de 30 m2, que tem até uma minichurrasqueira industrial No restante do piso, madeira de demolição; na parede, tijolos antigos
onde bate bastante sol, próxima à janela. E foi ali mesmo que os arquitetos bolaram a jardineira, com acabamento caiado. Tudo para dar um ar rústico e sofisticado,
e muito cuidado com a confeccionada com madeira teca. “O dono da casa se abastece de vasinhos combinando com o mobiliário de design, como a poltrona e a ban-
rega, sempre um pouco de temperos durante a compra do supermercado”, conta Junior. “O que a queta de Charles & Ray Eames.
de cada vez”, diz Odilon. gente fez foi criar um cachepô para ele guardá-las”, completa. As plantas escolhidas – tarefa da paisagista Maria Eugênia – são
as folhagens de sombra que duram muito tempo dentro de casa e re-
Jardim de inverno metem ao estilo tropical, pois na sua maioria são tipos de palmeiras,
No meio da sala, um jardim de inverno. O sonho do dono do aparta- encontradas facilmente nas matas fechadas brasileiras. Colocadas em
mento (foto acima) era ter um belo terraço cheio de plantas, como se vasos, crescem mais lentamente.
morasse em uma casa. Mas o imóvel que ele escolheu para comprar
tinha todas as vantagens de metragem e distribuição dos ambientes, Onde Encontrar Anni Verdi/Odilon Claro: (11) 3064-7924; Antonio
menos... A tão desejada varanda! Coube à arquiteta Carla Manfrini Ferreira Junior e Mario Celso Bernardes: (11) 3289-5066; Aroeira: (11)
e à paisagista Maria Eugênia, da F.Akasaka, criar um canto verde 3887-8621; Carla Manfrini: (11) 3088-7461; L’Oeil: (11) 3085-3211; Maria
dentro da própria sala. A arquiteta aproveitou a reforma e rebaixou Eugênia/F.Akasaka: (11) 3057-3565.

42 43
Ambientes

Apenas o essencial
No projeto da dupla Fernanda e Maria
Fernanda, o corredor é livre para a
passagem. Miniarranjos de Maristella
Nicolosi, porta guarda-chuvas da Conceito,
banco do Studio Maos e na planta da sala
luzes de Natal da Costa e Temer.

Seja bem-vindo!
Porta de entrada da casa, o hall tem seus segredos na hora de decorar.
E esse ambiente pode, ainda, se transformar num belo cartão de visitas
para receber convidados em ocasiões muito especiais
Por Vera Kovacs Fotos Edu Castello Produção Viviane Gonçalves

Q
uadrados ou retangulares, grandes ou pequenos, integra- É desagradável ocupar uma das cadeiras da casa para isso, ou usar
dos ou separados pelo living. São muitos os formatos e um dos quartos, invadindo a privacidade dos proprietários”, diz Maria
tamanhos dos halls e às vezes parecem espaços perdidos, Fernanda. Um toque sofisticado é o uso de pisos nobres, como o már-
sem utilidade. Será mesmo? Não é o que mostra a de- more travertino romano polido que aparece aqui.
coração deste ambiente de 8 m2 (foto ao lado) das designers de interiores
Fernanda Zeibil Coifman e Maria Fernanda Correa. “A idéia foi criar im- Várias soluções no mesmo espaço
pacto, mas não podíamos atrapalhar a circulação. Por isso, fizemos uma O que fazer quando a área é bem pequena? Foi esse o desafio da arquiteta
intervenção na parede”, conta Maria Fernanda. O recurso citado por ela é Fernanda Dabbur ao se deparar com o hall de apenas 2,5 m2. Ela colocou,
um trabalho de gesso, formando faixas em relevo de larguras diferentes, então, a imaginação para funcionar e tirou partido de diferentes elementos
pintado de branco, assim como toda a superfície. Uma iluminação pontual decorativos. “Cores quentes e trabalhos com gesso valorizam o espaço”,
com minidicróicas embutidas no teto dá um efeito cênico e delicado. ensina. Veja só o resultado: na parede lateral, criou um nicho de gesso tão
Para a outra parede, as designers bolaram um cabideiro com prate- fininho que confere um efeito decorativo e serve para embutir a ilumina-
leira de madeira laqueada branca e ganchos de inox. “Este é o lugar ção, feita com mangueiras de luz, daquelas usadas em fachadas comer-
certo para os visitantes deixarem seus casacos, bolsas e guarda-chuvas. ciais, que consomem pouca energia. No meio, colado na superfície, um

Maquiagem de festa
Assim como você prepara uma refeição gostosa, usa sua melhor
louça e se esmera na decoração da mesa de jantar, o hall é o
ambiente que pode – e deve! – receber uma atenção especial
na hora das festas. Além de ter onde guardar seus pertences, os
visitantes vão perceber que você se preparou com carinho para
a chegada deles. “Pense em criar uma cena no espaço. Vasos de
flores estrategicamente colocados e uma iluminação nem forte nem
fraca criam um clima aconchegante”, ensina Maria Fernanda Correa.
Outra sugestão é servir um cafezinho na saída, como acontece
nas festas em bufês, com balinhas e doces. Ou, quem sabe, até
aquela lousa que seus filhos usam para brincar no quarto pode
parar na entrada e virar um divertido espaço para recadinhos.
Mais uma: os painéis plásticos para foto também podem abrigar
os bilhetinhos. Deixe um bloquinho com lápis do lado para que
as pessoas escrevam neles e divirtam-se!

44 45
Ambientes

Cheio de bossa
O espaço de 2,5 m2, decorado por Fernanda
Dabbur, foi preparado para a festa: lousa, móvel
branco e bule da Coisas da Doris; xícaras de
café da Spicy; bandeja e potinhos com balas da
LS Selection; canetas e bloquinhos da Casa 8;
prato quadrado com chocolate e porta-giz da
Utilplast; chinelos Havaianas.

Efeito luxuoso
No ambiente de Evelin Sayar,
o uso dos espelhos cria um
jogo de reflexos e sensação
de profundidade. Banco da
Madera Um; futons da Futon
Company; lâmpadas da Coisas
da Doris; porta-cartões da
espelho único dá a sensação de profundidade, de ambiente maior. O nicho complementar o estilo clássico, ela revestiu o restante com marmóleo na cor Imaginarium; cartões da Paper
de gesso na parte de baixo funciona como aparador, um apoio multiúso Armani, da loja Icolori di Venezia. Destaque para a porta, folheada com House, Casa 8 e Imaginarium.
para bolsas dos visitantes e até objetos decorativos. Para completar a com- vidro serigrafado branco e puxadores de aço inox e acrílico bronze (Wood
posição harmônica, a arquiteta usou um vermelho profundo combinando & Steel). No piso, mármore carrara prolonga-se pela área comum, também
com o piso de assoalho de madeira ipê. Por incrível que pareça, ainda dá projetada pela arquiteta com a mesma linguagem.
para colocar um pequeno móvel com prateleiras ou uma banqueta, que os
proprietários alternam de acordo com a necessidade.
Onde Encontrar Evelin Sayar: (11) 4991-6493; Fernanda Dabbur: (11)
5051-5214; Fernanda Zeibil Coifman e Maria Fernanda Correa: (11) 3884-
Um recurso valioso 6176; Casa 8: (11) 3061-3600; Coisas da Doris: (11) 3083-1962; Conceito:
E mais uma vez o uso de espelhos reforça como ele é indispensável para dar (11) 3068-0380; Costa e Temer: (11) 3816-7900; Futon Company: (11)
a impressão de espaço maior. Na idéia da arquiteta Evelin Sayar, o material 3081-4447; Havaianas: 0800-7070566; Icolori di Venezia: 0800-7035569;
é o ponto central do projeto de 4 m2, pois recobre 1,80 m das paredes para Imaginarium: (11) 3816-1784; LS Selection: (11) 3168-3303; Madera
Um: (11) 3816-1756; Maristela Nicolosi: (11) 3064-7926; Paper House:
refletir os ambientes ao redor e ainda embute a iluminação indireta, feita (11) 3082-4022; Spicy: (11) 3083-4407; Studio Maos: (11) 5090-0060;
com lâmpada halógena. “Não é necessário encher o hall de coisas. O certo é Utilplast: (11) 3088-0862; Wood & Steel: (11) 4474-0507.
trabalhar as superfícies e deixar a passagem livre”, justifica a arquiteta. Para

