Sie sind auf Seite 1von 32

PUBLICIDADE

QUI03JAN
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019
Ano 43 • N.º 15495

Kz 45,00
Director: VÍCTOR SILVA
Director-Adjunto: CAETANO JÚNIOR
www.jornaldeangola.co.ao

PESCAS E ACCÇÃO SOCIAL TÊM NOVAS MINISTRAS

NESTA EDIÇÃO

MANUEL RUI
O colete amarelo
Luther Rescova é agora
o governador de Luanda
OPINIÃO • 5

ÁFRICA DO SUL

O Presidente da República, João Lourenço, do Cuanza-Norte, no lugar do agora exo- Civil do Presidente da República, o Chefe
nomeou ontem Sérgio Luther Rescova nerado José Maria Ferraz dos Santos. Na de Estado exonerou ainda Victória Fran-
Joaquim para exercer o cargo de gover- província do Cuanza-Sul foi exonerado cisco Lopes Cristóvão de Barros Neto do
nador provincial de Luanda, em substi- o governador Eusébio Teixeira de Brito e cargo de ministra das Pescas e do Mar e
tuição de Adriano Mendes de Carvalho, nomeado para exercer o cargo Job Pedro no lugar nomeou Maria Antonieta Josefina
nomeado para o mesmo cargo na província Castelo Capapinha. De acordo com a Casa Sabina Baptista. POLÍTICA • 2

MANUEL AUGUSTO E ERNESTO ARAÚJO REUNIDOS EM BRASÍLIA BENS DE CONSUMO


Antigo ministro das DR
Finanças de Moçambique
continua detido
ÁFRICA • 8
Introdução
TERRORISMO
do IVA reduz
Estado Islâmico ainda é
uma ameaça para a Europa
a carga fiscal
MUNDO • 9 A introdução do Imposto
sobre o Valor Acrescenta-
CUANDO CUBANGO do (IVA), adiada de Janei-
Instituto Politécnico ro para Julho, afigura-se
forma fiscais ambientais o acontecimento do domí-
REGIÕES • 23 nio económico que mais
impacto vai ter na vida
AMEAÇA AMERICANA dos angolanos durante
este ano, devido à redu-
ção da carga fiscal sobre
o preço final dos bens de
consumo. ECONOMIA • 10

NO MÊS DE JANEIRO

Disponíveis
Encontro entre os ministros das Relações Exteriores de Angola, Manuel Augusto, e do Brasil, Ernesto Araújo 700 milhões
Raul Castro pede
de dólares
aos cubanos para
se prepararem para o pior
ÚLTIMA • 32

NOS ÚLTIMOS TRÊS ANOS


Desdramatizada entrada para leilões
EDIÇÕES NOVEMBRO

Mais de 100 mil


empregos perdidos
SOCIEDADE • 25

GIRABOLA
de angolanos no Brasil
O ministro das Relações Exte- imigrantes angolanos no Brasil. quatro supostos angolanos que
1º de Agosto acredita riores, Manuel Augusto, disse Manuel Augusto, o primeiro chefe pedem asilo político no Brasil
na revalidação do título ontem, em Brasília, não temer da diplomacia a ser recebido pelo são, na verdade, originários de
DESPORTO • 31 as possíveis restrições do Governo homólogo do Brasil, Ernesto outros países africanos e vítimas
de Jair Bolsonaro à entrada de Araújo, alegou que três em cada do tráfico de pessoas. ÚLTIMA • 32
BASQUETEBOL

OBSERVADORES INTERNACIONAIS ANTÓNO ESCRIVÃO

Governador do BNA

Eleições na RDC O Banco Nacional de An-


gola ( BNA ) anunciou
ontem que vai disponibi-

foram “ordeiras” lizar, este mês, 700 mi-


lhões de dólares aos ban-
cos comerciais, manten-
As cinco equipas interna- votação de domingo. A aná- do a frequência diária de
cionais de observação das lise foi feita durante uma leilões de preços na ven-
eleições gerais na República cerimónia organizada para da de divisas. A venda de
Quezada de regresso Democrática do Congo apresentar as declarações divisas vai garantir o aten-
ao clube do Rio Seco (RDC) destacam, de forma preliminares das missões dimento às casas de câm-
DESPORTO • 30 unânime, a maneira cívica de observação eleitoral. bio e às operadoras de re-
e ordeira como decorreu a ÁFRICA • 7 Congoleses votaram de forma cívica messas. ECONOMIA • 11
2 POLÍTICA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

SÉRGIO LUTHER RESCOVA JOAQUIM VÁRIAS PROVÍNCIAS CUANDO CUBANGO


EDIÇÕES NOVEMBRO

Funcionários formados
Província de Luanda em Direitos Humanos
tem novo governador Edna Dala Lucília Monteiro, que esteve
recentemente em Angola, no
quadro das reuniões anuais
Para o Cuanza-Sul, o Presidente da República nomeou Job O Governo vai iniciair, este com o Ministério da Justiça
Pedro Castelo Capapinha, que susbtitui Eusébio de Brito mês, um ciclo de formação e a Embaixada da Norue-
em matéria de Direitos Hu- ga, apresentou os resulta-
Teixeira, exonerado ontem do cargo manos, para capacitar funcio- dos dos projectos deste ano. Preparação para as autarquias
nários e membros da socieda- Testemunhou, igualmente, é o maior desafio deste ano
O Presidente da República, FRANCISCO BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO de civil em várias províncias. o lançamento da consulta
João Lourenço, nomeou A formação, a ser reali- pública sobre a Estratégia
ontem Sérgio Luther Rescova
Joaquim, para exercer o cargo
zada em colaboração com a
Em-baixada da Noruega,
do Executivo para os Direitos
Humanos.
Militantes
de governador da Província
de Luanda, em substituição
visa uma maior divulgação
de informações sobre maté-
Em Dezembro, a Primeira-
Ministra da Noruega, Erna
chamados
de Adriano Mendes de Car-
valho, que passa a assumir
rias relacionadas com os
Direitos Humanos. A mesma
Solberg, visitou Angola, a
convite do Presidente João
a participar
as mesmas funções no Cu-
anza-Norte.
estará a cargo da organização
norueguesa “The Gover-
Lourenço, durante a qual
reconheceu que os esforços
nas autarquias
Para o Cuanza-Sul, o Pre- nance Group”. do Governo angolano faci- Os militantes do MPLA no
sidente da República nomeou Segundo uma das coor- litam a protecção adequada Cuando Cubango foram exor-
Job Pedro Castelo Capapinha, denadoras do projecto, Lucí- de investimentos, o combate tados a participar de forma
que susbtitui Eusébio de Brito lia Monteiro, em declarações à corrupção e a promoção árdua na preparação das elei-
Teixeira, exonerado ontem ao Jornal de Angola, trata-se da segurança jurídica. ções autárquicas, previstas
do cargo, tal como José Maria de um curso intensivo diri- A Chefe do Governo no- para 2020, e a encararem o
Ferraz dos Santos, que deixou gido aos funcionários do Mi- rueguês elogiou os esforços processo autárquico com base
o Cuanza-Norte. nistério da Justiça e dos Di- feitos pelo Governo angolano na meritocracia e excelência,
Ao nível dos departamen- reitos Humanos, represen- tendentes a proporcionar um abstendo-se do nepotismo.
tos ministeriais, o Presidente tantes de organizações da so- ambiente empresarial mais O apelo foi feito no último
da República exonerou Vic- ciedade civil e de outras insti- atractivo em Angola, suscep- final de semana, na cidade
tória Francisco Lopes Cris- tuições relevantes. tível de facilitar a mobilização de Menongue, pelo segundo
tóvão de Barros Neto, do Lucília Monteiro informou de empresas estrangeiras e secretário provincial do MPLA
cargo de ministra das Pescas que em Maio deste ano decorre a promoção do investimento no Cuando Cubango, José
e do Mar e Victória Francisco Sérgio Luther Rescova assume governação da capital do país o ciclo de formação do segun- internacional. Martins, no encerramento
Correia da Conceição, do do grupo para o "Oslo Diplo- Os Chefes de Governo dos da IV reunião ordinária do
cargo de ministra da Acção ma Course", com duração de dois países centraram as dis- Comité Municipal do partido
Social, Família e Promoção Inglês de Almeida Alves. António Paulo Kassoma, três semanas. cussões no fortalecimento maioritário em Menongue.
da Mulher; Num outro decreto, o Luís Manuel da Fonseca A esse propósito, referiu das relações bilaterais. “As José Martins apelou tam-
Maria Antonieta Josefina Presidente João Lourenço Nunes e Sérgio Luther Res- que foi feita uma avaliação partes reconheceram o pro- bém aos responsáveis, diri-
Sabina Baptista, que era vice- exonerou Carlos Alberto cova Joaquim. "positiva" das actividades em gresso nas relações bilaterais gentes e militantes do partido
Reitora Interina para a Área Jaime Pinto, do cargo de Nos termos da Constitui- matéria de Direitos Humanos e comprometeram - s e a para estarem sempre vigi-
Científica e Pós-Graduação secretário de Estado da Agri- ção da República, o Chefe de desenvolvidas ao longo do reforçá-las ainda mais, com lantes, denunciando os actos
da Universidade Agostinho cultura e Pecuária, tendo Estado designou Luísa Pedro ano passado, destacando-se base em princípios e valores de vandalismo dos bens
Neto, foi nomeada para o nomeado no seu lugar José Francisco Damião membro o segundo ciclo de formação comuns de democracia, públicos, sobretudo os equi-
cargo de ministra das Pescas Carlos Lopes da Silva Bet- do Conselho da República, dirigido a jornalistas de vários liberdade, Estado de Direito, pamentos eléctricos.
e do Mar. tencourt. em representação do partido órgãos de comunicação social respeito pelos direitos huma- A reunião visou balancear
Segundo uma nota da Casa MPLA. Foram igualmente e funcionários do Ministério nos e integridade territorial as actividades do ano passado
Civil do Presidente da Repú- Conselho da República designados para aquele órgão da Justiça e dos Direitos dos Estados”, referia o comu- e aprovou uma série de docu-
blica, o Ministério da Acção Ainda ontem, o Presidente de consulta do Presidente da Humanos, que decorreu na nicado conjunto produzido mentos relativos ao período
Social, Família e Promoção da República deu por findas República José Carlos Manuel capital da norueguesa,Oslo. no final do encontro. de Julho a Dezembro de 2018.
da Mulher passa a ser assu- as funções de membros do de Oliveira Cunha e Suzete
mido por Faustina Fernandes Conselho da República a Francisco João.

CONDIÇÕES CRIADAS
SEGURANÇA SOCIAL
Recenseamento militar Para os países onde Angola
não tem representações
diplomáticas ou consulares,

Executivo já pode legislar arranca em todo país a situação dos cidadãos fica
salvaguardada, sendo apenas
exigível no momento em que
Edna Dala EDIÇÕES NOVEMBRO os mesmos tiverem oportu-

sobre a cobrança de dívida O Ministério da Defesa


Nacional dá início, amanhã,
em todo país e no exterior,
nidade de se deslocarem para
um dos países com repre-
sentações diplomáticas,
mesmo fora dos prazos esta-
ao processo de recensea- belecidos.
O Executivo está autorizado saldar as dívidas. Manuel Moreira esclareceu mento militar dos cidadãos Carlos Pedro explicou que
a estabelecer o regime Jurí- Em Novembro, quando o que nos casos em que a regu- nacionais do sexo masculino todo o cidadão que proceder
dico de Regularização e co- diploma estava a ser discutido larização da dívida for feita que completam ou que se ao registo recebe o talão de re-
brança de dívida à Protecção nas comissões de especiali- de forma voluntária, a lei presumam completar 18 anos censeamento, não sendo exi-
Social Obrigatória, com a dade da Assembleia Nacional, prevê a isenção do pagamento até ao final do corrente ano. gível qualquer emolumento.
publicação da Lei nº 16/18, o secretário de Estado para de todos os juros vencidos, Segundo o chefe de Depar- Depois deste processo,
de 28 de Dezembro. o Trabalho e Segurança Social, bem como a prescrição ou tamento de Recrutamento e acrescentou, os cidadãos de-
A Lei de autorização, Manuel Moreira, anunciou inspecção dos procedimentos Mobilização do Ministério da vem aguardar a convocação,
publicada no Diário da Repú- que o Executivo vai dar uma contravencionais e das mul- Defesa Nacional, Carlos Pedro, que será feita quando os recen-
blica nº 192, de 28 de Dezem- moratória de nove meses às tas referidas na dívida. o processo, que acontece seados atingirem os 19 anos.
bro, vai permitir ao Titular empresas contribuintes para O secretário de Estado anualmente, de acordo com Será feito um processo de
do Poder Executivo aprovar regularização voluntária da adiantou que em caso de in- a Lei Geral do Serviço Militar, selecção, dependendo dos
o decreto para que o Instituto dívida com a Segurança cumprimento, após o fim do está a ser organizado nas Recenseamento inicia amanhã cursos disponibilizados pelo
Nacional de Segurança Social Social, sob pena de o Instituto prazo de regularização volun- administrações municipais Estado Maior General.
(INSS) possa cobrar às empre- Nacional de Segurança Social tária, as empresas incumpri- e nos serviços consulares e renovação regular das Forças Para o processo de registos,
sas devedoras. proceder à execução. doras entram no processo de embaixadas. Armadas. explicou, poderão ser criados
O ministro da Adminis- O secretário de Estado execução. Carlos Pedro referiu que O chefe de Departamento postos "ad hoc", porque algu-
tração Pública, Trabalho e Se- adiantou que para a regu- Manuel Moreira reconheceu o processo abrange todos garantiu que todas as con- mas administrações ficam
gurança Social, Jesus Maiato, larização e amortização das a existência de empresas os cidadãos nacionais nas- dições estão criadas e cada distante das localidades.
anunciou, em Agosto passado, dívidas, as empresas podem que são incumpridoras em cidos entre 1 de Janeiro e província tem o seu pro- Em declarações ao Jornal de
após a aprovação da proposta fazer um acordo de até 60 relação a obrigação de pagar 31 de Dezembro de 2001, grama. Em função destes Angola, o porta -voz do Governo
pelo Conselho de Ministros, prestações. A proposta de lei as contribuições para a Segu- residentes em Angola e no programas, disse, cada pro- Provincial de Luanda, Sebas-
na cidade do Huambo, que prevê o alargamento do rança Social, mas que o Exe- exterior do país. víncia, através, de um des- tião José, garantiu que a pro-
as empresas devedoras à acordo de regularização, cutivo vai agora ter um ins- Pretende-se, com esse pacho, vai determinar os víncia tem todas as condições
Segurança Social podiam dependendo da situação trumento legal para regular exercício, manter o controlo locais onde será feito o recen- físicas criadas para o arranque
chegar a entendimento para financeira da empresa. a dívida. das reservas aceitáveis para seamento. do processo.
POLÍTICA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 3
PROVÍNCIA DO ZAIRE GOVERNADOR CONSTATA INQUIETAÇÕES
EDUARDO PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO
CUANDO CUBANGO
Órgãos do
Interior clamam
por instalações
SME quer mais efectivos
condignas para melhorar o controlo
As direcções provinciais do
Serviço de Investigação Cri- Chefe de Gabinete de Comunicação Institucional
minal (SIC) e Protecção Civil e Imprensa disse que efectivos existentes são
e Bombeiros (SPCB) sediadas
em Mbanza Kongo, Zaire,
insuficientes para fazer o controlo migratório
clamam por instalações con-
dignas para garantir o seu Daniel Félix Neto pede a colaboração das comunidades locais NICOLAU VASCO | EDIÇÕES NOVEMBRO

normal funcionamento.
O SIC funciona num edi-
fício degradado e sem espaço
suficiente para acomodar as
diferentes secções, situação
Lunda-Sul implementa
que constrange a tramitação
célere de processos-crime,
governação participativa
que correm também o risco
de extravio. João Salvo|Luma-Cassai preocupações dos cidadãos
O subcomissário Alfredo de Luma-Cassai, relaciona-
Melão, director provincial do O governador da Lunda-Sul das com a falta de quadros
SIC, que falava na segunda- pediu ontem à população da nos sectores da Saúde e Edu-
feira à Angop, em Mbanza comuna de Luma-Cassai, cação, o estado degradante
Kongo, reconheceu a situa- no município de Dala, a 160 da estrada que liga a comuna
ção, mas disse que em breve quilómetros de Saurimo, com a sede do município, a
a instituição vai contar com para colaborar com o Governo, falta de água canalizada,
um novo edifício para aco- com vista a concretização das energia eléctrica, registo
modar condignamente o acções que visam impulsio- civil, redes de telecomuni-
seu efectivo. nar o desenvolvimento das cações e comercial, trans-
O responsável referia-se comunidades. portes, habitação social e
ao novo edifício do SIC em Daniel Félix Neto, que oferta de emprego. Cuando Cubango tem uma ligação de 900 quilómetros com a Namíbia e a Zâmbia
construção na cidade, cujas falava para centenas de cida- A comuna de Luma-Cas-
obras, em fase de acaba- dãos da comuna de Luma- sai está situada a sudoeste
mento, estão paralisadas, Cassai, no quadro da sua da província, a 60 quilóme- Carlos Paulino | Menongue Segundo uma nota do Serviço de
há mais de cinco anos, por primeira visita à localidade, tros da sede municipal de Migração e Estrangeiro (SME) no Cunene,
razões desconhecidas. desde que assumiu as funções Dala e 220 quilómetros de citada pela Angop, o aumento da entrada
A fonte avançou que a de governador da Lunda-Sul, Saurimo. Ocupa 2.035 qui- O Serviço de Migração e Estrangeiros e saída de cidadãos estrangeiros deve-
instituição poderá ser agra- há quatro meses, disse que o lómetros quadrados. A co- (SME) na província do Cuando Cubango se ao Decreto Presidencial 56/18, de 20
ciada com novos meios ope- novo modelo de governação muna tem 4.640 habitantes pretende recrutar, este ano, pelo menos de Fevereiro, que estabelece o regime
rativos como viaturas e outros, em curso no país visa apro- distribuídos em três aldeias 233 novos efectivos para melhorar o con- de isenção e os procedimentos de sim-
nos próximos dias, pelas ins- ximar os governantes às comu- e duas regedorias. trolo migratório nos nove municípios. plificação dos actos administrativos
tâncias centrais, de modo a nidades. “Assim podemos O governador entregou Em declarações ao Jornal de Angola, para a concessão de vistos, em vigor
reforçar a capacidade de acção compreender o vosso modo instrumentos de trabalho e o chefe de gabinete de Comunicação desde 30 de Março deste ano.
em matéria investigativa. de vida e de outras inquietações sementes agrícolas nas loca- Institucional e Imprensa do SME, terceiro Entre os estrangeiros destacam-se
O mesmo cenário vive o que vos afligem.” lidades de Luele, Samuhinhi sub-chefe de migração Teodoro Sambinga, cidadãos namibianos, sul-africanos,
Serviço de Protecção Civil e Acompanhado da vice- e na sede comunal de Luma- disse que os 247 efectivos existentes são zimbabueanos, moçambicanos, brasi-
Bombeiros (SPCB), em Mbanza governadora da Lunda-Sul Cassai, para contribuir na insuficientes para fazer face, principal- leiros e outros de países como a Bélgica,
Kongo, que aguarda há mais para o Sector Político, Eco- prática da agricultura. Aos mente, ao controlo migratório dos cerca Alemanha, Portugal, Cabo-verde, Ilhas
de sete anos a conclusão dos nómico e Social, Madalena doentes internados nos hos- de 900 quilómetros terrestres e fluviais Maurícias, Botswana, Coreia do Sul,
trabalhos de construção do Xili, e de outros membros pitais, Daniel Félix Neto, está de fronteira com a Namíbia e a Zâmbia. Estados Unidos, China e Cuba.
seu quartel de 3º escalão, na do governo provincial e à frente da província desde Teodoro Sambinga explicou que o SME No período em análise, no posto fron-
antiga pista de aviação, no municipal, Daniel Neto Setembro passado, ofereceu pretende elevar o número de efectivos de teiriço de Santa-Clara, o SME emitiu
bairro 11 de Novembro. garantiu ir resolver as várias bens alimentares. 247 para 480, no sentido de colocar em quatro vistos de turismo a favor de cida-
Segundo o comandante cada município um pelotão da corporação dãos de nacionalidade norte-americana,
daquele órgão do Ministério e abrir postos de atendimento ao público brasileira e chinesa, provenientes da
do Interior, subcomissário ALERTA JURISTA nas sedes municipais do Dirico e Nancova. República da Namíbia, tendo como des-
bombeiro Daniel Janeiro Actualmente, explicou, o SME conta tinos as províncias do Namibe e Luanda.
Fernandes, os operacionais com postos de atendimento ao público O Serviço de Migração e Estrangeiro
funcionam num alpendre
improvisado, no aeroporto
Corrupção é obstáculo nos municípios de Menongue, Cuchi,
Cuito Cuanavale, Cuangar, Calai,
no Cunene deteve, entretanto, quatro
cidadãos namibianos e um congolês
local, com os anexos feitos de Mavinga e Rivungo, bem como na sede democrático por estadia ilegal em ter-
madeira e chapas de zinco a
servirem de gabinetes.
para a democracia comunal do Mucusso.
Outra aposta é propor às estruturas
ritório nacional, em hotéis, pensões e
outras unidades similares, fruto de uma
As obras do quartel dos centrais para, junto do governo provincial, operação realizada na província.
bombeiros atingiram uma A práticada corrupção no país A Procuradoria-Geral da proceder ao levantamento e identificação No cômputo geral, o SME no Cunene
fase de execução física na é um dos maiores obstáculos República, em coordenação dos residentes fronteiriços. Pretende registou o movimento migratório de entra-
ordem dos 90 por cento, antes para o exercício da democracia, com o Departamento de Com- igualmente a criação de condições con- das e saídas na fronteira Angola/Namí-
da sua paralisação, informou. afirmou, na sexta-feira, na bate à Corrupção do SIC, lega- dignas de trabalho para os efectivos nos bia de 15.582 cidadãos, entre nacionais
Estas informações foram cidade do Huambo, o jurista lizou, no Huambo, a instrução postos de fronteira do Rivungo e Mucusso. e estrangeiros, mais 313 em relação à
prestadas à margem da visita Armindo Gelembi, quando preparatória de 51 processos- O SME pretende propor também às semana anterior.
de constatação do funciona- dissertava na palestra sobre crime de peculato, que tinham estruturas superiores o estabelecimento A isenção de vistos de turismo para
mento dos órgãos do Minis- “Combate à corrupção e como substrato a má execução de acordos de circulação dos residentes cidadãos de cinco países e os procedi-
tério do Interior, efectuada crimes conexos”. do OGE entre 2010 a 2014. fronteiriços na fronteira Leste entre o mentos de simplificação dos actos admi-
segunda-feira pelo gover- Na palestra promovida Os processos-crime resul- Cuando Cubango e a República da Zâm- nistrativos para a concessão de vistos
nador do Zaire, Pedro Makita pelo Serviço de Investigação taram nas detenções pre- bia, definindo o perímetro em que os de turismo a cidadãos de 61 países entra-
Armando Júlia. Criminal, o orador afirmou ventivas dos administradores cidadãos devem circular. ram em vigor em Março deste ano.
O governador visitou tam- que a corrupção provocou dos municípios do Huambo, Teodoro Sambinga salientou que a Os cinco países com direito à isenção
bém os edifícios do Comando assimetrias regionais, buro- Victor Tchissingui, e do Lon- instituição vai continuar a trabalhar de vistos, por força do Decreto Presidencial,
Provincial da Polícia Nacio- cratização dos serviços, e a gonjo, João Sérgio Raúl, que para a efectivação da implementação são o Botswana, o Zimbabwe, Singapura,
nal e a Delegação do Minis- utilização de empresas fan- à data dos factos exerciam, do visto de fronteira e de curta duração, as ilhas Maurícias e Seychelles. Os cidadãos
tério do Interior, bem como tasmas, condicionando o de- respectivamente, as funções bem como a criação de condições para desses países não precisam de visto para
a direcção do SME. senvolvimento económico e de director do Gabinete de feitura do controlo do êxodo da população entrar em Angola.
Dirigindo-se aos membros social sustentável do país. Estudos e Projectos e de secre- na estação dos Caminhos-de-Ferro de Beneficiam do regime de simplificação
do Conselho Consultivo alar- Armindo Gelembi defen- tário-geral do Governo. Moçâmedes (CFM). dos actos para a concessão de vistos de
gado da Delegação do Interior deu, por isso, maior dina- Foram também detidos o turismo nove países africanos, oito ame-
e do Comando Provincial da mismo nas acções de com- ex-chefe do departamento de Aumento de entradas ricanos, três da Oceânia, 35 europeus e
Polícia Nacional, o governador bate à corrupção, branquea- administração, património, Mais de oito mil cidadãos estrangeiros sete asiáticos. Alguns dos países bene-
pediu o reforço dos meca- mento de capitais e a impu- informática, gestão do orça- entraram e saíram do país através da ficiários são o Lesoto, Madagáscar, Malawi,
nismos de combate à imi- nidade pelo Serviço de Inves- mento e transportes, Cons- fronteira do Cunene com a República Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Marrocos,
gração ilegal, frequente na tigação Criminal, visando a tantino de Jesus César, e o chefe da Namíbia, nos últimos sete dias, mais Swazilândia, Argélia, Zâmbia, Argentina,
província, que partilha uma edificação de uma sociedade da secção de execução orça- 1.674 em relação ao período anterior. Uruguai, Brasil e Canadá.
longa fronteira com a RDC. harmoniosa. mental, Claudino Sicato.
4 OPINIÃO Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

EDITORIAL IMAGEM DO DIA


Pescador na foz do rio Kwanza escala bagres do mar para comercialização
Repensar procedimentos VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO

e comportamentos
O balanço provisório apresentado pela Polícia Nacional, relativamente ao
desfecho das festas e celebrações da quadra festiva, apontava para seis ho-
micídios consumados em todo o país e entre estes um facto a reter: cinco
cometidos em ambiente familiar e apenas um por meliantes. É lamentável
que determinadas práticas, envolvendo tentativa e consumação de assas-
sinatos, ocorram precisamente em ambientes de relações próximas, uma
realidade que exigirá da sociedade reflexões, das instituições estudo e dos
poderes públicos a tomada de medidas. Não é expectável que a delinquência,
no que ao cometimento de crimes violentos diz respeito, esteja a ser superada
por actos de semelhante dimensão que são cometidos no seio familiar.
As pessoas, fundamentalmente crianças, mulheres e as de avançada
idade, não podem estar inseguras nos seus próprios domicílios porque
não há meios materiais, nem financeiros que aguentassem a construção
de lares de acolhimento. Nem medidas policiais que ajudassem a conter a
onda de criminalidade que, desproporcionalmente em relação aos meliantes,
tende a ser cometida no seio das relações de afinidade e proximidade.
Urge repensar procedimentos e comportamentos que, a partir do seio
familiar, podem ser acautelados, passando igualmente por maior respon-
sabilização e cumprimento rigoroso dos papéis paternais e fraternais no
lar. Não se pode admitir, como sucede em muitos lares e comunidades,
que crianças fiquem a tomar conta de crianças iguais, nem com a justificação
de que os adultos estejam à procura do ganha-pão. Quando os prejuízos
relacionados com o desleixo, a irresponsabilidade e a fixação no ganha-
pão a qualquer custo, superem os benefícios sobretudo daquele último,
vale a pena ponderar opções que salvaguardem as famílias e nelas as
pessoas mais vulneráveis.
É verdade que assistimos a níveis elevados de desestruturação das
famílias, mas não é menos verdade que a família angolana pode defender-
se melhor destas contingências. Os problemas actuais, grande parte deles
passageiros, podem ser superados da mesma maneira como os angolanos
foram capazes de debelar o problema da guerra e do endémico fenómeno
da criança de rua nas grandes cidades do país, apenas para mencionar
estas situações.
Embora o balanço policial indique que, de uma maneira geral, a celebração
do Natal e a passagem de Ano foram estáveis, não há dúvidas de que
quando sucedem perdas de vidas há sempre motivo para preocupação. E
pior ainda, quando grande parte destas ocorrem entre pessoas com grau
de parentesco ou afinidade, independentemente de todas as mortes serem
sempre lamentáveis. As festas e os momentos de celebração não precisam
de se transformar em ocasiões de dor e luto, sobretudo quando são evitáveis,
sendo, por isso, urgente repensar procedimentos e comportamentos.

