Sie sind auf Seite 1von 40

Herbáceas e arbustos >1,5m<3,0m

ARBUSTO

ARBUSTO
Acalypha wilkesiana macafeana Malpighia glabra
Acalifa, Crista-de-peru, Rabo-de-macaco Acerola, Cerejeira-das-antilhas
Família: Euphorbiaceae Família: Malpighiaceae

3m 4m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Cerca-vivas Usos: Maciço


Diâmetro médio: 0,7m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 2,5m Espaçamento mínimo 2,5m
Observações: Observações:
- propaga-se por estaquia da ponta de ramos - propaga-se por estaquia da ponta de ramos
- pragas comuns: pulgões - podar apenas os ramos secos, doentes ou mal formados
- precisa de poda para incentivar o surgimento de novos - época de floração: verão
ramos - fruto comestível
- época de floração: quase o ano inteiro - cultivo habitual: em jardins
- cultivo habitual: em jardins - folhagem verde e decorativa.
- folhagem sempre verde e decorativa.

Referências: 1001 plantas (H. Lorenzi) Referências: 1001 plantas


HERBÁCEA

ÁRVORE
Agave americana Schinus terebinthifolius
Agave bola Aroeira, Aroeira-vermelha, Aroeira-da-praia
Família: Agavaceae Família: Anacardiaceae

1m 8m

PERENE PERENE

EXOT NAT

Usos: Maciço Usos: Exemplar isolado


Diâmetro médio: 1,00m Espaçamento mínimo 0,8m Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- propaga-se por filhotes - propaga-se por estaquia de galho
- podar apenas os ramos secos, doentes ou mal formados - poda somente de condução nos primeiros meses de
- época de floração: primavera e verão plantio
- para florescer pode demorar até 30 anos. A - época de floração: verão
inflorescência chega a alcançar 10 metros de altura - formato da folha: pinada, dividida em muitos folíolos
- cultivo habitual: em jardins - cultivo habitual: em jardins
- clima apropriado: quente e seco - clima apropriado: ameno
- folhas em formato agulha indo até 2 metros. - a infusão da casca da aroeira é usada no curtimento de
couros e fortalecimento de redes de pesca.

Referências: 1001 plantas; Lorenzi – Plantas Ornamentais Referências: 1001 plantas


ARBUSTO

ARBUSTO
Vernonia condensata Polyscias balfouriana
Alumã, Boldo chinês Arália redonda
Família: Asteraceae Família: Araliaceae

5m 7,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Maciço Usos: Jarros, jardineiras, paisagismo de interiores


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: 0,6m Espaçamento mínimo 0,4m
Observações: Observações:
- arbusto alto, muito ramificado - planta aromática de folhagem fibrosa
- folhas alternas, alongadas ou lanceoladas - as hastes são verdes com pontos cinzentos
- flores esbranquiçadas, reunidas em capítulos terminais, - raramente há flores
apresentando crescimento rápido - época de floração: primavera
- valor medicinal (folha) - forma da planta: arredondada
- propriedades terapêuticas: analgésicas, antibacterianas, - sustentar com boa umidade
antifúngicas.

Referências: http://www.alpha46.com.br/ANIMAIS/boldo.htm Referências: http://aggie-horticulture.tamu.edu/


(Sítio eletrônico - SE) interiorscape/Polyscias_balfouriana.html (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Aphelandra sinclairiana Jasminum sambac
Afelandra coral Bogari
Família: Acanthaceae Família: Oleaceae

2,5m 3,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Exemplar isolado Usos: Maciço


Diâmetro médio: 1,5m Espaçamento mínimo 0,6m Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- arbusto semi-herbáceo, ereto - arbusto semi-herbáceo, de ramos longos
- folhas sulcadas, verdes, brilhantes, grandes e - folhas de textura firme, quase lisas
ornamentais - inflorescências curtas com flores brancas muito
- inflorescências densas, com brácteas coral-alaranjadas perfumadas que com a idade passam a um tom arroxeado
e flores róseas, formadas a partir do inverno - ocorrem variedades de flores simples, semi-dobradas e
- suas flores são muito procuradas por beija-flores dobradas
- multiplica-se por estacas - floresce várias vezes no ano, principalmente na
- não tolera temperaturas muito baixas. primavera e verão
-tendo suporte, é conduzido como trepadeira
- multiplica-se por estacas

Lorenzi, H. – Plantas Ornamentais Lorenzi , H. – Plantas Ornamentais


HERBÁCEA

ARBUSTO
Canna indica Hibiscus schizopetalus
Bananeira-de-jardim, Biri Candelabro, Lanterna Japonesa
Família: Cannaceae Família: Malvaceae

1,2m 3m

PERENE PERENE

NAT EXOT

Usos: Jardins, as sementes são usadas no artesanato Usos: Jardins, ornamental


Diâmetro médio: 0,25m Espaçamento mínimo 0,15m Diâmetro médio: 1,5m Espaçamento mínimo 0,7m
Observações: Observações:
- retirar flores tão logo murchem, para evitar formação - flores isoladas
de sementes que diminuem o florescimento; - propaga-se pela estaquia da ponta de ramos
- propaga-se divisão de touceiras - sua poda incentiva o surgimento de novos ramos
- exige poucos cuidados - propaga-se por sementes
- atrai beija-flores - exige muito pouco cuidado
- flores agrupadas em hastes florais - praga comum é a mosca branca.