46 47
Soluções

Um quarto
para dois
Com idéias criativas, três arquitetos mostram como os irmãos podem
usufruir pacificamente o mesmo espaço para dormir, estudar e brincar
Por Vera Kovacs | Fotos Carlos Piratininga | Produção Silvia Goichman

E
les ocupam o quarto de 11 m2, mas cada um tem seu espaço. sofás, cobertas com tecidos pintados à mão com motivos de bicicleta. E
Parece uma matemática complicada, que no caso dos meninos ainda tem uma outra cama embutida para receber os amigos. Os dois
de 8 e 10 anos deu certo graças ao projeto de Karina Korn. E, ganharam painel de ímã atrás da cama e lugar para estudar na escriva-
para chegar ao resultado satisfatório dessa equação, o primei- ninha. Embaixo dela, encontra-se um armário específico para guardar
ro passo da arquiteta foi conhecer muito bem seus pequenos clientes. material escolar. “Um não mexe no que é do outro. O respeito entre
“Ambos são palmeirenses (olha a cor da parede!) e gostam de futebol. eles é enorme”, conta a arquiteta. O armário de brinquedos, no entanto,
O maior é o mais esportista, curte também jogar tênis, e o menor tem é compartilhado e com um nível de organização impressionante: caixas
a criatividade à flor da pele, toca bateria, ama desenhar e pintar”, conta. transparentes etiquetadas de acordo com a separação dos brinquedos.
E a dupla-mirim participou ativamente das escolhas. Ajudaram a deci- Isso não só facilita a arrumação diária como também na hora de procu-
dir, por exemplo, os tons predominantes – verde na parede (Suvinil – E rar algum item. A TV fica sobre uma prateleira com lugar certo para
043) e detalhes azuis. “São tonalidades bem masculinas e combinam os DVDs, games. Todos esses móveis foram projetados sob medida
entre si”, concorda a arquiteta. Daí ficou bem mais fácil definir o que por Karina Korn. São revestidos de laminado plástico branco. “Esse
era para ser da dupla e o que era para ser individual. O mais velho ficou material pode ser facilmente limpo depois do uso de giz, canetinhas ou
com a cama alta do beliche. O mais novo com a de baixo. Elas são como massinha de modelar”, justifica a arquiteta.

Para estudar e brincar


As pranchas e as gavetinhas porta-
lápis ficam embutidas sob a cama. Tudo no lugar
Todos os móveis foram executados O armário de brinquedos,
pela Marcenaria Simão. Tecidos Marco com visores de acrílico,
Mariutti executados pela tapeceira revela as caixas organizadoras
Graciela. Carpete Santa Mônica. de tamanho pensado durante
Luminárias La Lampe. o projeto para abrigar todos os
brinquedos, por tamanho e tipo.

48 49
Soluções

Iluminação planejada
Nos nichos e em toda a extensão das
paredes, lâmpadas bipino, próprias Limpeza fácil
para serem instaladas na madeira, criam Todos os materiais usados são
um efeito de luz contínuo. Abajur antialérgicos, o que facilita a manutenção.
Bertolucci, camas e criado-mudo Casa Marcenaria Resevila Móveis Planejados,
Pronta e colchas confeccionadas pela acessórios Primeira Linha, iluminação Star
Ravissant, com tecidos Beraldin. Light, colchas Alamanda e Tintas Coral
(na parede tom véu azul Dulux 90 BG).

Material versátil
A área de estudos também é de
MDF, um material fácil de trabalhar,
possibilitando o desenho em curvas. A
bancada está apoiada num painel com
perfis de aço que permitem o encaixe
de prateleiras para brinquedos e livros.

Perfeito em qualquer idade


Dois meninos de 3 e 5 anos dividem este quarto e a vontade dos pais
era não precisar refazer a decoração a cada fase do crescimento deles.
Pois foi assim que o arquiteto Marcelo Rosset planejou: as camas são
de solteiro – e não aquelas menores do tamanho de berços – e o en-
torno é todo neutro, combinando o branco com paredes num tom de
azul-escuro (cor R-81, Suvinil), bem masculino. “Com o tempo, o que
muda são mesmo os objetos, saem os brinquedos e entram as peças
típicas da adolescência”, conta Marcelo.
Em um pouco mais de 12 m2, o arquiteto criou ambientes bem Casinha de bonecas cuitos, um com luz direcionada, responsável por criar diferentes cenas
definidos. “Como o closet fica separado, o quarto, mesmo pequeno, Feito para duas mocinhas de 9 e 11 anos, o ambiente é todo lúdico. “Cada no quarto, como a luminária próxima à cama e os pontos de luz sobre
tem espaço para estudar, brincar e dormir.” Junto à janela, com per- cantinho foi pensado como área de uso e, claro, de brincadeiras”, expli- a bancada, e o outro é uma luz mais difusa e geral.
siana de alumínio cromada de 50 mm, o arquiteto desenhou uma ca o arquiteto Sergio Astrauskiene, responsável pelo projeto. Por isso, ele
espécie de pórtico, feito de madeira laqueada branca, com nichos e imaginou a marcenaria com formas arredondadas e fluidas e brincou com
prateleira nas laterais, para as crianças guardarem seus bonecos e uma cartela de cores nos tons de verde, rosa, azul, lilás e branco. As camas Onde Encontrar Alamanda: (11) 4227-1002; Bertolucci: (11) 3873-
2879; Casa Pronta: (11) 3065-2436; Emporio Beraldin: (11) 3512-7320;
carrinhos preferidos e tê-los sempre à mão. Um painel de madeira – feitas de MDF em dois tons: madeira padrão mapple e verde oliva – estão Karina Korn: (11) 3862-4606, La Lampe: (11) 3069-3949; Marcelo Rosset:
branca cobre meia parede e faz a ligação com o outro lado. Na parte dispostas em L e em dois níveis. “Dessa forma, pude criar outros pequenos (11) 3258-5905; Marcenaria Beldran: (11) 4661-2768; Marcenaria Simão:
superior, um amplo armário guarda mais quinquilharias, que nessa Marcenaria sob medida espaços e transformar o quarto num ambiente multiúso.” (11) 4022-6888; Marco Mariutti: (11) 3082-6677; Primeira Linha: (11)
idade não são poucas. Tudo muito organizado e fácil de manter. A A área de estudos e armazenamento tem marcenaria executada São 12 m2, como o outro quarto desta reportagem, só que aqui 4229-6632; Ravissant: (11) 3887-5463; Resevila Móveis Planejados: (11)
mesa em L, também de madeira laqueada branca, recebeu um vidro inclui o armário. Esse móvel, aliás, é um bom exemplo de aproveita- 4226-5096; Santa Mônica: (11) 3085-1866; Sergio Astrauskiene: (11)
pela Beldran. Da mesma empresa vem o piso de taco de madeira
4437-2811; Star Light: (11) 4990-3060: Suvinil: 0800-117558; Graciela
sobre a bancada. “Um pedido da mãe para facilitar a limpeza e evitar tauari. Embaixo da bancada, a instalação elétrica está pronta para mento, pois acomoda TV, DVD, brinquedos e vestuário e é fechado (tapeceira): (11) 5522-0134; Tintas Coral: 0800-117711.
o acúmulo de pó”, conta o arquiteto. a ligação de computadores, quando as crianças crescerem. por práticas portas de correr. A iluminação foi dividida em dois cir-

50 51
tendências

Leveza
com muito
impacto
Sofisticados e com ótimo caimento, os tecidos
sustentáveis para cortinas valorizam qualquer
cômodo e ainda preservam o meio ambiente
Etéreo Tecido 100% algodão Listrado Feito de fibra acrílica tingida Rústico Sustentável, biodegradável e Exibida Cortina feita de fio de algodão
Por Heloísa Noronha | Fotos Xico Buny/ABAmgt Celeste, Pierre Frey (à venda na na massa, coleção Tempotest da fabricado da juta (fibra 100% natural), JRJ, com apliques de chita, produzida com tear
Produção Débora Caruso ANH), R$ 500 o metro. Donatelli, R$ 177,30 o metro. preço sob consulta. manual, Ooh de Casa, R$ 236 (peça pronta).