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO PROPRIEDADE


CARTAS DOS LEITORES
Víctor Silva (presidente) Edições Novembro, E.P.
ADMINISTRADORES EXECUTIVOS
Caetano Pedro da Conceição Júnior SEDE:
José Alberto Domingos
Rui André Marques Upalavela Rua Rainha Ginga, 12-26 Confirmações de matrícula potável não deve ser mais um pro- água que não é paga. É um des-
Caixa Postal 1312 - Luanda
Luena Kassonde Ross Guinapo
Redacção: 222 020 174 Chegou o período em que muitos blema atendendo a que temos no perdício muito grande, desneces-
ADMINISTRADORES NÃO EXECUTIVOS Telefone geral (PBX): 222 333 344
Filomeno Jorge Manaças Fax: 222 336 073 encarregados de educação aca- país numerosas bacias hidrográ- sário e que tem acabado por con-
Mateus Francisco João dos Santos Júnior Telegramas: Proangola
bam escravizados pelas escolas ficas. Vivo no Rangel e desde que tribuir para o mau hábito de con-
e colégios, sem que as entidades há três ou quatro anos o bairro be- sumir água sem pagar. O mau
competentes digam e façam al- neficiou de água canalizada, ins- hábito tende a tornar-se regra à
guma coisa. Apenas para exem- talada no âmbito do que se con- medida que as pessoas se habi-
DIRECTOR: Isaquiel Cori (editor) plificar, o preço das declarações, vencionou chamar-se de “água tuam a receber água, mesmo
Víctor Silva Edna Cauxeiro (sub-editora),
DIRECTOR-ADJUNTO:
Ferraz Neto (sub-editor) e Pereira Dinis certificados e outros documentos do chinês”, ora sai água, ora não com as irregularidades que se
Caetano Júnior
EDIÇÕES ESPECIAIS: para efeitos de transferência estão sai. E o pior é que não se diz nada, notam. As instituições do Estado,
DIRECTOR EXECUTIVO: Adalberto Ceita, André dos Anjos, Domingos dos Santos,
Guilhermino Alberto Leonel Kassana e Yara Simão a conhecer emolumentos diferen- as pessoas e famílias inteiras ficam fornecedoras de serviço, não po-
EDITOR EXECUTIVO:
tes de escola para escola. Não se dias, semanas e até meses inteiros dem continuar a persistir no acto
Diogo Paixão FOTOGRAFIA: pode admitir que para um mesmo sem água. As vezes, dá ideia de indigno de “fazer de conta” que
Francisco Bernardo (editor-chefe),
SUB-EDITOR EXECUTIVO:
Cândido Bessa Rogério Tuti (editor), documento, mesma classe, as ve- que os homens das cisternas de presta serviço enquanto as po-
José Cola, Adérito Cortez, Dombele Bernardo, Domingos Cadência, Eduardo Pedro,
João Gomes, José Soares, Maria Augusta, Miqueias Machangongo, Mota Ambrósio, zes no mesmo distrito, tenham água estejam por detrás do que se pulações “fazem de conta” que
Nuno Flash, Paulo Mulaza, Kindala Manuel, Santos Pedro;
GRANDE REPÓRTER: valores díspares e sem que essas está a passar na comuna do Rangel, pagam pelos serviços.
Luísa Rogério
CORRESPONDENTES PROVINCIAIS: direcções de escolas especuladoras onde há casas sem água há mais AUGUSTO GUIMARÃES
Adão Diogo (Lunda Sul),
EDITORIAS:
POLÍTICA: Alberto Coelho (Cabinda), sejam responsabilizadas. Com o de dois meses. Outra situação tem Golungo Alto
Vladimir Prata (Namibe),
Santos Vilola (editor-chefe),
Fonseca Bengui (sub-editor) e Bernardino Manje (sub-editor) Esídoro Natalício (Cuanza-Norte), início do período de inscrições e a ver com a falta de contratos,
Jaime Azulay (Benguela),
Adelina Inácio, João Dias, Edna Dala
e Garrido Fragoso Jesus Silva (Lobito), confirmações, muitas escolas e coisa que não consigo entender
OPINIÃO:
Estanislau Costa (Huíla),
João Mavinga (Zaire), colégios vão fundo aos bolsos que centenas de casas beneficiem Segurança Social
Ambrósio Clemente (editor-chefe), Faustino Henrique (sub-ditor) Joaquim Aguiar (Lunda-Norte),
SOCIEDADE: Silvino Paulo (Uíge), dos encarregados de educação e do líquido precioso sem contrato. Sou um pequeno empresário e
Lourenço Manuel (Cuando Cubango), Luís Pedro (Cuanza-Sul),
Nhuca Júnior (editor),
Alberto Pegado (editor), Noé Jamba (Bengo), tutores, movidos não pelo serviço Em tempos, a EPAL realizou uma escrevo para falar do novo regu-
Quinito Kanhamei (Cunene),
José Meireles (editor),
Rodrigues Cambala, André da Costa, Kilssia Ferreira, Manuela Gomes, Samuel António (Moxico), que deviam prestar, mas pela ga- campanha em determinadas ruas lamento da base de incidência
Fernando Cunha (Huambo),
Augusto Cuteta, Alexa Sonhi, César André, César Esteves, Edivaldo Cristóvão, Carla
Bumba e Mazarino da Cunha Francisco Curinhingana (Malanje) nância. E tudo isso com o livre da Rangel para a realização de para as contribuições à Seguran-
REGIÕES: arbítrio dessas mesmas entidades contratos, facto que levou muita ça Nacional. Embora as motiva-
Sérgio Chivaca (editor-chefe), PAGINAÇÃO E ARTE:
Béu Pombal (sub-editor), Eugenia Victor, Adilson Santos, Augusta Lucéu, Tomás Cruz, Noé Pungue, Soares Neto, escolares que, até parece, estão gente a aderir. As informações que ções, em última instância, sejam,
Filipe Eduardo Ana Dinamene, Evaristo Sacupalica, João Augusto, Josefa Abreu, Maria Messele,
ECONOMIA:
Alberto Bumba, Inês Quingando, Margarida Zilungo, Maria da Silva, Saldanha Pedro isentas de regras legais para as correram, na altura, para aqueles entre outras, dignificar a apo-
CARTOON E ILUSTRAÇÃO:
Cristóvão Neto (editor-chefe),
Armando Estrela (sub-editor),
Armando Pululo, Casemiro Pedro cobranças que realizam. que não conseguiram efectuar o sentadoria de quem vai à reforma,
e Edna Mussalo
Ana Paulo, Kátia Ramos, Madalena José, Natacha Roberto e Victorino Joaquim MARIA DA CONCEIÇÃO seu contrato é que deviam dirigir- na verdade, a compartida poderá
MUNDO: Prenda
Bernardino Fançony (editor-chefe), António Canepa COPY DESK:
se aos balcões da EPAL. Não pode ser o aumento dos custos dos tra-
DESPORTO:
Rui Ramos, Paulo Pinha, Arlindo Soares, Esperança Vieira Dias, João Sá. ser assim na medida em que vo- balhadores para muitas empresas.
Amândio Clemente (editor-chefe),
Anaximandro Magalhães (sub-editor), António Cristóvão, luntariamente muitos não vão Se precisamos de ser competitivos,
Armindo Pereira, Teresa Luís, Vivaldo Eduardo,
António de Brito e Honorato Silva
O Jornal de Angola Falta de água fazer o contrato. Acho que a EPAL não faz sentido que Angola seja
utiliza os serviços da ANGOP, AFP, Reuters, EFE e Prensa Latina
CULTURA: Escrevo para falar sobre a água devia criar condições para es- dos países em que o trabalhador
António Bequengue (editor-chefe), Adriano Melo (sub-editor),
Francisco Pedro (sub-editor), PUBLICIDADE: potável, que é suposto ser abaste- tender o contrato a todas as casas custe três, quatro ou cinco vezes
Amilda dos Santos, Manuel Albano, Mário Cohen e Roque Silva (+244) 937 550 262
GENTE E FIM-DE-SEMANA: (+244) 949 770 006 cido 24 horas ao dia em todo o porque não se pode consumir mais do que a média da SADC.
António Cruz (editor-chefe), e-mail: publicidade@jornaldeangola.com país. Sei que a EPAL enfrenta muitos água sem pagar. A EPAL não se JERÓNIMO MENDES
desafios, mas a questão da água pode dar ao luxo de fornecer Samba
OPINIÃO Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 5
O CÁGADO E AS PALAVRAS DO SILÊNCIO ESTÓRIAS DE ONTEM
E HOJE
Manuel Rui Luciano Rocha

CITAÇÕES

O colete amarelo “Quando


começámos, o
A insensibilidade e egoísmo
Lembro-me de ouvir na minha infância e
adolescência depreciar-se o amarelo. Era
esverdeado, brilhante, para vestir em caso
de avaria ou mesmo para pedir socorro.
consenso geral era
de que a morte
das chamadas datas festivas
uma espécie de cor sem beleza. Depois É um chamar de atenção, um alerta. Eu neuronal é sempre
prejudicial. Por isso, Este é o primeiro texto deste espaço no ano recém-nascido
havia expressões como “sorriso amarelo” também tenho um desses coletes no carro. que em nada difere dos que o antecederam, porque não é o
ou “se não houvesse outras cores que Mas quem usa mais colete amarelo é a ficámos
virar de uma página do calendário que, por si só, cumpre so-
seria do amarelo.” Polícia de Trânsito ou a Polícia que aparece surpreendidos nhos, atinge metas.
A minha geração passou-se para o ama- em catástrofes. Também as pessoas como ao descobrir que O ano que acaba de nascer é apenas a continuação do an-
relo por mor de génios como Mané Gar- socorristas e semelhantes usam colete a morte neuronal terior, apenas isso. E é da nossa atitude, forma de pensar,
rincha e Pelé. Era o futebol da magia. Aí, amarelo bem como polícias de fronteiras pode ser, na estar e agir que depende a concretização de anseios de
escolhemos para o equipamento de bás- e operadores que orientam os aviões no verdade, vantajosa milhões de angolanos, principalmente os mais abandonados
quete e vólei do colégio a camisola amarela chão. Também no futebol os suplentes nas fases iniciais pela sorte. Que entraram neste Janeiro, como saíram de De-
e calções verdes. no banco costumam usar colete. Certo da doença” zembro. Sem tecto, digno desse nome, emprego, assistência
Na universidade, ideologicamente, éra- que há outros coletes vermelhos listrados médica, escola, apenas com a certeza da incerteza a habitar-
mos vermelhos, vivemos a vitória da revo- de amarelos. O Presidente português, um Dina Coelho
A primeira autora do estudo lhe a alma quanto ao presente e amanhã.
lução cubana, aprendemos a positivar a homem de sete fôlegos e mil afectos, anda publicado na revista científica
“Cell Reports” Mais do que as palavras circunstanciais ditadas pela
cor negra em versos dos poetas da negritude por todo o lado onde aconteceu uma tra- tradição ao toque das doze badaladas que anunciam simbo-
e tudo ficava igualitariamente colorido com gédia. E vai de colete amarelo. licamente o fim de um ciclo e o início de outro, muitas vezes
as alterações políticas incluindo a desig- Tratando da inorganicidade dos coletes “Neste momento, pronunciadas de forma mecânica, somente com a vantagem
nação de perigo amarelo com que a direita amarelos. No entanto, não evidenciando a justiça em Angola de haver o calor da voz, abraço, do beijo, ao contrário da
europeia designava a revolução de Mao e uma organização, causam danos que ou- é só para ricos, mensagem seca dos telemóveis, enviada igualzinha, com
a longa marcha enquanto que para os so- tras manifestações não causam. Incen- porque os pobres erros ortográficos e tudo, para destinatários tão diferentes,
viéticos era o perigo vermelho. Nesse tempo, deiam, fazem barricadas, partem estabe- não são defendidos como se fóssemos todos iguais. A revelarem, também elas,
um cantor português celebrava a cor dos lecimentos comerciais e travam verdadei- conforme a a frieza destes tempos novos preenchidos a correr, não raro
olhos da mulher elegendo “teus olhos cas- ros combates contra uma polícia de Constituição” aos tropeções.
tanhos de encantos tamanhos…” bastões, balas de borracha e canhões de A euforia do Natal e da passagem de ano começa sempre
Chegou o Maio Francês de 1968, chefiado água. As forças de segurança infiltraram Luís Monteiro bastante antes, quase como um antegozo do que aquelas
Bastonário da Ordem dos
pelo estudante Daniel Cohn-Bendit, que agentes de colete amarelo. Interessante Advogados de Angola datas predizem ou se pretende que sejam. E então, como se
se espalhou por quase todas as universi- é que os amarelos chegaram já a Portugal o mundo fosse acabar, principalmente nas sociedades do-
dades europeias e de outros continentes mas não produziram estragos o que revela “A aposta na minadas pelos princípios judaico-cristãos, entoam-se hinos
com o slogan “é proibido proibir”. Estu- tratar-se de diferenças culturais ou defi- agricultura familiar ao consumismo, à luxúria, a insensibilidade, ao desprezo
dantes queriam cotas, operários aumento ciente imitação. pelos que menos têm, que em tantos casos é nada. E batemos
tem de ser
e artistas mais liberdade. Juntos com os Está à vista a força das redes sociais. E palmas, levantamos copos ou canecas, de cristal ou de
entendida no plástico, com bebidas de preços agressiva e escandalosamente
operários foi a maior greve geral, oito mi- se um radicalista islâmico se infiltra nos
lhões novecentos e noventa e nove, comigo, amarelos? âmbito de um novo superiores a orçamentos familiares de milhões e milhões de
nove milhões.O presidente francês, um he- As reivindicações são lugares comuns modelo de pessoas, mas igualmente com zurrapas. O que interessa é
rói da 2ª guerra mundial,bailou na corda como desigualdade, justiça social pois se produção nacional fingir que “a vida é bela”. As estações de televisão entram
bamba, não ganhou, o movimento é que a maka inicial era o preço do combustível de alimentos e da nesta orgia de insensibilidade. Com
foi amolecendo por desconseguir uma e tal já foi resolvido pelo Governo francês, redistribuição incentivos ao despesismo que con-
aliança com os operários coesa entre es- o movimento ganhou uma dinâmica pró-
pria que pode acabar na proibição do uso
da riqueza” A euforia do duzem à aquisição do que faz falta
e do é supérfluo. Como se todos
tudantes e operários, uns, vivendo à custa
dos papás e outros trabalhando, uns fa- do colete amarelo…e enquanto mudam
Belarmino Jelembi
Director-geral da organização Natal e da pudessem comprar, ter mesa farta,
passagem de ano
não-governamental Acção para o
zendo greve sem prejuízos, os outros com de cor o poder político traça novas estra- Desenvolvimento Rural e luz eléctrica no cubico para acender
os salários em risco e a espada do capita- tégias pois dá a impressão que o essencial
Ambiente (ADRA) as luzes de todas as cores de en-
lismo levantada sobre o pescoço do traba- não é conseguir melhorias nas condições começa sempre feitar dias e noites de folia discri-
lho. De Gaulle depois de aldrabar os gre- de trabalho, saúde ou reformas. Fica-se “Não se corrija um bastante antes, minatória. E não houvesse crianças
de rostos colados à montras a ver
erro cometendo
vistas, após ganhar as eleições renunciou.
E agora? Os coletes amarelos! Politólo-
com a ideia que o objectivo é implodir o
sistema de um país que, Alemanha à parte, outro de
quase como um tudo o que sabem não poder ter.
gos dizem nas televisões e jornais tratar- é o mais importante da União Europeia consequências antegozo do que Os cânticos à indiferença pela
solidariedade avolumam-se nestas
se de um movimento inorgânico, que não que num dia em que estiveram fechados
até de madrugada enquanto não apanha-
inquestionavelmente aquelas datas “épocas festivas”. Em que há idosos
tem organização nem pensadores como gravosas para os
Conh-Bendit do Maio francês que agora vam um das facas, os deputados discuti- desígnios da nação,
predizem ou se em lares à espera de visitas de
filhos sem tempo para os ir ver,
aparece a entrevistar os teóricos. Que não ram muito sobre poluição até decidirem mormente no que pretende que que a hora é de alegria e coisas bo-
tem ideologia, não tem base sindical ou pela proibição de cotonetes e desses tu-
organizações de classe para dirigir o mo- binhos de chupar refresco. Parece que es-
respeita à sejam nitas, não de velhas e velhos, que
administração lhes recordam coisas dos quais se
vimento. Que é um movimento que vai da tavam com garrafas de plástico com água…
da justiça e da envergonham e não querem lem-
estrema esquerda à extrema direita e a Os populismos que germinam pela eu-
credibilidade do brar. E crianças em orfanatos, sem o afago de uma mãe, de
mobilização é feita pelas redes sociais. No ropa, a situação da América Latina com o
país, tanto no plano um pai, de um beijo que para experimentarem esperança. E
meu tempo, em Coimbra era pelo passa- quinto maior país do mundo, o Brasil co-
interno como doentes sozinhos em hospitais, com corpos e almas a sangrar,
palavra, mensagens em sabão nas paredes mum presidente de espingardalho nas à espera nem sabem bem do quê Tal como tantos homens e
das casas de banho da cadeia do Aljube. mãos gritando “vamos matar essa negra- internacional”
mulheres, de todas as idades, agarrados às grades de prisões
Hoje a França vive um pânico especial, lhada toda,” com a invenção de que mi- Evaristo Carvalho como se elas fossem restos de um navio naufragado em mar
aberto, ao contrário dos fundamentalistas norias são gays e negros quando estes e Chefe de Estado de São Tomée
Príncipe alto a olharem o mundo que deixaram - ou que os abandonou?
do islão em que um homem com uma faca mestiços são a maioria, faz-nos pensar -, com a praia à vista, mas tão longe.
coloca uma cidade inteira a fugir e abri- numa certa religião que anuncia estar Nesta alturas há sempre padres, pastores, bispos, arcebispos,
gar-se, causa medo, terror mais a despesa para breve o apocalipse. Observando de “O Irão é um pilar de todos ramos do cristianismo a repetirem palavras gastas
de milhões que cidades como Londres, outro ângulo: o capitalismo procura trans- para a estabilidade de livros antigos e distribuírem bênçãos que não enchem os
Bruxelas, Paris ou Berlim são obrigadas a formações para a obesidade mórbida ou na região e a estômagos a abarrotar de fome de milhões de homens, mu-
realizar. Outro dia, vi uma manifestação da globalização e de uma guerra fria que cooperação entre lheres e crianças. E apelarem à solidariedade, sem repartirem
de professores em Portugal com os mani- acabou para o aumento das fábricas de os dois países vai com eles as riquezas que enxameiam as igrejas deles, lhes
festantes usando um barrete vermelho e armamento, a nuclearização e o desprezo certamente ajudar decoram os templos.
branco de pai natal. Imaginei ter sido um pelo ambiente. a resolver Estes cenários construídos com blocos de egoísmos e insen-
negócio vender barretes de pai natal para Assim, como é que a França, campeã sibilidades, que se acentuam nas épocas de Natal e Ano Novo”,
aquele evento. E que fortuna vender coletes do mundo de futebol, vê este cartão amarelo
os problemas
de segurança” são extensivas ao mundo inteiro. Angola, é verdade, não foge
amarelos para os milhares de manifestan- que é aviso de expulsão? Inorgânica? Macron à regra. Mas, depende de nós mudarmos este estado de coisas.
tes? Erro. Porque todos os que conduzem falou no fim do ano que em defesa dos va- Ali Shamkhani Se juntos, nas nossas diferenças, formos capazes de seguir
Secretário do Conselho Supremo
automóvel devem incluir na palamenta lores da República não haverá complacência. para a Segurança Nacional pelo caminho comum que nos está destinado rumo ao progresso
iraniano, referindo-se à paz no
(macaco, triângulo, etc.) um colete amarelo Vamos esperar. Afeganistão e fazermos que as “datas festivas” sejam para todos.
6 DESTAQUE Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

KINDALA MANUEL | EDIÇÕES NOVEMBRO

Kindala Manuel O NEGÓCIO FLUI


Na estrada de areia que dá
acesso à Praça do Catinton,
no bairro Gamek, Distrito
Urbano da Maianga, é visível
o movimento da venda de
Na rota do abacaxi:
de camiões para
abacaxi feito maioritaria-
mente por senhoras, que,
por cima das carrinhas, des-
pacham o produto a grosso
e por unidade, para reven-

a mesa ou revenda
dedores e outros interessados.
Num perímetro de quase
200 metros do arame que
limita a unidade da FANA
(Força Aérea Nacional) está
perfilado um conjunto de 11
carrinhas de diferentes marcas, A maioria das vendedoras que comercializa
com destaque para os modelos diariamente o abacaxi em carros que estacionam
da Mitsubishi, Fuso e Canter,
a par dos Hyundai, uns recém- nesta zona traz o negócio do Centro e Sul do país,
chegados outros a terminar com maior incidência para as províncias de
a venda, numa disposição que
vai dar à entrada da Praça do Benguela e Cuanza-Sul.
Catinton.
O negócio envolve pro-
dutores (camponeses for-
necedores), grossistas (as
senhoras que compram em
varias províncias), retalhistas
que vendem em praças e
outros ainda que revendem
o produto fatiado, deambu-
lando pelas ruas de Luanda.
A maioria das vendedoras
que comercializa diariamente
o abacaxi em carros que esta-
cionam nesta zona traz o
negócio do Centro e Sul do
país, com maior incidência
para as províncias de Ben-
guela e Cuanza-Sul.
Num escaldante sol das
11 horas da manhã, prenúncio
do fim-de-semana que dá que, por norma, ela e suas
entrada à festa natalícia, o companheiras recolhem a
senhor Jorge Cacondo disputa
com demais senhoras a esco-
lha da melhor fruta. Porém,
“O negócio envolve
fruta das fazendas situadas
em Bocoio, Monte Belo e
outras, da mesma região, até
Retalhistas “peregrinam” por Luanda
a dona do negócio não con- produtores encherem as carrinhas. O Encostada entre as rodas de uma das car- direito uma intervenção com brevidade.
corda com a bagunça. (camponeses frete de uma carrinha Mit- rinhas, dona Fernanda Domingos Cambanga Além do estado da via, que tira o sossego
"Se for assim, não compro subishi Canter varia entre 140 descascava o terceiro abacaxi, para em de quem sustenta a família carregando mer-
mais. Se não me deixas esco- fornecedores), a 150.000 kwanzas. Já a viatura seguida cortá-lo em quatro metades. Ela faz cadorias pelas estradas que cruzam o país,
lher o produto da minha pre- grossistas (as da mesma marca, modelo parte do grupo de vendedoras que compra Matias Domba, 32 anos, reclama do excesso
ferência, vou pegar noutro Fuso, por ter a carroçaria mais a fruta dos carros e a revende em fatias, de controlos da Polícia nesta estrada. O moto-
carro", desabafa, chateado, senhoras que longa e com autonomia para numa marmita, durante longas peregrinações rista conta que de Benguela a Luanda existem
o senhor Jorge, depois de ter compram em carregar mais de 4.000 cabe- pelos vários pontos de Luanda, com maior mais de 12 controlos. Da Canjala ao Sumbe
já escolhido abacaxi no valor ças de abacaxi, é alugada ao destaque no centro da cidade. Compra três existem mais de cinco e os restantes do Cabo
de sete mil kwanzas, do carro várias províncias), preço de 170 mil kwanzas, unidades de abacaxi a 500 kwanzas e vende Ledo a Luanda.
da dona Teresa. Esta responde, retalhistas, que para o percurso de Benguela um quarto da fatia a 50, alcançam o lucro “Esta situação tira-nos o sossego mano.
do alto da carroçaria, em tom a Luanda. de 100 kwanzas por cabeça. É um negócio de risco, no qual temos tido
firme: "cliente que compra vendem em praças As vendedoras não qui- Para rentabilizar o negócio, dona Fernanda muitas despesas para o conserto das avarias,
não escolhe muito; não aturo e outros ainda seram dizer que margem de disse que o grupo de oito senhoras, no qual por conta do mau estado da via. O excesso
quem escolhe muito e aperta lucro têm. "Este é um negócio está integrada, faz "quixiquilas" semanais. de contróis tem feito muitos colegas desistirem
demais as minhas frutas". que revendem que não tem muito ganho. Cada uma entrega aos sábados o valor de de transitar nesta rota”, revela Matias, acres-
Proprietário de um res- o produto fatiado É apenas para garantir a 2.500 kwanzas, perfazendo 20 mil, para uma centando que, para continuarem no negócio,
taurante em Luanda, Jorge panela em casa", explica a beneficiária, em sistema rotativo. alguns circulam de madrugada.
Cacondo faz compras de aba- jovem Ana Chimuma, Dona Margarida compra abacaxi no mercado
caxi semanais no perímetro abre um monte de palha, conhecida por Chinha, mãe do Catinton e revende transportando num Abacaxi no Sul do país
do Catinton. Prefere comprar onde guarda o abacaxi ainda de dois filhos. De acordo com carrinho de mão por vários pontos de Luanda. Após a plantação, o florescimento da planta
dos carros aí estacionados não exposto na montra, a a nossa interlocutora, que Compra habitualmente cinco cabeças do do abacaxi ocorre durante 18 meses. Neste
por considerar mais barato fim de aumentar a oferta e falava à nossa reportagem tamanho acima do médio, a 1000 kwanzas, ciclo, são necessários aproximadamente três
e pela possibilidade de esco- assim satisfazer o desejo enquanto atendia por cima e revende-os a 350 ou 400 kwanzas cada. Ao meses para os frutos atingirem a fase de
lher a melhor fruta. No seu dos clientes. da carrinha, nos dias em cabo de um ano a comercializar o abacaxi colheita, com o pico entre os meses de Agosto,
restaurante, usa o abacaxi Entretanto, o seu discurso que não tem havido muitas pela cidade, refere como constrangimentos Setembro, Outubro e Novembro, considerada
para produzir cocktails, em não deixou de merecer res- viaturas a comercializar, as perseguições diárias dos fiscais. época de melhores resultados. O Bocoio é
conjunto com outras frutas. posta. "É sempre assim, tem todo produto que habitual- “Além do produto, também têm levado considerado o principal produtor de abacaxi
Por seu turno, dona mania de rabugenta”, reagiu mente traz acaba em menos os carrinhos, acção que dificulta a conti- em Angola, com 359.68 toneladas/ano, que
Mariana está no negócio há dona Mariana, que, rapida- de três dias de vendas. Os nuidade do negócio. A situação não está abastecem o mercado nacional. Quanto a
mais de quatro anos. Compra mente, subiu de tom, para preços não variam entre os fácil. Temos o “Resgate” e os fiscais atrás destino, Luanda tem sido a província onde
dos carros e revende por uni- acrescentar: “pensa que só carros. Três abacaxis do de nós. O marido perdeu emprego. O lápis, é escoada a maior produção proveniente do
dades, "zungando" com um você é que sofre e tem famí- tamanho médio são vendidos o caderno para as crianças e a comida para Sul do país.
carro de mão pelas ruas de lia!? Rodeamos Luanda, a 500 kwanzas. Quem com- casa saem daqui deste negócio. O que fazer?”, KINDALA MANUEL | EDIÇÕES NOVEMBRO

Luanda. Depois de o senhor debaixo do sol, para vender pra em grandes quantidades interroga-se a senhora.
Jorge sair, coube a vez a ela o negócio, porque também ganha uma cabeça. O abacaxi José Francisco, 36 anos, motorista de
e a algumas amigas de esco- precisamos de sustentar os acima do tamanho médio é uma carrinha, transporta o negócio de
lher pacientemente, desar- nossos filhos. Ouviu" ? vendido a 200 ou 250 kwan- abacaxi há três anos e justifica o preço que
rumando a montra da dona Este último desabafo da zas, enquanto o menor vai cobra com a distância e o mau estado da
Teresa, ao ponto de algumas compradora repôs a ordem a 100 kwanzas. Estrada Nacional 100, que liga Benguela a
frutas caírem da carrinha para no lugar. Dona Teresa vende Entre os compradores, Luanda. Natural de Benguela e pai de quatro
o chão, "mexendo" nova- numa carrinha Hyundai, que surgiu de forma inusitada o filhos, explica que, devido aos inúmeros
mente com a vendedora. transporta mais de três mil jovem João Massati, que com- buracos que a via apresenta, a maior parte
"Estão a desfazer demais cabeças de abacaxi. Natural prou apenas um abacaxi ao dos veículos que faz o transporte de mer-
as montras. Se não querem do Bocoio, Benguela, disse preço de 100 kwanzas, com cadoria neste percurso tem constantes
comprar, vão para outro à nossa reportagem que o finalidade de degustar com avarias nas suspensões e danos em pneus
carro. Tenho família para negócio que faz é de risco e a namorada. João disse que e rolamentos. Por ser uma das principais
sustentar; não me estraguem de muito sacrifício. faz isso todas as sextas- feiras vias de comunicação e de escoamento de
o negócio”, reclama, furiosa, A jovem Ana Chimuma, para partilhar em mo-mentos produtos do país, pede às autoridades de Vendedoras revendem a fruta nas ruas de Luanda
dona Teresa. Volta e meia natural de Benguela, disse especiais com a parceira.
ÁFRICA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 7
DECLARAÇÕES PRELIMINARES

Equipas de observação aplaudem


eleição “cívica e ordeira” na RDC
Apesar de algumas dificuldades, como a abertura tardia das assembleias de voto em algumas regiões e do manuseamento
das máquinas eleitorais, emissários da União Africana e SADC confirmaram que o pleito decorreu sem sobressaltos

DR

selho Superior de Audiovisual


e da Comunicação (CSAC)
exercer as suas prerrogati-
vas em matéria de moni-
toria e regulamentação das
Vandalizada missão de observação
medias durante o processo
eleitoral devido a insuficiên- eleitoral da Igreja Católica em Bunia
cia de meios.”
O relatório da UA faz notar As instalações da missão de tório preliminar da missão
que o panorama mediático na observação eleitoral da Igreja de observação, que inclui 40
RDC "é muito rico e variado. Católica em Bunia, no nordeste mil observadores, foi adiada
No entanto, o acesso equitativo da República Democrática do devido ao corte da Internet e
aos órgãos do Estado não é Congo, foram vandalizadas por ser necessário “mais tempo
perfeito". Reparo idêntico foi na sequência das eleições de para que o trabalho seja feito
feito pela Missão de Obser- domingo, revelou ontem a por telefone”.
vação da Comunidade dos Conferência Episcopal do país. O serviço de Internet foi
Estados da África Central, na “A sede da Caritas em Bunia, cortado, na segunda-feira,
voz do académico Joseph que acolhia também a nossa oficialmente para evitar “um
Owona. Ele foi ministro e missão de observadores nesta levantamento popular”, numa
secretário-geral da Presidência cidade, foi vandalizada por altura crucial da contabilização
dos Camarões. À parte o usu- desconhecidos na noite de dos resultados das eleições
fruto em igualdade de cir- domingo para segunda-feira”, presidenciais, legislativas e
cunstâncias dos tempos de disse à agência France Press provinciais de domingo.
antena que são obrigados por o padre Clément Makiobo, res- Os resultados provisórios
lei, "os meios de comunicação ponsável pela Comissão Justiça do escrutínio serão divulgados
social públicos privilegiam a e Paz da Comissão Nacional "o mais tardar no domingo,
Frente para o Congo", partido Episcopal do Congo (Cenco). 6 de janeiro", segundo a Comis-
governamental que apoia a “Levaram as máquinas usa- são Eleitoral Nacional Inde-
candidatura de Emmanuel das para a recolha de dados pendente (CENI).
Ramazani Shadary. De um eleitorais em Bunia, mas Na segunda-feira, a missão
modo geral, as declarações isso não vai afectar a trans- de observação eleitoral da
preliminares da Missão Con- missão de resultados que Cenco, única missão de obser-
junta de Observação Eleitoral já tinham sido comunicados vação nacional acreditada,
do Fórum Parlamentar e da com sucesso para Kinshasa”, tinha dado conta de anomalias
As eleições tiveram uma elevada participação de cidadãos em idade de votação no país Conferência Internacional da acrescentou. no processo de contagem dos
Região dos Grandes Lagos De acordo com o padre Clé- votos em pelo menos três ter-
(CIRGEL), bem como do ment Makiobo, as investiga- ritórios favoráveis aos can-
Luísa Rogério | Kinshasa Joseph Malanji, ministro de manifestar o "forte desejo" Fórum das Comissões Elei- ções em curso irão permitir didatos da oposição. A eleição
dos Negócios Estrangeiros da de que os resultados a serem torais da SADC, fazem cons- determinar se se trata de um ficou marcada por vários inci-
Zâmbia, que chefia a missão proclamados estejam em con- tatações e recomendações simples roubo ou se os assal- dentes violentos, que causa-
As cinco equipas interna- da SADC, realçou que a cam- formidade com o sentido de similares às outras. tantes visavam impedir a trans- ram, pelo menos, quatro
cionais de observação das panha e o acto eleitoral decor- voto expresso pelo povo con- missão dos resultados. "Foram mortos, segundo a AFP
eleições gerais na República reram num clima ameno em golês. O diplomata, que foi Reunião à porta fechada tomadas todas as medidas Mais de 39 milhões de con-
Democrática do Congo (RDC) todo o país, excepto nas re- presidente de transição na Os membros das cinco mis- para enfrentar estes actos de goleses foram chamados às
destacam, de forma unânime, giões de Kalemie, Lubum- República do Mali, fez reco- sões internacionais de obser- sabotagem", acrescentou. urnas no domingo para esco-
a forma cívica e ordeira sob a bashi e Mbuji-Mayi, onde se mendações explícitas, dirigidas vação acreditados na RDC A Conferência Episcopal lher o sucessor do Presidente
qual decorreu a votação de do- registaram episódios de vio- ao Governo e demais actores reuniram-se ao princípio da Nacional do Congo (Cenco) Joseph Kabila, obrigado pela
mingo. A análise foi feita du- lência, agravados pela morte políticos, à CENI e à sociedade noite de ontem com os três tinha anunciado durante a Constituição e pela opinião
rante uma cerimónia organiza- de seres humanos. A União civil no sentido de multipli- principais candidatos às elei- manhã de ontem o adiamento pública a não se recandidatar,
da para apresentar as declara- Africana (UA) exorta os acto- carem esforços com vista à ções presidenciais. Emma- para hoje da publicação do seu e também os deputados nacio-
ções preliminares das missões res envolvidos no processo consolidação das instituições nuel Shadary, do partido no relatório preliminar de obser- nais e provinciais de 75.781
de observação eleitoral. eleitoral na RDC a preservar democráticas no país. poder, Martin Fayulu e Felix vação das eleições de domingo colégios eleitorais.
Os observadores felicitaram o clima de paz prevalecente Apelou igualmente a co- Tshisekedi foram ouvir dos devido ao corte de Internet O delfim de Kabila, Emma-
os congoleses pela elevada durante o escrutínio, ape- munidade internacional a observadores detalhes sobre decretado pelas autoridades. nuel Ramazani Shadary, foi
taxa de participação no pleito lando-os a privilegiar a via acompanhar a RDC para a as declarações preliminares Segundo o secretário-geral um dos candidatos, a par com
eleitoral, que, de modo geral, legal com vista a apresentação manutenção da estabilidade ontem apresentadas.O encon- e porta-voz da organização, dois opositores, Félix Tshise-
decorreu sem sobressaltos. de eventuais recursos. política e reforço da demo- tro foi realizado à porta fechada, Donatien Nshole, citado pela kedi e Martin Fayulu.
Ainda assim, apontaram irre- Dioncounda Traoré, chefe cracia. Dioncounda Traoré no hotel que funciona como agência de notícias France O novo Presidente deverá
gularidades, como a abertura da Missão de Observadores mostrou preocupação diante “estado-maior” das missões Press, a apresentação do rela- assumir o cargo a 18 de janeiro.
tardia das assembleias de voto da UA, fez a afirmação depois das “dificuldades de o Con- de observação. DR
em diferentes áreas.
Várias dificuldades decor-
rentes do manuseamento das
máquinas eleitorais, novida-
des introduzidas nas presen-
Números das eleições
tes eleições, constituem outro O processo de identificação e assembleias de voto foram mon- por Internet e SMS continuam
factor negativo comum apon- registo eleitoral decorreu de tadas em todo o país. Para esta- bloqueadas em todo o território
tado pelos cinco relatórios Julho de 2016 a Agosto de 2018. rem em funcionamento, foram congolês. Ontem, por alguma
preliminares. Os observadores Com o apoio da Organização recrutados e treinados 511,901 razão não especificada pelas
confirmaram informações Internacional da Francofonia assessores. Concorreram para operadoras, houve uma abertura
divulgadas pela imprensa e (OIF), foram registados mais as eleições presidenciais 21 de aproximadamente 15 minu-
analistas, dando conta que de 40 milhões de cidadãos habi- candidatos, entre eles apenas tos. A euforia espalhou-se entre
em diversas assembleias o litados para exercer o direito uma mulher. os internautas, mas durou pouco.
acto eleitoral prolongou-se de voto. A inviabilização do acto Para as legislativas nacionais, As operadoras privadas e
para além das 17 horas, legal- eleitoral nas três províncias submeteram-se ao crivo popular estatais dizem apenas que rece-
mente estipuladas para o fecho onde a votação foi adiada deixou 15.335 candidatos. Para as pro- beram orientação para fechar o
das urnas, que abriram às 6 de fora 1.256,177 eleitores. víncias participaram 19.640. serviço. As autoridades do sector Violência em Bunia preocupa Conferência Episcopal
da manhã. Um total de 75 mil e 563 Entretanto, as comunicações remeteram-se ao silêncio.
8 ÁFRICA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

