Sie sind auf Seite 1von 33

Regras de Ouro

Compromisso de Logística, Pesquisa Mineral, ITV e Valia com a Vida.

Porque a regra nº1 é viver!


Sejam bem vindos!
REGRAS DE OURO

Instruções de segurança!
REGRAS DE OURO
REGRAS DE OURO

Agenda
00:05 | Boas Vindas e fala de abertura

00:02 | Vídeo Regras de Ouro – Logística, Pesquisa Mineral, ITV e Valia

00:25 | Apresentação das Regras de Ouro

00:05 | Assinatura do Termo de Compromisso pelos participantes

00:03 | Vídeo Diretor Executivo Humberto Freitas

00:05 | Explicação sobre o desdobramento da Campanha

00:10 | Comentário geral dos participantes

00:05 | Encerramento

Tempo de duração: 1h00


REGRAS DE OURO – BOAS VINDAS

Compromisso de
Logística, Pesquisa Mineral, ITV e Valia com a Vida

A Diretoria Executiva de Logística e Pesquisa Mineral – DEHF acredita


que, colocando em prática as Regras de Ouro, podemos evitar os
principais riscos que ocasionam acidentes fatais na empresa.

“Bons indicadores de saúde e segurança são a maior


demonstração de eficiência operacional de uma empresa.
Não há uma empresa melhor em qualquer coisa, quando se
falha na segurança dos empregados, das comunidades.”

Humberto Freitas, Diretor Executivo de Logística e


Pesquisa Mineral – DEHF.
REGRAS DE OURO – BOAS VINDAS

Porque a regra
nº 1 é viver!

Apesar dos esforços, registramos em 2012 um aumento no


número de acidentes fatais.

É essencial colocar em primeiro lugar a saúde e a segurança


das pessoas que trabalham nas áreas de nossa empresa.

Assim, conseguiremos unir esforços para atingir a excelência


na execução de nossas atividades.
REGRAS DE OURO – BOAS VINDAS

Estratégia em Saúde e Segurança na Vale

Zerar o número de acidentes e doenças na Vale

Mudança da Cultura em Saúde e Segurança

Prevenção, Disciplina Operacional,


Compromisso e Ownership & Accountability, Promoção do
Envolvimento da Conhecimento, Melhoria Contínua
FOCOS

Liderança
Amplitude:
Desenvolvimento das Empregados e Contratados, Ciclo de Vida
Pessoas dos Empreendimentos, Todas as Partes
Interessadas, Toda a Cadeia de Valor

A implementação das Regras de Ouro na DEHF é um passo na direção da estratégia em saúde e segurança na Vale.
REGRAS DE OURO – VÍDEO
REGRAS DE OURO

O que são as
Regras de Ouro?
Regras de Ouro são uma lista de dez comportamentos
simples, tangíveis e que têm como objetivo suportar o
principal valor da Vale, que é “A Vida em Primeiro Lugar”.

Elas foram estabelecidas visando refletir o Valor da Vale “A Vida em


Primeiro Lugar” e assim salvar vidas. Estas regras não substituem
os demais requisitos de Saúde & Segurança, mas representam
os princípios invioláveis a serem aplicados nas áreas de Logística,
Pesquisa Mineral, ITV e Valia para todos os empregados próprios e
terceiros.
E quais são as
Regras de Ouro?
Carlos Quartieri
REGRAS DE OURO
Departamento de Operações Logísticas EFVM - DIVM

1. Elaborar análise de risco e obter as permissões de


trabalho quando necessárias.
Todos devem agir sempre com foco na prevenção de acidentes.

Antes de iniciar qualquer atividade, identifique e analise as situações de risco, causas,


consequências e medidas de controle. Cumpra as medidas de prevenção e proteção
identificadas. Em nossas atividades de logística, exploração e pesquisa mineral, antes de
iniciar qualquer projeto, elabore uma Análise Preliminar de Riscos.