CD-ROM 1001 Plantas CD-ROM 1001 Plantas


HERBÁCEA

HERBÁCEA
Euphorbia trigona Cyperus auriculatus
Eufórbia, Cactus castelinho / candelabro Capim-junco
Família: Euphorbiaceae Família: Cyperaceae

3m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardins rochosos Usos: Jardins, cobertura


Diâmetro médio: 1,00m Espaçamento mínimo 1,00m Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Uso recomendado de exemplar isolado - solo ideal é argiloso
- folhas caducas - propaga-se divisão de touceiras
- resiste bem aos ventos - exige muito pouco cuidado
- exige poucos cuidados - faz belas composições na beira de tanques e lagos
- praga comum é a mosca branca

CD-ROM 1001 Plantas CD-ROM 1001 Plantas


TREPADEIRA

ARBUSTO
Philodendron scandens Thevetia peruviana
Bananeira-de-jardim, Biri, filodendro Chapéu-de-napoleão
Família: Cannaceae Família: Apocynaceae

3m 3m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardins, em vasos Usos: Jardins


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- propaga-se com estaquia de folhas - flores isoladas
- planta-se em vasos com pau de xaxim no meio - propaga-se pela estaquia de galhos
- sofre quando sujeita à baixa umidade do ar - sua poda incentiva o surgimento de novos ramos
- exemplar isolado - propaga-se por sementes
- exige muito pouco cuidado

CD-ROM 1001 Plantas CD-ROM 1001 Plantas


ARBUSTO

ARBUSTO
Schefflera arboricola Buxus sempervirens
Cheflera Buxinho
Família: Araliaceae Família: Buxaceae

5m 5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardins, vasos Usos: Jardins, cercas-vivas, Bonsai


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- propaga-se estaquia de galhos - crescimento lento
- exige poucos cuidados - propaga-se pela estaquia de ramos
- atrai pássaros - exige muito pouco cuidado
- flores agrupadas em hastes florais - própria para trabalhos de topiária

CD-ROM 1001 Plantas CD-ROM 1001 Plantas


ARBUSTO

ARBUSTO
Schefflera arboricola‘Variegata’ Clerodendron speciosissimum
Cheflera-variegada Clerodendro
Família: Euphorbiaceae Família: Verbenaceae

5m 2m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Em ambientes internos Usos: Formação de canteiros em grupos


Diâmetro médio: 0,90m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 0,80m Espaçamento mínimo 0,5m
Observações: Observações:

-Inflorescências nas cores branco-creme na primavera- - Crescimento rápido


verão; -Sua multiplicação se dá a partir de mudas que surgem
-Frutos alaranjados em ramos que atraem pássaros; junto a planta;
- rápido crescimento; -Não tolera os rigores do inverno, como as geadas por
-Arbusto semi-lenhoso para formação de renques ou exemplo;
planta isolada; -Em grupo, possui apelo visual maior.
-Propaga-se por estacas e por sementes.
-Posta à meia sombra para preservar a variegação

Referências: www.casaecia.arq.br (SE) Referências: www.casaecia.arq.br (SE)


Foto: Marianina Galante
ARBUSTO

ARBUSTO
Cycas circinalis Lippia alba
Cica, Palmeira Samambaia Erva Cidreira, Cidreira Brava
Família: Cycadaceae Família: Verbenaceae

3m 8m

PERENE PERENE

EXOT NAT

Usos: exemplar isolado ou em grupos Usos: Jarros, cerca-vivas, jardineiras


Diâmetro médio: 0,70m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 0,50m Espaçamento mínimo 1m
Observações: Observações:
- crescimento lento
- Crescimento muito lento; -planta medicinal nativa da América do Sul muito
-Possui folhas macias e suavemente curvadas nas utilizada pela sua propriedade calmante
extremidades;
-Possui uma vida muito longa;
-Propagação principalmente por filhotes que surgem
junto à planta mãe.