CHEFE DE ESTADO APONTA PRIORIDADADES CRISE ECONÓMICA


ANGOP
Breves Dezenas de pessoas morrem
SOMÁLIA EXPULSA
REPRESENTANTE DA ONU
POR “INGERÊNCIA NA SUA
durante os protestos no Sudão
SOBERANIA”
O Governo somali expulsou Pelo menos 45 pessoas mor- todos os casos de “tortura,
do seu território Nicholas reram e mais de mil ficaram detenções e assassinatos”,
Haysom, emissário da ONU feridas desde o início dos pro- para “que os culpados sejam
naquele país, que acusa de testos no Sudão, a 19 de De- responsabilizados”.
“ingerência deliberada” na zembro, contra o custo de vida Cerca de 20 movimentos
sua soberania. A decisão e a crise económica, anunciou políticos sudaneses pediram
surge alguns dias depois do ontem a oposição. também mudança de Governo
diplomata sul-africano ao De acordo com um comu- para ultrapassar a crise eco-
serviço da ONU ter criticado nicado do partido na oposição, nómica que levou a manifes-
o comportamento dos Al Umma, islâmico mode- tações a pedir a saída do Pre-
serviços de segurança nas rado, mais de 2 mil pessoas sidente Omar al-Bashir, no
recentes violências que foram detidas no decurso das poder há 30 anos.
causaram vários mortos. manifestações nas duas últi- Em conferência de im-
Segundo o representante do mas semanas, com o cres- prensa, em Cartum, capital do
Secretário-Geral da ONU na cimento do movimento anti- Sudão, os partidos políticos
Somália, de 13 a 15 de governamental. declararam conjuntamente
Dezembro último, as forças Aquela formação política, que a situação só pode mudar
de segurança somalis liderada por Sadeq al Mahdi, "com o estabelecimento de
reprimiram violentamente qualificou os acontecimentos um novo Governo no país”
manifestações na vila de como “uma violação fla- para que se possa ganhar “a
Presidente cabo-verdiano, Jorge Carlos Fonseca, numa foto durante uma visita a Angola Baidoa (Sudoeste), grante dos direitos humanos confiança do povo sudanês".
resultando na morte de 15 e das liberdades básicas” dos As manifestações regis-
pessoas e na detenção de manifestantes, que foram tadas em várias cidades, in-
300 outras. As manifestações dispersados com gases lacri- cluindo a capital Cartum, e

Cabo Verde intensifica eram a favor de Muktar


Robow, um antigo
"jihadista", actual presidente
da região, acusado pelo
mogéneos, cassetetes e até
fogo real nalgumas ocasiões.
De acordo com os dados
fornecidos pelo Governo a
que começaram após um
aumento do preço do pão
em Dezembro passado, que
passou de uma libra sudane-

combate à insegurança
O Presidente Jorge Carlos Fonseca apontou como grandes prioridades do seu país para
Governo de ter fundado uma
milícia, em Baidoa, para criar
instabilidade e de nunca ter
renunciado às suas
ideologias extremistas.
27 de Dezembro, 19 pessoas
morreram, entre as quais
alguns membros das forças
de segurança, e registaram-
se 219 manifestantes feridos,
sa para três libras em plena
crise económica, transfor-
maram-se num movimento
contra o Governo do Presidente
Bashir, que chegou ao poder
2019 a consolidação do crescimento económico, o combate ao desemprego e aos efeitos A Missão da ONU na mais 187 militares. em 1989, através de um golpe
da seca e a intensificação da luta contra a insegurança, um problema que persiste e que Somália está encarregada Por sua vez, a organização de Estado.
terá combate reforçado no ano que agora começa de apoiar os esforços de paz Human Rights Watch (HRW) Durante os primeiros dias
e reforçar as instituições pediu ao Governo sudanês do protesto, os edifícios e
Victor Carvalho sobretudo dos mais jovens”. reparos ao nível dos progra- governamentais do país que envie uma mensagem escritórios do partido do Con-
“Há que adoptar políticas mas de inserção e de forma- devastado por dezenas de clara às forças de segurança gresso Nacional, no poder,
Na sua mensagem de Ano activas de fomento do em- ção profissional. anos de guerra civil. Ela para que respeitem os direitos foram incendiados pelos ma-
Novo, o Presidente de Cabo prego, como as que estão con- Numa nota da Presidên- ajuda a Polícia, com dos manifestantes, e não usem nifestantes. Pelo menos 19
Verde, Jorge Carlos Fonseca, templadas no Orçamento do cia da República, é referido financiamento da logística, força letal contra eles. pessoas, incluindo dois mem-
apontou aquelas que serão Estado para 2019, que acabei que o Orçamento do Estado fardamento, formação e Instou ainda, em comu- bros das forças de segurança,
as prioridades para a gover- de promulgar, e que devem para o ano económico de pagamento dos salários nicado, as autoridades a foram mortas, segundo um
nação do país durante 2019, ser concretizadas com muita 2019 “revela uma consciên- do efectivo. "investigar imediatamente" relatório oficial.
pedindo o empenhamento determinação”, disse. cia do estado social do país DR
de toda a sociedade para que Mas, o grande problema e contempla algum esforço
elas possam ser cabalmente destacado por Jorge Carlos que é preciso fazer para cor- ANTIGO MINISTRO
cumpridas. Fonseca tem mesmo a ver rigir distorções sociais e DAS FINANÇAS
Entre essas prioridades, com a insegurança. “Aplau- regionais”. DE MOÇAMBIQUE
a principal aponta para o dimos muito vivamente as As transferências directas CONTINUA DETIDO
combate à insegurança, um medidas levadas a cabo e con- para os municípios (Fundo EM JOANESBURGO
problema que persistiu em gratulamo-nos com os resul- do Financiamento Munici- O ex-ministro das Finanças
2018 e que, no entender do tados alcançados, mas temos pal, Fundo do Ambiente, de Moçambique, Manuel
Chefe de Estado, deve ser de ter a noção de que o nível Fundo do Turismo e Fundo Chang, vai permanecer
“frontalmente encarado com de insegurança, especialmente de Manutenção Rodoviária), detido na África do Sul pelo
a preocupação que merece”, nos grandes centros urbanos, bem como a actualização menos até ao dia 8 de
uma vez que “influencia ainda é bastante elevado”. salarial dos pensionistas, Janeiro, segundo fonte da
directamente o desenvolvi- revelam um “cuidado do Polícia sul-africana. O porta-
mento do país”. Governo” que o Presidente voz da Polícia, Vishnu
A seca, que em 2018 atin- da República classificou de Naidoo, confirmou ao portal
giu fortemente Cabo Verde A seca, que em 2018 “encorajador”. News24 que Manuel Chang
pelo segundo ano consecu- atingiu Cabo Verde Para Jorge Carlos Fonseca permanecerá sob custódia
tivo, o crescimento econó- pelo segundo ano são “louváveis os programas até voltar a ser ouvido em Oposição sudanesa fala em mais de dois mil detidos pela Polícia
mico e o desemprego fazem consecutivo, o de inserção e de formação tribunal, o que deve
igualmente parte das prin- crescimento profissional previstos no Or- acontecer apenas na
cipais prioridades apontadas económico e o çamento”, mas considera próxima terça-feira. Manuel
por Jorge Carlos Fonseca e desemprego são necessária a introdução de Chang, 63 anos, actual
que deverão por isso mere- algumas das alguns acertos de forma a deputado da Frente de REGIÃO DE MOPTI
cer uma especial atenção prioridades permitir que os jovens das Libertação de Moçambique
do Governo. ilhas e concelhos periféricos (Frelimo), o partido no poder
“Mais uma vez incito as
autoridades a prosseguirem
apontadas por Jorge
Carlos Fonseca “tenham igual acesso, não
necessariamente em quan-
em Moçambique desde
1975, compareceu
Ataques étnicos no Mali
com a aplicação de medidas
que diminuam os impactos
negativos desta realidade Jorge Carlos Fonseca ma-
tidade mas em qualidade”.
Em relação à agricultura,
o Chefe de Estado apoia “a
recentemente no tribunal
em Kempton Park, leste de
Joanesburgo, na segunda-
provocam várias vítimas
recorrente em Cabo Verde, nifestou-se também muito decisão de isentar empresas feira, adiantou. Vishnu Trinta e sete pessoas foram tradicionais de caça ‘dozo’ lide-
reforçando o seu apoio ao preocupado com o facto de que pretendem investir na Naidoo precisou ainda que o mortas hoje num ataque a ravam o ataque.
mundo rural, onde vive uma “a violência contra a mulher” dessalinização da água para ex-ministro das Finanças de uma aldeia da etnia fula no “Além dos 37 mortos regis-
grande parte da nossa popu- assumir “proporções inacei- práticas agrícolas”, por se Moçambique pode ser centro do Mali, levado a cabo, tadas, todos civis, o relatório
lação”, sublinhou o Presi- táveis” e sublinhou que o abu- tratar de “uma iniciativa que extraditado para os EUA. segundo fontes oficiais, por dá conta de vários feridos e
dente de Cabo Verde na sua so sexual de menores “conti- reduz a dependência” de Manuel Chang foi preso no caçadores tradicionais, conhe- de muitas casas queimadas”,
mensagem de Ano Novo. nua a manchar a sociedade Cabo Verde da chuva, “com sábado no Aeroporto cidos como “dozos”. acrescenta o comunicado.
Jorge Carlos Fonseca regis- cabo-verdiana”. potencial de transformar Internacional de Oliver O governo "informa a opi- “O governo garante que os
tou “a continuação da ten- áreas de sequeiro em super- Tambo, em Joanesburgo, nião nacional e internacional responsáveis pelos crimes
dência de crescimento da Orçamento aprovado fícies irrigadas”. com base num mandado de de um ataque que matou 37 serão punidos com todo o rigor
economia cabo-verdiana- Antes de falar ao país, Jorge O Orçamento do Estado captura internacional pessoas na aldeia Koulogon, da lei e convoca todas as comu-
verificada em 2018”, mas Carlos Fonseca tinha pro- para 2019, que entrou em emitido pelos Estados na comuna de Koulogon Habé, nidades da zona central a acal-
sublinhou que o país pode mulgado o Orçamento do vigor na terça-feira, é de o Unidos, em 27 de Setembro, no círculo de em Bankass, na marem-se”, acrescentou.
“enfrentar o grave problema Estado para 2019, louvando equivalente a 650 milhões por alegado envolvimento região Mopti", lê-se num comu- Uma informação anterior
do desemprego, que continua no despacho que assinou de dólares norte-america- em crimes financeiros, que nicado oficial do executivo do dada por fontes parlamen-
a ser uma das grandes preo- várias das medidas nele con- nos, mais 92 milhões do que ascendem a dois mil milhões Mali, que especifica que homens tares e de segurança relatou
cupações da população, templadas e deixando alguns o anterior. de dólares. armados vestidos com roupas a existência de 33 mortos.
MUNDO Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 9
CONVITE DE XI JINPING ALERTA DAS SECRETAS

Taiwan rejeita apelo


Breves
ACIDENTE FERROVIÁRIO
CAUSA VÁRIAS MORTES
Ameaça do Estado Islâmico
para a reunificação A Polícia dinamarquesa
confirmou ontem que seis
pessoas morreram e 16 sobre a Europa continua alta
A Presidente taiwanesa, Tsai República da China, e fun- ficaram feridas na
Ing-wen, rejeitou ontem o ciona como uma entidade sequência de um acidente
apelo do Presidente chinês, política soberana. ferroviário na ponte do
Serviço de Informações de Segurança de Portugal avisa que, apesar
Xi Jinping, para uma reuni- Num discurso dirigido a Estreito do Grande Belt, no do declínio na Síria e no Iraque, o grupo continua a recrutar membros
ficação pacífica com a China, Taipé, Xi voltou a avisar que centro da Dinamarca. e a preparar-se para mais atentados em territórios europeus
sob a política “Um país, dois a China “tomará todas as me- O acidente ocorreu quando
sistemas”, que vigora em Ma- didas necessárias” contra “for- uma parte do tecto de um DR
cau e Hong Kong. ças externas” e “separatistas” comboio de mercadorias,
Tsai afirmou que Pequim que se oponham à reunifi- que se dirigia para a ilha de
se deve “conformar com a cação pacífica. Funen, colidiu com o de
existência” da República de Mas Tsai garantiu que o passageiros que seguia em
Taiwan, em declarações à povo taiwanês "deseja man- sentido oposto.
imprensa, na sequência de ter-se autónomo" em rela- As autoridades cortaram a
um discurso no qual Xi avi- ção à República Popular da circulação na ponte, que
sou que ninguém pode parar China. APresidente taiwa- liga as ilhas de Funen e
a reunificação. nesa apelou a uma maior Zelandia e é uma das
O princípio "Um país, dois racionalidade e pragma- principais vias de
sistemas" garante autonomia tismo de Pequim. comunicação do país.
às regiões administrativas “Eu gostaria de apelar à A tempestade “Alfrida” tem
especiais de Macau e Hong China que enfrente directa- causado nas últimas horas
Kong, excepto em questões mente a realidade da exis- alterações na circulação
de defesa e relações externas. tência da República da China ferroviária devido à queda
Pequim considera Taiwan em Taiwan”, disse, refe- de árvores nas linhas e
uma província chinesa, e rindo-se ao nome oficial da estradas, bem como um
defende a "reunificação pací- ilha. A Presidente da ilha aumento do nível da água
fica", mas ameaça "usar a destacou a sua determinação em várias partes do país, o
força", caso a ilha declare a em fortalecer as defesas tai- que levou as autoridades a
independência. wanesas contra os desafios emitir um alerta de tempo
Taiwan, a ilha onde se refu- enfrentados pela ilha, como “muito perigoso”.
giou o antigo Governo chinês a intimidação e a interfe- A ponte do Estreito de
depois de o Partido Comunista rência no desenvolvimento Sund, que liga Copenhaga
tomar o poder no continente político e económico por e Malmoe (Suécia),
em 1949, assume-se como parte de Pequim. também ficou fechada à
circulação por várias horas.
DR
Mais de 100 mil casas não
tinham electricidade na Milhares de jihadistas vão deixar as diversas prisões na Europa nos próximos dois anos
Suécia por causa da
tempestade.
O autodenominado Estado nização, o que - a breve trecho de regresso à Europa de inú-
Islâmico pode estar a perder - poderá traduzir uma maior meros militantes do Estado
força na Síria e no Iraque, capacidade do Estado Islâ- Islâmico, "quer enquanto
DETONAÇÃO NUCLEAR mas a ameaça do grupo extre- mico”. Uma força que não estratégia de fuga, quer para
PROVOCA SISMO mista sobre a Europa man- passará necessariamente consolidar a presença da
NA COREIA DO NORTE tém-se alta. O alerta é subli- pelo domínio de um território organização na Europa".
Um pequeno tremor de nhado num documento ela- vasto, como aconteceu desde Ainda no ano passado as
terra de magnitude 2,8 borado na segunda metade 2014 no autoproclamado secretas tinham avisado que
na escala de Richter atingiu do ano passado pelo Serviço “califado”, mas sim pela efi- podem voltar portugueses
ontem a província norte- de Informações de Segurança cácia na radicalização de do "califado" a curto prazo,
coreana de Hamgyong (SIS) de Portugal e torna-se novos membros e no pla- principalmente mulheres e
Norte. De acordo com mais actual do que nunca, neamento de atentados com crianças, o que já levou o SIS
a Administração numa altura em que notícias um alvo concreto: a Europa. e a Polícia Judiciária a pre-
Meteorológica da Coreia, dão conta da libertação de “Pode inevitavelmente pararem um plano para aco-
o sismo foi provocado pela centenas de “jihadistas” das contribuir para uma acção lher as famílias dos "jihadistas"
Presidente da China disse que a reunificação é irreversível detonação subterrânea cadeias europeias nos pró- mais coordenada e mais eficaz mortos em combate.
de um dispositivo nuclear, ximos anos e quando os Esta- no que concerne à sua acção
em Setembro de 2017. dos Unidos da América aca- na Europa, em três domínios, Ameaça em Portugal
O sismo de ontem bam de anunciar a retirada o reforço da sua máquina de Mas se o SIS alerta que este
MONTES URAIS aconteceu a cerca de 12 dos seus militares da Síria. propaganda e um intensificar quadro "não antecipa um
quilómetros de Na análise, que fontes do da difusão de conteúdos, a desagravamento da ameaça

Desabamento de prédio profundidade, a escassos


quilómetros do local de
testes nucleares de
Sistema de Segurança Interna
garantem manter-se actual,
o SIS avisa que “o declínio do
radicalização e recrutamento
de novos membros, de forma
personalizada, explorando
que impende sobre a Europa",
realça também que em Por-
tugal o grau de ameaça ter-
deixa 28 mortos na Rússia Punggye-ri, segundo a
CNN. O teste nuclear foi
“califado” enquanto auto-
administração de um vasto
redes de contactos existentes;
e, por isso, não só a inspiração
rorista permanece moderado.
“Importa, contudo, subli-
o mais potente alguma vez território não significa o fim e encorajamento para a rea- nhar que Portugal e os cida-
O número de mortos no especialistas de Moscovo e realizado pela Coreia do grupo Estado Islâmico (EI) lização de ataques, mas a sua dãos portugueses não estão
desabamento parcial, na Ecaterimburgo, a capital do do Norte. De acordo com e não mitiga a ameaça que efectiva direcção.” à margem da estratégia do
segunda-feira, de um edifício distrito federal dos Urais. DR impende sobre a Europa”, Estado Islâmico, do alcance
de habitação na Rússia, na Parte do prédio de nove falando no risco de novos ata- Libertação e regresso da sua mensagem ou da acção
região dos Montes Urais, andares desabou na segun- ques de baixa complexidade. de “jihadistas”. dos seus militantes”. Uma
subiu para 28, segundo um da-feira após uma explosão As secretas portuguesas Segundo o documento do fonte do Sistema de Segu-
novo balanço feito ontem de gás em Magnitogorsk, reconhecem que a interven- SIS, uma parte da estrutura rança Interna adiantou que
pelas autoridades locais. uma cidade industrial na re- ção das forças da coligação do grupo, dedicada exclu- o quadro descrito no relatório
Os corpos de 28 pessoas, gião de Chelyabinsk, a cerca contra o EI nos territórios da sivamente ao apoio logístico do SIS não se alterou, com ex-
incluindo duas crianças, já de 1.700 quilómetros a les- Síria e do Iraque levou ao e à facilitação das actividades cepção do atentado em Estras-
foram encontrados, de acordo te de Moscovo, nos Montes declínio do “califado”, assim terroristas, estará já localizada burgo, há aproximadamente
com um comunicado do Urais. As vítimas do desaba- como ao enfraquecimento em países vizinhos à Síria e duas semanas.
Ministério de Situações de mento viviam neste edifício da sua estrutura. No entanto, ao Iraque, para garantir “a Em Portugal, mantém-se
Emergência russo. Seis pes- de 35 apartamentos, cons- a acalmia militar no terreno, manutenção das redes de o grau moderado e as forças
soas, incluindo duas crianças, truído em 1973, durante a era nos últimos tempos, possi- contactos e a prossecução de segurança continuam a
foram salvas e outras 20 con- soviética. bilitou o reagrupamento dos futura das actividades” e adoptar maior visibilidade
tinuam desaparecidas. As equipas de resgate, que o Ministério da Defesa do “jihadistas” e famílias em garantir "a sua sobrevivência como elemento de dissuasão.
"O trabalho no local con- trabalham com temperaturas Japão, o teste nuclear algumas bolsas territoriais, em qualquer circunstância e “Continua a verificar-se uma
tinua", refere a nota do Minis- de -27º. C, encontraram um atingiu um nível explosivo em particular ao longo das a sua presença global". intensa troca de partilha de
tério, acrescentando que 800 bebé vivo ontem. de 160 quilotoneladas. Na margens do Rio Eufrates. Um cenário a que se jun- informações entre serviços
metros quadrados de destro- As autoridades de saúde altura, a explosão causou “Por isso, e num ambiente tam a expectável libertação internos da União Europeia.
ços já foram retirados do local em Moscovo disseram que um terramoto de mais estabilizado, os mili- a breve prazo de centenas Mas não há alterações à ava-
durante as últimas horas e a criança está numa situação magnitude 6,3, que teve tantes da organização “jiha- de detidos por actividades liação qualitativa da ameaça
carregados em camiões. de saúde grave, mas estável, várias réplicas. A Coreia do dista” estarão a envidar terroristas em solo europeu, que foi realizada em Julho,
Várias centenas de pessoas tendo sofrido queimaduras, Norte garante que, desde esforços para aportar alguma como o "Diário de Notícias" quer em Portugal quer na
foram mobilizadas para os bem como traumatismo cra- então, o local de testes estrutura, consistência e efi- de Lisboa avançou na passada União Europeia", reforça a
trabalhos de resgate, incluindo niano e várias fracturas. nucleares foi encerrado. cácia à sua debilitada orga- quinta-feira, e a possibilidade mesma fonte.
10 ECONOMIA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PROJECÇÕES ECONÓMICAS

Introdução do IVA reduz preços


Num dos mais significativos desenvolvimentos, o Governo começa a aplicar o Imposto sobre o Valor Acrescentado em Julho,
eliminando o peso da dupla tributação nos custos do produto final, o que tem um impacto virtuoso na vida da população

EDUARDO PEDRO | EDIÇÕES NOVEMBRO CEDIDA

Natacha Roberto

A introdução do Imposto
sobre o Valor Acrescentado
(IVA), adiada de Janeiro para
Julho de 2019, afigura-se o
acontecimento do domínio
económico que mais impacto
tem na vida dos angolanos
durante este ano, acima de
tudo, devido à redução da
carga fiscal sobre o preço
final dos bens de consumo.
No sentido mais amplo,
a Administração Geral Tri-
butária (AGT) introduz o IVA
para elevar as receitas, com-
bater a fraude e evasão fiscais
e proporcionar maior justiça
tributária: o peso da receita
tributária no Orçamento
Geral do Estado (OGE) passa
de 28,94 por cento, em 2018,
para 37,17 por cento, em 2019.
Os números do OGE de
2019 indicam que a receita
tributária ascende de 2.803,2
mil milhões de kwanzas em
2018, para 4.220,4 mil milhões
em 2019, mais 1.417,2 mil
milhões, mas não está claro
se essas projecções já incor-
poram o potencial do IVA,
que vigora apenas nos últimos
cinco meses do ano.
O coordenador do Grupo
Técnico de Implementação
do IVA, Adilson Sequeira,
declarou ao Jornal de Angola
que a previsão para 2019
“não reflecte o real potencial
de receita do IVA, uma vez
que pode aumentar o per-
centual na medida em que
os contribuintes do regime

O cenário
dos preços posterior A sobreposição de impostos sobre os bens e serviços é suprimida com o novo tributo Coordenador do Grupo Técnico de Implementação do IVA
à introdução do IVA
é caracterizado pela
eliminação do mento de imposto sobre o do Estado é a entidade que no Código do IVA para pos- erros e falhas que não podem formação dos técnicos de
“efeito cascata” imposto, que leva à dupla comercializa. O IVA, explicou sibilitar que na formação dos ser previstos, mas estamos a Contabilidade”, explicou.
ou de dupla tributação”, refere Adilson o coordanador, é baseado na preços dos produtos com o procurar desenvolver todo o Com a publicação do “Regime
tributação Sequeira. O responsável da aplicação de uma taxa única, IVA, não se inclua o Imposto sistema informático da AGT Jurídico das Facturas e Docu-
verificado no actual AGT explicou que o IVA tem um mínimo de isenções pos- de Consumo nos bens em e a trabalhar com os produ- mentos Equivalentes” e do
imposto o efeito da repercussão, o síveis e um regime simplifi- stock até antes da entrada em tores de sistemas para garantir “Regime de Submissão Elec-
de consumo que significa que é repercu- cado para os pequenos e micro vigor do código. o sucesso do reporte da infor- trónica dos Elementos Con-
tido no consumidor final contribuintes, além da pre- A introdução do IVA está mação contabilística para tabilísticos”, os produtores
porque adquire o bem e valência de uma taxa zero a ser preparada para que possibilitar o apuramento do podem começar a alterar os
transitório solicitam o enqua- suporta o encargo fiscal, mas sobre as importações. decorra sem anomalias, de imposto de forma electrónica, seus programas de facturação
dramento ao regime geral, quem tem a responsabilidade Adilson Sequeira anunciou acordo com o coordenador bem como a cooperar com a para reduzir dificuldades de
alargando a base tributária”. de fazer chegar aos cofres que será criada uma norma da Comissão Técnica: “existem Ordem dos Contabilistas na índole informática.
O cenário dos preços pos-
terior à introdução do IVA é
caracterizado pela eliminação
do “efeito cascata” ou de
dupla tributação verificado
no actual imposto de con-
Adiamento dá tempo às empresas tratarem da contabilidade e do sistema informático
sumo. Na formação do preço
de venda aos contribuintes O adiamento da publicação e en- O adiamento, considerou, vai O primeiro, o Regime Geral, será Devem incluir o IVA na factura,
do regime geral, o IVA incor- trada em vigor da Lei do IVA justi- permitir a melhor capacitação e obrigatório para os contribuintes não deduzem e não solicitam reem-
porado nas aquisições de fica-se por permitir que o período divulgação do IVA junto dos agentes cadastrados na Repartição Fiscal bolso no caso de crédito de imposto,
bens e serviços não pode ser de vacatura da lei (vacatio legis) económicos e outros cidadãos, bem dos Grandes Contribuintes que estão submetendo uma declaração sim-
incluído, pois é deduzido ou não seja inferior a um mínimo de como a formação e capacitação dos sujeitos a todas as regras do Código plificada, de forma trimestral, das
reembolsado em caso de cré- três a quatro meses, dando tempo técnicos de Contabilidade inscritos do IVA, devem incluir o imposto na vendas de bens e serviços recebidos.
dito fiscal. suficiente para que as empresas se na Ordem dos Contabilistas e Peritos factura e deduzi-lo para solicitar o No Regime de Não Sujeição estão
Por crédito fiscal entende- ajustem aos condicionalismos e for- Contabilistas de Angola (OCPCA), reembolso de crédito. incluídos os contribuintes com
se, genericamente, o direito malismos do novo imposto. que está a executar um programa No Regime Transitório, os con- volume de facturação ou operação
do contribuinte à restituição, O responsável explicou que, nesse domínio. tribuintes com volume de facturação de importação anual igual ou inferior
reembolso, compensação após a construção dos módulos do A implementação do IVA vai abar- ou operação de importação anual ao equivalente a 250 mil dólares
ou ressarcimento de tributo IVA no Sistema Integrado de Gestão car todos os contribuintes, sepa- superior ao equivalente a 250 mil norte-americanos, os quais não
previamente pago. Tributária (SGIT), é instituído um rados apenas pelos três regimes dólares não estarão sujeitos a todas ficam sujeitos a todas as regras do
“Uma das razões da intro- período de testes de pelo menos de tributação, nomeadamente o as regras do Código do IVA, pelo que Código do IVA e não calculam nem
dução do IVA, foi a de evitar dois meses a anteceder à entrada Regime Geral, o Transitório e o de calculam e pagam o imposto de pagam o imposto nas suas vendas
o efeito cascata, que é o paga- em vigor do Código. Não Sujeição. forma simplificada. e serviços prestados.
ECONOMIA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 11
COMISSÕES NO BAI NO ANO PASSADO

