Sie sind auf Seite 1von 4

Direito Ambiental

Marcelo Abelha IELF

Históricos no Br
- fase econômica: proteção de forma reflexa
ordenações Filipinas
- Fase sanitária: proteção da saúde e não dos bens
- Lei 6939/81: Política nacional do meio ambiente
Meio ambiente protegido pelo próprio meio ambiente
- Lei 7347/85: LACP: proteção do meio ambiente por ACP
- Lei 9605/98: sanções adm e penais em matéria ambiental

Conceitos Gerais da Lei 6938/81

Conceito de Meio Ambiente


“conjunto de condiçòes, leis e influencias e alterações de ordem física, química e
biológica que permite, abriga e rege a vida em todas as suas formas” (art. 3o. Lei
6938/81)

Finalidade
Preservar todas as formas de vida

Espécies
- meio ambiente natural ou físico: composto pelo ar, água, solo, fauna, flora, etc
caracteriza-se pela ausência de qq influencia do homem no seu processo de
formação
- artificial ou urbano

Objeto jurídico do D Ambiental


Meio ambiente ecologicamente equilibrado (CF art. 225)
Combinação dos fatores bióticos e abióticos ( ou recursos ambientais)

Fatores ambientais
(Bióticos e abióticos)
- fauna
- flora
- diversidade genético
- água
- ar
- solo
- clima

Degradação ambiental
Consiste na alteração adversa das características do meio ambiente
Pode ser causada pelo homem (poluição) ou por outros fatores
Poluição
É uma espécie de degradação ambiental ocasionada direta ou indiretamente pelo ser
humano

Poluidor
Pessoa física ou jurídica, de d público ou privado, responsável direta ou
indiretamente pela atividade causadora da degradação ambiental

Espécies de responsabilidade
- criminal
- civil
- adm

Competências em matéria ambiental

Administrativa (art. 23, III, IV e VII da CF)


Implica em tomada de decisões
Se houver conflito de atuações: deve prevalecer o interesse predominante em cada
situação de fato (interesse substancial ou prepoderante)
Competência comum da União, Estados, DF e Municípios

Legislativa (art. 24 VI, VII e VIII da CF)


Princípio da prevalência do interesse
- de proteção ao meio ambiente: concorrente entre a União, Estados e Df
- Municípios: pode legislar sobre assuntos de interesse local
Mas não tem competência autônoma para legislar

União estabelece normas gerais, ao passo q os Estados e aos Municípios tem


atuação complementar

Princípios

Da ubiquidade
Meio Ambiente constitui bem jurídico universalmente tutelado
Meio ambiente tem caráter onipotente

Da prevenção

Princípio da informação/ educação


- educação formal: ensinada em todos os níveis de ensino, dentro das salas de aula
- educação informa: difundida por meio de campanhas publicitárias, mobilização
social, eventos, etc
Visa promover a conscientização coletiva em torno da necessidade de preservação
do meio ambiente
Da solidariedade

Do poluidor- pagador / da responsabilidade


Todo aquele que lesar o meio ambiente é obrigado a reparar o dano e a cessar a
atividade lesiva
Tem aspectos repressivos e preventivos
Função Preventiva: O potencial poluidor deve tomar todas as precauções necessárias
para evitar o dano ao meio ambiente
- responsabilidade civil objetiva e solidária
- a repressão pode ser específica u in natura, por meio de uma obrigação de fazer, opu
ainda por meio de reparação civil, qudo a recuperação não for possível
- infratores sujeitam-se à infrações adm e penais
- necessidade de estudos prévios de impacto ambiental e licenças

Sub-princípios
- precaução
- prevenção
- repressão/ responsabilização
- da função sócio-ambiental da propriedade privada
- do usuário pagador

Da prevenção
A finalidade precípua da CF é evitar os danos ao meio ambiente, ficando a
finalidade repressiva para um segundo momento, casos as medidas de prevenção não se
mostrem suficientes
Abrange o controle, conservação e fiscalização
Ex: necessidade de estudo prévio de impacto ambiental
Somente se autoriza uma atividade em que se preveja riscos e danos, desde que haja
medidas compensatórias

Da precaução
Não identifica os riscos e danos mas, diante da incerteza científica, não se autoriza o
processo para q o meio ambiente não sejha surpreendido posteriormente
Somente se permite a licença de atividades que se conheçam os riscos ou os danos
Ex: não se sabe quais os resultados do uso da soja transgênica

≠ Da prevenção
Esta identifica os riscos e danos

Princípio da precaução e a prova no Processo Civil


No Processo civil o ônus da prova cabe a quem alega
Princípio da precaução não inverte o ônus da prova, mas gera uma presunção de
que, em caso de dúvida, decide-se pró-ambiente: neste casa, inverte-se o ônus da prova para
o empresário, q deve provar q não há qq risco
Prof: nàpo é inversão do ônus da prova: pq isto é técnica q incide no curso do
processo: o princípio gera distribuição do ônus probatório: técnica de d material: distribui o
ônus probatório antes mesmo de qq ação em curso
No direito ambiental inversão do ônus da prova:

Hj: a inversão deve ser feita no saneamento: é técnica de procedimento e não de julgamento