Sie sind auf Seite 1von 33

PREFEITURA MUNICIPAL DE

DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N. º 001/2010

Concurso Público de Provas para


provimento de cargos vagos no
Quadro de Pessoal Permanente do
Município de Delfinópolis.

O Município de Delfinópolis, pessoa jurídica de direito público interno, inscrita no


CNPJ sob o nº 17.894.064/0001-86, com sede e administração na Praça Manoel
Leite Lemos, 115, Centro, na cidade de Delfinópolis ‐ MG, por meio de seu
Prefeito Municipal, José Geraldo Franco Martins, brasileiro, casado, inscrito no CPF
sob o nº 444.106.706-20, assessorado pela FESP – Fundação de Ensino Superior
de Passos faz saber que, está aberto nesta Prefeitura, o processo de Concurso
Público de Provas para provimento de cargos vagos nas classes de seu Quadro de
Pessoal Permanente o qual se regerá pelas normas deste Edital.

1. DAS VAGAS

1.1 O número de vagas a serem preenchidas neste Concurso é o constante do


Anexo I deste Edital.

2. DOS CARGOS, SUA ESPECIFICAÇÃO E VENCIMENTO

2.1 Os cargos, escolaridade mínima exigida para os mesmos, jornada de trabalho


semanal, número de vagas, salário inicial e os tipos de prova são os constantes
do Anexo I do presente Edital.

2.2 As atribuições dos cargos estão previstas na Lei 1933/2010, no decreto nº


066/2010 e no Decreto Executivo nº 067/2010, transcritas para o Anexo IV deste
Edital.

3. DO REGIME JURÍDICO, DO LOCAL DE TRABALHO E DA CARGA


HORÁRIA

3.1 Regime Jurídico: Celetista

3.2 Local de Trabalho: Prefeitura Municipal de Delfinópolis, em sua sede,


dependências e distritos ou quaisquer outras instalações em seu território e
outras jurisdições de interesse do município.

3.3 Carga Horária: De acordo com o especificado no Anexo I do presente


Edital.

4. DAS CONDIÇÕES NECESSÁRIAS À INSCRIÇÃO

Página 1 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

4.1 Ser brasileiro nato ou naturalizado.

4.2 Estar em dia com as obrigações militares e eleitorais.

4.3 Ter, no mínimo, dezoito anos completos na data de investidura, se aprovado,


classificado e nomeado para o cargo ou emprego público.

4.4 Possuir a escolaridade completa ou habilitação exigida para o provimento do


cargo ou emprego público, adquirida em instituição de ensino oficial ou legalmente
reconhecida, conforme previsto no edital do concurso.

5. DAS INSCRIÇÕES E TAXAS

5.1 Antes de efetuar a inscrição, o(a) candidato(a) deverá conhecer este Edital e
certificar‐se de que preenche todos os requisitos exigidos para o cargo.

5.2 A inscrição deverá ser efetuada somente via Internet, conforme


procedimentos especificados a seguir.

5.3 O recolhimento da taxa de inscrição, expressa em reais, nos valores


discriminados no Anexo II.

5.4 A inscrição deverá ser efetuada, no período de 18 de janeiro de 2011 a 12


de fevereiro de 2011, na página da FESP (www.fespmg.edu.br).

5.5 O valor referente ao pagamento da taxa de inscrição não será devolvido,


ainda que efetuado em duplicidade, exceto em caso de cancelamento do certame
por conveniência da Administração.

5.6 Para inscrição, o(a) candidato(a) deverá adotar os seguintes


procedimentos:

a) estar ciente de todas as informações sobre este concurso público. Essas


informações também estarão disponíveis na página da FESP
(www.fespmg.edu.br);

b) cadastrar‐se, no período entre 0(zero) hora do dia 18/01/2011 e 23h e 59


min. do dia 12/02/2011, observado o horário oficial de Brasília/DF, por meio
do formulário específico disponível na página citada;

c) imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da taxa de inscrição em


qualquer banco até a data de vencimento constante no mesmo. O
pagamento após a data de vencimento implica o cancelamento da
inscrição. O banco confirmará o seu pagamento junto à FESP;

ATENÇÃO: a inscrição via Internet só será válida após a confirmação do


pagamento feito por meio do boleto bancário até a data do vencimento.

5.7 A FESP não se responsabiliza por solicitações de inscrição via Internet não
recebidas por quaisquer motivos de ordem técnica ou por procedimento indevido
dos(as) usuários(as).

Página 2 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

5.8 O(A) candidato(a) inscrito(a) não deverá enviar cópia do documento de


identidade, sendo de sua exclusiva responsabilidade a informação dos dados
cadastrais no ato de inscrição, sob as penas da Lei.

5.9 O(A) candidato(a) inscrito(a) optará pelo cargo de trabalho.

5.10 Os(as) candidatos(as) que prestarem qualquer declaração falsa ou inexata


ao se inscrever, ou caso não possam satisfazer a todas as condições enumeradas
neste Edital, terão sua inscrição cancelada e serão anulados todos os atos dela
decorrentes, mesmo que classificados(as) nas provas, exames e avaliações.

5.11 A não integralização dos procedimentos de inscrição implica a


insubsistência da inscrição.

5.12 Para os(as) candidatos(as) que não dispuserem de acesso à Internet, a


Prefeitura Municipal disponibilizará nos dias úteis locais de inscrição credenciados
com computadores, no período de 18/01/2011 a 12/02/2011 entre 08h00 e
20h00. Estas inscrições serão realizadas no Prédio da Prefeitura, situado na Praça
Manoel Leite Lemos, 599, no horário de 08h30min às 14h45min.

5.13 Não haverá isenção total ou parcial do valor da taxa de inscrição.

5.14 A taxa de inscrição, uma vez paga, não será devolvida, mesmo nos casos de
reopção, desistência, perda de prazo, indeferimento, cancelamento ou dupla
inscrição.

5.15 O candidato só poderá se inscrever para um único cargo.

6. DOS PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS

6.1 Às pessoas portadoras de necessidades especiais, de acordo com o artigo 37,


VIII da Constituição Federal, combinado com o §1º do art. 11, é assegurado o
direito de se inscreverem neste concurso desde que haja compatibilidade entre
as atribuições do cargo e a deficiência de que são portadoras. Das vagas
destinadas aos cargos relacionados neste Edital, ficam reservados 10% (dez por
cento) do total das vagas aos portadores de necessidades especiais na forma da
Lei Municipal nº 1.286 de 15 de dezembro de 2009, observada a compatibilidade
do cargo com a necessidade especial que seja o candidato portador.

6.2 Os candidatos portadores de necessidades especiais que desejarem


concorrer às vagas reservadas deverão declarar tal intenção assinalando, no
espaço próprio do Requerimento de Inscrição e, se necessário, solicitar por
escrito, condições especiais para realizar as Provas (prova ampliada, sala de fácil
acesso). No ato da inscrição, deverão apresentar o atestado que indique a
espécie e o grau ou nível de deficiência de que são portadores, com expressa
referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças
(CID) e à sua provável causa ou origem e aptidão para o cargo.

6.3 Na falta do atestado médico ou não contendo este as informações acima


indicadas, o candidato não será considerado como deficiente apto para concorrer
às vagas reservadas, mesmo que tenha assinalado tal opção no Requerimento de
Inscrição.
Página 3 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

6.4 O candidato que não solicitar, no ato da inscrição, as condições especiais


previstas no subitem 6.3 não poderá dispor das mesmas.

6.5 Não serão considerados como necessidades especiais os distúrbios de


acuidade visual ou auditiva passíveis de correção simples pelo uso de lentes ou
aparelhos específicos.

6.6 Ressalvadas as disposições especiais definidas, os candidatos portadores de


necessidades especiais participarão deste Concurso Público em igualdade de
condições com os demais candidatos, no que diz respeito ao horário de início, aos
locais de aplicação, ao conteúdo e à correção das provas, aos critérios de
aprovação e a todas as demais normas que regem este Concurso Público.

6.7 Os candidatos que, no ato de inscrição, manifestar a intenção de concorrer às


vagas reservadas aos portadores de necessidades especiais, se classificados,
além de figurarem na lista geral de classificação, terão seus nomes publicados
em relação à parte, observada a ordem de classificação.

6.8 Os candidatos portadores de necessidades especiais, se aprovados e


classificados, terão apurada a compatibilidade do exercício das atribuições do
cargo com a deficiência específica de que são portadores, mediante avaliação
médica, nos termos da legislação vigente.

6.9 Os candidatos que não se enquadrarem como portadores de necessidades


especiais pela avaliação médica, conforme os estabelecidos na legislação vigente
figurarão na classificação das vagas não abrangidas pelas reservadas.

6.10 Os portadores de necessidades especiais que não optarem, no momento da


inscrição, por disputar as vagas reservadas aos deficientes ou não cumprirem o
disposto no subitem 6.3 deixarão de concorrer às mesmas.

6.11 Na falta de candidatos pretendentes ou aprovados para as vagas


reservadas a portadores de necessidades especiais, estas serão preenchidas
pelos demais candidatos com estrita observância da ordem classificatória.

6.12 Após a investidura do candidato PNE (Portador de Necessidades Especiais),


a sua deficiência não poderá ser argüida para justificar a concessão de
aposentadoria.

6.13 A candidata que tiver a necessidade de amamentar no dia da prova deverá


levar um acompanhante que ficará com a guarda da criança em local reservado.
A amamentação se dará nos momentos que se fizerem necessários não sendo
dado nenhum tipo de compensação em relação ao tempo de prova perdido com a
amamentação. A ausência de um acompanhante impossibilitará a candidata de
realizar a prova.

7. DO CARTÃO DE CONFIRMAÇÃO

7.1 O cartão de confirmação deverá ser impresso no site


www.fespmg.edu.br, até 11 de março de 2011.
Página 4 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

7.2 O cartão de confirmação conterá o nome do candidato, o número da


inscrição, a data, o horário e local da prova e o nome do cargo pretendido.

8. DAS PROVAS

8.1 Das Provas Escritas

8.1.1 Os candidatos inscritos no concurso farão provas escritas a serem


realizadas no dia 13 de março de 2011, em local e horário a serem divulgados
posteriormente.

8.1.2 As provas escritas serão objetivas de múltipla escolha. A duração das


provas será de 03h00 (três horas), devendo o candidato permanecer em sala
pelo prazo mínimo de 01 (uma) hora.

8.1.3 As provas escritas conterão 50 (cinqüenta) questões valendo 02 (dois)


pontos cada, totalizando 100 (cem) pontos. A prova prática (para os cargos que a
exigem) terá o valor total de 100 (cem) pontos e a nota será atribuída em função
da pontuação negativa por faltas cometidas durante todas as etapas dos exames.

