Sie sind auf Seite 1von 6

Área: Específico serviços regionais

Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade


externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

1. OBJETIVO

Estabelecer requisitos técnicos para contratação do serviço de calibração de


Instrumentos/Equipamentos de Medição e Monitoramento. Assim como orientar o processo
de validação dos instrumentos.

2. DEFINIÇÕES

• Calibração: Conjunto de operações que estabelece sob condições especificadas a relação entre
valores indicados por um dispositivo de medição e os valores correspondentes das grandezas
estabelecidas por padrões.

• Ajuste: Operação destinada a fazer com que um dispositivo de medição tenha desempenho
compatível com o seu uso.

• Verificação: comparação das condições metrológicas de um dispositivo de medição com os


valores correspondentes de outro dispositivo de medição formalmente calibrado, sendo este
último conhecido como Padrão de Transferência ou Padrão de Trabalho. O principal objetivo da
verificação é demonstrar que o dispositivo de medição continua adequado ao uso, indicando
portanto o momento de uma possível calibração e/ou ajustes formais.

• Padrão nacional: padrão reconhecido por uma decisão nacional para servir em um país como
base para estabelecer valores a outros padrões da grandeza a que se refere.

• Padrão internacional: padrão reconhecido por um acordo internacional para servir em um país
como base para estabelecer valores a outros padrões da grandeza a que se refere.

• Certificado de calibração/ verificação: documento que evidencia ter sido realizado o


monitoramento adequado nos dispositivos de medição.

• Erro: é o desvio apresentado durante a calibração quando comparado com o padrão.

• Erro admissível: Valores extremos de erro admissível por especificações, regulamentos etc.
para um dado dispositivo de medição.

• #

• Resolução: menor divisão da escala de medição apresentada pelo dispositivo de medição.

• Rastreabilidade metrológica: é o relacionamento que é feito entre os padrões utilizados,


durante a calibração/ verificação, com os padrões nacionais ou internacionais tomados como
referência.

Página: 1/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA


Área: Específico serviços regionais
Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade
externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

3. REQUISITOS DO FORNECEDOR

3.1. CREDENCIAMENTO E CERTIFICAÇÕES

Em ordem de importância, o fornecedor deve evidenciar sua competência técnica na


prestação dos serviços requeridos, respaldada em:

• Pertencer à Rede Brasileira de Calibração (RBC)

OU

• Dispor de certificação ABNT NBR ISO/IEC 170251

OU

• Utilizar padrões rastreáveis a padrões de medições internacionais ou nacionais

OU

• Ser autorizada pelo fabricante do Equipamento

3.2 REGISTRO DO SERVIÇO PRESTADO

O certificado do instrumento/ equipamento ou documento similar deve conter minimamente:

Identificação do certificado (título, nome e endereço da entidade emissora, número do


certificado em todas as páginas, data de emissão, número total de páginas).

Identificação do instrumento/equipamento (designação ou descrição, código, no. de


série etc. conforme aplicável).

Data da calibração.

Faixa calibrada e os pontos calibrados,

Valores indicados pelo instrumento sob calibração e valores indicados pelo padrão, erro
e desvio de medição ou desvio ponto a ponto com a unidade de medição.

Identificação do procedimento de calibração (número, referência, referência bibliográfica


ou descrição sucinta, conforme aplicável, incerteza do padrão).

Identificação dos padrões utilizados (descrição, código, no. de série, etc. conforme
aplicável).

Rastreabilidade dos padrões utilizados (discriminação do certificado e data de


calibração, validade etc. conforme aplicável).

Página: 2/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA


Área: Específico serviços regionais
Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade
externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

Referência às condições ambientais da calibração.

Detalhes de manutenção e limites de uso (quando aplicável).

Identificação do responsável pelo certificado.

3.3 OUTROS REQUISITOS DO FORNECEDOR

Quando o instrumento for ajustado, devem ser relatados os resultados das calibrações
realizadas antes e depois do ajuste.
#
No certificado não deve constar conclusão sobre o estado operacional do equipamento.
Enviar cópia dos certificados dos padrões utilizados na calibração junto com o
certificado de calibração.

4. ENVIO DO INSTRUMENTO

Segue os requisitos e cuidados necessários antes do envio do instrumento para o fornecedor:

Informar o(s) usuário(s) sobre a necessidade da calibração e envio do instrumento.


