Sie sind auf Seite 1von 13

OS 7 PORTAIS

Postado por Unknown


Enviar por e-mailBlogThis!Compartilhar no TwitterCompartilhar no
FacebookCompartilhar com o Pinterest

OS 7 PORTAIS

Geralmente, o estudante que se aproxima das


verdades que envolvem sua natureza espiritual fica
empolgado (alguns até mesmo se tornam fanatizados) com
as possibilidades que estas lhe oferecem para suplantar,
tanto suas limitações pessoais, como, por exemplo, a
dependência dos fatores sociais que o aprisionam e aos
quais sua felicidade está submetida, bem como a
possibilidade de adquirir poderes com os quais pensa
poder submeter as ordens do Universo a seu bel-prazer.
A busca do desenvolvimento de sua natureza
interna passa a ser o motivo principal de sua vida e, para
isto não mede esforços. Passa a atender prazeroso ao
chamado das várias escolas e disciplinas esotéricas
(maçonaria, rosacrucianismo, gnosticismo, cabalismo
esotérico e muitas outras rotulações religiosas, tanto
orientais como ocidentais) que lhe prometem, através de
práticas e de rituais iniciáticos, o caminho seguro para um
estado de consciência que alegam possuir, porém sem
apresentar, entre seus dirigentes, os resultados esperados
pelo verdadeiro estudante.
Quase todas estas escolas abordam as energias mais sutis
que envolvem a evolução do Ser humano na face da Terra,
bem como a possibilidade de estudo pormenorizado dos
centros de força (Chacras) existentes na estrutura humana
e falam da importância fundamental de se fazer com que a
energia Solar (kundalinî) suba de seu assento na base do
cóccix[1] para o alto da cabeça (Chacra coronário).
Algumas abordam escancaradamente os benefícios
contidos na energia sexual para tal consecução e
preconizam a pratica do sexo obedecendo cânones
dificilmente alcançáveis e outros, pudicamente,
consideram esta abordagem como magia negra. Ambas
ouviram o galo cantar, mas não sabem onde, daí que os
resultados apresentados são nulos, nisto ficando incluso o
próprio sucesso de seus gurus ou mestres, alguns se
servindo inclusive de ervas alucinógenas para obter um
resultado que além de duvidoso quase sempre provoca
distúrbios que necessitam, às vezes, várias encarnações
para serem sanados.
Os verdadeiros Mestres de Sabedoria são
unanimes em alertar que somente um Mestre
verdadeiramente iniciado pode ajudar nesta empresa e
vivemos em busca do mesmo ignorando que o mesmo está
dentro de nós mesmos.
O caminho a ser percorrido (preconizado em todas
as religiões) só pode ser pisado por aquele que está
realmente disposto a dominar suas viciações pessoais
porque, ao contrário, em vez de se iluminar, o Aspirante
poderá se autodestruir, com consequências desastrosas
para suas aspirações e seu progresso evolutivo natural.
Apontamos abaixo quais as virtudes que
naturalmente devem ser conquistadas por aqueles que
aspiram sinceramente a atravessar os 7 PORTAIS da
Sabedoria e conquistar a condição de verdadeiro servidor
da OBRA, ou seja, um Maçom Perfeito ou um autêntico
Rosa-cruz. As informações dadas objetivam apenas a
comprovação, pelo próprio estudante, do que está
acontecendo com ele em termos de desenvolvimento
espiritual e, ao invés de colocá-lo num grau de supremacia
em relação a qualquer coisa, deve torná-lo consciente que
o desenvolvimento natural dessa energia está se fazendo
de acordo com a Sabedoria da Natureza, que oferece
sempre o troféu de nossas conquistas no campo espiritual
a todos aqueles que aprendem a se disciplinar para poder
servir melhor.
Disciplina e vontade de servir constituem o
passaporte seguro para transpor os 7 Portais de Sabedoria.