A
ssim como acontece na moda, o conceito Exuberante Seda rústica Geométrico Tecido 60% linho e 40% Floral Tecido 100% linho Moderno Tecido 100% linho com resíduos Natural Com fios de poliéster feitos à
da sustentabilidade está em alta na de- listrada de roxo e bege, Villa algodão com desenhos de hexágonos em estampado com fundo pink, Villa de fibras que formam um efeito irregular, Eco base de matéria-prima reciclada ecotec,
coração. “Arquitetos e decoradores têm Nova, R$ 280,60 o metro. dégradé, Emporio Beraldin, R$ 243 o metro. Nova, R$ 154,80 o metro. Leslie, Status Tecidos, R$ 84,80 o metro. Fiama, preço sob consulta.
demonstrado uma consciência de preservação do
meio ambiente e apostado no uso de novos ma-
teriais, cujo resultado, muitas vezes, é surpreen-
dente”, comenta o arquiteto Antonio Ferreira Jr.,
de São Paulo. Esqueça, porém, a rusticidade e a
falta de graça e de cor dos tecidos ecologicamente
corretos de tempos atrás. Hoje eles surpreendem
pelas nuances vivas, pelas texturas macias, pelo
caimento perfeito e pela ótima aparência.
Um bom ponto de partida para enfeitar a sua
casa com uma “pegada” ecológica é investir nas
cortinas produzidas com tecidos sustentáveis,
que podem ser feitos com fibras orgânicas, 100%
algodão, linho, bambu, seda artesanal, lona, juta
e até mesmo soja ou com tencel, uma fibra obti-
da da madeira. O processo de fabricação e tingi-
mento também deve respeitar o meio ambiente,
sem que haja despejo de corantes em rios.
Para adequar esse tipo de cortina com a de-
Onde Encontrar ANH: (11) 3081-7393;
coração, Ana Rezende, professora de Design de Antonio Ferreira Jr.: (11) 3289-5066; Donatelli:
Interiores, da Universidade Anhembi Morumbi, (11) 3885-6818; Emporio Beraldin: (11)
de São Paulo, avisa que os elementos também 3030-3956; Fiama: SAC 0800-7739999; JRJ:
devem ser eco-friendly. “As madeiras, as lâmpadas (11) 3849-3629 (Grande São Paulo) e SAC
e outros objetos precisam refletir a postura dos 0800- 552718 (outras localidades); Ooh de
Casa: (11) 3812-4634; Status Tecidos: (11)
usuários diante dos problemas ambientais”, diz. 3043-9888; Villa Nova: (11) 3030-0399.

52 53
Receber bem

Réveillon Comemore a
chegada do ano
novo de um jeito

tropical
prático com um
cardápio saboroso
e uma decoração
colorida E o melhor
de tudo: de uma
forma sustentável
Por Beatriz Marques Dias
Fotos Carlos Piratininga
Produção Silvia Goichman

A praticidade dá o tom
Para sua confraternização ser sucesso absoluto, faça uma festa só de comidas frias
e sirva tudo em copos e taças, de um jeito charmoso e muito prático. Além de
surpreender seus convidados com esse estilo alegre de festa, você pode relaxar
e curtir os amigos como qualquer outra convidada. Juta, Tecelagem Lorena.
Suportes de madeira coloridos, Rica Festa. Vasos, Futon Home. Fruteira, Utilplast

54 55
Receber bem

T
ente se lembrar da festa de fim de ano mais marcante da sua vida.
Provavelmente, vai surgir em sua mente a imagem daquela em
que houve um clima de descontração na medida certa e com pes-
soas queridas ao seu redor. Fim de ano gostoso é aquele em que a
comemoração é caprichada, com comidinhas gostosas, mas, principalmen-
te, que nos envolve pelo clima alegre, sem grandes preocupações.
Parece difícil fazer isso quando você é a anfitriã? Nem tanto. A pala- Música Ambiente
vrinha mágica neste fim de ano é surpreender nos detalhes e simplificar o Uma festa animada pede
máximo possível o andamento da sua reunião. Por isso, a idéia é optar por uma seleção idem. Invista em
uma ceia de pratos frios e deixar tudo já prontinho, servido sobre aparado- 1 sucessos bregas como “Pare
res e mesas. “Com essa medida já se eliminam dois problemas que pode- de Tomar a Pílula”; com Odair
1. Guardanapos com bossa
riam causar tensão na hora da festa: que a dona da casa fique para lá e para José, “Severina Xique-Xique”,
Para cada convidado, reserve um guardanapo branco e outro
cá aquecendo os alimentos e também a necessidade de servir os convidados com Genival Lacerda; “O Meu
colorido. Em seguida, faça uma sobreposição de modo que
o tempo todo”, explica a banqueteira Edna Queiroz, de São Paulo. Sangue Ferve por Você”, com
apareça apenas um viés do colorido sob o de tecido branco,
Para driblar a mesmice, a dica é surpreender na apresentação dife- Sidney Magal; “Conga la Conga”,
amarrando-os com uma fita de juta. Guardanapos, Roupa de
rente e no requinte dos pratos. Para o chef Nato Domenico, do bufê com Gretchen, “Menina
Mesa. Juta, Tecelagem Lorena. Talheres de bambu, Utilplast.
Santa Especiaria Gastronomia, uma boa opção é servir os comes e Veneno”, com Ritchie, “Não
bebes em porções individuais, em taças e copos. “O efeito lúdico com- se Vá”, com Jane e Herondy,
e “ Sou Rebelde”, com Leno
bina perfeitamente com o clima de descontração do fim de ano”, diz o
e Lilian. Balões e enfeites,
chef. “Tudo fica fácil e à mão, garantindo que todos os convidados se
Rica Festa. Lanterna de
sintam à vontade”, diz Domenico.
bambu, Futon & Home.
Convite divertido
Lembre-se de que para qualquer convite a regra básica é demonstrar pra-
zer em receber a pessoa. “Se ele for personalizado, a festa vai ganhar um
charme extra”, indica Edna Queiroz. Segundo ela, uma idéia que tem
tudo a ver com a festa de ano-novo é enviar para cada convidado um colar
de festa havaiana, para a pessoa já chegar no clima. Só não se esqueça de
informar o básico: dia, hora, local e motivo da festa.
2
Festa sustentável 2. Decoração tropical
Hoje, mais do que nunca, é preciso pensar no planeta, para garantirmos Forre a mesa e aparadores com uma toalha de juta e folhas de
nosso bem-estar e de nossos filhos e netos. Por isso, na hora de organizar os bananeira, que dão o tom de brasilidade para a sua ceia. Na hora
detalhes de sua ceia de fim de ano, lembre-se de evitar desperdícios. E, na de petiscar ou de servir uma fruta como sobremesa, os pratinhos
hora de elaborar o cardápio, valorize as delícias produzidas no nosso País. com estampas de folha, da Bacco’s, são o complemento ideal.
“Ao deixar de comprar os produtos importados, você tornará sua ceia de
mais sustentável, já que impede que o alimento seja deslocado por muitos Entre no clima
quilômetros, consumindo combustível e poluindo o planeta até chegar à 3 3. TinTim Trilha Sonora A alegria deve contaminar
sua casa”, explica Edna Queiroz, que é fã dos alimentos orgânicos. “Além E como não há festa Uma boa seleção musical é um fator importante para o sucesso da noite. a todos. Comece colando
disso, consumindo produtos orgânicos ou de produção na sua cidade, você de réveillon sem Se a idéia for dançar até o sol raiar, talvez seja interessante contratar um na parede adesivos
colabora para estimular a economia local”, continua. champanhe, saiba que DJ. Uma seleção de samba rock ou então de músicas bregas é diversão com frases inspiradoras.
Na decoração da festa, vale o mesmo raciocínio. Melhor do que comprar ele poderá ser servido certa. Mesmo quem não se recorda bem dos clássicos de Sidney Magal ou Em seguida, coloque
enfeites importados, que têm mais a ver com a cultura americana ou eu- tanto na entrada da cantora Gretchen vai aderir e dar muita risada. dentro de um cachepô
ropéia, é optar por uma decoração tropical, que tenha a ver com o Brasil. como na sobremesa. Quem quiser algo mais comportado, mas sem deixar de ter um som acessórios divertidos
Um arranjo de flores central, como o da Emporio das Flores, produz um Prefira o brut seco, ambiente de primeira linha, pode investir em ritmos como jazz, chill out, que vão animar a festa
que acompanha e ajudar no barulho
belo efeito e é um carinho para seus convidados. “Só tome o cuidado de bossa nova ou a chamada lounge music, que é na verdade um som ambiente
bem a maioria quando 2009 chegar.
escolher flores que não exalem perfume muito forte para não interferir no moderno, mas que nunca incomoda o bate-papo.
das preparações. Cornetas, tiaras,
aroma da comida”, explica a banqueteira.
Já o champanhe óculos engraçados,
Balões de gás soltos pela casa são uma opção econômica e deixam o
adocicado só
Livro de presença colares, plumas coloridas.
clima alegre. Para completar, pegue um cachepô de vime – que você pode Peça aos convidados que escrevam no seu livro de presença e deixem suas Ao chegar, cada um
combina com doces.
comprar de uma associação comunitária –, encha-o de cornetas, óculos e impressões sobre a ocasião. Eles podem escrever um texto, uma poesia ou escolhe o que mais
E alto lá! Nunca brinde
demais itens festivos. Pronto, o quesito animação está resolvido. E o bom é de taça vazia! Jogo de simplesmente uma frase carinhosa. O importante é estimular a participa- gostar. Acessórios, Rica
que após a festa cada convidado leva para casa o acessório que mais gostar. taças de champanhe ção de todos. “Essa é uma idéia bastante simpática e original para depois Festa. Adesivos, I-Stick.
Quem disse que as lembrancinhas devem ficar restritas a festas infantis? da Benedixt. se recordar dos bons momentos da festa”, conta Edna Queiroz.