Um plano de atendimento a emergências também deve ser elaborado e implementado,


contemplando todos os cenários acidentais levantados na APR, considerando o histórico de
acidentes, recursos humanos e materiais necessários.

Na dúvida, peça ajuda e não se exponha ao risco! Conversar com seu líder sobre esse
assunto também é parte do trabalho. Assim, pode-se chegar a um melhor entendimento
sobre como tratar os riscos observados e realizar a atividade necessária de forma segura.
Cristiano Cobo
REGRAS DE OURO
Departamento de Operações Portos Sul Sudeste - DIOP

2. Fazer, testar e não violar os bloqueios de máquinas


e equipamentos.
Sempre que for realizar a manutenção em máquinas, equipamentos, instalações, painéis
elétricos ou outros, identifique e bloqueie todas as fontes de energia (elétrica, hidráulica,
mecânica, pneumática, etc).

Bloqueio é individual. Não pegue “carona” no bloqueio do colega. Em seguida, teste se o


bloqueio está funcionando. Com isso, você estará ajudando a evitar situações de risco.

Uma vez bloqueadas, as máquinas e equipamentos não podem ser acionados ou utilizados,
a não ser que sejam antes liberados por todas as pessoas que o bloquearam.
Cláudio Mendes
REGRAS DE OURO
Departamento de Operações Portos Norte - DIPN

3. Não acessar áreas operacionais ou executar


atividades sem fazer uso correto dos EPIs e EPC
obrigatórios.

Para cada situação ou ambiente de trabalho há equipamentos de proteção apropriados. Eles


bloqueiam ou minimizam condições de risco e sua utilização é obrigatória.

Você deve conhecer os equipamentos de proteção individual (EPIs) e de proteção coletiva


(EPCs) e utilizá-los de forma adequada.

Jamais improvise um equipamento de proteção!


Roberto Di Biase
REGRAS DE OURO
Departamento de Engenharia e Desenvolvimento - DIID

4. Não realizar atividades sem estar habilitado,


treinado, autorizado e apto pelo exame de saúde.

Realize somente trabalhos para os quais você foi treinado, habilitado e está autorizado pelo
seu líder imediato.

Também é necessário portar o passaporte de S&S ou cartão de identificação com a


habilitação e exames válidos, sempre que requerido pela atividade.

Tarefa realizada de improviso, sem a certificação formal de todas as condições necessárias


ao executor da atividade, é considerada comportamento altamente negligente e inseguro.
Luiz Fernando Landeiro
REGRAS DE OURO
Departamento de Operações de Logística Norte - DILN

5. Não trabalhar sob efeito de álcool e outras drogas.


Trabalhar sob efeito de álcool e outras drogas coloca em risco a saúde e a vida não só do
usuário, mas também de todos que estão ao redor.

Por isso, qualquer empregado que, nas áreas da Vale, se encontrar sob efeito de substância
capaz de interferir no seu autocontrole, deve ser retirado da frente de trabalho.

Lidamos com operações de alta complexidade e risco. O domínio absoluto da consciência é


primordial para um ambiente de trabalho seguro e saudável.

Em nossos alojamentos e acampamentos não é permitido o consumo de bebidas alcoólicas e


drogas, mesmo em período de descanso.
Giuliano Santos
REGRAS DE OURO
Departamento de Implantação de Projetos Correntes Logística - DILO

6. Não acessar área isolada e sinalizada onde ocorre a


movimentação de cargas e equipamentos sem a devida
autorização.

Respeite todo o isolamento e a sinalização de área. Nunca passe embaixo de cargas


suspensas e oriente seus colegas para que não o façam.

Caso você identifique alguma área com carga suspensa sem isolamento e sinalização,
comunique imediatamente o responsável pela atividade.
Renato Botelho
REGRAS DE OURO
Departamento de Operações Portuárias e Terminais - DIPG

7. Não realizar trabalhos em altura sem a utilização de


cinto de segurança devidamente fixado.

É obrigatória a utilização do cinto de segurança em atividades igual ou acima de 1,80m de


altura do piso, nas quais haja risco de queda do trabalhador.