O 1º PORTAL: PACIÊNCIA
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este chacra, sem os
perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum é: A
PACIÊNCIA.
O Caminho a ser percorrido para a conquista desta virtude
implica em:
1. Purificar o coração.
2. Abandonar as imitações cegas, adquiridas de nossos
antepassados (aprisionamento dentro de certos conceitos,
sejam religiosos, sociais ou disciplinares) que não nos
levam a nada, pois a instituição dos mesmos em nossas
vidas são frutos mais de uma acomodação do que uma
tomada de posição em relação ao que se passa dentro de
nós.
3. Adoção de uma atitude serena e consentânea aos valores
do Evangelho (O meu Reino não é deste mundo, etc., etc.).
4. Aprender a sofrer a incompreensão e o abandono dos
amigos que não nos acompanharão neste propósito e nos
considerarão alienados, fracos, sem atitudes e faltos de
comprometimento com as posturas antes seguidas e que
agora queremos abandonar; não devemos nos preocupar
com a incompreensão e a ingratidão dos mesmos, pois o
caminho é nosso e devemos percorrê-lo sozinho.
5. Observar sem discriminar, ou seja, jamais criticar, pois
o “fazes o que tu queres é tudo da Lei” se aplica também
para o nosso semelhante.
6. Sinceridade em tudo aquilo que fizermos, pois sem ela
não encontraremos a paz que nos dará força para adquirir a
PACIÊNCIA.
A conquista da PACIÊNCIA induz o Chacra
básico a girar de forma harmônica, permitindo que os
eflúvios da Energia Solar “atravessem” as pétalas deste
centro de força, proporcionando ao estudante uma visão
mais ampla do universo que o envolve, outorgando-lhe
uma visão mais compreensiva da vida e uma sensação de
bem-estar que nunca tinha experimentado antes. Ao
contrário, a impaciência, a pressa e qualquer atitude que
não esteja alicerçada num perfeito equilíbrio de atitudes,
desarmoniza nossas vibrações e impedem totalmente este
acontecimento.
Este Portal está relacionado ao Chacra Raiz ou
Básico (Muladhara), a Sephirah Malkuth, e é também
conhecido como o Palácio de 4 Portas (Fogo, Terra, Ar e
Água).
As características deste chacra são:
Mantra: LAM
Localização: Base da coluna vertebral, no períneo (zona
entre os órgãos sexuais e o ânus).
Irradia verticalmente, para baixo
Cor: Vermelha
Castelo de 4 portas (Na prática cabalista o estudante
deverá penetrar neste mundo consciencial de acordo com
seu signo de nascimento, pois cada porta está relacionada
com um dos 4 elementos)
Pétalas: 4
2º PORTAL: DESAPEGO
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este chacra, sem os
perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum é: O
DESAPEGO (o instinto de sobrevivência deve estar sob
controle para evitar qualquer forma de egoísmo, inclusive
um muito velado em que o propósito da prática em si seja
adquirir “felicidade” ou poderes que nos distingam, ao
invés da aquisição de qualidades superiores para servir a
Raça).
Caminho a ser percorrido:
Devemos nos preparar para sofrer e para a
incompreensão, pois aqui teremos de trocar os valores do
mundo pelos valores da Alma. Não podemos servir a dois
senhores e devemos deixar no altar de nossa aspiração
maior a antiga personalidade que, a partir desta etapa,
deverá ser iluminada pelo fogo do amor aos princípios
superiores da vida a fim de que todos os nossos corpos
sejam purificados.
1. Devemos pegar uma acha do fogo desse amor (aos
princípios superiores da vida) e iluminar o “eu pessoal”.
2. “Devemos pensar e vivenciar, a partir deste momento o
“Seja feita a Tua Vontade, não só no Céu como na Terra”.
Este Portal está relacionado ao Chacra Genésico
ou Swadhisthana e a Sephirah Yesod. O desapego deve
abranger todo tipo de prazer que nos encadeie a matéria,
sem, entretanto nos tornar avesso em relação a qualquer
um deles, lembrando sempre a célebre frase da H, P.
Blavatsky “Eu posso fazer tudo aquilo que eu posso deixar
de fazer”, ou seja, o processo não é repudiar o prazer em
si, mas saber discernir que pode fazer qualquer coisa,
desde que essa atitude não encadeie a personalidade em
qualquer tipo de costume (vício) que contrarie seus