8.1.4 As provas escritas objetivas desenvolver‐se‐ão em forma de testes, através


de questões de múltipla escolha, com 4 (quatro) alternativas para respostas, na
forma estabelecida no Anexo II do presente Edital.

8.1.5 O candidato deverá assinalar suas respostas, na folha de respostas, com


caneta esferográfica azul ou preta.

8.1.6 Não serão computadas questões não assinaladas, questões que contenham
mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legíveis.

8.1.7 Será desclassificado o candidato que, durante a realização das provas, for
surpreendido em comunicação com outro candidato, bem como utilizando livros,
anotações e impressos não permitidos e máquinas de calcular.

8.1.8 A nota final do Processo Seletivo será a média ponderada obtida nas
provas escritas de caráter eliminatório, somadas a média obtida pelos candidatos
submetidos à prova prática, quando for exigido.

8.1.9 Serão considerados aprovados os candidatos que obtiverem média


ponderada superior a 60 % (sessenta por cento) do total de pontos distribuídos
nas avaliações.

8.1.10 A folha de resposta é única. Não haverá substituição em hipótese


nenhuma.

8.1.11 O(A) candidato(a) que portar qualquer tipo de equipamento capaz de


transmitir ou armazenar informação deverá desligá‐lo e entregá‐lo ao fiscal até o
término da prova. O fiscal não se responsabilizará por esses objetos.

8.1.12 Para a realização da prova escrita o candidato deverá comparecer ao


local previsto com 30 (trinta) minutos de antecedência, munido de caneta
Página 5 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

esferográfica azul ou preta, do cartão de informação e do documento de


identidade original apresentado no ato da inscrição. Não será aceita cópia, ainda
que autenticada, ficando desclassificado o candidato que não apresentar o
documento.

8.1.13 Não haverá tolerância por atraso, seja qual for o motivo alegado, ficando
o candidato automaticamente desclassificado.

8.1.14 Os portões do local de realização das provas serão fechados conforme


horário previsto no Cartão de Informação, não sendo permitido o ingresso de
candidatos ao local após este prazo.

8.1.15 Os candidatos que não alcançarem o mínimo de 60% (sessenta por cento)
de acertos nas questões da prova escrita serão automaticamente
desclassificados.

8.2 Do Exame Prático de Direção para os Cargos de Motorista, Operador de


Máquinas e Patroleiro

8.2.1 Os candidatos farão também Exame Prático de Direção, de caráter


eliminatório, segundo sua categoria profissional.

8.2.2 A prova prática terá caráter classificatório e eliminatório. Será composto de


avaliação em percurso e manuseio com veículo automotor, onde o instrutor
avaliará como apto ou inapto de acordo com as normas e procedimentos para
condução de veículos automotores, sob a orientação e dentro do prazo concedido
pelo examinador. O candidato inapto no teste prático de motorista será
automaticamente inabilitado no Concurso Público.

Critérios das avaliações:

1° – PROVA PRÁTICA: é de caráter classificatório, o candidato que atingir MÉDIA


INFERIOR a 60% nesta prova será considerado REPROVADO.

2° MÉDIA FINAL: só será considerado APROVADO o candidato que obtiver média


ponderada (prova escrita + prova prática) igual ou superior a 60% na soma das
notas obtidas nestas questões.

8.2.3 O Exame Prático de Direção será realizado no dia 19 de março de 2011,


em local e horário a serem divulgados posteriormente;

8.2.4 Somente farão o Exame Prático de Direção os candidatos classificados que


alcançarem o mínimo de 60% (sessenta por cento) de acertos nas questões da
prova escrita, nos termos do item 8.1.3;

8.2.5 Avaliar‐se‐á quanto à prova prática a capacidade, atenção e percepção dos


candidatos no trato das questões ligadas à sua categoria profissional, a
habilidade no manuseio de equipamentos, bem como o conhecimento de normas
de segurança no trabalho.

8.2.6 Não haverá segunda chamada do Exame Prático de Direção por ausência
do candidato, seja qual for o motivo alegado.
Página 6 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

8.2.7 Não será realizado Exame Prático de Direção fora do local


determinado.

8.2.8 Para a realização do Exame Prático o candidato deverá comparecer ao


local previsto com 30 (trinta) minutos de antecedência, munido do documento de
identidade original apresentado no ato da inscrição e da Carteira Nacional de
Habilitação ‐ CNH. Não será aceita cópia, ainda que autenticada, ficando
desclassificado o candidato que não apresentar o documento.

8.2.9 Não farão o Exame Prático de Direção os candidatos que não apresentarem
a Carteira Nacional de Habilitação – CNH e nem com o prazo de validade vencido.

8.2.10 Não haverá tolerância por atraso, seja qual forem os motivos alegados,
ficando o candidato automaticamente desclassificado.

8.3 A Prova Prática de Digitação constará de cópia de texto impresso, em


microcomputador, em editor de texto Word for Windows.

8.3.1 A Prova Prática de Digitação será avaliada quanto à produção e erros


(número e tipos de erros cometidos na transcrição).

8.3.2 Não haverá segunda chamada da Prova Prática de Digitação por ausência
do candidato, seja qual for o motivo alegado.

8.3.3 Não será realizada a Prova Prática de Digitação fora do local


determinado.

8.3.4 A prova de digitação de texto em microcomputador será assinada pelo


candidato, após a sua impressão;

8.3.5 Para a realização da Prova Prática de Digitação o candidato deverá


comparecer ao local previsto com 30 (trinta) minutos de antecedência, munido
do documento de identidade original apresentado no ato da inscrição. Não será
aceita cópia, ainda que autenticada, ficando desclassificado o candidato que não
apresentar o documento.

8.3.6 Não haverá tolerância por atraso, seja qual for o motivo alegado, ficando o
candidato automaticamente desclassificado.

8.3.7 Não haverá segunda chamada da prova escrita por ausência do candidato,
seja qual for o motivo alegado.

8.3.8 Não será realizada prova fora do local determinado.


8.3.9 Na hipótese de não haver no município estrutura física para a aplicação da
prova, a mesma poderá ser aplicada no município de Passos, podendo ser
utilizada a estrutura física da FESP.

9 ‐ DO PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO

9.1 A classificação final dos candidatos, por cargo, será feita pela soma dos
pontos obtidos nas provas escritas classificatórias, acrescida da pontuação obtida
Página 7 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

com títulos e provas práticas de digitação, quando for o caso e feita a média
ponderada.

9.2 Apurado o total de pontos por cargo ou categoria profissional, na hipótese de


empate, será classificado o candidato que:

a) tiver obtido maior número de pontos na prova específica;

b) tiver obtido maior número de pontos na prova de português;

c) mais idoso.

Parágrafo Único: Configurado o primeiro desempate, os demais critérios serão


desprezados.

10. DOS RECURSOS

10.1 Caberá recurso, a ser interposto perante a Comissão de Concurso Público da


Prefeitura Municipal de Delfinópolis que o encaminhará à empresa FESP, que a
assessorará nas decisões:

a) contra disposições deste Edital, dentro de 48 (quarenta e oito) horas


contadas da sua publicação;

b) contra qualquer questão da prova, dentro de 48 (quarenta e oito)


horas contadas da publicação dos gabaritos;

c) da aprovação ou reprovação conforme listagem, dentro de 48


(quarenta e oito) horas contadas da sua publicação;

d) da classificação final, dentro de 48 (quarenta e oito) horas contadas


da sua divulgação.

10.2 O recurso contra o resultado das provas escritas limitar‐se‐á ao eventual


erro material e de soma dos pontos obtidos.

10.3 Admitir‐se‐á um único recurso, por questão, para cada candidato,


relativamente ao gabarito ou ao conteúdo das questões, desde que devidamente
fundamentado.

10.4 Se do exame dos recursos resultar anulação de questão, os pontos a ela


correspondentes serão atribuídos a todos os candidatos, independentemente da
formulação de recurso.

10.5 Se, por força de decisão favorável ao recurso, houver modificação do


gabarito divulgado anteriormente, as provas serão corrigidas de acordo com o
gabarito definitivo, não se admitindo recurso dessa modificação.

10.6 O recurso deverá ser apresentado em formulário próprio, fornecido pela


Comissão de Concurso Público da Prefeitura Municipal de Delfinópolis (disponível
no site da FESP), com as seguintes especificações:

Página 8 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

a) formulários separados para questões diferentes;

b) indicação do número da questão, da resposta marcada pelo


candidato e da resposta divulgada pela Comissão de Concurso
Público da Prefeitura Municipal de Delfinópolis

c) argumentação lógica e consistente;

d) nome, número e assinatura do candidato recorrente;

e) o recurso deverá ser datilografado ou digitado, sob pena de ser


preliminarmente indeferido, e ser entregue em duas vias (original e
cópia).

10.7 Não será conhecido o recurso que:

a) for interposto fora do prazo;

b) for interposto por via postal, fax ou correio eletrônico.

c) não estiver de acordo com as exigências especificadas nos itens


10.2, 10.3 e 10.6 deste edital.

11. DOS PROGRAMAS

Os programas para as provas escritas são os constantes do Anexo IV, parte


integrante deste Edital.

12. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

12.1 O ingresso na sala de provas será permitido até o horário estabelecido no


cartão de informação, para o início das provas, pelos aplicadores, para a
contagem das três horas de duração.

12.2 Os casos omissos, de dúvidas ou controvérsias serão resolvidos pela


Comissão de Concurso Público, assessorada pela FESP.

12.3 O prazo de validade do presente Concurso é de 2 (dois) anos, a contar da


data de sua homologação, podendo ser prorrogado por igual período.

12.4 Não haverá revisão da prova.

12.5 O candidato aprovado no presente Concurso e que for nomeado tornar‐se‐á


efetivo depois de cumprido o estágio probatório previsto constitucionalmente, no
qual deverá obter avaliação de desempenho considerada satisfatória nas funções
por ele exercidas e inerentes ao cargo.

12.6 A aprovação no Concurso Público, ainda que no limite das vagas existentes,
assegurará ao candidato apenas expectativa de direito à nomeação segundo a
rigorosa ordem de classificação por cargo, ficando a concretização desse ato
condicionado à observância das disposições legais pertinentes e ao exclusivo
interesse e conveniência da Administração Municipal.
Página 9 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

12.7 A não comprovação, pelo candidato aprovado e classificado, de que atende


aos pré‐requisitos exigidos no Edital implica na sua desclassificação e na
convocação do classificado seguinte.

12.8 O candidato aprovado, quando nomeado, terá o prazo máximo de até 10


(dez) dias para tomar posse, contados da publicação do ato de nomeação,
podendo este prazo ser prorrogado uma única vez, por igual período, mediante
requerimento escrito do candidato.

12.9 Quando a posse do candidato não ocorrer dentro do prazo previsto no item
12.8, sua nomeação será considerada sem efeito, contado da publicação do ato
de exoneração.

