Sie sind auf Seite 1von 5

VERBO (PARTE I)

TEMPOS E MODOS VERBAIS


(2018 - FCC - TRT - 6ª Região (PE) - Técnico Judiciário - Área Administrativa) Thomas Jefferson pretendia que o bom
jornalismo... O verbo flexionado nos mesmos tempo e modo do sublinhado acima está também sublinhado em:
a) ... as bases materiais do jornalismo profissional deslizam...
b) ... os eleitores haveriam de aprender a exercer a democracia.
c) Algo parecido ocorre agora com as redes sociais...
d) ... mais raro ainda que sejam reconhecidos como tais.
e) Desde quando os tabloides eram o principal veículo de massas...

(2018 - UECE-CEV - DETRAN-CE - Assistente de Atividade de Trânsito e Transporte) Mantendo o mesmo modo do verbo em
destaque na frase “...quando existir sinalização...” (linhas 33-34), essa forma verbal no pretérito imperfeito fica
a) existisse. b) existia. c) existiu. d) existiria.

TABELA RESUMO PARA CONJUGAÇÃO

Modo INDICATIVO: Certeza. REGRAS

Pretérito Perfeito do Indicativo Use o bom senso.

Pretérito Imperfeito do Indicativo VA – IA – NHA – ERA

Pretérito Mais que Perfeito do Indicativo RA / RE (vós)

Presente Use o bom senso

Futuro do Presente do Indicativo REI, RÁS, RÁ, REMOS, REIS, RÃO (Daqui a pouco)

Futuro do Pretérito do Indicativo RIA, RIAS, RIA, RÍAMOS, RÍEIS, RIAM (Desistência)

Modo SUBJUNTIVO: Dúvida, hipótese, condição.

Presente do SUBJUNTIVO - Que eu.... Beba, fale, cante, suba...

Pretérito Imperfeito do Subjuntivo - Se eu... Bebesse, falasse, cantasse, subisse...

Futuro do Subjuntivo - Quando eu.. Beber, falar, cantar, subir...

OBS: As conjunções podem trocar de lugar. Pode-se colocar também a OBS: Você diferencia o Fut. Do Subjuntivo do
conjunção CASO. Atente-se ao conector. Ele é quem vai dar o sentido. Infinitivo pela conjunção. Ou seja, se tiver
conjunção, será SUBJUNTIVO.

Imperativo Afirmativo e Imperativo Negativo: Ordem, desejo, súplica. 2º/3º CONJUGAÇÃO – ER-OR-IR
1º CONJUGAÇÃO - AR
Afirmativo FALAR Negativo - FALAR Eu ----- Eu ----

Eu -----------

Tu – FALA Não FALES Tu bebe Tu bebas


VERBO (PARTE I)
TEMPOS E MODOS VERBAIS
Ele – FALE Não FALE Ele beba Ele beba

Coloquemos em prática identificando o tempo e o modo dos verbos das frases:

a) A demissão ocorreu por falta de dedicação.


i) Se ela resolver o caso...
b) Se ela não viesse, eu não voltaria.
j) Ninguém temia sua mãe.
c) Sara estava triste.
k) Antevira que isso não daria certo.
d) Veio aqui ontem.
l) Preferia outro tipo de caso.
e) Ninguém vai a lugar algum,
m) Ninguém soube o que povoava aqui.
f) Não espere milagres.
n) Notaram que ela era de menor.
g) Deseja-se que ele espere a chamada.
o) Se alguém não fizer isso, não vamos
h) Para resolver o caso... encontrá-lo.

Semântica dos tempos:

Presente do indicativo Presente / Ação habitual / Futuro / Passado

Pretérito Perfeito do Indicativo Fato concluído pontual.

Pretérito Imperfeito do Indicativo Ação inacabada, ação contínua no passado, tempo indefinido, ação
frequentativa no passado.
Pretérito mais que perfeito Anterioridade em relação a outro fato.

Futuro do presente do Indicativo Ação concreta no futuro (daqui a pouco)

Futuro do pretérito do Indicativo Desistência, hipótese, polidez, condição, isenção de responsabilidade


autoral.

