You are on page 1of 8

São Paulo - semestral 2011/1

Turmas de Janeiro
REQUERIMENTO DE MATRÍCULA
EMILIANA IRIS DOS SANTOS, nascido em 30/10/81, R.A. nº A80DGG-0, R.G. nº 321666768,
C.P.F. nº 289.830.438-73, residente na RUA TRAJANO REIS BL 4 AP 135 - JD DAS VERTENTE,
cidade de SAO PAULO - SP, CEP 05541-030, Tel. 37810988, doravante denominado ALUNO, vem, mui
respeitosamente, requerer sua matrícula junto à Universidade Paulista, UNIP, no 1º período letivo do curso
ENFERMAGEM, do campus Paraíso/Vergueiro, turno TARDE, de janeiro a junho/2011, submetendo-se às
normas regimentais vigentes e declarando estar de acordo com o Contrato de Prestação de Serviços
Educacionais apresentado a seguir, bem como estar ciente de que o presente pedido poderá ser indeferido
por razões de natureza administrativa ou pedagógica.
CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EDUCACIONAIS

Por este instrumento particular de contrato e na melhor forma de direito, as partes, justas e avençadas,
de um lado, o CONTRATANTE, ao final identificado (aluno ou pai ou responsável), e, do outro, a
Associação Unificada Paulista de Ensino Renovado Objetivo - ASSUPERO, CNPJ n.º 06.099.229/0001-01,
com sede na Av. Paulista, 900 – 1.º andar – São Paulo – SP, mantenedora da Universidade Paulista - UNIP,
doravante denominadas ESCOLA, obrigam-se, por si e seus sucessores, a respeitar e cumprir o que segue.
CLÁUSULA 1ª - A ESCOLA prestará ao ALUNO seus serviços educacionais no semestre letivo de janeiro
a junho/2011, de acordo com seu planejamento pedagógico e educacional e em conformidade com o
disposto na legislação educacional. As aulas serão ministradas em salas de aula ou em locais que a ESCOLA
indicar, tendo em vista o conteúdo e a técnica pedagógica adequados, atendendo às diferentes
disponibilidades dos recursos da ESCOLA, sendo que as aulas práticas de matérias específicas poderão ser
ministradas em locais diversos, ao critério da ESCOLA.
§ 1º - Ao firmar o presente, o CONTRATANTE submete-se às regras contidas nos documentos normativos
da ESCOLA (Estatuto, Regimento, Projeto Pedagógico, Manual do Aluno, Calendário Escolar), bem como
a todas as obrigações decorrentes da legislação aplicável à área de ensino e, ainda, às emanadas de outras
fontes legais, desde que regulem supletivamente a matéria. Dessa forma, o CONTRATANTE assume total
responsabilidade pelos problemas advindos da inobservância das referidas normas.
§ 2º - O planejamento e a prestação dos serviços educacionais no que se refere a prazos e datas, fixação de
carga horária, designação de professores e planejamento e orientação didático-pedagógicos, além de outras
providências que as atividades acadêmicas e administrativas exigem, são de inteira responsabilidade da
ESCOLA e obedecerão ao seu exclusivo critério, sem interpelação do CONTRATANTE.
§ 3º - O ALUNO matriculado em curso que tenha compartilhamento de disciplinas poderá participar de
atividades presenciais em conjunto com alunos de outros cursos, podendo, em consequência, ser alocado em
salas de aula comuns com outros cursos.
§ 4º - As aulas teóricas e práticas, ao critério da ESCOLA, poderão ser concentradas de segunda a
quinta-feira, reservando-se, preferencialmente, a sexta-feira para atividades de autoaprendizagem, estudos
supervisionados, atividades de biblioteca, projetos de iniciação científica e extensão universitária, bem
como outras atividades complementares.
§ 5º - Os estágios da área da Saúde poderão ser realizados em turno diferente daquele em que são
ministradas as aulas.
§ 6º - Ao critério dos Conselhos Superiores da ESCOLA, a renovação da matrícula do aluno poderá ser
determinada para um campus e/ou turno diferente daquele frequentado no semestre anterior.
