Sie sind auf Seite 1von 3
<a href=www.equipetrader.com.br Imposto de Renda Renda variável são ativos cujo lucro é determinado pela diferença entre o preço de compra, mais os benefícios (aluguéis, no caso de imóveis ou dividendos, no caso das ações), menos o preço de venda. Além de ações, existem outros investimentos de renda variável, como moedas (dólar, euro, iene etc), commodities (soja, boi, açúcar, café etc) e fundos de investimento de renda variável. São eles as ações, quotas ou quinhões de capital, ouro, ativo financeiro, e os contratos negociados nas bolsas de valores, de mercadorias de futuros e assemelhados. Para calcular o seu imposto de renda sobre operações em bolsa, é necessário apurar o lucro líquido mensal. Apurado o lucro, aplique a alíquota de 15% (ou 20% para daytrade, veja mais detalhes na tabela abaixo) sobre o lucro obtido com ações, termo e opções. Para efetuar o recolhimento você deve preencher o DARF e pagar em qualquer agência bancária ou através do seu home banking. Tenha um controle dos seus resultados para facilitar o preenchimento do seu IRPF anual. Isenções no imposto de renda: São isentos do imposto de renda os ganhos líquidos auferidos por pessoa física em operações efetuadas com ações, no mercado à vista de bolsas de valores, e em operações com outro ativo financeiro, cujo o valor das alienações (venda), realizadas em cada mês, seja igual ou inferior a R$ 20.000,00 , para o conjunto de ações e para o outro ativo financeiro respectivamente. Os ganhos líquidos auferidos em operações realizadas em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros, e assemelhadas, inclusive Day Trade, serão tributados às seguintes alíquotas: Alíquota Tipo de Operação 20% Day-trade 15% no caso de alienação em operações de renda variável. 1% Imposto retido na fonte em operações de Day Trade. 0,005% Imposto retido na fonte em operações de venda de renda variável. " id="pdf-obj-0-2" src="pdf-obj-0-2.jpg">

Imposto de Renda

Renda variável são ativos cujo lucro é determinado pela diferença entre o preço de compra, mais os benefícios (aluguéis, no caso de imóveis ou dividendos, no caso das ações), menos o preço de venda. Além de ações, existem outros investimentos de renda variável, como moedas (dólar, euro, iene etc), commodities (soja, boi, açúcar, café etc) e fundos de investimento de renda variável. São eles as ações, quotas ou quinhões de capital, ouro, ativo financeiro, e os contratos negociados nas bolsas de valores, de mercadorias de futuros e assemelhados.

Para calcular o seu imposto de renda sobre operações em bolsa, é necessário apurar o lucro líquido mensal. Apurado o lucro, aplique a alíquota de 15% (ou 20% para daytrade, veja mais detalhes na tabela abaixo) sobre o lucro obtido com ações, termo e opções.

Para efetuar o recolhimento você deve preencher o DARF e pagar em qualquer agência bancária ou através do seu home banking. Tenha um controle dos seus resultados para facilitar o preenchimento do seu IRPF anual.

Isenções no imposto de renda:

São isentos do imposto de renda os ganhos líquidos auferidos por pessoa física em operações efetuadas com ações, no mercado à vista de bolsas de valores, e em operações com outro ativo financeiro, cujo o valor das alienações (venda), realizadas em cada mês, seja igual ou inferior a R$ 20.000,00 , para o conjunto de ações e para o outro ativo financeiro respectivamente.

Os ganhos líquidos auferidos em operações realizadas em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros, e assemelhadas, inclusive Day Trade, serão tributados às seguintes alíquotas:

Alíquota

Tipo de Operação

20%

Day-trade

15%

no caso de alienação em operações de renda variável.

1%

Imposto retido na fonte em operações de Day Trade.

0,005%

Imposto retido na fonte em operações de venda de renda variável.

Imposto de renda retido na fonte: As operações realizadas em bolsas de valores, de mercadorias de futuros e assemelhadas, exceto Day Trade, sujeitam-se à incidência do imposto de renda na fonte, à alíquota de 0,005%, sobre os seguintes valores:

Mercados

Fator Gerador

À Vista

Valor da Alienação ( Venda)

Opções

Valor positivo da soma dos prêmios pagos e recebidos no mesmo dia

 

Termo

A diferença, se positiva, liquidação financeira.

entre

o

preço a

termo e

o preço

a

vista,

ou

a

Futuro

Soma algébrica dos ajustes diários (se positiva), no encerramento.

 

A incidência desse imposto não se aplica:

ao exercício de opções; às operações de titularidade das Sociedades Corretoras, dos fundos e clubes de investimento; às operações de Day Trade, que permanecem tributadas à alíquota de 1%; às operações de investidores estrangeiros operando de acordo com as normas e condições estabelecidas pelo Conselho Monetário Nacional

O imposto retido na fonte poderá ser:

deduzido do imposto sobre ganhos líquidos apurados no mês; compensado com o imposto incidente sobre ganhos líquidos apurados nos meses subseqüentes; compensado na declaração de ajuste se, após a dedução houver saldo de imposto retido; compensado com o imposto devido sobre o ganho de capital na alienação de ações.

Base de Cálculo:

O ganho líquido será constituído pela diferença positiva entre o valor de alienação do ativo e o seu custo de aquisição, calculado pela média ponderada. É admitida a dedução dos custos e despesas incorridos, necessários a realização das operações.

Isenções:

São isentos do imposto de renda os ganhos líquidos auferidos por pessoa física em operações efetuadas com ações, no mercado à vista de bolsas de valores, e em operações com ouro ativo financeiro, cujo o valor das alienações (venda), realizadas em cada mês, seja igual ou inferior a R$ 20.000,00 , para o conjunto de ações e para o ouro ativo financeiro respectivamente.

Transferências de Ações:

Quando ocorrer a transferência de titularidade de ações negociadas fora da bolsa, a entidade encarregada de seu registro deverá exigir o documento de arrecadação de receitas federais que comprove o pagamento do imposto de renda sobre o ganho de capital incidente na alienação, ou declaração do alienante sobre a inexistência de imposto devido.

Se a transferência for efetuada antes do vencimento do prazo legal para pagamento do imposto devido, a comprovação deverá ocorrer em até 15 dias após o vencimento do referido prazo, ao final do qual, caso não tenha sido realizada, a entidade deverá comunicar o fato à Secretaria da Receita Federal na forma e prazo por ela regulamentados.

Compensação de Perdas:

Para fins de apuração e pagamento do imposto mensal sobre os ganhos líquidos, as perdas incorridas nas operações do mercado a vista, de opções, futuros e a termo, poderão ser compensadas com os ganhos líquidos auferidos, no próprio mês ou nos meses subseqüentes, em outras operações realizadas em qualquer uma dessas mesmas modalidades citadas, exceto no caso de perdas em operações de day trade, que somente serão compensadas com ganhos auferidos em operações da mesma espécie.

Retenção e Recolhimento:

O imposto sobre ganhos líquidos em renda variável será apurado por períodos mensais, e pago até o último dia útil do mês subseqüente ao da apuração.

Essas apurações devem ser feitas para cada ativo isoladamente, e as respectivas memórias de cálculo devem ser conservadas por um prazo mínimo de cinco anos.

A responsabilidade pela retenção e pelo recolhimento do imposto de renda incidente na fonte (1% e 0,005%) é da instituição intermediadora da operação, e pelo imposto de renda incidente sobre os ganhos líquidos (15% e 20%) do contribuinte.