12.10 O candidato empossado deverá assumir suas atividades em dia, hora e


local definidos pela administração, sendo que somente após essa data ser‐lhe‐ão
garantidos os direitos estatutários, inclusive remuneração.

12.11 O candidato aprovado e classificado, ao atender à convocação para posse,


deverá apresentar os documentos abaixo relacionados, além de outros a critério
da Administração:

a) 01 (uma) fotografia 3x4 (recente);

b) fotocópia autenticada das certidões de nascimento ou casamento, e

de nascimento de filhos;

c) fotocópia autenticada do Título de Eleitor e comprovante de votação

na última eleição;

d) fotocópia autenticada do Certificado de Reservista, se candidato do

sexo masculino;

e) fotocópia autenticada do cartão de PIS/PASEP;

f) fotocópia autenticada do CPF;

g) fotocópia autenticada da Carteira de Identidade ou equivalente;

h) laudo médico do trabalho subscrito por médico do trabalho,

atestando a capacidade física e mental para o desempenho das

funções do cargo;

Página 10 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

i) fotocópia autenticada do Diploma e Registro Profissional de

Categoria, com a habilitação específica da área para a qual se

inscreveu;

j) declaração de bens e valores que constituem seu patrimônio;

k) declaração de exercício ou não de outro cargo, emprego ou função

pública, municipal, estadual, distrital ou federal, com respectivo

horário. (Art. 37, XVI e Art. 40, §6º, CF/88);

l) certidão de antecedentes, expedida pelo Instituto de Identificação

de Minas Gerais.

m) no ato da contratação todos os motoristas (operador de maquinas,

patroleiro e motorista sede) deverão apresentar CNH categoria

“D”.

12.12 Sendo verificada inexatidão de afirmativa ou irregularidade de documento,


anular‐se‐á todos os atos decorrentes da inscrição.

12.13 Este Edital será afixado em inteiro teor, no quadro de Avisos da Prefeitura
Municipal de Delfinópolis, nas demais repartições públicas e publicado no site
www.fespmg.edu.br. O extrato será publicado na Imprensa Oficial do Estado de
Minas Gerais e em jornal regional de grande circulação. A Prefeitura e/ou
Empresa não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas e outras
publicações quanto aos programas constantes deste ato.

12.14 Na hipótese de não haver no município estrutura física para a aplicação da


prova, a mesma poderá ser aplicada no município de Passos, podendo ser
utilizada a estrutura física da FESP.

12.15 Os funcionários da FESP – Fundação de Ensino Superior de Passos


(Administrativos e Docentes) estão proibidos de participarem do concurso.

12.16 São partes integrantes deste Edital de Concurso os Anexos I, II, III, IV.

12.17 Informações adicionais, que por ventura forem necessárias ao bom


andamento do presente Certame, serão divulgadas através da rádio local e de
editais afixados na sede da Prefeitura Municipal de Delfinópolis(MG), Câmara
Municipal de Delfinópolis(MG) e outros locais públicos do Município, bem como no
site: www.fespmg.edu.br.

Delfinópolis, 14 de Dezembro de 2010.


Página 11 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

JOSÉ GERALDO FRANCO MARTINS


Prefeito Municipal

Comissão Concurso:

MARIA APARECIDA ALVES FERREIRA

ELIENE APARECIDA DE FREITAS MIZAELl

MARTA CAETANO DE OLIVEIRA

SAULO HUMBERTO CABRAL FILHO

EVANDRO LEITE LEMOS

ANEXO I
CARGA
DENOMINAÇÃO DO Nº DE VENCIMENT
º HORÁRIA REQUISITOS MÍNIMOS
CARGO VAGAS O
SEMANAL
Agente Comunitário
de Saúde - PSF - 40 horas 02 Ensino Médio Completo R$ 560,00
Distritos
Agente Comunitário
40 horas 08 Ensino Médio Completo R$ 560,00
de Saúde - PSF - Sede
Agente Sanitarista 40 horas 01 Ensino Médio Completo R$ 600,00
Quarta Série do Ensino
Fundamental, habilitação para o
exercício do cargo consistente no
certificado de conclusão de curso
Ajudante de Balsa 30 horas 04 específico ou de treinamento na R$ 599,52
área de transporte hidroviário e
respectiva Carteira Profissional da
Marinha do Brasil
Ensino Médio Completo
Almoxarife Hospital 40 horas 01 R$ 600,00
(antigo 2º grau)
Atendente de Serviço 40 horas 02 Ensino Médio Completo e R$ 550,00
de Saúde - Hospital Curso Básico de
Conhecimento em
Página 12 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

Programas de Informática
Ensino Médio Completo e
Atendente de Serviço
Curso Básico de
de Saúde – Posto de 40 horas 01 R$ 550,00
Conhecimento em
Saúde Ponte Alta
Programas de Informática
Ensino Médio Completo e
Atendente de Serviço Curso Básico de
40 horas 02 R$ 550,00
de Saúde – PSF - Sede Conhecimento em
Programas de Informática
Auxiliar Administrativo III 44 horas 04 Ensino Médio Completo R$ 741,81
Aux. de Dentista -
10. 40 horas 01 Ensino Médio Completo R$ 510,00
Distritos
Aux. de Dentista -
11. 40 horas 02 Ensino Médio Completo R$ 510,00
Sede
Auxiliar de
Ensino Médio Completo e
12. Enfermagem de 40 horas 01 R$ 560,00
Técnico em Enfermagem
Saúde Pública - Sede
Quarta Série do Ensino
13. Coletor de Lixo 44 horas 02 R$ 542,85
Fundamental
Curso Superior
14. Dentista 40 horas 02 R$ 3.897.04
Correspondente
Encarregado da
Ensino Fundamental
15. Limpeza dos 40 horas 01 R$ 612,76
(antiga 4ª série)
Sanitários Públicos
Enfermeiro de Saúde Curso Superior
16. 40 horas 03 R$ 1.780,00
Pública – PSF - Sede Correspondente
Enfermeiro do Curso Superior
17. 30 horas 03 R$ 1.300,00
Hospital Correspondente
Enfermeiro Posto de
Curso Superior
18. Saúde de Olhos 40 horas 01 R$ 1.780,00
Correspondente
D’Agua
Enfermeiro Posto de Curso Superior
19. 40 horas 01 R$ 1.780,00
Saúde de Ponte Alta Correspondente
20 horas
( sendo 4 Curso Superior
20. Farmacêutico Hospital hs 01 R$ 770,00
ininterrupt
Correspondente
as por dia)

Continuação
CARGA
DENOMINAÇÃO DO Nº DE VENCIMENT
Nº HORÁRIA REQUISITOS MÍNIMOS
CARGO VAGAS O
SEMANAL
Quarta Série do Ensino
21. Faxineira 44 horas 02 R$ 612,76
Fundamental
Fisioterapeuta para a Curso Superior
22. 30 horas 02 R$ 1.300,00
Sede Correspondente
Fisioterapeuta Postos Curso Superior
23. 30 horas 01 R$ 1.300,00
de Saúde dos Distritos Correspondente
Fonoaudiólogo –
Curso Superior
24. Ambulatório de Saúde 40 horas 01 R$ 1.550,00
Correspondente
Mental da Sede
Médico de Saúde da
Curso Superior
25. Família – PSF - 40 horas 01 R$ 6.500,00
Correspondente
Distritos
Médico de Saúde da Curso Superior
26. 40 horas 02 R$ 6.500,00
Família – PSF -Sede Correspondente
Médico Psiquiatra -
30 horas Curso Superior
27. Ambulatório de Saúde 01 R$ 2.750,00
mensais Correspondente
Mental da Sede
28. Monitor de Transporte 40 horas 05 Ensino Fundamental R$ 510,00
Página 13 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

Escolar (antiga 4ª série)


Quarta Série do Fundamental
e CNH Categoria “B” p/
29. Motorista - Sede 44 horas 04 inscrição. Para posse R$ 914,21
categoria “D” vide item 12.11
letra m
Curso Superior
30. Nutricionista 40 horas 01 R$ 1.016,40
Correspondente
Quarta Série do Fundamental
e CNH Categoria “C” p/
31. Operador de Máquinas 44 horas 02 inscrição. Para posse R$ 1.043,46
categoria “D” vide item 12.11
letra m
Quarta Série do Fundamental
e CNH Categoria “C” p/
32. Patroleiro 44 horas 02 inscrição. Para posse R$ 1.043,46
categoria “D” vide item 12.11
letra m
Porteiro para o Ensino Fundamental
33. 40 horas 02 R$ 510,00
Hospital (antiga 4ª série)
Psicólogo Social -
Curso Superior
34. Ambulatório de Saúde 40 horas 01 R$ 1.852,00
Correspondente
Mental da Sede
Ensino Médio Completo e
Técnico Enfermagem
35. 40 horas 02 Curso Técnico R$ 620,00
– PSF - Sede
Correspondente
Ensino Médio Completo e
Técnico Enfermagem
36. 40 horas 08 Curso Técnico R$ 620,00
Hospital
Correspondente
Ensino Médio Completo e
Técnico Enfermagem
37. 40 horas 01 Curso Técnico R$ 620,00
Olhos D’Agua
Correspondente
Ensino Médio Completo e
Técnico Enfermagem
38. 40 horas 01 Curso Técnico R$ 620,00
Ponte Alta
Correspondente
Ensino Médio Completo e
Técnico Raio X -
39. 24 horas 02 Curso Técnico R$ 1.020,00
Hospital
Correspondente
Zelador do Velório Ensino Fundamental
40. 40 horas 01 R$ 612,76
Municipal (antiga 4ª série)

ANEXO II

TIPOS DE PROVAS VLR


INSCRIÇÃ
POR MAT CONH CONH. INFOR TOTA PRÁTIC O
T . ESPECI M. L A
GERAI F.
S
1 Agente Comunitário 20 0 10 20 0 50 Não
40,00
de Saúde – PSF - Sede
2 Agente Comunitário 20 0 10 20 0 50 Não
de Saúde – PSF 40,00
Distritos
3 Agente Sanitarista 20 0 10 20 0 50 Não 40,00

4 Ajudante de Balsa 20 20 10 0 0 50 Não 40,00

5 Almoxarife Hospital 20 20 10 0 0 50 Não 40,00


40,00
6 Atendente de Serviço 20 10 10 0 10 50 Não
Página 14 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

de Saúde – Hospital
7 Atendente de Serviço 20 10 10 0 10 50 Não
de Saúde – Posto de 40,00
Saúde Ponte Alta
8 Atendente de Serviço 20 10 10 0 10 50 Não 40,00
de Saúde – PSF - Sede
9 Aux de Enfermagem 20 0 10 20 0 50 Não
de Saúde Pública – 40,00
Sede
10 Auxiliar Administrativo 20 10 10 0 10 50 SIM 40,00
III