Referências: www.casaecia.arq.br (SE) Referências: Lorenzi, H. (1999)


Foto: L. Pauwels
ARBUSTO

ARBUSTO
Alpinia speciosa Dieffenbachia picta
Colônia, Flor-do-paraíso, Cana-do-mato Comigo-ninguém-pode branco, Aninga-do-Pará
Família: Zingiberaceae Família: Aracae

2,5m 8m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: cerca-vivas, exemplar isolado, arvoreta Usos: Jarros, vasos em ambientes internos
Diâmetro médio: 0,90m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 3,00m Espaçamento mínimo 1m
Observações: Observações:
- Planta medicinal; - crescimento lento
- raízes do tipo “cabeleira”
- fácil transplante
- propaga-se por sementes
- é cultivada tanto em sombra como em sol pleno.

Referências: Lorenzi, H. (1995: 708) Referências: Lorenzi, H. (1995: 155)


HERBÁCEA

HERBÁCEA
Equisetum giganteum Pennisetum purpureum
Cavalinha gigante Capim elefante
Família: Equisetaceae Família:

2m 2m

PERENE PERENE

NAT NAT

Usos: Jardins, ornamental Usos: Jardins, ornamental


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- nativa em brejo - nativa em brejo
- seu cultivo é indicado em lugares úmidos - seu cultivo é indicado em lugares úmidos
- multiplica-se por divisão de touceira, e qual quer - multiplica-se por divisão de touceira, e qual quer
época do ano. época do ano.

Referências: Lorenzi, H. (1995: 27) Referências: Lorenzi, H.

U
ARBUSTO

ARBUSTO
Cordyline terminalis Polyscias crispatum
Cordiline, coqueiro-de-vênus Cróton Benjamin
Família: Liliaceae Família:

2m 3.5m

PERENE

EXOT EXOT

Usos: Vasos ou jardins de interior Usos: Jardins, cercas-vivas


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- crescimento; - - as raízes se desenvolvem após 3 a 4 semanas após o
- propaga-se através da estaquia dos galhos. cultivo.
-necessita de poda para incentivar o crescimento e novos - propaga-se através de podas.
ramos. -flores pequenas e insignificantes e raramente floresce
- folhagem sempre verdes e particularmente decorativas. fora dos trópicos.

Perez, Selma Ilka Bezerra, 1001 plantas-Revista Amantes da Referências: www.plantoftheweek.org/week163.shtml, 20:00h,
Natureza, Ed. Europa. 10/05/07. (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Polyscias guilfoylei ‘Victoriae’ Polyscias scutellaria
Cróton Coentro Cróton Concha
Família: Araliaceae Família: Araliaceae

1,5m 5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Vasos, conjuntos de meia sombra ou renques. Usos: Jardins, cercas-vivas


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- multiplica-se por estacas. - folhagem sempre verdes e particularmente decorativas.
-boa para fazer bonsai. -boa para bonsai.
- folhagem sempre verdes e particularmente decorativas.

Referências: Lorenzi, Harri e de Souza, Hermes M., Plantas Referências: Http://toptropicals.com/pics/garden - 10/05/07,
ornamentais no Brasil. Http://toptropicals.com/pics/garden - 19:35h . (SE)
10/05/07, 19:30h. (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Polyscias fruticosa Polyscias paniculata
Cróton da Felicidade Cróton Meloso
Família: araliaceae Família: araliaceae

2.5m 5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Vasos grandes em interiores Usos: Jardins, cercas-vivas


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- propaga-se através da estaquia da ponta de ramos. - folhagem sempre verdes e particularmente decorativas.
- folhagem sempre verdes e particularmente decorativas. -boa para bonsai.
-exige proteção contra ventos fortes.
-nas condições de cultivo fora da região de origem não
floresce.

Referências: Perez, Selma Ilka Bezerra, 1001 plantas-Revista Referências: http//rarevariegatedplants.com/Newadditions.


Amantes da Natureza, Ed. Europa.. html - 10/05/2007, 20:20h. (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Codiaeum variegatum Brugmansia suaveolens
Cróton Variegado Dama da Noite
Família: Euphorbiaceae Família: Solanaceae

2m 4,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardins externos, exemplar isolado Usos: Jardins externos


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- crescimento; - crescimento;
- propaga-se através da alporquia. - propaga-se através de sementes.
- folhagem colorida e de formas variadas. - folhagem sempre verdes e particularmente decorativas.
- Resiste bem aos ventos. -exala perfumes fortes, nos dias de chuva.
-regas freqüentes nos primeiros meses após o plantio.
-necessita de poda para incentivar o surgimento de novos
ramos.

Referências: Perez, Selma Ilka Bezerra, 1001 plantas-Revista Referências: Perez, Selma Ilka Bezerra, 1001 plantas-Revista
Amantes da Natureza, Ed. Europa.. Amantes da Natureza, Ed. Europa.
Foto: P. Latham
ARBUSTO

ARBUSTO
Pedilanthus tithymaloides Dracaena deremensis
Dois Amores Dracena Branca
Família: Euphorbiaceae Família: Liliacae

1m 2m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardins, plantio em grupo Usos: Em vasos ou fileiras ao longo dos muros.
Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- crescimento; - Longas folhas
- propaga-se através da estaquia das pontas dos ramos. -Propagam-se através de estacas.
- folhagem sempre verdes e particularmente decorativas.
-sol pleno em locais frios, meia sombras em locais
quentes.
-necessita de poda para incentivar o surgimento de novos
ramos.

Referências: Perez, Selma Ilka Bezerra, 1001 plantas-Revista Referências: Lorenzi, Harri e de Souza, Hermes M., Plantas
Amantes da Natureza, Ed. Europa.. ornamentais no Brasil.
Http//www.plantoftheweek.org/week163.html, 10/05/07,
20:00h. (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Dracaena marginata Dracaena godseffiana
Dracena Coqueirinho, Dracena-de-madagascar Dracena Ouro, Dracena Cofeti
Família: Liliaceae Família: Liliaceae

4m 1,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jarros, jardineiras Usos: Vasos ou grupo de canteiros


Diâmetro médio: 0,5m Espaçamento mínimo 0,3m Diâmetro médio: 0,5m Espaçamento mínimo 0,3m
Observações: Observações:
- suas folhas são longas, lineares, com cerca de 20 a 90cm - inflorescência curta
de comprimento - folhas coberta com manchas e pontilhadas de creme
- crescimento da planta é de lento a moderado - reproduz-se por estacas
- tipicamente tropical, não tolera o frio ou ventos fortes - não tolera baixas temperaturas
- multiplica-se facilmente por estaquia

Referências: www.jardineiro.net (SE) Referências: www.jardineiro.net (SE)


Lorenzi, H. (1995: 452) Lorenzi, H. (1995:450)
ARBUSTO

ARBUSTO
Dracaena fragrans Dracaena marginata ‘Tricolor’
Dracena Verde Amarela, coqueiro-de-vênus Dracena Tricolor
Família: Liliaceae Família: Liliaceae

6m 2,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: cerca-vivas, exemplar isolado, fileira ou vasos Usos: Vasos, fileiras junto a paredes ou muro
Diâmetro médio: 0.7m Espaçamento mínimo 0.8m Diâmetro médio: 0,5m Espaçamento mínimo 0,3m
Observações: Observações:
- tronco colunar com roseta de folhas ornamentais - folhas grandes, larga e com textura de couro
- inflorescência grande com inúmeras flores pequenas e - propaga-se por estacas e mais raramente por sementes
perfumadas - inflorescência terminal de baixa importância
- multiplicam-se facilmente por estacas ornamental

Referências: Lorenzi, H. (1995:449) Referências: www.jardineiro.net (SE)


www.toptropicals.com (SE)
Lorenzi, H. (1995:452)
ARBUSTO

ARBUSTO
Nerium oleander Ficus carica
Espirradeira, Oleandro Figo
Família: Apocynaceae Família: Moraceae

5m 7m

PERENE PERENE

EXOT

Usos: arborização urbana, jardineira, cercas-vivas Usos: vasos, jardineiras


Diâmetro médio: 3m Espaçamento mínimo 1m Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- poda anual renova a folhagem e estimula uma boa - folhagem ornamental
formação e floração - fruto comestível
- muito tóxica - fácil transplante
- diversas variedades - propaga-se por sementes
- planta rústica, ramificada e com folhas lanceoladas de - é cultivada tanto em sombra como em sol pleno.
coloração verde escura, com verso mais claro

Referências: www.jardineiro.net (SE) Referências:http://pt.wikipedia.org/wiki


Lorenzi, H. (1999: 503) www.toptropicals.com (SE)
HERBÁCEA

ARBUSTO SEMI-HERBÁCEO
Phormium tenax Graptophyllum pictum
Fórmio, Linho-da-nova-zelândia Graptofilo, Planta-caricata
Família: Liliaceae Família: Acanthaceae

3m 2,5m

PERENE PERENE

EXOT

Usos: Vasos, exemplar isolado, grupos Usos: Planta isolada,renques junto a grades,muretas
Diâmetro médio: 2m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 2m Espaçamento mínimo 1m
Observações: Observações:
- tolerante a terrenos úmidos - multiplica-se por estacas
- resistente ao frio - não é resistente a climas muito frios
- folhas laminares, longas - inflorescências curtas
- folhagem decorativa - é cultivada tanto em meia-sombra como em pleno sol.
- multiplica-se por divisão da touceira -
- cultivada em solo argiloso

Referências: Lorenzi, H. (1999: 464) Referências: Lorenzi, H. (1999: 68)


ARBUSTO

ARBUSTO
Heliconia rostrata Helianthus annus
Helicônia, Caeté Girassol
Família: Musaceae Família: Asteraceae

3m 2,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Em grupos ou renques, arranjos florais. Usos: Cercas, muros, isolado, canteiros, vasos.
Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m
Observações: Observações:
- sensível a baixas temperaturas de inverno - multiplica-se por sementes,semeadas o ano todo
- inflorescências no decorrer de quase o ano todo - apropriada para jardins a pleno sol
- folhas grandes, coriáceas - cultivada em solo argilo-arenoso.
- multiplica-se por divisão da touceira - floração no verão
- solo argilo-arenoso

Referências: Lorenzi, H. (1999: 536) Referências: VILAÇA, Juliana. (2005: 65)


HERBÁCEA

ARBUSTO
Zingiber spectabile Heliconia bihai
Gengibre magnífico Pássaro de fogo
Família: Liliaceae Família: Musaceae

2m 2,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Renques, exemplar isolado, flores p/ arranjos Usos: Cerca - viva, em conjunto, isolado, maciços.
Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m
Observações: Observações:
- rizomatomosa e robusta - desenvolve melhor em regiões litorâneas
- conjunto lembra um ananás - não tolera baixas temperaturas
- folhas alongadas, aveludadas - floração primavera/verão
- inflorescência terminal formada no verão - cultivada em solo argilo-arenoso
- multiplica-se por divisão da touceira - inflorescências que atraem pássaros
- cultivada em canteiros sempre umedecidos
- cultivada em meia-sombra

Referências: Lorenzi, H. (1999:719) Referências: VILAÇA, Juliana. (2005: 67)


ARBUSTO

HERBÁCEA
Brunfelsia uniflora Cereus jamacaru
Manacá-de-cheiro, Romeu-e-Julieta Cacto, Cereus, Mandacaru
Família: Solanacea Família: Cactaceae

3m 10m

PERENE PERENE

EXOT NAT

Usos: Jardins Usos: Jardim, Porta enxerto


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
-aprecia o frio - uso recomendado: maciço
- propaga-se por sementes, estacas ou mudas. -propaga-se por sementes
- cultivada isolada, em renques ou em grupos.

Referências: Lorenzi, H. (1999: 503) Referências: Revista digital: 1001 plantas


http://www.jardineiro.net/botanica/banco/4manacadecheiro.
php (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Eugenia sprengelii Cassia alata
Murta, Eugenia Manjerioba grande, Candelabro
Família: Myrtaceae Família:Leguminoseae

4m 3m

EXOT PERENE

NAT NAT

Usos: Jardins Usos: Jardins


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
-aprecia o frio - cultivada como planta isolada ou formando grupos.
- folhagem ornamental - tolera terrenos muito úmidos
- florescimento mais intenso em climas moderamente - multiplica-se por sementes
frios
-resistente a fortes geadas
- presta-se a ornamentação topiária
- multiplica-se por sementes

Referências: Lorenzi, H. (1999: 548 ) Referências: Lorenzi, H. (1999: 429)


Foto: http://www.mgonlinestore.com/Alata/alata03.jpg (SE)
HERBÁCEA

ARBUSTO
Calathea roseo-picta Plumbago capensis
Maranta gigante, Caetê-riscado Mimo-do-céu,
Família: Marantacea Família:Plumbaginacea

60cm 2m

PERENE ANUAL

NAT EXOT

Usos: Jardins Usos: Canteiros, Cerca-viva, Trepadeira


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
-aprecia o frio - poda a cada 1-2 anos renova a vegetação
- propaga-se por sementes, estacas ou mudas. - propaga-se por sementes, por divisão de touceira e por
- cultivada isolada, em renques ou em grupos. estacas-ponteiro.

Referências: Lorenzi, H. (1999: 503) Referências: Lorenzi, H. (1999: 503)


http://www.casaecia.arq.br/trepadeiras7.htm (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Mussaenda alicia Arundina bambusifolia
Mussaenda, Mussenda rosa arbustiva Orquídea bambu
Família: Rubiaceae Família: Orchidaceae

3,0m 2,0m

PERENE -
EXOT -

Usos: vasos, isolado, junto a muros ou grades. Usos: Jardineiras, renques


Diâmetro médio: 2,0m Espaçamento mínimo 2,0m Diâmetro médio: - Espaçamento mínimo -
Observações: Observações:
- Florescências numerosas e duradouras; - Orquídea terrestre
- multiplica-se facilmente por estacas - Ramagem e florescimento decorativo
- não tolera frio - Multiplica-se por estacas ponteiro ou divisão de touceira
- folhagem de grande efeito paisagístico - Floresce mais intensamente em regiões de clima quente-
úmido

Referências: Lorenzi, H. Plantas ornamentais brasileiras Referências: Lorenzi, H. Plantas ornamentais brasileiras
(1995:642) (1995:570)
ARBUSTO

ARBUSTO
Heliconia psittacorum Alpinia purpurata
Pacavira, helicônia papagaio Gengibre vermelho, panamá
Família: Musaceae Família: Zingiberaceae

2,0m 2,0m

PERENE PERENE
NAT NAT

Usos: Isolada, em grupos ou em renques. Usos: Isolada, em grupos ou em renques.


