Sie sind auf Seite 1von 22

DINÂMICA DE MÁQUINAS

Tema
Mecânica de Corpo Rígido

Professor
Wesley Novaes Mascarenhas, Dr. Eng.
EXERCÍCIOS
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO RETILÍNEA:
⚫ Exercício 1: A velocidade de uma partícula ao longo do
eixo s é dada por v = 5·s3/2, em que s está em milímetros e
v está em mm/s. Determine a aceleração quando s = 2 mm.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO RETILÍNEA:
⚫ Exercício 2: Um carro está viajando a uma velocidade
constante de 100 km/h na parte horizontal da estrada.
Quando o plano inclinado a 6% é encontrado, o condutor
não altera a posição do pedal do acelerador e,
consequentemente, o carro desacelera a uma taxa constante
de g·senθ. Determine a velocidade do carro:

(a) 10 s após passar pelo ponto A; e


(b) quando s = 100 m.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO RETILÍNEA:
⚫ Exercício 2:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO RETILÍNEA:
⚫ Exercício 3: Uma partícula move-se ao longo do eixo x
positivo com uma aceleração dada pelo gráfico abaixo, que
varia linearmente com x, dado em mm. Se a velocidade da
partícula em x = 40 mm é 0,4 m/s, determine a velocidade
em x = 120 mm.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO RETILÍNEA:
⚫ Exercício 4: Um carro parte do repouso com uma
aceleração de 6 m/s², a qual decresce linearmente com o
tempo até zero em 10 s, após a qual o carro continua a uma
velocidade constante. Determine o tempo necessário para o
carro se deslocar 400 m desde o início.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 5: Um grupo de estudantes de engenharia projeta uma
catapulta média para lançar esferas de 3,6 kg. A velocidade de
lançamento é de 24 m/s, com um ângulo de lançamento de 35° com
relação à horizontal e a uma posição de 1,8 m acima do solo. Os
estudantes usam um campo de atletismo que tem uma rampa e uma
cerca de 2,4 m de altura, como ilustra a figura abaixo. Determine:

(a) as coordenadas x e y do ponto de impacto.


(b) o tempo total de movimento até o impacto.
(c) a altura máxima
(d) a velocidade (expressa como vetor) com que a esfera atinge o
solo no ponto de impacto.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 5:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 6: Um projétil é lançado com uma velocidade
inicial de 200 m/s em um ângulo de 60° em relação à
horizontal, como ilustra a figura abaixo. Calcule o alcance
R medido para cima da inclinação.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 7: Um pequeno avião voando horizontalmente
com uma velocidade de 300 km/h em uma altitude de 120
m acima de um vale remoto deixar cair um pacote de
emergência médica em A. O pacote tem um paraquedas
que se abre em B e permite que o pacote desça
verticalmente a uma taxa constante de 1,8 m/s. Se a queda
é planejada de forma que o pacote atinja o solo em 37 s
após a liberação em A, determine o adiantamento
horizontal L de modo que o pacote atinja o alvo.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 7:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 8: O carro da figura abaixo viaja com uma
velocidade constante da parte inferior A da depressão para o
topo B da elevação. Se o raio de curvatura da estrada em A é
120 m e a aceleração do carro em A é 0,4g, determine a
velocidade v do carro. Se a aceleração em B deve ser limitada a
0,25g, determine o raio de curvatura mínimo da estrada em B.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 9: O carro de corrida A segue a trajetória a-a
enquanto o carro B segue a trajetória b-b sobre a pista. Se
cada carro tem uma velocidade constante limitada à
correspondente a uma aceleração lateral de 0,8g, determine
os tempos tA e tB para ambos os carros transporem a curva
conforme delimitada pela linha C-C.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 9:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 10: Um piloto de corrida dirigindo a uma
velocidade de 250 km/h no trecho de pista reta aplica os
freios no ponto A e reduz sua velocidade a uma taxa
uniforme para 200 km/h em C em uma distância de 150 +
150 = 300 m. Calcule o módulo da aceleração total do
carro um instante após este passar no ponto B.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 10:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 11: Um carro P se desloca ao longo de uma
estrada reta com velocidade constante de 100 km/h. No
instante em que o ângulo θ = 60°, determine os valores de
r e .
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 12: Um foguete é lançado verticalmente e
rastreado pela estação de radar mostrada na figura abaixo.
Quando θ chega a 60°, outras medições correspondentes
fornecem valores r = 9 km, r = 21 m/s²,  = 0,02 rad/s.
Calcule o módulo da velocidade e da aceleração do foguete
nessa posição.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 12:
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 13: A guia horizontal fixa da figura abaixo
suporta um cursor e um pino P cujo movimento é
controlado pelo braço ranhurado OA. Se o braço está
girando em torno de O a uma taxa constante de 2 rad/s para
um intervalo do seu movimento projetado, determine os
módulos da velocidade e da aceleração do cursor na
ranhura para o instante em que θ = 60°. Encontre também
as componentes radiais da velocidade e da aceleração.
2. MOV. RETILÍNEO E CURVILÍNEO
 MOVIMENTO DE TRANSLAÇÃO CURVILÍNEA:
⚫ Exercício 13: