You are on page 1of 3

16/03/2019 EPS

CCJ0256_AV1_201901278638 V.1

Disc.: HISTÓRIA DO DIREITO BRASILEIRO

Aluno(a): DANIEL DE OLIVEIRA VIEGAS Matrícula: 201901278638

Acertos: 2,0 de 2,0 Início: 16/03/2019 (Finaliz.)

1a Questão (Ref.:201903734740) Acerto: 0,2 / 0,2

Durante a maior parte do período colonial a participação nas câmaras das vilas era uma prerrogativa dos chamados
"homens bons", excluindo-se desse privilégio os outros integrantes da sociedade. A expressão "homem bom" dizia
respeito a:

senhores de engenho e proprietários de escravos;


NRE
homens que recebiam a concessão da Coroa portuguesa para explorar minas de ouro e de diamantes;
homens considerados de bom caráter, independentemente do cargo ou da função que exerciam na colônia.
funcionários nomeados pela Coroa portuguesa para exercerem altos cargos administrativos na colônia;

2a Questão (Ref.:201903734926) Acerto: 0,2 / 0,2

Tomando por base a assertiva: ¿... sua principal característica sempre esteve presente: casos concretos são
considerados fonte do Direito¿, em se tratando de sistemas jurídicos é CORRETO afirmar:

Trata o texto do sistema do Civil Law;


Trata o texto do sistema de Leis Mosaicas;
Trata o texto do sistema do Common Law;
Trata o texto, exclusivamente, do Código de Hamurabi.
Trata o texto do sistema romano-germânico;

3a Questão (Ref.:201903734702) Acerto: 0,2 / 0,2

A respeito da independência do Brasil, pode-se afirmar que:

propôs, a partir das idéias liberais das elites políticas, a extinção do tráfico de escravos, contrariando os
interesses da Inglaterra.
provocou, a partir da Constituição de 1824, profundas transformações na estruturas econômicas e sociais do
País.
instituiu a monarquia como forma de governo, a partir de amplo movimento popular.
consubstanciou os ideais propostos na Confederação do Equador.
implicou na adoção da forma monárquica de governo e preservou os interesses básicos dos proprietários de
terras e de escravos.

4a Questão (Ref.:201903734529) Acerto: 0,2 / 0,2

Após a descoberta, o litoral do Brasil começou a ser frequentado (e explorado) por outros estrangeiros como por
exemplo os franceses. A Coroa portuguesa precisava, portanto, encontrar uma maneira de não perder suas terras
conquistadas. A grande dificuldade dava-se pela grande extensão da costa brasileira. Quanto aos mecanismos
encontrados pelos portugueses para defender suas terras na América não é correto afirmar:

A colonização por meio das capitanias hereditárias obteve um grande sucesso e a coroa portuguesa procurou
expandi-las numericamente para o interior;
http://simulado.estacio.br/alunos/ 1/3
16/03/2019 EPS
O sistema de capitanias hereditárias funcionou como uma ¿privatização da colonização¿ transferindo aos
donatários direitos de exploração das terras;
Os donatários recebiam da Coroa portuguesa as cartas forais que disciplinavam direitos sobre a exploração,
como cobrar impostos e exercer a jurisdição;
As Capitanias Hereditárias foram criadas com intuito de colonizar e demarcar a soberania portuguesa na
América Portuguesa;
As sesmarias são documentos jurídicos usados pelos donatários para doar terras a colonizadores.

5a Questão (Ref.:201903734524) Acerto: 0,2 / 0,2

Quanto às Capitanias Hereditárias é CORRETO afirmar;

Donatários eram as autoridades dotadas de poderes acima do rei, para promoverem a doação de grandes
lotes territoriais chamadas de feitorias e vilas.
Foram um projeto com fundamentos e objetivos uniformes, porém com aplicabilidade e resultados distintos.
Tiveram grande capacidade de integração territorial, gerando um forte sentimento de nacionalismo brasileiro.
Nenhuma das alternativas acima.
Acabaram por se mostrar decisivos para a dominação francesa em Portugal.

6a Questão (Ref.:201903734364) Acerto: 0,2 / 0,2

O ordenamento jurídico português tem por base o direito romano-germânico e teve várias influências de direitos
anteriores como o Corpus Iuris Civilis, o Direito Românico (suevos e visigodos) e o Direito Canônico. Tudo isso, unido
ao fato de Portugal ter se tornado independente fez com que procurasse implementar e o unificar o seu ordenamento
jurídico interno. Nesse sentido, o resultado dessa unificação jurídica foi a compilação das leis régias em forma de

e) lei do quinto no período da mineração.


a) ordenações também denominadas: Afonsinas, Manuelinas e Filipinas.
b) direito canônico, direito româmico e direito civil romano.
d) das capitanias hereditárias e do governo-geral.
c) carta foral, carta de doação, sesmarias e estanco.