Diâmetro médio: 0,4m Espaçamento mínimo 0,2m Diâmetro médio: 0,7m Espaçamento mínimo 0,3m
Observações: Observações:
- Flor de corte; - Flora o ano todo
- Floresce quase todo o ano - Necessidade de solo mantido umedecido
- Multiplica-se por divisão de touceira - Multiplica-se por touceira ou pelas numerosas mudas que
- Espécie muito variável, quanto à cor das flores. surgem nas brácteas
- Floresce mais intensamente em regiões de clima quente-
úmido

Referências: Lorenzi, H. Plantas ornamentais brasileiras Referências: Lorenzi, H. Plantas ornamentais brasileiras (1999)
(1995:534)
ARBUSTO

ARBUSTO
Opuntia ficus indica Opuntia microdasys
Palmoatória sem espinho, figo-da-índia Orelha-de-coelho
Família: Musaceae Família: Cactaceae

2,0m 0,6m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Barreira física, cercas, muros, vasos. Usos: Isolada, em grupos ou em renques.
Diâmetro médio: - Espaçamento mínimo - Diâmetro médio: - Espaçamento mínimo -
Observações: Observações:
- Flor de corte; - Ao ser tocado causa irritação na pele
- Floresce quase todo o ano - Necessidade de solo mantido umedecido
- Multiplica-se por divisão de touceira - Multiplica-se por estaquia dos artículos
- Espécie muito variável, quanto à cor das flores - Forma flores amarelas nos meses mais quentes
- Resistência a seca

Referências: Villaça, J. Plantas tropicais (1999) Referências: http://en.wikipedia.org/wiki/Bunny_ears (SE)


HERBÁCEA

ARBUSTO
Pandanus baptisti Hibiscus rosa sinensis
Pândano amarelo Papoula, Hibisco, Mimo-de-vênus, Hibisco-da-china
Família: Pandanaceae Família: Malváceas (Malvaceae)

4,5m 3m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Arbustos, Decorativas, Ornamentais. Usos: Arbustos, cerca-viva e atrair beija-flores


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Caule curto - Flores isoladas.
- Folhagem variegata, ornamental, disposta - Flores quase o ano inteiro.
espiraladamente em roseta, laminares, longas, verdes e - Folhas sempre verde.
com estrias branco-amareladas. - Desenvolvimento rápido.
- Multiplica-se por ramos enraizados - Propaga-se por meio de “estaquia de galho”.
- É cultivada em sol pleno nos locais de clima frio e em
meia-sombra nos locais de clima quente.
- Rústica, quase não dá trabalho.
- Folhas do tipo “oval”.

Referências: Lorenzi, H. (1999) Referências: Lorenzi, H. (1999)


HERBÁCEA

ARBUSTO
Dieffenbachia exotica Duranta repens “Aurea”
Perfeita Violeteira, Duranta, Durância, Fruta-de-jacu
Família: Aracea Família: Verbenáceas (Verbenaceae)

1m 2m

PERENE PERENE

NATIV NATIV

Usos: Decorativa, ornamental, vasos. Usos: Decoração e jardineiras


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Folhas de formato “oval” de até 30cm de coloração - crescimento rápido.
verde-escuro com branco rajado. - raízes do tipo “pivotante”.
- Propaga-se por meio de “estaquia-de-ramo” - Propaga-se por meio de “estaquia-de-ponta-de-ramos”.
- Solta liquido leitoso considerado venenoso. - é cultivada em clima quente-úmido.
- Sol Pleno.
- Folhas de formato “ovais” sempre verdes.
- Flores agrupadas em cachos.

Referências: Lorenzi, H. (1999) Referências: Lorenzi, H. (1999)


Foto: http://www.nses.cyc.edu.tw/ / / .JPG
ARBUSTO

ARBUSTO
Jatropha gossypiifolia Eugenia uniflora
Pinhão roxo Pitanga, Pitangueira, Pitanga-do-mato
Família: Euphorbiaceae Família: Mirtáceas (Myrtaceae)

2m 3m

PERENE PERENE

EXOT NATIV

Usos: Jardins, cercas-vivas, arbustiva. Usos: Jardins, arbustiva, isolada.


