Sie sind auf Seite 1von 73

Experiência Profissional

 Sócio diretor da Nunes – Eventos e Projetos, empresa especializada em


prospecção de editais, captação de recursos, elaboração e gerenciamento
de projetos;
 Consultoria e assessoria na implementação do Planejamento Estratégico e
alinhamento dos projetos de várias Prefeituras Municipais: Ourinhos, São João da
Boa Vista, Catanduva, Agudos, Assis; Sorocaba;

 Elaboração, gerenciamento e captação de recursos para projetos viabilizados através


de leis de Incentivo Fiscal (Lei de inovação Tecnológica, Lei do Bem, ICT, Lei de
incentivo ao Esporte) e subvenção econômica (BNDES, FINEP, Desenvolve São
Paulo);

 Especialista em projetos através de Convênios com o Governo Estadual e Federal


(SICONV);

Experiência Internacional
Jogos Olímpicos – China/2008
Jogos Olímpicos – Grécia/2004
Jogos Olímpicos – Austrália/2000
Bibliografia
Carvalho, Marly M. e Rabechini Jr.,
Roque. Fundamentos em Gestão de
Projetos: construindo competências
para Gerenciar Projetos. 3Ed. São
Paulo: Atlas, 2011.

Xavier, Carlos M. da Silva.


Gerenciamento de Projetos: como
definir e controlar o escopo do projeto.
São Paulo: Saraiva, 2005.
PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE. Um
Guia do Conhecimento em
Gerenciamento de Projetos (Guia
PMBOK). 4ª ed. Newtown Square [EUA]:
PMI Books, 2008. 485 p
A História do Gerenciamento de Projetos
 A Gerência de Projeto surgiu como uma disciplina nos
Estados Unidos. Seu percussor foi Henry Gantt, especialista
em técnicas de planejamento e controle, que utilizou o
gráfico de ‘barra’ como uma ferramenta de gerência do
projeto, associado às teorias de Frederick Winslow Taylor
da administração científica.

 Foi na década de 50 que teve início a era moderna da


gerência de projeto.
 Em 1969, o Project Management Institute (PMI) iniciou o
desenvolvimento de um guia de gerenciamento para servir
aos interesses das mais diversas empresas, da indústria de
software à de construção.

 Em 1981, os diretores do PMI autorizaram o


desenvolvimento de um guia de projetos, o Project
Management Body of Knowledge, contendo os padrões e as
linhas mestras das práticas que passaram a ser amplamente
utilizadas.

 Atualmente, um dos pré-requisitos essenciais para qualquer


profissional é saber GERENCIAR PROJETOS.
O que é o PMI?
PMI – Project Management Institute
• Entidade de âmbito mundial com a responsabilidade pelo
desenvolvimento de competências nos gerentes de
projetos e do processo de certificação.
• Fundado em 1969 por cinco voluntários na Filadélfia,
Pensilvânia-EUA
• Estabelece padrões e práticas
– promove a certificação PMP
– primeiro programa de certificação
a obter o ISO 9001
• Reconhecido como líder no âmbito
do gerenciamento de projetos
Referência mundial na
Gestão de Projetos
 PMI – Project Management Institute
 545.015 - Profissionais Certificados PMP em 170
países
 21.915 – Profissionais Certificados CAPM
 230 Chapters no mundo – 14 no Brasil – SP, RJ,
MG, DF, PR, RGS, BA, PE, AM, SC (ES, MA, GO,
CE)
Referência mundial na
Gestão de Projetos
 PMI – Project Management Institute no
Brasil
 Membros Associados – 8.624
 Profissionais Certificados PMP – 8.624
 Profissionais Certificados CAPM - 86
Referência mundial na
Gestão de Projetos
 PMBOK ® - The Project Management Body of Knowledge
 aponta as diretrizes para a condução de projetos bem
sucedidos;
 Cópias em circulação – 3.756.649
O Guia PMBOK

 O Guia PMBOK® também fornece e promove


um vocabulário comum;
 Uma referência básica, esse padrão não é
abrangente nem completo;
 Estabelece diretrizes para processos,
ferramentas e técnicas de gerenciamento de
projetos;
 Descreve os 49 processos, técnicas e
ferramentas;
 10 Áreas de conhecimento
Visão Geral
Escopo Cronograma Custo

Qualidade Recursos Comunicação

Partes
Riscos Aquisição
Interessadas

Integração

Áreas de Conhecimento da Gestão de Projetos


O que são
Projetos?