56 57
Receber bem

Para petiscar “Hoje a festa é sua, a festa é nossa, é de quem vier...”


Uma travessa de frutas secas, enfeitadas
com pedaços de manga e kiwi, é um
O menu da ceia de réveillon idealizado pelo chef Nato Domenico, do Santa Especiaria Gastronomia, é a pedida perfeita
aperitivo interessante e vai bem com para liberar você da cozinha. Além da originalidade na forma de servir – em taças e copos individuais –, o menu pode ser
champanhe ou com um drinque de feito com ingredientes orgânicos, o que contribui para a sustentabilidade do nosso planeta. Veja a seguir as receitas:
boas-vindas. A travessa é da Pepper.

Salada de Merengue de Drinque Santa Espetinho


Arroz Negro Frutas Vermelhas Especiaria de frutas
(Rendimento 6 pessoas) (Rendimento 6 pessoas) (Rendimento 12 drinques) (Rendimento 6 pessoas)

Ingredientes Ingredientes Ingredientes Ingredientes


• 6 tomates-cereja (para decorar) • 500 ml de creme de leite fresco • 200 g de mel • 200 g de abacaxi cortado
• 6 talos de aspargos verdes • 6 colheres (sopa) de açúcar • 100 ml de calda de morango em cubos
cortados em pedaços orgânico • 1 litro de suco de pêssego • 200 g de kiwi em cubos
pequenos • 1 maço de hortelã natural • 200 g de manga Tommy
• 1 maço de couve mineira • 200 g de suspiro • 1 garrafa de prosseco em cubos
• 1/2 kg de arroz negro • 4 caixas de morango • 12 folhas de hortelã • 200 g de mamão em cubos
• Salsa quanto baste • 200 g de açúcar orgânico • Açúcar para decorar as taças • 50 g de gergelim
• 200 g de queijo parmesão • 6 taças de vinho • 12 taças tipo old fashioned • 100 ml de melaço de cana
• Tempero a gosto • 6 palitos de bambu
• 6 taças de Martini para usar em Modo de Preparo Modo de preparo • 6 flûtes (taças de champanhe)
lugar de pratos Numa panela, junte os morangos Despeje o açúcar num prato
com o açúcar e mexa até a raso. Molhe com água a borda Modo de Preparo
Modo de Preparo mistura ganhar a consistência de cada taça e passe no açúcar. Coloque o gergelim num prato
Ferva bastante água com sal e de ponto fio. Reserve. Bata o Coloque dentro de cada taça raso. Pegue cada palito de
cozinhe o arroz negro por 20 creme de leite com o açúcar até uma colher de chá de mel e bambu e vá espetando os
minutos até ficar al dente. Em obter um chantilly. Reserve. Na preencha 1/4 de cada taça com cubos de frutas, de modo
seguida, cozinhe os aspargos montagem, coloque uma camada o suco de pêssego. Em seguida, que fiquem intercaladas.
até eles ficarem macios. Corte da calda já resfriada no fundo adicione 15 gotas da calda de Em seguida, passe cada espeto
a couve bem fininha e reserve. da taça. Adicione uma camada morango em cada drinque. pronto no gergelim e reserve.
Rale o parmesão em lascas finas do chantilly sobre a calda e, Complete cada um enchendo Adicione o melaço de cana
e separe. Pique a salsa e reserve. em seguida, coloque o suspiro o restante da taça com o no fundo de cada taça, em
Na hora de montar, misture o moído. Intercale até completar prosseco. Enfeite com uma partes iguais. Coloque o espeto
arroz com a salsa e disponha-os cada taça. Decore com a hortelã. folhinha de hortelã. dentro da taça e sirva.
no fundo de cada taça. Adicione
a couve picada e os aspargos.
Tempere a gosto. Em cima, Onde Encontrar Bacco’s: (11) 3825-2302; Benedixt: (11) 3081-5606; Edna Queiroz/Naturiche: (11) 3813-6898;
coloque uma lasca grande de Empório das Flores: (11) 3258-7111; Futon & Home: (11) 3081-1210; I-Stick: www.istickonline.com; Pepper: (11)
parmesão ralado. Enfeite a borda 3073-0333; Rica Festa: (11) 3045-4700; Roupa de Mesa: (11) 3811-9715; Santa Especiaria Gastronomia: (11) 5521-
da taça com um tomate-cereja. 4664; Tecelagem Lorena: (11) 5543-0202; Utilplast: (11) 3088-0862.

59
 
Organização

Moderno e aberto
para a vista

Trabalhar
No projeto de Lica Cukier
predominam tons neutros e
vidro, uma moldura para a
paisagem. Cadeiras Giroflex,

em casa é
persianas Shadow e piso de
mármore Travertino Romano
Bruto executado pelo
engenheiro Marcos Caselli.

um prazer
Com um espaço bem planejado
e recursos tecnológicos é possível
reproduzir um ambiente profissional
em sua residência. Inspire-se nestas
duas idéias de estilos bem diferentes
Por Vera Kovacs | Fotos Evellyn Muller
Produção Tiago Cappi

S
e há algum tempo era apenas uma tendência ter um escritório
dentro de casa, hoje é um fato corriqueiro. Aquele cantinho
no quarto ou até no corredor não é mais suficiente para quem
passa até metade do dia em casa, tentando conciliar o traba-
lho com os cuidados com os filhos e os afazeres domésticos. E não são
só as mulheres! Com as facilidades tecnológicas de hoje – internet
rápida, videoconferência, fax e outras tantas –, são muitos os homens
que as aproveitam e ficam mais tempo com a família.
É o caso deste belo projeto da arquiteta Lica Cukier numa cobertura
em São Paulo. O casal de executivos tem dois filhos pequenos e no dia
da foto era ele quem estava trabalhando em casa quando a equipe de
reportagem da Way chegou. O espaço, de 16 m2, aproveita o terraço
fechado no andar de cima (onde também fica a piscina, a churrasqueira
e a sala de TV), com uma vista privilegiada e inspiradora da metró-
pole. “É basicamente uma caixa de vidro e esquadrias de alumínio
no teto e nas paredes laterais. A vista é um ponto alto, mas precisei
driblar o calor que ficava no ambiente”, conta Lica. A primeira provi-
dência foi instalar um aparelho de ar condicionado e persianas no teto
com uma subcobertura de alumínio.
Resolvida a questão, a arquiteta desenhou o ambiente a partir de
Fotos em destaque Esconde-esconde uma das paredes de alvenaria, usando os tons branco, preto e prata.
Um jeito original de usar Os fios para ligar os Ali, fez um nicho com vários quadrados iguais fechados. O pulo-do-
porta-retratos. Eles fazem computadores na eletricidade e
gato foi fazer das portas um espaço para as fotos. “É um porta-retrato
o fechamento dos nichos, na rede correm por uma canaleta
mesmo, só que pedi à marcenaria que instalasse dobradiças”, explica.
presos com dobradiças. na parte central da mesa e por
Execução dos móveis da
Do centro dessa parede sai uma mesa, presa na alvenaria, feita de MDF
baixo. Furos estrategicamente
Marcenaria Zuccolotto. colocados permitem a conexão.
revestido com laca preta brilhante, e que termina com uma prancha

62 63
Organização

do mesmo material presa ao chão do outro lado. Assim, o vão cria- Integração total
do determina pelo menos quatro lugares e serve até para reuniões de O living e o escritório
trabalho. Tem espaço para computadores – laptops e até um com tela estão integrados
grande –, fax, impressora, linhas de telefone. A central das ligações no projeto de
elétricas, linha telefônica e internet fica em um dos armários na parte Regina Adorno, que
de baixo e os fios, todos escondidos, correm por uma canaleta embaixo privilegia peças de
da mesa. Para aproveitar todos os cantinhos, Lica usou a parte inferior design. Luminárias
da parede da janela para uma bancada com mais nichos. “O casal tem Bossa de Fernando
muitos livros, que por si só decoram. Criei portas de correr de uma Prado, da Lumini,
folha só de inox, uma forma descontraída que permite esconder ou não Cadeiras giratórias
com desenho de
o material de escritório”, conta a arquiteta Lica.
Charles & Ray Eames,
encontradas na
Madeira escura para um Desmobilia. O piso
ambiente clássico e aconchegante é de ipê patinado,
Quando os atuais donos deste apartamento entraram na sala, encan- executado pela Master
taram-se com o escritório e resolveram chamar o mesmo profissional Pisos. Tapete listrado
para tocar a decoração. Foi a arquiteta Regina Adorno quem planejou By Kamy.
o espaço para os antigos moradores. “Várias foram as mudanças no
imóvel, mas este ambiente continuou como estava”, conta. A proposta
agradou à nova família porque estava totalmente integrada com o li-
ving, e o uso da madeira escura lembra as antigas bibliotecas nas casas
do passado, mas com toques de modernidade.
A estante preenche toda a parede do fundo com nichos na parte supe-
rior de tamanhos diferentes para a exibição de livros e coleções. Como ela é
toda vazada, a parede do fundo foi pintada com cinza chumbo (R-162, da
Suvinil). Na parte de baixo, os gavetões são arquivos para guardar docu-
mentos e outros papéis. No centro, a mesa, presa de um lado na alvenaria
e no outro por uma divisória de vidro, foi recortada na altura certa para
sustentar o tampo. Na planta original, este espaço era um quarto, que
teve parte da parede aberta para a sala e a antiga porta na lateral fechada.
É onde fica hoje o móvel aparador, com gavetas de vários tamanhos. Tudo
foi feito de MDF, revestido com folhas de sucupira.

Compartimento
secreto
Uma boa solução
para esconder
os fios dos
equipamentos
eletrônicos é
colocar uma
canaleta por baixo
da mesa e deixar
aberturas para a
passagem dos fios.
Nesta solução, o
tampo tem um rasgo
por toda a extensão Fixação original
que fica escondido O vidro de 10 mm Documentos organizados Onde Encontrar By Kamy: (11) 3081-1266; Desmobilia:
por portinhas feitas sustenta um dos lados Vários gavetões ajudam a manter a (11) 3062-3408; Giroflex: (11) 3031-4111; Lica Cukier: (11)
do mesmo material, da mesa. Ele tem papelada em ordem. Alguns são dotados 3889-6771; Lumini: (11) 3898-0222; Marcenaria Zuccolotto:
MDF revestido com um corte por onde de fichários com pastas coloridas e (27) 3339-7645; Marcos Caselli: (11) 3771-2308; Master Pisos:
(11) 5092-3073; Regina Adorno: (11) 3486-2905; Shadow
folhas de sucupira. se prende o tampo etiquetadas. Outros são mais profundos
Persianas: (11) 5044-1698; Suvinil: 0800-117558.
também recortado. para guardar objetos maiores.

64 65
Pelo mundo

Artista global
O bom design, antes inacessível, hoje está democratizado.
Um dos maiores responsáveis por essa mudança crucial para o nosso
bem-estar? O egípcio Karim Rashid, cuja obra você vai conhecer agora
Por Beatriz Marques Dias

U
ma das máximas de Karim Rashid é “Eu quero mudar o do restaurante Morimoto, na Filadélfia, e do Semiramis Hotel, em Atenas,
mundo.” Se à primeira vista a frase soa petulante, basta escolhido como o melhor hotel de design da Europa, em 2005. Por isso
conhecer um pouco da história desse designer de 48 anos tudo, além de expor em vários museus, 70 objetos de sua autoria fazem
para notar que não há exagero nela. Afinal, de 13 anos parte do acervo de 14 museus, entre eles o MoMA, em Nova York.
para cá, Rashid conquistou uma popularidade digna de um superstar. Ninguém melhor que ele representa hoje a figura de um cidadão
Isso porque ele é um dos maiores responsáveis por uma tendência que do mundo. Karim Rashid é egípcio de nascimento, mas foi criado no
surgiu na última década: a democratização do design. Canadá e na Inglaterra. Depois de passar uma temporada na Itália,
A fama é mais que justificada. Atualmente, Karim Rashid tem 2.500 onde se graduou em Nápoles, e dar seus primeiros passos no design
produtos no mercado, que criou para empresas como Prada, Umbra, Hyun- em Ontário, ele abriu seu estúdio de criação em Nova York, em 1993,
dai, Cytibank, Sony, Giorgio Armani, entre outras. Além disso, ampliou que logo se tornou um QG de idéias para a indústria.
seu escopo de atuação para abarcar também arquitetura e projetos de inte- Enquanto a maioria dos designers lança primeiro móveis de vanguarda
riores. Desde então, hotéis e bares saíram da tela de seu computador para se ou projeta o interior de restaurantes, para depois capitalizar a fama crian-
tornarem realidade. Nessa seara figuram obras premiadas, como o projeto do utilitários, Karim Rashid alçou seu nome ao desenhar uma lixeira de 2

3
1 1. tudo oval
O Kurve é uma celebração
às formas ovais e pretende
aproximar a modernidade
nova-iorquina ao
mundo tradicional dos
restaurantes.

2. SUPERPINK Blobola e Blobina


Como não poderia deixar As cadeiras feitas para a marca italiana
de ser, o pink, a cor Meritalia têm cores vivas e revestimento
predileta de Karim Rashid, ultramacio que se molda ao corpo.
é a estrela do lugar. Para
completar, o verde e o azul
são os tons coadjuvantes.
plástico de 30 reais, a Garbino, e uma cadeira de 90 reais, a Oh. Depois
3. paredes modernas usou suas credenciais para democratizar o design, recuperando a tradição
O espaço curvilíneo foi da Escola de Bauhaus, que preconizava a criação de bens de consumo
complementado por funcionais e com custo ao alcance das massas.

Fotos: divulgação
grafismos nas paredes, Antes dele, marcas italianas de design como Alessi já tinham em seus
deixando o conjunto catálogos artigos para casa, como coadores assinados por Philippe Starck,
ainda mais jovial. porém esses produtos eram vendidos a preços astronômicos, superiores aos
de similares no mercado, tornando-se quase que peças de coleção.