Banco iniciou MÊS DE JANEIRO


CONTREIRAS PIPA|EDIÇÕES NOVEMBRO
Breves DOMBELE BERNARDO | EDIÇÕES NOVEMBRO

PRODUÇÃO ILEGAL
a cobrança de DE CARVÃO DEVASTA
DOIS MIL HECTARES
levantamentos Em consequência da
produção ilegal de carvão
de até 50 mil vegetal, dois mil hectares
de terras aráveis foram
O Banco Africano de Inves- devastados em 2018, na
timento (BAI) aplica desde província da Huíla, mais
ontem uma cobrança de 500 350 hectares em relação a
kwanzas para levantamentos 2017, noticiou ontem a
ao balcão de até 50 mil, uma Angop com base em dados
medida que visa promover a Banco central mantém frequência de leilões do Instituto de
cultura de utilização dos Caixa Desenvolvimento Florestal
Automático (ATM) e Terminais (IDF). Aqueles serviços
de Pagamento Automático
(TPA), de acordo com decla-
BNA ‘oferece’ 700 anunciaram que, a partir da
segunda quinzena de
rações obtidas ontem do pre- Janeiro, vão reforçar as
sidente da Comissão Executiva
da instituição.
milhões de dólares acções de advocacia
ambiental junto das
Luís Lélis afirmou ao Jornal famílias rurais, que têm a
de Angola que o banco está O Banco Nacional de Angola (BNA) anunciou produção ilegal de carvão
a desincentivar os clientes de ontem que vai disponibilizar este mês 700 milhões como fonte de rendimento,
provocarem enchentes com de dólares em moeda estrangeira aos bancos o que acontece para
a repetição de idas aos balcões comerciais, mantendo a frequência diária de reverter a destruição de
para fazerem levantamentos leilões de preços na venda de divisas. activos florestais.
menores, apesar de terem No primeiro comunicado de 2019, o banco Segundo o director
disponíveis a rede de ATM central refere que a venda de divisas se destina provincial do IDF, Dumbo Marcos Nhunga destacou o esforço dos produtores agrícolas
onde podem sacar de forma também para garantir os plafonds para cartas Kangopito, depois da fase
gratuita. “Temos 20 mil ter- de crédito, bem como à liquidação de cartas de sensibilização, que
minais distribuídos em todo de crédito, ao atendimento às casas de câmbio contará com a ajuda de
o país para apoiar os clientes
nas operações financeiras de
levantamento e transferência
e às operadoras de remessas.
Após cada sessão, o BNA divulgará, no seu
portal institucional, o montante disponibilizado,
vários parceiros sociais,
vem o período de
"repressão e punição" dos
Preço dos fertilizantes
de remessas”, notou.
JOSÉ SOARES |EDIÇÕES NOVEMBRO
o número de participantes, as taxas de câmbio
máxima e mínima admitidas bem como a taxa
de câmbio média resultante da sessão.
infractores. Os municípios
mais afectados pela
produção ilegal de carvão
diminuiu sete vezes
Ontem, as taxas de câmbio mantiveram-se são o Lubango, Caconda, Ministro atribuiu a evolução registada às
inalteradas frente às registadas no último dia Matala, Chibia, Chipindo, políticas de mais fomento da produção
de 2018, com a moeda europeia cotada a 354,828 Cuvango e Jamba. O IDF na
kwanzas por euro (a 1 de Janeiro de 2018 tran- Huíla está implantado em
saccionava-se a 185,4 kwanzas por euro), o quatro dos 14 municípios Ana Paulo ultrapassa as 1.500, e o início
que corresponde a uma depreciação de mais da província, da produção nacional da
de 47 por cento, tendo atingido mínimos his- nomeadamente Lubango, vacina contra a doença de
tóricos há cerca de mês e meio (355,057 kwanzas Chibia, Matala, Caconda e Em 2018, as políticas apli- “Newcastle”, uma patologia
por euro). Quilengues. cadas pelo Ministério da contagiosa que infecta aves
Agricultura e Florestas per- domésticas e selvagens.
mitiram uma redução do Num pronunciamento
Luís Lélis, presidente do BAI TRANSGRESSÕES preço do saco de 50 quilos público em vésperas de pas-
CAMBIAIS SOBEM de fertilizantes em sete vezes sagemb de ano, o ministro
O BAI, prosseguiu, possui PARA AS FAA EM SANTA CLARA e o da charrua de tracção da Agricultura e Florestas,
150 balcões que recebem As apreensões por animal em cinco vezes, de Marcos Nhunga, agradeceu
cem mil clientes por semana, transgressão cambial acordo com dados da ins- aos produtores pelos esforços
sendo que a maior parte vai
levantar pequenos montan-
tes. “As nossas pesquisas
Sindicato de bancos ocorridas em 2018 no Posto
Fronteiriço de Santa Clara,
Cunene, ascenderam a
tituição enviados ao Jornal
de Angola.
empregues na revitalização
do sector, apesar das difi-
culdades, mas realçou a
O preço da unidade de 50
confirmam que, efectiva-
mente, um número relevante
de clientes privilegia os levan-
financia aquisição 26,164 milhões de kwanzas,
mais três milhões que os
19,130 milhões de kwanzas
quilos do adubo composto
12-24-12 passou de 35 mil
para cinco mil kwanzas,
acção proactiva do Governo,
que elevou a despesa orça-
mental do sector para 2019.
EDIÇÕES NOVEMBRO
tamentos ao balcão por des- Um sindicato bancário vai notificados em 2017, enquanto o da charrua de
conhecimento e por alguma financiar, com mais de 53 noticiou a agência Angop. tracção animal, de 50 mil,
resistência à mudança”, milhões de euros, o desen- O comandante da Polícia passou a custar dez mil kwan- O Ministério
explicou. volvimento de uma solução Nacional no Cunene, zas no ano passado, no quadro da Agricultura
Luís Lélis informou que informática para as Forças comissário Tito Munana, das políticas definidas pelo e Florestas liderou
acima de 95 por cento dos Armadas Angolanas, a cargo declarou em Ondjiva que Executivo e da aplicação do a correcção de solos
levantamentos ao balcão, à do grupo português Reditus, essas apreensões foram Plano de Desenvolvimento com a distribuição
semelhança do que acontece segundo um despacho assi- acrescidas de 173.650 Nacional 2018-2022, que visa de mais de 17 mil
nos caixas automáticos da nado pelo Presidente da dólares norte-americanos e promover o aumento da pro- toneladas de
rede Multicaixa, é, em média, República, João Lourenço. 97.360 dólares namibianos. dução e a produtividade, tendo calcário nas
inferior a 20 mil kwanzas. De acordo com o docu- Tito Munana afirmou que em conta a regeneração do províncias do
O presidente da Comissão mento, de 27 de Dezembro, esses valores resultam de sector da agricultura. Huambo, Bié
Executiva acredita que a citado pela Lusa, em causa 394 infracções aduaneiras As acções do ano passado e Huíla
medida garante menos cons- está a terceira fase do projecto registadas ao longo da permitiram, ainda, o aumen-
trangimentos aos clientes que para Implantação de Soluções Forças Armadas Angolanas fronteira com a Namíbia, to das áreas de correcção de
preenchem longas filas nos do Centro de Dados e de uma apostam na modernização menos cinco em relação ao solos nas províncias do Huam- “Com o incentivo, o Exe-
balcões e propicia mais segu- Plataforma de Software, con- ano de 2017. bo, Bié, Huíla, Cuanza-Sul e cutivo pretende que aumen-
rança, evitando que sofram tratado em 2017 pelo Governo regosa, no valor global, equi- Disse ser frequente a Benguela. temos a produção e contri-
assaltos. “O BAI não é o pri- à empresa ALL2IT, do grupo valente em kwanzas, de passagem de avultadas O Ministério da Agricul- buamos para o combate à
meiro banco da praça a pra- português Reditus. 53,295 milhões de euros (85 somas em moeda tura e Florestas liderou a cor- fome e à pobreza, para a cria-
ticar este tipo de preçário e a O contrato está inscrito por cento do valor total). estrangeira para a Namíbia, recção de solos com a distri- ção de emprego e para a diver-
nossa comissão de levanta- na linha de seguro de crédito O empresário Miguel Pais para custear a importação buição de mais 17 mil toneladas sificação da economia”,
mento é, certamente, a mais à exportação da Companhia do Amaral detém 24,74 por de bens e serviços, sem, de calcário nas províncias de sublinhou o ministro, ape-
competitiva quando compa- de S eguro de Cré dito s cento do capital social do no entanto, observarem Benguela, Huambo, Bié e Huíla, lando à execução de progra-
ramos com outros bancos do (COSEC) de Portugal, no grupo tecnológico, seguido as regras de transferência, tendo obtido resultados satis- mas produtivos, sobretudo
nosso mercado”, disse. valor de 62,7 milhões de do BCP (16,51 por cento) e o que constitui fuga fatórios com o aumento da nos domínios agrícola, pecuá-
A carteira de clientes do euros, envolvendo um pro- da família Moreira Rato (10,12 de capitais. Quanto produtividade nas regiões alvo rio, florestal e do café, palmar,
banco cresceu em cerca de jecto de comunicações fixas, por cento). ao controlo fronteiriço, deste programa, que de 800 cacau e caju.
250 mil nos últimos dois voz e dados e o desenvolvi- No relatório e contas de o comandante da Polícia quilos, ascenderam a uma Outro aspecto positivo
anos, verificando-se recla- mento de um centro de dados 2017, a Reditus refere que Nacional no Cunene disse média de 2,5 toneladas de durante o ano passado foi a
mações frequentes pelo e de plataforma de software. este contrato foi incluído que, em 2018, milho por hectare. negociação de projectos de
tempo de espera - em média No despacho, o Presidente n aq u e l e m e s m o a n o n o registaram-se 938 Outras acções do Minis- assistência financeira e técnica
cerca de 45 minutos- nas autoriza o financiamento “"plafond" protocolado para violações, mais 246 tério da Agricultura que visa- aos agricultores familiares e
filas para o atendimento. deste projecto público pelo cobertura de riscos de crédito em relação ao período ram as soluções estruturantes empresariais por instituições
“A medida foi discutida e sindicato bancário consti- à exportação de bens, equi- anterior, culminado com para a resolução de graves financeiras multilaterais em
teve em conta os vários con- tuído pelo Banco Angolano pamentos e serviços de ori- a interpelação de 3.213 problemas do sector foi o condições vantajosas, pro-
textos próprios da nossa de Inve stimento s (BAI) g e m p o r t u g u e s a p a ra a cidadãos, sendo 3.161 incremento do número de jectos que vão abranger todas
realidade”, afirmou. Europa, BCP e Banco LJ Car- República de Angola”. nacionais e 52 namibianos. escolas de campo, que já as províncias do país.
12 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

Solicitamos a comparência, no prazo de cinco (5) dias, dos clientes abaixo mencionados a fim de tratar de assuntos do vosso interesse. Para o efeito, deverão
contactar a sede do Standard Bank, sito no Condomínio Belas Business Park, Edifício Cuando Cubango, Avª.Talatona - Luanda Sul ou os seus Gestores de Clientes.

Abel Sampaio Manuel Cafranca Cláudio Quintas Bom Ano João Francisco Ramos Manuel
Abigail Afonso Capembe Costa Fernando Dos Santos João Goma Puati
Adão Manuel Salvador Cristiano Rodrigues Da Silva João Jose Canza Ngonga
Adão Mayamba Custódio Do Rosario Nuno Temo João Kudizuelela Bassa
Adelino Crespo Antonio Mazambi Dady De Oliveira Mavakala João Manuel Soares
Adilson Branco Dias Dos Santos Daniel Filipe Vonzo João Ngando Muteba
Adilson Paulo Mutunda Dário Kimboma Malungo Miguel João Pedro Maiembe
Adolfo C Wonsimba Ekolelo Dário Manuel Gomes João Pedro Mbala Damião
Afonso Alberto Namuele David Carlos Joana João Pombo Baptista
Agostinho Jaime Lisboa Júnior David Custodio Tati João Se Sousa Antonio
Albertina Janice De Almeida David Mota Isequiel João Simba Dembe
Alberto Amos Conde Dinis Panda Malungo João Vicente De Oliveira Ferre
Alberto Carlos Ferreira Moita Domingos António Ginga Joaquim Filipe Júlio Manuel
Alberto Chama Paulo Domingos Dombaxe Muanza Quintas Joaquim Miguel Lucas Cacinta
Alberto Tito Garcia Domingos Pedro Morais Joaquina Vieira Pelinganga
Alberto Walter Magalhães Candjawe Edlénia G Tito Fortes De Andrade Jorge Da Silva Buta
Aldo Olívio Vunge Edson Caetano De Sousa Feijó Jorge Domingos Fernandes Campos
Alem Bondo Eduardo Alexandre Francisco Jorge Maria Mambo Capita
Alfredo Alberto Vemba Eduardo Augusto Da Costa Coelho José Alexandre Sumbo
Aline Maria Gavino Augusto Eduardo Rafael Pedro José Anselmo Pemba
Altino Antonio Mingas Buiti Elísio Bernardo Chipa José Carlos Da Silva
Amadeu Vilão Joao Miguel Emanuel Teixeira Lourenço José Henriques
Ambrósio Dos Anjos Lobato Lajeira Enver Tukayamo Correia Malaqui José Kanjo Kamoso
Amilton Severino Sassica Erikson Feliciano Lopes José Leal Sebastiao
Ana Maria Da Conceição Manuel Ernesto Bernardo José Manuel Cristovao Caluvi
Ana Zinga Dos Santos Ernesto Chipita Firmino José Maria Luis Caxinda
André Luemba Ernesto Da Silva Agostinho José Matos Carneiro
André Luemba Casimiro Esmael Dos Santos Afonso José Mendes De Carvalho
André Ndundu Costa Esmelia Cristina Pedro Correia José Pedro Casimiro
André Paca Príncipe Salvador Etelvino Gaspar Teixeira José Sambomgue Chicanha
Andreia Tatiana Caldas Morais Euclides Paulo Nunguno Josias Pascoal S Dos Santos
Angelino Ricardo Tchivala Evandro Leonel Sequeira Silvestre Josvaldo Carlos Da Silva Caposso
Antonio Alfredo Cambamba Félix Gabriel Puna Júlia De Oliveira César
António Cesar Panzo Fernando António Alerson Ribeiro Júlio Cativa Maquimba Chiveira
António Da Luz Morais Fernando Bastos Kalemba Vuvu
António Francisco Breganha Ferreira Marcolino Jose Soares Kayarina Katila De Morais Francisco
António Joao Catarino Figueiredo Gomes Tomas Kiaku Pedro
António Joao Sangombe Chinhund Filipe João José Kizambangu Kawumba Joao
António Joao Sebastiao Francisco André Cuvaiyo Kruma Nelson Maria
António Madidi Francisco Barbeiro Sole Ladislau Johasse Ambriz Jone
António Manuel Gregório Faustino Francisco Chaves Lázaro Milagres Typupulo Mateus
António Maria Landinha Mbachi Francisco João Domingos Lello João De Oliveira António
António Maria Macaia Francisco José Canhanga Leonardo Binda
António Miranda Manuel Muginga Francisco Lubota Leu Naias De Carvalho Da Silva
António Rui Da Silva Santos Franz José Coxe Liberto Mabanza Luis
António Teca Miranda Frederico Catende Ulamba Liliana Mireille Pinnock
António Wilhians Da Silva Sabino Frederico Manuana Kapita Lisa Nsundi Mbimbi
António Zau Gabriel Batchi Loide Luiza M Lopes Da Silva
Apolo Marinelo De Deus Venâncio Garcia Luyindula Mayimona Luciano Miguel Jose
Arlindo Lopes Dumba Geraldo Estevão Tchipenda Luindula Bernardo Jaime
Armando Ivo Muanda Gerson Ivan Antunes Tavares Anapaz Luís Antonio Sita
Augusto Rodrigo Francisco Pedro Gerson Paulo Luís De Oliveira Gomes Lemos
Azenaide Naulamba Correia Chico Gervásio Capita Sumbo Luís João Pedrosa
Bento Da Silva Santos Coelho Gilberto Nzinga Rene Luís Simão Mataia Monteiro
Benvindo José António Kiteculo Gizela Domingas Garrido Da Costa Lukoki Mbundu Emanuel
Benvindo Nicolau Francisco Da Gomes Simão Paulo Maingui Carlos Mabeia Miguel
Bernardino Correia Neto Helder David Casimiro Mateus Manuel António Inácio
Brás Gomes Helena De Fatima M L Fernandes Manuel Diogo Bernardes
Bruno Adilson P Da Silva Ramos Helena Marcelina Malenga Manuel Dos Martires Baptista Kixixi
Bruno Mateus Joaquim Hernany Dos Santos Júnior Manuel Francisco Pires
Bruno Melão Dias Honório Zacarias C Sachilombo Manuel Joaquim Caetano
Carlos Alberto Lopes Bernardo Hugo Ricardo Barbeitos De Castro Manuel José António
Carlos Estevão Manuel Txicomba Iona Liana Moreira Da Silva Cruz Manuel José Bungo
Carol De Deus Ribeiro Isidro Joao Andima Manuel José Lisboa
Casimiro Antonio Balanga Ivo Kveluakala Meledi Manuel Kuarta Gabriel
Casimiro Tati Ivone De Jesus Tavares Varela Manuel Sumbo Capita
Catarina Kassova Sapalalo Ululi Jaime Da Conceição Faustino Da Manuel Vava Da Silva Kapenda
Catila Zuraida J De M Leite Manuel Janson Eduardo T J A Pedro Manzele Mancafi
Cecílio António Geraldo Jeremias Kutassi Katumua Marcelina Livanga Pilartes
Celestino M Gasto Chingue João Antonio De Sousa Gaspar Maria Margarida Da S Água Rosa
Ciel Edvaldo Ramos Cristovão João Antonio Lussala Marinela Cecília Ngueve Chimanha
Cipriano Israel Jeremias Celestino João Capinga Mario Cafumana Quissanga
Clara Noel Jeunge João Claudio Conde Massampu Kadi
Claudi Da Silva De Freitas João Das Merces Pereira Da Cruz Mateus Mabiala Lelo Nguimbi
Claudia Maria António José Calombe João De Azevedo Nguala Maura Tatiana Correia Patrão
Cláudio Gaspar Gomes João Eduardo Miguel Da Costa Mavinga Landa Afonso
Cláudio Nicolau Ventura Mota João Filipe Lima De Morais Mavitidi Matondo Eduardo

Para mais informações queiram por favor dirigir-se a uma agência mais próxima ou contactar-nos pelos seguintes números telefónicos:
226 432 574 / 226 433 215 / 226 434 932 / 226 432 531 / 226 433 260 / 226 433 234 / 226 433 149 / 226 433 240 / 923 190 888.
Standard Bank de Angola (CONTINUA NA PÁG. 13)
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 13
PUBLICIDADE

Solicitamos a comparência, no prazo de cinco (5) dias, dos clientes abaixo mencionados a fim de tratar de assuntos do vosso interesse. Para o efeito, deverão contactar
a sede do Standard Bank, sito no Condomínio Belas Business Park, Edifício Cuando Cubango, Avª.Talatona - Luanda Sul ou os seus Gestores de Clientes.
Mazissa Irene Da Costa Fernando Paulo Daniel Sandra Mukoko
Miguel Alberto Gaspar Paulo José Fernandes Dos Santos Santos Fernando Da Silva
Miguel Manuel Da Silva Paulo José Mateus Sebastião Eder Rodrigues Neto
Milton Henda Pestana Camenha Paulo Matias Dimith Sebastiao Sebastião Eduardo Neto
Muanza Kamba Wilson PAULO SIMBA BALO Sebastião Nzumba Adelina
Mudiambo Massunda Pedro António Canga Sebastião Osvaldo Barros Gomes
Mukangu Bibiana Pedro Bungo Simba Sérgio Domingos Lucas António
Natacha Marlene Da C Fernandes Pedro Casimiro Sheila Regina Gonçalves
Nelson Pires Kamboso Pedro Fernando Mato Simão Americano Lutango
Nelson Raul Martins Wanda Pedro João Da Silva Miranda Sónia De Jesus Pimentel Miranda
Neves Manuel Luagi Vemba Pedro Lidia Daniel Sónia Maria Beni Alberto
Ngandu Victor Pedro M Dos Santos Nascimento Sumbula Sebastião G Andrade
Nicolau De Lourenço Pedro Pedro Matoco Nunes Tarquínio Jorge Alfredo
Nicolau Pedro Mafukidi Pedro Narciso Da Cunha Manuel Teresa Da Cunha Eduardo Dala
Nilton Manuel Paulino Teresa Pedro Pascoal F Domingos Tomás Mabiala Sito
Nilza Marília Seixas Cordeiro Neto Pelino Ronaldo Mbungo Tomás Macanha Banganga
Nkololo Tulungua Sanda Pongo Mayemba Futi Tomás Nguli Pacheco
Nuno Miguel Paciência Louro Raúl Fiauana Tucanhanda Do Rosário Assis Raposo
Octávio Baptista Dos Santos Reginaldo Damião Barbosa Vandre Soy De Almeida Paquete
Octávio Miguel Goncalves Renaldo Maior Bandeira Venâncio Pascoal Pacheco
Odesio Fernandes Mariano Rene Oxencio Maluka Vicente Kuassa
Olindo Gomes Novais Ribeiro Pascoal Sebastiao Victor Cristo Gabriel
Panzo Garcia Augusto Ricardo Jorge De Melo Gonçalves Vivaldo Santos De Almeida
Patrício Luís Balo Ricardo Jorge Van Dúnem De Melo Walter Sidónio Quimuanda Escrivão
Paula Liberta Naval Da Silva Robilson Luciano Vasco Wanderlei Silva Dias
Paulino Valdo Menata Rufino Luís Simões Wempanga Toko
Paulino Vicente Tchivala Rui António Manuel Wilson Nkruma Felix Do Nascimento
Paulo Adilson Domingos Francisco Sabina Tahsi Ngasa Xieto Fernando Francisco
Paulo Bakatuseka Mudiambi Sabino Lemos Machado Yannick César Gomes Magalhães
Paulo Bartolomeu Miguel Samuel Futi Baza Zacarias Hossi Kamoso
Paulo Buassa Vumbi Sandra Maria De Sousa Ramos Brás Zacarias Raul Kituxi Panguila

Para mais informações queiram por favor dirigir-se a uma agência mais próxima ou contactar-nos pelos seguintes números telefónicos: 226 432 574 /
226 433 215 / 226 434 932 / 226 432 531 / 226 433 260 / 226 433 234 / 226 433 149 / 226 433 240 / 923 190 888.
Standard Bank de Angola
(500.000)

(19.062)
14 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

CLASSIFICADOS
Atendimento Mais informações
Rua Rainha Ginga, 18/24 — Luanda Telefones: 937 550 262 /949 770 006
de Segunda a Sexta-feira, das 8h às 18h, e-mail: publicidade@jornaldeangola.com
aos Sábados e Domingos, das 8h às 14h IMOBILIÁRIO VIATURAS DIVERSOS
APARTAMENTO T5, na TOYOTA Rav4, 950.000, ALGASSP: elaboramos
Centralidade do Ki- Renault Logan Akz: todo e qualquer tipo de
lamba, Quarteirão G, pre- 2.900,000, e Volkswagen projectos arquitectónico,
IMOBILIÁRIO dio organizado. Telefone: Jeta. Telfs: 912237087, incluindo croquis de loca-
lização. Telfs: 921475473,
923456257. (12) 927589565 . (21.168) 998343925. (21.201)

OU VENDE-SE Colégio C/ GRANDE PROMOÇÃO Es-


VENDE-SE 12 salas, localizado no
Rocha Pinto. Telefones. MÁQUINA de gelado, pi-
DESINFESTAÇÃO sem
cheiro, eliminamos ratos,
tética, cabeleireiro: Pa- GRANDE Promoção: Ma- PRECISA-SE
cote dia dos noivos quilhagem profissional,
912121413, 923413867 colé, algodão-doce, frita- baratas e outros insectos. 80.000,00. Tlf: 943089685. 8000 kz.Telf: 943089685. EMPRESA BIDITA´S LDA.
VIVENDA, 2 andares, (11) deira, chapa de hambúr- Ts: 927825963, 917825963 (21.160c (21.160b) Precisa de um(a) comer-
T10, C/ mobília, 6 suites, guer, fiambreira e tosta- cial com experiência.
CARRINHA L200 Sportero, (21.098)
salão de festa, Benfica, deira. Telefs: 936196882, Telf: 933138820(14)
230.000.000 Akz. Telfs: automática, 45.000Km, PRESTAMOS Serviços de
917747359 (15a)
923532124 (21.026b) por Akz. 3.500.000,00, ne- ARQUITECTOS profissio- Arquitectura, Construção COZINHEIRO com 3 anos
gociável. Telfs. 924151295, nais, fazemos plantas e Civil e remodelações de de experiência compro-
915439970 (20) projectos arquitectóni- residências e caxilharia. vada. Email:
ARMAZÉM 348m2 c/ loja, lowhanny69@gmail.com
padaria, lavandaria, PT, ge- cos de casas. Telefones: T: 946247246,946246265 (36)
CHEVROLET Spark Auto-
rador, 100 milhões. Telefs:
927455046, 912999788
VIATURAS mático, c/ problema na 933888000, 912888000
(20.860)
(21.252)
caixa. Telefs: 923522454,
(20.805) 913551818. (21.215)
GRANDE Promoção: mas-
AR Condicionado, mon-
tagem, manutenção e as-
OFERECE-SE
FABRICAMOS cozinhas,
CASA no Zango 3, T2, co- VENDE-SE KIA RIO 2013, cor preta, roupeiros, portas, des-
sagem relaxante, remover sistência técnica ao CONTABILISTA C/ vastos
zinha, WC, 2.100.000,00 LD-FC, Akz: 2.500.000,00. MOINHO de fuba de gorduras, Limpeza rosto, melhor preço do mer- anos de experiência: Con-
pensas, pérgolas e mobi-
Akz discutível. Telefones: CITRÖEN Jeep 4x4, ano Telef: 936443596(21.148) bombó e milho, diesel, C/ clariamento manchas. Telf: cado. Telefs: 922949494, tabilidade, Tesouraria e
ignição e manivela, 25 liário. Telef: 943339403. 943089685. (21.160a)
912335370, 923314737. 2014, automático, 27.000 911558661. (21.229) R. H. Telef. 994827763 (5)
sacos/hora, novo. Telfs: (21094)
(21.186) Km, Akz 6.000.000,00. Telf:
936196882, 922799624. CONSULTORIA ACADÉ- MOTORISTA procura em-
CASAS T3, inacabadas
914819680. (21.026a)
COMPRA-SE (15b) ELIMINAMOS infiltrações MICA: orientamos traba-
MAXABA CONSTRUÇÃO
construímos, fazemos re-
prego. Telfs: 932166656,
932166656. (16)
no Zango 1, 1.485.000,00 HYUNDAI Grand i10 , Full de água no tecto, pin- lhos de fim do curso para
VIATURA Avariada de Che- 2 TERRENOS Viana, auto tura, canalização, tecto obtenção do grau de li- formas e manitenções
Akz, pagamento a presta- option, modelo 2018, MOTORISTA Profissional,
vrolet S 10 modelo 2.8- estrada 2.7 e 1.5 hectares. falso. Telfs: 931662142, cenciatura. Telefone: em residências e escritó- com experiência, procura
ções. Telefs: 942696767, 5.500.000 Akz. discutíveis.
ano 2005 ou peças de re- Telefones: 918367532, 948419960, 912779363. rios. Telfs: 938700747 ou emprego. Ts. 990929198,
994800778. (21.231) Telefones: 923417462, 991395309. (21.104)
993417462 (20.677) posição. Tlf: 937922542 924763666. (21.107) (21.175) 912178956. (39) 923129198 (36a)
(18)
CASAS evolutivas no
Zango 3, a partir de CHEVROLET Aveo, caixa
1.900.000,00 Akz. Telfs. automática 1.000.000,00 PROCURA DE PARADEIRO
925361667, 990861667 a discutir. Telefone: tórios etc. Telefone: Desapareceu de casa, desde o dia 13 de Dezembro de
(21.263) 926040620. (21.093) 943339403. 2018, o maior de 40 anos de idade, de nome ALFEU
(21.092) VERDEAL SAMUTULO, que trajava calções, camisola
CASAS evolutivas em Te-
lhas no Zango 0, Benfica,
HYUNDAI Tucson, LD-CL,
automático, 2.000.000
DIVERSOS de cor vermelha e chinelos. Pede-se a quem o encon-
PADARIA Kit, forno, 3 ga-
L. Sul, a partir de Akz: Akz. Telefs: 923312009. trar, o favor de ligar para os terminais telefónicos:
vetas, gás, estufa, amas- D&A DESINFESTAÇÃO S/
8.000.000,00. Telefones. (21.048)
sadeira 50L, batedeira cheiro, anti-alérgico, não 924620199, 923386475, 991905642, 929349612.(21.053)
925361667, 990861667
(21.263A) MITSUBISHI Pajero a Akz VENDE-SE 20L, carrinho /pão, ba-
lança, tabuleiro. Tlfs:
precisa sair de casa ou
9.000.000,00. Telefones: desarrumar, 100.% efi-
924455055, 991911770.
936196882, 917747359.
caz. Telefone: 938133343
PROCURA DE PARADEIRO
VIVENDA T3, no Bairro 2 QUINTAIS, 30x20, no (15c)
(21.033) Mundial, 2.300.000,00 e (20.555) Desapareceu da casa de seus familiares desde
Popular, Rua do Cine S. 14 de Abril de 2015, a maior de 41 anos de
60x60, próximo à es- PLACA eléctrica de Kia
João. Telfs: 943537216, idade, de nome HELENA MPAMBO, que se
JIN BEI 2015, azul e trada, no Camama Sportage 4x4, 100.000
917379995. (13) 30.000.000 Akz. Telefone: presume ter sido levada pelo senhor LUÍS AN-
branco, gasóleo, licença Akz. Telefs. 924151295,
paga, Akz: 1.700.000,00. 994470058. (21.026) TÓNIO, para a Província do Huambo, a fim de
APARTAMENTO T2, no 915439970 (20a) ser submetida a tratamento. Pede-se a quem
Telef: 921591033(21.097)
Bairro Prenda, Lote 7, 5.º COLCHÕES Kamaflex souber do paradeiro dos dois, o favor de ligar
andar, com tanque, Akz: ESPAÇO de armazém para o terminal telefónico: 915172788. (21.172)
SUZUKI Jimny, bom es- camas, estrados, bases, para bebidas. tem WC,
8 milhões. Telefone: tado, manual, AC, por berços, almofadas, len- água, 150.000 Akz, na PUBLICIDADE
924539549. (17) 2.500.000,00. Akz. Tele- çóis, tapetes. R. Maianga. Maianga. Tlfs: 912749640,
fone: 921591033(21.096) Telf: 938910826. (20.686) 929365706 (21.227)
COMPLEXO residencial, DESINFESTAÇÃO Geral e
C/ 18 quartos e salão de CARRINHA Nissan Na- 2 TERRENOS Viana, auto 2 ESTABELECIMENTOS limpeza: fazemos todo o
festas, a 45.000.000,00, vara zero km diesel. Telef: estrada 2.7 e 1.5 hectares. comerciais em Viana, tipo e com qualidade. Te-
discutíveis. Tl:934341986 Te l e f s : 9 1 8 3 6 7 5 3 2 , Mercado do Luanda Sul. lefone: 936153775(19.943)
946335864, 991335864
(1) 924763666. (21.107) Telefones: 995254300,
(21.173)
925430006. (21.214)
HYUNDAI i10, manual
COLCHÕES Kamaflex,
ARRENDA-SE Akz: 2.150.000,00, Hyundai
H1 12 lugares 2.200.000kz. camas, estrados, bases,
931133685, 991573142 (8). berços, almofadas, len-
APARTAMENTO T3, Pré- çóis, tapetes. Telefone:
dio Novo, Ingombota, CANTER Akz: 4. 750.000, 938910826. (21.217)
com mobília, sem inter- Hilux 2017, 6.800.000, Tuc- MÁQUINAS de gelo es-
mediário. Telefones: son, Elantra, Stralet, i10. cama, liquidificador
939519628, 912648011
(21.065b)
933625002, 933665004(7) 20/40L, Cx. de amassa-
deira 130L, divisória 36
NEGÓCIOS WEBSITES C/ domínio,
furos, novos. Telfs: hospedagem e Emails
TOYOTA Coaster, branco,
APARTAMENTO T3, R/C, 936196882, 917747359(15) CHEFES de Cozinha em 50.000,00 Akz, 3 dias de
30 lugares, AC, Por Akz.
no Cruzeiro, e T1 2.º sua casa para eventos es- entrega. Tlfs. 992872994,
Akz: 7.500.000,00. Telefo- peciais. Telef: 997666050.
Andar, Maculusso. Telfs: 922115690 (21.153)
ne. 924461287 (6) (21.040)
912223858, 923444323.
(21.184) CARRINHA Nissan Nevara
zero qulómetros, diesel.
QUARTOS mobilados, Ts: 946335864, 991335864
WC, diária Akz: 8.000,00, (21.173)
mensal Akz: 100.000,00.
Telefone: 923724212(21) QUADRADINHO diesel SERPENTINA, gelado em
Akz: 1.900.000,00, Com- balde, serra-ossos, chur- DESINFESTAÇÃO: Con-
APARTAMENTOS T1, T2, muter 700, Ford Sport, rasqueira a gás, banho- trolo de todo o tipo de GRANDE promoção Corte
T3, Cruzeiro, Sagrada Fa- 900.000,00 Akz. Telefs: maria, para buffet, mesa pragas, em residências e de Cabelo, Akz: 1000. Co-
mília, Ingombota. Telefs: 927659672, 914921188 Inox. Telfs: 922799624, empresas. Tel: 928648007, queiros. Telefone:
991605628,933894358(26) (21.056) 917747359 (15d) 917606962 (21.201a) 943089685 (21.160)
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 15
PUBLICIDADE