Presente do subjuntivo Possibilidade, um fato incerto no presente. (Conector QUE...)

Pretérito Imperfeito do Subjuntivo Dúvida, possibilidade (Conector SE, CASO...)

Futuro do Subjuntivo Dúvida, possibilidade futura (Conector QUANDO, SE...)

Imperativo Afirmativo/Negativo Ordem, desejo, pedido, solicitação

Identifique a carga semântica:


a) Fiquei triste.
VERBO (PARTE I)
TEMPOS E MODOS VERBAIS

b) Tomo água a cada hora.

c) Vamos assistir ao jogo amanhã.

d) Sara acaba de ter uma ideia.

e) No século XIV, a peste negra devasta a Europa.

f) Sâmya cursou Letras.

g) Jaime leu Clarice Lispector na infância.

h) Embora fosse uma dedicada estudante, não


passou na prova.

i) Tomara que ele venha.

j) Assistia TV quando você chegou.

k) Era uma vez....

l) Os investimentos na obra seriam suficientes.

m) Você poderia me ajudar?

n) A ré, que teria assassinado o irmão, foi inocentado.

Questões:

1) (2015 - FUNDEP - HRTN – MG - Técnico de Enfermagem) “Temos solapado a fertilidade do solo e sua capacidade de sustentar
a vida: 65% da terra cultivada foram perdidos e 15% estão em processo de desertificação." No período em análise, a locução
verbal “temos solapado" indica
a) a continuidade de uma ação até o presente. b) uma ação cuja duração se estende no passado.
c) uma ação tida como habitual no passado. d) uma ação totalmente concluída no passado.

2) (2014 – VUNESP - TJ-PA - Auxiliar Judiciário) Uma coisa colossal ser delegado – e estava ele, João Teodoro, de-le-ga-do de
Itaoca! ... A forma verbal em destaque – estava – referindo-se à nomeação de João Teodoro para o cargo de delegado, expressa
a) um estado momentâneo. b) um estado duradouro. c) um fato habitual.
d) uma ação no futuro. e) uma ação hipotética.

3) (2018 – CESPE - TCM-BA - Auditor Estadual de Controle Externo ) No texto 1A1AAA, com o emprego da forma verbal
“assumira” em “É a época em que a burguesia, que assumira o poder havia pouco tempo...” exprime-se
a) a continuidade de uma ação ocorrida no passado. b) a concomitância de uma ação em relação a outra.
c) o resultado presente de ação ocorrida no passado. d) o ponto inicial de ação ocorrida no passado.
e) a anterioridade de uma ação em relação a outra.

4) (2012 - UFU-MG - UFU-MG - Assistente em Administração) Eles descobriram que, em geral, indivíduos com habilidades
cognitivas muito elevadas – como pessoas que têm uma memória fotográfica, muito acima do normal – geralmente têm
também algum tipo de transtorno, como autismo e problemas neurológicos associados ao crescimento cerebral. E mesmo os
VERBO (PARTE I)
TEMPOS E MODOS VERBAIS
remédios que melhoram a atenção podem ter um efeito negativo: para quem não tem problema de foco e se medica na
esperança de melhorar o desempenho nas tarefas cotidianas, o resultado pode ser exatamente o oposto.
( Trecho adaptado de Istoé, de 8 de dezembro de 2011)
As formas verbais negritadas acima expressam, respectivamente,
a) uma ação concluída, um estado permanente, um fato atual.
b) uma ação repetida ou contínua, um fato atual, uma ação habitual.
c) um fato passado habitual, uma faculdade do sujeito, um fato que seria consequência certa e imediata de outro.
d) uma ação que ocorreu antes de outra ação passada, um fato atual, uma ação habitual ou repetida.
5) (2016 – ZAMBINI - MPE-SP - Auxiliar de Promotoria III (Motorista) As formas verbais “embateu” e “exigiria” encontram-se,
respectivamente, no
a) pretérito imperfeito do indicativo e no futuro do pretérito do indicativo.
b) pretérito imperfeito do indicativo e no pretérito imperfeito do subjuntivo.
c) pretérito perfeito do indicativo e no futuro do pretérito do indicativo.
d) pretérito perfeito do indicativo e no pretérito imperfeito do subjuntivo.

