You are on page 1of 3

A vigilância ambiental em saúde é um saúde.

Os riscos ambientais
conjunto de ações que proporciona desconhecem fronteiras políticas e
conhecimento e detecta qualquer econômicas.
alteração no meio ambiente que venha a Nas grandes cidades o índice de
interferir na saúde humana, trabalha em poluição do ar, exige políticas
conjunto com diversos setores públicos intersetoriais ou no âmbito internacional
e privados na busca de prevenir e o novo campo da vigilância ambiental
controlar os fatores riscos ambientais, em saúde deve ser constituído de
para seu desenvolvimento utiliza conceitos e práticas de caráter
instrumentos e métodos de vigilância e interdisciplinar e intersetorial.
controle. A avaliação é o principal Após Conferência das Nações Unidas
instrumento de analise, durante o sobre Meio Ambiente e
interesse de gerenciar esses riscos Desenvolvimento em1992(Rio-92), que
buscando programar ações de controle e tinha como conceito desenvolver
prevenção adequados para diminuir os estratégias que visavam o
problemas, entre o meio ambiente e desenvolvimento sustentável entre três
saúde da população, e seu impacto no setores: industrial, meio ambiente e
setor público, analisando humanidade e levantaram questões
custo/beneficio de suas intervenções. sobre: saúde, vulnerabilidade, meio
Para garantir a eficiência das ações deve ambiente e aquecimento global.
construir indicadores de fatores de A partir de1998, a Opas incentiva a
riscos para tomada de decisões, onde implantação, de estratégias da Atenção
ferramentas são utilizadas para facilitar Primária Ambiental tendo como base
interpretações dos dados relacionados estruturação voltada a saúde ambiental,
ao meio ambiente e saúde, a ferramenta utilizando conceitos de
fundamental é o georeferenciamento desenvolvimento sustentáveis,
que busca mapear lugares (bairro, envolvendo o espaço ambiental e
município, localidade), facilitando a cidades saudáveis, essas execução de
construção de mapas de risco, projetos em vigilância ambiental em
identificar as regiões das manifestações, saúde tem colaborado a incorporar uma
auxiliar a tomada de decisões, visão mais ampla de fatores de risco
acompanhado de tecnologias que ajuda ambientais , decorrentes da atividade
a melhorar a qualidade dos recursos humana no meio ambiente que devem
utilizados no meio ambiental e saúde. ser monitorados e controlados, visando
A relação entre saúde e meio ambiente, amenizar o impacto destas mudanças na
sempre estiveram interligadas na saúde saúde humana.
pública, com o passar do tempo A vigilância ambiental em saúde tem
diferentes conceitos foram criados caráter integrador inter e intra-setorial,
influenciados por modelos das várias sendo impossível realizar suas
formas de vigilâncias. atividades sem uma avaliação e ação
O precursor em vigilância ambiental conjunta com outros setores. Os
desenvolveu seu conhecimento através levantamentos de dados e analises,
de fatores ambientais e biológicos, nos fornecerão subsídios para planejar,
dias atuais fatores químicos e físicos controlar e programas ações preventivas
contaminam o meio ambiente. A Funasa contra contaminações. Em Conjunto
desenvolve ações de controle e com outros setores, visando, controle e
prevenção, não somente no âmbito de eliminação do risco.
saneamento básico, mas no destino
adequado do lixo e melhorias diversas
inclusive habitação e educação em
Questionário:

1. Cite a finalidade da Vigilância Ambiental em Saúde.


R: Finalidade da Vigilância Ambiental em Saúde: identificar as medidas de
prevenção e controle dos fatores de risco ambientais relacionados às doenças ou
agravos à saúde.

2. Conceitue Vigilância Ambiental em Saúde.


R: Vigilância Ambiental em Saúde é o conjunto de ações e serviços que
proporcionam conhecimento e a detecção de fatores de risco ambiental e atividades
produtivas que interfiram na saúde humana.

3. A Vigilância Ambiental em Saúde utiliza instrumentos e métodos de vigilância


para seu desenvolvimento como a Epidemiologia Ambiental. Cite e conceitue os
dois métodos utilizados pela Epidemiologia Ambiental. E quais são suas
informações utilizadas?
R: Epidemiologia Descritiva: utiliza métodos científicos para estudar a distribuição
dos riscos e efeitos adversos à saúde da população.
- Epidemiologia analítica: estuda a relação entre a exposição a um determinado fator
e algum efeito adverso à saúde.
A Epidemiologia Ambiental utiliza informações relacionadas ao fator de risco
existente, características especiais do ambiente que interferem no padrão de saúde
da população, efeitos adversos à saúde decorrentes à exposição de fatores de risco
ambientais.

4. Conceitue gerenciamento de risco:


R Gerenciamento de risco consiste na seleção, execução de estratégias apropriadas
para a promoção e controle de riscos, envolve a regulamentação, utilização de
tecnologia de controle e busca remediar os danos ambientais analisa custo/beneficio
e impactos nas políticas públicas.

5. Para entender o conjunto de ações de promoção e prevenção, indicadores de


saúde ambiental devem ser criados. Como esses serão utilizados e quais suas
ferramentas.
R: Os indicadores de saúde ambiental serão utilizados para tomada de decisão, por
intermédio de ferramentas como :estatística, epidemiologia e a utilização deste nos
sistemas de informação geográfica.

6. Cite as estratégias desenvolvidas para controlar e prevenir doenças.


R: Vacinação, controle de vetores, monitorar a qualidade de alimentos e da água
para consumo humano, quarentena de regiões ou pessoas contaminadas e práticas
educativas em saúde.

7. A Vigilância ambiental em saúde utiliza uma ferramenta fundamental. Que


ferramenta é essa e como ela é usada?
R: A ferramenta fundamental e o georeferenciamento de dados, ela é usada para
referenciar registros tabulares a um lugar da superfície da terra ou unidade
territorial, possibilitando elaborações de mapas de risco e facilitar a tomada de
decisão nas diversas instâncias.

8. Como a Vigilância ambiental em saúde deve ser estruturada.


R: Deve ser estruturada compatívelmente com os sistemas de informação da
vigilância epidemiológica e dos grandes bancos de dados de saúde existentes no
pais, podendo assim assegurar que não haja duplicação de ações e que apartir do
cruzamento das informações possibilite a construção e identificação de indicadores
de saúde ambiental.

9. A vigilância ambiental dos fatores não biológicos foi desmembrada em cinco


áreas de agregação. Quais são essas áreas.
R: Contaminantes ambientais, qualidade da água para consumo humano, qualidade
do ar,solo incluindo os resíduos tóxicos e perigosos e desastres naturais e acidentes
com produtos perigosos.

10. Quais conceitos foram levantados após a Conferência das Nações Unidas sobre
Meio Ambiente em 1992.
R: Conceito desenvolver estratégias que visavam o desenvolvimento sustentável entre
três setores: industrial, meio ambiente e humanidade e levantaram questões sobre:
saúde, vulnerabilidade, meio ambiente e aquecimento global a busca de um equilíbrio
entre ambos.