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Folhas de formato “elítico-ovalada”, espessas, roxas- - Flores brancas isoladas de primavera que exalam suave
esverdeadas. perfume
-Flores vermelho escuro, pouco numerosas, de - Possui frutos de verão comestíveis, a pitanga
primaveira. - Folhas de formato “elípticas” sempre verdes e
- Não tolera baixas temperaturas. particularmente decorativas de até 5 centímetros
- Propaga-se por “estaquia-de-ramos” ou “sementes” - De clima quente-úmido
- Propaga-se por “estaquia-de-galho”

Referências: Lorenzi, H. (1999) Referências: Lorenzi, H. (1999)


ARBUSTO

ARBUSTO
Pittosporum tobira Pleomele reflexa ‘variegata’
Pitósforo, Lágrima-Sabéia, Pau-de-incenso Dracena-malaia, Pleomele variegata
Família: Pittosporaceae Família: Liliaceae

3m 3m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Em jardins, arvoreta. Usos: Em grupo, Vasos, Isolado ou Renque


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Crescimento muito lento. - Folhas coriáceas verdes-escura onduladas, alongadas,
- Ramos curtos com folhas persistentes alternadas. laminares.
- Flores miúdas de cor branca ou marfim em cachos - Roseta persistente.
fragrantes. - Propaga-se por meio de “estaquia-de-ramos”.
- Método de reprodução por “alporquia” ou “estaquia-de-
galho”.

Referências: Lorenzi, H. (1999) Referências: Lorenzi, H. (1999)


ARBUSTO

ARBUSTO
Plumbago capensis Pseuderanthemum atropurpureum
Plumbago, Bela-emília, Jasmim-azul Pseudoerântemo
Família: Plumbagináceas (Plumbaginaceae) Família: Acantáceas (Acanthaceae)

2m 1,5m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Forração de treliças, pérgulas e arquinhos. Usos: Arbustos decorativos


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Floração quase o ano inteiro com flores agrupadas em - Flores agrupadas em hastes florais com floração quase o
cachos. ano inteiro e de cor predominantemente rosa.
- Folhas em formato “oval” sempre verdes de até 5 cm. - Folhas sempre verde, variegadas e particularmente
- É de clima quente-úmido. decorativas, de formato “oval” com tamanho até 15 cm.
- Método de propagação por “estaquia-de-ponta-de- - Propagação por meio de “estaquia-de-galho” na
ramos”. primavera e verão.
- Razoavelmente rústica e exige poucos cuidados. - Razoavelmente rústica e exige poucos cuidados.
- Pode crescer em meia sombra e pode ser cultivada
dentro de casa.

Referências: Lorenzi, H. (1999) Referências: Lorenzi, H. (1999)


ARBUSTO

ARBUSTO
Galphimia brasiliensis Thevetia peruviana
Triális, Resedá-Amarelo Tevetia, Chapéu-de-Napoleão, Cascavel
Família: Malpighiaceae Família: Apocynaceae

2m 3m

PERENE PERENE

NAT NAT

Usos: Cerca-viva, maciço ou exemplar isolado Usos: Cerca-viva, exemplar isolado


Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m
Observações: Observações:
- flores amarelas agrupadas em hastes, presentes quase - rápido crescimento;
todo o ano; - flor aromática, amarela a alaranjada, de Janeiro a Maio;
- propagação por semente; - fruto de cor roxo-negra quando maduro contendo duas
- originária da América do Sul. sementes;
- propagação por semente;
- toda a planta é venenosa: sementes, folhas, látex;
- Originária do América do Sul Tropical.
Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil: Referências: BRAGA, Renato (1976) Plantas do Nordeste, Especialmente do
Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum Ceará. Mossoró: Escola Superior de Agricultura de Mossoró
Foto: J. Quental, Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Dezembro http://br.geocities.com/plantastoxicas/chapeu-de-
2006 em http://jquental.multiply.com (SE) napoleao.html (SE)
Foto: Marlene Cunha, Fortaleza, Abril 2007
ARBUSTO

ARBUSTO
Cycas revoluta Punica granatum
Cica, Palmeira-Sagu, Sagu Romãzeira, Romã
Família: Cycadaceae Família: Punicaceae
1 1
4m 4m

2
PERENE PERENE
2 feminino
EXOT EXOT

3 masculino

Usos: Exemplar isolado, vaso Usos:


