You are on page 1of 22

ATOS DOS APÓSTOLOS

O AVANÇO DO EVANGELHO
O AVANÇO DO EVANGELHO
Profº Alexandre Ramiro Pinto Classe Bíblia em Um ano – Turma 2012
Profº Alexandre Ramiro Pinto
Classe Bíblia em Um ano – Turma
2012

PIBPENHA SÃO PAULO

ATOS DOS APÓSTOLOS O AVANÇO DO EVANGELHO Profº Alexandre Ramiro Pinto Classe Bíblia em Um ano

OS PAIS DA IGREJA

  • Data: Primeiro Século (30 100)

  • Objetivo: Exortar e edificar a Igreja.

  • No Ocidente: Clemente de Roma.

  • No Oriente: Inácio, Policarpo, Barnabé, Papias, Hermas e Didaquê.

    • Data: Segundo Século (120 220)

  • Objetivo: Defender o Cristianismo.

  • No Ocidente: Tertuliano.

  • No Oriente: Justino, Taciano, Teófilo, Aristides e Atenágoras.

    • Data: Terceiro Século (180 250)

  • Objetivo: Lutar contra as falsas doutrinas.

  • No Ocidente: Irineu, Tertuliano e Cipriano.

  • No Oriente: Panteno, Clemente, Orígenes e Hipólito.

    • Data: Quarto Século (325 460)

  • Objetivo: Aplicar métodos científicos na interpretação bíblica.

  • No Ocidente: Jerônimo, Ambrósio e Agostinho.

  • No Oriente: Crisóstomo e Teodoro.

  • Na Alexandria: Atanásio, Basílio de Cesaréia e Cirilo.

OS PAIS DA IGREJA  Data: Primeiro Século (30 – 100)  Objetivo: Exortar e edificar

2

As lideranças vão adulterando o evangelho por interesses pessoais e políticos

  • Ano 197 Tertuliano um dos "pais" da Igreja introduz a pratica do sinal da cruz na testa.

  • Ano 270 - Origem da vida monástica no Egito

  • Ano 310 Algumas Igrejas rezam pelos mortos

  • Ano 314 Silvestre I, bispo em Roma, e o imperador Constantino estabelecem o cristianismo como uma religião oficial do Império Romano, o Édito de Milão.

  • Ano 320 - Uso de velas.

  • Ano 394 O culto (espontâneo) passou a ser a missa (com rituais)

  • Ano 416 Início do batismo de recém nascidos (sem serem batizadas morreriam pagãos e iam pro limbo).

  • Ano 431 Instituído o culto a Maria. Maria é proclamada “Mãe de Deus”. Concílio de Éfeso.

  • Ano 325 O imperador Constantino: 1º concílio em Nicéia

  • Mandou matar seu filho Crispo e sufocar sua mulher Fausta numa sauna, mandou matar o cunhado, e outros crimes

políticos para "proteger-se dentro de casa", como dizia ...

  • Certo dia, quando estava entrando no templo de Júpiter para oferecer sacrifícios e purificar-se, o grande sacerdote barrou-lhe o caminho dizendo que os deuses não o perdoavam ...

  • Alguém lhe fez observar que o batismo cristão perdoa todos os crimes cometidos anteriormente. Anteriormente? Sim, anteriormente!

  • Foi assim que Constantino resolveu adiar o batismo para o último dia de sua vida, já que outros homicídios políticos estavam previstos ...

  • Constantino teve uma visão quando olhava para o por do sol.

  • As letras gregas XP (Chi-Rho, as primeiras duas letras de Χριστός, "Cristo") entrelaçadas com uma cruz apareceram-lhe enfeitando o sol, juntamente com a inscrição "In Hoc Signo Vinces" latim - "Sob este signo vencerás".

 Ano 325 – O imperador Constantino: 1º concílio em Nicéia  Mandou matar seu filho

4

  • Lactâncio, cristão e conselheiro de Constantino, interpretou- lhe que era um sinal de Jesus, que Constantino era o ―escolhido‖, o Imperador que, pela espada, imporia o Reino de Deus.