11 Auxiliar de Dentista 20 20 10 0 0 50 Não 40,00


Distritos
12 Auxiliar de Dentista 20 20 10 0 0 50 Não 40,00
Sede
13 Coletor de Lixo 20 20 10 0 0 50 Não 40,00

14 Dentista 20 0 10 20 0 50 Não 100,00


15 Encarregado da 20 20 10 0 0 50 Não
Limpeza dos 40,00
Sanitários Públicos
16 Enfermeiro de Saúde 20 0 10 20 0 50 Não
60,00
Pública – PSF Sede
17 Enfermeiro do 20 0 10 20 0 50 Não 60,00
Hospital
18 Enfermeiro Posto de 20 0 10 20 0 50 Não
Saúde de Olhos 60,00
D’água
19 Enfermeiro Posto de 20 0 10 20 0 50 Não 60,00
Saúde de Ponte Alta
20 Farmacêutico do 20 0 10 20 0 50 Não
40,00
Hospital
21 Faxineira 20 20 10 0 0 50 Não 40,00
22 Fisioterapeuta para a 20 0 10 20 0 50 Não
60,00
Sede

Continuação

TIPOS DE PROVAS
POR MAT CONH CONH. INFOR TOTA PRÁTIC VLR
T . ESPECI M. L A INSCRIÇÃ
GERAI F. O
S
23 Fisioterapeuta Postos 20 0 10 20 0 50 Não
de Saúde dos 60,00
Distritos
24 Fonoaudiólogo 20 0 10 20 0 50 Não 60,00
25 Médico de Saúde da 20 0 10 20 0 50 Não
Família – PSF – 100,00
Distritos
26 Médico de Saúde da 20 0 10 20 0 50 Não 100,00
Página 15 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

Família – PSF – Sede


27 Médico Psiquiatra 20 0 10 20 0 50 Não 100,00

28 Monitor de Transporte 20 20 10 0 0 50 Não 40,00


Escolar
29 Motorista – Sede 20 0 10 20 0 50 SIM 40,00
30 Nutricionista 20 0 10 20 0 50 Não 60,00
31 Operador de 20 0 10 20 0 50 SIM
60,00
Máquinas
32 Patroleiro 20 0 10 20 0 50 SIM 60,00
33 Porteiro para o 20 20 10 0 0 50 Não
40,00
Hospital
34 Psicólogo Social 20 0 10 20 0 50 Não 60,00
35 Téc. Enfermagem 20 0 10 20 0 50 Não
60,00
Olhos D’água
36 Téc. Enfermagem 20 0 10 20 0 50 Não
40,00
Hospital
37 Téc. Enfermagem 20 0 10 20 0 50 Não 40,00
Ponte Alta
38 Téc. Enfermagem PSF 20 0 10 20 0 50 Não 40,00
– Sede
39 Técnico Raio X – 20 0 10 20 0 50 Não
60,00
Hospital
40 Zelador do Velório 20 20 10 0 0 50 Não
40,00
Municipal

ANEXO III
Atribuições dos cargos
Lei nº 1.933/2010 e Decreto nº 066/2010

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE – PSF – SEDE - visitar domicílios


periodicamente no âmbito do Programa Saúde da Sede; assistir pacientes,
dispensando-lhes cuidados simples de saúde, sob orientação e supervisão de
profissionais de saúde; orientar a comunidade para promoção de saúde; rastrear
focos de doenças específicas; promover educação sanitária e ambiental;
participar de campanhas preventivas e educativas; incentivar atividades

Página 16 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

comunitárias; promover comunicação entre unidades de saúde, autoridades e


comunidade; participar de reuniões profissionais.

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE - PSF – DISTRITOS - visitar domicílios


periodicamente no âmbito do Programa Saúde da Família dos Distritos de Olhos
D’Agua e Ponte Alta; assistir pacientes, dispensando-lhes cuidados simples de
saúde, sob orientação e supervisão de profissionais de saúde; orientar as
comunidades para promoção de saúde; rastrear focos de doenças específicas;
promover educação sanitária e ambiental; participar de campanhas preventivas e
educativas; incentivar atividades comunitárias; promover comunicação entre
unidades de saúde, autoridades e comunidade; participar de reuniões
profissionais.

AGENTE SANITARISTA - orientar e fiscalizar as atividades e obras para


prevenção/preservação ambiental e de saúde, por meio de vistorias, inspeções e
análises técnicas de locais, atividades, obras, projetos e processos, visando o
cumprimento da legislação ambiental e sanitária; promover educação sanitária e
ambiental.

AJUDANTE DE BALSA - desempenhar atividades específicas junto às


embarcações que fazem a travessia do Porto da Praia Vermelha, sob a supervisão
do Operador de Balsa, executar serviços de limpeza e manutenção na casa de
máquinas da embarcação, bem como no convés principal superior e tijupá,
executar tarefas de carga e descarga, auxiliar os motoristas e pedestres em seu
ingresso e saída das embarcações, quando necessário, cobrar tarifas de travessia
bem como colher assinaturas de usuários com isenção, zelar pela segurança de
veículos e passageiros durante o embarque e a travessia, desempenhar outras
atividades correlatas determinadas pela Chefia imediata.

ALMOXARIFE HOSPITAL – desempenhar atividades técnicas junto à


administração do Hospital Municipal, organizando em fichas apropriadas as
entradas e as saídas de todo o material e de medicamentos do almoxarifado do
hospital; controlar os estoques de materiais e medicamentos e solicitar as
aquisições necessárias, bem como proceder à liquidação de notas fiscais de
compra do hospital.
ATENDENTE DE SERVIÇO DE SAÚDE – HOSPITAL - acolher usuários que
procuram os serviços de saúde do hospital diariamente; agendar consultas e
exames; atender ao telefone; retirar e arquivar prontuários dos pacientes; fazer
controle de materiais de escritório.

ATENDENTE DE SERVIÇO DE SAÚDE – POSTO DE SAÚDE PONTE ALTA


acolher usuários que procuram os serviços do posto de saúde diariamente;
agendar consultas e exames; atender ao telefone; retirar e arquivar prontuários
dos pacientes; fazer controle de materiais de escritório.

ATENDENTE DE SERVIÇO DE SAÚDE – PSF - SEDE - acolher usuários que


procuram os serviços de saúde dos PSF da sede diariamente; agendar consultas e
exames; atender ao telefone; retirar e arquivar prontuários dos pacientes; fazer
controle de materiais de escritório.

Página 17 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

AUXILIAR DE ENFERMAGEM DE SAÚDE PÚBLICA – SEDE - desempenhar


atividades técnicas de enfermagem em hospitais, clínicas e outros
estabelecimentos de assistência médica, embarcações e domicílios; atuar em
cirurgia, terapia, puericultura, pediatria, psiquiatria, obstetrícia, saúde
ocupacional e outras áreas; prestar assistência ao paciente, atuando sob
supervisão de enfermeiro; desempenhar tarefas de instrução cirúrgica,
posicionando de forma adequada o paciente e o instrumental, o qual passa ao
cirurgião; organizar o ambiente de trabalho, dar continuidade aos plantões;
trabalhar em conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de
biossegurança; realizar registros e elaborar relatórios técnicos; comunicar-se com
pacientes e familiares e com a equipe de saúde; participar de campanhas de
vacinas e outros.

AUXILIAR ADMINISTRATIVO III - datilografar cartas, ofícios, circulares, tabelas,


gráficos, contratos e outros produtos, apresentando-os na forma padronizada,
observados os padrões de forma e estilo, segundo minutas previamente
preparadas, controlando-os segundo rotina própria, providenciando a sua
reprodução e a sua remessa; auxiliar na organização e manutenção do arquivo e
respectivo fichário das leis, decretos, projetos de lei e outros de interesse da
Administração e os referentes à sua Divisão, procedendo à classificação,
etiquetagem, guarda e conservação deles, facilitando a sua consulta; fazer
chamadas telefônicas, requisições de material, registro e distribuição de
expedientes, conforme determinado pela sua Chefia e atender chamadas
telefônicas, anotando os respectivos recados; manipular micro-computador,
máquinas de escrever e calcular, copiadoras e outras máquinas; providenciar a
publicação de leis, dos decretos e demais atos sujeitos a esta providência, assim
como seu registro; arquivar documentos em pastas específicas; atualizar fichários
e arquivos, classificando os documentos; datilografar textos diversos,
transcrevendo originais, manuscritos ou impressos; realizar serviços externos de
interesse da Divisão, em instituições bancárias ou comerciais, ou em repartições
públicas; distribuir documentos em geral para os diversos órgãos; retirar cópias
de documentos; executar outros serviços administrativos como: registros,
assentamentos, conferências, apurações, preenchimento de formulários, bem
como preparar, pesquisar e elaborar documentos, de conformidade com ordens
emanadas de sua Chefia; arquivar documentos da Procuradoria em pastas
específicas; providenciar as requisições e recebimento do material de escritório;
auxiliar na organização dos arquivos da Procuradoria, abrindo pastas e
ordenando fichas de processos, atualizando listagens, visando facilitar pesquisas
e conservação de documentos; manter informado e atualizado a Divisão de
Pessoal com os dados relativos a direitos dos servidores; manter
constantemente atualizado o arquivo da legislação federal, estadual e municipal,
cientificando a Chefia do que se referir aos interesses da Procuradoria; arquivar
documentos do Pessoal em pastas específicas; providenciar as requisições e
recebimento do material de escritório; distribuir documentos e expedientes em
geral do Setor para os diversos órgãos; providenciar a confecção de fotocópias
necessárias de documentos do Setor onde trabalha; fazer a apuração de cartões
de ponto e folhas de presença dos servidores, verificando regularidades dos
horários de entrada e saída, observando absenteísmo, saídas antecipadas e
licenças, para ser feita a folha de pagamento; auxiliar no cálculo de férias e
décimo-terceiro salário, lançando em formulário próprio os descontos
proporcionais, horas-extras do período aquisitivo, seguindo normas e padrões
legais; auxiliar no preparo das guias do recolhimento dos encargos, colhendo
Página 18 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

