Sie sind auf Seite 1von 10

Sumário

Introdução:.................................................................................................................................................2
OBJETIVOS:.................................................................................................................................................3
Metodologia:..............................................................................................................................................4
CONCEITO:..................................................................................................................................................5
OBJETIVOS DA EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS MINERAIS:.........................................................................6
Constituem principais objetivos da política de recursos minerais:........................................................6
IMPACTOS POSETIVOS E NEGATIVOS DA EXPLORACAO DOS RECURSOS MINERAIS:...................................7
Aspectos posetivos da mineração:.........................................................................................................7
Aspectos negativos da mineração:.....................................................................................................7
CONCLUSÃO:...............................................................................................................................................9
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:................................................................................................................10
Introdução:
Em primeiro lugar, como uma introdução gostaria de realçar do princípio que a exploração dos
recursos minerais são acumulações ou concentrações de matéria – prima mineral na crusta
terrestre. O recurso tem um longo período de formação, por vezes de milhões de anos. Por esta
razão, muitas deles podem esgotar-se.
Aqui em Moçambique os recursos minerais são explorados para diversos fins e com diversos
impactos no seu crescimento no meio social, econômico e político, no presente trabalho
demonstraremos leis moçambicanas refentes a parâmetros que constituem aquilo que reprenta os
principais objetivos da política dos recursos minerais especificante na exploração do ouro.
Deste modo, ao longo da pesquisa encontramos diversas vantagens e desvantagens da exploração
mineira e por fim uma conclusão da pesquisa.
OBJETIVOS:
Geral:
o Abordar sobre a exploração do recurso mineiro.

Específicos:
o Falar sobre os recursos minerais e das políticas nos objetivos nacionais;
o Descrever os impactos inerentes na atividade da exploração mineira.
Metodologia:
O trabalho teve como método na pesquisa os documentos digitais dos boletins da republica
referentes a lei dos recursos Minerais, web sites com informações relevantes e uma parte
pequena foi com base em palestras apresentadas na ucm , com informações relacionadas a
exploração do ouro em manica e que teve lá uma série de vantagens e desvantagens que
nomeadamente incluí neste trabalho, portanto foram estas ferramentas que usamos para a
obtenção dessas presentes informações.
CONCEITO:
Os recursos minerais são acumulações ou concentrações de matéria – prima mineral na crusta
terrestre, geralmente os recursos minerais são extraídos de minérios.
Os minérios são todos os minerais em que um ou mais elementos podem ser extraídos de uma
forma rentável como o exemplo de minerais: o ferro, o ouro, o diamante, a mica, o anfibólio,
entre outros. e o minério é todo mineral que tem importância econômica e são de grande valia
para a produção industrial por servir de matéria – prima para confecção de bens de consumo.
No sector industrial, desde as maquinas usadas na produção até o produto construído são
extraídos dos recursos minerais que não são iguais quanto a composição física e química, desse
modo são classificados em dois grupos: minerais metálicos e minerais não metálicos, incluindo
ainda os recursos energéticos fosseis. Em geral os minérios são recursos naturais, existentes na
natureza e serve para a satisfação das necessidades da humanidade.
A extração de recursos minerais e feita através de vários processos, como e o caso da atividade
mineira, esta, só e possível quando as substancias existem em grandes quantidades formando
depósitos ou jazidas. Mas, a extração dos recursos minerais do subsolo deve ser feita em
equilíbrio com a natureza, de forma a proteger o meio ambiente para as gerações futuras.
OBJETIVOS DA EXPLORAÇÃO DOS RECURSOS
MINERAIS:
Constituem principais objetivos da política de recursos
minerais:
a) Melhorar o conhecimento geológico – mineiro dos recursos existentes no solo e subsolo,
nas aguas interiores, no mar territorial, na plataforma continental e na zona econômica
exclusiva, onde de acordo com o direito internacional o estado tem direitos de soberania e
jurisdição;
b) Tornar os recursos minerais num dos principais contribuintes para a industrialização e
desenvolvimento do pais, diversificação e transformação econômica e melhoria da
balança de pagamento do pais;
c) Optimizar a produção dos recursos minerais;
d) Adicionar valor aos recursos minerais do pais;
e) Preservar o meio ambiente estabelecendo as necessárias condições técnicas e
econômicas;
f) Promover a participação do setor privado nacional, cooperativo e associativo, atribuindo
o direito de preferência a nacionais em caso de identificação de corpos mineralizados
com valor econômico;
g) Promover a equidade do gênero;
h) Assegurar o desenvolvimento institucional através da:
 Adequação do quadro legal e regulamentar, as exigências de momento;
 Adopcao de um regime fiscal mineiro transparente, previsível e equitativo que
encoraje uma melhor ligação entre o sector mineiro e outros sectores da economia
nacional;
 Criação de um eficiente controlo de fiscalização da atividade mineira e das operações
petrolíferas;
 No âmbito do desenvolvimento de recursos humanos, aumentar o número de quadros
formados dotados de habilidades compatíveis com a demanda e reduzir a
dependência de mão-de-obra expatriada.
IMPACTOS POSETIVOS E NEGATIVOS DA EXPLORACAO
DOS RECURSOS MINERAIS:
Aspectos posetivos da mineração:
Fonte de riquezas para o pais, desenvolvimento e progresso, a qualidade de vida, geração de
emprego e renda, a inovação tecnológica, o fornecimento de matéria-prima, a obtenção de
produtos para o cotidiano, a beleza dos produtos e recursos minerais servem para indústria.