propósitos superiores.
As características deste Chacra são:
Mantra: VAM
Localização: Entre o osso púbico e o umbigo; o ponto
exato varia em função dos indivíduos.
Irradia horizontalmente.
Cor: Laranja
Pétalas: 6
3º PORTAL: CONHECIMENTO
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este Chacra, sem
os perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum
é: O CONHECIMENTO
1. A conquista da Paciência e do Desapego nos faz chegar
ao conhecimento.
2. Com o conhecimento, devemos destruir o cárcere do
desejo, seja em que forma se apresente, para, então
podermos chegar a compreender o Espírito da
Imortalidade e, dessa forma, unirmo-nos com a Sabedoria
Eterna.
3. Isto só pode ser conquistado com o domínio da mente
emocional e o desenvolvimento de certas qualidades da
Alma, como a compaixão e o serviço prestado ao nosso
semelhante, prática que nos vincula a um tipo de vibração
indispensável na harmonização de nossa estrutura mental-
emocional com a dos servidores da Raça. Esta
harmonização só é conseguida com o esquecimento do
propósito pessoal em favor do propósito coletivo, pois é o
primeiro passo para “colher as maçãs do Jardim das
Hespérides”. (Aquele que passou o Primeiro e o Segundo
Portal deve aprender a estender a taça da compaixão a
todos que dela necessitam, recusando um só gole para si,
permanecendo sedento até que algum companheiro,
percebendo a sua sede, também lhe dê de beber).
Este Portal está relacionado ao Chacra Manipura e
as Sephiroth Hod e Netzach e o Conhecimento deve ser
adquirido como preparação de um coração compreensivo e
uma mente capacitada a extrapolar toda forma de
conhecimento dogmático ou de caráter restritivo, de forma
tal que o estudante investigue as mais variadas formas do
pensar humano (filosofia e ciências em geral), afim de que
seu cérebro se enriqueça do maior número de neurônios
possíveis. A disciplina e a humildade no estudo são
imprescindíveis nesta etapa, pois ler apenas, sem procurar
entender, não leva a nada. Neurônios não cultivados
morrem rapidamente e não permitem uma concatenação
de ideias capaz de visualizar melhor o invisível.
As características deste Chacra são:
Mantra: RAM (RANG)
Localização: Plexo Solar; Plexo Epigástrico; Umbigo.
Irradia horizontalmente,
Cor: Dourada
Pétalas: 10
4º PORTAL: UNIÃO
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este Chacra, sem
os perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum
é: A UNIÃO, no sentido de não mais deixar de
reconhecer, por causa do conhecimento adquirido, a
unidade da vida entre todas as criaturas. Aqui o estudante
também começa a unir sua personalidade com sua
individualidade e isto cria as condições adequadas para
que sua mente adquira a percepção em níveis intuitivos, ou
seja, começa a perceber que “não sou eu mais que vivo,
Cristo vive em mim” – (Carta aos Gálatas 2:20).
1. Não mais a personalidade comanda nossas atitudes e
entendimento. Começamos a expressar a vontade de nossa
Alma, ou Eu Superior, porque já está entronizado em nós a
PACIÊNCIA, O DESAPEGO E “SABEMOS
INTERNAMENTE” que o importante é amar
impessoalmente, pois amor é consciência e não emoção.
2. A união, no seu verdadeiro sentido, é a compreensão de
que “Eu e o Pai somos um” e isto só acontece quando
“Não sou eu mais que vivo, é o Pai que vive em mim”.
3. Não é mais possível desejos pessoais.
4. A mente está liberta em relação à malícia, a inveja e de
manchar a língua com a calúnia.
5. Começa-se a viver a compreensão dos mistérios de
Deus, ou seja, da única força que anima tudo e todas as
coisas. Embora ainda permaneça no mundo, neste estágio
o Ser humano desliga-se totalmente dos valores da vida
mundana e se dedica a servir a humanidade.
6. Entretanto, mesmo neste estágio, deve fazer um exame
diário observando a fé e verificar se o coração está
ocupado com o Propósito de Deus, ou seja, a felicidade e o
bem de todos os seres da criação
Este Portal está relacionado ao Chacra Anahata e
as Sephiroth Chesed, Guevurah e Tiphereth (pulmões,
timo e coração) e os eflúvios da Energia Solar começam a