  • Entendeu que unindo o poder temporal do Império Romano ao poder espiritual do Cristianismo o mundo seria conquistado.

  • O império de Constantino não teria fim, o que se tornou realidade/engano pelo fato da Igreja Católica Apostólica Romana ser a Roma de Constantino viva até os dias de hoje ...

  • Propôs esta união aos cristãos no concílio de Nicéia com representantes das igrejas.

  • Nem todos foram, entre eles os anabatistas, mas a aliança foi consumada.

  • A partir daí cristãos errados perseguem os cristãos fiéis.

  • Esta perseguição aos anabatistas durou mais de mil e trezentos anos, vindo a terminar após a Reforma no século XVII.

 Lactâncio, cristão e conselheiro de Constantino, interpretou- lhe que era um sinal de Jesus, que

5

  • 503 Decretado o Purgatório.

 503 – Decretado o Purgatório.  554 – Convencionou-se 25/12 o nascimento de Cristo:natal cristão.
  • 554 Convencionou-se 25/12 o nascimento de Cristo:natal cristão.

  • 600 Gregório, o Grande, torna-se o primeiro Papa oficialmente aceito (e sua infalibilidade). Considera-se a instituição oficial da Igreja Católica.

  • 787 Instituição da veneração da cruz, de imagens e relíquias no II Concílio de Nicéia.

  • 850 Concílio de Paiva institui o rosário, a coroa da virgem Maria, a água benta e a doutrina da transubstanciação

  • 880 Início da canonização dos santos.

 1094 – No Concílio de Clermont cria as indulgências (venda da salvação).  1096 -
 1094 – No Concílio de Clermont cria as indulgências (venda da salvação).  1096 -
  • 1094 No Concílio de Clermont cria as indulgências (venda da salvação).

  • 1096 - A primeira cruzada; em 1099, Jerusalém conquistada.

  • 1100 Institui-se o pagamento pelas missas e pelo culto aos santos. Introduzido o Rosário, ou o terço de oração, copiado dos Hindus e Muçulmanos.

  • 1184 – A “Santa Inquisição” é estabelecida no Concílio de Verona.

  • 1215 - A confissão dos pecados ao padre, uma vez ao ano, foi instituída pelo Papa Inocêncio III, no Conselho de Lateran. O Evangelho nos ordena que confessemos nossos pecados diretamente a Deus. (Sl 51: -10; Lc 7:48; 15:21; I Jo 1:8-9).

  • 1229 A Igreja Católica proíbe aos leigos a leitura da Bíblia.

7

Martinho Lutero  1517 - O teólogo alemão Martinho Lutero, da ordem dos Agostinianos, contestou a

Martinho Lutero

  • 1517 - O teólogo alemão Martinho Lutero, da ordem dos Agostinianos, contestou a venda de indulgências com suas 95

teses defende que o homem somente se salva pela fé.

  • Foi excomungado e funda a Igreja Luterana.

  • Lutero não queria romper, ele queria reformar a Igreja Católica

  • Não reconhece a autoridade papal, nega o culto aos santos e acaba com a confissão obrigatória e o celibato.

  • Mantém os sacramentos (ordenanças instituídas diretamente por Cristo?) do batismo infantil e da ceia.

  • As diferenças doutrinais entre os dois dão origem aos luteranos e aos calvinistas.

  • A Reforma abole a hierarquia e institui os pastores como ministros das igrejas.

  • As mulheres têm acesso ao ministério e os pastores podem se casar.

Martinho Lutero  1517 - O teólogo alemão Martinho Lutero, da ordem dos Agostinianos, contestou a

8

  • Lutero era contra a revolta camponesa iniciada em 1524 pelos anabatistas contra a nobreza imperial, pois propunham uma

sociedade sem diferenças entre ricos e pobres e sem

propriedade privada.

  • Lutero por sua vez defendia que a existência de "senhores e servos" era vontade divina.

  • Após a Guerra dos Camponeses os anabatistas continuaram sendo perseguidos e executados em países protestantes, aproximadamente 100.000 anabatistas morreram nos dez anos que se seguiram.

