Sie sind auf Seite 1von 20

ERA

VARGAS
Brasil e a República
 Forças que conduziam e AINDA conduzem a política republicana
brasileira:

 Oligarquias rurais;

 Elites urbanas;

 Clientelismo;

 Nepotismo;

 Militares
Contexto histórico
 Crescimento das forças urbanas;
 Operariado;
 Chegada de imigrantes europeus e asiáticos;
 PCB
 PD/SP
Os militares sobrelevam-se
 18 do Forte de Copacabana – 5 de
julho de 1922
 Primeiro movimento Tenentista;

 Modernização do país;

 Educação secundária para todos;

 Ordem;

 Coluna Paulista/ Revolução Paulista- 05 de julho de 1922;

 Desmantela-se a Coluna;
Coluna Prestes 1925-1927

 Cleto Campelo e a movimentação em PE:

 Jaboatão, Vitória de Santo Antão,Gravatá


Quem foi Getúlio?
 Gaúcho;
 Herdeiro da política do RS;
 Antidemocrático;
 Positivista;
 Ambíguo;
 Insatisfação das elites com o poder entre são
Paulo e Minas Gerais;
 O presidente Washington Luís lançou a
candidatura de Júlio Prestes
 Formação da Aliança Liberal
 A crise de 1929 abalou a exportação de café para
os EUA
 Pretexto para tomada do poder

 Eleições 1930: Getúlio Vargas + João Pessoa (Aliança Liberal);

 Programa: incentivo ao conjunto da produção agrícola nacional, leis de proteção ao trabalhador e de incentivo à indústria, reforma política (voto secreto);

 Júlio Prestes vence as eleições;

 João Pessoa é assassinado o grupo de Vargas utiliza esse fato a seu favor colocado a culpa em seu adversário político e organiza uma ação armada
contra Washington Luís;

 Revolução de 1930.
Revolução Constitucionalista de 1932
 Eleições e constituição;

 Movimento clandestino denominado MMDC (iniciais dos nomes dos


quatro jovens mortos: Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo);

 vitória de Vargas;

 convocação de eleições para a Assembleia nacional constituinte em


1933.
A Constituição de 1934
 Voto secreto, obrigatório, direto

 Voto feminino (excluindo-se analfabetos)

 Legislação trabalhista:

 Organização sindical;

 Mandato presidencial de 4 anos

1º presidente eleito indiretamente: Getúlio Vargas



A polaridade política
AIB (Ação Integralista Brasileira):
- Grupo fascista – Nacionalistas, achavam que a democracia era um regime incapaz de tirar o
Brasil da crise, eram anticomunistas;
- Plínio Salgado (líder)
-Lema: “Deus, Pátria e Família”
-Saudação: ANAUÊ
AIB- Ação Integralista Brasileira
ANL - Ação Nacional Libertadora

ANL- Ação Nacional Libertadora


- Aliança de esquerda reunindo comunistas, socialistas, democratas e simpatizantes de
esquerda em geral.
- Luís Carlos Prestes (líder).
- Defendiam o não pagamento da dívida externa, reforma agrária e nacionalização de
empresas estrangeiras e governo popular;
Carlos Lacerda

 Carlos Frederico Werneck de Lacerda - “O senhor Getúlio Vargas, senador, não


Intentona Comunista
Objetivo: Instaurar um novo governo por meio de um golpe militar
- Resultado: O movimento foi rapidamente reprimido, os líderes foram presos, a rebelião serviu de
pretexto para o governo decretar o estado de sítio.
- Luís Carlos Prestes foi condenado a prisão e sua esposa Olga Benário foi detida e deportada para a
Alemanha;
Plano Cohen
documento fraudado que revelava um novo ataque comunista ao Brasil

Aproveitando-se da Intentona Comunista, através dos meios de comunicação de massa, o governo federal mantinha o clima de medo no País, e ainda renovou o estado de sítio que dava a Vargas o poder
de governar autoritariamente

Constituição de 1937

Com o argumento de findar agitações no País, Vargas fechou o Congresso e impôs uma nova Constituição, apelidada Polaca, inspirada na fascista Carta Magna polonesa.

Foi o início da ditadura do Estado Novo.


Como combater a oposição?
Propaganda, integração nacional, culto ao líder
DASP - 1938
Departamento de Administração Serviço Público, que centralizava a administração pública
DIP - 1939
Departamento de Imprensa e Propaganda, responsável pela a divulgação de propagandas favoráveis ao Estado Novo
pelo como, por exemplo, a Hora do Brasil