Sie sind auf Seite 1von 25

Introdução à Automação

Conceitos básicos 1

Professor : André Sousa


Introdução
Você já reparou como a automação está presente no cotidiano do
homem moderno? Robôs, prédios, casas, supermercados, bancos
máquinas industriais e hospitalares são alguns exemplos que
evidenciam a presença da automação na vida do ser humano.
Conceitos
Automação:

- É um sistema de equipamentos eletrônicos e/ou mecânicos que são


capazes de controlar seu funcionamento quase sem nenhuma
intervenção humana.

- É a substituição do trabalho humano ou animal por uma máquina ou


sistema automático.

- É a aplicação de técnicas que visam diminuir o uso de mão de obra em


qualquer processo, diminuindo os custos e aumentando a velocidade
de produção.
Conceitos
Classificação dos sistemas de Automação (quanto ao nível de
flexibilidade :

Automação fixa
- Está baseada em uma linha de produção especialmente projetada
para a fabricação de um produto específico e determinado. É utilizada
quando o volume de produção dever ser muito elevado, e o
equipamento é projetado adequadamente para produzir altas
quantidades de um único produto ou peça
Conceitos
Automação fixa

Características:
– O volume de produção é elevado
– O custo da máquina é elevado
– O custo do produto é baixo
Conceitos
Automação Programável
- Esta baseada em um equipamento com capacidade de fabricar uma
variedade de produtos com características diferentes, segundo um
programa de instruções previamente introduzido. Esse tipo de
automação é utilizado quando o volume de produção de cada item é
baixo. O equipamento de produção é projetado para ser adaptável às
diferentes características e configurações dos produtos fabricados.
Conceitos
Automação Flexível
- Pode ser entendida como uma solução de compromisso entre a
automação fixa e a automação programável. A automação
flexível também é conhecida como sistema de Manufatura
Integrada por Computador (CIM) e, em geral, parece ser mais
indicado para o volume médio de produção. Os sistemas de
produção baseados na automação flexível têm algumas das
características da automação fixa e outras da automação
programável.
- Assim, por exemplo, um sistema de manufatura flexível pode
ser projetado para produzir uma única peça, mas com
diferentes dimensões, ou diferentes materiais. Os sistemas
flexíveis automatizados consistem, em geral, de estações de
trabalho autônomas com um alto grau de integração.
Conceitos
Distribuição dos processos de automação (volume de produção x
diversidades dos produtos)
Conceitos
Classificação dos sistemas de Automação (quanto a natureza das
operações de produção das fábricas :
1 - Indústrias de manufatura – Indústrias tipicamente identificadas com
a produção de itens discretos que podem ser individualmente
reconhecidos, contados e definidos na forma, peso e características
Ex: Produção de automóveis,eletrodomésticos

2 - Indústrias de Processo – Indústrias tipicamente identificadas com a


produção de bens envolvendo um processo de fabricação contínua
Ex: Produção de energia,papel,cimento,siderúrgia
Conceitos
Automação e Mecanização
- Automação é diferente de mecanização.
- A mecanização consiste simplesmente no uso de máquinas
para realizar um trabalho, substituindo o esforço físico do
homem.

- Já a automação possibilita fazer um trabalho por meio de


máquinas controladas automaticamente, capazes de se
autorregularem.
Conceitos
O que nos leva a automatizar uma máquina ou processo?

- Busca na redução de custos de produção.

- Aumento de produtividade.

- Melhoria da qualidade do produto.

- Redução de riscos a trabalhadores e máquinas

- Flexibilidade da produção.
Conceitos
O que nos leva a não querer automatizar uma máquina ou processo?

- Investimento de capital elevado.

- Tempo de retorno do investimento considerado longo.

- Incerteza sobre o sucesso do projeto.

- Falta de mão de obra qualificada na empresa.

- Resistência a mudança por parte dos funcionários e alta gerência.

- Medo do desemprego advindo da automação.


Conceitos
Pirâmide da automação
Conceitos
Pirâmide da automação – níveis hierárquicos
Conceitos
Pirâmide da automação – níveis hierárquicos
Conceitos
Pirâmide da automação – níveis hierárquicos
Conceitos
Pirâmide da automação – níveis hierárquicos
Conceitos
Pirâmide da automação – níveis hierárquicos
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Controladores Lógico Programáveis – CLP (em inglês PLC)
São equipamentos programáveis utilizados para controle de máquinas e
processos, principalmente no ambiente industrial. Possuem entradas e
saídas para sinais digitais e analógicos.
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Redes industriais
Permitem comunicação entre dispositivos com a finalidade de
minimizar custos com cabos em ligações ponto a ponto, aumentando a
quantidade de sinais e equipamentos interligados com menor
quantidade de cabos.
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Sistemas de supervisão
Sistema de automação e controle industrial que pode controlar e
monitorar vários equipamentos industriais
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Sensores
Responsáveis por captar informações do processo e enviar aos
controladores
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Atuadores
Responsáveis por receber informações do controle e efetivar uma ação
Conceitos
Equipamentos e tecnologias utilizados em automação
Ferramentas de IA (Inteligência Artificial)
Responsáveis por receber informações do controle e efetivar uma ação
Técnicas de IA tem sido empregadas em automação industrial para
reconhecimento de padrões, voz, detecção de falhas, classificação e
outras. Ex:redes neurais lógica fuzzy e outros.
FIM