dados na folha de pagamento, fazendo cálculos e datilografando; auxiliar na


organização do arquivo, abrindo pastas e ordenando fichas de registro,
atualizando listagens, visando facilitar pesquisas e conservação de documentos;
auxiliar na atualização dos dados dos servidores, como endereço, férias,
promoções, alterações de vencimento, advertências, férias prêmio e outros, para
atender aos dispositivos legais; manter registros e assentamentos sobre a vida
funcional e financeira dos servidores municipais, em fichas ou livros próprios;
manter atualizados os dados relativos a direitos dos servidores, notadamente o
controle do abono de família, adicionais por tempo de serviço, outros adicionais
e outras vantagens previstos em lei; efetuar as anotações necessárias nas
Carteiras de Trabalho dos servidores e efetuar o seu registro nas fichas ou livros
apropriados; preparar a documentação necessária à admissão e demissão de
pessoal, bem como os referentes à sua movimentação interna; auxiliar no
controle da freqüência e do cumprimento de horário dos servidores municipais, e
auxiliar no preparo da folha de pagamento; auxiliar na execução da escrituração
de livros contábeis como Diário, Registro de Inventário, Razão, Conta Corrente,
Caixa e outros; proceder aos trabalhos de análise e conciliação de contas,
conferindo os saldos, localizando e retificando possíveis erros para assegurar a
correção das operações contábeis; auxiliar na classificação e avaliação das
despesas, analisando a sua natureza, para apropriar custos de bens e serviços;
auxiliar nos cálculos de reavaliação do Ativo e de depreciação de veículos,
máquinas, móveis e instalações, baseando-se nos índices adequados a cada
caso, para atender às disposições legais pertinentes; auxiliar na elaboração de
balancetes, balanços e outras demonstrações contábeis, aplicando as técnicas
apropriadas para apresentar resultados parciais e totais da situação patrimonial,
econômica e financeira da Prefeitura; auxiliar o Técnico em Contabilidade da
Divisão na organização de relatórios sobre a situação geral da Prefeitura,
colecionando e apresentando à Chefia os dados estatísticos necessários à
emissão de pareceres técnicos; auxiliar na organização e manutenção do arquivo
e respectivo fichário das peças contábeis e orçamentárias de interesse da
Administração e os referentes à sua Divisão, procedendo à classificação,
etiquetagem, guarda e conservação deles, facilitando a sua consulta; operar os
programas de computação de sua Divisão; auxiliar na execução da escrituração
de livros contábeis como Diário, Registro de Inventário, Razão, Conta Corrente,
Caixa e outros; proceder aos trabalhos de análise e conciliação de contas da
Divisão, conferindo os saldos, localizando e retificando possíveis erros para
assegurar a correção das operações contábeis; auxiliar na classificação e
avaliação das despesas, analisando a sua natureza, para apropriar custos de
bens e serviços; auxiliar nos cálculos de reavaliação do Ativo e de depreciação de
veículos, máquinas, móveis e instalações, baseando-se nos índices adequados a
cada caso, para atender às disposições legais pertinentes; auxiliar na elaboração
de balancetes, balanços e outras demonstrações contábeis da Divisão, aplicando
as técnicas apropriadas para apresentar resultados parciais e totais da situação
patrimonial, econômica e financeira da Prefeitura; auxiliar o Técnico em
Contabilidade da Divisão na organização de relatórios sobre a situação geral da
Prefeitura, colecionando e apresentando à Chefia os dados estatísticos
necessários à emissão de pareceres técnicos; auxiliar na organização e
manutenção do arquivo e respectivo fichário das peças contábeis e
orçamentárias de interesse da Administração e os referentes à sua Divisão,
procedendo à classificação, etiquetagem, guarda e conservação deles, facilitando
a sua consulta; datilografar e/ou digitar textos diversos, transcrevendo originais,
manuscritos ou impressos; elaborar cartas convite ou outras modalidades de
Página 19 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

licitação; participar de aberturas de propostas e demais fases do processo de


licitação; organizar e manter atualizado o cadastro de fornecedores; datilografar
e/ou digitar solicitações de compras; emitir ordens de compras, conferindo
especificações técnicas; calcular preços de produtos e mercadorias; contatar
clientes e fornecedores, quando houver inconsistências entre ordens de compras
e o fornecimento de mercadorias e produtos; arquivar documentos diversos;
encaminhar ordens de compra ao Almoxarifado; efetuar pesquisas de preços;
especificar, padronizar e codificar os materiais; participar de todas as etapas do
processo de licitação; efetuar compras diretas; verificar solicitações, verificando
prazo, quantidades e qualidade; auxiliar na organização e manutenção do
arquivo e respectivo fichário dos processos de compra, procedendo à
classificação, etiquetagem, guarda e conservação deles, facilitando a sua
consulta; atender ao público em geral e desempenhar outras atividades
correlatas determinadas pela Chefia imediata.

AUXILIAR DE DENTISTA – DISTRITOS - planejar o trabalho técnico-


odontológico, de nível médio, em consultórios, clínicas, laboratórios de prótese e
em órgãos públicos de saúde dos Distritos do Município. Prevenir doença bucal,
participando de projetos educativos e de orientação de higiene bucal; reparar
próteses dentárias; executar procedimentos odontológicos sob supervisão do
cirurgião dentista; administrar pessoal e recursos financeiros e materiais;
mobilizar palestras, orientações e discussões técnicas; executar demais
atividades conforme normas e procedimentos técnicos e de biossegurança,
preparar, organizar, desinfetar e esterilizar os instrumentos e materiais a serem
utilizados; cuidar da manutenção e conservação dos equipamentos
odontológicos.

AUXILIAR DE DENTISTA – SEDE - planejar o trabalho técnico-odontológico, de


nível médio, em consultórios, clínicas, laboratórios de prótese e em órgãos
públicos de saúde da sede. Prevenir doença bucal, participando de projetos
educativos e de orientação de higiene bucal; reparar próteses dentárias; executar
procedimentos odontológicos sob supervisão do cirurgião dentista; administrar
pessoal e recursos financeiros e materiais; mobilizar palestras, orientações e
discussões técnicas; executar demais atividades conforme normas e
procedimentos técnicos e de biossegurança, preparar, organizar, desinfetar e
esterilizar os instrumentos e materiais a serem utilizados; cuidar da manutenção
e conservação dos equipamentos odontológicos.

COLETOR DE LIXO – verificar material de trabalho; percorrer roteiros de coleta


coletar resíduos domiciliares e resíduos coletados nos serviços de limpeza e
conservação de áreas públicas, colocando sacos de lixo no caminhão de coleta;
coletar resíduos sólidos de serviço de saúde em veículo especializado;
descarregar lixo no aterro sanitário; descarregar resíduos sólidos de serviços de
saúde no local de incineração; trabalhar com segurança vestindo uniforme,
verificando EPI, utilizando equipamento de proteção individual e mantendo-se
alerta, desempenhar outras atividades correlatas determinadas pela Chefia
imediata.

DENTISTA – realizar procedimentos odontológicos clínicos e cirúrgicos na


atenção básica; realizar diagnóstico com a finalidade de obter o perfil
Página 20 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

epidemiológico de saúde bucal; realizar atendimentos de urgência e emergência,


estabelecendo diagnóstico e prognóstico; executar ações de atenção integral,
aliando a atuação clínica à de saúde coletiva, assistindo famílias e indivíduos ou
grupos específicos; coordenar e participar de ações coletivas voltadas para a
promoção e prevenção; programar e supervisionar o fornecimento de insumos;
contribuir e participar das atividades de educação; fornecer os dados sobre os
procedimentos para registro no sistema de informação (SIAB) e acompanhar o
seu lançamento, encaminhar e orientar os usuários que apresentarem problemas
mais complexos a outros níveis de especialização; desempenhar outras
atividades correlatas determinadas pela Chefia imediata.

ENCARREGADO DA LIMPEZA DOS SANITÁRIOS PÚBLICOS - manter a


limpeza interna e externa dos Sanitários Públicos do Município, bem como a de
suas calçadas e dos canteiros adjacentes; disponibilizar papel higiênico para os
usuários; recolher o material usado, embalando-o em sacos de lixo para serem
recolhidos pelos garis; responsabilizar-se pela guarda e manutenção dos
utensílios e do material de limpeza dos locais de trabalho, controlando o
estoques; solicitar compra, antes que chegue a faltar utensílios e material de
limpeza material para uso em seu serviço; desempenhar outras atividades
específicas determinadas pela Chefia imediata.

ENFERMEIRO DE SAÚDE PÚBLICA - PSF SEDE - prestar assistência ao


paciente no Programa de Saúde da Família da Sede, em transporte terrestre, em
postos de saúde e em domicílio, realizando procedimentos de maior
complexidade e prescrevendo ações; coordenar e aditar serviços de
enfermagem, programar ações para a promoção da saúde junto à comunidade;
realizar pesquisas; elaborar projetos preventivos e educativos.

ENFERMEIRO DO HOSPITAL - prestar assistência ao paciente no hospital


municipal, em transporte terrestre, em postos de saúde e em domicílio,
realizando procedimentos de maior complexidade e prescrevendo ações;
coordenar e aditar serviços de enfermagem, programar ações para a promoção
da saúde junto à comunidade; realizar pesquisas; elaborar projetos preventivos e
educativos.

ENFERMEIRO POSTO DE SAÚDE DE OLHOS D’ÁGUA - prestar assistência ao


paciente no Posto de Saúde de Olhos D’Água, em transporte terrestre, em postos
de saúde e em domicílio, realizando procedimentos de maior complexidade e
prescrevendo ações; coordenar e aditar serviços de enfermagem, programar
ações para a promoção da saúde junto à comunidade; realizar pesquisas;
elaborar projetos preventivos e educativos.

ENFERMEIRO POSTO DE SAÚDE DE PONTE ALTA - prestar assistência ao


paciente no Posto de Saúde de Ponte Alta, em transporte terrestre, em domicílio,
realizando procedimentos de maior complexidade e prescrevendo ações;
coordenar e aditar serviços de enfermagem, programar ações para a promoção
da saúde junto à comunidade; realizar pesquisas; elaborar projetos preventivos e
educativos.
Página 21 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

FARMACÊUTICO HOSPITAL - atribuições inerentes à profissão.

FAXINEIRA - cuidar dos serviços de limpeza e conservação de prédios públicos;


lavar fachadas, limpar vidros, remover resíduos dos vidros, remover pichações,
limpar móveis e equipamentos, limpar superfícies (paredes, pisos, etc..), aspirar
pó, lavar pisos, encerar pisos, remover sujeira, varrer pisos, secar pisos, passar
pano, limpar cortinas e persianas, recolher lixo acondicionando-o em sacos
plásticos, colocando-o para ser coletado, preparar seu trabalho controlando o
estoque de material, verificando a validade de produtos químicos e de limpeza,
verificando a qualidade de produtos químicos e de limpeza, avaliando o tipo de
superfície a ser trabalhada, o grau de sujidade, e o tipo de sujeira encontrado,
selecionando produtos e materiais, preparando produtos, diluindo produtos
(químicos e de limpeza), dosando produtos químicos, solicitando equipamentos e
materiais, e solicitando compra de produtos químicos e de limpeza, desempenhar
outras atividades correlatas determinadas pela Chefia imediata.