O cinto deve estar fixado a uma linha de vida ou dispositivo que possa suportar a queda.
Mesmo que a atividade pareça simples, rápida ou rotineira exija o uso do cinto de segurança
devidamente fixado.
Rodrigo Ruggiero
REGRAS DE OURO
Departamento de Operação Ferroviária de Carga Geral - DIAG

8. Não utilizar equipamentos, componentes e


ferramentas defeituosas ou improvisadas.

Respeite a funcionalidade de cada ferramenta, equipamento ou componente. Utilizar objetos


não indicados ou com defeito para a realização de uma determinada atividade significa
aumentar as chances de acidentes.

Sempre que você verificar que não há o instrumento indicado ou que ele não está em
condições adequadas, pare e converse com seu líder imediato.

Só inicie ou retome a atividade quando a situação estiver regularizada.


Adilson Nico
REGRAS DE OURO
Departamento de Planejamento Logístico - DILP

9. Utilizar o cinto de segurança e respeitar os limites de


velocidade na condução de veículos automotores e
equipamentos móveis.

Conheça e respeite os limites de velocidade, tanto em áreas externas como em áreas


internas da Vale. A pressa e a falta de atenção podem ferir ou matar.

Use o cinto de segurança. Antes de iniciar o deslocamento, certifique-se também de que


todos os passageiros estejam utilizando o cinto de segurança corretamente.
Fábio Masotti
REGRAS DE OURO
Departamento de Explorações Américas - DIEA

10. Cumprir as medidas preventivas estabelecidas


pela Vale para saúde e segurança do viajante.

Sempre que for viajar para unidades da Vale em localidades externas ao seu país de origem ou para áreas
remotas, você deve procurar a área de Saúde e Segurança de sua localidade.

Com o auxílio de profissionais qualificados, serão mapeados os principais riscos à saúde e segurança do
viajante para que seja possível definir medidas de bloqueio ou minimização.

Atenção especial deve ser dada para áreas endêmicas de malária. Realize os treinamentos obrigatórios
aplicáveis.

Siga rigorosamente as orientações e se informe sobre medidas adicionais no Portal de Saúde e Segurança
junto à International SOS, um serviço de assistência médica e riscos de segurança direcionado a empresas
que têm operações em várias regiões do mundo.

IMPORTANTE: processos de auditoria e verificação dos requisitos Vale devem ser aplicados no caso de
locação de aeronaves visando assegurar a regularidade da tripulação, aeronave e empresa contratada.
REGRAS DE OURO – ASSINATURA

A Vida em 1º Lugar.
Vamos assinar esse compromisso?
Para firmar o acordo entre cada empregado, seja Vale ou de
empresa contratada a serviço da empresa, você vai receber
um termo de compromisso.

Nele, vamos encontrar as dez Regras de Ouro e, ao assiná-


lo, mostraremos que nos importamos com a segurança de
todos.

Assinar o termo de compromisso e seguir todas as


Regras de Ouro é condição para se trabalhar na Vale.
REGRAS DE OURO – ASSINATURA

Assine o seu termo de compromisso.


REGRAS DE OURO – VÍDEO

Compromisso de todos

Para reforçar o conteúdo das Regras de Ouro abordado aqui


e, salientando o comprometimento também da alta liderança,
exibiremos a mensagem do Diretor Executivo de Logística e
Pesquisa Mineral, Humberto Freitas.
REGRAS DE OURO – VÍDEO
DESDOBRAMENTO – KITS

Kit Regras de Ouro


Os kits recebidos por cada gestor e empregado servirão de suporte no
desdobramento das informações para a mudança cultural que almejamos.