Retirar o instrumento da área, substituir o mesmo caso necessário.
Fazer documento contendo os dados do solicitante, a descrição do serviço desejado, a
faixa de utilização, os pontos que devem ser calibrados e outros que se achar
necessários para a correta execução dos serviços de calibração.
Embalar e identificar devidamente o instrumento e seus acessórios.
Enviar o instrumento conforme programado e avisar o fornecedor sobre o envio do
mesmo.

Página: 3/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA


Área: Específico serviços regionais
Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade
externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

5. VALIDAÇÃO DO INSTRUMENTO

a) Erro Admissível

Erro tolerado para um dado instrumento, que caso ocorra não afete o processo. O Erro
Admissível deverá ser determinado com base na experiência dos usuários e responsáveis
pelo processo ao qual o instrumento será utilizado, podendo-se utilizar também o manual do
fabricante do instrumento como referência. É registrado no formulário F.G.GQ.ESR.01.

Importante: O Erro admissível não pode ser menor que a resolução do instrumento.

Caso seja adotada a analise ponto a ponto da calibração do instrumento, o Erro Admissível
deve ser utilizado em forma de percentual, para isso deve ser utilizado o calculo abaixo:

Erro Admissível X 100


Erro Admissível (%) =
Maior ponto definido para calibrar

No momento da análise de validação do instrumento esse percentual deve ser usado para
calcular o Erro Admissível de cada ponto calibrado conforme calculo abaixo.

Erro Admissível (%) X Valor do ponto


Erro Admissível ( Para o Ponto) =
100

OBS: Caso necessário o arredondamento deve ser feito para menos.

Página: 4/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA


Área: Específico serviços regionais
Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade
externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

b) Critério de aceitação

É o critério utilizado para aprovar ou reprovar os instrumentos que foram calibrados, para
isso deve ser utilizado o critério de aceitação Normal ou o Ponto a Ponto conforme segue:

• Normal: O critério considera apenas o ponto* com maior erro, os instrumentos serão
considerados aprovados quando este ponto* for aprovado conforme critério abaixo:

Erro Máximo do Instrumento ≤ Erro Admissível

Onde:

Erro Maximo do Instrumento: É encontrado no certificado de calibração do


instrumento* #.

*: Devem ser considerados apenas os pontos dentro ou imediatamente próximos da


faixa de utilização do instrumento.

• Ponto a Ponto: Neste caso o critério avalia todos os pontos* calibrados e os


instrumentos serão considerados aprovados quando todos os seus pontos forem
aprovados. Cada ponto calibrado será aprovado conforme critério abaixo:

Erro Máximo do Ponto ≤ Erro Admissível ( Para o Ponto)

Onde:

Erro Maximo do Ponto: É encontrado no certificado de calibração do instrumento * #.

*: Devem ser considerados apenas os pontos dentro ou imediatamente próximos da


faixa de utilização do instrumento.

Página: 5/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA


Área: Específico serviços regionais
Critérios para calibração Processo: Gestão da Qualidade
externa e validação de
Código: D.G.GQ.ESR.06
instrumentos

6. CONSIDERAÇÕES FINAIS

1) Enviar cópia dos certificados dos padrões utilizados na calibração junto com o certificado
de calibração.
2) Quando o instrumento for ajustado, devem ser relatados os resultados das calibrações
realizadas antes e depois do ajuste.
3) Desconsiderar, no certificado de calibração, # a data da próxima calibração ou validade
da calibração. Este critério é definido no formulário F.G.GQ.ESR.02 (Cronograma de
calibração).
4) Desconsiderar, no certificado de calibração, # conclusões sobre o estado operacional do
equipamento.

7. REFERENCIAS

P.G.GQ.ESR.01 – Controle de Calibração

F.G.GQ.ESR.01 – Cadastro Geral de Instrumentos de Medição

F.G.GQ.ESR.02 – Cronograma de calibração

F.G.EX.ESR.4 – Calibração de Dispositivos e Equipamentos

Página: 6/ 6 No Revisão: 01 Data: 14/11/2013 Aprovação: Ne/Umberto Carneiro-12/11/2013.

CÓPIA IMPRESSA NÃO CONTROLADA