Sie sind auf Seite 1von 2

Deus Quer Curar Todo Mundo ?

Primeiramente, antes de entrarmos em nosso tema central, temos que fazer uma análise
bíblica para sabermos se a cura depende da fé da pessoa que está sendo curada.

Em Mateus 9:22, Jesus diz: “Tem bom ânimo, filha; tua fé te salvou.” Em Marcos 10:52 a
mesma coisa é dita ao cego Bartimeu: “Vai, tua fé te curou.”. Isso pode gerar em nossa mente
uma ligação, de que então é nossa fé que nos cura. Além disso, temos um texto que é muito
usado para isso que é Mateus 13:58, onde é dito: “E não fez ali muitos milagres, por causa da
incredulidade deles.”. E isso causa em nossa mente o pensamento de, se aqui é dito que Jesus
não curou muitos porque eles eram incrédulos, e nos versículos acima só eram curados os que
tinham fé, então quando oramos ou recebemos oração e tal pedido de cura não é respondido
foi por conta de incredulidade ou até mesmo falta de fé. Porem, o problema deste tipo de
análise bíblica é que começamos a partir de então colocar um limitador no poder de Deus, ou
seja, Deus não pode fazer a menos que eu tenha fé para que Ele faça aquilo. E então temos um
problema ainda maior, A NOSSA FÉ VEM DE DEUS, Efésios 2:8 diz: “Pois vocês são salvos pela
graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus;”. Romanos 12:3 “Pois pela
graça me foi dada digo a todos vocês: Ninguém tenha de si mesmo um conceito mais elevado
do que deve ter; mas, pelo contrário, tenha um conceito equilibrado, de acordo com a medida
da fé que Deus lhe concedeu.”

Portanto, se nossa fé vem do próprio Deus e a medida da fé vem do próprio Deus, não tem
como nossa fé limitar a ação de Deus. Seria então dizer que o próprio Deus, está limitando a si
próprio. Veja que este pensamento se encaixa em um raciocínio circular e até mesmo em um
paradoxo. O que responde a nossa pergunta é a cura do paralítico no tanque de Betesda. O
paralítico não sabia quem era Jesus e Jesus também não falou nada de fé para ele. Ele apenas
disse: “Levanta-te, toma tua maca e anda.” João 5:8. O paralítico nem se quer sabia quem o
tinha curado, já que no versículo 13 o narrador diz: “Mas o que fora curado não sabia quem
era; porque Jesus se afastara do povo que estava naquele lugar.”.

Sabendo disso, podemos voltar ao texto de Mateus 13:58. Primeira ponto, o texto não diz
que Jesus não curou ninguém, diz que Ele não curou muitas pessoas, portanto curou algumas
pessoas. E o fato de que Jesus não curou por causa da incredulidade, não quer dizer que a
incredulidade foi um fator limitador do poder de Jesus, mas sim que aquelas pessoas não
foram curadas porque a cura delas não traria sentido nenhum. As curas de Jesus sempre foram
com sentido, nunca era uma cura só para curar, era uma cura para que a alma da pessoa
também fosse salva. Ou seja, os planos de cura de Jesus envolve algo maior, não apenas uma
cura física, mas sempre as levava a salvação. O que adiantaria Jesus curar todos os que
estavam ali, sendo que eles continuariam vivendo do seu próprio jeito.

Segundo ponto, “A CURA DEPENDE DA FÉ DE QUEM ORA ?”. A Bíblia diz sim que é necessário
fé para se aproximar de Deus. “Sem fé é impossível agradar a Deus, pois quem dele se
aproxima precisa crer que ele existe e que recompensa aqueles que o buscam.” Hebreus
11:6. Mas como já citado acima, é Deus que é o autor e consumador de nossa fé, é Ele que dá
a fé para nós, ou seja, não somos nós que iremos aumentar a nossa fé até chegar em um nível
onde conseguimos curar. Se a fé fosse um requisito necessário para fazer todo e qualquer tipo
de cura, as pessoas que tem fé deveriam estar 24 horas por dia em hospitais curando pessoas
com câncer, curando pessoas que perderam suas pernas, braços, crianças com autismo,
anemia, deveriam até mesmo estar na África, curando a todos, e os que supostamente teriam
esta fé, não poderiam jamais ter doenças ou deficiências em seu corpo.

O próprio profeta Eliseu, que era um homem de muita fé morreu enfermo, diz a bíblia: “Ora,
Eliseu estava sofrendo da doença da qual morreria (...)”2 Reis 13-14. Após 6 versículos a Bíblia
diz, “Então Eliseu morreu e foi sepultado.(...)” . Eliseu não foi curado por quê? Por falta de fé?
Tenho certeza que não, mas não foi curado porque não era a vontade do Deus vivo. Em 1
Timóteo 5-23, a bíblia diz: “Não beba apenas água. Uma vez que você fica doente com
frequência, tome um pouco de vinho por causa de seu estômago.”. E detalhe, isso não
aconteceu apenas uma vez, pois a bíblia diz que Timóteo ficava doente com frequência. Paulo
aqui estava passando uma “receita caseira” para que Timóteo ficasse curado, será que Paulo
não tinha fé? Ou Timóteo? Com certeza não, mas acontece que naquele momento não era a
vontade de Deus curá-lo.

Portanto, me resta responder a última pergunta, “DEUS QUER CURAR TODO MUNDO?”. E a
resposta é não. Acabamos de ler João 5, onde existe um tanque cheio de enfermos e Jesus
cura apenas um paralítico naquele lugar. E ao contrário do que possam pensar isso não é uma
atitude maldosa ou até mesmo egoísta da parte de Deus, com isso Ele mostra que sabe de
todas as coisas, que tem um plano de salvação que está além de nossa compreensão, e resta a
nós, seus servos aceitarmos “a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.”

Verwandte Interessen