Kit Empregados Kit Gestor


 Revista - entrevistas com diretores, DISI, O Gestor receberá todos itens contidos no Kit
empregados e sindicato sobre as Regras de Empregados e adicionalmente receberá um CD
Ouro; com materiais de suporte para
desdobramento:
 Termo de compromisso;
 Apresentação e guia de lançamento;
 Cartão para crachá com as Regras de Ouro;
 Vídeos de Lançamento;
 Folders explicativos sobre cada uma das dez
Regras de Ouro, a serem utilizados em cada  FAQ Regras de Ouro;
um dos DSS específicos.
 PRO Regras de Ouro.
DESDOBRAMENTO – KITS

CD

Termo compromisso
Revista

PRO
Crachá Regras de Ouro - DEHF 10 folders
DESDOBRAMENTO – PRO

PRO Regras de Ouro - DEHF


 Fontes e Elaboração das Regras de Ouro – DEHF

 Operacionalização

 As 10 Regras de Ouro – DEHF

 Conscientização e Competência (Termo de Compromisso)

 Política de Consequências

 Comitê de Avaliação de Consequências

 Período de Carência

 Indicador (% de empregados treinados nas “Regras de Ouro – DEHF”)

 Responsabilidades
Fluxo de desdobramento | Lançamento Regras de Ouro
* As datas limites sugeridas se aplicam a toda a DEHF. A estratégia pode ser adaptada conforme a realidade de cada local.

Etapa 1: Lançamento L6 – 12/12 as 14hs. L6


Diretor executivo realiza lançamento com diretores DEHF
Responsabilidade: Comunicação
L5

Etapa 2: Lançamento L4 – 16/01 as 14hs. L4


Diretores realizam o lançamento em seu departamento.
Responsabilidade: Comunicação
Gerentes de área Gerentes gerais

Etapa 3: Desdobramento – 21/01 as 14hs.


Gestores de contratos das
Gerentes Gerais desdobram para supervisão e gestores de Supervisores
empresas terceirizadas.
contrato.
Responsabilidade: Comunicação

Etapa 4: Desdobramento – até 25/01.


Supervisores repassam a informação para empregados e gestores Empregados Vale Prepostos
de contrato para prepostos..
Responsabilidade: Área Operacional e Saúde e Segurança

Etapa 5: Desdobramento – até 01/02.


Prepostos repassam a informação para empregados das
Empregados terceirizados
empresas terceirizadas..
Responsabilidade: Área Operacional e Saúde e Segurança

Etapa 6: Desdobramento – até 28/02.


Supervisores e prepostos realizam os 10 DSS especiais das
Empregados Empregados terceirizados
Regras de Ouro.
Responsabilidade: Área Operacional e Saúde e Segurança
DESDOBRAMENTO – DSS

DSS Especiais

Após o lançamento das Regras de Ouro junto às equipes, cada supervisor


deverá organizar 10 DSS especiais, até a data limite definida para toda a
DEHF: 28/02/2013.

Em cada um deles, o supervisor deverá abordar uma das Regras de Ouro,


conversando com a equipe sobre aquela situação específica, e entregar o
folder correspondente à regra trabalhada no DSS.
DESDOBRAMENTO – DÚVIDAS

Dúvidas?

Em caso de dúvidas, as áreas de Saúde e Segurança e Comunicação,


encontram-se a disposição.
AGRADECIMENTOS

MUITO OBRIGADO!!!
 Marcos Penedo / Carlos Damico / Romário Galter (DIPD);

 Carlos Eduardo Woelffel / Dalmiro Samaniego / Fernando Sena (DIOL);

 Luiz Baginski / Emerson Chiarini / Kassieli Valdati (DIPM);

 Marcelo Augusto Ferreira / Vitor Bevilacqua / Mariana Fontes (DILG);

 Jorge Monteiro / Gislaine Garcia / Juan Gurdiel (DIOP);

 Francisco Fontes / Edinardo Nascimento (DILN);

 Alaimar Fiuza / Fabio Bastos (DIVM);

 Valério Gomes (DIPN);

 Eduardo Motta (DILO);

 Felipe Dutra (ITV) / Nelson Mello (Valia);

 Cassia Cinque / Ana Gontijo / Karla Melo (Comunicação);

 Anderson Abreu / Glaucio Mendonça (DISI).