  • Tornou antissemita em seus últimos anos

 Lutero era contra a revolta camponesa iniciada em 1524 pelos anabatistas contra a nobreza imperial,
 Lutero era contra a revolta camponesa iniciada em 1524 pelos anabatistas contra a nobreza imperial,

9

5 - O PROTESTO: A REFORMA

OS ANABATISTAS

  • O 1º uso do termo Anabatistas ocorreu após o 2º Concílio de Catargo, 225 d.C.

  • Neste concílio 87 Bispos sob a direção de Cipriano de Catargo decidiram rebatizar os fiéis das igrejas

  • Os Anabatistas liderados por Georg Blaurock, Conrad Grebel e Félix Manz ansiavam por uma Reforma Protestante mais radical

  • 1ª Igreja fundada em 21 de janeiro de 1525 em Zollikon, subúrbio de Zurique, Suíça

  • Depois de serem massacrados na Guerra dos

OS ANABATISTAS  O 1º uso do termo Anabatistas ocorreu após o 2º Concílio de Catargo,

A queima do séc. XVI do holandês Anabatista Anneken Hendriks, que foi acusado pela inquisição espanhola de heresia.

camponeses, sobreviveram na sua forma

pacífica, como a igreja Mennonita

  • 23 Abril de 1529 Foi ordenado a morte de todos os rebatizados ou rebatizadores Anabatistas, por fogo, espada ou outros meios

  • Principais remanescentes Anabatistas: hutterites, mennonitas, amishes

DIFERENÇAS ATUAIS ENTRE:

ANABATISTAS (ex.: menonitas) E BATISTAS

  • Os anabatistas normalmente praticam o Batismo adulto por

aspersão e não por imersão como os batistas;

  • Os anabatistas são pacifistas extremos e se recusam a jurar;

  • Os anabatistas creem em uma doutrina semi-nestoriana sobre a Natureza de Cristo, que não recebeu nenhuma parte humana de Maria;

  • Os anabatistas enfatizam a vida comunal enquanto os batistas a liberdade individual;

  • Os anabatistas recusam a participar do Estado, enquanto os batistas podem ser funcionários públicos, prestar serviço militar, possuir cargos políticos;

  • Os anabatistas crêem em um estado de “sono da alma" entre a morte e a ressureição.

EXPANSÃO MUNDIAL

  • 1791 Pr. Willian Carey criou a sociedade de Missões Estrangeiras

  • 1812 As Igrejas Congregracionais Americanas enviaram Adoniram e Ana Judson foram enviados para Calcutá, Índia. O casal encontrou-se com o Pr. Carey e aceitaram a doutrina da imersão e foram batizados. Outro Missionário Congregacional Luther Rice tornou-se batista

  • Os Judsons permaneram na Birmânia e os Rices voltaram para os Estados Unidos para mobilizar os batistas para a obra missionária

  • 1814 Fundada Convenção Geral Batista para Missões no Estrangeiro, Filadélfia Estados Unidos (América Latina, África, Ásia e Europa)

  • 1865 Por força da Guerra Cível Americana, confederados do Sul dos Estados Unidos (maioria Batistas) começaram buscas terras com potencial agrônomo.

  • 1867 50.000 estadunidenses desembarcaram nos portos brasileiros. Terra vasta, fértil e barata. Foram para Santa Bárbara d’Oeste.

EXPANSÃO MUNDIAL  1791 – Pr. Willian Carey criou a sociedade de Missões Estrangeiras  1812

13

  • 1870 – Publicaram o “Manifesto para Evan elização do Brasil”

ORIGEM DOS BATISTAS

 História academicamente aceita sobre a origem dos Batistas é a sua incepção como um grupo
História academicamente aceita sobre a
origem dos Batistas é a sua incepção como
um grupo de dissidentes ingleses no séc.
XVII.
1609 – 1ª IB Amsterdã, John Smyth e
Thomas Helwys.
1612 – 1ª IB Spitalfields - Londres, Thomas
Helwys
1639 – 1ª IB Providence – USA, Roger
Willians
1644 – 1ª Confissão de Londres –
expressão formal da sua fé, defende o
imercismo
  • 1648 1ª IB Newport USA, John Clark

IB Londres, 1638.