(800.000)
(20.844)

(20.317)

(500.007a)
16 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

(21203)
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 17
PUBLICIDADE

(500.001)
18 NECROLOGIA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

JOÃO MADALENO PASCOAL JOÃO MADALENO PASCOAL JOÃO MADALENO PASCOAL ANTÓNIA ADÃO ANTÓNIO ANTÓNIA ADÃO ANTÓNIO
(Mamã Antonica) (Mamã Antonica)
António João Pascoal (pai), Teresinha Evandro Francisco, Ary Jorge Francisco, Loidina Francisco Domingos Júnior, Azevedo João Adão António, Joana Adão António, Gene- Neusa, Núria, Dé, Duzinha, Bebé, Lindoca, Jejé,
Fortunato, Adilson Mandela Pascoal, Francisco, Vivaldo Francisco, Jandira Francisco, Francisco, Alberto Francisco, Emília roso Adão António (irmãos), Dudas, Aninhas, Duda, Osmani, Anjinho, Carina, Vadinho, Nicha,
Joanizete Pascoal, Muzinga Divua, Creuza Denise Francisco, Cátia Francisco, Maura Francisco, Francisco, Luísa Francisco, Helena Castro, Aeca, Mano, Tina, Malú, Dinho, Bela (filhos), Mimi, Jane, Márcio, Maura, Lucira, Juci, Isabel,
de Fátima e Pascoal Silva (irmãos), Assun- Arsénio Francisco, Gerson Francisco, Ângela Rosa Almeida, Edgarlino Francisco e Mota, Cunha, Hervánio (genros), Geni, Mena Keno, Nuno, Juni, Tonilson, Solange, Angelânia,
ção Pascoal (esposa), Desidério de Freitas Francisco, Priscila Francisco, Divaldo Francisco, Bizerra de Almeida comunicam o fale- (noras), netos, bisnetos e demais familiares Patrícia, Cris, Kléber, Rafi, Tony, Leandro, Culi,
(cunhado), Sousa Garcia (sogro)comu- Filu Francisco, Paulo Francisco, Adelaide Castro, cimento de JOÃO MADALENO PASCOAL, comunicam o falecimento de ANTÓNIA ADÃO Nati, Denis, Daniela, Belvânia, Breyner, Lalo,
nicam o falecimento de JOÃO MADALENO Ariane Castro, Vanio Castro (primos) comunicam ocorrido no dia 31/12/2018. O funeral ANTÓNIO, ocorrido no dia 30 de Dezembro. (netos) informam que o funeral de sua avó
PASCOAL, ocorrido no dia 31/12/2018. o falecimento de JOÃO MADALENO PASCOAL, realizar-se-á em data a anunciar opor- O funeral realiza-se hoje, dia 3/1/2019, partindo ANTÓNIA ADÃO ANTÓNIO, se realiza hoje, dia
O funeral realizar-se-á em data a anunciar ocorrido no dia 31/12/2018. O funeral realizar- tunamente. (45a) o préstito fúnebre de sua residência no Zango 3/1/2019, partindo de sua residência no Zango
oportunamente. (45b) se-á em data a anunciar oportunamente. (45) 3, às 10h30, para o cemitério do Benfica. (3) 3, às 10h30, para o cemitério do Benfica. (3a)

FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

MARIA DO ROSÁRIO DE MARIA DO ROSÁRIO DE MARIA DO ROSÁRIO DE ADELAIDE MARIA DA FOSSA ADELAIDE MARIA DA FOSSA
FÁTIMA MICUNGO FÁTIMA MICUNGO FÁTIMA MICUNGO BAGUETT BAGUETT
José Figueiredo Micungo (esposo), Miral- Fernanda Catolo, Augusta Catolo, Joaquina Carlos Cupapala Filho (genro), Abigail Rosa Baguett (irmã), José Bessa (esposo), Elís Carina Fernandes (filha) cumpre o
dina Micungo, Abigail Micungo, Ana Catolo, Joana Catolo, Bernarda Catolo, Filho (filha), Eric Filho, Elisa Filho (netos) Elís Fernandes (filha), Almerindo Baguett, doloroso dever de comunicar o falecimento
Loide Micungo e Gerson Katolo Micungo Gamboa Catolo e Francisca Catolo (irmãs) e demais familiares cumprem o doloroso Joaquim Baguett, Laura Baguett, Fernanda de sua querida mãe ADELAIDE MARIA
(filhos) e demais familiares comunicam cumprem o doloroso dever de comunicar dever de comunicar o falecimento da Baguett, Fátima Baguett, João Baguett DA FOSSA BAGUETT, ocorrido no dia 1
o falecimento da sua querida MARIA o falecimento da sua querida MARIA sua querida MARIA DO ROSÁRIO DE comunicam o falecimento da sua querida de Janeiro de 2019, por doença. O funeral
DO ROSÁRIO DE FÁTIMA MICUNGO, DO ROSÁRIO DE FÁTIMA MICUNGO, FÁTIMA MICUNGO, ocorrido no dia 30 ADELAIDE MARIA DA FOSSA BAGUETT, realizar-se-á em data a anunciar opor-
ocorrido no dia 30 de Dezembro de ocorrido no dia 30 de Dezembro de de Dezembro de 2018. O funeral reali- ocorrido no dia 1/1/2019, por doença. tunamente. O óbito encontra-se em sua
2018. O funeral realizar-se-á na cidade 2018. O funeral realizar-se-á na cidade zar-se-á na cidade do Huambo, em data O funeral realizar-se-á em data a anunciar residência, sita no Talatona. (9)
do Huambo, em data a anunciar opor- do Huambo, em data a anunciar opor- a anunciar oportunamente. oportunamente. (9a)
tunamente. (21.261a) tunamente. (21.261b) (21.261)

FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

MANUEL DO NASCIMENTO AMÁVEL ROSA DOS RAMOS AMÁVEL ROSA DOS RAMOS ALBERTO DO ROSÁRIO ALBERTO DO ROSÁRIO
BRAVO NETO COUTO DA SILVA (Betinho) COUTO DA SILVA (Betinho)
Maria de Fátima Bravo Neto (esposa), Gorete,
Catarina, Bembela, Valeriana, Filomena, Joana Francisco Moreira Ramos (esposa), Gentil Ramos, Alberto Ramos, Diamantino Irmãos, filhos, sobrinhos, cunhados, Os familiares de ALBERTO DO ROSÁRIO
Amélia, Tatiana, Baslito, Nkruma, Bela (filhos), Edson, Jorge, Leonor, Eunice, Amável Ramos, Leopoldina Ramos, Isabel Ramos tios, primos e demais familiares cumprem COUTO MANUEL comunicam o seu fale-
Ana Rosa Lucas, Vivência Cândido, Maria do e Eduardo (filhos) cumprem o doloroso e Eugénia Ramos (irmãos) cumprem o o doloroso dever de comunicar o fale- cimento, ocorrido dia 28 de Dezembro
Céu (irmãs), Fátima Nascimento (nora) e dever de comunicar o falecimento do doloroso dever de comunicar o falecimento cimento do seu ente querido ALBERTO de 2018. O funeral realiza-se hoje, às
sobrinhos comunicam o falecimento de seu ente querido AMÁVEL ROSA DOS do seu ente querido AMÁVEL ROSA DOS DO ROSÁRIO COUTO DA SILVA, ocorrido 11h00, partindo do Velório do Governo
MANUEL DO NASCIMENTO BRAVO NETO, RAMOS, ocorrido dia 30/12/2018. O RAMOS, ocorrido dia 30/12/2018. O dia 28 de Dezembro de 2018. O funeral Provincial de Luanda, para o cemitério
ocorrido dia 31/12/18, por doença. O funeral funeral realiza-se hoje, dia 3/1/2019, funeral realiza-se hoje, dia 3/1/2019, realiza-se hoje, às 11h00, partindo do de Sant'Ana. (4a)
realiza-se hoje, dia 3/1/19, no cemitério da partindo do Velório de Sant'Ana, para o partindo do Velório de Sant'Ana, para o Velório do Governo Provincial de Luanda,
Sant’Ana, às 10h00, saindo o préstito fúnebre cemitério do mesmo nome, às 10h30. cemitério do mesmo nome, às 10h30. para o cemitério de Sant'Ana. (4)
do ex- R.I20. (22) (10) (10a)

MISSA CONDOLÊNCIAS RECORDAÇÃO RECORDAÇÃO RECORDAÇÃO

LUÍS FILIPE GIOVETTI JOANA SALVADOR HELENA DA CONCEIÇÃO DOS HELENA DA CONCEIÇÃO DOS HELENA DA CONCEIÇÃO DOS
CARDOSO DE BARROS SEBASTIÃO SANTOS ANDRÉ SANTOS ANDRÉ SANTOS ANDRÉ
Luís Cláudio Barros (filho) e demais Foi com profunda dor e consternação, que o Tia querida são cinco anos, mas nem Prezada irmã! São passados cinco anos, Irmã Helena, 5 anos são passados, parceira
familiares comunicam, que realizar- colectivo de trabalhadores, Oficiais Comissários parece, pois cada dia que passa recordamos o tempo sofra mas não leva as nossas de oração, eras do dia 24/12 mas agora quis
se -á o depósito das cinzas dos restos Superiores, Subalternos, Subchefes, Agentes e dos teus conselhos, do teu carinho e memória. Irmã estou a seguir os teus con- o destino que no dia 3/1 também nos reunimos
mortais de LUÍS FILIPE GIOVETTI trabalhadores civis do Departamento Nacional de dedicação. Rezamos sempre como nos selhos, estou a falar com os padres, como para louvar e agradecer a Deus. Mana dê-me
CARDOSO DE BARROS, no cemitério Armas e Explosivos/CGPN, tomou conhecimento ensinaste e também estamos a ensinar um dia me dissestes, quando eu não estiver estas flores, agora sem nada me pedires tens
do Benfica, sábado, dia 5/1/2019, do falecimento de sua colega JOANA SALVADOR os nossos. Não é fácil o vazio que deixaste, fala com os padre eles são teus amigos, um jardim. E que tudo foi feito ao meu gosto,
pelas 10h30, seguindo-se os cum- SEBASTIÃO, ocorrido no dia 31/12/2018. Apro- com Deus tudo estamos superando. Dos graças a Deus que me tem enviado, estes irmã, amiga, comadre, intercessora, agradeço
primentos nos Coqueiros, prédio n.º veitamos o ensejo, para apresentar à família teus sobrinhos Jomaly, Gualter, Felismino, amigos, que há qualquer hora, estão sempre a Deus pelo amor, entendimento, carinho
42, 3.º Andar porta 41, prédio do Livro enlutada os nossos mais sinceros sentimentos de Paulino e Hélio Lisboa. prontos em ajudar. Recorda-te tua irmã "Deus nos ama, Tudo por Vós sagrado coração
dos Coqueiros. (46) pensar e que a sua alma descanse em paz. (44) (21268a) Domingas dos Santos Lisboa. (21268) de Jesus. Paz à sua alma. (50)

SERVIÇO NECROLÓGICO: DIAS ÚTEIS DAS 8H ÀS 18H, SÁBADOS, DOMINGOS E FERIADOS DAS 9H ÀS 14H
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 19
FALECEU FALECEU FALECEU FALECEU

AMÁVEL ROSA DOS RAMOS AMÉRICO JOÃO GONGO AMÉRICO JOÃO GONGO AMÉRICO JOÃO GONGO
(Mano Américo) (Mano Américo) (Mano Américo)

Gentil Ramos, Alberto Ramos, Diamantino Ramos, Florindo Ramos, Leopoldina O colectivo de dirigentes, atletas, amigos João Augusto e toda sua família cumprem As Velhas Guardas do Grupo Desportivo
Ramos, Isabel Ramos e Eugénia Ramos cumprem o doloroso dever de comunicar o e simpatizantes do Grupo desportivo os o doloroso dever de comunicar o fale- «Camarões» cumprem o doloroso dever
passamento físico do seu irmão AMÁVEL ROSA DOS RAMOS, cujo funeral realiza-se Camarões do Cazenga comunica o fale- cimento do seu director Desportivo AMÉ- de comunicar o passamento físico do
hoje, 3/1/2019, às 10h30, no Cemitério de Sant’Ana. O velório decorre na sala do cimento do seu director Desportivo AMÉ- RICO GONGA (T.C.P. Mano Américo), seu director para os desportos, AMÉRICO
Governo Provincial de Luanda, sita à Sant'Ana. RICO GONGA (T.C.P. Mano Américo), ocorrido no passado dia 1 de Janeiro de JOÃO GONGO (Mano Américo), nas elites
(800.001) ocorrido no passado dia 1 de Janeiro de 2019, em Luanda, por doença. O funeral desportivas e familiares, assim como no
2019, em Luanda, por doença. O funeral realizar-se-á em data a anunciar opor- seio de amizades. (19b)
realizar-se-á em data a anunciar opor- tunamente. (19a)
tunamente. (19)

RECORDAÇÃO RECORDAÇÃO FALECEU MISSA

HELENA DA CONCEIÇÃO JOAQUIM


DOS SANTOS ANDRÉ
Mãe, já se passaram 5 anos, mas a tua presença ainda é notória
em nossos corações. São tantas as lembranças mãe (o teu sorriso,
o teu olhar, a tua amizade), a alegria que transmitias a todos à
tua volta é que nos consola. Os teus netos recordam-se de ti com
carinho, ternura e com muitas saudades.
Transformamos a dor em saudades e só lembramos dos momentos
bons que vivemos. Mãe, quem dera que por um descuido Deus GENILDA ELIZANDRA JOÃO MADALENO PASCOAL CATARINA DOMINGOS
te fizesse eterna. Selma da Conceição André, Ana Bárbara André, ANTÓNIO CRISTÓVÃO (Nina)
Giliano Edilson André, Jéssica Cristina André (filhos), Hugo, Ima,
Eliane, Cris, Edy e Davi (netos). (48) Minha filha, subiste ao céu e sei que lá O Ministro da Justiça e dos Direitos Huma- Francisco Cristóvão Neto, João Francisco
estás a cuidar de mim. Mas as saudades nos, em nome de todos funcionários, Cristóvão, Domingos Francisco Cristóvão,
que deixaste comigo, são tão grandes manifesta os mais sentidos pêsames e Pedro Cristóvão Correia, Victorina Francisco
FALECEU que todos os dias arrasto o meu coração a total solidariedade à família do malogrado Cristóvão e Francisco Cristóvão (filhos),
pelo chão. As lembranças do que vivemos, Dr. JOÃO MADALENO PASCOAL, pela noras, genros e netos comunicam que
aproximam-me de ti e confortam-me sua dolorosa e irreparável perda, ocorrido será rezada Missa do 30.º Dia, em memória
DONANA DOMINGOS SUMBULA CANAS
nas horas de maior dor. Passe o tempo no dia 31/12/2018. O funeral realiza-se da sua querida CATARINA DOMINGOS
que passar,... amanhã, sexta-feira, 4/1/2019, pelas CRISTÓVÃO (Nina), no sábado, dia 5 de
António Canas, Daniel Canas, Jorge Canas, Joana Canas, Mariana (21.262) 10h00, no cemitério do Alto das Cru- Janeiro de 2019, pelas 18h00, na Igreja de
Canas, Joaquim Canas (filhos), Carlos Sumbula, Delfina Sumbula, zes. (55) Fátima (ex - São Domingos). (54)
Conceição Sumbula, Juliana Sumbula, Faustino Sumbula, Cicília
Sumbula (irmãos) e demais familiares cumprem o doloroso dever
de comunicar o falecimento da sua querida DONANA DOMINGOS RECORDAÇÃO AGRADECIMENTO AGRADECIMENTO
SUMBULA CANAS, ocorrido dia 30/12/2018. O funeral realiza-
se hoje, dia 3/1/2019, partindo o cortejo fúnebre da sua residência,
para o cemitério Sant'Ana, às 10h00. (2)

FALECEU

JOANA SALVADOR SEBASTIÃO GENILDA ELIZANDRA VICTÓRIA MANUEL DOS JOSÉ FRANCISCO JANOTA
ANTÓNIO SANTOS (Maria Maria) (Chiquinho)

Josefa Sebastião (mãe), Gilson Baptista, Gelson Bandeira (filhos) ... Nunca irei superar, esta que é a maior Filhos, netos, bisnetos, sobrinhos, primos, Os familiares de JOSÉ FRANCISCO
Maria António Cardoso Neto, Maria Bravo da Rosa, Agostinho perda da minha vida. A morte, por vezes, genros e noras de VICTÓRIA MANUEL JANOTA (Chiquinho) vêm, por este meio,
Pedro Santana, Rosa Salvador Sebastião, (irmãos). Emerson leva da nossa vida as pessoas que mais DOS SANTOS (Maria Maria) agradecem agradecer a todos os familiares, colegas,
Cardoso, Violante Cardoso, Wagner Paciência, Anderson Paciência, amamos, pois que a morte nunca consiga a todos que, directa ou indirectamente, amigos e todas entidades em particular
Bruno Sacramento e Nelma Miguel (sobrinhos), e demais familiares tirar-te do meu coração. Recordação da acompanharam-lhes na dor e luto da que apoiaram e manifestaram a sua soli-
cumprem o doloroso dever de comunicar o falecimento de sua tua mãe e amiga, de sempre e para sempre sua querida. A todos, o seu muito obri- dariedade neste piedoso acto.
querida JOANA SALVADOR SEBASTIÃO, ocorrido dia 1 de Janeiro Catarina Vieira António. gado. (21.248R) (21.200R)
de 2019, por doença. O funeral realiza-se sexta-feira em hora (21.262a)
e local a anunciar oportunamente. (500.009)

PUBLICIDADE
20 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
MINISTÉRIO DAS FINANÇAS

COMISSÃO DE GESTÃO DO FUNDO SOCIAL DOS TRABALHADORES DAS FINANÇAS

PEDIDO DE COMPARÊNCIA
CASA DE NOVA VIDA ANGOLA, LDA O Fundo Social dos Trabalhadores das Finanças vem, por este meio, solicitar a comparência urgente nas
suas instalações, sitas na Rua Serqueira Lukoki, n.º 112, 2.º Andar, junto do Ministério das Relações Exte-
riores, dos senhores abaixo indicados, a fim de tratarem de assuntos do seu interesse, no prazo máximo de
oito (8) dias úteis, a contar da data da presente publicação.
1. André Tchapua; 7. José António Contreiras;

2. Armando Afonso; 8. Josefa Sebastiana da Silva Manuel Paulo;

3. Henriques Paulo Mitange; 9. Marcos de Sousa Ribeiro da Costa;

NA COMPRA DE UMA VIATURA TERÁ


4. Herculano Francisco da Mata Lourenço; 10. Mariquinha Joana Domingos;

COMO OFERTA TELEMÓVEL E GELEIRA


5. Jacob Augusto; 11. Ngueve Abel Chipilica Kalela;

6. Joaquim dos Santos Baptista; 12. Tiago Manjolo.

Para qualquer informação adicional entrem em contacto através dos terminais abaixo:

• 914 616 400 / 945 610 071.

COMISSÃO DE GESTÃO DE FUNDO SOCIAL DOS TRABALHADORES DAS FINANÇAS, em Luanda,


aos 28 de Dezembro de 2018.

O COORDENADOR EM EXERCÍCIO,
(20.675) ANTÓNIO DE FREITAS (21.191)

Grupo Hoteleiro Internacional


OPORTUNIDADE DE CARREIRA
Procura para a sua Unidade em Luanda
Director de Produção (Food & Beverage) A DISIDE é a entidade gestora da FAZENDA A PÉROLA DO KIKUXI, na qual se situa a
(M/F) fábrica de ração animal NUTRIMIX, o centro de abate avícola AVIKUXI e a CLASSIOVO,
líder no mercado do ovo em Angola (KIKOVO), e vem por este meio convidar todos os
Responsabilidades: candidatos com qualificação e experiência a apresentar as suas candidaturas ao seguinte
É responsável pela gestão eficiente do sector de comidas e bebidas do Hotel, elabora as emprego:
Vaga Disponível:
previsões de custos e vendas potenciais de produção. Gere o stock e verifica a qualidade
ADMINISTRADOR DE SISTEMAS / DIRECTOR DE INFORMÁTICA (Ref.ª01/2019)
das mercadorias a adquirir. Providencia o correcto armazenamento das mercadorias e
Local: Luanda
demais produtos. Faz o acompanhamento dos recursos afectos e dos clientes; controla
Qualificações: Experiência relevante como Director de Informática / Administrador
as receitas e despesas das secções de comidas e bebidas; ocupa-se do serviço de vinhos
de Sistemas de Empresa do ramo agrícola e avícola; Formação compatível; Domínio
e a sua harmonização com os menus; promove a integração dos recursos, bem como a
de SAP e de Webrenwin;
sua formação, garantindo assim, a qualidade do serviço prestado, visando a fidelização
Experiência: Mínima de 6 (seis) anos na área de Direcção de Informática / Administração
do cliente e a potenciação das receitas.
de Redes em empresa do ramo agrícola e avícola, com responsabilidade de implemen-
Perfil: tação e manutenção de redes com servidores (Active directory; DNS; Proxy servers) su-
Formação superior em Gestão, Gestão Hotelaria ou Turismo; porte avançado ao software de gestão SAP B1 e Contabilidade Suporte a equipamento
Formação complementar a nível de Pós-Graduação; de classificação de ovos; suporte a equipamento de monitorização de recria de aves, pos-
Conhecimento de Línguas, Inglês, experiência mínima de 5 anos de F&B em Hotelaria tura de ovos e de centro de abate avícola, formação de profissionais na área.
em Cadeias Internacionais e restauração a nível internacional;
Capacidade de planeamento da organização e controle; Como apresentar a Candidatura:
Orientação para processos e resultados; capacidade de liderança e forte orientação para Os candidatos interessados e que reúnam os requisitos acima, devem candidatar-se en-
o cliente e trabalho em equipa. viando e-mail com seu curriculum vitae para: recrutamento@diside.co.ao

Email: recrut2@hotmail.com As candidaturas deverão ser enviadas até dia 12de Janeiro de 2019.
(21.204) (38)

CURSOS PROFISSIONAIS PARA AS INDÚSTRIAS


Os projectos nas áreas de petróleos, diamantes, agricultura, manufactura-
CONVOCATÓRIA ção, etc., vão precisar muito de jovens altamente qualificados em Logís-
tica, Procurement, Gestão de Armazéns, Saúde e Segurança, EMPRESA DE PRESTAÇÃO DE
Contabilidade de Custos, Gestão de Activos, Gestão de Investimen- SERVIÇOS NO RAMO PETROLÍFERO
tos, Gestão de Transporte, Gestão Ambiental, Gestão de Projectos,
A Direcção Geral da JEFRAN, LDA. vem por este Plano de Negócio, Seguros, Liderança, Gestão de Operações, Super-
meio convocar o senhor Silvano Jamba, Director Ju- visão, Formação e Desenvolvimento e Estratégia de Cadeia de Su-
No âmbito do desenvolvimento das suas actividades, pre-
primentos em vários níveis. Adquira habilidades que as empresas exigem tende recrutar candidatos de nacionalidade angolana para
rídico desta empresa, para no prazo de 5 dias úteis, mas as nossas universidades NÃO proporcionam. Por presença ou à dis- preencher as seguintes vagas:
após publicação desta convocatória, comparecer na tância, em Português ou em Inglês. Damos também cursos rápidos e se-
minários. Temos ainda R/H, Comunicação, Inglês, Português, Hotelaria, Gerente de Higiene e Segurança Ambiental
empresa, para tratar de assunto do seu interesse. R/Pública, etc. Responsabilidades:
94200 4096/ 912 247519/ 222 71 72 62/ www.cambridgecollege.co.uk a) Assegurar o cumprimento de saúde e segurança higiene e
(21.106) condições ambientais, em conformidade com as disposições le-
A não comparência, se não for provada, documental-
gais e regulamentos internos da empresa e directivas;
mente, no prazo referenciado e porque está ausente b) Actualizar e adaptar todos procedimentos necessários, em
desde 28 de Novembro de 2018, a empresa qualifi- AULAS AO DOMICÍLIO conformidade com os requisitos específicos;
c) Organizar e realizar inspecções regulares
cará a sua conduta como efectivo abandono do tra- d) Avaliar as causas reais ou possíveis de acidentes e elaborar
balho, nos termos dos artigos 144.º e 229.º, ambos Aprenda Matemática, Física, Química, Português, relatórios sobre o assunto para reportar a gestão.
da LGT, cessando automaticamente a relação de tra- Inglês e Preparatório para a Universidade em sua
balho que V. Excia vinha mantendo com a empresa. casa. Qualificações e Requisitos:
e) Mínimo de dois (2) anos de experiência no ramo
f) Familiarização com as normas de Higiene e Segurança de Angola
Trabalhamos com crianças, adultos, estrangeiros e g) Ensino Médio Concluído ou uma Licenciatura feita em uma
DIRECÇÃO GERAL DA JEFRAN, LDA., EM LUANDA, nacionais desde o ensino primário ao universitário universidade acreditada
AOS 27 DE DEZEMBRO DE 2018. É só ligar, que o professor irá ao seu encontro. h) Domínio da Língua Inglesa (VERBAL E ESCRITA)

Data limite de envio de documentos até ao dia 15/1/2019.


A DIRECÇÃO GERAL Contacto Telefónicos:
Gerson Leandro Rocha Barbosa da Silva Os CVs deverão ser enviados para o correio electrónico:
(21.205)
923336121, 994508276 (21206)
ivalentim@vtechas.com
(21.171a)
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 21
PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA REPÚBLICA DE ANGOLA


MINISTÉRIO DA AGRICULTURA E FLORESTAS MINISTÉRIO DA AGRICULTURA E FLORESTAS
GABINETE DE ESTUDOS, PLANEAMENTO E ESTATÍSTICAS GABINETE DE ESTUDOS, PLANEAMENTO E ESTATÍSTICAS
MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE
(SERVIÇOS DE CONSULTORIA – ASSISTENTE FINANCEIRO) (SERVIÇOS DE CONSULTORIA - SELECÇÃO DE CONSULTOR INDIVIDUAL)
PAÍS: ANGOLA PAÍS: ANGOLA
PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO DA AGRICULTURA COMERCIAL NOME DO PROJECTO: PROJECTO DE DESENVOLVIMENTO DA AGRICULTURA COMERCIAL
EMPRÉSTIMO N.º : IBRD-88660
EMPRÉSTIMO N.º: IBRD-88660
DESCRIÇÃO DO CONCURSO: AUDITORIA INTERNA PARA UIP
DESCRIÇÃO DO CONCURSO: ASSISTENTE FINANCEIRO PARA UIP
REFERÊNCIA N.º REoIRef: 062/CS/CADP/18
REFERÊNCIA N.º REoIRef: 033/CS/CADP/18
O Governo da República de Angola recebeu um empréstimo do Banco Mundial (BM) e da Agência Francesa de De-
O Governo da República de Angola recebeu um empréstimo do Banco Mundial (BM) e da Agência Francesa de De- senvolvimento (AFD) para financiar o Projecto de Desenvolvimento da Agricultura Comercial (PDAC) e pretende
senvolvimento (AFD) para financiar o Projecto de Desenvolvimento da Agricultura Comercial (PDAC) e pretende aplicar parte deste financiamento para contratação de um consultor individual para prestação de serviço em
aplicar parte deste financiamento para contratação de um Assistente Financeiro para o Projecto. auditoria interna.
O PDAC tem como objectivo geral promover a agricultura comercial em Angola através de um conjunto de investi- O PDAC tem o objectivo geral de promover a agricultura comercial em Angola através de um conjunto de investi-
mentos integrados em infra-estruturas físicas e legais e facilitar um ambiente propício para a participação do sector mentos integrados em infra-estruturas físicas e legais e facilitar um ambiente propício para a participação do sector
privado.Visando o reforço da capacidade de resposta e de controlo das principais actividades para implementação privado.Visando reforçar a capacidade de resposta e de controlo das principais actividades desenvolvidas para im-
do projecto, pretende-se recrutar um assistente administrativo para o projecto, tendo em conta os objectivos descritos plementação do projecto de acordo com os procedimentos, compromissos assumidos e situação financeira do pro-
nos Termos de Referência. jecto no fim de cada ano fiscal, bem como sobre os fundos recebidos e despesas incorridas para o período
contabilístico, pretende-se recrutar um auditor interno, tendo em conta os objectivos descritos nos Termos de Re-
O contrato do Assistente terá inicialmente a duração de doze (12) meses, com possibilidade de prorrogação, me- ferência.
diante uma avalição de desempenho satisfatório. O consultor estará baseado na província de Luanda, na Unidade O contrato do Auditor Interno terá inicialmente a duração de doze (12) meses, em regime de tempo parcial, com
de Implementação do Projecto (UIP). possibilidade de prorrogação por igual período de tempo até um máximo de 3 anos, mediante um desem-
penho satisfatório. O auditor deverá prestar serviço a todo o Projecto e estará baseado em Luanda, na UIP, com
O documento com os Termos de Referência (TdR) detalhado, deverá ser solicitado por escrito, pelos concorrentes a possibilidade de viajar para as províncias onde o projecto será implementado. O PDAC convida assim Consultores
interessados, através do endereço abaixo indicado. O documento será enviado por e-mail em formato PDF. O PDAC Individuais elegíveis para manifestarem seus interesses para prestação dos serviços em questão. Consultores In-
convida assim os candidatos elegíveis para manifestarem seus interesses para prestação dos serviços em questão, dividuais interessados deverão fornecer informações demonstrando as qualificações necessárias e experiência re-
fornecendo informações demonstrando as qualificações necessárias e experiência relevante para executar as tarefas levante para executar as tarefas atribuídas. Os Termos de Referência (TdR) detalhado, deverá ser solicitado por
atribuídas. Resumidamente, os candidatos devem possuir licenciatura em Contabilidade, Gestão ou áreas afins; ter escrito, pelos concorrentes interessados, através do endereço abaixo indicado. O documento será enviado por e-
pelo menos 5 anos de experiência; e proficiência falada e escrita em Português e bom conhecimento do inglês mail em formato PDF. Resumidamente, candidatos elegíveis a concorrer devem estar inscritos na Ordem dos Con-
como língua de trabalho, entre outros. tabilistas e Peritos Contabilistas de Angola; ter, no mínimo, 6 anos de experiência como auditor interno em
Organizações Governamentais, empresas, Associações/ONG´s ou projectos financiados por Instituições Financeiras
Aos consultores interessados sugere-se que prestem atenção à Secção III, parágrafos, 3.14, 3.16 e 3.17 do "Regu- Multilaterais e Bilaterais.
lamento de Aquisições para os mutuários IPF" do Banco Mundial, de Julho de 2016, revisto em Agosto de 2018 Para atenção dos consultores interessados frisa-se a Secção III, parágrafos, 3.14, 3.16 e 3.17 do "Regulamento de
("Regulamento de Aquisições"), que estabelece a política do Banco Mundial sobre conflito de interesses. Aquisições para os mutuários IPF " do Banco Mundial, com a data de Julho de 2016 revisto em Agosto de 2018
O Consultor Individual será seleccionado em conformidade com o método Selecção Consultor Individual (SCI) es- ("Regulamento de Aquisições"), que estabelece a política do Banco Mundial sobre conflito de interesses. O Consultor
tabelecido no Regulamento de Aquisições, que poderá ser consultado no seguinte site: www.worldbank.org Individual será seleccionado em conformidade com o método Selecção Consultor Individual (SCI) estabelecido no
Os Concorrentes interessados podem obter informações adicionais através dos endereços de email abaixo indica- Regulamento de Aquisições, que poderá ser consultado no seguinte site: www.worldbank.org
dos, das 08:00 às 15:30 horas, horas locais/Angola de Segunda a Quinta-feira, e à Sexta-Feira das 08:00 às 15:00, Os Concorrentes interessados podem obter informações adicionais através dos endereços de email abaixo indica-
até ao dia 18 de Janeiro de 2019. dos, das 08:00 às 15:30 horas, horas locais/Angola de Segunda a Quinta-feira, e à Sexta-Feira das 08:00 às 15:00,
As manifestações de interesse (MI) devem ser apresentadas em forma escrita (em formato Formulários I, II, III e até ao dia 17 de Janeiro de 2019. As manifestações de interesse (MI) devem ser apresentadas em forma escrita
IV), para o endereço abaixo mencionado (em mãos, ou pelos correios ou por e-mail), até ao dia 25 de Janeiro de (em formato Formulários I, II, III e IV), para o endereço abaixo mencionado (em mãos, ou pelos correios ou por e-
2019. mail), até ao dia 21 de Janeiro de 2019.
Atenção: Sra. Maria de Lourdes Silva Atenção: Sra. Maria de Lourdes Silva
Oficial em Aquisições Sénior Oficial em Aquisições Sénior
Ministério da Agricultura e Florestas Ministério da Agricultura e Florestas
Gabinete de Estudos, Planeamento e Estatísticas Gabinete de Estudos, Planeamento e Estatísticas
Largo António Jacinto, Prédio B do MINAGRI, 1.º Andar esq. Porta N.º 7 Largo António Jacinto, Prédio B do MINAGRI, 1.º Andar esq. Porta N.º 7
Email: procurement.cadpminagri@gmail.com; cadp.minagri@gmail.com Email: procurement.cadpminagri@gmail.com; cadp.minagri@gmail.com
(600.001) (600.001a)