chegar a esta parte do corpo do estudante quando, depois
de ter desenvolvido a compaixão e a tolerância, sua mente
se torna apenas observadora (não mais discriminadora) e a
intuição passa a se fazer presente em sua vida, falando
mais alto à sua consciência espiritual.
As características deste Chacra são:
Mantra: YAM
Localização: No centro do peito relacionado à Glândula
Timo
Irradia do centro para todos os lados
Cor: Verde
Pétalas: 12
5º PORTAL: CONTENTAMENTO
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este Chacra, sem
os perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum
é: O CONTENTAMENTO.
1. Aqui a homem adquire a Sabedoria de que todas as
riquezas do mundo, todo o amor, toda a felicidade e toda
dor, são dádivas do Altíssimo.
2. O contentamento Supremo é Deus. Nenhum mal ou
sofrimento pode chegar a abalá-lo.
3. Sua palavra está sempre saturada de alegria e objetiva a
construção do amor em seus semelhantes.
4. Escolhe a verdade como forma de expressão e sua voz
torna-se penetrante em sabedoria e doçura.
5. Caminha com segurança e a certeza de Deus como
criador perfeito e bondoso não admite imperfeições na
criação, porque vê além das formas.
Este Portal está relacionado ao Chacra Vishuddha
e a Sephirah Daat. Quando os eflúvios da Energia Solar
começam a chegar a esta parte do corpo do estudante sua
liderança se faz presente em todas as ações que objetivem
o bem de seu semelhante. Não mais vindica poderes e se
torna um verdadeiro servidor da humanidade.
As características deste Chacra são:
Mantra: HAM (HANG)
Localização: No plexo carotídeo e ligado as Glândulas
Tiroide e Paratireoides
Irradia para a frente
Cor: Azul celeste
Pétalas: 16
Observação: É neste estado de consciência que,
numa subida da energia solar cultivada com os valores
negativos da vida que o Ser humano faz a escolha de se
tornar um Mago Negro.
6º PORTAL: RIQUEZAS ESPIRITUAIS
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este Chacra, sem
os perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum
é denominada em sabedoria espiritual RIQUEZAS
ESPIRITUAIS e está relacionada ao tipo de consciência
que o Estudante principia a experimentar quando os
eflúvios da Energia Solar começam a inundar o Chacra
Frontal.
1. Aqui se abre o caminho da Verdadeira Luz.
2. Vemos a face do Mestre.
3. A cada instante vemos um novo mundo, seus mistérios
e a sabedoria nele depositada.
4. Adquire-se a consciência plena de que possuímos um
universo dentro de nós.
Este Portal está relacionado ao Chacra Ajna e as
Sephirah Hochmah e Binah que estariam, por sua vez,
identificadas com as duas pétalas grandes, possuindo cada
uma 48 pétalas pequenas. Quando os eflúvios da Energia
Solar começam a chegar a esta região um verdadeiro
esplendor acontece à consciência do estudante e sua visão
transcende os planos da forma em todos os seus
segmentos.
As características deste Chacra são:
Mantra: OM
Localização: No plexo pineal e ligado a glândula pituitária
(Hipófise)
Irradia para a frente
Cor: Azul índigo
Pétalas: 96
7º PORTAL: LIBERDADE
A virtude a ser adquirida para que os eflúvios de
Kundalinî penetrem naturalmente por este Chacra, sem
os perigos de aumentar nossa animalidade ad infinitum
é: LIBERDADE, implicando o sentido desta palavra na
total emancipação do Ser humano de todos os laços que o
vinculavam ao mundo das formas.
1. Aqui os eflúvios da Energia solar liberta a consciência
do Verdadeiro Ser do seu Eu PESSOAL e de tudo o que o
relacione com os mundos físicos. A Obra está realizada.
2. Agora passa a viver com Deus e através de Deus.
3. Não valoriza mais as coisas do mundo.
4. Sua única aspiração é servir com todas as qualidades
conquistadas, nos vários reinos onde o Criador se expressa
(Dévico, humano, animal, vegetal e animal),
principalmente às vidas ainda ocupando formas inferiores.
Este Portal está relacionado ao Chacra Sahasrara e
a Sephirah Kether.
As características deste Chacra são:
Mantra: SHAM
Localização: Acima do topo craniano, relacionado à
Glândula Pineal.
Irradia para todos os lados
Cor: Todas as cores
Pétalas: 972 (o Lótus de 1000 pétalas)