CLÁUSULA 2ª - Pelos serviços educacionais que serão prestados ao ALUNO no primeiro semestre de
2011, o CONTRATANTE pagará à ESCOLA o valor correspondente a 6 (seis) parcelas mensais, sendo
certo que a 1.ª parcela da semestralidade será paga por ocasião do requerimento de matrícula e as outras
cinco parcelas serão pagas mensalmente, a partir de fevereiro de 2011, sendo a última em junho de 2011.

Página 1 de 8

bem como as condições para quitação das mesmas. na falta destes. que não serão mantidos em caso de inadimplência e que poderão ser revistos ou mesmo cancelados no transcorrer do semestre letivo. O CONTRATANTE deverá imprimir. o índice que o governo adotar para corrigir seus créditos. por liberalidade e ao seu critério. mediante boleto. pois.º e 2.º períodos letivos e terão validade até o final do ano de ingresso do aluno. cobrável por via administrativa e/ou judicial. os descontos concedidos ao longo do semestre. fixado para cada uma das 6 (seis) parcelas da semestralidade. nos termos do Código Civil Brasileiro. como também discriminado em anexo a ele fornecido. até a última parcela do ano. o valor desse desconto poderá.Os valores da matrícula e das demais parcelas mensais. no mês de dezembro. a alunos ingressantes pelo Processo Seletivo 2011 – 1. as 5 (cinco) parcelas mensais que serão cobradas a partir de fevereiro passarão a ter um valor reduzido pagável em determinado dia. o que poderá ser feito gratuitamente em computadores colocados à disposição pela ESCOLA. doravante denominados descontos extras. ser diferente do que incide sobre as outras parcelas. § 3º . durante o prazo de validade deste contrato. considerado parte integrante deste contrato.º e 2.As parcelas mensais deverão ser quitadas por via bancária. § 1º . da redução do valor da semestralidade conforme acordo com a Mediadora (vide Cláusula 17) e da concessão. Página 2 de 8 . edição de 11/9/10. com a respectiva autenticação mecânica aposta pelo recebedor. haverá também necessidade de o CONTRATANTE estar quite com todas as obrigações anteriores.O CONTRATANTE. § 2º .Em caso de falta de pagamento de qualquer das parcelas da semestralidade. § 2º .§ 1º . por liberalidade da ESCOLA.Para a efetivação da matrícula. a partir de janeiro do ano subsequente ao ano de ingresso do ALUNO. constitui mera liberalidade da ESCOLA e poderá variar ou ser extinto a qualquer tempo.Fica o CONTRATANTE ciente de que os descontos extras poderão incidir de forma diferenciada no 1. além dos descontos já mencionados na cláusula anterior.ª parcela da semestralidade.O desconto referido no caput.A reprovação.Caso o CONTRATANTE venha antecipar o pagamento de parcela mensal. com vencimento na data especificada no item 3 do anexo. além de juro de 1% (um por cento) ao mês. ao critério da ESCOLA. poderá conceder outros descontos. CLÁUSULA 5ª .A comprovação do pagamento das parcelas far-se-á mediante a apresentação de boleto. deverá ser quitada a 1.º semestres.º dia útil bancário de cada mês.A determinação dos valores avençados neste instrumento foi precedida da divulgação de Edital/Notificação publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo. não estando os descontos concedidos em tais semestres vinculados entre si. por liberalidade. o CONTRATANTE ficará constituído em mora. CLÁUSULA 3ª . de desconto mínimo por campus e por curso. o boleto para pagamento da respectiva parcela mensal. também por liberalidade e ao seu critério. § 3º . a cada mês.Em caráter excepcional. ou seja. Com mais essa concessão. a constituir dívida líquida e certa.º Semestre. § 4º .Os descontos extras serão válidos apenas para pagamentos efetuados até o 5.Se extinto o IGP-M/FGV. para corrigir a expressão monetária das parcelas. a ESCOLA. concederá desconto a título de antecipação do pagamento. conceder mais descontos de caráter individual. a ESCOLA. § 5º . § 6º . § 5º . resultando no Valor Máximo Praticável – VMP – da mensalidade por campus e por curso na vigência deste contrato. CLÁUSULA 4ª . o INPC/IBGE ou o IPC/FIPE ou. adotar-se-á. a existência de disciplinas em regime de dependência ou adaptação e o trancamento de matrícula implicam a perda automática dos descontos extras. para sua renovação. não terá mais os descontos extras previstos nesta cláusula. Na matrícula.A ESCOLA poderá. para alguns cursos. § 4º . Esses descontos extras poderão ser concedidos para o 1. ou do comprovante de pagamento eletrônico. passando o valor não pago. personalizado. ou seja. denominado desconto-antecipação. constam de anexo individual que será fornecido ao CONTRATANTE e considerado parte integrante deste contrato. O valor devido será acrescido de multa de 2% (dois por cento) e de correção monetária de acordo com variação acumulada do IGP-M/FGV. § 1º . nos turnos da manhã e da tarde.