66
Pelo mundo

1. ROMÂNTICO MODERNO luz especial


No lounge do DJ do Majik Café, em Nenhuma semelhança com o trabalho de Karim Rashid. Muitos dos Esta sensualíssima
Belgrado, duas silhuetas parecem seus produtos, de embalagens de perfume a canetas, cadeiras, xícaras, luminária de
convidar ao encontro e deixam o aspiradores e luminárias, não têm nenhuma pretensão de conquistar mesa, da
ambiente ainda mais propício ao status semelhante. Há 20 anos, o egípcio criou a idéia de “designocracia”, Kundalini, é
romance. Ao fundo, a mesa de na qual preconizava que os produtos usados no dia-a-dia deveriam ser de vidro com
som é a estrela da noite. bem desenhados, baratos e acessíveis. O estilo do designer tem a ver com suporte de aço,
o desenho futurista dos anos 50, quando o plástico também imperou, com e tem vários
2. À MEIA-LUZ suas formas arredondadas e curvilíneas. Para além disso, Karim Rashid difusores de
Na área do bar, as formas sinuosas cria em seus projetos um mundo sedutor, prazeroso e experimental. iluminação.
e a iluminação intimista dão o tom.
Para completar, uma tela mostra Formato oval HIT DOMÉSTICO
as mensagens digitadas pelos Quando projeta um espaço, Karim Rashid ressalta sempre o aspecto lú- Este aspirador
próprios clientes, facilitando a dico, evidenciando as cores vivas e as formas mais naturais e orgânicas. portátil a vácuo,
interação de todos. O designer explica que, para ele, não faz sentido que vivamos em espaços com formato
elegante e prático,
quadrados, como caixas, já que não há sequer uma única linha reta na
3. idéia de movimento decora qualquer
natureza. Nesse quesito, o restaurante club nova-iorquino Kurve, no East
Nada é simétrico, das mesas ao ambiente.
Village, é quase que uma ode ao formato ovóide. Sua intenção ali foi dei-
piso, que exibem vários formatos. Sucesso de
xar o espaço mais mais moderno e aconchegante. Para isso, as paredes têm vendas da marca
As aberturas de vidro criam um
formato de ondas e são repletas de grafismos, já as janelas são ovais e há uma Dirt Devil.
belo efeito na fachada.

68
Pelo mundo

1 3

2 1. cores e formas
O Bosco Pi, em
mesa de vidro comunitária. No centro, o bar futurista parece ter saído de mais divertido. A mesa de som ganha status de musa da noite, na medida
Moscou, é uma loja
um filme de Os Jetsons. Entre as cores passeiam o rosa, o verde e o azul. em que se trata de uma legítima DJ Kremy Table, equipamento desenha-
conceito que pretende
do com muita criatividade por Karim Rashid.
vender um estilo de
vida aos jovens. O bar
Arte & tecnologia No Centro Comercial Bosco Pi, em Moscou, o designer decidiu
é democrático: permite Já o Majik Café, em Belgrado, na Sérvia, é um exemplo de lugar que criar um ambiente multissensorial e convidativo. Quem vê o lugar
a visão do exterior une tecnologia, arte e entretenimento. A proposta desse restaurante club hoje e vislumbra um caleidoscópio de cores, como água-marinha,
ou do interior do é estimular todos os sentidos. Para isso, o designer combinou as linhas verde e amarelo, nem imagina como o ambiente era cinzento antes.
estabelecimento. sensuais com tons brilhantes, criando a atmosfera intimista. Em torno do No interior, o psicodélico e referências dos anos 70 povoam o lu-
bar, painéis digitais e aberturas de vidro colorido permitem que o lugar gar. No café, fileiras de bancos contínuas permitem que se possa es-
2. FORMA LÚDICA seja visto mesmo por quem está situado do outro lado da rua. colher entre a visão externa ou interna da loja. “Eu concebi essa loja
Os contornos Como a casa é assumidamente tecnológica, um telão passa mensagens conceito destinada ao público jovem como um labirinto em evolu-
psicodélicos são o digitadas pelos próprios clientes, o que facilita a interação e torna tudo ção, graças às numerosas interferências visuais”, diz Karim Rashid.
suporte ideal para exibir
os produtos.

3. TUDO SINUOSO
Algumas referências, Ego Alessiwatchs Garbo
como os grafismos Vaso criado pela Os relógios criados A lixeira, criada
nas paredes e a marca portuguesa para a marca em 1995 para a
luminária Boka, já são MGLass. Por italiana Alessi marca Umbra, foi
marca registrada de qualquer ângulo são charmosos e o primeiro sucesso
Karim Rashid. Por isso, que se olhe, minimalistas sem em escala global
aparecem em vários vêem-se sempre deixar de assumir do designer. Já
dos seus projetos. duas silhuetas de os ponteiros. vendeu mais de
perfil olhando para Disponíveis em 8 milhões de
lados opostos. diversas cores. unidades.

70 71
Pelo mundo

catedral são basílio


Esse verdadeiro cartão-postal de
Moscou chama a atenção dos
visitantes. Suas enormes cúpulas
coloridas formam um conjunto
único de sete igrejas.

praça vermelha mausoléu


Conhecida em toda de lênin
a Europa, abriga Uma das principais
construções que atrações turísticas e
atraem os turistas, históricas da capital
como a Catedral russa, ele está
São Basílio, o Museu localizado na
Histórico e a famosa Praça Vermelha.
galeria GUM.

Roteiro imperdível em Moscou época, mobiliário e objetos diversos, como os famosos ovos de Páscoa Metrô de Moscou metrô de
A capital russa, que encantou Karim Rashid, quando ele projetou a loja Fabergé, feitos pelo joalheiro real de mesmo nome. Onde: Krasnaya Nem pense em escolher outra forma de locomoção. O metrô moscovita é moscou
conceito Bosco Pi, é pródiga em referências arquitetônicas. Com mais de Ploshchad , tel. (495) 624-55-03, www.kremlin.museum.ru considerado o mais bonito do mundo. Muitas de suas estações foram con- Este meio de
850 anos de história, o destino tem construções medievais, monumentos Teatro Bolshoi cebidas nos anos 30 e são recheadas de lustres, mosaicos e esculturas. Vale transporte é
majestosos, mas também restaurantes estrelados e cafés. É o maior santuário do balé clássico do mundo. O prédio, de linhas sun- a pena tirar umas duas horas para passear de metrô, descendo em algumas considerado o mais
tuosas, de 1824, e tombado pela ONU como Patrimônio Arquitetônico das estações pelo caminho. A maior é a Komsomolskaya, cujos painéis bonito do mundo.
Catedral São Basílio e Cultural da Humanidade, vale uma visita. Tem espetáculos quase que mostram magistralmente um panorama da história russa. Também a es- As estações têm
O principal ícone da cidade foi construído por ordem de Ivan, o Terrível, diariamente. Onde: Tetralnaya, 1, tel. 499 250 7317, www.bolshoi.ru tação Mayakovskaya costuma deixar os turistas de queixo caído. lustres, esculturas
entre 1554 e 1569, em homenagem à vitória contra os tártaros. Chamam a Galeria Tretyakov Sanduny e mosaicos típicos
atenção as nove cúpulas coloridas e diferentes uma da outra, que parecem É o grande museu do país. Pela representatividade de sua coleção, pode-se Entrar nessa famosa casa de banhos da capital russa é um verdadeiro espe- da década de 30.
ter saído de um livro de contos de fada. Essas cúpulas são na verdade sete acompanhar toda a evolução da arte russa, desde os tempos medievais até táculo para os olhos. Construída em 1896, está instalada em um verdadeiro
igrejas, conectadas entre si, que formam um único conjunto. Onde: 4, a Revolução de Outubro. Onde: Lavrushinski Pereulok, 10, tel. 7 499 953- palácio que combina elementos do estilo barroco, rococó e renascentista.
Krasnaya Ploshad, Kremlin, tel. 095 298-5880. Fecha às terças. 11 h/17h30 5223, www.tretyakov.ru, 10 h/19h30 (terça a domingo). Suas escadas de mármore, esculturas e afrescos são um convite a passar mais Hotel Metropol
Praça Vermelha Museu Pushkim tempo por lá. Experimente o ritual da sauna seguido por um banho refres- O interior desse suntuoso hotel, em
estilo art nouveau, serviu de cenário
Uma das mais famosas praças de toda a Europa e também o centro Museu estatal de belas artes dedicado à arte européia. Seu acervo, um dos cante. Onde: 14, Neglinnaja, tel. 499 625-4631, www.sanduny.ru, 8 h/20 h.
para o filme Doutor Jivago.
geográfico de Moscou. Separa o Kremlin do bairro histórico Kitay- mais respeitados do mundo nesse gênero, faz um passeio da arte egípcia Café dos Artistes
gorod e abriga uma das principais atrações turísticas da cidade. É lá ao pós-modernismo francês. Também tem exposições temporárias, cujos É o lugar perfeito para um jantar agradável, após uma noite cultural. Este
que você vai encontrar o mausoléu de Lênin, a Catedral São Basílio, o bilhetes são cobrados à parte. Onde: Ulitsa Volkhonka, 12, tel. 499 203- restaurante, especializado em comida franco-italiana, tem um ambiente
Museu Histórico e a GUM, ou Glavny Universalny Magazin, uma tra- 7998, www.museum.ru, 10 h/18 h (terça a domingo). classudo e aconchegante à noite. Oferece almoço executivo. Exibe em seu
dicional galeria de 1893 que hoje abriga lojas das grandes grifes e joa- Metropol espaço mostras de arte moderna. Kamergersky Per., no 5/6, tel. 692-40-42,
lherias internacionais. Onde: Krasnaya Ploshchad, em frente ao Kremlin. Hotel situado no coração da cidade, em frente ao Balé Bolshoi, a 5 www.artistico.ru, 11 h/1 h.
Kremlin minutos de caminhada do Kremlin. Inaugurado em 1901, suas bem Drova teatro bolshoi
Vale a pena se programar para
A imensa fortaleza foi o palco de eventos importantes da história decoradas suítes já receberam celebridades como Milla Jovovich, Elton Situado em plena Praça Vermelha, este restaurante 24 horas, de preço
assistir a um dos espetáculos
russa. Construída em 1147, abrigou a sede do governo até sua trans- John, Gerard Depardieu, Luc Besson e outros. O interior, em estilo art justo, é parada obrigatória para os turistas que desejam experimentar as
no maior santuário do balé
ferência para São Petersburgo. Destaque para o salão da Armoraria, nouveau, serviu de locação para o célebre filme Doutor Jivago. Onde: iguarias típicas. Saboreie blinis com caviar vermelho.
do mundo. Há apresentações
que conserva os tesouros dos czares. São centenas de jóias, trajes da 1/4 Teatralny Proezd, tel. 499 501 78 00, www.metropol-moscow.ru Onde: 5, Nikoskaya, tel. 298-0118, www.drova.ru
quase que diariamente.