FISIOTERAPEUTA PARA A SEDE - atender no Hospital Municipal e Postos do


PSF da sede pacientes e clientes para prevenção, habilitação e reabilitação de
pessoas utilizando protocolos e procedimentos específicos de fisioterapia, terapia
ocupacional e ortopédica; habilitar pacientes e clientes; realizar diagnósticos
específicos; analisar condições dos pacientes e clientes; orientar pacientes,
clientes, familiares, cuidadores e responsáveis; avaliar baixa visão; ministrar
testes e tratamentos ortópticos no paciente; desenvolver programas de
prevenção, promoção de saúde e qualidade de vida; exercer atividades técnico-
científicas; administrar recursos humanos e materiais.

FISIOTERAPEUTA POSTOS DE SAÚDE DOS DISTRITOS - atender nos Postos


de Saúde dos Distritos de Olhos D’Água e Ponte Alta pacientes e clientes para
prevenção, habilitação e reabilitação de pessoas utilizando protocolos e
procedimentos específicos de fisioterapia, terapia ocupacional e ortopédica;
habilitar pacientes e clientes; realizar diagnósticos específicos; analisar condições
dos pacientes e clientes; orientar pacientes, clientes, familiares, cuidadores e
responsáveis; avaliar baixa visão; ministrar testes e tratamentos ortópticos no
paciente; desenvolver programas de prevenção, promoção de saúde e qualidade
de vida; exercer atividades técnico-científicas; administrar recursos humanos e
materiais.
FONOAUDIÓLOGO - atender pacientes e clientes para prevenção, habilitação e
reabilitação de pessoas utilizando protocolos e procedimentos específicos de
fonoaudiologia; tratar de pacientes e clientes; efetuar avaliação e diagnóstico
fonoaudiológico; orientar pacientes, clientes, familiares, cuidadores e
responsáveis; desenvolver programas de prevenção, promoção da saúde e
qualidade de vida; exercer atividades administrativas, de ensino e pesquisa;
administrar recursos humanos e materiais.

MÉDICO DE SAÚDE DA FAMILIA – PSF - DISTRITOS - realizar consultas e


atendimentos médicos; tratar pacientes e clientes; implementar ações para
promoção da saúde; coordenar programas e serviços em saúde, efetuar perícias,
auditorias e sindicâncias médicas.
Página 22 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

MÉDICO DE SAÚDE DA FAMILIA – PSF - SEDE - realizar consultas e


atendimentos médicos; tratar pacientes e clientes; implementar ações para
promoção da saúde; coordenar programas e serviços em saúde, efetuar perícias,
auditorias e sindicâncias médicas.

MÉDICO PSIQUIATRA - realizar consultas e atendimentos médicos; tratar


pacientes e clientes; implementar ações para promoção da saúde; coordenar
programas e serviços em saúde, efetuar perícias, auditorias e sindicâncias
médicas; elaborar documentos e difundir conhecimentos da área médica
específica de psiquiatria; fazer o acompanhamento periódico dos pacientes com
problemas mentais.

MONITOR DE TRANSPORTE ESCOLAR - acompanhar o embarque e o


desembarque dos alunos, recepcionando, orientando e alojando os mesmos nos
veículos municipais de transporte escolar, zelando pela segurança dos mesmos
ao entrar e sair dos veículos, manter a disciplina e a ordem dentro do veículo
durante o percurso de ida e volta dos respectivos pontos de embarques à escola,
providenciar junto com o motorista em serviço, em caso de pane no veículo de
transporte, a vinda de socorro mecânico, avisando os pais sobre eventuais
atrasos na chegada dos alunos aos seus destinos, desempenhar outras atividades
específicas determinadas pelo Chefe de Transportes.

MOTORISTA – SEDE - dirigir e manobrar veículos do município de conformidade


com sua habilitação, transportando pessoas, cargas ou valores para qualquer
local do território nacional, cumprindo itinerários determinados pela Chefia
imediata; encarregar-se do bom desempenho do veículo sob sua
responsabilidade, cuidando da manutenção básica do mesmo, conferindo níveis
de óleo, combustível, validade e situação de eficiência dos filtros e extintores;
verificar calibragem de pneus, etc.; observar a capacidade de passageiros e as
condições de tráfego do veículo; dirigir o veículo de acordo com as normas de
trânsito em geral, em especial as alusivas a velocidade e locais de
estacionamento, respeitando as condições da pista de rodagem, seja ela de terra
ou asfaltada; utilizar equipamentos e dispositivos especiais como sinalização
sonora e luminosa e desempenhar outras atividades correlatas determinadas
pela Chefia imediata.

NUTRICIONISTA – promover ações de promoção de práticas alimentares


saudáveis em todas as fases do ciclo da vida; responder às principais demandas
assiste4nciais quanto aos distúrbios alimentares, obesidade e deficiência
nutricional, desnutrição, bem como aos planos terapêuticos, especialmente nas
doenças e agravos não transmissíveis; promover o diagnóstico da situação
alimentar e nutricional da população com a identificação de áreas geográficas,
segmentos sociais e grupos populacionais pelo sistema de Vigilância Alimentar e
Nutricional, conferindo racionalidade com base de decisões para as ações de
nutrição e promoção de práticas alimentares saudáveis que respeitem a
diversidade étnica, racial e cultural da população; conhecer e estimular a
produção e o consumo dos alimentos saudáveis produzidos regionalmente;
Página 23 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

promover a capacitação das ESF e participar de ações vinculadas aos programas


de controle e prevenção dos distúrbios nutricionais, como carências por
micronutrientes, sobrepeso, obesidade, doenças crônicas não transmissíveis e
desnutrição; elaborar em conjunto com as ESF rotinas de atenção nutricional e
atendimento para doenças relacionadas à alimentação e à nutrição, de acordo
com protocolos de atenção básica, organizando a referência e a contrarreferência
do atendimento; desempenhar outras atividades correlatas determinadas pela
Chefia imediata.

OPERADOR DE MÁQUINAS – operar máquinas pesadas tais como: pá-


carregadeiras, retro-escavadeiras, motoniveladoras e outras similares, em
serviços gerais de necessidade do município, usando equipamentos de proteção
(EPI) indicados para as tarefas, encarregando-se do bom desempenho da
máquina, conferindo níveis de óleo, combustível, validade e situação de eficiência
dos filtros, calibragem de pneus, etc.; observar a capacidade da máquina em
relação ao serviço a ser executado, desempenhar outras atividades correlatas
determinadas pela Chefia imediata.

PATROLEIRO – operar motoniveladoras, em serviços gerais de necessidade do


município, usando equipamentos de proteção (EPI) indicados para as tarefas,
encarregando-se do bom desempenho da máquina, conferindo níveis de óleo,
combustível, validade e situação de eficiência dos filtros, calibragem de pneus,
etc., observar a capacidade da máquina em relação ao serviço a ser executado,
operar, em caso de necessidade, outras máquinas pesadas tais como: pá-
carregadeiras, retro-escavadeiras, e outras similares; desempenhar outras
atividades correlatas determinadas pela Chefia imediata.

PORTEIRO PARA O HOSPITAL - zelar pela guarda do patrimônio e exercer a


vigilância do Hospital Municipal e inspecionar suas dependências, para evitar
incêndios, roubos, entrada de pessoas estranhas e outras anormalidades;
controlar fluxo de pessoas, identificando, orientando e encaminhando-as para os
lugares desejados; fazer manutenções simples nos locais de trabalho.

PSICÓLOGO SOCIAL - Estudar, pesquisar e avaliar o desenvolvimento


emocional e os processos mentais e sociais de indivíduos, grupos e instituições,
com a finalidade de análise, tratamento, orientação e educação; diagnosticar e
avaliar distúrbios emocionais e mentais e de adaptação social, elucidando
conflitos e questões e acompanhando o(s) paciente(s) durante o processo de
tratamento ou cura; investigar os fatores inconscientes do comportamento
individual e grupal, tornando-os conscientes; desenvolver pesquisas
experimentais, teóricas e clínicas e coordenar equipes e atividades de área e
afins.

TÉCNICO ENFERMAGEM OLHOS D´ÁGUA - desempenhar atividades técnicas


de enfermagem no Posto de Saúde de Olhos D’Água e outros estabelecimentos
de assistência médica, em transporte terrestre e domicílios; atuar em cirurgia,
terapia, puericultura, pediatria, psiquiatria, obstetrícia, saúde ocupacional e
Página 24 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

outras áreas; prestar assistência ao paciente, atuando sob supervisão de


enfermeiro; desempenhar tarefas de instrumentação cirúrgica, posicionando de
forma adequada o paciente e o instrumental, o qual passa ao cirurgião; organizar
ambiente de trabalho, dando continuidade aos plantões; trabalhar em
conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de biossegurança;
realizar registros e elaborar relatórios técnicos; comunicar-se com pacientes e
familiares e com a equipe de saúde.

TÉCNICO ENFERMAGEM HOSPITAL - desempenhar atividades técnicas de


enfermagem no Hospital Municipal, e outros estabelecimentos de assistência
médica, em transporte terrestre e domicílios; atuar em cirurgia, terapia,
puericultura, pediatria, psiquiatria, obstetrícia, saúde ocupacional e outras áreas;
prestar assistência ao paciente, atuando sob supervisão de enfermeiro;
desempenhar tarefas de instrumentação cirúrgica, posicionando de forma
adequada o paciente e o instrumental, o qual passa ao cirurgião; organizar
ambiente de trabalho, dando continuidade aos plantões; trabalhar em
conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de biossegurança;
realizar registros e elaborar relatórios técnicos; comunicar-se com pacientes e
familiares e com a equipe de saúde.

TÉCNICO ENFERMAGEM PONTE ALTA - desempenhar atividades técnicas de


enfermagem no Posto de Saúde de Ponte Alta e outros estabelecimentos de
assistência médica, em transporte terrestre e domicílios; atuar em cirurgia,
terapia, puericultura, pediatria, psiquiatria, obstetrícia, saúde ocupacional e
outras áreas; prestar assistência ao paciente, atuando sob supervisão de
enfermeiro; desempenhar tarefas de instrumentação cirúrgica, posicionando de
forma adequada o paciente e o instrumental, o qual passa ao cirurgião; organizar
ambiente de trabalho, dando continuidade aos plantões; trabalhar em
conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de biossegurança;
realizar registros e elaborar relatórios técnicos; comunicar-se com pacientes e
familiares e com a equipe de saúde.

TÉCNICO ENFERMAGEM – PSF - SEDE - desempenhar atividades técnicas de


enfermagem no Programa Saúde da Família da Sede e outros estabelecimentos
de assistência médica, em transporte terrestre e domicílios; atuar em cirurgia,
terapia, puericultura, pediatria, psiquiatria, obstetrícia, saúde ocupacional e
outras áreas; prestar assistência ao paciente, atuando sob supervisão de
enfermeiro; desempenhar tarefas de instrumentação cirúrgica, posicionando de
forma adequada o paciente e o instrumental, o qual passa ao cirurgião; organizar
ambiente de trabalho, dando continuidade aos plantões; trabalhar em
conformidade às boas práticas, normas e procedimentos de biossegurança;
realizar registros e elaborar relatórios técnicos; comunicar-se com pacientes e
familiares e com a equipe de saúde.

TÉCNICO RAIO X – HOSPITAL - preparar materiais e equipamentos para


exames e radioterapia; operar aparelhos médicos e odontológicos para produzir
imagens e gráficos funcionais como recurso auxiliar ao diagnóstico e terapia;
preparar pacientes e realizar exames e radioterapia; prestar atendimento aos
pacientes fora da sala de exame, realizando as atividades segundo boas práticas,
normas e procedimento de biossegurança e código de conduta; mobilizar
capacidades de comunicação para registro de informações e troca de
informações com a equipe e com os pacientes.
Página 25 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

ZELADOR DO VELÓRIO MUNICIPAL - manter a limpeza interna e externa do


prédio do Velório Municipal, bem como a de suas calçadas e jardins; preparar o
ambiente do velório para a recepção de pessoas falecidas; cuidar do preparo de
café, chás, e outras bebidas na copa do Velório para as pessoas que estiverem
velando os defuntos, oferecendo no balcão apropriado as bolachas e quitandas
trazidas ao local; disponibilizar água fresca para os presentes e oferecer copos
descartáveis para uso dos mesmos; recolher o material usado, guardando em
local apropriado o material não perecível que sobrar; cuidar da limpeza do local
após a saída do enterro; responsabilizar-se pela guarda e manutenção dos
utensílios e do material de limpeza do local de trabalho, controlando o estoques;
solicitar compra, antes que chegue a faltar utensílios e material de limpeza
material bem como ingredientes para a copa; zelar pela limpeza geral dos
sanitários do Velório; desempenhar outras atividades específicas determinadas
pela Chefia imediata.

ANEXO IV
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

NIVEL SUPERIOR
PORTUGUÊS

Nível Superior para todos os cargos:


Diferenças entre língua oral e língua escrita. Níveis de linguagem. A questão da
escrita: condições de produção, relações autor/leitor, adequação
linguagem/destinatário do texto. Os diferentes gêneros de textos que circulam no
espaço social. Noções básicas de texto e textualidade (coesão, coerência,
aceitabilidade, intertextualidade e intencionalidade). Ortografia. Acentuação
gráfica. Tempos e modos do verbo. Vozes do verbo. Crase. Frase e oração:
termos principais e acessórios da oração. Tipos de sujeito. Sinônimos e
Página 26 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

antônimos. Sufixos e Prefixos. Tipos de predicado. Pronomes pessoais,


demonstrativos, possessivos e indefinidos como recursos de organização textual.
Pronomes de Tratamento. Emprego do pronome relativo. Marcadores de relação
sintática: preposições, conjunções, ordem, classes gramaticais, concordância,
regência, pontuação. Identificação e classificação de orações coordenadas e
subordinadas.

NIVEL MÉDIO
PORTUGUÊS
Nível Médio para todos os cargos:
Interpretação e compreensão de textos. Narração. Dissertação. Descrição.
Estrutura das palavras. Processos de formação de palavras. Escolhas vocabulares
e a situação comunicativa. Ortografia. Acentuação gráfica. Tempos e modos do
verbo. Vozes do verbo. Crase. Frase e oração: termos principais e acessórios da
oração. Tipos de sujeito. Sinônimos e antônimos. Sufixos e Prefixos. Tipos de
predicado. Pronomes pessoais, demonstrativos, possessivos e indefinidos como
recursos de organização textual. Pronomes de Tratamento. Emprego do pronome
relativo. Marcadores de relação sintática: preposições, conjunções, ordem,
classes gramaticais, concordância, regência, pontuação. Identificação e
classificação de orações coordenadas e subordinadas. Conotação e Denotação.

MATEMÁTICA
Nível Médio
Álgebra: Conjuntos; Funções: Par ordenado, produto cartesiano, linguagem;
Função do 1º Grau; Equações e Inequações do 1º grau; Função do 2º Grau;
Equações e Inequações do 2º Grau; Função Modular: Equações, inequações;
Função Exponencial; Equações e Inequações Exponenciais; Função Logarítmica:
Equações e Inequações Logaritmicas; Noções de Matemática Financeira:
Porcentagem, juros simples e composto; Progressões aritméticas; Progressões
geométricas; Matrizes; Determinantes; Equações Lineares; Análise Combinatória;
Probabilidades; Números Complexos. Geometria: Geometria Plana; Os Sólidos
Geométricos; Estudo do Prisma; Estudo da Pirâmide; Estudo do Cilindro; Estudo
do Cone; Estudo da Esfera. Geometria Analítica Plana: Plano cartesiano; Estudo
da Reta; Estudo da Circunferência.

NIVEL FUNDAMENTAL
PORTUGUÊS
Nível Fundamental para todos os cargos:
Interpretação e compreensão de textos. Narração. Dissertação. Descrição.
Ortografia. Divisão silábica. Classificação das palavras quanto ao número de
sílabas. Acentuação gráfica. Pontuação. Classe de palavras (classes gramaticais).
Flexões: gênero, número e grau do substantivo e adjetivo. Tempos e modos do
verbo. Crase. Frase e oração: termos principais e acessórios da oração. Tipos de
sujeito. Sinônimos e antônimos. Sufixos e Prefixos. Tipos de predicado. Pronomes
pessoais, demonstrativos, possessivos e indefinidos como recursos de
organização textual. Concordância verbal e nominal. Classificação de orações
coordenadas e subordinadas.

MATEMÁTICA
Nível Fundamental para todos os cargos:
Página 27 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

Conjuntos; Números Naturais: operações, problemas; Números Inteiros:


operações, problemas; Números Fracionários: operações, problemas; Fração
Decimal; Números Reais: Conceito de Número Racional; Conceito de Número
Irracional;Conceito de Número Real. Equações e Inequações: Equações do 1º
Grau com uma variável; Sistema de Equações do 1º Grau com duas Variáveis;
Equações do 2º Grau; Inequações do 1º Grau com uma Variável. Sistema de
Medidas: Comprimento; Área; Volume; Capacidade; Massa; Tempo; Unidades de
Ângulos. Matemática Comercial: Razões e Proporções e Grandezas Proporcionais;
Regra de Três Simples e Composta; Porcentagem, Juros Simples. Geometria:
Ângulos, Triângulos; Relações métricas no triângulo retângulo; Polígonos e seus
elementos; A Circunferência e o Círculo; Quadriláteros. Potências e Raízes;
Funções; Noções de Trigonometria.

NIVEL ALFABETIZADO
PORTUGUÊS
Nível Alfabetizado para todos os cargos:
Interpretação e compreensão de textos. Ortografia, Divisão silábica, Classificação
das palavras quanto ao número de sílabas. Acentuação gráfica: princípios
básicos, classificação das palavras quanto à posição da sílaba tônica. Flexões:
gênero, número e grau do substantivo e adjetivo. Conjugação de verbos.
Sinônimos e antônimos. Prefixos e sufixos.

MATEMÁTICA
Nível Alfabetizado para todos os cargos:
Noções de conjuntos; Sistema de numeração decimal; Números ordinais;
Operações fundamentais: adição, subtração, divisão e multiplicação; Sistema
monetário brasileiro; Fração; Sistema de numeração romano; Sistema métrico
decimal: comprimento, área, volume, capacidade, massa e tempo; Noções sobre
figuras geométricas: quadrado, círculo, triângulo, retângulo; resolução de
problemas.
Página 28 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS PARA OS CARGOS QUE O EXIGEM

Agente Comunitário de Saúde:


Conhecimentos Específicos
Noções básicas sobre as principais doenças de interesse para a Saúde Pública: Diarréia, Cólera,
Dengue, Doença de Chagas, Esquistossomose, Febre Tifóide, Meningite, Tétano, Sarampo,
Tuberculose, Hepatite Hanseníase, Difteria, Diabete, Hipertensão Arterial, Raiva, Leishmaniose e
Outras. Doenças Sexualmente Transmissíveis e Métodos Anticoncepcionais, AIDS. Noções básicas
sobre: Higiene Corporal, Higiene da Água e Higiene dos Alimentos. Noções sobre: Vacinas,
Vacinação, Imunização, Período de Incubação, Hospedeiro, Portador, Transmissibilidade. Noções
sobre Reprodução Humana: Ciclo Menstruação, Gestação, Parto, Aborto, Puerpério, Pré‐Natal.
Noções sobre desenvolvimento Humano: Nutrição, Aleitamento Materno. Coleta do Lixo, Tratamento
adequado do lixo, reciclagem do lixo, classificação do lixo. Poluição ambiental e Desmatamento.
Agente Sanitarista
Conhecimentos Específicos
Noções básicas das doenças: leptospirose, meningite, rubéola, sarampo, dengue, raiva, hantavirose,
hepatites (sintomas, prevenção e controle); Noções básicas sobre Imunizações; Noções básicas em
Vigilância Sanitária na área de alimentos e estabelecimentos de saúde de baixa complexidade;
Avaliação das áreas de risco ambiental e sanitário; Princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde
Página 29 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

e a Lei Orgânica da Saúde; Noções de ética e cidadania; Noções sobre qualidade da água para o
consumo humano e Noções sobre Vigilância Ambiental em Saúde.
Auxiliar de Enfermagem de Saúde Pública
Conhecimentos Específicos
Conhecimentos específicos em técnicas básicas: importância da limpeza terminal, concorrente e
arrumação de cama, higiene oral e corporal, prevenção de deformidade e úlcera de pressão, controles
de sinais vitais, controle de eliminações e ingestões, balanço hídrico. Interoclisma e Enema. Posições
para exame, oxigenoterapia, cuidados para coleta de sangue, fezes eurina. Ergonometria. Princípios
de infecção hospitalar, técnicas de curativo, administração de dietas. Cuidados com drenagens.
Assistência de enfermagem em centro cirúrgico, centro obstétrico. Central de material e esterelização:
conceitos de desinfecção e esterelização, procedimentos, cuidados com materiais e soluções
utilizadas, tipos de esterelização, armazenamento e transporte. Noções de farmacologia, interações
medicamentosas e reações adversas, hemoterapia e cuidados específicos na administração.
Medicações: parenteral e enteral: diluições, rediluições, gotejamento de soro e vias de administração.
Noções de imunização, cadeia de frio, tipos de vacina: dose e via de administração, esquema de
vacinação do ministério da saúde, doenças de notificação compulsória. Noções de enfermagem nas
urgências e emergências: primeiros socorros, hemorragias, choques, traumatismos e queimaduras.
Noções de enfermagem à pacientes com afecções dos sistemas: respiratório, cardio-vascular,
digestório, renal, urinário, reprodutor, músculo-esquelético, neurológico e nos órgãos dos sentidos.
Noções de assistência de enfermagem nas molésticas infecto-contagiosas. Noções de enfermagem a
portadores de patologias clínicas e cirúrgicas. Código de Ética. Política de Saúde e Legislação do
Sistema Único de Saúde - SUS.
Dentista
Conhecimentos Específicos
Patologia Oral: aspectos gerais; Saúde Coletiva: promoção de saúde,
epidemiologia de problemas bucais, índices e indicadores, prevenção, diagnóstico
e tratamento das principais doenças bucais; Flúor: uso, metabolismo, mecanismo
de ação, educação em saúde bucal, política de saúde, cárie dentária na criança e
no adolescente, métodos mecânicos e quimioterápicos de higiene bucal; Ética
Odontologica; Anatomia dental; Biossegurança.

Enfermeiro
Conhecimentos Específicos
Princípios e diretrizes do SUS, Ética e Legislação Profissional, Imunização, Administração
em Enfermagem, Conhecimento sobre doenças transmissíveis de maior incidência no
Brasil, Programa Nacional de controle do Diabetes, Programa Nacional de controle da
Hipertensão, Conhecimentos em Enfermagem Clínica e Cirúrgica, Programa nacional de
Saúde Mental, Administração de medicamentos, Epidemiologia, Programa de Saúde da
Família, Biossegurança, Semiologia, Assistência de enfermagem em Urgência/
Emergência.
Farmacêutico
Conhecimentos Específicos
Farmacocinética: Absorção, Distribuição, Biotransformação e Excreção de
Fármacos; Farmacologia do Sistema Nervoso Autônomo; Exames hematológicos
básicos e classificação das anemias; Exame de urina e doença renal;
Parasitologia clínica; Bioquímica clínica; Provas de função renal; Provas
imunológicas; Normas para prescrição de psicofármacos; Legislação
farmacêutica; Ética profissional; Medicamentos Genéricos.
Fisioterapeuta
Conhecimentos Específicos
Fisioterapia aplicada a: Saúde Coletiva, Hanseníase e Diabetes; Pneumologia:
Página 30 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

DPOC – Doenças Pulmonares Obstrutivas Crônicas, Tuberculose, Pneumonia,


Unidade de Terapia Intensiva; Ortopedia e Traumatologia; Reumatologia e
Doenças endócrinas; Neurologia; Trabalho e Ergonomia.
Fonoaudiólogo
Conhecimentos Específicos
Desenvolvimento da linguagem; Alterações da linguagem infantil; Distúrbios de
leitura e escrita; Distúrbios articulares; Gagueira; Distúrbios miofuncionais orais;
Disfunção temporomandibular; Fissuras labiopalatinas (avaliação e terapia);
Fisiologia da deglutição orofaríngea (neonato, criança, adulto e idoso); Disfagia
orofaríngea (neurogênicas/mecânicas); Voz (avaliação/distúrbios vocais /
laringectomia / procedimentos terapêuticos); Aleitamento Materno em recém
nascido; Afasia; Doenças degenerativas; Demências; Encefalopatias; Deficiência
auditiva (prevenção/exames audiológicos/reabilitação/seleção e adaptação de
AASI / Saúde auditiva do trabalhador).
Médico Saúde da Família
Conhecimentos Específicos
Medicina Social e Preventiva: A Medida De Saúde Coletiva: Mortalidade,
Morbidade E Indicadores De Saúde; Estrutura Epidemiológica: Ambiente, Agente
Etiológico, O Susceptível E As Doenças Mecanismo De Transmissão De Doenças:
Conceitos, Saída Do Agente, Entrada Em Um Novo Hospedeiro, Transmissão
Direta Transmissão E Prevenção De Doenças Mais Freqüentes; Imunização;
Vigilância Epidemiológica; Doenças Cronico- Degenerativas; Atenção Primária Em
Saúde; Ética Profissional; Políticas De Saúde No Brasil; Doenças De Notificação
Compulsória; Aids E Outras Imunodeficiências; Asma/ Doença Pulmonar
Obstrutiva Crônica; Insuficiência Coronariana; Hipertensão Arterial Sistemica;
Insuficiência Cardíaca Congestiva; Antimicrobianos E Infecções Bacterianas;
Parasitoses Intestinais; Constipação Intestinal E Diarréia; Diabetes Mellitus;
Tireoidopatias; Glomerulonefrites; Alcoolismo; Anemias; Úlceras Pépticas E
Gastrites; Artrite Reumatóide; Tuberculose; Doenças Do Pâncrea; Hepatopatias;
Hanseníase.

Médico Psiquiatra
Conhecimentos Específicos
Psicopatologia, Anamnese Psiquiátrica e Classificações em Psiquiatria;
Transtornos Mentais Orgânicos; Transtornos Mentais Relacionados ao uso de
Substâncias Psicoativas; Esquizofrenia e Outros Transtornos Psicóticos;
Transtornos do Humor; Transtornos de Ansiedade, Dissociativos e Somatoformes;
Transtornos da Personalidade; Psicofarmacologia.

Motorista - Operador de Máquinas - Patroleiro


Conhecimentos Específicos
Atendimento aos Usuários do Serviço de Transporte: Integração do grupo;
Prestação de serviços e qualidade no atendimento; Ações para melhoria no
atendimento.Direção Defensiva: Acidente evitável; Como evitar colisão com
veículo que vai à frente; Como evitar colisão traseira; Como evitar colisão frontal;
Como evitar colisões em cruzamentos; Como ultrapassar e ser ultrapassado; A
colisão de difícil identificação da causa; Como evitar outros tipos comuns de
colisão.Em Situações de Emergência: Primeiras providências; ser prevenido;
manter a calma; como que evitar problemas comuns; o que fazer em situações
de emergência.Conceitos de Meio Ambiente e Cidadania: Conceito de
Poluição: causas e conseqüências; Riscos para a saúde; Cuidados na substituição
Página 31 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

de fluídos.A Legislação de Trânsito: O Código de Trânsito Brasileiro; Deveres e


proibições; Responsabilidade do Condutor durante o transporte; Registrador de
velocidade; Das infrações e penalidades; Regras gerais de circulação; Vias
públicas; Tipos de sinalização de trânsito; Psicologia e segurança no trânsito.
Nutricionista
Conhecimentos Específicos
Saúde publica; administração do serviço de alimentação; dietoterapia; dieta
enteral e parenteral; tecnologia de alimentos; merenda escolar.
Psicólogo Social
Conhecimentos Específicos
Avaliação psicológica: processo psicodiagnóstico. Entrevista clínica. Entrevista
lúdica. Exame do estado mental. Avaliação psicodinâmica. Avaliação
neuropsicológica. Instrumentos psicológicos. Rorschach: Sistema compreensivo.
Escalas Wechsler (WISC III e WAIS III). Psicopatologia: diagnóstico descritivo dos
transtornos mentais em adultos, crianças e adolescentes. DSM IV (Manual
Diagnóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais). CID (Classificação de
Transtornos Mentais e de Comportamento da CID). Perícia psicológica na área
forense: dano psíquico, capacidade civil, definição de guarda e regulamentação
de visitas. Síndrome de Alienação parental. Falsas Memórias. Maus-tratos e abuso
sexual. Psicologia Organizacional. O psicólogo na organização: aspectos éticos,
políticos e administrativos. Processos grupais. Código de ética profissional dos
psicólogos. Elaboração de documentos decorrentes de avaliações psicológicas.

Técnico em Enfermagem
Conhecimentos Específicos
Esterilização, Manejo de recursos materiais, Práticas técnicas em Enfermagem,
Administração de medicamentos, Noções de Biossegurança, Conhecimentos
sobre doenças infecto - contagiosas de maior prevalência no Brasil, Técnicas em
Enfermagem Clínica e Cirúrgica, Conhecimento das doutrinas do SUS, Vigilância
Sanitária e Epidemiológica, Saúde Ambiental, ética e legislação profissional.
Técnico Raio X
Conhecimentos Específicos
Processo de Trabalho em Saúde Conceitos de saúde e doença. Vigilância à saúde.
Carta dos Direitos do Paciente, proposta no Manual da Comissão Conjunta de
Acreditação de Hospitais para a América Latina e Caribe. Políticas de saúde. SUS -
Sistema Único de Saúde. Ética e trabalho. Gestão do Serviço Radiológico
Administração de serviços de radiodiagnóstico. Legislação do exercício
profissional: Recursos de informática e técnicas de arquivamento utilizados no
serviço de radiodiagnóstico. Rotinas de procedimentos em radiodiagnóstico.
Controle de qualidade em radiodiagnóstico. Tecnologia Radiológica Formação e
caracterização da imagem radiográfica. Unidade radiográfica básica. Unidades
radiográficas especiais. Proteção Radiológica Epistemiologia da proteção
radiológica. Fundamentos de dosimetria e radiobiologia. Legislação sanitária do
Ministério da Saúde. Radiação não ionizante. Processamento Químico de Filmes:
Processamento químico de filmes Composição de filmes e écrans: relações entre
Página 32 de 33
PREFEITURA MUNICIPAL DE
DELFINÓPOLIS
Praça Manoel Leite Lemos, 115 – Telefax (0xx35)3525-1020 – CNPJ 17 894 064/0001-86
CEP 37910-000 - Delfinópolis – Minas Gerais
_____________________
_________________________
________________

ambos; funções dos écrans. Métodos de processamento químico de películas


radiográficas por meios automáticos e manuais. Rotinas de limpeza e
conservação dos sistemas de processamento químico de filmes. Critérios de
avaliação da qualidade das imagens. Procedimentos técnicos em câmara escura
e câmara clara. Anatomia/ Fisiologia: Osteologia. Artrologia. Miologia. Membros
superiores e inferiores: grupos musculares, inervação, vascularização, esqueleto
e articulações. Tórax. Abdome. Sistema neurológico. Patologia: Patologia de
doenças. Processos inflamatórios. Neoplasias e oncologia. Traumas. Propedêutica
do radiodiagnóstico. Incidências Radiográficas Rotinas de preparo da sala e
materiais para exames radiográficos. Rotinas para a realização de exames
radiográficos de membros superiores, inferiores, de tórax e abdome, da coluna
vertebral, do crânio e face. Exames Radiográficos Especiais Procedimentos
radiográficos especiais: técnicas radiográficas em urografia excretora,
uretrocistografia, trânsito intestinal, enema opaco, dacricistografia, sialografia,
colangiografia. Radiografias de urgência e traumatizados. Procedimentos de
diagnóstico por imagens realizados em centros cirúrgicos/UTIs. Exames
Radiográficos Pediátricos Exames pediátricos. Radiografias de urgência e
traumatizados. Processamento de Imagens Digitais Informática aplicada ao
diagnóstico por imagem. Equipamentos utilizados no processamento de imagens
digitais. Técnicas de trabalho na produção de imagens digitais. Protocolos de
operação de equipamentos de aquisição de imagem.

Página 33 de 33