Sie sind auf Seite 1von 2

Centro de Ciências Naturais e Humanas

NHT 4050 – Química Analítica Clássica II - 2019.1

Lista de Exercícios 3: Titulações por Precipitação

1) Explique o método de Volhard e o método de Fajans para titular cloretos. Qual deles é
utilizado para soluções ácidas? Por quê? Quais as vantagens e desvantagens de cada um?

2) Explique os princípios dos indicadores de adsorção. Dê exemplos de aplicações. Em algumas


titulações utilizando indicadores de adsorção adiciona-se um outro colóide como a dextrina,
qual a função dessa substância?

3) Calcule o erro relativo da titulação de 50,0 mL de solução 0,1000 mol L -1 de NaCl com AgNO3
(0,1000 mol L-1). A concentração inicial do K 2CrO4 (indicador) é 2,000 x 10 -3 mol L-1. Deve-se
considerar que o ponto final da titulação coincide com os primeiros indícios da formação do
cromato de prata.

4) Cloreto em solução de água salgada é determinado pelo método de Volhard. Uma alíquota
de 10,00 mL de solução é tratada com 15,00 mL de solução padrão de AgNO3 0,1182 mol L -1. O
excesso de prata é titulado com solução de KSCN 0,101 mol L -1, requerendo 2,38 mL para
alcançar o ponto final, formando o Fe(SCN) 2+. Calcule a concentração de cloreto na solução de
água salgada, em g/L.

5) Para cada uma das seguintes reações de precipitação calcule as concentrações do cátion e
do ânion no ponto estequiométrico, bem como quando adicionam -se volumes
correspondentes a maiores ou menores de 20,00 mL; 10,00 mL e 1,00 mL do ponto
estequiométrico. Construa as curvas de titulação (pcátion x volume de titulante):

a) 25,00 mL de AgNO3 0,0500 mol L-1 com NH4SCN 0,0250 mol L -1. (Kps AgSCN = 1,1 x 10 -12)

b) 30,00 mL de AgNO3 0,0750 mol L-1 com NaCl 0,0750 mol L-1. (Kps AgCl = 1,1 x 10 -10)

6) Uma amostra de 500 mg de manteiga foi aquecida e agitada vigorosamente com água. O
material que não se dissolveu foi removido por filtração e a fase aquosa foi acidulada com
HNO3 até a concentração 0,1 mol L -1 e foi adicionado Fe3+ até a concentração 0,0250 mol L -1.
Esta solução ácida foi tratada com 10,0 mL de solução de AgNO 3 0,176 mol L-1 para precipitar o
cloreto. Imediatamente após a precipitação, adicionou -se uma pequena quantidade de
nitrobenzeno. Na titulação do excesso de íons Ag +, foram gastos 14,2 mL de solução
0,101 mol L-1 de KSCN. Calcule a porcentagem de NaCl na manteiga.

7) O formaldeído em 5,00g de uma amostra de um desinfetante de sementes foi destilado por


arraste com vapor, e o destilado por arraste com vapor, e o destilado aquoso foi coletado em
um balão volumétrico de 500,0 mL. Após a diluição, uma alíquota de 25,0 mL fo i tratada com
30,0 mL de solução de KCN 0,121 mol L -1 para converter o formaldeído em cianohidrino de
potássio:

K+ + CH2O + CN- -> KOCH2CN

O excesso de KCN foi então removido pela adição de 40,0 mL de AgNO 3 0,100 mol L-1.

2 CN- + 2 Ag + -> Ag 2(CN)2 (s)

O excesso de Ag + no filtrado e nas lavagens requereu uma titulação com 16,1 mL de NH 4SCN
0,134 mol L-1. Calcular a porcentagem de CH 2O na amostra.

8) Explicar a necessidade de aplicar o método de Mohr somente em titulações em meio neutro


ou fracamente alcalino (pH 6,5-10).

9) Qual a função do ácido nítrico ao preparar uma solução saturada de alúmen ferro -amoniacal
utilizado como indicador no método de Volhard?

10) Na titulação de precipitação através do método de Volhard recomenda -se realizar a


filtração antes de iniciar a titulação com SCN -. Explique.

11) O arsênio em 0,13 g de um pesticida foi convertido em AsO 43- e precipitado como Ag 3AsO4
com 50,00 mL de uma solução de AgNO 3 0,02105 M. O excesso de Ag + foi então titulado com
4,75 mL de solução de KSCN 0,04321 M. Calcule a % As 2O3 na amostra.

12) Na prática existem dois fatores que podem influenciar no salto nas proximidades do ponto
estequiométrico, por exemplo 0,10 mL antes e 0,10 mL após o p.e. Na titulação de uma
solução contendo 25,00 mL de nitrato de chumbo (II) 0,100 mol L -1 ou/ e de nitrato de cálcio
0,100 mol L-1 qual será a variação no salto ao adicionar sulfato de sódio 0,100 mol L -1 0,10 mL
antes e 0,10 mL após o p.e.? Quais são os dois fatores? Sabe-se a solubilidade do sulfato de
chumbo 1,5x10 -4 mol L-1 e sulfato de cálcio 7,8x10 -3 mol L-1.

13) 1,998 g de amostra contendo uma mistura de cloreto e perclorato foram dissolvidos em
água suficiente para preparar 250,0 mL de solução. Uma alíquota de 50,00 mL requereu 13,97
mL de AgNO3 0,08551 mol L-1 para titular o cloreto. Uma segunda alíquota de 50,00 mL foi
tratada com V 2(SO4)3 para reduzir ClO4- a Cl-:

ClO4- + 4 V 2(SO4 )3 + 4H2O  Cl- + 12SO42- + 8 VO2+ + 8H+

A titulação da amostra reduzida requereu 40,12 mL da solução de AgNO3. Calcular a


porcentagem de cloreto e perclorato na amostra.