7a Questão (Ref.:201903734901) Acerto: 0,2 / 0,2

(Espcex (Aman) 2015) ¿Os primeiros trinta anos da História do Brasil são conhecidos como período Pré-Colonial.
Nesse período, a coroa portuguesa iniciou a dominação das terras brasileiras, sem, no entanto, traçar um plano de
ocupação efetiva. [¿] A atenção da burguesia metropolitana e do governo português estavam voltados para o
comércio com o Oriente, que desde a viagem de Vasco da Gama, no final do século XV, havia sido monopolizado pelo
Estado português. [¿] O desinteresse português em relação ao Brasil estava em conformidade com os interesses
mercantilistas da época, como observou o navegante Américo Vespúcio, após a exploração do litoral brasileiro, pode-
se dizer que não encontramos nada de proveito¿. Berutti, 2004. Sobre o período retratado no texto, pode-se afirmar
que o(a) :

desinteresse português pode ser melhor explicado pela resistência oferecida pelos indígenas que dificultavam
o desembarque e o reconhecimento das novas terras.
desinteresse português pelo Brasil nos primeiros anos de colonização, deu-se em decorrência dos tratados
comerciais assinados com a Espanha, que tinha prioridade pela exploração de terras situadas a oeste de
Greenwich.
relativo descaso português pelo Brasil, nos primeiros trinta anos de História, explica-se pela aparente
inexistência de artigos (ou produtos) que atendiam aos interesses daqueles que patrocinavam as expedições.
maior distância marítima era a maior desvantagem brasileira em relação ao comércio com as Índias.
abertura de um novo mercado na América do Sul, ampliava as possibilidades de lucro da burguesia
metropolitana portuguesa.

8a Questão (Ref.:201903734938) Acerto: 0,2 / 0,2

Quando da implantação do regime de capitanias hereditárias no Brasil em seu período colonial, a Carta de Foral
regulava os direitos e deveres que o Capitão-donatário passava a ter em virtude da Carta de Doação recebida com
EXCEÇÃO de:

Receber parte dos lucros sobre o comércio do pau-brasil;


Criar vilas e distribuir terras a quem desejasse e tivesse condições de cultivá-las;
Ser elevado a rei no caso de independência da Capitania Hereditária;
Entregar 20% dos metais preciosos encontrados à Coroa Portuguesa.
Exercer autoridade no campo judicial e administrativo;
http://simulado.estacio.br/alunos/ 2/3
16/03/2019 EPS

9a Questão (Ref.:201903734946) Acerto: 0,2 / 0,2

A identificação da jurisprudência como fonte do direito constitui elemento comum aos ordenamentos jurídicos do
Ocidente como um todo. Contudo, variam a primazia que lhe é conferida, sua eficácia e a forma de operá-la,
elementos tais que distinguem os dois sistemas, quais sejam: civil law e common law (MELLO, 2008). O Brasil, que é
filiado ao sistema do civil law, desde muito já vem sofrendo com o excesso de divergência jurisprudencial o que torna
a lei insuficiente para garantir segurança jurídica à sociedade. Entretanto, hoje, o que se observa é uma grande
mutação dos sistemas, para um sistema híbrido. Temos um novo civil law e um novo common law, ambos exploram a
principal forma de direito do outro, sem contudo alterar-se. (RAMOS, Vinícius Estefaneli.O uso de precedentes com
eficácia vinculante parece ser a melhor forma de desafogar o sistema jurídico brasileiro e também de trazer isonomia,
previsibilidade e segurança jurídica aos jurisdicionados. Disponível em
http://www.egov.ufsc.br/portal/conteudo/teoria-dos-precedentes-judiciais-e-sua-efic%C3%A1cia-no-sistema-
brasileiro-atual) Neste sentido, marque a letra que apresenta corretamente as principais diferenças entre tais
sistemas.

Civil Law é a estrutura jurídica oficialmente adotada no Brasil, as principais fontes do Direito adotadas aqui
são as leis produzidas pelos representantes eleitos pela população. Já Common Law é uma estrutura mais
utilizada por países de origem anglo-saxônica como Estados Unidos e Inglaterra, uma simples diferença é que
lá o Direito se baseia mais nos precedentes e jurisprudência que no texto da lei.
O sistema adotado pelos Estados Unidos e a Inglaterra, conhecido por Civil Law, define que a lei por si só é
suficiente e plenamente aplicável, limitando qualquer interpretação do juiz no seu processo de aplicação aos
casos concretos.
O direito anglo-saxônico foi o direito utilizado na parte continental da Europa, e que se espalhou pelo mundo,
especialmente pelo Brasil, enquanto que o direito romano-germânico foi a tradição seguida nos Estados
Unidos.
A expressão Common Law refere-se ao sistema legal que tem origem ou raízes no Direito da Roma antiga,
também denominado sistema Romano-Germânico. Já a expressão Civil Law significava, em sua origem, o
direito comum a toda Inglaterra.
A igualdade no common law foi diretamente associada à estrita aplicação da lei, o que deu origem a um
intenso processo de codificação do direito, limitando o papel do juiz, com proibição do juiz interpretar a lei.

10a Questão (Ref.:201903734418) Acerto: 0,2 / 0,2

"Gostaria muito de ver no testamento de Adão a passagem em que ele divide o Novo Mundo entre meus irmãos, o
Imperador Carlos V e o rei de Portugal." Esta frase, proferida pelo rei francês Francisco I em 1540, reflete:

O descontentamento da França com relação aos acordos firmados entre Portugal e Inglaterra acerca do
tráfico de escravos africanos.
O questionamento do apoio dado pelo poder pontifício aos acordos celebrados entre as Coroas ibéricas,
consubstanciado pelo Tratado de Tordesilhas.
O inconformismo com o monopólio comercial estabelecido pelos portugueses com relação ao comércio de
especiarias orientais.
A aceitação da hegemonia portuguesa com respeito às chamadas viagens ultramarinas.
A ironia do governo francês com respeito às investidas das potências europeias, por ocasião da chamada
partilha da África.

http://simulado.estacio.br/alunos/ 3/3