Um projeto é um esforço temporário


empreendido para criar um produto, serviço
ou resultado exclusivo. A sua natureza
temporária indica um início e um término
definidos.
(Guia PMBOK®, 2017)
O que é um Projeto?
 De acordo com a norma ISO 10.006 (Diretrizes para a qualidade de
gerenciamento de projetos), projeto é “um processo único,
consistindo de um grupo de atividades coordenadas e controladas
com datas para início e término, empreendido para alcance de um
objetivo conforme requisitos específicos, incluindo limitações de
tempo, custo e recursos”.
Características importantes
dos projetos:

Estão Geram Produto, Têm


sujeitos a Serviço ou elaboração
tempo Resultado Único progressiva
(em ondas
sucessivas)
Características dos projetos
Temporariedade significa que todo projeto apresenta um início
e um fim definidos, ou seja, é um evento com duração finita,
determinada em seu objetivo.

Individualidade do produto ou serviço produzido pelo projeto,


conforme o guia de conhecimento de gerenciamento de
projetos PMI, significa realizar algo eu não tinha sido realizado
antes.
Características dos projetos
 Temporário

 Exclusivo

 Progressivamente elaborados
as características peculiares que
o distinguem devem ser
progressivamente elaboradas.
 progressivamente significa “proceder
por etapas; continuar de forma
determinada, por incrementos” enquanto
elaboradas significa “trabalhadas com
cuidado e detalhe; desenvolvidas por completo”
Características dos projetos
 Empreendimento não repetitivo

 Sequência clara e lógica de eventos

 Início, meio e fim

 Objetivo claro e definido

 Conduzido por pessoas

 Projetos utilizam recursos

 Parâmetros predefinidos
Exemplos de projetos
 Instalação de uma nova planta industrial;

 Redação de um livro;

 Reestruturação de um determinado setor ou departamento da


empresa;

 Elaboração de um plano de marketing e publicidade;

 Informatização de um determinado setor da empresa;

 Construção de uma casa;

 Realização de uma viagem


Projetos

 12 trilhões de dólares estão hoje empregados em


projetos. Isso significa cerca de 25% da economia
mundial, com mais de 20 milhões de profissionais em
atividades de projetos.
Fonte: Economist Intelligence Unit
 Não existe perfeição. Um projeto bem gerenciado não
significa um projeto perfeito. Erros e problemas irão
certamente acontecer. Apenas se espera que sejam
minimizados
 Gerenciar projetos é aplicar conhecimentos e técnicas
adequadas para que um projeto tenha mais chances de
sucesso. É claro que você é quem decide se vai
gerenciar ou simplesmente “tocar” o projeto.
O que é gerenciamento de
projetos?

O gerenciamento de projetos é a aplicação


de conhecimento, habilidades,
ferramentas e técnicas às atividades do
projeto a fim de atender aos seus
requisitos.
Gerenciamento de projetos