ANEXO 1
Empresa Marítima de Prestação de Serviço no Sector Petrolífero recruta para o preen-
chimento da seguinte vaga:

1 Técnico de Processamento de Salário;

RESPONSABILIDADES:
• Pretendemos recrutar um técnico de processamento de salário para garantir que o pro- COMUNICADO
cessamento de salário seja efectuado em conformidade com as normas e procedimentos
específicos da empresa, e com a Lei Geral do Trabalho em vigor. O Banco Prestígio realiza aumento de capital social para
Recolher, verificar e processar todos os dados e documentos inerentes ao processo de
pagamento de trabalhadores administrativos e marítimos directos e indirectos. AOA 7.832.000.000 (sete mil milhões e oitocentos e trinta
COMUNICAÇÃO HIERÁRQUICA E VÍNCULOS FUNCIONAIS: e dois milhões de Kwanzas).
• Director de Administração, Desenvolvimento e Sustentabilidade da Angolanização;
• Coordenadora Administrativa dos Recursos Humano. O Banco Prestígio, nos termos do Aviso n.º 2/2018 de 21 de
Fevereiro, do Banco Nacional de Angola, referente à Adequa-
REQUISITOS:

• Nacionalidade Angolana;
ção do Capital Social Mínimo e dos Fundos Próprios Regula-
• Ensino Médio ou Superior na área em questão ou área relevante preferencialmente mentares, exigidos de AOA 7.500.000.000 (sete mil milhões
(Administração de Negócios, Gestão Empresarial, Contabilidade ou Finanças);
• Domínio total de informática em Primavera e nos aplicativos do Microsoft Office (MS e quinhentos milhões de Kwanzas), das Instituições Financei-
Word, Excel, MS Power Point);
• Domínio fluente da Língua Portuguesa. Inglês como vantagem,
ras Bancárias, concluiu a 21 de Dezembro de 2018, o pro-
• Capacidade de trabalhar sob pressão. cesso de adequação por via do aumento de Capital Social
COMPETÊNCIAS CHAVES: para AOA 7.832.000.000 (sete mil milhões e oitocentos e trinta
• Autogestão, pensamento prático, gestão de calendário, gestão de tempo, conhecimentos e dois milhões de Kwanzas), integralmente subscritos e reali-
sobre a Lei Geral do Trabalho, decretos, leis específicas sobre IRT. INSS, etc.
zados pelos Accionistas.
EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL: O Banco Prestígio reitera o seu apoio no esforço de estabili-
• Experiência em Gestão e Administração dos Recursos Humanos, e/ou áreas zação do sistema financeiro nacional e do desenvolvimento
semelhantes.
• Trabalhos com softwares e/ou processamento de base de dados, processamento de económico e social do País, mantendo o seu posicionamento
salários.
em ser “O Banco de Investimento”.
Os interessados deverão remeter os seus CV's até ao dia 11 de Janeiro de 2019 para o Banco Prestígio, em Luanda, aos 26 de Dezembro de
correio electrónico: recrutamento.sonasurf@son3surf.com
2018.
(21161) (500.006)
22 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

Serviço de Tecnologia de Informação e


MINISTÉRIO DAS FINANÇAS Comunicação das Finanças Públicas

Anúncio de Abertura de Procedimento de Concurso Público

Concurso Público n.º 2 /SETIC-FP/2018

O Serviço de Tecnologias de Informação e Comunicação das Finanças Públicas (SETIC-FP) vem tornar público, nos termos do
disposto no n.º 1 do artigo 69.° e do Anexo VI, da Lei n.°9/16, de 16 de Junho - Lei dos Contratos Públicos, que está aberto de
03 a 30 de Janeiro de 2019, o Concurso Público para Aquisição de Computadores.

1. Dados da Entidade Pública Contratante (EPC)

1.1. Designação: Serviço de Tecnologias de Informação e Comunicação das Finanças Públicas.


1.2. Endereço: Edifício B das Torres Dipanda, 8º andar, Largo 1º de Maio.
1.3. Localidade: Luanda.
1.4. Telefone: +244 222 706 448
1.5. Correio electrónico: concurso.setic.computadores@minfin.gov.ao

2. Informações relativas ao contrato

2.1. Designação dada ao contrato: Contrato de Aquisição de Computadores.


2.2. Tipo de contrato: Aquisição de bens móveis.
2.3. Local da entrega dos bens: Sede do SETIC-FP.
2.4. O concurso implica a celebração de um contrato público.
2.5. O concurso está aberto à participação de entidades estrangeiras.
2.6. Prazo de execução do contrato: 6 (seis) Meses

3. Informações relativas aos concorrentes e às propostas

3.1. Documentos de habilitação: Conforme descritos no ponto nº 13 do Programa de Concurso do presente Procedimento.
3.2. Admissão de propostas variantes: Não
3.3. Exigência de caução provisória: Não

4. Critério de adjudicação: Proposta economicamente mais vantajosa, tendo em conta os factores enunciados nas peças do
procedimento.

5. Processo

5.1. Condições para obtenção das peças do procedimento: Gratuitamente no endereço citado no ponto 1 entre às 8:30 e às
15h, em ficheiro informático, por correio electrónico ou mediante entrega pelo interessado de dispositivo de armazenamento,
dentro do prazo estabelecido para apresentação da proposta.
5.2. Prazo para apresentação das propostas:
Data: 30 de Janeiro de 2019 Hora: 15 horas

SERVIÇO DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO DAS FINANÇAS PÚBLICAS, em Luanda, aos 27 de


Dezembro de 2018.

O Director - Geral
Nuno Van den Brink
(600.000)
REGIÕES Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 23
UNIDADE PRISIONAL DO HUAMBO CUANDO CUBANGO
NICOLAU VASCO | EDIÇÕES NOVEMBRO | MENONGUE

Reclusos solicitam
apoio para agricultura
Justino Vitorino | Huambo Penitenciária do Huambo é
criar condições para que a
Reclusos da Unidade Peni- cadeia tenha auto-susten-
tenciária do Huambo solici- tação alimentar e abasteça
taram materiais agrícolas para também o mercado local.
expandirem a área de cultivo “Solicitámos apoios de
e aumentar a produção este tractores e utensílios diversos
ano, informou, ontem, o para desenvolvermos a agri-
director provincial em exer- cultura”, sublinhou.
cício do estabelecimento pri- A Unidade Penitenciária
sional, superintendente do Huambo, com capacidade
penitenciário José Domingos. para 820 reclusos, alberga
O oficial superior dos Ser- 1.286 reclusos entre detidos
viços Penitenciários que pres- e condenados .
tou a informação durante uma
visita que a governadora pro- FRANCISCO LOPES | EDIÇÕES NOVEMBRO
vincial, Joana Lina, efectuou
à cadeia, disse que os reclusos
que estão a desenvolver a
agricultura“necessitam
urgentemente” de fertilizantes
e sementes de hortícolas.
“Eles pediram ainda apoio Agentes da Fiscalização do sector do Ambiente no Cuando Cubango vão ser capacitados durante quatro anos
para que a lavoura seja meca-
nizada para produzirem em
maior escala e melhorar as
condições de vida, pois apesar
de terem poucos meios ao
seu alcance conseguiram atin-
gir níveis aceitáveis de pro-
dução no ano passado.”
Instituto Politécnico vai
O recluso Mário Lucondo,
que leu a mensagem de agra-
decimento à visita de Joana
Lina, disse que a pretensão
da população prisional que Reclusos no Huambo querem
formar fiscais ambientais
Instituição de âmbito regional vai, numa primeira fase, formar apenas técnicos
se dedica à agricultura na incrementar a agricultura
nacionais, por ter um número reduzido de docentes e falta de algumas condições

PASSAGEM DE ANO EM BENGUELA E LOBITO Weza Pascoal | Menongue sombo, a 18 quilómetros da Qualidade das florestas para adiantar que “serão
cidade de Menongue, a escola O Instituto 31 de Janeiro foi implementados cursos de
tem 12 salas de aula, labo- criado pelo Ministério do capacitação de fiscais am-

Polícia apresenta O primeiro ano lectivo no


Instituto Politécnico 31 de
Janeiro, vocacionado para a
ratórios de Biologia, Física,
Química e Informática. Tem
ainda internato com capa-
Ambiente e vai ter novos
cursos nos próximos anos.
“Temos a pretensão de inserir
bientais para as áreas de con-
servação, formação relacio-
nada com os crimes ambien-

balanço positivo formação de fiscais ambientais


dos países membros da SADC,
arranca em Fevereiro com
136 alunos para técnicos
cidade para 100 alunos, um
auditório para 200 pessoas
e refeitório.
A instituição possui dois
novos cursos, na medida em
que houver finalistas.
tais, formações com a duração
de dois anos”.
Júnior Chinendele disse
que o Instituto Politécnico,
Jesus Silva|Benguela que intensificaram o patru- médios de Guias de Susten- campos multiusos,uma “O curso que vamos apesar de não ter aberto o
lhamento na orla marítima. tabilidade da Natureza, Gestão reprografia, biblioteca, áreas ministrar vai ano lectivo, já realizou cursos
Durante a passagem de ano, “Asseguramos as activida- do Ambiente, Controlo e Pro- administrativas, parque de permitir que os de capacitação para 140 fis-
o Serviço de Protecção Civil des recreativas nas praias e tecção Ambiental e Gestão e estacionamento, espaços fiscais estejam cais ambientais dos diferentes
e Bombeiros na província de em zonas paradisíacas da Tratamento de Resíduos, com verdes e um vasto quintal melhor preparados parques do país. “Estes téc-
Benguela não registou ne- Restinga do Lobito e em a duração de quatro anos. onde vão decorrer aulas de para fazerem um nicos de fiscalização estão
nhum incidente grave, disse Benguela. Nestas cidades, Inaugurado no dia 5 de educação física, incluindo combate cerrado à hoje melhor preparados para
ontem à imprensa o sub-ins- protegemos ainda eventos Junho de 2016, o instituto, artes marciais. caça furtiva, ao corte garantir a segurança da bio-
pector Eduardo dos Santos, religiosos, bailes de quin- por razões técnicas, neste Júnior Chinendele disse desordenado de diversidade em todo o ter-
porta-voz da instituição. tais e festas que decorreram primeiro ano lectivo vai que a escola tem capacidade árvores e às ritório nacional”, disse.
“Não registámos nenhum ao longo da orla marítima. admitir apenas estudantes para albergar 800 alunos, queimadas “O curso que vamos mi-
caso de incêndio nem de Felizmente não registámos angolanos, apesar de ser “mas no primeiro ano lectivo anárquicas, nistrar vai permitir que os
afogamento nas praias que nenhum caso anormal ”, uma instituição de dimensão vai arrancar com apenas 136, particularmente nos fiscais estejam melhor pre-
albergaram muitos banhis- realçou. regional. por ter um número reduzido parques nacionais”, parados para fazerem um
tas. A população acatou os “A maior parte dos ba- De acordo com o director de docentes”. combate cerrado à caça fur-
nossos conselhos no que toca nhistas no Lobito teve bom do instituto, Júnior Chinen- O instituto vai funcionar tiva, ao corte desordenado
às medidas de prevenção”, comportamento”, disse, para dele, as matrículas vão com 40 profissionais, entre Pretendemos dar opor- de árvores e às queimadas
disse Eduardo dos Santos, acrescentar: “os banhistas decorrer durante o mês em professores e pessoal admi- tunidade a um grande nú- anárquicas, particularmente
quando fazia o balanço das no Lobito quando se retira- curso para candidatos dos nistrativo. Estão reservadas mero de pessoas que busca nos parques nacionais e áreas
ocorrências. ram das praias recolheram 15 aos 18 anos de idade. Loca- 100 vagas para estudantes a formação noutros secto- de conservação”, disse Júnior
Segundo o oficial da Pro- todos os resíduos sólidos lizado na comuna do Mis- em regime de internamento. res”, disse Júnior Chinendele, Chinendele.
tecção Civil no referido pe- resultantes das suas activi-
ríodo foi reforçado a protec- dades, o mesmo não se veri-
ção nas praias com um nú- fi c o u n a s e m B e nguela ,
mero elevado de mergulha- principalmente na praia do BALANÇO casos, epilepsia, com 51
dores salva-vidas e efectivos Kasseque”. casos, e a chikungunya, com
34 registos, foram outras das
JESUS SILVA | EDIÇÕES NOVEMBRO

Malária é doença mais mortífera doenças mais atendidas no


hospital, mas sem causarem
qualquer óbito.
no Hospital do Cuando Cubango Já na área da maternidade,
a responsável ressaltou que
foram realizados 560 partos,
A malária é a doença que da instituição, Fernanda Cas- Fernanda Cassanga infor- com oito nados-mortos e
mais vítimas mortais causou sanga, que disse que as doenças mou que a lista é composta 285 cesarianas.
no Hospital Geral do Cuando diarreicas agudas com sete ainda pela tuberculose pul- Inaugurado em 2017, o
Cubango, em Menongue, em óbitos, dos 323 casos registados, monar, com duas mortes, Hospital Geral do Cuando
2018, com 52 óbitos, dos foram a segunda patologia que dos 361 casos registados, e Cubango conta com 307 fun-
quatro mil casos notificados mais mortes causaram, ao as doenças respiratórias agu- cionários, entre médicos
este ano. lado do VIH/Sida, também das, com dois óbitos, das nacionais e estrangeiros,
Estes dados foram divul- com sete mortes, das 193 361 notificações. Salientou enfermeiros e trabalhadores
Muitas famílias passaram o fim-de-ano na praia gados à Angop pela directora notificações. que a febre tifóide, com 446 administrativos.
24 SOCIEDADE Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PASSAGEM DE ANO PROVÍNCIA DE LUANDA


MOTA AMBRÓSIO

Vítimas de queimaduras
vão ter um novo hospital
A província de Luanda vai sando de 1.400 a 239 mulhe-
dispor de um novo hospital res grávidas para 100 mil
de referência nacional para nados vivos, “as autoridades
o tratamento de casos de ainda consideram ser uma
queimadura, cujas obras vão taxa alta”.
arrancar ainda este ano, reve- Sílvia Lutucuta afirmou
lou, terça-feira, a ministra que, para o alcance dos indi-
da Saúde. cadores previstos no pro-
Sílvia Lutucuta, que visitou grama, “é fundamental que
no primeiro dia do ano vários os serviços de saúde funcio-
hospitais de Luanda, infor- nem cada vez mais próximos
mou que o Hospital Neves da população e os benefi-
Bendinha, o único na capital ciários tenham uma parti-
angolana vocacionado para cipação activa no processo”.
o tratamento de vítimas de A ministra da Saúde reve-
queimadura, vai ser reabili- lou que, na passagem de ano,
tado. Sobre o Hospital Sana- dois mil doentes foram aten-
tório de Luanda, Sílvia Lutu- didos, a maioria dos quais
cuta garantiu que as obras de nos serviços de cirurgia, nas
Pormenor da reunião de onde saiu o balanço da passagem de ano e orientada pelo ministro do Interior, Ângelo da Veiga Tavares ampliação vão estar concluí- unidades sanitárias públicas
das apenas em 2020, por da província de Luanda.
serem de “grande vulto”. A A ministra da Saúde visitou

Maioria dos homicídios e violações


ministra assegurou que “tere- os bancos de urgência dos
mos um sanatório diferente”. hospitais Américo Boavida,
A titular da pasta da Saúde Josina Machel, Psiquiátrico
adiantou que, para este ano, de Luanda, Prenda e a Mater-

foi cometida em ambiente familiar


a redução da mortalidade nidade Lucrécia Paim.
materno-infantil, o combate CONTREIRAS PIPA
às grandes endemias e a
melhoria das infra-estruturas
de unidades sanitárias do
Ministro do Interior manifestou-se preocupado com o aumento de casos de ofensas país estão entre as prioridades
corporais, violações e homicídios voluntários no Natal e durante a passagem de ano do departamento ministerial.
Sílvia Lutucuta salientou que
a mortalidade materna baixou
André da Costa com 34 (mais sete), Bié com por disparos de arma de fogo, Durante a passagem de ano, gradualmente, de 2017 ao
18 (mais oito), Cuanza-Norte 74 cometidos com recurso a a Polícia Nacional registou primeiro trimestre de 2018,
com 18 (mais 10), Namibe facas e fragmentos de garrafas 63 acidentes de viação em de 477 para 239 em cada 100
Ao todo, 332 indivíduos com 11 (mais um) e Bengo e 75 foram agressões físicas. todo o país (menos 21 em mil nados vivos.
foram detidos pela Polícia com nove crimes (mais sete). O comissário Orlando Ber- relação ao ano passado), que A ministra da Saúde acen-
Nacional, entre os dias 31 de As restantes províncias do nardo explicou que, das 153 resultaram em oito mortos e tuou que, embora tenha sido
Dezembro e 1 de Janeiro, em país registaram uma dimi- ofensas corporais, 115 foram 67 feridos. registada uma redução da
todo o país, anunciou, ontem, nuição do número de ocor- cometidas por pessoas co- mortalidade no país, pas- Titular da pasta da Saúde
em Luanda, o director do rências delituosas. nhecidas das vítimas e 38 por Considerações do ministro
gabinete de comunicação e No rol de crimes, estão 18 desconhecidos. O ministro do Interior, Ânge-
imagem do Comando Geral homicídios voluntários (mais Houve ainda o registo de lo da Veiga Tavares, disse,
da corporação. oito), com 17 casos esclare- 51 roubos (mais sete), dos durante a apresentação do
O comissário Orlando cidos e 21 detidos, dos quais quais três de viaturas, com balanço da operação policial
DURANTE A QUADRA FESTIVA
Bernardo, que apresentou o 16 foram cometidos por 29 casos esclarecidos e 39 desencadeada na passagem
balanço da passagem de ano,
cujo acto contou com a pre-
conhecidos das vítimas e no
ambiente familiar.
detidos, assim como 75 furtos,
com 53 casos esclarecidos e
de ano, que ainda existe uma
tarefa incisiva em relação ao Maternidade Lucrécia Paím
sença do ministro do Interior, Durante a passagem de 62 detidos. resgate da moral, da ética,
Ângelo da Veiga Tavares,
disse que foram registados
ano, houve também o registo
de seis homicídios frustrados,
Durante a operação da Polí-
cia Nacional foram apreen-
da sã convivência, do amor
e respeito ao próximo.
regista 835 partos em 11 dias
404 casos e, comparativa- (mais cinco), 18 violações didas sete armas de fogo, 20 O ministro Ângelo da Veiga
mente ao ano de 2017, houve sexuais (mais três), das quais metros de cabos eléctricos, Tavares manifestou-se preo- Carla Bumba tadas na quadra festiva”, acen-
um aumento de 124 crimes 16 cometidas por pessoas quatro embarcações que cupado com o aumento de tuou a gestora hospitalar.
e de 75 detidos. conhecidas das vítimas e exerciam actividade pisca- casos de ofensas corporais, Um total de 835 partos, 452 Manuela Mendes mani-
A província de Luanda duas por desconhecidos. tória junto a plataformas pe- violações e homicídios vo- dos quais normais e 383 por festou preocupação com o
com 145 casos (mais 86 em A Polícia Nacional registou trolíferas, além de 32 viaturas, luntários durante as festas cesariana, foi registado na aumento do número de abor-
relação ao ano passado), é a também 153 ofensas corporais 38 motociclos, 28 cartas de de Natal e do Ano Novo, onde Maternidade Lucrécia Paím, tos que dão entrada na uni-
que mais delitos registou no (mais 48), com 125 casos condução, nove livretes, 22 parte considerável destas em Luanda, entre os dias 21 dade sanitária pública.
país, seguida de Benguela esclarecidos e 109 detidos, verbetes, por diversas infrac- acções delituosas ocorreu no de Dezembro de 2018 e 1 de A responsável acentuou
com 49 (mais 34), Huambo sendo que quatro casos foram ções ao Código de Estrada. seio familiar. Janeiro deste ano, informou que não se justifica o com-
a directora da unidade hos- portamento de algumas
pitalar, Manuela Mendes. jovens com o argumento de
HOSPITAL PÚBLICO A gestora hospitalar con- que a maternidade oferece
siderou normal o trabalho de um serviço de planeamento
parto realizado e lembrou que familiar muito eficiente e
Neves Bendinha atende 53 pessoas com lesões graves o número de crianças nascidas
na maternidade, no período
com várias opções.
Na maternidade do Hospital
em referência, “não foge muito dos Cajueiros, de 31 de
Alexa Sonhi urgência do Hospital Neves ta mb é m pac i e nte s c o m na passagem do ano, a ao registado no ano transacto, Dezembro a 1 de Janeiro, foram
Bendinha regista em média outras patologias, ligadas à entrada de 260 pacientes, o que deixa animado o corpo feitos 20 partos normais e dois
Durante a passagem de ano, a entrada de 20 pacientes, área de Medicina, com um dos quais 43 crianças no ser- clínico que esteve disponível por cesarianas, informou o
o Hospital Neves Bendinha, entre adultos e crianças, com registo de 48 casos. viço de pediatria, 99 na área na fase da quadra festiva”. director-geral da unidade
em Luanda, registou 53 casos queimaduras, mas, durante Álvaro Pedro disse que, de medicina, 68 na de cirur- “Tivemos alguns óbitos de sanitária, Armando João.
de queimaduras, dos quais a passagem de ano, houve um dos 48 casos, a maioria é de gia e 50 mulheres atendidas bebés que entraram pratica- JOÃO GOMES
23 ocorreram em menores aumento de 20 casos. malária com 26 doentes, dos na maternidade. O director- mente sem vida e ainda 384
de 14 anos e seis delas foram O médico chamou a aten- quais dois foram internados, geral, Armando João, disse abortos provocados no domi-
imediatamente internadas, ção dos pais para terem mais com um quadro grave. que a unidade sanitária rece- cílio em condições precárias”,
devido às graves lesões cor- cuidado no manuseio de No rol de casos está ainda beu dois casos de intoxicação disse Manuela Mendes, que
porais que apresentaram. fogões, geradores, velas e um de intoxicação alimentar alcoólica, tendo os pacientes reprovou o comportamento
Duas vítimas perderam a vida. candeeiros, sobretudo na e 16 resultantes de agressões chegado em coma etílico. de jovens que praticam aborto,
Queimaduras por água presença de crianças, para físicas. A área de Medicina Durante a passagem de um crime em Angola.
quente e por gás butano são evitar que elas tenham acesso tem capacidade para 15 camas ano, o Hospital Geral dos Manuela Mendes lamen-
os casos que ocorreram em a fontes de incêndio ou a e oito berços, enquanto na Cajueiros registou um óbito tou uma morte materna por
alguns bairros de Luanda, no qualquer líquido quente. área que atende vítimas de na área de Medicina. aborto clandestino e em con-
primeiro dia do novo ano, Embora seja um hospital queimaduras estão disponí- A vítima mortal era dia- dições péssimas de higiene.
disse ao Jornal de Angola o especializado no tratamento veis 95 camas. bético e, segundo o médico A gestante não resistiu e
director clínico do Hospital de queimaduras, a unidade Já o Hospital Geral dos Armando João, já tinha dado veio a falecer no dia 24 de
Neves Bendinha, Álvaro Pedro. sanitária pública atendeu, Cajueiros, situado no muni- entrada na unidade alguns Dezembro. “São as tais com-
Diariamente, o banco de durante a passagem de ano, cípio do Cazenga, registou, dias antes. plicações pós-aborto regis- Índice de natalidade é alto
SOCIEDADE Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 25
CARLOS PEREIRA PRIMEIRO DIA DE TRABALHO
Associação NOS ÚLTIMOS TRÊS ANOS
Tchiweka lembra Luanda registou pouca MARIA AUGUSTA | EDIÇÕES NOVEMBRO

percurso circulação rodoviária


de jornalista
luso-angolano Rodrigues Cambala era inexistente, pelo menos
no dia de ontem. Quiseram
A calma observada ontem em os automobilistas e tran-
Luanda revelou que muitos seuntes suplicar que o trânsito
trabalhadores não regressaram rodoviário de ontem se repe-
à labuta. Uns ainda não se des- tisse. Para os automobilistas,
fizeram das cinzas da quadra foi um dia em que não se
festiva e outros gozam os últi- registou stress no trânsito.
mos dias das férias colectivas, Na paragem de táxis do
concedidas por alguns patrões Rocha Pinto, houve pouca
do sector privado. afluência de passageiros. Desta
Ontem, foi o primeiro dia feita, os utentes não se quei-
e a primeira quarta-feira de xaram de enchentes nem de
A Associação Tchiweka de trabalho de 2019. Foi, igual- encurtamento de rotas. Tal
Documentação (ATD) junta- mente, o segundo dia do ano. como na 21 de Janeiro, ao longo Manuel Viage afirma que este ano vai ser melhor pelo facto de haver sinais positivos
se ao pesar da família, cama- Até ao meio dia, o céu apre- da estrada da Samba, homens
radas e amigos de Carlos sentou-se cinzento. O sol e mulheres, trajados de uni-
Veiga Pereira, membro desta
Associação, pelo seu fale-
cimento ocorrido em Lisboa,
no dia 29 de Dezembro, aos
fixou-se sem intensidade e
nuvens escuras fizeram ques-
tão de alertar que, nos pró-
ximos dias, as torneiras de
forme de cor laranja, recolhiam
a areia acumulada na berma
da estrada. Os agentes regu-
ladores de trânsito tiveram
Crise põe no desemprego
91 anos.
Nascido na cidade do Sum-
be, província do Cuanza-Sul,
Carlos Veiga Pereira estudou
São Pedro podem ser abertas.
No período da tarde, o sol tor-
nou-se abrasador.
A circulação de viaturas é
pouco trabalho e, algumas
vezes, eram meros assistentes
da fluidez do trânsito.
À entrada do Instituto Mé-
mais de cem mil pessoas
em Luanda, antes de ir para o primeiro sinal para medir dio de Saúde de Luanda obser- Secretário-geral da UNTA-CS, Manuel Viage, defendeu,
a universidade em Portugal, a pulsação da cidade de Luan- vou-se um aglomerado de
onde partilhou lutas acadé- da, que habituou os seus ha- pessoas. A enchente é justi-
ontem, a revisão urgente da Lei Geral do Trabalho por ter
micas e antifascistas com bitantes ao movimento frené- ficada com o início, em breve, “defeitos estruturantes”, por promover a discriminação
estudantes angolanos que, tico. A Via Expressa recebeu das inscrições dos candidatos laboral e por não valorizar a força de trabalho no país
posteriormente, se destaca- menos viaturas no dia de on- para o ensino médio.
ram na luta pela indepen- tem, comparativamente aos Apesar de ser o primeiro
dência das colónias portu- outros dias, considerados nor- dia de trabalho, algumas lojas Mais de 100 mil postos de trabalho foram outro para os das pequenas”, sendo esta
guesas, como Agostinho Neto, mais de trabalho. e restaurantes estavam encer- encerrados no país devido à crise eco- mais uma razão que leva a UNTA-CS a
com quem foi preso em 1952, Entre o Patriota e a Ponte rados. O estacionamento de nómica e financeira, revelou, ontem, não estar de acordo com a actual Lei
e Lúcio Lara. Molhada notou-se um redu- viaturas fazia-se com alguma em Luanda, o secretário-geral da União Geral do Trabalho.
Jornalista desde 1955, zido número de mototaxistas. dificuldade, não obstante o Nacional dos Trabalhadores Angolanos A UNTA vai imprimir este ano mais
Carlos Veiga Pereira foi preso Antes da entrada principal da pouco movimento de carros. -Confederação Sindical (UNTA-CS). acções, a fim de mostrar as consequências
pelo regime fascista de Sala- Administração do Município Os dois autocarros, um da Em declarações ao Jornal de Angola, que a actual Lei Geral do Trabalho tem
zar e, depois, exilou-se em de Belas, um grupo de ope- TCUL e outro da Ango-Aus- Manuel Viage disse acreditar que 2019 causado aos trabalhadores e chamar a
França, até 1972. rários trabalhava com esmero tral, aguardavam por passa- vai ser um ano positivo, uma posição atenção ao Executivo e a sociedade no
Após o 25 de Abril de 1974, na escavação e implantação geiros, no término, defronte argumentada com a existência de con- geral para a necessidade da revisão da
dia em que foi derrubado o de tubos de drenagem. ao Porto de Luanda. Os pas- dições teóricas, criadas no ano passado lei, por não valorizar a força de trabalho
regime fascista de Salazar, A circulação de viaturas seios e jardins da Avenida 4 pelo actual Executivo. O secretário- no país. Quando lhe foi perguntado se
Carlos Veiga Pereira assumiu na estrada da Samba era feita de Fevereiro (Marginal de geral da UNTA-CS deu ênfase à neces- concordava com a introdução do subsídio
papéis de relevo na comu- com fluidez, uma realidade Luanda) registaram resquícios sidade de unidade entre os empregados de desemprego, Manuel Viage respondeu
nicação social portuguesa. incomum para os automo- dos populares, que escolhe- e as entidades empregadoras para a que, caso um trabalhador perca o emprego,
Nos últimos anos, o jor- bilistas, sobretudo aqueles ram o local para transição do melhoria do ambiente de trabalho. por algum motivo alheio à sua vontade,
nalista luso-angolano deu que todas as manhãs utili- ano. Garrafas, sacos plásticos “A economia nacional decresceu e deve receber uma protecção social do
uma valiosa contribuição a zam a mesma via para se e latas começaram a ser reco- assistimos ao encerramento de centenas Estado, num período de seis a um ano.
diversas instituições e projectos deslocarem ao local de tra- lhidos pelos trabalhadores de postos de trabalho”, declarou Manuel
de salvaguarda da memória balho. O engarrafamento de empresas de limpeza. Viage, acrescentando que, além do
das lutas anticoloniais e da JOÃO GOMES | EDIÇÕES NOVEMBRO
aumento do índice de desemprego, os Manuel Viage defendeu
luta contra a ditadura. trabalhadores que mantiveram os seus a criação de “instituições
Com uma carreira total- postos de trabalho viveram, durante três competentes” para
mente dedicada ao Jorna- anos, “momentos de estagnação pro- monitorizar a relação
lismo, Carlos Veiga Pereira fissional e uma acentuada queda do entre o desemprego
foi director de Informação da poder de compra”. Manuel Viage acentuou e a protecção social
Agência Noticiosa Portuguesa que a taxa de inflação e a desvalorização do Estado
(ANOP) e da RTP, membro da moeda nacional face ao dólar norte-
da Entidade Reguladora para americano reflectiu-se negativamente
a Comunicação Social (ERC) na vida social dos trabalhadores. O secretário-geral da UNTA-CS defen-
e trabalhou em vários jornais, O secretário-geral da UNTA-CS disse deu a criação de “instituições compe-
nomeadamente o “Diário de acreditar que, este ano, vai ser melhor, tentes” para monitorizar a relação entre
Lisboa”, onde foi chefe de pelo facto de haver sinais positivos. “Há o desemprego e a protecção social do
Redacção, e “Jornal Novo”. esperança de que vão ser criadas novas Estado. “Defendemos que o Estado deve
Os restos mortais do jor- empresas e mais postos de trabalho”, proteger os trabalhadores que, por causa
nalista Carlos Veiga Pereira admitiu Manuel Viage. da crise financeira e económica, per-
foram cremados, no dia 30 de Em relação à actual Lei Geral do Tra- deram os seus postos de trabalho, com
Dezembro, no Cemitério de balho, Manuel Viage defendeu a sua revi- um apoio social até conseguirem um
Olivais, em Lisboa. Luanda registou fraco movimento no primeiro dia de trabalho são, por não ter havido consenso nas outro emprego”, acentuou Manuel Viage.
discussões com parceiros sociais e afirmou O sindicalista disse ser lamentável
ter o diploma “defeitos estruturantes”, a existência de “muitos trabalhadores”
um dos quais está relacionado com a que não se organizem em termos sin-
IGREJA CATÓLICA e ampliação de paróquias e celebração de contratos. Manuel Viage dicais e acentuou que a UNTA só pode
outras infra-estruturas da defendeu uma revisão urgente, ainda intervir nas empresas com trabalhadores