72 73
LANÇAMENTO EM SÃO LUÍS
Caderno de obras Caderno de obras

Venha morar no
Renascença, o bairro que
tem a infra-estrutura mais
Onde todos os estilos
se encontram completa da cidade.
Apartamentos de 68m2 a 90m2
de 2 ou 3 Quartos com 2 vagas de garagem.
contrato. O detalhamento do serviço, equipamentos e acabamentos que farão parte deste empreendimento
Os móveis, objetos e revestimentos de piso são sugestões decorativas, não fazendo parte integrante do

constam no memorial descritivo, convenção de condomínio e compromisso de compra e venda.

ILUSTRAÇÃO ARTÍSTICA DO LIVING ILUSTRAÇÃO ARTÍSTICA DA PISCINA

REGISTRO DE INCORPORAÇÃO Nº 3 - PC - 196 - 71.719


MAIS DE 15 ITENS DE LAZER
FINANCIAMENTO EM ATÉ MESES 300
SEM COMPROVAÇÃO DE RENDA*

* CONFORME REGRAS CONTRATUAIS


VISITE APARTAMENTO
DECORADO NO LOCAL
Rua Monção, S/N, Renascença
FOTO ILUSTRATIVA

(atrás do Uniceuma)

PLANEJAMENTO INCORPORAÇÃO E CONSTRUÇÃO

Caderno de obras
VENDAS: 98 3268-3307
74 CRECI: J-231 www.dubairesidence.com.br 75
Caderno de obras Caderno de obras

jtr parc paradiso


Av. Álvaro Otacílio, 3731, Jatiúca, Maceió (AL) Av. Conselheiro Furtado, 2280, Batista Campos, Belém (PA)

Construções a
Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 40% Preparo do terreno 100%
Fundação - Estrutura - Fundação 90% Estrutura -
Vedação - Fachada - Vedação - Fachada -

todo vapor
Instalações - Acabamento - Instalações - Acabamento -

mirante do rio reserva do lago


Travessa Honório José dos Santos, 423, Jurunas, Belém (PA) Av. T-15, s/n, quadra 133, lotes 1 a 14, Setor Bueno, Goiânia (GO)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 90% Estrutura 80% Fundação 100% Estrutura 56%
Sem perder tempo, a Gafisa dá prosseguimento às obras nos seus Vedação 50% Fachada - Vedação 20% Fachada -
empreendimentos. São mais de 50 prédios sendo construídos em Instalações 20% Acabamento 2% Instalações 20% Acabamento -

quatro regiões do País. Aqui a empresa mostra qual é a situação de nice ville du soleil
cada um. Assim, quem já comprou seu imóvel confere se tudo está Av. Coronel Teixeira, 1320, Ponta Negra, Manaus (AM) R. João Américo de Oliveira, 760, Cabral, Curitiba (PR)

correndo como planejado. E, se você ainda não comprou, tem a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

oportunidade de conhecer os novos projetos. Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 90% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação 19% Fachada - Vedação 100% Fachada 100%
Instalações 46% Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100%

beach park living Belle vue orbit acqua residencial


Via Local, 24, lotes 1, 2, 3, 4 e 5, Quadra 41, Porto das Dunas, Fortaleza (CE) R. Casemiro de Abreu, 1557, Bela Vista, Porto Alegre (RS) R. Dr. Pedrosa, 445, Batel, Curitiba (PR) R. Abílio Augusto Távora, 550, Centro, Nova Iguaçu (RJ)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 95% Preparo do terreno 95%
Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 98% Fundação 100% Estrutura 7% Fundação 97% Estrutura 6%
Vedação 100% Fachada 100% Vedação 97% Fachada 30% Vedação - Fachada - Vedação - Fachada -
Instalações 93% Acabamento 96% Instalações 72% Acabamento 12% Instalações - Acabamento - Instalações - Acabamento -

acquarelle campo d’ourique blue land grand valley rio de janeiro


Av. Cel. Teixeira, 4475, Ponta Negra, Manaus (AM) Av. Antártica, 540, Santa Rosa, Cuiabá (MT) Av. das Américas, 12600, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) R. Potiguara, 100, Jacarepaguá, Rio de Janeiro (RJ)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 95%
Fundação 85% Estrutura 8% Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 95% Estrutura 18%
Vedação - Fachada - Vedação 100% Fachada 100% Vedação 100% Fachada 100% Vedação - Fachada -
Instalações - Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100% Instalações 100% Acabamento 100% Instalações - Acabamento -

artville horizonte celebrare Icaraí corporate


Av. Luiz Viana Filho, quadra A4, lotes 1 e 2, Alphaville, Salvador (BA) Av. Pedro Álvares Cabral, 904, Umarizal, Belém (PA) R. Ana Neri, 150, 25 de Agosto, Duque de Caxias (RJ) R. Gavião Peixoto, 70, Icaraí, Niterói (RJ)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 40% Estrutura - Fundação 100% Estrutura 2% Fundação 100% Estrutura 4% Fundação 95% Estrutura 15%
Vedação - Fachada - Vedação - Fachada - Vedação - Fachada - Vedação - Fachada -
Instalações - Acabamento - Instalações - Acabamento - Instalações - Acabamento - Instalações - Acabamento -