Realizado através da aplicação e integração


apropriadas de 10 áreas de conhecimento e 47
processos agrupados logicamente abrangendo os 5
grupos de processos. Os 5 grupos de processos são:
 Iniciação;
 Planejamento;
 Execução;
 Monitoramento e controle e
 Encerramento.
(Guia PMBOK®, 2013)
Por que os projetos
fracassam?
 Metas e objetivos mal estabelecidos
 Muitas atividades e pouco tempo para realizá-las
 Informações insuficientes ou inadequadas
 Planejamento insuficiente
 Os produtos finais não estavam bem definidos
 Cronogramas não realistas
 Padrões de trabalho não foram estabelecidos
 Expectativas não alinhadas com a realidade
 Má relação com os stakeholders do projeto
 Falta de participação da equipe na tomada de
decisões
Por que os projetos
fracassam?
 Pouca compreensão da complexidade do projeto;
 As estimativas financeiras são pobres e incompletas;
 O sistema de controle é inadequado;
 O projeto não teve um gerente de projeto, ou teve
vários;
 Treinamento e capacitação inadequados;
 O projeto baseado no feeling dos envolvidos
 Falta de liderança do gerente de projetos;
 Falta de gerenciamento das mudanças;
 Não gerenciamento das expectativas dos
stakeholders;
Projetos e planejamento
estratégico

 Os projetos são frequentemente


utilizados como um meio de direta ou
indiretamente alcançar os objetivos do
plano estratégico de uma organização.
Projetos e planejamento estratégico

 Demanda de mercado (p.ex., uma companhia automobilística


autoriza um projeto para a fabricação de carros
energeticamente eficientes em resposta à escassez de
gasolina);
 Oportunidade/necessidade estratégica de negócios (p.ex.,
uma empresa de treinamento autoriza um projeto para criar
um novo curso para aumentar sua receita);
 Necessidade de natureza social (p.ex., uma organização não
governamental de um país em desenvolvimento autoriza um
projeto para fornecer sistemas de água potável, latrinas e
educação sanitária às comunidades vítimas de altos índices de
doenças contagiosas);
 Consideração ambiental (p.ex., uma companhia de serviços
públicos autoriza um projeto para criar um novo serviço de
compartilhamento de carros elétricos para reduzir a poluição);
Projetos e planejamento estratégico

 Solicitação de cliente (p.ex., uma companhia de


energia elétrica autoriza um projeto de construção
de uma nova subestação para atender a um novo
parque industrial);
 Avanço tecnológico (p.ex., uma empresa de
produtos eletrônicos autoriza um novo projeto para
desenvolver um laptop mais veloz, mais barato e
menor em decorrência dos avanços em memória
computacional e tecnologia eletrônica); e
 Requisito legal (p.ex., um fabricante de produtos
químicos autoriza um projeto para estabelecer
diretrizes para o manuseio correto de um novo
material tóxico).
Programas, Portfólios e
Projetos
 Gerenciamento de programas
 Um programa é definido como um grupo de projetos
relacionados, gerenciados de modo coordenado para
a obtenção de benefícios e controle que não
estariam disponíveis se eles fossem gerenciados
individualmente.
 Gerenciamento de portfólios
 Um portfólio refere-se a um conjunto de projetos ou
programas e outros trabalhos, agrupados para
facilitar o gerenciamento eficaz desse trabalho a
fim de atingir os objetivos estratégicos de negócios.
 Gerenciamento de projetos
Escritório de projetos (PMO)

 Um escritório de projetos (Project Management Office, PMO) é


um corpo ou entidade organizacional à qual são atribuídas várias
responsabilidades relacionadas ao gerenciamento centralizado e
coordenado dos projetos sob seu domínio.
 As responsabilidades de um PMO podem variar desde fornecer
funções de suporte ao gerenciamento de projetos até ser
responsável pelo gerenciamento direto de um projeto.
Função do PMO
 A principal função de um PMO é dar suporte aos gerentes de
projetos de diversas maneiras, que incluem, mas não se limitam a:
 Gerenciamento de recursos compartilhados entre todos os projetos
administrados pelo PMO;
 Identificação e desenvolvimento de metodologia, melhores práticas e padrões
de gerenciamento de projetos;
 Orientação, aconselhamento, treinamento e supervisão;
 Monitoramento da conformidade com as políticas, procedimentos e modelos
padrões de gerenciamento de projetos por meio de auditorias do projeto;
 Desenvolvimento e gerenciamento de políticas, procedimentos, formulário se
outras documentações compartilhadas do projeto (ativos de processos
organizacionais)
 Coordenação das comunicações entre projetos.
Case de sucesso:

Escritório de Projetos Agência de


Desenvolvimento de São João da Boa Vista
Gerenciamento de projetos e
gerenciamento de operações

 As operações são uma função organizacional que realiza a


execução contínua de atividades que produzem o mesmo
produto ou fornecem um serviço repetitivo.
 Os projetos exigem um gerenciamento de projetos
enquanto que as operações exigem gerenciamento de
processos de negócios ou gerenciamento de operações.
 As operações são esforços permanentes que geram saídas
repetitivas, com recursos designados a realizar
basicamente o mesmo conjunto de atividades, de acordo
com os padrões institucionalizados no ciclo de vida de um
produto. Diferente da natureza contínua das operações, os
projetos são esforços temporários.
Esforço Temporário; Esforço Continuo;

Fases do Projeto; Fluxo de Processo;

Desenvolvimento e Manutenção do ciclo


implantação de projeto de processo;
especifico;

Gerenciamento do Gerenciamento de
projeto; fluxo continuo;

Base: Planejamento Base: Execução


O gerente de projetos
 O gerente de projetos é a pessoa designada pela organização
executora para atingir os objetivos do projeto (Guia PMBOK 5ª
ed.).
 O gerente de projetos é o responsável final pelo sucesso do
projeto. Ele monitora e supervisiona os resultados, além de
liderar o time principal do projeto.
 O Gerente de projetos deve, sempre que possível, ser escolhido
no início do projeto e idealmente deve estar presente até o
término dos trabalhos
 Características básicas de um gerente de projeto de sucesso:
generalista (capaz de entender o contexto), excelente
comunicador e politicamente esclarecido.
O gerente de projetos

 Quem gerencia o projeto é o gerente do projeto e


sua equipe principal. Não é um trabalho individual:
100% equipe.
 Um gerente maduro (Senior) é aquele que foi
exposto a vários tipos de projetos em várias posições
e não tem necessariamente relação com idade ou
tempo de empresa.
 Não se pode garantir que um profissional será um
grande gerente de projetos apenas porque ele já
passou por várias áreas da organização. Lembre-se
que projeto é algo sempre novo e diferente.
 Ao realizar um trabalho como gerente de projetos,
mantenha sempre a sua cabeça a seguinte frase: :
“Se fosse fácil, qualquer um faria”.
Módulo B
Ciclo de Vida e Organização do projeto.
CICLO DE VIDA E
ORGANIZAÇÃO DO PROJETO
Os projetos e seu gerenciamento são
executados em um ambiente mais amplo que o
do projeto propriamente dito. A compreensão
desse contexto mais amplo ajuda a garantir
que o trabalho seja conduzido em alinhamento
aos objetivos da empresa e gerenciado de
acordo com as metodologias e práticas
estabelecidas pela organização.
O Ciclo de vida do projeto —
Visão geral
O ciclo de vida de um projeto consiste nas fases do
mesmo que geralmente são sequenciais e que às vezes se
sobrepõem, cujo nome e número são determinados pelas
necessidades de gerenciamento e controle da(s)
organização(ões) envolvidas.
Características do ciclo de
vida do projeto
Impacto da variável com
base no tempo
Fases do projeto
Ciclo de vida e organização
do projeto
Influências organizacionais no
gerenciamento de projetos

 Culturas e estilos organizacionais


 Visões compartilhadas, valores, normas, crenças e
expectativas,
 Políticas, métodos e procedimentos;
 Visão das relações de autoridade e
 Ética do trabalho e horas de trabalho.
Influências organizacionais
nos projetos
Organização funcional
Organização Matricial Fraca
Organização matricial
balanceada
Organização matricial forte
Organização Projetizada
Organização composta
Ativos de processos
organizacionais
 Processos e procedimentos
 Base de conhecimento corporativa
Níveis de iterações
Outros Modelos

 PRINCE2
 Modelos Ágeis (Agile)
 Canvas