Paróquia reabre no Luena Igreja Católica nos municípios


do Alto Zambeze, Lumbala
Nguimbo, Léua, Luau, Cama-
este ano, da Lei Geral do Trabalho. A ine-
xistência na lei do contrato por tempo
indeterminado é, na visão do secretá-
inscritos no sindicato. O movimento
sindical trabalha no sentido de os tra-
balhares terem consciência dos seus
Kapalo Manuel|Luena dade para albergar mais de nongue, Luacano e Lumeji rio-geral da UNTA-CS, “um grave erro”. direitos, lembrou Manuel Viage, adver-
mil fiéis. A requalificação du- Cameia. O bispo garantiu No âmbito das compensações e indem- tindo que, "quando os trabalhadores
A paróquia de Nossa Senhora rou três meses e custou oito que os programas em carteira nizações, a actual Lei Geral do Trabalho não se interessam no sindicalismo,
da Reconciliação, na cidade milhões de kwanzas, utilizados vão ajudar no crescimento não protege o trabalhador, no caso de ficam desprotegidos", uma situação que
do Luena, província do Mo- também no apetrechamento material, humano, intelectual vir a perder o emprego, por algum motivo, satisfaz entidades empregadoras, sobre-
xico, reabriu as portas aos do imóvel religioso. Na inau- e espiritual da população antes de atingir os 15 ou mais anos de tudo quando no local de trabalho não
fiéis, depois de ter sido sub- guração, o bispo Jesus Blanco daqueles municípios. contribuição para a Segurança Social. existir representação sindical.
metida à requalificação. disse que a paróquia tem a “A igreja desempenha um Manuel Viage disse ainda que a “lei pro- Manuel Viage manifestou-se preo-
A paróquia, localizada no missão de expandir o evan- papel importante na sociedade, move a discriminação laboral”. cupado com os despedimentos de mais
Bairro Social da Juventude, gelho, a paz e a justiça. na reconstrução das famílias O dirigente sindical explicou que de 50 trabalhadores ocorridos numa
foi inaugurada pelo bispo da O bispo revelou a exis- que, muitas vezes, se encon- “existe um tratamento para os traba- fábrica de bebidas da Catumbela, pro-
Diocese do Luena, D. Jesus tência de mais 15 projectos tram divididas”, acentuou D. lhadores das grandes empresas e um víncia de Benguela.
Tilson Blanco, e tem capaci- de construção, requalificação Jesus Tilson Blanco.
26 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

(500002)
REPÚBLICA DE ANGOLA REPUBLIC OF ANGOLA
MINISTÉRIO DE ECONOMIA E PLANEAMENTO MINISTRY OF ECONOMY AND PLANNING
PROJECTO ESTATÍSTICO DE ANGOLA ANGOLA STATISTIC PROJECT

Anúncio de Concurso Invitation for Bids


País: Angola
Projecto: Projecto Estatístico de Angola Country: ANGOLA
Crédito N.°: IBRD-86690-AO Project: ANGOLA STATISTICS PROJECT
Contrato: Fornecimento de Bens e Serviços para a Mobilização e Publicidade do Recenseamento Agro-Pe- Loan N.°IBRD-86690-AO
cuário e Pescas (RAPP) 2019
Reference N.°: AO-INE-89963-NC-RFB Contract Title:Goods and Services for Advocacy Campaign for RAPP 2019
Reference N.º:AO-INE-89963-NC-RFB
1. O Governo de Angola, por intermédio do Instituto Nacional de Estatística (INE), beneficiou de um financiamento
do Banco Mundial, para cobertura dos custos relacionados com a implementação do Projecto Estatístico e pretende 1. The Republic of Angola has receivedfinancing from the World Bank toward the cost of the Angola Statistic Project,
aplicar parte dos fundos para o fornecimento de Bens e Serviços para a Mobilização e Publicidade do Recensea- and intends to apply part of the proceeds toward payments under the contract forSupply of goods and services for
mento Agro-Pecuário e Pescas (RAPP) 2019. the Advocacy Campaignfor the Agro-Livestock Census and Fisheries (RAPP-2019).

2. O Projecto Estatístico de Angola convida as empresas elegíveis (“Consultores”) para apresentarem propostas 2. The National Statistics Institute(INE – InstitutoNacional de Estatística) now invites sealed bids from eligible
em envelopes lacrados para o fornecimento de bens (cartazes, posters, panfletos, flyers, t-shirst, etc, etc.) e ser- bidders for supply of goods (brochures, posters, flyers, polo shirts, etc, etc) and services (spot video and spot radio,
viços (criação de spot vídeo e publicitário, etc.) para a Mobilização e Publicidade do Recenseamento Agro-Pecuário etc) to support the Agro-Livestock and Fisheries Census to be undertaken in Angola in 2019. Hence, the goods
e Pescas (RAPP) 2019. and services shall be delivered early February 2019 at the premises of INE in Luanda.
3. O concurso será realizado por meio de concurso público internacional (ICB) conforme especificado nas Direc-
3. Bidding will be conducted through the International Competitive Bidding procedures as specified in the World
trizes do Banco Mundial para Aquisção de Bens, Obras e Serviços de Não Consultoria, no âmbito do empréstimo
Bank’s Guidelines: Procurement of Goods, Works and Non-Consulting Services under IBRD Loans and IDA Credits
do BIRD e Crédito e Doações da AID por parte de Mutuários do Banco Mundial de 2011 (revisto em Julho de 2014),
além de ser aberta a todos os licitantes elegíveis, conforme definido nas Directrizes das Aquisções. Além disso, os &Grants by World Bank Borrowers(dated January 2011, revised July 2014) (“Procurement Guidelines”), and is open
concorrentes devem consultar os parágrafos 1.6 e 1.7 indicando a política do Banco Mundial sobre conflitos de in- to all eligible bidders as defined in the Procurement Guidelines. In addition, please refer to paragraphs 1.6 and 1.7
teresse. setting forth the World Bank’s policy on conflict of interest.

4. Os concorrentes elegíveis interessados podem obter mais informações e examinar o caderno de encargos no 4. Interested eligible bidders may obtain further information from Angola Statistic Project, (Email.sherley.chipita@ine.gov.ao;
endereço abaixo indicado, no período normal de expediente, das 8h00 às 15h00, de segunda a sexta-feira. Rui.Alfredo@ine.gov.ao) and inspect the bidding documents during office hours (from 08:00 to 15:00 hours)at the
address given below.
5. O caderno de encargos em Português ou em Inglês pode ser obtido mediante solicitação escrita por email no
endereço abaixo indicado. 5. A complete set of bidding documents in English or in Portuguese may be requested by interested eligible bidders
upon the submission of a written application to the address below. The document will be sent by email.
6. As propostas devem ser entregues no endereço abaixo descrito até o dia 19 de Fevereiro de 2019 pelas
09:45m. As propostas não podem ser submetidas por via electrónica. Propostas atrasadas serão rejeitadas. As 6. Bids must be delivered to the address below on or before 09:45 a.m. on February 19, 2019. Electronic bidding
propostas serão abertas publicamente na presença dos representantes designados dos concorrentes e de qualquer will not be permitted. Late bids will be rejected. Bids will be publicly opened in the presence of the bidders’ desig-
outra que desejar estar presente no endereço abaixo indicado, no dia 19 de Fevereiro de 2019 pelas 10:00 horas. nated representatives and anyone who choose to attend at the address below on 10:00 a.m. on February 19, 2019.
7. Todas as propostas devem ser acompanhadas por uma Declaração de Garantia de Proposta.
7. All bids must be accompanied by a Bid-Securing Declaration.
8. O endereço referido acima é:
8. The address referred to above is:
Projecto Estatístico de Angola
Unidade de Implementação do Projecto National Statistic Institute - INE
Att.: Sherly de Carvalho – Coordenadora do Projecto Angola Statistic Project
Instituto Nacional de Estatística Att.: MrsSherly de Carvalho – Project Coordinator
Rua: Ho – Chi – Minh Ho-Chi-Min Street
Luanda - Angola Luanda - Angola
Tel.: +244 925 366 243 Tel.: +244 925 366 243
E-mail: sherley.chipita@ine.gov.ao; Rui.Alfredo@ine.gov.ao E-mail: sherley.chipita@ine.gov.ao; rui.Alfredo@ine.gov.ao
(21.166) (21.166a)
Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 27
PUBLICIDADE

OPORTUNIDADE DE CARREIRA
A DISIDE é a entidade gestora da FAZENDA A PÉROLA DO KIKUXI, na qual se situa a fá-
brica de ração animal NUTRIMIX, o centro de abate avícola AVIKUXI e a CLASSIOVO,
líder no mercado do ovo em Angola (KIKOVO), e vem por este meio convidar todos os can-
didatos com qualificação e experiência a apresentarem as suas candidaturas ao seguinte

Vaga Disponível: AUDITOR CONTABILISTA / ÁREA AGRÍCOLA E AVÍCOLA (Ref.ª


emprego:

02/2019)
Local: Luanda
Qualificações: Experiência relevante como auditor contabilista / Licenciatura em
Contabilidade e Auditoria no ramo agrícola e avícola; Domínio de SAP e de Webren-
win;
Experiência: Mínima de 6 (seis) anos na área de auditor contabilista em gestão de produ-
ção, gestão de qualidade e análise para reporte em empresa do ramo agrícola e avícola,
com responsabilidades de análise, optimização e planificação ao nível do planeamento da
produção, do seu custeio, orçamentação, parametrização de informação, contabilidade por

Como apresentar a Candidatura:


centros de custo, procedimentos, e formação de profissionais na área.

Os candidatos interessados e que reúnam os requisitos acima devem candidatar-se en-


viando e-mail com seu curriculum vitae para: recrutamento@diside.co.ao.
As candidaturas deverão ser enviadas até dia 12 de Janeiro de 2019.
(38 a )

ABANDONO DE TRABALHO
COMISSÃO ELEITORAL DA ATROMA
ABANDONO DE TRABALHO
A Direcção de Recursos Humanos da Ivamarg, CONVOCATÓRIA
Lda., comunica ao trabalhador abaixo mencionado, dora, comunicar ao Exmo Sr. EDUARDO FERNANDES
Vimos por este meio, na qualidade de entidade emprega-

VIDAL REIS, que se encontra em situação de abandono


A Comissão Eleitoral para a realização das eleições da ATROMA,
que será declarado em situação de abandono de tra- tem a honra de comunicar a todas Empresas Transportadoras e
balho, se no prazo de 3 (três) dias úteis, a contar da de trabalho, pelo facto de: singulares o seguinte:

ATROMA, terão lugar no dia 15 de Janeiro de 2019, no Condo-


data desta publicação, não comparecer na sede da 1º- As eleições para a constituição dos órgãos sociais da
1. Estar ausente do seu local de trabalho injustificadamente
empresa para tratar de assunto do seu interesse. há mais de quatro (4) semanas consecutivas; mínio Belas Business Park, Edifício Bengo, município do Talatona,
A ausência de V. Ex.ª dentro do prazo referido,Iva- Portanto, nos termos do disposto no n.º 4 do artigo 229.º no período de manhã.
marg, Lda, considere esta conduta como efectivo da Lei n.º 7/15, de 15 de Junho, fica notificado a compare- 2º- As inscrições e a entrega das listas dos candidatos, acompa-
abandono do posto de trabalho, ao abrigo dos nºs 3 nhadas com o referido programa de acção estão a decorrer desde
cer no Departamento de Recursos Humanos no prazo de o dia 07/12/2018 e terminam no dia 08 de Janeiro de 2019.
e 4, do artigo 254º da Lei Geral do Trabalho, ces- cinco (5) dias úteis, após a publicação deste anúncio, de- Para o efeito, os candidatos devem ser membros da ACOMA.
sando automaticamente a relação de trabalho que
NB: Em caso de qualquer esclarecimento, contacte a comissão
vendo para efeito, provar documentalmente as razões da
detinha com V. Ex.ª. por estar ausente há mais de 5 sua ausência,findo os quais o abandono de trabalho será
E-mail: edtrans1@gmail.com
dias consecutivos injustificadamente, é ele: eleitoral, nos seguintes contactos: Telf. Nº 939109272,
declarado e efectivado, valendo como rescisão do Contrato

- Flávio José Azevedo Nunes


de Trabalho sem justa causa e sem aviso prévio, no âmbito Escritórios: Rua Amílcar Cabral, Edifício Sovidros 1º Andar, Porta
do disposto no n.º 5 do artigo 229.º da Lei n.º 7/15, de 15 nº 3- Maianga, em frente ao Hospital David Bernardino.
de Junho (Lei Geral do Trabalho).
Luanda, aos 28 de Dezembro de 2018. Luanda, 5 de Dezembro de 2018.

A DIRECÇÃO DE RECURSOS HUMANOS


Luanda, aos 2 de Janeiro de 2019.
Edgar Cori
A Comssão Eleitoral

(21.213) O Departamento de R.H (41)


Presidente
(24 A)

REPÚBLICA DE ANGOLA REPÚBLICA DE ANGOLA

ABANDONO DE TRABALHO TRIBUNAL PROVINCIAL DE LUANDA


2.ª SECÇÃO DA SALA DE FAMÍLIA
A Direcção da Fábrica de Cimento do Cuanza Sul informa
ANÚNCIO
PEDIDO DE COMPARÊNCIA
que se encontra em situação de Abandono de Trabalho, ao
abrigo do consignado nos nºs 1 e 2 do art. 229° da LGT por A DOUTORA MARIA LUÍSA CAIO DA CUNHA, JUÍZA DE DIREITO
DA SEGUNDA SECÇÃO DA SALA DE FAMÍLIA DO TRIBUNAL
PROVINCIAL DE LUANDA.
ausência injustificada há mais de 10 dias consecutivos, os

FAZ SABER QUE, por este Tribunal e nos autos de Providência Cau-
seguintes funcionários;
A Agência de Investimento Privado e Promoção das Ex-
1. António Mansambu Kiabokelua
nores, em representação da menor Cristiana Sofia Lubanzadio
telar não Especificada, em que é requerente O Digno Curador de Me-
pediente, do cidadão de nacionalidade Turca MELIH
portações solicita a comparência nas horas normais de ex-
2. Felizardo Manuel Machado
Moleca, e requeridos TUTA HELENA LUBANZADIO, solteira, do-
SERIM, a fim de tratar de assuntos relacionados com o
méstica e residente nesta Cidade de Luanda, e FERNANDO MO-
Projecto de Investimento Privado Externo "GIGANGOLA,
LECA, solteiro, residente em parte incerta, correm éditos de TRINTA
LDA", devendo para o efeito contactar o Departamento Ju-
Os mesmos deverão comparecer no escritório da Empresa,
no prazo de 5 (cinco) dias úteis a contar da data da pre- DIAS, a partir da data da segunda e última publicação, citando o Re-
sente publicação, a fim de justificarem documentalmente querido, para no prazo de TRINTA DIAS, findo o dos éditos, contestar, rídico desta Agência no prazo de 10 (dez) dias úteis, sito
as razões das ausências. querendo, o pedido formulado pela requerida na referida acção, con- em Luanda, na Rua Kwamme NKrumah, n. ° 08/10,
Caso contrário, o abandono se efectivará, cessando o vín- forme a petição inicial, cujo duplicado se acha patente no Cartório Maianga, 5° Andar.
culo laboral. nos termos do n.º 5 art. 229º da LGT. desta Secção, sito no Projecto Nova Vida, Rua Número Cinquenta e
Quatro, Primeiro Andar, em Luanda. AGÊNCIA DE INVESTIMENTO PRIVADO E PROMOÇÃO
Direcção de Recursos Humanos da Fábrica de Cimento do Luanda, 18 de Dezembro de 2018. DAS EXPORTAÇÕES, EM LUANDA, AOS 17 DE DEZEM-
Cuanza Sul, em Luanda, aos 27 de Dezembro de 2018. BRO DE 2018.
Dra. MARIA LUÍSA CAIO DA CUNHA
A JUÍZA DE DIREITO

LICÍNIO DE FREITAS VAZ CONTREIRAS


O PRESIDENTE DO CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO
Joaquim Domingos Manuel
Director de Recursos Humanos
/ROSA MARIA LOURENÇO/
A ESCRIVÃ DE DIREITO
(21.198) (21.150) (24B)
28 Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

PUBLICIDADE

REPÚBLICA DE ANGOLA
mINISTéRIO DA INDÚSTRIA

COmUNICADO
No âmbito do Concurso Público N.º 4, e nos termos do disposto no n.º 1, do art. 69.º da Lei n.º 9/16, de 16 de Junho de 2016 - Lei dos Contratos Públicos, para a
CONCESSÃO DE OBRAS PÚBLICAS, cujo Procedimento tem por objecto a fixação dos termos e condições para a Concessão, Projecto, Construção, Gestão e Exploração de um
Parque Industrial integrado.

No período de 10 a 12 de Dezembro foi feito o anúncio no Jornal de Angola que definia como prazo limite para apresentação das propostas o dia 7 de Janeiro de 2019, às 15 horas e
a aberta das mesmas no dia 8 de Janeiro de 2019, pelas 09 horas.

Comunica-se,assim, a todos os interessados que o prazo limite para apresentação das propostas foi prorrogado, passando para o dia 15 de Janeiro de 2019, à mesma hora e local,
para apresentação das propostas e a data de 16 de Janeiro de 2019, a abertura das propostas, à mesma hora e local, como consta no referido anúncio de procedimento.

E que a dimensão do Parque Industrial do Cunje, no Bié, nos termos do concurso, passam de 200ha (Duzentos Hectares) iniciais, para 500ha (Quinhentos Hectares).

1. Informações Complementares

1.1 Endereço e ponto de contacto onde podem ser obtidas as informações adicionais, as peças de procedimento e enviadas as propostas:

mINISTéRIO DA INDÚSTRIA
1.1.1 Designação oficial

1.1.2 Endereço
Rua Cerqueira Lukoki, N.º 25, - 8.º Andar (Instituto de Desenvolvimento Industrial de Angola – IDIA)
1.1.3 Localidade Ingombota.
1.1.4 Província: Luanda

Correio electrónico: geral@idia.gov.ao


1.1.5 Telefone + 244 222 338 492/ +244 948 150 958
1.1.6

2. Ponto Focal da EPC

- Nome: Luís manuel Dias Ribeiro. Telefone: 926 163 616


- E-mail: luis.ribeiro@idia.gov.ao

Luanda, 28 de Dezembro de 2018.

mINISTéRIO DA INDÚSTRIA
(21.288)

REPÚBLICA DE ANGOLA
CONSELHO NACIONAL DE CARREGADORES
DIRECÇÃO GERAL

INSTRUÇÃO DE SERVIÇO
Considerando o previsto nos artigos 4.º e 5.º do Decreto n.º 19/94, de 20 de Maio, do Conselho de Ministros

Artigo 4.°
que referem o seguinte:

Os armadores e agentes de navegação interessados em participar no tráfego marítimo angolano devem

Artigo 5.°
efectuar a sua inscrição no Conselho Nacional de Carregadores;

1. As inscrições a que se refere o artigo anterior, bem como as suas renovações devem ser efectuadas até

a partir do dia 1 de Dezembro do ano anterior;


31 de Janeiro de cada ano, através dos formulários fornecidos pelo Conselho Nacional de Carregadores,

2. A não renovação dos cartões de membro até à data prevista no número anterior será sancionada com
uma multa.

Luanda, 20 de Dezembro de 2018.


O Director-Geral
Catarino Fontes Pereira (21.146)

RECRUTAmENTO

PARA NOVA UNIDADE TURíSTICA E HOTELEIRA PRECISA-SE TéCNICOS POLI-


VALENTES PARA CHEFIAR áREA DE mANUTENÇÃO DE Um LODGE SITUADO A
80 km. DE LUANDA
Exige-se:
Formação técnica específica e certificada, com um mínimo de 5 anos de experiência
nas seguintes áreas:
•Manutenção e reparação de arruamentos, incluindo operação de maquinaria de estra-
das;
•Manutenção e gestão de equipamentos do sistema de adução, tratamento e distribui-
ção de água;
•Manutenção e gestão de equipamentos do sistema de geração e distribuição de ener-
gia eléctrica;
• Manutenção e gestão de equipamentos do sistema de esgotos;
Disponibilidade para residir no Lodge, situado a 80 Km. de Luanda. (21.147)
(500.005)
CULTURA Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 29
associação deu visibilidade

UM ANO DE PREPARATIVOS aos produtores e aos filmes


nacionais, ao ponto de Angola
ter sido uma das referências

Cultura solidifica bases em festivais internacionais,


como o do Marrocos, onde as
produções angolanas foram
homenageadas.

para projectos maiores


Apesar dos ganhos de
alguns e a perda de outros
é preciso que, dentro das
projecções feitas para a cul-
tura pra os próximos anos,
Lei do Mecenato e a de incentivo à Leitura estão entre os principais projectos aprovados pelo conste também a importân-
cia de serem criados mais
Executivo, para apoiar o sector cultural e ajudar a dar um outro estatuto à classe e aos seus fazedores espaços adequados, onde
os artistas possam mostrar
o seu talento, particular-
mente agora que temos a
possibilidade de realizar
festivais internacionais, no
qual participaram grupos
de outros países e muitos
acabam por levar uma má
imagem de Angola.
No caso do teatro, palcos
como os usados na centrali-
dade do Kilamba, ou no
Cazenga, assim como algumas
casas de espectáculo precisam
de incentivos, dentro de polí-
ticas como a da Lei do Mece-
nato, para darem dignidade
ao artista e ao público.
De alguns projectos e leis
aprovados este ano, espera-
se muito, de outros ainda se
requer uma melhor avaliação,
de forma a se incluir outras
António Bequengue | começar a ser superada e os O último foi com o cantor mas sim semanalmente, a As artes plásticas também áreas, excluídas do desígnio
e Adriano de Melo| jovens artistas têm, assim, a Matias Damásio e a produ- alegria de analisarem o quo- tiveram o seu momento alto. inicial. Um dos casos con-
oportunidade de procurar tora Nova Energia, isso sem tidiano, em temas inovadores O seu principal palco foi o cretos é a política nacional
Entre inúmeras alegrias, per- por um lugar ao sol. Ao longo esquecer as muitas “ban- e perspicazes. O Festival Inter- mercado internacional, onde do livro e da leitura, criada
das e decepções, o ano de do ano findo, o teatro e a deiras” de alguns kuduristas, nacional de Teatro do Cazenga os artistas angolanos con- para tornar o livro um objecto
2018, para o sector da Cultura, música foram as expressões ou as “makas” na eleição (Festeca) e Circuito Interna- seguiram se impor, com do quotidiano e acessível a
fechou com promessas de que mais marcaram presença do novo corpo directivo da cional de Teatro (CIT) ajudaram quadros que mostravam a todos, devido ao seu papel
novos dias e melhores para a regular nos palcos, mesmo União Nacional dos Artistas a dar uma “pitada” de boa sua preocupação com a ino- fundamental na transmissão
classe, com a aprovação de com os parcos recursos que e Compositores (UNAC), que qualidade ao teatro nacional, vação estética, o quotidiano do saber e da cultura, mas
leis, como a do Mecenato e a os artistas e os promotores levou a lista B a apresentar, com a participação de grupos nacional e as mudanças cau- que precisa de incluir, na
política nacional do livro e da tiveram à sua disposição. ao tribunal, uma providência de outros países. sadas pelo modernismo comissão multissectorial para
leitura, a projecção de festivais, Actores, encenadores, cautelar. A dança, que continua a numa sociedade tradicional. a sua implementação, órgãos
cuja magnitude pode ajudar produtores e cantores mere- Porém, os defeitos não ter na Companhia de Dan- Alguns como Kiluanji kia dos Ministérios das Finanças
a levar o nome de Angola e cem duplas ovações, por superam o trabalho feito em ça Contemporânea de An- Henda chegaram mesmo a e Transportes.
dos seus criadores muito além todo o esforço que fizeram prol da arte. Muitos são os rit- gola (CDCA) um dos seus receber elogios em países, Se a ideia é termos o livro
das fronteiras do país. para dar ao s angolano s mos impostos pelo kuduro, expoentes máximos, teve como Portugal. Outros rece- a baixo preço e em cada lar
Sob nova liderança política, momentos únicos de que se tornaram “hinos” para pouca “expressividade” beram dos EUA, França e do país, então a inclusão
o sector da Cultura expôs ao demonstrações de talento. adolescentes e jovens, e de durante o ano todo. A ausên- África do Sul convites para destes dois organismos e de
longo do ano as suas várias Através de festivais, como “consumo obrigatório” nas cia do Ballet Kilandukilo participar em mostras, colec- muitos outros, como o da
inquietações e pediu apoio à o Variante e outros como o festas. As experiências únicas, dos palcos continua a ser tivas e individuais. Indústria, devido a inexis-
materialização dos seus pro- Show Unitel, que anual- como a proporcionada por sentida, assim como o desa- A nível nacional, os cria- tência de um parque gráfico
jectos. A aprovação, neste ano mente já impuseram a sua produtores como Republi- parecimento gradativo de dores conseguiram impor- nacional capacitado para tal
findo, da Lei do Mecenato, foi marca e ajudam a difundir cano, que levaram o “Team muitos outros grupos, leva se em vários mercados, gra- procura, são fundamentais,
uma resposta clara a esses estilos diferentes de música, de Sonho” angolano para a criar um “estado de alerta ças em parte a iniciativas para ajudar no acesso, prin-
pedidos. Com o novo docu- ou mesmo iniciativas como actuar em Moçambique, urgente” para essa expres- como a Feira do Dondo, onde cipalmente em termos
mento legal, os artistas ango- o Festival da Canção da LAC deram a possibilidade de levar são. Até mesmo os grupos artesãos, ou mesmo os artis- financeiros e de distribuição.
lanos podem começar a pensar (Luanda Antena Comercial), estes ritmos e tendências a de dança tradicional de tas plásticos, com pouca O livro, o acesso do público
em implementar os inúmeros onde jovens talentos mos- outros patamares, fora das outras províncias do país, representatividade, tiveram a este, em particular as
projectos que têm em carteira tram o seu potencial, a mú- fronteiras nacionais. algumas de grande relevo a oportunidade de mostrar crianças, é um problema de
e engrandecer as artes ango- sica distinguiu-se, em mais Nota super positiva vai cultural, estão em vias de os seus produtos. âmbito nacional, que precisa
lanas, que anualmente perdem um ano, com nota positiva, mesmo para o teatro. Sem pal- desaparecer e todo o seu De todas as artes, a sétima do apoio de todos e a imple-
muitos talentos. mesmo com os inúmeros cos adequados, com o pouco legado junto, visto que os foi a que nos últimos anos mentação desta política
A falta de incentivos, que incidentes isolados que que tiveram em mão, os actores jovens têm demonstrado ganhou o devido protago- surge como uma garantia
durante anos assola a classe, aconteceram com alguns deram ao público, não men- pouco ou nenhum interesse nismo no país. O trabalho de um futuro melhor para
vai, num futuro próximo, dos seus fazedores. salmente como os músicos, pela dança. feito pela sua recém-criada a próxima geração.