6) (2016 – FUMARC - Prefeitura de Matozinhos – MG - Assistente Administrativo) Todos os verbos destacados estão no
pretérito imperfeito do indicativo, EXCETO em:
a) “Minha mãe era livreira, professora, escrevia resenhas para a imprensa e tinha uma biblioteca imensa [...]”
b) “Minha mãe ficou congelada, não sabia se tinha ouvido direito.”
c) “Outro dia, numa palestra, eu escutei uma frase genial do Pedro Bandeira [...].”
d) “Um dia, estávamos em casa quando a mãe de um colega da minha irmã bateu a campainha.”

7) (2012 – FUMARC - Câmara Municipal de Juiz de Fora – MG -Assistente Legislativo) Os verbos destacados estão flexionados
no pretérito imperfeito do indicativo, exceto em
a) “Mas se não pode comprar, certamente vai se sentir no inferno...”
b) Outro dia, eu observava o movimento do aeroporto de São Paulo [...]”
c) “Na Idade Média, as cidades adquiriam status construindo uma catedral [...]”
d) “[...] mas como a companhia aérea oferecia um outro café, todos comiam vorazmente.”

8) (2018 – FUMARC - CEMIG – MG - Técnico de Gestão Administrativa I) Os verbos destacados estão flexionados no pretérito
imperfeito do indicativo, EXCETO em:
a) “[...] ao ponto em que havia um intervalo sensível de tempo entre digitar e a letra aparecer na tela.”
b) “Meu telefone, um iPhone 6, estava cada vez mais lento.”
c) “Não era por nenhuma das causas apontadas nas inúmeras salas de conversa entre usuários de iPhones vagarosos.”
d) “Você já entrou alguma vez numa loja cara onde os vendedores, envaidecidos pela aura do próprio produto

9) Os verbos “sabia” e “Duvido”, no início do texto, apontam para dois momentos distintos na vida do narrador. Tais verbos
estão flexionados, respectivamente, no:
a) pretérito perfeito e presente.
b) pretérito mais-que-perfeito e pretérito perfeito.
c) pretérito perfeito e futuro do pretérito.
d) pretérito imperfeito e futuro do pretérito.
e) pretérito imperfeito e presente.

10) (2018 - INSTITUTO AOCP - TRT - 1ª REGIÃO (RJ) - Analista Judiciário - Área Judiciária ) “O tempo escasseia e os mesmos
exatos 60 minutos que a física diz que uma hora contém viram uma fração ínfima do tempo de que precisamos.” O verbo
empregado nos mesmos tempo e modo que o verbo grifado na frase apresentada está grifado em
a) “O tempo é uma grandeza física.”.
b) “Ah, se pudéssemos ao menos ver o tempo [...]”.
c) “[...] efetivamente estou me lembrando da situação”.
d) “[...] como se os ponteiros do relógio parecessem pesados.”.
e) “[...] você estará no Largo do Boticário, no Rio de Janeiro [...]”.
VERBO (PARTE I)
TEMPOS E MODOS VERBAIS

11) (2018 - INAZ do Pará - CRF-PE – Advogado) Na oração “Temeroso de que, por obra e desgraça dos criminosos, a tecnologia
acabasse levando a civilização de volta à barbárie”, os verbos foram empregados, respectivamente no:
a) Pretérito perfeito do indicativo e particípio. b) Pretérito imperfeito do subjuntivo e gerúndio.
c) Pretérito imperfeito do indicativo e gerúndio. d) Pretérito imperfeito do subjuntivo e particípio.
e) Pretérito perfeito do indicativo e gerúndio.

GABARITO:
1 –A
2–A
3–E
4–A
5–C
6–C
7–A
8–D
9–E
10 –A
11 – B