Nos USA os Batistas cresceram

  • OBS.: principalmente 1624 As no cinco Sul, Convenção Igrejas Batista Batista existentes em Londres

publicaram um anátema contra as doutrinas Anabatistas,

do Sul, 15 milhões de membros.

também os Anabatistas modernos rejeitam ser denominados

ORIGEM DOS BATISTAS  História academicamente aceita sobre a origem dos Batistas é a sua incepção
  • 14 Batistas e há pouca relação entre os dois grupos.

OS BATISTAS BRASILEIROS

  • 1859 1º Missionário Americano no Brasil Thomas Jefferson Bowen

  • 1861 Envio do 1º missionário americano, Pr. Bowen, junta Richmond

  • 1867 Chegada dos missionários Pr. Richard Raticliff e Eunice Providence Raticliff

  • 1871 1ª IB no Brasil - Santa Bárbara, SP, Pr. Richard Raticliff

  • 1879 2ª IB no Brasil - 1ª IB da Estação, Pr. Elias Hoton Quilin

  • 1881 Chegam missionários Americanos, Pr. Willian Buck

OS BATISTAS BRASILEIROS  1859 – 1º Missionário Americano no Brasil – Thomas Jefferson Bowen 

Bagby e a esposa Profª Anne Luther Bagby, chegam ao Rio de

Janeiro e daí para Santa Bárbara.

OS BATISTAS BRASILEIROS  1859 – 1º Missionário Americano no Brasil – Thomas Jefferson Bowen 

15

1ª IB Santa Bárbara d’Oeste

OS BATISTAS BRASILEIROS

  • 1880 Consagração do 1º brasileiro ao ministério Pastoral, o ex - padre Antônio Teixeira de Albuquerque

  • 15/10/1882 Fundada 1ª IB em Salvador, Pr. Albuquerque.

  • 24/08/1884 1ª IB no Rio de Janeiro, fundador Pr. Willian B. Bugby.

  • 17/05/1885 1ª IB de Maceió, Pr. Albuquerque

  • 04/04/1886 1ª IB do Recife, Pr. Taylor.

  • 1894 Jornal As Boas Novas, Pr. Salomão Ginsburg (Salvador e Campos)

  • 1896 1º Jornal Batista Brasileiro Echo da Verdade Pr. Zacarias Taylor

  • 1897 1ª IB do Pará

  • 1900 1ª IB de Manaus

  • 1902 1º Seminário Batista em Recife (seminário do Norte), por Salomão Ginsburg

  • 1902 Colégio Progresso Brasileiro em São Paulo, Anna Bagby

  • 1906 Colégio Americano Gilreth em Recife, Anna Bagby

  • 1924 Cantor Cristão, já havia coletânea Salmos e Hinos dos Congregacionais

OS BATISTAS BRASILEIROS  1880 – Consagração do 1º brasileiro ao ministério Pastoral, o ex -

16

CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA

  • O Pr. Salomão Ginsburg foi o primeiro a se mobiliazar para efetivação de um organismo de âmbito nacional cooperativo, face a necessidade de unir esforços e pensamentos da liderança da época.

  • 1894 Salomão Ginsburg pai da Convenção Batista Brasileira. Também foi o idealizador de muitas outras iniciativas batistas brasileiras, como o Cantor Cristão (1924), seminário Teológico do Norte, o jornal as Boas Novas.

  • 1907 Organizada a Convenção Batista Brasileira, Bahia. Comissão Organizadora Pr. Gingburg, Pr. Bagby e Pr. Taylor. Foram tomadas as seguintes decisões:

    • O pacto das igrejas Batistas;

    • A declaração doutrinátia da Conveção Batista Brasileira;

    • Os princípios Batistas;

    • A filosofia da Convenção Batista Brasileira.

CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA  O Pr. Salomão Ginsburg foi o primeiro a se mobiliazar para efetivação
CONVENÇÃO BATISTA BRASILEIRA  O Pr. Salomão Ginsburg foi o primeiro a se mobiliazar para efetivação

17

 14/02/1932 – Organização, 30 irmãos vindos da PIB Brás, Evangelista Ernesto Ferreira de Souza, End.:
  • 14/02/1932 Organização, 30 irmãos vindos da PIB Brás, Evangelista Ernesto Ferreira de Souza, End.: Estrada de São Miguel, 119.

  • 15/10/1978 Cultos R. Caquito, 222.

  • 2007 Organizou 12 igrejas, 75 anos.

  • 3 Frentes missionárias

  • Presidente:

Pr. Hélio Schwartz Lima

Música:

Úrgel Rusi Lota

Visitação:

Antônio da Lapa dos Santos

Educação Religiosa:

Elana Costa Ramiro

Pq. Gp, Jov. e Ado: Pr. Eliezer Victor P. Ramos

  • 30/10/2011 - 1802 membros

CONCLUSÃO

  • 1871 1882

1 Missionário Richard Raticliff 1ª IB Santa

Bárbara d’Oeste

Pregação em Inglês

1 Igreja Casal Bagby, Casal Taylor e Pr. AT Albuquerque

1ª IB Salvador

1896

8 Igrejas

2 Pastores Batistas 312 membros nas igrejas

Batistas

2010

7800 Igrejas 9000 Pastores

1.360.000

membros Batistas

do Brasil

  • Temos de participar da expansão do reino de Deus: testemunhando,

pregando,

...

, e enviando missionários onde a Igreja não está

presente.

  • DEIXO ALGUMAS PERGUNTAS:

  • O que você tem feito para O Reino de Deus?

    • Qual a sua causa Transcendente?

    • Como você será lembrado após sua morte.

CONCLUSÃO 1871 1882 1 Missionário Richard Raticliff 1ª IB Santa Bárbara d’Oeste Pregação em Inglês 1

19

REFLEXÃO

  • Esses homens e mulheres deixaram seus nomes escritos na história da expansão do Evangelho.

  • Meu desafio para nossas vidas é:

    • O que você tem feito para O Reino de Deus?

      • Qual a sua causa Transcendente?

      • Como você será lembrado após sua morte.

 Toda a Bíblia em um ano: Mateus a Filipenses; Dusilek, Darci; 8ª Ed. Rio de
  • Toda a Bíblia em um ano: Mateus a Filipenses; Dusilek, Darci; 8ª Ed. Rio de Janeiro; Ed. Horizonal,
    2009

  • Manual Bíblico SBB; trad. Noronha, Lailah; São Paulo; Ed. Sociedade Bíblica do Brasil; 2008

  • Textos Bíblicos extraídos: Bíblia Sagrada Nova Versão Internacional; São Paulo; Ed. Vida; 2001

  • MacDonald, Willian, Comentário Bíblico Popular, São Paulo, Ed. Mundo Cristão, 1ª edição, 2008

  • BRUCCE, F. F. Comentário Bíblico NVI. São Paulo, Ed. Vida, 1ª edição, 2008

  • http://solascripturatt.cjb.net/ EclesiologiaEBatistas

  • Igreja Batista do Morumbi: Visão Panorâmica dos Evangelhos 2003

  • BARBOSA, CAS. AMARAL, OA. Livro de Ouro da CBB Epopéia da Fé, lutas e vitórias. Rio de Janeiro, JUERP, 2007.

  • http:/leiturasdahistoria.uol.com.br/eslh/edicoes/49/artigo255398-4.asp

  • http:/pt.wikipedia.org/wiki/igreja_batista

  • http:/pt.wikipedia.org/wiki/anabatista

  • http:/pt.wikipedia.org/wiki/Conven%C3%A3o_Batista_Brasileira

  • http://www.batistas.com/index.php?option=com_content&view=article&id=19&Itemid=12

...

e serão minhas testemunhas em

Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria,

e até os confins da terra”. at 1.8

“ ... e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até
“ ... e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até
“ ... e serão minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria, e até

22