Diâmetro médio: 2,00m Espaçamento mínimo 0,5m Diâmetro médio: 2,00m Espaçamento mínimo 3,00m
Observações: Observações:
- propagação por semente ou filhote; - propagação por semente, estaca ou alporquia;
- crescimento lento; - flor avermelhada;
- pode ser cultivado em pleno sol ou meia sombra, sendo - fruto esférico de cor, 7 a 12 cm de diâmetro e é
que a folhagem perde cor em pleno sol; comestível;
- planta dióica: o espécime masculino tem semente em - propriedades medicinais como antimicrobiano;
forma de cone e o feminino em forma de roseta; - excepcional importância simbólica para as civilizações
- caule comestível rico em amido mas venenoso em cru; grega, judaica e cristã;
- originária da Ásia. - originária da Ásia ocidental;
- em climas mais húmidos tem tendência a desenvolver
fungos
Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil: Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil:
Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum
Foto 1 DanielCD, Setembro 05 Foto 2 Rickjpelleg, Novembro Foto 1: Georges Jansoone, Abril 2005
2005 Foto 3 Stan Shebs, Julho 2001 Foto 2: wikimedia.org _ Fir0002
ARBUSTO

HERBÁCEA
Alternanthera brasiliana Hibiscus Esculentus (Sin. de Abelmoschus esculentus)

Terramicina Quiabo
Família: Malvaceae
Família: Alternanthera

1m 2m

PERENE ANUAL

NAT EXOT

Usos: Isolado ou em grupo Usos:


Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo m Diâmetro médio: m Espaçamento mínimo 0,30m
Observações: Observações:
- propriedades medicinais como analgésica, anti-viral, - Flor grande e amarela, maculada de carmim na base;
diurética e digestiva; - O seu fruto é uma cápsula verde, fibrosa e cheia de
sementes brancas redondas, muito utilizadas na cozinha
baiana;
- propagação por semente;
- susceptível a ataque de pulgões;
- Originária da África.

Referências: Referências: BRAGA, Renato (1976) Plantas do Nordeste, Especialmente do


http://www.plantafarma.com.br (SE) Ceará. Mossoró: Escola Superior de Agricultura de Mossoró
Foto: wikimedia.org _ Sphl, Setembro 05 (SE)
HERBÁCEA

ARBUSTO
Colocasia esculenta Lawsonia inermis
Taro, Taioba, Inhame-branco Resedá
Família: Araceae Família: Lythraceae

1,5m 3m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Jardineira, vaso Usos:


Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- Cultivada pelos índios que usavam as raízes e folhas na - flores pequenas muito perfumadas, mais comuns brancas
alimentação; ou amareladas;
- Todas as partes da planta contêm ráfides de oxalato de - cápsula globulosa acastanhada contém as sementes;
cálcio e são venenosas em cru; - propagação por semente;
- propagação por divisão de tubérculo; - desta planta é extraída henna um corante muito usado
- Os pecíolos podem ser verdes ou violáceos, com a na Índia para tingir pele, cabelo, tecidos e couro;
coloração arroxeada mais patente em situações de secura - originária da Ásia.
e grande exposição à radiação solar;
- dá-se bem em áreas alagadiças;
- Originária da Ásia.
Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil: Referências: BRAGA, Renato (1976) Plantas do Nordeste, Especialmente do
Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum Ceará. Mossoró: Escola Superior de Agricultura de Mossoró
Foto: www.wikimedia.org _ Pixeltoo, Fevereiro 2005 (SE) Foto: http://www.henriettesherbal.com_Henriette Kress_março 2004 (SE)
ARBUSTO

ARBUSTO
Rosa banksiae Rosa chinensis
Roseira miuda, Mini-roseira, roseira miniatura
Família: Rosaceae Família: Rosaceae

6m 0,4m

PERENE PERENE

EXOT EXOT

Usos: Em grupo ou isolada, cerca-viva, arcos, treliças Usos: Vasos, bordaduras, jardineiras, cestas
Diâmetro médio: Espaçamento mínimo Diâmetro médio: Espaçamento mínimo
Observações: Observações:
- arbusto escandente muito ramificado; - pequeno porte,
- flores brancas ou amarelas nas extremidades dos ramos; - variedades de flor vermelha, rosa, branca e amarela;
- var com flores agrupadas, var com flores isoladas; - aprecia clima temperado mas adapta-se bem aos
- poucos ou nenhuns espinhos; trópicos e sub-trópicos;
- propagação por estaca; - dá flor quase todo o ano;
- deve ser podada depois da floração para controlar seu - propagação por estaca;
tamanho e deve ser feita de maneira regular para dar - originária da China.
vigor a planta;
- valor ornamental em arcos e treliças.
- originária da China.

Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil: Referências: LORENZI, Harri et al. (1995) Plantas Ornamentais no Brasil:
Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum Arbustivas, Herbáceas e Trpadeiras. 2ª ed. Nova Odessa, SP: Plantarum
Foto: www.wikimedia.org _ Michaeladenner, Maio 2006 (SE) Foto: www.wikimedia.org _ Sakurai Midori, Maio 2006 (SE)