Aspectos negativos da mineração:


Meio ambiente, incluindo-se aqui a degradação do meio ambiente, os impactos ambientais
incluindo o aumento da temperatura do ambiente, riscos de acidentes pessoais e doenças,
escassez de recursos, esgotamento dos minerais, exploração excessiva ou desordenada, mau
uso dos minerais, guerras entre garimpeiros e indígenas.
Entre as principais alterações nas paisagens e os impactos gerados pela mineração,
podemos destacar:
 Remoção da vegetação em todas as áreas de extração;
 Poluição dos recursos hídricos (superficiais e subterrâneos) pelos produtos químicos
utilizados na extração de minérios;
 Contaminação dos solos por elementos tóxicos;
 Proliferação de processos erosivos, sobretudo em minas antigas ou desativadas que
não foram reparadas pelas empresas mineradoras;
 Sedimentação e poluição de rios pelo descarte indevido do material produzido não
aproveitado (rochas, minerais e equipamentos danificados);
 Poluição do ar a partir da queima ao ar livre de mercúrio (muito utilizado na extração
de vários tipos de minérios);
 Mortandade de peixes em áreas de rios poluídos pelos elementos químicos oriundos
de minas;
 Evasão forcada de animais silvestres previamente existentes na área de extração
mineral;
 Poluição sonora gerada em ambientes e cidades localizados no entorno das
instalações, embora a legislação vigente limite a extração mineral em áreas urbanas
atualmente;
 Contaminação de aguas superficiais (doce e salgada) pelo vazamento directo dos
minerais extraídos ou seus componentes, tais como o petróleo, gaz, etc.
Num dos casos da exploração mineira na província de tete (impacto, lda,2009):
(i)Perturbação de habitats ribeirinhos, com possível consequência de redução de número de
espécies (fauna e flora) presentes; (ii) contaminação e/ou perturbação de cursos de agua
superficiais e subterrâneos, devido a redução da sua qualidade ou variações nos seus
caudais; (iii) poluição e/ou degradação de solos (quer através de contaminação com
hidrocarbonetos, quer por aumento do risco de erosão); (iv) poluição atmosférica causada
pelo aumento do nível atmosférico de partículas, poeiras e/ou cinzas; (v) possível
necessidade de reassentamento de população, para salvaguarda da sua saúde e segurança
durante o projeto; (vi) redução de área agrícola e/ou interferência com usos prevalentes na
zona do projecto; (vii) aumento do nível de ruído causado pela circulação de maquinas e
trabalhos associados ao projecto.
Segundo Bakker (2008), Moçambique devia apostar no seu grande potencial em recursos
minerais para o desenvolvimento socioeconômico do pais, apontando a necessidade de uma
maior transparência na gestão destes recursos para que estes beneficiem a maioria da
população.
A atividade mineira em Moçambique e entendida como todas as operações que consistem no
desenvolvimento, de forma conjunta ou isolada, de accoes como o reconhecimento,
prospecção e pesquisa, mineração, processamento e tratamento de produtos mineiros.
O decreto 31/95 de 25 de junho mostra que exercícios da atividade mineira sem título ou
autorização constitui infraccao punível, e a multa ronda entre 5 a 100 milhões de meticais
consoante a gravidade do caso em concreto, apreensão de produto extraído e confisco do
equipamento utilizado.
CONCLUSÃO:
Nos nossos dias e mais do que qualquer outro século, as sociedades dependem cada vez mais dos
recursos minerais para o seu funcionamento, quase tudo o que nos rodeia, exige matérias – prima
adequadas para a sua fabricação. Muitas delas pertencem aos recursos minerais.
Portanto em geral a atividade de exploração dos recursos minerais em Moçambique, tem sido
praticado, de forma larga, na economia porque constitui também um dos meios para a
sustentabilidade do pais. De uma forma a exploração ilegal faz neste caso que o recurso seja
escasso, mas por outro lado gera-se grandes benefícios na exploração e também os prejuízos por
parte dos exploradores informais ocasionando neste caso em desastres e até mortes por
negligencia.
Desta forma a política influência no cumprimento das leis de mineração de forma que a
exploração seja devidamente fiscalizável.
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

Carlos Bakker; aspectos da exploração Mineira, Brasil,Setembro, 2006 :UTCC, universo


literário,.pag.32
Bolentim da republica: politica e estratégia dos recursos minerais; n.˚ 89/2013 de 31 de
dezembro,. Pag. 196.