Sie sind auf Seite 1von 16

Índice

• Leopardo pág. 2
• O seu habitat pág. 3
• Reprodução pág. 4
• Espécie de leopardos em Ásia pág. 5
• O leopardo da Europa pág. 6
• Os leopardos de África pág. 7
• Leopardo – de – amur pág. 8
• Hábitos pág. 9
• Biologia pág. 10
• Status de coversação pág. 11
• Coriosidade pág. 12
• Conclusão pág. 13
• Bibliografia pág.14
Introdução
• Este trabalho foi feito no âmbito da
disciplina de C.N.T e com este trabalho
vou aprende mais sobre o trabalho de o
leopardo.
O leopardo
O Leopardo é, com o leão, o tigre e o
jaguar, um dos quatro "grandes gatos" do
género Pantera. Medem de 1 a quase 2 m
de comprimento, e pesam entre 30 e 70 kg.
As fêmeas têm cerca de dois terços do
tamanho do macho. De menor porte do que
o jaguar, o leopardo não é menos feroz.
Habita a África e Ásia. Possui várias
subespécies, algumas criticamente
ameaçadas, como o leopardo – de - amur,
o leopardo – da - barbária e o leopardo –
da - arábia. O leopardo - nebuloso e o
leopardo – das - neves pertencem a
espécies e géneros separados.
O seu habitat

O leopardo habita fundamentalmente em florestas tropicais e


húmidas em África e na Ásia, com especial incidência na Índia.
No entanto, também pode ser encontrado em zonas desses
continentes com outros tipos de vegetação. A sua grande
capacidade de adaptação permite-lhe ainda viver em territórios
tão inóspitos como as montanhas do Afeganistão, as terras
semi-desérticas do Médio Oriente, ou na savana africana.
Reprodução
Quando chega a época da reprodução, os machos e as fêmeas fazem
longas caminhadas, até encontrarem um parceiro disponível. Logo que é
consumado o acto, afastam-se um do outro, ficando a fêmea com o ónus de
alimentar as crias, até que estas estejam em condições de caçar e
sobreviver sozinhas. A gestação de uma fêmea de leopardo dura cerca de
100 dias, e as ninhadas são constituídas, em média, por quatro filhotes.
Espécie de leopardos em Ásia
Leopardo – de - amur
Leopardo – persa
Leopardo – do – norte – da - china
Leopardo – da - anatólia
Leopardo – árabe
Leopardo – indiano
Leopardo – do – ceilão
Leopardo – da – indochina
Leopardo – de - java
Leopardo de bornéu
O leopardo da Europa
Leopardo – do - cáucaso
Os leopardos de África
Leopardo – africano
Leopardo – do – atlas
Leopardo – do – sinai
Leopardo – de – zanzibar
Leopardo – de – amur
Classificação Cientifica
• Reino: Animalia
• Filo: Chordata
• Classe: Mammalia
• Ordem: Carnívora
• Família: Felidae
• Género: Pantera
• Espécie: P. pardus
• Subespécie: P. p. orientalis
Hábitos
Apesar de sua distribuição coincidir com a do tigre-
siberiano, sua população não é tão pesadamente
afetada tal como outros leopardos e tigres em outras
regiões. Leopardos-de-amur evitam viver ou caçar muito
próximo do território do tigre, evitando a competição
direta por presas.
Assim como todos os outros leopardos, eles são animais
solitários, com hábitos noturnos e levam suas presas
para as árvores como medida de segurança, a fim de
evitar que caia nas mãos de outros carnívoros como
ursos e tigres. Caçadores astutos e oportunistas, sua
dieta consiste de cervos roe e sika, lebres e outros
roedores locais.
Biologia
 Os leopardos – de - amur se diferenciam das demais
subespécies de leopardo devido à sua pele e pernas
mais grossas e peludas, possivelmente para sobreviver
melhor no clima frio da taiga. Ainda possuem rosetas
maiores e mais espaçadas. Durante o inverno sua
pelagem apresenta uma coloração creme pálida, porém
no verão é mais alaranjada. Durante o verão sua
pelagem tem normalmente cerca de 2,5 centímetros de
espessura, porém no inverno tem aproximadamente 7
centímetros. Os machos são aproximadamente duas
vezes maiores que as fêmeas, e pesam entre 30 e 70
quilos.
Status de conversação
 Ainda que o leopardo-de-amur habite a mesma área do
tigre siberiano, recebe muito menos atenção da parte
dos mídia e dos programas de conservação. De todos
os grandes felinos, o leopardo-de-amur é o mais raro, e
está em perigo de se extinguir da natureza. Eles sofrem
com a perda do habitat e são especialmente vulneráveis
a desastres naturais, como fogo e secas, devido a sua
distribuição fragmentada. Tal como os tigres, os
leopardos preferem viver em áreas florestadas, porém a
maior parte das florestas aonde vivem é cercada por
fazendas e vilarejos, levando a conflitos com o homem e
assim facilitando a caça. Provavelmente não mais do
que 35 destes felinos ainda sobrevivem na natureza.
Curiosidade
Um leopardo, à primeira vista, parece-se muito com uma onça - pintada.
Porém, um exame mais detalhado mostra que sua padronagem de pêlo
apresenta diferenças significativas. Enquanto a onça apresenta pintas em
forma de rosetas, os leopardos têm manchas menores, escuras de cor
sólida. Quando o leopardo é negro também se denomina "pantera". O
leopardo possui uma longa cauda, que o ajuda a manter o equilíbrio ao
subir em árvores ou ao fazer longas corridas em grandes velocidades,
diferentemente da onça que não possui uma cauda longa
Conclusão
• Com este trabalho fiquei a conhecer
algumas espécies do leopardo e os
hábitos dele.
Bibliografia
http://pt.wikipedia.org/wiki/Leopardo

Este trabalho foi realizado por Simão Brito


Turma: 5º C nº: 22