cabendo ao CONTRATANTE arcar com as despesas decorrentes. CLÁUSULA 6ª . estacionamento. não serão cobrados. alimentação. Para os alunos veteranos. o CONTRATANTE não estará eximido do pagamento pontual de todas as parcelas mensais contratadas. CLÁUSULA 7ª .Em caso de desistência (abandono ou cancelamento).A ESCOLA se reserva o direito de indeferir a matrícula inicial de alunos ingressantes pelo Processo Seletivo que tenham débitos com a ESCOLA em outro curso e/ou campus e/ou turno. ou e-mail. não comparecer aos atos escolares ou sofrer eventuais penas de suspensão previstas no Regimento da ESCOLA. quando solicitados. a ESCOLA poderá levar este contrato a protesto. § 1º . sendo os 20% retidos a título de custo administrativo. entre outros). § 3º .O prazo-limite para o trancamento de matrícula é de 80 (oitenta) dias após o dia do início das aulas. adaptação e/ou antecipação. em conformidade com as normas do Código Civil e do Código de Defesa do Consumidor. ainda.A ESCOLA poderá efetuar a comunicação das parcelas em atraso ao CONTRATANTE e/ou ALUNO via Internet. adaptação e/ou antecipação. ou por meio de telegrama.Em caso de atraso no pagamento de cada parcela por prazo superior a 30 (trinta) dias. § 2º . § 4º . material didático para o uso individual do ALUNO. Além disso. provas substitutivas. Página 3 de 8 . histórico escolar. bem como dependências. incluindo-se a expedição de histórico escolar. não haverá devolução de valores. segundas chamadas de provas ou exames e. planos de ensino. a ESCOLA devolverá ao CONTRATANTE 50% (cinquenta por cento) do valor já citado. a ESCOLA devolverá ao CONTRATANTE 80% (oitenta por cento) do valor da primeira parcela da semestralidade. § 2º . paga no ato do requerimento de matrícula. disponíveis no site da ESCOLA através da Secretaria On-line. fica ciente o CONTRATANTE de que a ocorrência poderá ser levada a registro em Cadastros de Consumidor. § 4º . expedição de documentos que forem solicitados à Secretaria.Não estão incluídos neste contrato serviços opcionais de uso facultativo para o ALUNO. se o ALUNO tiver dispensa(s) de disciplina(s) do semestre em que se encontra matriculado. para cada disciplina dispensada. se a desistência ocorrer até 30 dias antes do primeiro dia de aula do primeiro semestre. adaptações. através da Secretaria On-line.Se o ALUNO desistir do curso. previsto na secção VI. ou mensagem via celular.O ALUNO retido no último semestre letivo fará a renovação de matrícula para esse semestre. se ocorrer a menos de 30 dias antes do primeiro dia de aula do primeiro semestre.Para os alunos ingressantes. § 3º . entre outros. do capítulo V do Código de Defesa do Consumidor. trancamento ou transferência do ALUNO. o CONTRATANTE pagará o valor das parcelas acrescido do percentual de 10% (dez por cento) para cada dependência. em regime de adaptação/dependência e pagará o equivalente a 10% (dez por cento) das parcelas mensais do curso para cada disciplina cursada nesse regime. a ESCOLA poderá utilizar-se dos serviços de empresas especializadas para efetuar a cobrança por via administrativa. Os documentos emitidos on-line (atestado de matrícula. Para o trancamento de disciplina(s) em regime de dependência e/ou adaptação. A partir do primeiro dia de aula. serão devidas e deverão ser pagas as parcelas vencidas até a data do efetivo e formal desligamento. ou aerograma. serão prestados e cobrados pela ESCOLA em acréscimo ao valor da semestralidade. ao CONTRATANTE será concedido. Tais serviços. que estão renovando matrícula.ª parcela do semestre. como atividades e aulas extras (não constantes do currículo obrigatório). Nesse caso.A ESCOLA se reserva o direito de indeferir a renovação de matrículas de alunos com parcela(s) em atraso.A desistência e a consequente rescisão deste contrato somente terão eficácia se o CONTRATANTE a formalizar mediante requerimento protocolado na ESCOLA. com o consequente registro no Serviço Central de Proteção ao Crédito. incluindo este. desconto de 10% (dez por cento) das parcelas vincendas após a concessão da(s) dispensa(s). tendo em vista que o serviço educacional oferecido pela ESCOLA foi colocado à disposição do ALUNO. além de utilizar-se dos recursos judiciais de cobrança. que será considerada como sendo a data do protocolo do requerimento de desligamento junto à secretaria acadêmica. uniformes.§ 2º . § 5º .Se o ALUNO cursar disciplina(s) em regime de dependência. não haverá devolução de valores a qualquer tempo. a partir da 2. § 1º . sendo os 50% retidos a título de custo administrativo. esse prazo é de 30 (trinta) dias.

não queiram frequentar as aulas às sextas-feiras. curso. variar de acordo com o turno. § 1º .possuir capacidade jurídica para celebrar este contrato e utilizar os produtos e serviços dele constantes. objetos deste contrato.. tais como computador portátil. parte da carga horária total do curso. § 2º . ao critério da ESCOLA. por convicção religiosa. aos sábados ou em qualquer outro horário considerado letivo normal. eventualmente. II . para cada turno. § 2º . bem como se responsabilizam pela atualização dos documentos e endereços para correspondência escolar e cobrança bancária. Declara. CLÁUSULA 12 . CLÁUSULA 11 . esta matrícula reverterá automaticamente para período anterior de mesma paridade. reprovação(ões) de disciplina(s) relativa(s) a período(s) letivo(s) anterior(es). deverá cursar também todas as disciplinas dos períodos anteriores. ou optar por outro curso com vagas disponíveis.As disciplinas em regime de dependência. § 3º . § 3º . agenda eletrônica etc.ser financeiramente responsáveis pela utilização dos produtos e serviços.º desta cláusula para outro curso e/ou campus e/ou turno. após a divulgação dos resultados. poderá efetuar redistribuição das turmas que. CLÁUSULA 9ª . § 1º . expressamente.A ESCOLA se reserva o direito de não formar turma inicial (de ingressantes) de um curso em determinado campus e/ou turno caso o número de matriculados seja inferior a 80% (oitenta por cento) do número de vagas oferecidas para o curso. campus ou unidade. e ter condições financeiras de arcar com os pagamentos. tendo o ALUNO. o aluno pagará o valor correspondente à média aritmética entre a mensalidade do curso de origem e a do curso de destino. curso.É do ALUNO a inteira responsabilidade pelos equipamentos trazidos para a ESCOLA.CLÁUSULA 8ª .O Requerimento de Matrícula só poderá ser deferido pela Reitoria após a compensação do(s) cheque(s) correspondente(s) à primeira parcela da semestralidade e a manifestação da Tesouraria de que o CONTRATANTE está quite com suas obrigações financeiras decorrentes de parcelas anteriores. não devolvidos. § 4º . pelos quais assumem inteira e exclusiva responsabilidade.O ALUNO declara estar ciente de que.Essa modalidade poderá ser utilizada para se ministrar total ou parcialmente a carga horária de cada disciplina. ao critério exclusivo da ESCOLA. estar cientes de que. nas quais ainda não obteve aprovação. exceto em casos previstos.A ESCOLA não está obrigada a dispensar alunos que. caso não tenha conseguido o mínimo de aprovações em disciplinas exigidas pelo Regimento da ESCOLA para sua promoção para o período requerido. ao critério da ESCOLA. estar ciente de que. ao seu critério.A carga horária total de cada disciplina será cumprida por atividades presenciais e/ou a distância. o ALUNO poderá ser transferido para o mesmo curso em outro campus e/ou turno. Parágrafo único . comprovadamente. podendo a ponderação entre elas. Parágrafo único . matriculando-se num período. ou que tenham sido extraviados ou danificados. ser ministradas pela modalidade de ensino a distância.A ESCOLA.º 4. III . Nesse caso. não é possível a promoção para o penúltimo e último período letivo. custos e despesas dele decorrentes. ou o valor menor dessas mensalidades. turno e campus.A ESCOLA poderá cobrar do CONTRATANTE o valor correspondente aos danos ou prejuízos causados pelo ALUNO nas instalações e/ou nos equipamentos. bem como livros retirados da Biblioteca e. sofrerem redução do número total de matrículas ou transferir o ALUNO de um campus ou de um turno para outro. declaram e garantem. também. também. após as 18 horas. poderá ser ministrada pela modalidade de ensino a distância. celular.Ao critério da ESCOLA.O CONTRATANTE e o ALUNO declaram. para todos os fins de direito: I . será estabelecido pela ESCOLA. ou ainda solicitar a devolução das quantias pagas.No caso da transferência prevista no § 1.a veracidade das informações aqui prestadas e dos documentos entregues à ESCOLA. até o limite de 20% permitido pela legislação vigente (Portaria MEC n. ficando a ESCOLA isenta de qualquer responsabilidade em caso de extravio de tais equipamentos. CLÁUSULA 10 .O CONTRATANTE e o ALUNO. campus ou unidade. devendo ele cumprir o currículo vigente do período letivo em que for matriculado. adaptação e/ou antecipação poderão. Página 4 de 8 . § 4º . ao critério da ESCOLA.O número de aulas e atividades presenciais de cada disciplina que serão substituídas pela modalidade de ensino a distância. de 10/12/04) ou até outro limite que venha a ser autorizado.059. Razões de natureza administrativa ou pedagógica poderão acarretar o indeferimento.

e 209 da Constituição Federal. o Código Civil Brasileiro e o Código de Defesa do Consumidor.Mesmo que não seja o responsável pelos encargos. a semestralidade a ser paga pelo CONTRATANTE à ESCOLA será reduzida. CLÁUSULA 14 . de 07/05/09. com a aceitação eletrônica pelo CONTRATANTE e pelo ALUNO. aos bons costumes ou à ordem pública. em ambientes de uso coletivo. CLÁUSULA 18 .º 54. CLÁUSULA 15 .º 9.O presente instrumento de contrato. educacionais. a matrícula e este contrato devem ser renovados a cada seis meses. gravadas durante o processo pedagógico.A ESCOLA poderá transferir parte dos serviços. § 2º .reconhecer que o presente contrato se formaliza.ter conhecimento prévio das cláusulas deste contrato e dos encargos educacionais.IV . para tanto. na hipótese de afronta a esse dispositivo legal.Em nenhuma hipótese. Parágrafo único . o montante da redução será pago diretamente às instituições que vierem a prestar o serviço. jornais e todos os demais veículos de comunicação. livre de quaisquer ônus para com o CONTRATANTE. CLÁUSULA 20 . os valores já pagos serão devolvidos ao CONTRATANTE. no que for aplicável. Parágrafo único . CLÁUSULA 16 . Se ocorrer o indeferimento. CONTRATANTE e ESCOLA. Nessa hipótese. Estado de São Paulo.O CONTRATANTE e o ALUNO estão cientes de que o período letivo é semestral e que. objetos deste contrato.Fica eleito o Foro da Comarca da cidade de São Paulo. Parágrafo único . inclusive no que diz respeito à rescisão contratual por inadimplência.641. o valor a ser pago pelo CONTRATANTE poderá superar o valor total da semestralidade acordado com a Mediadora. e entrará em vigor com o simples deferimento da matrícula pela Reitoria da ESCOLA. o ALUNO o assina solidariamente com o CONTRATANTE. na página em que este contrato estiver disponível. e aceitá-los livremente. assinado neste ato pelo CONTRATANTE. tem por base os artigos 206. de modo a manter o equilíbrio econômico-financeiro da ESCOLA.870/99. vinculando as partes. os valores das parcelas da semestralidade poderão ser revistos. a qual proíbe o consumo de produtos fumíferos.Havendo comprovado aumento de custos da ESCOLA por força de alterações de ordem legal. desde que a legislação vigente assim o permita. reproduzi-la ou divulgá-la por meio de Internet. podendo. regulamentada pelo Decreto n. por meio de negociação com a Mediadora. Em nenhuma hipótese. facultando-se ainda a sua cessão a empresas associadas ou coligadas.A ESCOLA poderá rescindir o presente contrato a qualquer tempo caso o cancelamento da matrícula do ALUNO ou o seu desligamento seja determinado em conformidade com o Regimento da ESCOLA e com a Lei n . por ser menor ou por não ter condições financeiras de arcar com os pagamentos. ocasião em que se tomará ciência expressa da nova tabela de valores das parcelas mensais e de descontos para o(s) semestre(s) subsequente(s). total ou parcialmente fechados. públicos ou privados. o ALUNO deverá respeitar a Lei Estadual n.A ESCOLA. prorrogável por igual período.Ao firmar o presente contrato. A proposta de conciliação deverá ser apresentada no prazo de 10 (dez) dias. sujeitando-se. sem qualquer limitação. derivados ou não do tabaco. CLÁUSULA 13 . que se considera contratado pelo CONTRATANTE diretamente com aquelas instituições. II e III. assistenciais ou desportivas com que venha a manter convênio. no entanto. ao critério da Mediadora. culturais.311. declaram que aceitam o acordo com a APAESP (Associação de Pais e Alunos do Estado de São Paulo) e a elegem como Mediadora caso venha a surgir alguma pendência. às sanções disciplinares emanadas do Regimento Geral ou de outras normas da ESCOLA. constituindo-se a celebração deste contrato na manifestação expressa de acordo e homologação das normas e dos valores fixados. para conhecer as questões oriundas da execução do presente contrato. de 07/05/09. Página 5 de 8 . CLÁUSULA 17 . por isso. fixados conforme determina a legislação. poderá utilizar-se de imagens do ALUNO. para fins exclusivos de divulgação da ESCOLA e de suas atividades. V . custos e despesas decorrentes deste contrato. nos mesmos moldes em que lhe foram cedidos.As partes. § 1º . a instituições com finalidades científicas. o que se dá mediante o clique no campo “DE ACORDO COM O CONTRATO”.º 13.O descumprimento das condições do presente contrato por qualquer das partes desobriga a outra de sua observância.Os direitos ora cedidos poderão ser exercidos diretamente pela ESCOLA ou por seus licenciados. poderá a imagem ser utilizada de maneira contrária à moral. CLÁUSULA 19 .

P.: R.011 CONTRATANTES Assinatura do Responsável pelos pagamentos Assinatura do ALUNO TESTEMUNHAS ESCOLA Assinatura da 1ª testemunha Assinatura do representante da mantenedora Nome: Nome: R.: R.: (0) 37810988 / (0) 0 São Paulo.G.G. Contratante (responsável pelos pagamentos): EMILIANA IRIS DOS SANTOS Nacionalidade: BRASILEIRA R.438-73 Estado Civil: SOLTEIRO Profissão: ESTUDANTE Endereço: RUA TRAJANO REIS BL 4 AP 135 Cidade: SAO PAULO Estado: SP CEP: 05541-030 Tels. 24 DE JANEIRO DE 2.: 321666768 C.G.F.: Assinatura da 2ª testemunha Assinatura do representante da Reitoria Nome: Nome: R.: 289.830.G.: Deferido em _____/_____/____ Página 6 de 8 .G.

correção monetária com base na variação do IGP-M/FGV e juro mensal de 1%. Tel. SÃO PAULO .º dia do mês.A partir do 5.º dia útil bancário e o dia 30 do mês.º dia útil bancário do mês. mantenedora da Universidade Paulista .00. a cada dia.º dia útil bancário do mês passa a ser R$ 379. nº 321666768.CAMPUS PARAÍSO/VERGUEIRO ANEXO DE 24/1/2011 EMILIANA IRIS DOS SANTOS.Caso o pagamento da parcela mensal seja efetivado entre o 5. desde que seja efetivado no primeiro dia útil bancário subseqüente. doravante denominada ESCOLA.Se o 5. porém está sendo concedido desconto personalizado para a primeira mensalidade( a matrícula inicial). CNPJ nº 06. § 4º . nº 289. em conformidade com as cláusulas do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais. Item 1 .Este documento apresenta os encargos educacionais do CONTRATANTE.17 § 3º . PAULISTA. com os respectivos valores e descontos concedidos. § 5º .1º ANDAR .099.V5 DD = ---------------- 25 na qual DD é o valor do desconto diário. 37810988.SP. continuará sendo concedido ao aluno o desconto-antecipação. domingo ou feriado. R. Item 2 . campus PARAÍSO/VERGUEIRO. diminuindo gradativamente do 5. VMP é o Valor Máximo Praticável .JD DAS VERTENTE. cidade de SAO PAULO . Página 7 de 8 .da mensalidade e V5 é o valor da parcela mensal para pagamento até o 5.P.O pagamento efetivado após o dia 30 será acrescido de multa de 2%.ANEXO DE VALORES E DESCONTOS . também está sendo concedido desconto personalizado.VMP .G. R. o pagamento poderá ser feito pelo mesmo valor do 5. CEP 05541-030.º dia do mês (quando é máximo) até o dia 30 (quando é nulo). de forma que o valor para sua quitação passa a ser de R$ 120. 900 . a diminuição do desconto-antecipação (desconto diário) será calculada pela seguinte fórmula: VMP . curso ENFERMAGEM. § 6º .Para o valor das parcelas mensais.A.830. de forma que o valor para sua quitação até o 5.UNIP. § 2º . C.ASSUPERO.º dia do mês ocorrer num sábado.VMP .F. residente na RUA TRAJANO REIS BL 4 AP 135 .89. mas que passará a incidir de modo decrescente.438-73. nascido em 30/10/81.Matrícula .Este anexo é parte integrante do Contrato de Prestação de Serviços Educacionais firmado entre o CONTRATANTE responsável pelo ALUNO acima identificado e a ASSOCIACAO UNIFICADA PAULISTA DE ENSINO RENOVADO OBJETIVO . § 1º .º dia. com sede na AV.SAO PAULO . nº A80DGG-0.SP.O valor máximo praticável .da mensalidade é R$ 953.229/0001-01. turno TARDE.

P. 24 DE JANEIRO DE 2.G.Item 3 .: 37810988 São Paulo. mediante boleto.G.As parcelas mensais deverão ser quitadas por via bancária.F. a partir do qual o CONTRATANTE já estará constituído em mora.: R. Poderá o CONTRATANTE.011 CONTRATANTE Assinatura do Responsável pelos pagamentos Assinatura do ALUNO ESCOLA Assinatura do Diretor da ESCOLA Assinatura do representante da mantenedora Nome: Nome: R.: Página 8 de 8 .G.: 05541-030 Tels. Entretanto. escolher a melhor data para pagamento da respectiva parcela da semestralidade em função do valor do desconto que a ESCOLA poderá conceder em razão da data de efetivação do pagamento.830. dentro de cada mês. o prazo máximo para o pagamento de cada parcela dar-se-á no dia 30 do mês correspondente.: 289. Contratante (responsável pelos pagamentos): EMILIANA IRIS DOS SANTOS Nacionalidade: BRASILEIRA R.438-73 Estado Civil: SOLTEIRO Profissão: ESTUDANTE Endereço: RUA TRAJANO REIS BL 4 AP 135 Cidade: SAO PAULO Estado: SP CEP.: 321666768 C.