CERIMÓNIA EM BEVERLY HILLS

Globos de Ouro são entregues no domingo na Califórnia


O filme biográfico “Vice”, Bale) de comédia/musical. fi l m e L a d y G a g a e s t á Em ambas destaca-se DR

de Adam McKay, lidera as “Assim Nasce uma Estrela”, nomeada para Melhor Actriz também o filme “A Favo-
nomeações para a 76ª. edição “Green Book: Um Guia para num Filme de Drama, cate- rita”, nomeado para cinco
dos prémios de cinema e tele- a Vida” e “A Favorita” são os goria em que é acompa- Globos de Ouro, por Melhor
visão Globos de Ouro, cuja segundos mais nomeados, nhada por Glenn Close (“A Filme e pelas representações
cerimónia de entrega se realiza nos troféus atribuídos pela Mulher”), Nicole Kidman das actrizes Emma Stone,
na noite de domingo, em Associação de Imprensa (“Destroyer: Ajuste de Con- Rachel Weisz e Olivia Col-
Beverly Hills, na Califórnia. Estrangeira de Hollywood, tas”), Melissa McCarthy man. Está ainda indicado
O filme, centrado na vida em cinco categorias cada. (“Can You Ever Forgive para o prémio de Melhor
do antigo Vice-Presidente O actor Bradley Cooper Me?”) e Rosemund Pike Argumento. No campo tele-
dos Estados Unidos, Dick está duplamente nomeado, (“Uma Guerra Pessoal”). visivo, a série mais nomeada
Cheney, está nomeado em nas categorias de Melhor A actriz Emily Blunt e “O foi “American Crime Story:
seis categorias dos prémios Realizador e Melhor Actor Regresso de Mary Poppins” O Assassinato de Gianni
vistos habitualmente como de Drama, com “Assim são outros dos nomeados, Versace” com quatro indi-
uma antecâmara dos Ósca- Nasce uma Estrela”, que nas categorias de Melhor cações, seguindo-se “The
res, incluindo Melhor Filme marca a sua estreia atrás das Filme e Melhor Actriz de Americans”, que terminou
e Melhor Actor (Christian câmaras. Também por este Comédia ou Musical. em 2018. Filme de Adam McKay lidera as nomeações dos Globos de Ouro
30 DESPORTO Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019

BASQUETEBOL SÉNIOR MASCULINO SÃO SILVESTRE DE LUANDA


Breves KINDALA MANUEL | EDIÇÕES NOVEMBRO

Quezada está de regresso KEVIN DURANT


QUER JOGAR E
GANHAR DINHEIRO

aos militares do Rio Seco A poucos meses de se


tornar no agente livre mais
apetecível do mercado, o
extremo norte-americano
Jogador é o primeiro expatriado ao serviço do 1º de Agosto Kevin Durant, dos Golden
nesta edição do Campeonato Nacional da bola ao cesto State Warriors, sublinhou o
desejo de ganhar o máximo
de dinheiro possível no
Armindo Pereira maneira, rumo aos objec- dar os destinos da turma do próximo contrato que fizer
tivos preconizados. Eixo -Viário, Lazare Adin- na Liga profissional de
Quezada é o primeiro gono promete apresentar basquetebol norte-
O regresso do base norte- expatriado que chega ao país uma equipa diferente e fazer americano NBA.
americano Emmanuel Que- para jogar na maior compe- as pazes com os adeptos. Em 2017, Durant perdeu
zada vem aumentar o leque tição a nível da bola ao cesto. No Campeonato Nacional, dinheiro ao trocar os OKC
de opções do treinador Paulo A crise financeira que assola os pupilos de Adingono lide- Thunder pelos Warriors,
Macedo, no comando do 1º o país, nos últimos tempos, ram com 27 pontos, seguidos onde viria a sagrar-se
de Agosto, cujo objectivo passa tem dificultado os principais pelo 1º de Agosto com 24 e campeão da NBA por duas
pela revalidação do título emblemas de assegurar a menos duas partidas. ocasiões.
nesta 41ª edição do Campeo- contratação de atletas estran- “Desta vez, vou assegurar-
nato Nacional de basquetebol geiros, para reforçarem as Retorno à competição me de que ganho o máximo
sénior masculino. respectivas agremiações. Depois da pausa de duas possível. O meu plano é
Fonte próxima à direcção Em negociações com o semanas, o Campeonato muito simples: jogar Número de corredores deve aumentar nas próximas edições
do clube rubro e negro, lide- Petro de Luanda encontra- Nacional prossegue amanhã basquetebol e encher-me de
rada por Carlos Hendrick, se o extremo-poste norte- com a realização de três dinheiro”, disse, em
revelou ao Jornal de Angola
que a crise financeira e a
consequente escassez de
americano, Jason Cain, 2,08
metros. A direcção tricolor
tem meio caminho andado
partidas referentes à sétima
jornada da fase regular. No
Arena do Kilamba, o ASA
declarações à NBC Sports.
Nos Golden State Warriors, o
atleta poderá firmar um
Governante defende
divisas para honrar com o
contrato estiveram na base
da ausência do jogador, de
para assegurar o regresso do
jogador, que já deu alegrias
aos aficcionados do clube.
recebe o Helmarc Academia,
às 16h00.
No entanto, não se sabe
novo contrato de cinco anos
com um total de 221 milhões
de dólares. Se trocar de
maior participação
33 anos e 1,90 metros, na Por outro lado, depois se a partida vai ou não acon- equipa no mercado, Kevin O secretário de Estado dos no sentido de os angolanos
primeira volta da fase regular de ser cogitado o afasta- tecer pois os jogadores afec- Durant ficará ‘limitado’ a um Desportos, Carlos Almeida, elevarem o nível competi-
da prova. mento de Lazare Adingono tos à formação do Kilamba contrato de quatro anos e defendeu nesta segunda- tivo e a prova atingir cerca
Deste modo, o jogador no comando da equipa téc- reclamam por salários em 164 milhões de dólares. feira, na capital do país, um de cinco ou seis mil parti-
vai cumprir com a sua ter- nica do Petro de Luanda, atraso, e chegaram a con- trabalho árduo para o aumento cipantes”, reiterou.
ceira época ao serviço do alegadamente devido a dicionar reatar os trabalhos do número de participantes A necessidade de uma
camp eão n ac i o n a l , e j á maus resultados no Cam- só mediante pagamento. THOMAS E FROOME nas próximas edições da “São melhor preparação dos atle-
treina com os companheiros peonato Nacional, o facto Duas horas mais tarde o DEFENDEM SKY Silvestre” de Luanda para tas nacionais também mere-
de equipa, onde encontrou é que o camaronês recebeu 1º de Agosto vai receber o NA VOLTA À FRANÇA cinco ou seis mil. ceu referências do antigo
dois novos rostos. Tratam- voto de confiança e vai Vila Clotilde, no Victorino Os britânicos Geraint Ao falar à imprensa, após basquetebolista e capitão da
se de Pedro Bastos e Fidel cumprir na íntegra o seu Cunha, ao passo que a Uni- Thomas e Chris Froome vão a corrida, vencida por Mokua Selecção Nacional.
Cabita, as mais novas aqui- contrato até 2020. versidade Lusíada mede defender a equipa Sky na Nyudusi (Quénia) e Beyanesh Quanto à competição, o
sições do 1º de Agosto para As exibições pouco con- forças com Clube de For- Volta à França, sendo os dois Ayele (Etiópia), em ambos angolano Alexandre João,
a presente época. vincentes nas últimas jor- mação Kwanza, às 15h00, últimos vencedores da os sexos, elogiou a organi- do Interclube, foi o terceiro
Depois das férias colec- nadas, aliadas às duas no Anexo II da Cidadela. prova. zação e o regresso ao cariz classificado, com 35 minutos
tivas para a quadra festiva, derrotas com o Interclube, Para a mesma jornada, o A Sky anunciou o calendário internacional, acrescentando e 53 segundos. As duas posi-
Paulo Macedo vai recuperar levaram a massa associativa Interclube venceu, por 87- dos corredores para as que quanto maior o número ções seguintes foram igual-
os jogadores e começar o a questionar a sua continui- 83. o Petro de Luanda, em principais provas e Froome, de concorrentes mais dig- mente ocupadas por atletas
novo ano civil da melhor dade. Há sete anos a coman- partida de antecipação. terceiro na edição 2018, nificada fica a prova. nacionais, designadamente,
procurará a quinta vitória, A 63ª edição desta corrida Luís Kuvingua, do Interclube
JOSÉ COLA | EDIÇÕES NOVEMBRO
tendo a oposição, ainda que pedestre teve dois mil con- (32:13) e Rafael Epesse, do
na mesma equipa, de correntes, dos quais seis 1º de Agosto (32:19).
Thomas, vencedor da estrangeiros. “Houve um No sector feminino, a
corrida. “Foi uma decisão bom trabalho por parte da angolana Adelaide Machado,
difícil, não vou voltar ao Giro, Federação Angolana de do Interclube, foi a segunda
mas o meu objectivo Atletismo e outros parceiros, classificada (36:42), seguida
principal será o Tour”, disse para que a corrida tivesse por Lúcia Gomes, Cuanza-
Froome. Thomas vai lugar num ambiente posi- Sul (37:15) e Ernestina Paulino,
procurar o Tour e também o tivo. A São Silvestre retomou Interclube (37:20). Nyabera
Mundial de contra-relógio, o seu carácter internacional, Gesare, Quénia, quedou-se
que decorrerá em Setembro por isso, temos de trabalhar no quinto posto (37:34).
no Reino Unido.

BUCKS E NUGGETTS ATLETISMO


CONTINUAM LÍDERES
NO ESTE E OESTE
Milwaukee Bucks e Denver
Nuggets venceram na
Provincial de corta-mato
última madrugada e
continuam a liderar as
conferências Este e Oeste,
engaja centena de atletas
respectivamente. Cento e cincoatletas, nas cate- novo ano desportivo. Em
Os Bucks bateram os gorias de infantil, juvenis, declarações ao Jornal de
Pistons por 121-98 com juniores e seniores disputam Angola, Pascoal Chitumba,
Brook Lopez (25 pontos) a primeira jornada do Cam- secretário-geral da APAL,
em destaque, ao passo que peonato Provincial de Atletismo assegurou estarem criadas as
os Nuggets tiveram em de corta-mato, em ambos os condições para a disputa da
Nikola Jokic (19 pontos, 14 sexos, no dia 19 do corrente, competição. “Do ponto de
ressaltos, 15 assistências) o na zona adjacente ao pavilhão vista da organização temos
melhor em campo no Multiusos Arena do Kilamba. tudo pronto para o arranque
triunfo sobre 115-108 sobre Sob a égide da Associação do provincial. Os juízes-cro-
os Knicks. Provincial de Luanda da moda- nometristas já foram convo-
Destaque ainda para Kawhi lidade (APAL), a prova conta cados. Pascoal Chitumba
Leonard, base dos Raptors com a participação do Pro- garantiu também contar com
que fez um máximo de gresso Associação Sambizanga, o apoio de várias instituições.
pontos da carreira (45) na Escola Rui Mingas, 1º de Agosto, Após a disputa do pro-
vitória sobre os Jazz. Petro de Luanda, Interclube, vincial, as distintas equipas
Resultados: Jazz- Raptors Clube Desportivo do Exército começam a preparar a par-
(116-122), Pistons - Bucks ( e os Núcleos da Polícia Nacional ticipação no Grande Prémio
98-121), k Knicks - Nuggets e da Força Aérea. Cidade de Luanda, na dis-
(108-115), Portland -Kings De acordo com o calen- tância de 10 quilómetros,
(113-108) e 76ers - LA dário de competição, a prova agendado para 24 do cor-
Base norte-americano volta a integrar o plantel às ordens do técnico Paulo Macedo Clippers (119-113). está inserida na abertura do rente, em absoluto.
DESPORTO Quinta-feira
3 de Janeiro de 2019 31
FUGA DE ATLETAS APESAR DA ONDA DE EMPATES

Saurimo FC Classificação 2018/2019


reforça plantel
para garantir
1º de Agosto mantém 1º
CLUBES PT
1º de Agosto 16
TOTAL CASA
J V E D +G- PC JC V E D +G- PF JF V E D +G-
FORA

08 04 04 0011-00 10 03 03 01 00 10-0006 04 01 03 00 01-00


a manutenção
O Saurimo FC vai optar pelo
reforço do plantel na segunda
volta do Girabola, com o
crença na revalidação 2º



D. Huíla
B. Maquis 15
Petro
Kabuscorp 14
16

14
09 04 04 01 09-06 07 04 02 02 00 06-03 08 05 02 02 01 03- 03
09 03 06 00 12-06 05 04 01 03 00 06-03 09 05 02 03 00 06-03
07 04 02 01 09-04 12 05 04 00 01 08-03 02 02 00 02 00 01-01
09 04 02 03 11-10 09 04 03 00 01 06-03 05 05 01 02 02 05-07
6º Progresso 11 09 02 05 02 10-06 05 05 01 02 02 06- 06 06 04 01 03 00 05-02
objectivo de garantir a per- Militares pretendem fim da fase menos boa no Girabola
manência, depois de ter 7º A. Lobito 11 09 03 02 04 08-09 10 05 03 01 01 06-02 01 04 00 01 03 02-07
ascendido à primeira divisão no domingo à tarde na recepção aos “leões” de Cabinda 8º Interclube 11 09 02 05 02 09-08 04 04 00 04 00 04-04 07 05 02 01 02 04-04
no ano passado. 9º R. Caála 11 08 03 02 02 10-08 11 05 03 02 00 09-03 00 02 00 00 02 01-05
No presente campeonato, VIGAS DA PURIFICAÇÃO | EDIÇÕES NOVEMBRO
10º S. Cabinda 11 08 03 02 03 06-11 05 04 01 02 01 03-04 06 04 02 00 02 02-06
após a “fuga” de sete joga-
11º Sagrada 10 08 02 04 02 07-07 04 03 01 01 01 03-01 06 05 01 03 01 05-05
dores, alegadamente por
incumprimentos contratuais, 12º C. Cubango 09 09 02 03 04 10-15 05 05 01 02 02 06-10 04 04 01 01 02 04-07
a direcção presidida por 13º ASA 09 09 02 03 04 08-12 07 04 02 01 01 04-03 02 05 00 02 03 04-09
Genito Muacassanje pretende 14º R. Libolo 08 09 01 05 03 08-10 07 05 01 04 00 05-02 01 04 00 01 03 03-06
apetrechar a equipa com um 15º Santa Rita 08 09 02 02 05 09-17 00 04 00 01 02 02-04 04 05 01 01 03 07-13
guarda-redes, dois defesas 16º Saurimo FC 06 09 01 03 05 05-09 05 04 01 01 03 03-06 02 05 00 02 02 02-06
e um avançado. “Temos
défice nestes sectores. Per-
demos sete atletas influentes 10ª Jornada 11ª Jornada
na manobra da equipa. Esta-
mos a conversar com alguns JOGOS Data JOGOS Data
jogadores, mas a aposta vai 1 Sagrada - C. Cubango Sábado 1 Sagrada - B. Maquis 9 de Janeiro
recair para a ‘prata da casa”, 2 B. Maquis - R. Caála Sábado 2 S. Cabinda - Kabuscorp 9 de Janeiro
disse ao Jornal de Angola o 3 Interclube - Petro Sábado 3 Saurimo FC - Interclube 9 de Janeiro
dirigente desportivo. 4 D. Huíla - R. Libolo Sábado 4 R. Libolo - ASA 9 de Janeiro
Do ponto de vista finan- 5 Kabuscorp - Saurimo Sábado 5 Petro - D. Huíla 9 de Janeiro
ceiro, Genito Muacassanje 6 Santa Rita - A. Lobito Domingo 6 R. Caála - 1º de Agosto 10 de Janeiro
referiu que a situação pre- 7 ASA - Progresso Domingo 7 C. Cubango - A. Lobito 10 de Janeiro
valece, mas garantiu que o 8 1º de Agosto - S. Cabinda Domingo 8 Progresso - Santa Rita 10 de Janeiro
Governo da Província da
Lunda-Sul tem feito um Melhores marcadores
enorme esforço, para evitar Jogador Clube Golos
a desistência da equipa .”Esta- 1 Chico B. Maquis 6 golos
mos a viver um período bas- 2 E. Taddy Kabuscorp 5 golos
tante conturbado. Não está
3 Modesto ASA 5 golos
fácil gerir o clube, porque os
jogadores têm famílias que 4 Mabululu 1º de Agosto 4 golos
precisam de ser alimentadas. 5 Tiago Azulão Petro 3 golos
O governador provincial não
Campeões nacionais perseguem regresso aos triunfos depois de três desafios em jejum
tem poupado esforços, e estou AUTO-ESTIMA
convencido de que o pro-
blema será ultrapassado”. António de Brito suas balizas invioláveis. O são do nosso campeonato”,
Depois de o técnico Kito
Ribeiro ter colocado o lugar à
disposição, o presidente do
Com um jogo em atraso,
referente à oitava jornada
Petro de Luanda aparecia na
segunda posição, com 16
pontos. Igualmente com oito
avisou o treinador-adjunto
do 1º de Agosto.
Em relação à revalidação
Mbappé tira Ronaldo
Saurimo FC garantiu que a
equipa vai continuar a ser diri-
gida por Diogo Pedro “Dione”,
diante do Petro de Luanda,
apesar de ter desperdiçado
dez pontos de quatro empa-
desafios realizados, os tri-
colores do Eixo Viário tinham
um saldo de quatro vitórias,
do título, Filipe N'zanza mos-
trou-se confiante e tranquiliza
a massa associativa. “Rea-
das paredes do quarto
ex-treinador-adjunto de Kito tes, a equipa do 1º de Agosto, quatro empates,15 golos mar- firmámos a vontade de ven- Ano novo, vida nova e a ver- de campeão do Mundo, con-
Ribeiro.”Vamos manter o téc- tri-campeã nacional, man- cados e três sofridos. cermos o campeonato. dade é que Kylian Mbappé quistada ao serviço da selec-
nico, porque acreditámos que tém firme os seus intentos Na presente época, o Petro Sabemos das dificuldades a decidiu colocar em prática o ção gaulesa.
está a fazer um bom trabalho. no Girabola 2018/19, que de Luanda é quarto classi- encontrar, porque só fizemos provérbio popular. Isto já que Além disso, estão ainda
Nestas condições, penso que passam pela conquista do ficado com 14 pontos, mas ainda oito jogos. Entrámos o internacional francês alterou representadas em fotografias
não há motivos para mexer tetra-campeonato, uma vez tem dois jogos a menos com em todas as partidas com o as paredes do seu quarto, que as ocasiões em que o jogador
no treinador”, esclareceu que partilha a liderança da o Sagrada Esperança e 1º de compromisso de vencê-las. como era sabido eram preen- do PSG foi galardoado com
Genito Muacassanje. prova com o “irmão caçula”, Agosto. Venceu quatro, Aproveito para tranquilizar chidas por fotografias de Cris- o prémio de melhor jogador
JOSÉ COLA | EDIÇÕES NOVEMBRO Desportivo da Huíla, ambas empatou dois, marcou nove os nossos adeptos, que o tiano Ronaldo, passando a jovem da Europa, acrescen-
com 16 pontos. golos e consentiu quatro. quadro vai mudar, após os colocar imagens de si próprio. tando ainda a edição da revista
Na maior festa futebolís- últimos resultados negativos CR7 foi a grande referência ‘Times’ que contou com o
tica do país, os “militares” Honrar a camisola da equipa”. de Mbappé, quando o francês jovem talento francês em
do Rio Seco continuam invic- Depois dos três empates com No domingo, o 1º de ainda sonhava em singrar no destaque na primeira página.
tos, pois têm um registo de o Progresso Sambizanga, Agosto recebe o Sporting de futebol mas, desta feita, um A colecção é mesmo vasta e
quatro vitórias, igual número Recreativo do Libolo e Sau- Cabinda, às 17h00, no Estádio ano recheado de conquistas muitas outras fotografias
de empates, marcou 11 golos rimo FC, o técnico Filipe Nacional 11 de Novembro, levou o avançado, de 20 anos, poderiam ser enaltecidas:
e não sofreu nenhum. N'zanza espera que os atletas na conclusão da 10ª jornada a transfigurar o seu quarto Mbappé a festejar a conquista
Na edição de 2018, à saída saibam honrar a camisola do campeonato, com o claro através de uma montagem da Ligue 1 com Neymar; a
da 9ª jornada da prova, o 1º d o c l u b e n o s p róx i m o s objectivo de vencer, para colocada por ele na sua conta captação do momento em
de Agosto ocupava a terceira jogos.”Quem joga no 1º de fazer esquecer os três empa- da rede social Instagram. que o jovem conheceu
posição com 15 pontos, tam- Agosto tem de ter atitude e tes consecutivos. “Jogamos Na publicação, são evi- Ronaldo - neste caso o ‘Fenó-
bém com um jogo a menos. honrar a camisola. Estamos em casa e temos de ser nós dentes as várias fotografias meno’ -; entre outras...
Das oito partidas disputadas, insatisfeitos com as últimas a mandar no jogo. Não ven- que demonstram momentos Certo é q ue ninguém
Equipa ocupa o último lugar a formação militar venceu exibições da equipa. Os atle- cemos há três jornadas. Só marcantes de 2018 para ficará indiferente à ascensão
quatro, empatou três, apon- tas podem fazer mais, sobre- os três pontos nos interes- Mbappé. Desde logo, des- de Kylian Mbappé que, com
Moralizado com o empate tou sete golos e manteve as tudo com equipas que não sam”, afirmou Filipe N’zanza. taca-se a imagem do jovem 20 anos, já tem um currículo
(0-0) diante do 1º de Agosto, futebolista a erguer a taça bem vasto.
o Saurimo FC espera pontuar
sábado na visita ao Kabus-
corp do Palanca.”Este é o
Tricolores querem manter senda de vitórias
BOLA DE OURO AFRICANA
espírito que nos move. Sabe- Depois do triunfo por 2-0 timento feito no plantel com Associado (FIFA), que os habi-
m o s d a s d i fi c u l d a d e s a sobre o Kabuscorp do Palanca, a contratação de oito refor- lite a representar as cores
encontrar, mas iremos fazer
tudo para pontuarmos, em
Luanda. Temos consciência
o Petro de Luanda quer manter
no sábado o ciclo vitorioso
no desafio frente ao Interclube,
ços, designadamente Nary,
Tó-Carneiro, Karanga, Vá,
Além, Élber , Isaac Mensah
do vice-campeão angolano.
No quarto ano à frente da
equipa técnica, Roberto Bian-
Salah pode “bisar”
dos problemas a enfrentar, para a 10ª jornada da com- e Inusah Musah, os dois últi- chi prometeu tudo fazer esta O egípcio Mohamed Salah, A Bola de Ouro africana
visto que o adversário está petição, para continuar na mos de nacionalidade gha- época para proporcionar aos vencedor no ano passado, o será entregue no dia 8 deste
ferido, após a derrota com peugada do detentor do título nesa, que regressaram a sócios, adeptos, simpatizan- senegalês Sadio Mané, e o mês, na cidade de Dacar,
o Petro de Luanda. Não ire- do Girabola, 1º de Agosto. Accra, para junto do seu ante- tes e amigos do clube o tão gabonês Pierre-Emerick capital do Senegal, pela Con-
mos facilitar. Temos objec- A cumprir um jejum de rior clube, Heart Of Oak, pretendido título. Ao serviço Aubameyang foram ontem federação Africana de Futebol
tivos supremos na prova, quase dez anos, a formação resolver a questão da trans- do Petro de Luanda, o his- designados candidatos fina- (CAF). Salah, eleito em 2017,
que visam o 10º lugar”, reve- petrolífera aposta todas as ferência e do certificado inter- pano-brasileiro conquistou listas ao prémio de melhor é de novo favorito, após um
lou Muacassanje. fichas na presente edição do nacional da Federação apenas um título: a Taça de futebolista africano do ano ano de excelentes exibições
António de Brito campeonato, depois do inves- Internacional de Futebol Angola em 2017. de 2018. ao serviço do Liverpool.
PUBLICIDADE

QUI03JAN
ISSN 0446-9518

9 770446 951006

MANUEL AUGUSTO EM BRASÍLIA PAÍS ARRISCA-SE À CRISE DEMOGRÁFICA


ALTO
Governo não teme restrições Taxa de natalidade
à entrada de angolanos no Brasil volta a cair na China
O número de crianças nas- 16,55 milhões, no ano ante-
Operações nocturnas O ministro das Rela- MOTA AMBRÓSIO | DIÇÕES NOVEMBRO cidas na China, em 2018, vai rior, para 17,86 milhões.
Estratégia contra o garimpo ções Exteriores, Manuel ser o mais baixo desde 2000, Desde então, a taxa de
As forças de Defesa e Se- Augusto, disse ontem, em estimam demógrafos, ilus- natalidade caiu sucessiva-
gurança na província da Brasília, não temer as pos- trando os riscos de uma crise mente, apesar de Pequim
Lunda-Norte não dão tré- síveis restrições do Go- demográfica no país, apesar ter deixado de promover
guas ao garimpo de dia- verno de Jair Bolsonaro à da abolição da política de abortos forçados e multas e
mantes. Depois do surgi- entrada de imigrantes an- filho único. aberto novas creches, pas-
mento de informações so- golanos no Brasil. Vários demógrafos chi- sando a oferecer incentivos
bre a existência de peque- O Presidente brasileiro neses citados pelo Global à natalidade.
nos focos de garimpeiros, tem criticado a Lei de Imi- Times, jornal oficial do Par- Em 2017, o número total
que desenvolvem activi-
gração aprovada no ano tido Comunista, preveem de nascimentos fixou-se em
dade pela calada da noite,
decidiram realizar opera- passado e prometeu a adop- que o número de nascimen- 17,23 milhões, menos 630
ções nocturnas. Na verda- ção de parâmetros rigorosos tos se fixe em 15 milhões, mil do que no ano anterior.
de, esta estratégia devia para a permanência de menos dois milhões do que Segundo especialistas, a
ser implementada logo no estrangeiros no Brasil. em 2017. queda deve-se sobretudo à
início da “Operação Trans- Primeiro homólogo a O Gabinete Nacional de redução no número de mulhe-
parência”. Porém, mais va- ser recebido pelo novo mi- Estatísticas chinês deve res em idade fértil, um grupo
le tarde do que nunca. O nistro das Relações Exte- publicar a cifra oficial no que perde entre cinco e seis
plano inclui o envolvimen- riores do Brasil, Ernesto final deste mês, mas dados milhões de pessoas por ano,
to directo de jovens e lí- Araújo, Manuel Augusto difundidos pelos governos e aos altos custos e falta de
deres das comunidades
alegou que três em cada locais apontam para um tempo para criar uma criança.
locais na operação, com
vista a identificar as áreas quatro angolanos que soli- número muito aquém dos Nos primeiros onze meses
supostamente frequenta- citam o estatuto de refu- 20 milhões de nascimentos do ano, na cidade de Liao-
das pelos garimpeiros. giado no Brasil são, na ver- previstos pelas autoridades cheng, província de Shan-
Em Angola, o garimpo de dade, originários de outros de planeamento familiar. dong, houve apenas 64.753
diamantes pertence ao países africanos e vítimas A China, nação mais popu- nascimentos, uma queda de
passado. do tráfico de pessoas. Se- Manuel Augusto representou o país na posse de Bolsonaro losa do mundo com cerca de 26 por cento, face ao mesmo
gundo o ministro das Rela- 1.400 milhões de habitantes, período de 2017, segundo o
ções Exteriores, as auto- aboliu a 1 de Janeiro de 2016 jornal local “Dazhong Daily”.
ridade migratórias de am- Exteriores representou o com os Estados Unidos, a política de “um casal, um Em Qingdao, outra cidade
bos os países já trabalham Chefe de Estado, João em detrimento dos países filho”, pondo fim a um rígido de Shandong, os nascimen-
BAIXO conjuntamente na identi- Lourenço, na cerimónia em vias de desenvolvi- controlo da natalidade que tos registaram uma queda
ficação e na prevenção do de posse, terça-feira, do mento e contra a protecção durava desde 1980. Pelas con- homóloga de 21 por cento,
tráfico de pessoas. Presidente Jair Bolsonaro. às minorias no país, são tas do Governo, sem aquela entre Janeiro e Novembro,
Explicou que, em Ango- Os dois países de língua “discursos de campanha, política, a China teria hoje para 81.112, segundo dados
la, a “Operação Transpa- portuguesa têm inúmeros voltados para dentro”. quase 1.700 milhões. divulgados pelas autorida-
rência” permitiu o regresso acordos de cooperação, “O Brasil é um país tão Em 2016, o primeiro ano des locais.
voluntário de mais de 400 apoiam –se mutuamente importante no mundo que desde a abolição da política A China está a caminhar
GPL mil imigrantes indocu- nos organismos interna- só pode ser positivo. Nós de filho único, o número de no sentido de uma “crise
Mais entretenimento mentados. Para Manuel cionais e alimentam uma valorizamos o desejo do nascimentos aumentou, de demográfica”.
Foi bonito ver, na passa- Augusto, Angola é “vítima corrente de comércio de Brasil continuar a ser um
gem de ano, jovens vesti- da imigração ilegal” por 853,3 milhões de dólares grande player interna-
dos de branco para assistir ser um dos maiores pro- – com superávit de 420 cional e, no caso especí- EX-PRESIDENTE ADMITE PIORES CENÁRIOS
ao fogo de artifício, na Mar- dutores de diamantes do milhões de dólares para fico de Angola, queremos
ginal de Luanda. Mas este mundo. o Brasil. ser parceiros estratégicos”,
espectáculo é apenas uma
componente na festa. Em
outras partes do mundo,
“As nossas fronteiras
são muito porosas e temos
Durante o encontro
com Ernesto Araújo, o
afirmou Manuel Augusto.
Ernesto Araújo reiterou
Raul Castro pede a Cuba
iniciativas do género são
acompanhadas de mais
uma imigração ilegal em
Angola de cerca de dois-
ministro Manuel Augusto
expôs o desejo de Angola
o desejo do Brasil dar con-
tinuidade à cooperação para fortalecer a defesa
actividades. O que é bom milhões de pessoas”, afir- prosseguir com a coope- com a África e, no caso de
deve ser imitado. Assim, mou, depois do encontro ração bilateral nas áreas Angola, “isso ficou regis- O ex-Presidente de Cuba Raul Castro, que ocupou o
por que razão, nestas oca- com Ernesto Araújo. “A económica e cultural e tado”, completou. e líder do Partido Comu- cargo de Presidente cubano
siões, o Governo da Pro- guerra em Angola termi- no combate à corrupção. Na cerimónia de posse nista, Raul Castro, pediu de Fevereiro de 2008 até
víncia não enriquece o am- nou há 16 anos. Portanto, À imprensa, o ministro de Jair Bolsonaro estive- ao país para fortalecer a Abril do ano passado. O
biente, com diversos even- não temos prisioneiros das Relações Exteriores ram dez Chefes de Estado, defesa e preparar-se “para discurso de Raul Castro
tos? Foi triste ver, depois
do fogo de artifício, pes- políticos. Por que há pes- disse que as declarações incluindo o Presidente de os piores cenários” contra contrapõe as mensagens
soas no chão, sem mais soas a pedir asilo político anteriores do Presidente Portugal, Marcelo Rebelo os EUA, que acusa de ter conciliatórias durante os
com que se entreter, nem aqui? Isso é tráfico”, disse. Bolsonaro a favor de uma de Sousa, e o de Cabo Verde, retomado a política de últimos quatro anos.
onde “fazer” necessidades. O ministro das Relações maior sintonia do Brasil Jorge Carlos Fonseca. confronto. Castro acusou a Admi-
Durante um discurso no nistração de Donald Trump
primeiro dia do ano, na de ter aumentado as pres-
cidade de Santiago de Cuba, sões políticas e económi-
PAPA FRANCISCO por ocasião do 60.º aniver- cas para forçar uma mu-
sário da Revolução Cubana dança de regime na ilha
Antes viver como ateu a ir à igreja e odiar os outros de 1959, o líder de 87 anos
afirmou que é dever dos
comunista.
Depois de restabelecer
cubanos prepararem-se as relações bilaterais em
O Papa Franciscoafirmou igreja, ou que lá vão todos igreja. “Vive como um “para ser vistos pelas pes- “meticulosamente para 2014 com Barack Obama
ontem que é preferível os dias, e depois vivem a ateu. Se vais à igreja, então soas”. “Os pagãos acre- todos os cenários, inclusive na Casa Branca e Raúl Cas-
viver como ateu do que odiar ou a falar mal dos vive como filho, como ditam que se reza a falar. os piores”. tro na presidência de Cuba,
ir todos os dias à igreja e outros”, assinalou Fran- irmão, dá um verdadeiro Eu penso em muitos cris- “Não podemos deixar os dois países voltaram à
passar a vida a odiar e a cisco durante a audiência exemplo”, instou. tãos que acreditam que espaço para a perplexidade tensão sob o mandato de
criticar os outros. geral que tem todas as Francisco aludia ao rezar é falar com Deus, e improviso”, sublinhou. Donald Trump, que endu-
“Quantas vezes vemos quartas-feiras com os Evangelho de São Mateus, salvo seja, como um papa- “Continuaremos a dar prio- receu a política contra Cuba
o escândalo dessas pes- fiéis. O Papa acrescentou em que se referem os gaio. Não, rezar faz-se ridade à defesa” com o com novas restrições de
soas que passam o dia na que o melhor é nem ir à hipócritas que rezam com o coração”, referiu. objectivo de “preservar a viagens e obstáculos ao ne-
soberania e a paz”, disse gócio com a ilha.