76 Este caderno não contempla todas as obras da Gafisa. Mais informações no site www.gafisa.com.br/viverbem 77
Caderno de obras Caderno de obras

espacio laguna infinity acácia enseada das orquídeas


R. Antonio Arthur Braga, 370, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) Av. das Américas, 12600, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) Av. Dr. Cândido Motta Filho, 521, Vila São Francisco, São Paulo (SP) Av. Presidente Wilson, 200, José Menino, Santos (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 93%
Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 95% Estrutura 21% Fundação 85% Estrutura 6%
Vedação 100% Fachada 20% Vedação 100% Fachada 100% Vedação - Fachada - Vedação - Fachada -
Instalações 40% Acabamento 20% Instalações 99% Acabamento 95% Instalações 3% Acabamento - Instalações - Acabamento -

fit niterói london green agrias espaço jardins


R. Graciliano Ramos, 31, Vital Brasil, Niterói (RJ) R. César Lattes, 1000, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) R. Itapaiuna, 1800, Morumbi, São Paulo (SP) R. das Figueiras, 1800, Campestre, Santo André (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 37% Fundação 60% Estrutura 8% Fundação 100% Estrutura 97% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação 24% Fachada - Vedação - Fachada - Vedação 62% Fachada 39% Vedação 100% Fachada 70%
Instalações 35% Acabamento - Instalações - Acabamento - Instalações 40% Acabamento 4% Instalações 100% Acabamento 85%

península fit sky collori evidence


R. Escada João Cabral de Mello Neto, 350, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) Av. das Américas, 12600, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) R. Dr. Clementino, 320, Belenzinho, São Paulo (SP) R. Passos, 283, Belenzinho, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 5%
Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 63% Fundação - Estrutura -
Vedação 100% Fachada 80% Vedação 100% Fachada 98% Vedação 14% Fachada - Vedação - Fachada -
Instalações 95% Acabamento 80% Instalações 100% Acabamento 98% Instalações 3% Acabamento - Instalações - Acabamento -

privilege residencial sky dália felicitá


Travessa Nossa Senhora Auxiliadora, 25, Santa Rosa, Niterói (RJ) Av. das Américas, 12600, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) Av. Dr. Cândido Motta Filho, 521, Vila São Francisco, São Paulo (SP) R. Evangelina, 70, Vila Carrão, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 70% Preparo do terreno 97% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 30% Estrutura - Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 85% Estrutura 15% Fundação 98% Estrutura 85%
Vedação - Fachada - Vedação 100% Fachada 98% Vedação - Fachada - Vedação 55% Fachada 20%
Instalações - Acabamento - Instalações 98% Acabamento 90% Instalações - Acabamento - Instalações 55% Acabamento -

secret garden vivance isla olimpic chácara santo antônio


Rua Mapendi, 660, Taquara, Rio de Janeiro (RJ) Estrada dos Três Rios, 1030, Freguesia, Rio de Janeiro (RJ) Al. São Caetano, 2801, Barcelona, São Caetano do Sul (SP) R. Fernandes Moreira, 1550, Chácara Santo Antônio, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 97% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 95% Estrutura 8% Fundação 100% Estrutura 12% Fundação 95% Estrutura 30% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação - Fachada - Vedação - Fachada - Vedação 5% Fachada - Vedação 80% Fachada 30%
Instalações - Acabamento - Instalações 5% Acabamento - Instalações 10% Acabamento - Instalações 45% Acabamento 15%

quinta imperial sunplaza magic olimpic resort


R. Almirante Baltazar, 189, São Cristóvão, Rio de Janeiro (RJ) Av. das Américas, 7935, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (RJ) Av. Engenheiro Eusébio Stevaux, 800, Santo Amaro, São Paulo (SP) Av. Fagundes Filho, 585, Saúde, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 75% Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 95% Estrutura 3% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação 55% Fachada 1% Vedação 100% Fachada 100% Vedação - Fachada - Vedação 100% Fachada 100%
Instalações 52% Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100% Instalações - Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100%

78 79
Caderno de obras Caderno de obras

mirÁbilis paradiso
R. Itapaiúna, 1800, Panamby, São Paulo (SP) Av. Dr. Cândido Motta Filho, 521, Vila São Francisco, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 100% Estrutura 52%
Vedação 100% Fachada 100% Vedação 15% Fachada -
Instalações 99% Acabamento 92% Instalações 2% Acabamento -

olimpic bosque saúde parides


R. Assungui, 840, Bosque da Saúde, São Paulo (SP) R. Itapaiúna, 1800, Morumbi, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 7% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação - Fachada - Vedação 99% Fachada 70%
Instalações - Acabamento - Instalações 85% Acabamento 25%

primula terraças mathias roxo


Av. Dr. Cândido Motta Filho, 521, Vila São Francisco, São Paulo (SP) R. Mathias Roxo, 300, Vila Leopoldina, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 99% Preparo do terreno 100%
Fundação 99% Estrutura 28% Fundação 10% Estrutura -
Vedação 3% Fachada - Vedação - Fachada -
Instalações 2% Acabamento - Instalações - Acabamento -

rcb paço das águas the house


R. Morais de Barros, 960, Campo Belo, São Paulo (SP) Av. Nova Cantareira, 5567, Tremembé, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 85%
Fundação 100% Estrutura 100% Fundação 85% Estrutura 75%
Vedação 100% Fachada 90% Vedação 50% Fachada 10%
Instalações 95% Acabamento 48% Instalações 45% Acabamento 5%

santorinno town home


Av. Dr. Cândido Motta Filho, 521, Vila São Francisco, São Paulo (SP) Av. Martin Luther King, 980, Vila São Francisco, Osasco (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 100% Estrutura 90% Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação 70% Fachada - Vedação 100% Fachada 100%
Instalações 40% Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100%

solares da vila maria vistta ibirapuera


R. Mussumés, 543, Vila Maria, São Paulo (SP) R. Maria Figueiredo, 629, Paraíso, São Paulo (SP)

Porcentagem da fase da obr a Porcentagem da fase da obr a

Lançamento 100% Lançamento 100%


Preparo do terreno 100% Preparo do terreno 100%
Fundação 10% Estrutura - Fundação 100% Estrutura 100%
Vedação - Fachada - Vedação 100% Fachada 100%
Instalações - Acabamento - Instalações 100% Acabamento 100%

80 81
objeto
objeto de
dodesejo
desejo

Harmonia das cores


Vibrantes, hipnóticas, provocadoras. As obras
da artista plástica carioca Beatriz Milhazes
atiçam o olhar e conquistam o Brasil e o
mundo com sua beleza repleta de nuances
Por Heloísa Noronha | Foto André Spínola

C
onsiderada uma das mais importantes
artistas plásticas da atualidade, a
carioca Beatriz Milhazes é também
o nome da arte contemporânea nacional
com maior repercussão no exterior. Em 2008
a tela O Mágico, de 2001, foi arrematada
por um colecionador argentino por US$
1,049 milhão em um leilão em Nova York.
Antes disso, Beatriz já tinha realizado
mostras em países como França, Estados
Unidos, Inglaterra, Japão e Itália. No Brasil,
sua trajetória foi vista na exposição Pintura,
Colagem, em cartaz na Estação Pinacoteca,
em São Paulo, entre setembro e novembro.
Foram 30 obras disponíveis para visitação,
celebrando uma bem-sucedida carreira
de 25 anos. Trabalhos de acrílico sobre
tela como A Dança da Cozinha (300 x 90
cm), de 1997, e O Caipira (250 x 73 cm),
de 2004, que ilustram a página de WAY
(da esquerda para a direita), comprovam
que a cor é um elemento estrutural na obra
de Beatriz Milhazes. São flores, arabescos,
alvos, listras e quadrados que se fundem e
se apresentam em outras técnicas como a
junção de gravura e serigrafia e a colagem
sobre papel. O resultado é único, original,
surpreendente. Beatriz, que mantém um
ateliê no Rio de Janeiro e não faz obras
sob encomenda, já inicia 2009 com um
compromisso na agenda: em abril fará
uma mostra na badalada Fondation Cartier
pour L’Art Contemporain, em Paris. No
Brasil, a artista é representada pela Galeria
Fortes Vilaça, de São Paulo, onde também
é possível obter informações sobre seu
trabalho. Site: www.fortesvilaca.com.br.
Tel. (11) 3032-7066.

84 85

bbec