Sie sind auf Seite 1von 21

Resistência Materiais

Revisão
(pitágoras, lei senos, lei co-senos,
operações vetoriais)

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

TEOREMA DE PITÁGORAS

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

TRIGONOMETRIA

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

TRIGONOMETRIA
RELAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS NO TRIÂNGULO RETÂNGULO - SENO

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

TRIGONOMETRIA
RELAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS NO TRIÂNGULO RETÂNGULO – CO-SENO

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

TRIGONOMETRIA
RELAÇÕES TRIGONOMÉTRICAS NO TRIÂNGULO RETÂNGULO - TANGENTE

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Aplicação vetorial na mecânica


Os conceitos vetoriais encontram-se fortemente relacionados à
área da mecânica através da grandeza física força.
Os efeitos das forças nos componentes mecânicos são os
principais responsáveis pela preocupação constante de engenheiros e
técnicos com o dimensionamento adequado destes elementos.
Objetiva-se com isso garantir que os mesmos possam suportar as
condições normais de trabalho sem o risco de falhas que possam causar
acidentes inclusive com perdas de vidas.
Por este motivo, é que daqui para diante estaremos tratando com
exemplos e exercícios elaborados basicamente com a utilização desta
grandeza, importantíssima na área mecânica e nos objetivos dos estudos
a que se propõe o presente curso.

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Exemplo 1

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Operações vetoriais: composição de sinais

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Operações vetoriais: regra do paralelogramo


O Cálculo do vetor resultante pode ser obtido através da soma
(adição/subtração) vetorial com a aplicação da regra do paralelogramo.

Adição:

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Operações vetoriais: regra do paralelogramo


Subtração:

Um caso particular de adição/subtração vetorial é o mostrado abaixo quando as


grandezas vetoriais são colineares:

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Exemplo de aplicação: soma vetores

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Operações vetoriais (lei dos senos e cossenos)

Praticamente todos os problemas envolvendo


os conceitos e aplicação de vetores na mecânica
(soma, subtração, bem como a determinação das
componentes de um vetor); podem ser solucionados
a partir das leis dos senos e dos co-senos, que
representam propriedades fundamentais da
trigonometria e são descritas a partir da figura e
respectivas equações que se seguem.

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Operações vetoriais: lei dos senos e cossenos


Dado um triângulo ABC e seus ângulos internos
α, b e c, a lei dos senos é definida da seguinte forma: “Em
todo triângulo, as medidas dos seus lados são
proporcionais aos senos dos lados opostos”.

Portanto:

A partir do mesmo triângulo ABC e seus ângulos internos α,


b e c, a lei dos cossenos é definida do seguinte modo: “Num
triângulo, o quadrado da medida de um lado é igual à soma dos
quadrados das medidas dos outros dois, menos o dobro do produto
das medidas desses dois lados pelo cosseno do ângulo oposto ao
primeiro lado”.
Portanto:

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Exemplo 2
Duas lanchas rebocam um barco de passageiros que se encontra com
problemas em seus motores. Sabendo-se que a força resultante é igual a 30kN,
encontre suas componentes nas direções AC e BC.

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Solução:

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Resistência Materiais Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Exemplo de aplicação: regra do paralelogramo

O parafuso mostrado na figura está sujeito a duas forças F1 e F2. Determine o


módulo e a direção da força resultante.

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Solução:


 
=

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus


Mecânica Técnica Leis da trigonometria/Operações vetoriais

Prof. Dr. Edilson R. B. de Jesus