Sie sind auf Seite 1von 19

CAPÍTULO 12 Gênero, sexo e sexualidade

Biologia

Sistema
genital

Prof. Eduardo
Sexualidade
 SEXUALIDADE

 Sexo biológico: macho/ fêmea/ hermafrodita

Gênero: valores, comportamentos e papéis associados aos dois sexos (profissões,


atividades domésticas, linguajar, roupas, preferências, desejos)

 Identidade de gênero: masculino/ feminino/ não binário (neutralidade, ambiguidade)

 Orientação sexual: desejos afetivos e sexuais


- Sexo oposto: HETEROSSEXUALIDADE
- Mesmo sexo: HOMOSSEXUALIDADE
- Dois sexos: BISSEXUALIDADE
Sistema genital masculino
Bolsa escrotal (Escroto): Armazena
e protege os testículos (gônadas
masculinas)
 Possui músculo (cremáster)
que controla a temperatura
dos testículos
 ↑ Temperatura: bolsa distende
(diminui a temperatura
interna)
 ↓ Temperatura: bolsa contrai
(aumenta a temperatura
interna)

Testículos (gônadas masculina) – 1


par
 Produz os gametas
masculinos (espermatozoides)
 Produz o hormônio sexual
masculino (testosterona)
Sistema genital masculino

Epidídimos: túbulos enovelados


onde os espermatozoides
completam a maturação.

Ductos deferentes: Recebem os


espermatozoides do epidídimo e
os transferem para os ductos
ejaculatórios, que desembocam
na uretra.

Glândula Seminal ou vesiculosa:


Produz o líquido seminal, que
contém substâncias nutritivas,
principalmente frutose, que irá
nutrir o espermatozoide fora do
organismo masculino.
Sistema genital masculino

Próstata: Produz a secreção


prostática (alcalina) que reduz a
acidez da vagina, favorecendo a
sobrevivência dos
espermatozoides naquele
ambiente.

Esperma: espermatozoides +
secreção seminal + secreção
prostática (3 – 5 mL/ 200 – 400
milhões de espermatozoides)

Glândula Bulbouretral: Produz uma


secreção que lubrifica o canal da
uretra e facilita a motilidade dos
espermatozoides.
Sistema genital masculino

Uretra: Canal que comunica o


sistema excretor (micção) e o
sistema reprodutor (ejaculação)
com o meio externo.

Pênis
 Tecidos cavernoso se enchem
de sangue e promovem a
ereção do pênis.
 Glande: Região do pênis que
possui grande sensibilidade à
estimulação sexual
Sistema genital masculino

Pênis
 Prepúcio: Pele que reveste e protege a glande

Cirurgia de fimose
Sistema genital masculino
Sistema genital masculino
Sistema genital feminino

PUDENDO FEMININO: genitália externa

Lábios maiores: dobras grossas de pele e tecido adiposo;


Lábios menores: dobras mais delicadas de pele;
Clitóris: tem a mesma origem embrionária da glande e
possui tecido erétil, que fica intumescido em resposta
a excitação sexual;
Uretra: não faz parte do sistema reprodutor feminino,
responsável pela eliminação da urina;
Orifício vaginal: canal que comunica o pudendo com o
útero; entrada do sistema reprodutor; canal do fluxo
menstrual e nascimento do bebê; com estímulo sexual,
algumas glândulas secretam um líquido lubrificante, e
a parede da vagina se dilata para acomodar o pênis;
Hímen: membrana que protege a entrada da vagina.
Sistema genital feminino
Útero: Órgão muscular oco
o Expande-se durante a gravidez
o Miométrio (tecido muscular), Endométrio (mucosa que reveste o útero)
Endométrio
Miométrio

Ovário
Tubas uterinas

Útero

Colo do Útero
Canal da vagina
Hímen
Endométrio Colo do útero
Local onde ocorre a nidação (cérvix) – Porção estreita do útero
(fixação do embrião) Local típico de ação do vírus HPV
Sistema genital feminino
Tuba uterina: (Trompa de Falópio) – Comunica as gônadas femininas (ovários) ao útero.
o Local onde ocorre a fecundação: Terço distal da tuba uterina
o A tuba uterina possui ciliatura que auxilia a locomoção do embrião até o útero

Terço médio
Terço proximal

Fecundação

Terço distal
Sistema genital feminino
Ovários: Gônadas femininas
o Produz óvulos (ovócito II)
o Produz os hormônios estrógeno e progesterona.

Endométrio
Miométrio

Ovário
Tubas uterinas

Útero

Colo do Útero
Canal da vagina
Hímen
Sistema genital feminino
Sistema genital feminino
Sistema genital feminino
Ciclo menstrual

Ciclo ovariano mensal

• Idade reprodutiva da mulher: 12 – 50 anos;


• Mensalmente por uma variação hormonal que
resulta na ovulação (liberação do ovócito para o
interior da tuba uterina) e preparação do útero
para uma possível gravidez;
• Ciclo menstrual: duração média de 28 dias (20 –
40 dias);
• Considera-se o início do ciclo o 1º dia da
menstruação;
• Ovulação ocorre no 14º dia do ciclo menstrual;
• O ovócito liberado pode sobreviver por 48 horas;
• Se a mulher não engravidar, a menstruação
seguinte ocorre por volta do 28º dia, iniciando um
novo ciclo.
Ciclo menstrual
• O ciclo ocorre como consequência da variação
da concentração dos hormônios FSH, LH,
estrógeno e progesterona;

• Aumento do FSH (hormônio estimulador do

folículo) → desenvolvimento do folículo

ovariano (ovócito envolvido por camadas de

células) → produzir estrógeno;


• O estrógeno, ao atingir determinado nível, induz

a produção de LH (hormônio luteinizante) e

FSH → Ovulação (um ovócito é liberado por


ciclo menstrual);
Ciclo menstrual

• O restante do folículo → Corpo amarelo

(lúteo) → produz estrógeno e grandes


quantidades de progesterona;
• Esses hormônios estimulam o desenvolvimento
do endométrio;
• Não ocorre fecundação → cai o nível de LH →
corpo amarelo degenera → cessa a produção
de estrógeno e progesterona →

descamação do endométrio
(Menstruação).