O presente trabalho objetiva esclarecer que,


considerando a atual fase de evolução da humanidade e a
estrutura dos veículos humanos, onde o corpo mental
ainda está em formação, tendo passado as fases de sono
sem sonhos (consciência do reino mineral), de sonho com
sonhos (consciência do reino vegetal), acordado no reino
animal e começado a pensar no reino hominal e, nesta
fase, desenvolvido a mente instintiva, a mente sensitiva, a
mente memorativa e atualmente desenvolve a mente
racional (lógica), com vislumbres da mente intuitiva, ainda
não possui as condições necessárias para que a Energia
Solar possa ser direcionada para ultrapassar seu assento
natural. Entretanto, quando o Ser humano equilibra o seu
caráter com as virtudes acima mencionadas, ele cria as
condições necessárias para que sua estrutura corporal
(seus três corpos densos) se torne mais sutil (isto implica
em melhores cuidados com a alimentação física e moral e
a qualidade de seus pensamentos) naturalmente essa
energia começa a fluir sutilmente de seu assento natural e
ele começa a viver um tipo de vida incompreensível para a
maioria dos seres humanos, isto porque, toda sua
expressão de vida passa a experimentar, vivenciando, as
promessas dos grandes Instrutores da Humanidade, ainda
pouco ouvidos por quase a totalidade dos seres humanos.
Nosso convite é este: experimentem vivenciar ao menos as
três primeiras virtudes acima mencionadas e constatem,
pessoalmente, os benefícios proporcionados pelo cruzar
estes Portais.
Não é tão difícil vencer essas três etapas de nossa
evolução, porém elas exigem disciplina e determinação e,
quanto mais cedo começarmos, mais cedo também
vivenciaremos a experiência de, ao terminar nossa atual
encarnação, aportarmos ao outro lado da vida conscientes
e emancipados para um vida mais consentânea ao
propósito de nossa Alma. Termino dizendo: sim é possível
e desejável fazer com que A Energia Solar comece a subir
pela coluna vertebral, mas é imprescindível que o
estudante adquira antes as qualidades acima mencionadas.
Kundalinî irá energizar o que o estudante já possui dentro
de seus corpos, seja positivo ou negativo. Se você já está
com a consciência plenamente harmonizada dentro de seus
veículos plenamente harmonizados vá em frente, pois irá
participar somente daquilo que já construiu. Se não, por
que essa pressa? Será curiosidade em relação a experiência
a ser vivida? A curiosidade matou o gato!

Panyatara